sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

31 DE JANEIRO DE 2013

D I A T R I N T A E UM D E JANEIRO D E 2013 – QUINTA-FEIRA.


76 anos, 1 mês e 4 dias de idade

Início de minhas memórias – 9 de Julho de 1950

24 anos e 322 dias no Posto de Coronel – 298 meses e 19 dias.

49 anos e 147 dias da DECLARAÇÃO À ASPIRANTE A OFICIAL.

1 ano e 207 dias na Presidência da Sociedade Veteranos de 32-MMDC.

ANO 63º MÊS 7º No. 206 54 anos e 241 dias na P M E S P.

9 145 dias CORONEL 21 anos e 48 dias na reserva.

9 702-234 024 9 145-219 144 9 488-236 224.

ESCOLA DE OFICIAIS: 53 anos e 354 dias; 29 685 dias – 713 224 horas.



DIA MUNDIAL DO MÁGICO



DIA DE SÃO JOÃO BOSCO. Nasceu em 1815, em CATELNUOVO D´ASTI, na ITÁLIA. Foi o fundador das entidades: PADRES SALESIANOS e IRMÃS FILHAS DE MARIA AUXILIADORA, que se dedicam à formação dos jovens. Teve infância pobre e difícil. Sacerdote italiano tinha freqüentes sonhos de caráter sobrenatural, nos quais recebia luzes sobre o estado da alma de seus alunos e acontecimentos do futuro. Em 1841 foi ordenado sacerdote. Fundou escolas tipográficas e revistas para difundir a boa imprensa. Morreu em 1888.



277 a. morre BRUNO MAURÍCIO DE ZABALA, fundador de MONTEVIDÉU, em 31 de janeiro de 1736.

216 a. nasce FRANZ PETER SCHUBERT, em 31 de janeiro de 1797. Faleceu em 1828, com apenas 31 anos de idade.

131 a. nasce ANA PAVLOVA, bailarina russa, em 31 de janeiro de 1882.

105 a. nasce ROBERTO CHAVERO, o ATAHUALPA YUPANQUI, cantor argentino, em 31 de janeiro de 1908.

102 a. Diz um telegrama de LISBOA, de 31 de janeiro de 1911, que causou a mais profunda impressão o fato do imperador GUILHERME ter renunciado ao título de coronel de um dos regimentos do exército português, que lhe fora conferido pelo Rei MANUEL.

101 a. NOVA YORK – O presidente da República, senhor WILLIAM TAFT, prossegue sua excursão de propaganda política. Fez ontem um discurso, na Câmara de Comércio do Estado de OHIO, insistindo na necessidade de se exercer a maior vigilância contra os “trusts”. (publicado no jornal O ESTADO DE SÃO PAULO de 31 de janeiro de 1912).

96 a. cientistas alemães OTTO HAHN e LISE MEITNER descobrem o protactínio, elemento radioativo, em 31 de janeiro de 1917.

95 a. ALEMANHA realiza um ataque aéreo a PARIS, em 31 de janeiro de 1918, soltando 14 mil bombas sobre a cidade.

92 a. nasce ALFREDO COCOZZA LANZA, conhecido como MÁRIO LANZA, cantor e ator norte-americano, em 31 de janeiro de 1921.

90 a. nasce o escritor americano NORMAN MAILER, no dia 31 de janeiro de 1923. Autor do sólido romance sobre a SEGUNDA GRANDE GUERRA – OS NUS E OS MORTOS -, um pouco de jornalismo de campo – OS EXÉRCITOS DA NOITE e OF A FIRE ON THE MOON - , um brilhante exemplar da literatura americana – A CANÇÃO DO CARRASCO -, dois grandes romances bizarros, um sobre o EGITO – NOITES ANTIGAS -, o outro sobre a CIA – O FANTASMA DA PROSTITUTA -, e uma série de livros menores sobre tudo, que vai de MARILYN MONROE até grafite e LEE HARVEY OSWALD. Como os livros recentes sobre LEE HARVEY OSWALD e PICASSO, NORMAN MAILER , em THE SPOOKY ART, trata de um livro artesanal, um trabalho antiquado de composição – exceto pelo fato de que desta vez as palavras e observações são do próprio MAILER, resgatadas de velhos ensaios, entrevistas e discursos e acrescentadas a novas ruminações e apartes. Esse livro – THE SPOOKY ART – mescla discursos enfadonhos e observações iluminadas. 88 a. AJMED ZOGU é eleito presidente da República da ALBÂNIA, em 31 de janeiro de 1925.

86 a. fim do controle militar inter-aliado na ALEMANHA, no dia 31 de janeiro de 1927.

84 a. nasce JEAN SIMMONS, atriz britânica, em 31 de janeiro de 1929.

78 a. nasce KENZABURO OE, escritor japonês e Prêmio NOBEL de LITERATURA em 1994. Nasce em 31 de janeiro de 1935.

77 a. nasce o Cel. PM JUIZ UBIRAJARA ALMEIDA GASPAR em 31 de janeiro de 1936.

77 a. no dia 31 de janeiro de 1936 o estudante DAVID FRANKFURTER pegou um trem em BERNA com destino a DAVOS, nos ALPES suíços. Ninguém desconfiou que ele levava um revólver na maleta. Seu plano era matar WILHELM GUSTLÖFF, líder do Partido Nazista na SUÍÇA. Filho do rabino de DARUVAR, na atual CROÁCIA, FRANKFURTER havia começado a cursar medicina na ALEMANHA. Com a ascensão do nazismo, porém, teve de continuar seus estudos na SUÍÇA. Foi quando percebeu a ameaça que também pairava sobre os judeus desse país. E decidiu dar cabo de GUSTLÖFF com as próprias mãos. Assim, naquele 31 de janeiro ele fez o check-in num hotel em DAVOS e esperou o momento de agir. Em 4 de fevereiro, tocou a campainha da casa do chefe nazista e pediu à esposa dele uma breve audiência com o líder. Ela deixou o rapaz entrar e foi chamar o marido. “Durante alguns minutos, o garoto de 27 anos, observou os objetos nazistas que decoravam o aposento, inclusive uma foto de HITLER com dedicatória”, diz o pesquisador canadense DAVID KAWCZYK. Quando GUSTLÖFF apareceu, DAVID tirou o revólver do casaco e disparou-lhe cinco tiros contra a cabeça, o pescoço e o peito. Depois saiu calmamente, enquanto a mulher gritava ao lado do morto. Convencido de que seu ato não era um crime, DAVID se entregou à polícia e foi condenado a 18 anos de prisão. HITLER alçou WILHELM GUSTLÖFF a mártir do nazismo, batizando com seu nome o “transatlântico mais moderno do mundo”. Terminada a guerra, a SUIÇA perdoou FRANKFURTER com a condição que deixasse o país. Ele emigrou para ISRAEL, onde integrou o Ministério da Defesa. Os suíços retiraram a ordem de exílio em 1969, mas FRANKFURTER ficou em TEL AVIV, onde morreu em 1982.

75 a. constitui-se oficialmente em BURGOS o primeiro governo espanhol presidido pelo GENERAL FRANCO, que substitui a JUNTA TÉCNICA DO ESTADO, em 31 de janeiro de 1938.

69 a. da RENDIÇÃO ALEMÃ em STALINGRADO, na SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, no dia 31 de janeiro de 1944. Os norte-americanos desembarcam nas ILHAS MARSHALL, no PACÍFICO, em 31 de janeiro de 1944.

69 a. morre JEAN GIRAUDOUX, dramaturgo francês em 31 de janeiro de 1944.

64 a. PAPA PIO XII anuncia, em uma audiência pública, o descobrimento da tumba de SÃO PEDRO. Em 31 de janeiro de 1949.

63 a. presidente dos EUA, HARRY S. TRUMAN, ordena a produção no país da bomba de hidrogêneo, em 31 de janeiro de 1950.

57 a. da posse de JUSCELINO KUBITSCHEK DE OLIVEIRA, na Presidência da REPÚBLICA DOS ESTADOS UNIDOS DO BRASIL, no dia 31 de janeiro de 1956. Bons tempos aqueles, de 1956, quando TOM JOBIM e VINÍCIUS DE MORAES começaram a fazer música juntos – por exemplo, “SE TODOS FOSSEM IGUAIS A VOCÊ” – e DONDINHO, pai de PELÉ, procurava clube para seu filho de 15 anos. GUIMARÃES ROSA dava de presente ao País sua obra-prima, “GRANDE SERTÃO: VEREDAS”, mas o que o povo lia, mesmo era “O CRUZEIRO”, onde despontavam os anúncios da brilhantina GLOSTORA para os rapazes e dos maiôs CATALINA para as moças. Foi nesse BRASIL de 60 milhões de habitantes, pronto para mergulhar nos anos dourados, que o mineiro JUSCELINO KUBITSCHEK DE OLIVEIRA recebeu, aos 54 anos, a faixa presidencial do presidente NEREU RAMOS. Era uma tarde quentíssima de terça-feira, aquele 31 de janeiro, mas a rua diante do PALÁCIO TIRADENTES, no centro do RIO DE JANEIRO, estava lotada, principalmente por militantes getulistas que foram dar uma força ao novo vice, JOÃO GOULART. A cena foi rápida. Entre 2:15 e 3 horas da tarde JUSCELINO fez juramento, fez discurso, recebeu abraços e pouco depois estava no PALÁCIO DO CATETE, assumindo o poder e dando posse aos ministros. Arrancou-os todos da cama na manhã do dia seguinte para a primeira reunião ministerial, às 7 horas, em que expôs os 30 pontos de seu PLANO DE METAS, distribuiu tarefas e foi de helicóptero buscar no HOTEL COPACABANA o vice-presidente americano RICHARD NIXON, o mais ilustre convidado de sua posse, para uma visita à usina de VOLTA REDONDA. No caminho JUSCELINO conseguiu dele um empréstimo de 35 milhões de dólares para a siderurgia.

Não era entusiasmo de iniciante, era um estilo. JK passou seus 1.825 dias no poder trabalhando, viajando, rindo, gastando, inaugurando, namorando e espalhando otimismo por todos os lados.Com ele, o País mudou de assunto – para melhor – e adquiriu o hábito de olhar para a frente. A batalha barulhenta entre getulistas e antigetulistas, a golpes de “mar de lama!” e de “entreguistas!”, sumia aos poucos, no horizonte. Mas enquanto o povo se habituava a chamá-lo de presidente bossa-nova, pé de valsa, peixe vivo, ou simplesmente NONÔ, cresciam também as críticas, pela pressa desorganizada com que buscava o crescimento, pela gigantesca dívida que deixou para os sucessores, pelo descuido com a corrupção. Cinco décadas depois, muitos ainda perguntam se sua obra valeu o altíssimo déficit que ele deixou, mas todos admitem que JK foi uma figura rara, um marco na nossa história. Que o digam os 25 milhões de telespectadores da minissérie JK, da TV GLOBO, que, toda noite, nesse início de 2006, recordam os sonhos, os passos e as paixões do presidente, vivido primeiro por WÁGNER MOURA e, desde o dia 26 de janeiro por JOSÉ WILKER. Poucos, além dele, juntariam tanta gente tanto tempo depois. “Não é correto avaliar o governo JK sem considerar o contexto”, diz o historiador e ex-ministro RONALDO COSTA COUTO – cujo livro, “BRASÍLIA KUBITSCHEK DE OLIVEIRA”, serviu de referência para a minissérie. Ele lembra que a economia brasileira não era, então, muito maior que a da BOLÍVIA hoje. “Como acordar o gigante e colocá-lo para correr? Com política econômica ortodoxa e passinhos curtos? Ou tentando um atrevido choque de desenvolvimento para romper a inércia histórica?”. JUSCELINO para COSTA COUTO fez exatamente o que devia. “Mesmo a caneladas, planejando o possível e improvisando o que fosse necessário, JK e equipe sonharam e ousaram”.

56 a. do assassinato do SENADOR CÉSAR LACERDA DE VERGUEIRO, em 31 de janeiro de 1957, pelo seu sobrinho PLÍNIO GORDO DE VERGUEIRO. Nasceu em SANTOS, no dia 11 de junho de 1886. Formou-se na Faculdade de Direito da USP, em 1907, portanto, aos 21 anos de idade. Sua passagem pela vida universitária foi assinalada pela denotada dedicação à política acadêmica, na qual participava como membro ativo do tradicional XI DE AGOSTO, entidade à qual se integrou como aluno e dirigente, tendo sido seu presidente em uma das gestões da sua diretoria. CÉSAR LACERDA DE VERGUEIRO é reconhecido como um daqueles que viabilizaram o equilíbrio financeiro do Centro Acadêmico, cuja visão de futuro, como dirigente acadêmico, rende dividendos até hoje para a entidade. Todavia, a atuação de VERGUEIRO foi mais além: dedicado aos seus princípios liberais, ativo participante dos ideais do “BUCHA”, foi um dos mais entusiasmados integrantes da primeiras gestões da Associação dos Antigos Alunos, presidindo também duas de suas diretorias.

Talvez, a torpe atitude do seu tresloucado sobrinho, que, com uma arma, desejava privar da vida um ser humano, não tenha sido suficientemente forte para que essa personagem acabasse se tornando um exemplo digno de ser seguido. Tampouco, um simples projétil tenha assassinado a memória pública dos 700 mil eleitores de CÉSAR LACERDA DE VERGUEIRO – o senador mais votado do país, naquele pleito – que o escolheram para que os representasse no Congresso brasileiro, entre março de 1951 e o fatídico último dia de janeiro de 1957. O crime aconteceu nos aposentos do seu apartamento na Avenida DUQUE DE CAXIAS, no centro de SÃO PAULO. Foi seu algoz um parente muito próximo do ilustre parlamentar: o seu sobrinho, o advogado PLÍNIO GORDO DE VERGUEIRO. Íntimo do tio chegara a ser seu chefe de gabinete e administrava o 4º Cartório de Registro de Imóveis da Capital, que ostentava o nome da sua família. Comentou-se, na ocasião, que a rixa definitiva entre os componentes da família VERGUEIRO sucedeu às severas advertências feitas pelo tio – e mentor – do assassino com relação às dívidas que o sobrinho vinha acumulando, ao se envolver com jogos de azar. A bala assassina, que interrompeu uma das mais brilhantes carreiras que um político brasileiro poderia almejar, também fez desaparecer um dos mais devotados “franciscanos” a cruzar as Arcadas da Velha Academia.

56 a. do 12º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR METROPOLITANO. Foi fundado em 31 de janeiro de 1957. Em 31 de janeiro de 2007, por ocasião da comemoração dos seus cinqüenta anos, o Comandante dessa Unidade, TENENTE-CORONEL PM MONTE OLIVA, responsável também pela área onde está situado o Monumento Mausoléu, em homenagem ao JUBILEU DE DIAMANTE da Revolução Constitucionalista de 1932, planejou e executou a cerimônia de aniversário do 12 º BPMM defronte o Obelisco.

55 a. lançamento no espaço do primeiro satélite norte-americano, o EXPLORER-1, em 31 de janeiro de 1958.

52 a. da posse de JÂNIO DA SILVA QUADROS na presidência da República do BRASIL, em 31 de janeiro de 1961. Tinha como vice JOÃO GOULART. JÂNIO tomou posse sucedendo JUSCELINO KUBITSCHEK, a última transição democrática do país antes de JOÃO FIGUEIREDO passar a Presidência da República a JOSÉ SARNEY. Seu governo foi extremamente breve. Em agosto do mesmo ano, JÂNIO renunciaria antes de completar sete meses de governo. Ainda no posto, chegou a condecorar o revolucionário CHE GUEVARA com a ORDEM DO CRUZEIRO DO SUL. JÂNIO sofreu forte oposição do Congresso. Seu maior adversário foi CARLOS LACERDA, da UNIÃO DEMOCRÁTICA NACIONAL (UDN).

50 a. da posse do governador paulista ADHEMAR DE BARROS, em 31 de janeiro de 1963. ADHEMAR trabalhou para desestabilizar o governo federal e não escondia isso de ninguém. Na sessão da Câmara dos Deputados, de 29 de maio de 1963, o líder do governo em exercício, deputado BOCAYUVA CUNHA, denunciou o complô que estava sendo armado em SÃO PAULO por ADHEMAR DE BARROS, inclusive afirmando: “A realização de uma reunião na residência de um senhor de nome HUMBERTO REIS COSTA, na praça ROOSEVELT, com mais de 60 industriais paulistas, na qual ADHEMAR convocava-os a fornecerem recursos para uma “caixinha” que tinha como intuito adquirir três mil caminhões para dar ampla mobilidade a tropas do Estado de SÃO PAULO, inclusive armando-os, a fim de defender a legalidade, a ordem ameaçada em nosso País...”

46 a. do jogador de futebol MULLER. Nasceu em 31 de janeiro de 1967.

38 a. falece o diretor de cinema SAMUEL GOLDWYN, em 31 de janeiro de 1975.

37 a. falece o ALMIRANTE ÁLVARO ALBERTO DA MOTTA E SILVA (31 de janeiro de 1976). Nasceu em 22 de abril de 1889. Entrou para a Escola Naval em 1916, formando-se em Química. Chega a catedrático dessa mesma cadeira naquela escola, formando-se também em Engenharia. Ingressou na Academia Brasileira de Ciências em 17 de junho de 1921. Títulos: engenheiro, geógrafo, professor Honoris Causa da Universidade do Brasil e da Universidade Federal de MINAS GERAIS. Na Marinha do Brasil, assentou praça como aspirante à guarda-marinha em 1906. Foi transferido para a reserva como VICE-ALMIRANTE em 1955. Ingressou na Liga da Defesa Nacional, ocupando o cargo de presidente por 18 anos consecutivos, a partir de 1935. Criou o CONSELHO NACIONAL DE PESQUISAS. Foi designado pelo então presidente EURICO GASPAR DUTRA para presidir a comissão que organiza o Anteprojeto de Lei 130, de 15 de janeiro de 1951, chamada a época de Lei Áurea da Pesquisa Brasileira.

O ALMIRANTE ÁLVARO ALBERTO propôs uma legislação que protegesse as reservas nacionais de tório e urânio contra a apropriação estrangeira.

ÁLVARO ALBERTO criou o Conselho Nacional de Pesquisas – CNPQ, em 1944, e também inventou explosivos com a rupturita e a alexandrinita. Consegue fabricar dois estabilizantes que até então eram segredos exclusivos dos alemães. Desenvolveu alguns explosivos, estabilizantes e tintas antivegetativas.

Publicou três livros: Notas e Comunicações, Ciências e Tecnologia e Á Margem da Ciência. Participa da criação da Comissão de Energia Atômica. A história da energia nuclear no Brasil tem início em 1934 na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo.

Em 1944, nos Anais da Academia Brasileira de Ciências, são publicadas as primeiras pesquisas sobre teorias das forças nucleares. O ALMIRANTE ÁLVARO ALBERTO foi o representante brasileiro na Comissão de Energia Atômica da ONU de 1946 a 1953, quando os ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA evitavam qualquer cooperação nuclear com os demais países. Em 1945, o Brasil iniciava a venda de areia monazita para os ESTADOS UNIDOS, que é rica em tório. A inauguração da USINA ANGRA II é mais um resultado da política confusa nuclear brasileira que se iniciou em 1940. Confusa porque misturam-se interesses militares, políticos, empresariais e científicos de grandes potenciais.

No início da década de 1940, antes da primeira bomba atômica ser detonada, os ESTADOS UNIDOS, que faziam pesquisas na área nuclear visando objetivos militares, firma com o Brasil o primeiro programa para a prospecção de recursos minerais, chegando o Brasil a trocar, em 1954, dez mil toneladas de minerais radioativos brutos (monazita e terras raras) por 100 mil toneladas de trigo.

A grande figura do desenvolvimento nuclear brasileiro é o ALMIRANTE ÁLVARO ALBERTO DA MOTTA E SILVA. Em 1946, discorda das posições dos ESTADOS UNIDOS que desejam o monopólio da tecnologia e das matérias-primas nucleares. Defendia a idéia de que nenhuma transação comercial com minerais estratégicos deveria se realizar contra pagamento em dólares, mas sim na base de troca de tecnologia em que o BRASIL (e outros países subdesenvolvidos) forneceriam a matéria-prima desejada em troca da prioridade na instalação, em seu território, de reatores nucleares de todos os tipos. O acordo com os ESTADOS UNIDOS foi denunciado pelo Conselho de Segurança Nacional Brasileiro e as exportações diminuíram, mas alimentou o contrabando, em que a monazita era inocentemente embarcada como lastro de navio. Em 1968 o BRASIL recusa-se a assinar o Tratado de Não Proliferação de Armas Nucleares, alegando ser esse limitador da soberania nacional. As resistências de ÁLVARO ALBERTO foram insuficientes para impedir novamente a exportação da matéria-prima para os ESTADOS UNIDOS. O almirante conseguiu autorização do governo brasileiro e iniciou negociações com a ALEMANHA e a FRANÇA. Em 1975 foi assinado o acordo BRASIL-REPÚBLICA FEDERAL DA ALEMANHA, sendo transformado em parceria oficial do BRASIL, com relação a assuntos nucleares.

Outro problema na política nuclear brasileira foi a identificação quanto ao destino dos resíduos radioativos das Indústrias Nucleares do Brasil (NB) e sua subsidiária NUCLEBRÁS, que foi extinta. Em 1959 foi criado o projeto MAMBUCABA, que previa a construção de uma usina para geração de energia nuclear, onde hoje estão instaladas as usinas ANGRA 1 e 2.

O presidente EMÍLIO GARRASTAZU MÉDICI deu nome à Central Nuclear de ANGRA DOS REIS de CENTRAL NUCLEAR ALMIRANTE ÁLVARO ALBERTO, em homenagem a esse grande patriota brasileiro.

36 a. do casamento do irmão da LUCINDA, o JOSÉ, com a DORA, em 31 de janeiro de 1977.

35 a. de minha despedida do 9º BPMM, quando servia na 1ª CIA, na CASA VERDE, e do Comando de Policiamento de Área 3. Estava transferido para o COMANDO DE POLICIAMENTO DE CHOQUE, em 31 de janeiro de 1978. Relembro os apontamentos feitos naquela data: “Passagem pelo Cerealista TELES e compras do mês de fevereiro; MARIAUTO – Sr WILSON avisa-me que o VOLKS 1300L AMARELO poderá ser retirado amanhã à tarde, até às 19 horas; MAJOR CARVALHO, às 9:45 horas – detalhes sobre a passagem de Comando; prisão em flagrante de marginais na madrugada de hoje. Estão sendo autuados no 38º DP; Às 13:30 horas, Rua Sezefredo Fagundes, o CAPITÃO CYRO BATISTA está me esperando. Vamos para a 1ª CIA. Às 14 horas – PASSAGEM DE COMANDO DA PRIMEIRA COMPANHIA DO 9º BPMM, assumindo o CAPITÃO CYRO. Notícia de que o MAJOR CARVALHO será alcançado pela COTA COMPULSÓRIA em março de 1978. Ele irá recorrer; Na 1ª CIA, passo o serviço ao CAPITÃO CYRO. No 9º BPMM, o recebimento do ofício de apresentação ao CPA/M-3. No CPA, o TENENTE-CORONEL FRANCISCO ZECHMANN, MAJOR CASTRO, CAPITÃO HUGO, TENENTE GERVÁSIO, TENENTE RUI, despedem-se de mim. Em casa, o sossego”.

34 das anotações como Capitão do CPChq em 31 de janeiro de 1979: CORONEL PM RIGONATTO conversa com seus oficiais. Ele está completamente afastado de cogitações para a CASA MILITAR. O CORONEL PM JONAS FLORES RIBEIRO é o indicado. Para a Secretaria da Segurança Pública irá o desembargador OTÁVIO GONZAGA JÚNIOR.

Neste dia eu termino, talvez, minha função na Seção Operacional, em definitivo. Estou passando a função ao 1º TENENTE PM LIBÊNCIO FREIXO. Mas, para os próximos dias, deverá assumi-la um major.

Vou à Alfaiataria BRASIL. No 1º BPChq o PM AGNELLO corta-me o cabelo. Com o MAJOR PM JÓBIO MIRANDA, TENENTES PM ARNO ZAGNI, LIBÊNCIO FREIXO e FILIPE encerro o expediente e entro em gozo de trinta dias de férias.

Regressando a GUARULHOS passo pelo Cerealista TELLES, Imobiliária PROTÓTIPO e BANCO MERCANTIL.

Recebemos a visita do SARGENTO PM Ref GENARO e dona MARLENE (prima da LUCINDA). Continua o romance da herança deixada pelo avô da LUCINDA. Essa estória já completou um ano.

Assisto no JORNAL NACIONAL: apresentação do secretariado de PAULO SALIM MALUF.

O PAPA JOÃO PAULO II deixa o MÉXICO.

Continuo lendo o romance A LETRA ESCARLATE.

33 a. rainha JULIANA, da HOLANDA, abdica da coroa em favor de sua filha BEATRIZ, em 31 de janeiro de 1980.

29 a. morre RICARDO GARCÍA LÓPEZ, o “KITO”, humorista e jornalista espanhol, em 31 de janeiro de 1984.

28 a. da morte da radialista MÍRIAM LANE, em 31 de janeiro de 1985.

28 a. da passagem para a reserva do Coronel PM PLÍNIO ANGANUZZI, no dia 31 de janeiro de 1985.

27 a. da assunção do cargo de secretário da Segurança Pública por parte de MICHEL TEMER, em 31 de janeiro de 1986. Ficaria no cargo até 17 de fevereiro de 1986. No dia 8 de outubro de 1992, por causa do MASSACRE NA CASA DE DETENÇÃO, MICHEL TEMER reassumiu o cargo de SSP. Em fins de 1993, foi ser Chefe de Gabinete do GOVERNO FLEURY. Como deputado federal, chegou a ocupar a presidência da Câmara Federal. É vice-presidente do BRASIL com a ascensão de DILMA ROUSSEFF à presidência.

26 a. morre YVES ALLEGRET, diretor francês de cinema, em 31 de janeiro de 1987.

26 a. das anotações de 31 de janeiro de 1987: levanto tarde neste sábado. É o primeiro fim de semana que passo sem ter a obrigação de estudar para os vestibulares ao CSP 87. Feitos esses exames em 26 (de forma dramática) e 27. Ainda não sabemos os resultados. Ontem conversei com o TENENTE-CORONEL PM NEY e a promessa de divulgação dos aprovados ficou para 3 de fevereiro (terça-feira).

Assim tranqüilo com os estudos posso descansar bem. A única preocupação: estou com uma “janela” na boca. Caiu, ontem à noite, um pivô da arcada dentária superior. Isso incomoda.

À tarde, visitamos a DORA. Ela está completando onze anos de seu casamento com o JOSÉ. Ela, dona ESMERALDA, Sr ANTÔNIO vêem as fotos tiradas no dia de meu casamento com a LUCINDA.

Nesta data, em 1978, há nove anos atrás, deixava o 9º BPMM como CAPITÃO, transferido que fui, naquela época, para o CPChq. Despedia-me da 1ª CIA (CASA VERDE) passando o comando ao CAPITÃO PM CYRO BATISTA (já na reserva).

O presidente JOSÉ SARNEY faz um pronunciamento em cadeia nacional de rádio e TV, por um espaço de treze minutos. Defendeu o funcionamento simultâneo do Congresso Nacional e do Congresso Constituinte. Defendeu também a continuidade dos entendimentos entre empresários e trabalhadores, em busca de um pacto social.

ISRAEL vendeu caças “KFIR” à COLÔMBIA.

O presidente do PARAGUAI, GENERAL ALFREDO STROESSNER, de 73 anos, encontra-se no BRASIL – balneário de GUARATUBA – CURITIBA – para alguns dias de descanso, em sua mansão.

21 a. da morte do Marechal–Do-Ar MÁRCIO DE SOUZA E MELO, em 31 de janeiro de 1992.

19 a. falece o Major PM JOSÉ PRIMITIVO DA SILVA, em acidente automobilístico, no dia 31 de janeiro de 1994.

19 a. um incêndio, em 31 de janeiro de 1994, destrói o GRANDE TEATRO DE LICEO, de BARCELONA, construído em 1847.

19 a. da derrota do supercampeão mexicano JÚLIO CÉSAR CHAVEZ, de 31 anos, para o norte-americano FRANKIE RANDALL, de 32 anos, por decisão dividida dos jurados. CHAVEZ perdeu sua invencibilidade de 90 combates profissionais seguidos e o cinturão dos meio médio ligeiros do Conselho Mundial de Boxe (CMB). O combate foi assistido por mais de doze mil pessoas na arena do MGM HOTEL DE LAS VEGAS, em 31 de janeiro de 1994.

17 a. falece o escritor francês PIERRE BOULLE, em 21 de janeiro de 1995.

17 a. da assunção do Comando do 5º GRUPAMENTO DE INCÊNDIO, em GUARULHOS pelo Tenente-Coronel ROBERTO CURSINO DOS SANTOS, em 31 de janeiro de 1996.

17 a. da compra do BAR LOBA ROMANA, na avenida Brigadeiro Faria Lima, em GUARULHOS, pela MARLENE e seu tio JOSÉ, em 31 de janeiro de 1996. LUCINDA se viu envolvida nesse mau negócio, como avalista. Depois, quando a MARLENE perdeu o estabelecimento, LUCINDA teve de arcar com o prejuízo (ou seja eu, por tabela, pois tive de arrumar o dinheiro para tampar os buracos criados).

17 a. um atentado suicida da guerrilha em COLOMBO, capital do SRI LANKA, deixa pelo menos 200 mortos e 1,4 mil ferido, em 31 de janeiro de 1996.

16 a. do ATENTADO NO SRI LANKA, no BANCO CENTRAL, em COLOMBO, com mais de cem mortos, no dia 31 de janeiro de 1997. Consta nesta data os seguintes apontamentos: mais uma vez pego uma “carona” com o PM JOÃO GOMES DE OLIVEIRA JÚNIOR, já que devo estar no Centro Odontológico da PMESP às 8 horas. O PM JOÃO pediu férias, a contar de 30 de janeiro. Disseram-lhe os documentos tinham ido para a DAL, o que não é verdade. A decisão cabe à Diretoria de Pessoal. O PM JOÃO está com problemas de coluna e quer fazer um tratamento de saúde. No Centro Odontológico, o TENENTE PM Dent CALAMITA examina meus dentes e vai marcar uma data para se fazer a prótese definitiva. Fica de me telefonar, quando isso for possível.

Vou ao CAES. Ali converso com o CAPITÃO PM MERLO sobre a Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Ele se propõe a fazer uma divulgação no CAES, e quer ser sócio.

Na Diretoria de Pessoal encontro o TENENTE-CORONEL PM COSCIONE na interinidade. O CORONEL PM DIVINO D´ADDIO está em gozo de férias. O COSCIONE lembra dos nossos tempos de CPC, em 1975. Ele chegou no CPC junto com o TENENTE PM CARLITO. Eu era CAPITÃO. Exponho a ele a problemática do PM JOÃO GOMES DE OLIVEIRA JÚNIOR. A documentação é levantada e as férias dele estão concedidas. Conversamos com os majores MOURISCO e JOSÉ ROBERTO. Também ali se encontra o CAPITÃO PM CÉLIO. O CORONEL PM D ADDIO passa pela DP mais tarde.

Deixando a DP vou à estação ARMÊNIA. Passo rapidamente pela AORPM. O CRISTIANO executa a OPERAÇÃO CRUZEIRO. Conversamos a respeito do NILDO. A sociedade dele com o MARCOS não vai bem. Surgem dívidas.

No MMDC converso com o CORONEL ARY CANAVÓ sobre uma reunião da Diretoria Executiva em fevereiro. Marcamos a data de 20. Faço sugestões sobre os assuntos a serem abordados. Quero também encaminhar ao Comandante Geral uma cópia da revisão do Estatuto para exame, estudos e modificações se forem necessárias. Comparece no MMDC um perito contratado pelo EDIFÍCIO REGINA para verificar os estragos causados pela queda de uma parte do reboque da parede desse edifício no telhado da Sociedade, causando brechas no mesmo e infiltração de água. Isso aconteceu no último domingo, à noite. Esse perito é irmão do TENENTE-CORONEL PM CARRILHO. O EDIFÍCIO REGINA irá ressarcir os estragos. Acontece que o valor histórico dos documentos perdidos jamais poderá ser avaliado ou pago. Retorno a GUARULHOS viajando no EXPRESSO BRASILEIRO.

LUCINDA conta-me que finalmente ficamos livre da linha telefônica 2085908, alugada. Há questão de três meses começaram a cair nessa linha ligações de telefonemas eróticos, internacionais. Em dezembro foram feitas 4 ligações para SÃO TOMÉ PRÍNCIPE e 10 para a GUIANA. A TELESP não foi capaz de descobrir quem fez essas ligações clandestinas. O jeito mesmo foi cortar em definitivo a ligação. Continuo lendo ÉRICO VERÍSSIMO – GATO PRETO EM CAMPO DE NEVE.

15 a. das seguintes anotações em 31 de janeiro de 1998: este é um sábado sofrível por causa do calor. GUARULHOS chegou a ter a marca de 35 graus. Na biblioteca, aproveito o tempo para organizar o arquivo desse mês de janeiro que chega ao seu final. Releio também os dias 29 de janeiro dos anos de 1974 a 1981 e de 1989 a 1997, fazendo um passeio pelo tempo de minha vida. Na tarde, acompanho o TORNEIO RIO-SÃO PAULO, assistindo pela TV: SÃO PAULO 1 x SANTOS 1. SERGINHO fez o gol do tricolor e MACEDO empata pelo PEIXE. O jogo é realizado em RIBEIRÃO PRETO. Em BRASÍLIA, FLAMENGO 0 x FLUMINENSE 0.

O MORUMBI apresenta hoje o segundo show do Conjunto irlandês U-2, com enorme multidão comparecendo ao evento.

14 a. transf. reserva: Cel. MINERVINO TEODORO GUIMARÃES, em 31 de janeiro de 1999. Outros apontamentos neste domingo: com gripe, desanimado, enfrento o ônibus TANSGUARULHENSE (EX-EXPRESSO BRASILEIRO), Metrô: TIETÊ – SÉ – ARTUR ALVIM e trem da CPTM. Almoço com minha mãe em POA. Visita-nos o CABO PM RENATO VENTURA, meu primo. Conta o seu envolvimento na prisão de um ladrão de carro, nesta semana. Procuro descansar após a refeição. Minha mãe e o RENATO contam-me que faleceram duas pessoas muito conhecidas de POÁ: ODÉSIO CHIARELLI e o farmacêutico OSWALDO LEME. Contaram que a NECA estava grávida e que a criança deveria nascer em abril de 2000. Às 17 horas estou deixando POÁ. Na estação ARMÊNIA pego um lotação para voltar para GUARULHOS. Na biblioteca, acompanho os jogos do TORNEIO RIO-SÃO PAULO: FLAMENGO x CORINTHIANS e SÃO PAULO x BOTAFOGO. No ABERTO DA AUSTRÁLIA, o russo YEVGENI KAFELNIKOV vence o sueco THOMAS ENQUIST e se sagra campeão.

13 a. do enterro do pai do CORONEL PM ANTÔNIO CARLOS MENDES, o CORONEL PM Ref. ANTÔNIO MENDES, no cemitério JARDIM JOAMAR, em 31 de janeiro de 2000.

13 a. falece o ex-senador JUTAHY MAGALHÃES, em 31 de janeiro de 2000.



ACONTECEU EM 2 001 : - QUARTA-FEIRA

ENCERRADO O JULGAMENTO DE QUASE NOVE MESES, que custou 80 milhões de dólares, em CAMP ZEIST, na HOLANDA, realizado por um tribunal escocês, condenando à prisão perpétua um dos dois supostos ex–agentes secretos líbios, acusados do atentado à bomba em 21 de dezembro de 1988, contra um BOEING DA PAN AM, causando a morte de 270 pessoas. O avião sobrevoava LOCKERBIE, ESCÓCIA. ABDEL BASSET AL-MEGRAHI foi condenado à prisão perpétua. Seu companheiro AL-AMIN KALIFA FAHIMA foi inocentado por falta de provas e deixou o tribunal em liberdade.



O ex–ditador chileno AUGUSTO PINOCHET foi formalmente notificado em sua casa de veraneio, em BUCALEMU, da decisão do juiz JUAN GUZMÁN de mantê-lo sob prisão domiciliar.



Dois aviões da JAPAN AIRLINES, transportando cerca de 700 passageiros e tripulantes, quase se chocaram em pleno vôo sobre o território japonês. Para evitar a colisão, o piloto do BOEING 747-400, que fazia o vôo doméstico 907, indo do aeroporto de HANEDA, em TÓQUIO, para a cidade de NAHA, com 427 pessoas a bordo, desviou violentamente do outro aparelho, um D C – 10. A manobra causou ferimentos em 31 passageiros e 4 tripulantes. O piloto teve apenas 45 segundos para evitar a tragédia, acionando um equipamento de segurança chamado TRAFFIC CONFLICT ADVISES SYSTEM (T cas).



O presidente da SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC, GERALDO FARIA MARCONDES, sofreu um distúrbio neurológico, talvez por causa do calor, durante sua ida até ITAPECERICA DA SERRA, e está impossibilitado de sair de casa, com o braço direito semi-paralisado, sem condições de assinar qualquer documento.



FALECEU o filósofo MICHEL NAVRATIL, aos 92 anos, em PARIS. Era o último sobrevivente masculino da tragédia do TITANIC. Ele tinha quatro anos quando o navio bateu num iceberg, em 15 de abril de 1912. O acidente deixou 1.500 mortos e pouco mais de 700 sobreviventes. Ainda vivem quatro mulheres que estiveram no TITANIC.



2 002: - QUINTA-FEIRA

COMEÇA HOJE O FÓRUM ECONÔMICO MUNDIAL, que reúne em NOVA YORK empresários e economistas a favor da globalização. Em PORTO ALEGRE, é aberta a segunda edição do FÓRUM SOCIAL MUNDIAL, que traz autoridades e ativistas que criticam duramente a forma do mercado global e suas conseqüências. Pela primeira vez, em 31 anos, a conferência deixa uma pequena estação de esqui na cidade de DAVOS, nos ALPES SUÍÇOS, para ser instalada em NOVA YORK. Além disso, a pauta dos eventos inclui temas pouco comuns no FÓRUM, como a redução da pobreza. A reunião de autoridades em economia começou em janeiro de 1970, quando um professor de Administração chamado KLAUS SCHWAB tomou a iniciativa de formar um fórum para a discussão de estratégias das empresas européias para encarar os desafios do mercado internacional.



Na parte estratégica do MMDS pouca coisa posso fazer hoje porque o computador está com defeito. O MARCONI é chamado para consertá-lo e isso demanda um certo tempo. ADRIANO vai conhecer a zona leste, sendo ciceroneado pelo OREZ. Por sua vez, LUZ começa hoje os seus trabalhos na Sociedade Veteranos de 32-MMDC.

O Sr. GERALDO PIRES DE OLIVEIRA acha-se presente quando recebemos duas senhoras encarregadas do setor de ARTE, da novela “UÊ PAISANO!”, da rede GLOBO. Elas vêm tirar fotografias de fardamento dos ex-combatentes, capacete, coturno e reunir subsídios para desempenhar bem a missão . Isso ocupa todo o nosso tempo na Sociedade, nesta tarde.



No JORNAL DA TARDE vamos encontrar a notícia de que depois de ter ficado 119 dias em cativeiro, o empresário ROBERTO BENITO JÚNIOR, morador de SALTO, em SOROCABA, havia sido liberado. A família pagou 2,5 milhões aos seqüestradores. Também era destaque o surgimento de um buraco na Rua AVANHANDAVA, no centro de SÃO PAULO. Com 6 metros de diâmetro, o buraco colocava prédios do entorno em risco de desabamento.



Uma tentativa de invasão de um prédio por “punks”, impedida sem confrontos pela Brigada Militar, no início da noite, quebrou o ambiente festivo que inicialmente marcou a marcha de abertura do 2º Fórum Social Mundial pelo centro da capital gaúcha, no fim da tarde e início da noite.



A insegurança global é o grande tema do Fórum Econômico Mundial . E ela emana não só do fato de que os ESTADOS UNIDOS, a poderosa locomotiva da economia global nas duas últimas décadas, entrou em uma recessão de desfecho incerto. A insegurança também é geopolítica, e a destruição das torres gêmeas do WORLD TRADE CENTER por extremistas islâmicos associados à AL-QAEDA em 11 de setembro de 2001, fez de NOVA YORK um lugar apropriado para se discutir como tornar o mundo mais seguro.



O depósito de reciclagem de plástico e celulose da empresa J.L. Ltda, localizado no Jardim Presidente Dutra, zona leste, foi totalmente destruído por um incêndio hoje de madrugada.



A polícia “estourou” o possível cativeiro do prefeito de SANTO ANDRÉ, CELSO DANIEL, em DIADEMA. No local foi encontrada correspondência de um plano de saúde com o nome da vítima. A namorada do prefeito, IVONE DE SANTANA, confirmou que o documento era mesmo de CELSO DANIEL. LUIZ AMARO DA COSTA SILVEIRA, sargento da reserva do Exército, não reconheceu os quatro suspeitos de envolvimento na morte do prefeito. SILVEIRA teria ouvido uma conversa sobre o crime em um banheiro da Rodoviária de GOIÂNIA.



A SELEÇÃO BRASILEIRA não teve dificuldade para golear a BOLÍVIA por 6 a 0, em GOIÂNIA. O rival foi tão frágil que até a ausência de ROMÁRIO foi esquecida. O jogo serviu apenas para os novatos mostrarem serviço. A deficiência dos bolivianos no jogo aéreo permitiu que o BRASIL marcasse cinco gols de cabeça: CRIS, GILBERTO SILVA (2), ÂNDERSON POLGA e WASHINGTON. Só o de KLÉBERSON foi feito com um chute de fora da área.



CONDENADOS ERASMO e ROBERTO CARLOS, ambos de 60 anos, por plágio da música “O CARETA”, composta por eles em 1987. Baseada nas semelhanças com a canção “LOUCURAS DE AMOR”, de SEBASTIÃO BRAGA, a Justiça determina o pagamento de um milhão e setecentos mil reais de indenização. Ainda cabe recurso no processo, que tramita desde 1990.



ABERTA sindicância no CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA, de BRASÍLIA para apurar a morte de ADCÉLIA DE SOUZA, de 39 anos, em cirurgia de lipoaspiração, no hospital ANCHIETA, em TAQUATINGA. ADCÉLIA sofreu perfurações nos órgãos e teve hemorragia. O médico que fez a operação, DENÍSIO MARCELO CARON, é acusado da morte de três pacientes em GOIÁS, onde é investigado em 35 sindicâncias, pelo CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA.



O PREMIER ISRAELENSE, ARIEL SHARON, afirmou, em entrevista ao jornal Ma´ariv, que se arrepende de não ter liquidado o líder palestino YASSER ARAFAT quando invadiu o LÍBANO, em 1 982, com o objetivo de expulsar a Organização para a LIBERTAÇÃO DA PALESTINA.



2 003 : - SEXTA-FEIRA

O Comandante do EXÉRCITO, GENERAL-DE-EXÉRCITO FRANCISCO ROBERTO DE ALBUQUERQUE, tem a honra de convidar V. EXa. e Senhora para a cerimônia de PASSAGEM DE COMANDO DO CMSE, do GENERAL-DE-DIVISÃO MARCO ANTÔNIO TILSCHER SARAIVA para o GENERAL-DE-EXÉRCITO SÉRGIO PEREIRA MARIANO CORDEIRO.

DATA: 31 DE JANEIRO DE 2 003

HORÁRIO: 10:00 HORAS

LOCAL: QUARTEL-GENERAL DO IBIRAPUERA

AVENIDA SARGENTO MÁRIO KOZEL FILHO , 222.

O GENERAL DE EXÉRCITO SÉRGIO PEREIRA MARIANO CORDEIRO veio para o lugar que era do GENERAL DE EXÉRCITO FRANCISCO ROBERTO DE ALBUQUERQUE. Este, assumiu o Comando do EXÉRCITO no dia 3 de janeiro de 2003. O General ALBUQUERQUE comandou o SUDESTE desde 9 de maio de 2001, quando substituiu o GENERAL ARBY ILGO RECH. Em 2000, o GENERAL RECH substituiu o GENERAL LICÍNIO NUNES DE MIRANDA FILHO, que estava no Comando desde 25 de agosto de 1998. Por sua vez, o GENERAL LICÍNIO assumiu o Comando substituindo o GENERAL JOUBERT DE OLIVEIRA BRÍZIDA. O GENERAL BRÍZIDA tinha assumido o Comando em 14 de janeiro de 1997, no lugar do GENERAL PAULO NEVES DE AQUINO. O GENERAL AQUINO estava no COMANDO SUDESTE desde 1995, quando ficou no lugar do GENERAL CARLOS ARCOVERDE FREITAS DE ALMEIDA.



Manhã chuvosa. Desânimo. Não vou à posse do GENERAL SÉRGIO PEREIRA MARIANO CORDEIRO. O presidente do MMDC, Sr. MARCONDES, comparece nessa solenidade. Lá deverá estar também o GINO STRUFFALDI, comandante do Exército Constitucionalista. Saio de casa depois das 10 horas. Passo pelo MMDS onde os oficiais já estão me esperando. Comentam a solenidade no COMANDO SUDESTE e a palestra de ontem na CRUZ AZUL.

Passo pelo BANESPA. Vou verificar se houve a compensação de um cheque de dois mil reais, referente a serviços que ainda irei fazer, pois a LUCINDA está interessada em comprar um guarda–roupa. O cheque já foi descontado e posso retirar essa quantia. Na SOCIEDADE, tenho a amargura de receber mais uma documentação da SECRETARIA DA CULTURA, ainda referente à prestação de contas de dez mil reais, que nos foi doado para as festividades de 9 de julho de 2000. O Cel. RENALDO não fez a prestação de contas correta. O Tribunal de Contas não aceitou os documentos referentes aos gastos, apesar de toda a explicação dada pela Secretaria da Cultura. Faço um contato telefônico com o Cel. RENALDO a respeito desse assunto, bem como coloco o Sr. MARCONDES a par dessa desagradável situação. Fica marcada uma reunião para segunda–feira, dia 3 de fevereiro.

Depois de alguns dias, o CORONEL MENDES aparece no MMDC. Vem nos contar que fez a sua mudança na última segunda–feira, dia 27, passando a residir na CASA VERDE, rua HERÁCLITO GRAÇA, 77, casa 13. Toda essa confusão criada pela venda de seu apartamento e a compra dessa residência, aliada à mudança, inclusive do telefone, fez com que o meu colega de turma se afastasse do MMDC depois da reunião de 7 de janeiro. Agora ele vai colocando a agenda em dia, avisando os amigos do novo endereço. Chove quando deixamos a Sociedade; ele me leva de carro até o ponto de ônibus EXPRESSO COCAIA. Em casa, tem um recado que dona CÉLIA quer um contato comigo. Feito isso, ela me comunica que a doutora ALESSANDRA telefonou para o MMDC, a respeito de uma carta que o presidente lhe mandou, pedindo a devolução dos livros da Sociedade que se encontram em seu poder. Ela ainda é a Diretora da Biblioteca e Arquivo Histórico.



O jornalista LUÍS RECENA assumiu a diretoria de redação do JORNAL GAZETA MERCANTIL.



O jornalista EDUARDO AGUIAR DE ALMEIDA foi nomeado presidente da FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO – FUNAI.



O perito MASSATO YAMAGUCHI, de 50 anos, que trabalhava no Instituto de Criminalística da Polícia Civil, na equipe do físico OSVALDO NEGRINI NETO, foi encontrado morto hoje pela manhã, boiando na Represa BILLINGS, no RIACHO GRANDE, SÃO BERNARDO DO CAMPO, na altura do km 40 da Estrada Velha do Mar. Ele levou pancadas na cabeça. YAMAGUCHI foi atacado ontem à noite no JABAQUARA, onde morava, quando estava a caminho de casa. Ele teria sido morto após assalto, por ter sido reconhecido como policial. O perito ligou para sua mulher, por volta das 23 horas, para avisar que logo estaria chegando. A PM encontrou seu carro abandonado numa rua de terra que sai da Estrada Velha do Mar, que liga SÃO PAULO a SANTOS. Havia marcas de sangue no volante e no bando. Pela manhã, um homem que fazia “cooper” junto à represa viu um corpo boiando e chamou a PM. Não há pistas dos assassinos.



ANUNCIADA a moratória de 85 milhões de dólares no BNDES, em razão do não pagamento de uma parcela da dívida contraída pela empresa americana AES ELPA, controladora da ELETROPAULO. O débito total da empresa soma 542 milhões de dólares.



A expectativa de que uma guerra com o IRAQUE não comece já animou bancos a continuar hoje a vender dólares, um dos motivos para a moeda ter caído 1,18%, sendo cotada a R$ 3,518.



O presidente americano GEORGE W. BUSH admitiu hoje a possibilidade de esperar uma segunda resolução da ONU que autorize o uso da força contra o IRAQUE. Pedido nesse sentido havia sido feito pouco antes pelo primeiro–ministro britânico, TONY BLAIR, que estaria preocupado em ganhar tempo para a FRANÇA reconsiderar sua oposição à guerra. BUSH só exige que o adiamento não seja prolongado e contribua para forçar o regime de SADDAM HUSSEIN a desarmar-se.



O ator austríaco ARNOLD SCHWARZENEGGER, 55 anos, deixou o Hospital de LOS ANGELES, onde teve seu ombro operado devido a um acidente nas filmagens de mais uma seqüência de EXTERMINADOR DO FUTURO. Ele foi submetido a uma cirurgia para corrigir um rompimento muscular no seu ombro esquerdo.



O mímico francês MARCEL MARCEAU anunciou que vai se aposentar. Aos 79 anos de idade e mais de 50 anos de carreira, o artista decidiu abandonar o showbiz com um espetáculo no dia 12 de julho em ATENAS, na GRÉCIA.



2 004 : - 4H /2224 20420113 (141/) SÁBADO

DIÁRIO DE SÃO PAULO DE 31 DE JANEIRO DE 2 004

NETO DE ESCULTOR BRIGA NO OBELISCO

CONFUSÃO ENVOLVEU O ADMINISTRADOR DO MONUMENTO E A POLÍCIA TEVE DE INTERFERIR

A polêmica em torno da restauração do Obelisco do Parque do Ibirapuera, na zona sul, teve ontem agressões e muito bate-boca. Os protagonistas da briga foram o advogado PAULO EMENDÁBILI CARVALHOSA, neto do escultor da obra, GALILEO EMENDÁBILI, e o CORONEL MÁRIO FONSECA VENTURA, secretário-geral da SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC, responsável pela administração do OBELISCO. A POLÍCIA MILITAR foi chamada para acalmar os ânimos.

O motivo foi uma declaração que VENTURA deu a um site da internet. Nela ele insinuava que CARVALHOSA queria R$ 56 milhões para permitir a restauração. Apesar de o monumento pertencer ao Estado, a mãe de CARVALHOSA, FIAMMETTA EMENDÁBILI, ainda tem direitos sobre a obra. Por causa de uma ação da família EMENDÁBILI, a reforma na parte externa do monumento estão paradas.

Ontem à tarde, quando a família e o coronel se encontraram no OBELISCO, houve troca de acusações e empurra-empurra. Ambos afirmam que foram agredidos e CARVALHOSA prometeu fazer uma queixa formal na delegacia. “Eu disse o que está na ação. Ele move um processo contra a SOCIEDADE DE VETERANOS e a FARAH”, diz VENTURA. A FARAH SERVICE é a empresa que administra o restauro, contrata e fiscaliza o projeto.

CARVALHOSA afirma que não pede nenhum centavo na ação. “Indica quanto custa um out-door de 2.304 metros quadrados nessa área nobre de SÃO PAULO. A CLARO deixou de gastar R$ 96 milhões (e não R$56 milhões) usando um monumento público”, diz. A mãe dele acrescenta que espera uma indenização por danos morais. “Os direitos autorais são sagrados. Mas o juiz vai dizer se eu mereço”, afirma.

Os parentes do escultor também alegam que a forma escolhida para a restauração mais prejudica do que beneficia o OBELISCO. Dizem, por exemplo, que um jato de areia usado na limpeza da pichação pode ter desgastado ainda mais o mármore”. “Não é areia. É uma técnica com micropartículas de arenito, usada depois de vários testes”, diz o restaurador FRANCISCO ZORZETE, que há dois anos e meio trabalha no projeto.

(Na reportagem, uma foto de CARVALHOSA e o OBELISCO, com os dizeres: CARVALHOSA conseguiu liminar para paralisar as obras).



Levanto às 6 horas. Acordo a LUCINDA. Ela precisa organizar a cozinha, que está sendo processada na sala, pois ela está sendo alvo de uma grande reforma (com quebra do piso e dos azulejos das paredes). Procuro colocar em dia as minhas anotações e os recortes dos jornais. Isso está sofrendo constantes interrupções por causa dos meus outros trabalhos, principalmente com a paralisação das obras do OBELISCO. Leio a reportagem do DIÁRIO DE SÃO PAULO, que, na verdade não esclarece que CARVALHOSA começou as provocações de ontem, provocações estas endereçadas ao Sr. MARCONDES, ao GENERAL BUENO e que culminaram com as agressões dirigidas graciosamente a mim. Ele estava possesso, naturalmente por eu ter dito a verdade na pretensa indenização por danos morais. Enquanto a Justiça não esclarece os pontos conflitantes, o Monumento-Mausoléu sofre a interrupção de seu restauro. Isso já tinha acontecido quando o IPH quis “faturar” em cima da obra. Agora, surge um espertalhão querendo dinheiro, alegando ser neto do GALILEO EMENDÁBILI. Os advogados da CLARO, da FARAH SERVICE estão estudando o processo e deverão se manifestar a respeito.



Os pedreiros quebram todo o piso da cozinha. É um barulho infernal. Mesmo assim, consigo colocar em dia os meus arquivos. Na tarde, recebo um telefonema de LUIZ SÉRGIO CARRARO. Ele quer saber detalhes do que aconteceu ontem e estudar pontos de vista que deveremos tomar na semana que vem. A “GUERRA” está apenas começando com a família de GALILEO, se bem que CARRARO ache esta ser bem mais fácil do que aquela que foi movida pelo IPH. Tanto naquele caso, como neste, o dinheiro é o principal interesse e não o patriotismo. Para gente desse tipo que se danem os restos mortais dos heróis que dormem o sono eterno no Monumento-Mausoléu. Será que errei? A “galinha dos ovos de ouro” não é a CLARO, mas sim o próprio Monumento?

Mais tarde, recebo um telefonema do Sr. MARCONDES. Quer apenas conversar sobre o episódio de ontem. Em seguida, também me liga a advogada MARIA HELENA MARCONDES. Ela não sabia ainda do acontecido. Apóia-me e oferece seus préstimos. Quero apenas descansar neste sábado, procurando não lembrar muito do triste momento em que fui ofendido pelo CARVALHOSA.

Minha mãe já está de retorno à sua casa, após quinze dias afastada da mesma, quando foi reformado o estuque (que estava na iminência de cair por problemas de cupins que comeram a madeira). No entanto, na conversa telefônica que tive com ela, algo não vai bem. Pede para que eu vá almoçado, na visita de domingo, pois ela tem dificuldades para mexer no fogão. O afastamento de casa deixou-a em estado de depressão.



A chuva castigou hoje a cidade de SÃO PAULO pelo segundo dia consecutivo. Três pessoas ficaram feridas com o desabamento de dois barracos nas zonas leste e norte. Bastou cerca de uma hora de chuva intensa, no final da tarde, para a situação ficar crítica. A Defesa Civil do Município registrou 21 quedas de árvores na cidade. Bairros ficaram sem energia elétrica. No SHOPPING CENTER NORTE, placas do telhado foram levadas pelo vento e causaram a interdição parcial e temporária de uma das alas. Na Marginal TIETÊ, os alagamentos causaram interdições em, pelo menos, dois trechos: na altura da PONTE DAS BANDEIRAS e próximo à ponte da CASA VERDE, ambos no sentido LAPA-PENHA.



Uma fuga de presos, por volta das 17 horas, levou pânico aos moradores de VILA PALMARES, em SANTO ANDRÉ. A polícia disse que cerca de 80 detentos fugiram da cadeia pública da cidade, onde havia 449 –a capacidade é para 96. No entanto, um policial garantiu que pelo menos 200 escaparam. Os fugitivos invadiram casas, estabelecimentos comerciais e se refugiaram numa favela próxima. O CAPITÃO LUIZ CARLOS TELES JÚNIOR disse que seis detentos morreram em confronto com a polícia e 42 foram recapturados até o início da noite.



Para marcar os 60 anos do nascimento do cartunista HENFIL, o projeto O AUTOR NA PRAÇA, com apoio da ISTO É, organizou o evento HENFIL 60 ANOS...BAIXOU AQUI !. Neste sábado, e nos dias 5 e 7 de fevereiro, os visitantes poderão conferir a exposição de algumas de suas fotos, de suas charges e de seus cartuns na praça BENEDITO CALIXTO, em SÃO PAULO. HENFIL morreu em 1988, em decorrência da AIDS adquirida numa transfusão de sangue.



O jornalista CARLOS NASCIMENTO divulgou seu desligamento da REDE GLOBO. Ele é novo contratado da BANDEIRANTES e vai ancorar o principal telejornal da emissora paulista.



A belga JUSTINE HENIN-HARDENNE conquistou hoje de madrugada o título do ABERTO DA AUSTRÁLIA, seu terceiro de GRAND SLAM, diante de sua compatriota KIM CLIJSTERS. Mesmo contando com o apoio total da torcida, por ser noiva do australiano LLEYTON HEWITT, CLIJSTERS falhou nos momentos decisivos da partida e deixou mais uma vez escapar a chance de ganhar seu primeiro torneio de GRAND SLAM.



Mais de dois milhões de muçulmanos participaram hoje das comemorações da HAJ, a festa da peregrinação anual a MECA, a mais importante cidade sagrada do islamismo. Os peregrinos rumaram hoje para o MONTE ARAFAT, onde permaneceram até o pôr do sol.



DEZ IRAQUIANOS e TRÊS SOLDADOS AMERICANOS morreram hoje em ataques de guerrilheiros no IRAQUE, onde as forças dos EUA estão em estado de alerta, por ocasião da festa muçulmana de AL ADHA. Em MOSSUL, 375 km ao norte de BAGDÁ, 9 iraquianos morreram e 45 foram feridos num atentado suicida cometido com um carro-bomba contra uma delegacia de polícia. Dezenas de funcionários estavam na delegacia de AL ZAKAFA, no centro de MOSSUL, para retirar seu pagamento, na véspera da festa de AL ADHA, quando o carro-bomba explodiu, provocando pânico na área. Parte do prédio foi destruída. As proximidades da delegacia ficaram repletas de escombros e de restos humanos. Também no norte iraquiano, a 45 km de KIRKUK, três soldados americanos morreram na explosão de uma bomba de fabricação caseira colocada numa estrada por onde passou um comboio de veículos militares dos EUA. Com estas mortes, chegou a 249 o número de baixas americanas desde 1 º de maio do ano passado.



Extraio do PORTAL IG os seguintes dados, publicado em 31 de janeiro.

Felipe Neves



Obelisco: obras paradas



17:09 29/01 Felipe Neves, reporter iG em São Paulo (fneves@ig.com)

SÃO PAULO – A discórdia está instaurada. E o motivo é a restauração do Obelisco do Mausoléu ao Soldado Constitucionalista de 1932, monumento histórico localizado em frente ao Parque do Ibirapuera, zona sul de São Paulo. Uma semana depois de o governador Geraldo Alckmin ter solicitado a retirada da cobertura da Claro do monumento, a confusão continua. Desde segunda-feira, as obras estão suspensas graças a uma liminar conseguida por Paulo Emendabili Souza Barros de Carvalhosa, que é neto do arquiteto e escultor Galileo Emendabili, responsável pela construção do monumento, em 1934 e inaugurada em 1954.

O motivo alegado por Emendabili é a conservação do monumento e a manutenção dos direitos autorais. Segundo ele, as obras estão danificando a parte externa em função dos ganchos das estruturas metálicas, que foram projetadas para dar suporte a uma cobertura de proteção e publicidade - da empresa Claro, que patrocina a iniciativa. Além disso, Emendabili acredita que as obras sejam responsáveis por novas infiltrações de água no monumento.

"Esta é a segunda liminar. A primeira foi para permitir que a família e a imprensa pudessem entrar", afirma Paulo, que, além de neto do artista, é advogado. Ele explicou que, de posse da primeira liminar, foi até o Obelisco para ver como andavam as obras e descobriu que quase não havia obra. Por isso, decidiu acionar a justiça mais uma vez.

Com relação aos direitos autorais, Paulo é enfático. "Os direitos autorais são da família, embora seja uma obra pública". Para ele, a empresa Claro está explorando indevidamente a imagem do monumento.

"O juiz da 3ª Vara Cível foi pessoalmente ao local e constatou que as telas não se justificavam, pois não havia obra nenhuma. Em segundo lugar, era fisicamente impossível a entrada de um homem de corpo médio. Portanto, ao que parece, as telas da Claro serviriam para a publicidade, o que fere os direitos autorais da obra", explica Paulo.

Para a "Sociedade Veteranos de 1932 MMDC", que é responsável pela manutenção do monumento, a ação não pode trazer qualquer benefício ao Obelisco. "O pessoal que está fazendo isso não teve a sensibilidade de perceber que vai prejudicar ainda mais as obras", afirma Coronel Ventura, secretário da sociedade. "Fica a pergunta: por que estão fazendo isso? Eu realmente não entendo", diz. Ventura acredita que a restauração é mais do que necessária. "Precisa fazer. Se não tomar cuidado, cai", desabafa. E explica: "A nossa intenção é conseguir fazer o restauro. Faz 20 anos que o monumento está sofrendo com as intempéries do tempo. Chuva, vento, é claro que danifica", diz.

Mas o buraco é mais embaixo. A empreitada é integralmente patrocinada pela empresa de telefonia Claro. A imensa publicidade projetada para cobrir a escultura durante as obras já foi motivo de discussões entre todos - cidadãos, jornalistas, empresários, enfim, paulistanos em geral, envolvidos ou não com a obra. Integrantes da administração municipal carinhosamente apelidaram a nova cobertura como a "camisinha do Obelisco".

Felipe Neves




Na opinião de Ventura esta nuança pode explicar o repentino interesse dos familiares de Emendabili no monumento. "O Paulo nunca nos procurou para nada, agora que tem dinheiro envolvido, ele vem criar essa guerra". A metáfora utilizada pelo coronel é bem explicativa. "Ele encontrou o bilhete de loteria. Agora quer fazer um acordo, quer pedir R$56milhões", conta.

A "Sociedade dos Veteranos" contratou a Farah Service para controlar as obras. O financiamento integral é da Claro. Para Ventura, o motivo desta estrutura tem uma explicação muito simples. "Nós não temos dinheiro. O Estado não tem condições de financiar uma obra deste porte. Como diz o Lula, nós temos de passar para as parcerias", afirma. Mas isso remete a outro ponto de discórdia envolvendo o Obelisco. Todos os direitos sobre o monumento foram passados para Sociedade dos Veteranos. No entanto, toda a segurança da área é de responsabilidade da Polícia Militar, portanto do Governo do Estado. Além disso, o terreno é uma doação da Prefeitura. E a prefeita Marta Suplicy anuncia aos quatro ventos que tem um projeto de "abraçar" o Obelisco, para que ele faça parte do Parque do Ibirapuera. Assim, quem manda, de fato, no monumento? Boa pergunta. Felipe Neves



Placa avisa visitantes que memorial está fechado.

O fato é que agora o impasse chegou à justiça. A Sociedade dos Veteranos garante que vai recorrer. Mas por quanto tempo as obras ficarão paradas ninguém sabe. Resta saber se a Claro irá agüentar todos esses conflitos de interesse. Em 2002, a Nestlé tinha um projeto semelhante de restauração do monumento. No entanto, o jogo político e econômico foi tão grande que a empresa desistiu de dar continuidade à obra, como explicou Ventura. "Eles pararam na primeira etapa. Acabaram com cupins, infiltrações de água e refizeram a fiação elétrica". De acordo com Paulo, um perito irá analisar os danos causados tanto pela instalação das estruturas metálicas instaladas como pelas demais ações tomadas até agora na obra. Só depois desta avaliação que obra poderá prosseguir, caso fique provado que o monumento esteja sendo conservado.



2005 : - SEGUNDA-FEIRA

O ESTADO DE SÃO PAULO

COMBATENTES DE 32

Sr. Governador GERALDO ALCKMIN, no final do ano passado, o senhor concedeu aumento de salário a todos os funcionários e aposentados. Gostaria de saber o motivo alegado para não conceder aumento aos voluntários da REVOLUÇÃO DE 1932. O senhor ainda é jovem, portanto não sabe o que significou para nós o sacrifício que foi combater a ditadura. Hoje somos poucos e todos com mais de 90 anos.

LURIN JÚNIOR, BATALHÃO IBRAHIM NOBRE SERRA NEGRA.



Começo a semana de maneira tranqüila. Não temos notícias sobre a quantas andam a Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Uma carta de um ex-combatente desesperado, no “ESTADÃO” é mais um grito de desespero que a política nem levará em consideração. Não vale voto e não há interesse governamental em aumentar a PENSÃO ESPECIAL desses coitados. É mais uma voz que clama no deserto. Se o MMDC fosse forte, poderíamos lutar em prol desses remanescentes de 1932. Mas cada vez mais se vê que a Sociedade não poderá produzir muita coisa.

Passo pela Sociedade, onde a funcionária MÔNICA faz algumas perguntas a cerca de problemas inerentes ao MMDC. Mas não tem nada de positivo para nos contar. O tempo está passando e o marasmo continua. O presidente, Sr MARCONDES, com 92 anos, é a cara da falência da Sociedade.

Na rua TABATINGUERA, cruzo com o advogado VÍCTOR RAMOS. Ele defendeu a REGINA em alguns processos contra a Sociedade. Diz que ela finalmente se afastou do MMDC e que o processo está em fase de encerramento. No entanto, seja qual for o desfecho da causa, ele somente tende a perder, pois a sociedade não tem condições de pagar sua parte, se perdedora. Estamos conversando quando cruza conosco o nosso velho conhecido MAJOR PM Ref IRENO.

Encontramos quase que todos os oficiais que pertencem ao quadro do MMDS. Estudam as atividades para fevereiro, um mês “quebrado” por causa do carnaval. Almoçamos e assistimos na sala de lazer o filme “MADRUGADA DOS MORTOS”, um banho de sangue causado pelos zumbis de uma cidade toda, banqueteando-se de carne humana. Muito fantástico e que acaba de uma maneira sem graça “não sobra ninguém”. Permaneço no MMDS até às 16:30 horas. Ameaçando cair um temporal em SÃO PAULO, regresso a GUARULHOS.



Estamos entrando na semana do carnaval. A famosa BANDA REDONDA desfila hoje, a partir das 19 horas, na rua THEODORO BAIMA com CONSOLAÇÃO, em frente ao TEATRO EUGÊNIO JUSNET. O grupo, que está completando 31 anos, costuma juntar cerca de 12 mil foliões. O grupo é coordenado pelo ator CARLOS COSTA, o CARLÃO DA REDONDA, que costuma arrebatar com marchas, frevos, sambas da melhor qualidade. Atores, jornalistas, intelectuais e, principalmente, o povão, tornam o desfile um dos mais animados de SÃO PAULO.



O PM SIDNEI BARBOSA DE OLIVEIRA, de 40 anos, pertencente ao 29º BPI (PERUÍBE), foi morto com oito tiros em uma emboscada em sua própria casa na VILA PERUÍBE, na madrugada de sábado. OLIVEIRA foi atraído para a emboscada por um vizinho. Fingindo estar doente, ele teria pedido para que o PM lhe desse um remédio. OLIVEIRA teria atendido o pedido e, ao voltar para sua residência, foi atingido por tiros de espingarda calibre 12 e de um revólver calibre 38 disparados por homens que teriam entrado em sua casa. O PM estaria armado, porém não teria conseguido reagir. OLIVEIRA chegou a ser levado para o hospital, mas não resistiu aos tiros e morreu. Depois do assassinato, o grupo fugiu em dois carros, mas quatro integrantes da quadrilha foram presos. Outros membros do bando ainda permaneciam foragidos até hoje à tarde. A polícia investiga a hipótese de vingança.



A Polícia Civil de MARÍLIA encontrou os corpos de cinco pessoas enterradas em uma chácara nos arredores da cidade. No local funcionava, até o final do ano passado, uma casa de prostituição. Com a desativação do bordel, o local passou a ser usado para o tráfico de drogas, o que teria ocasionado as mortes. Os crimes, com requinte de crueldade, chocaram os cerca de 200 mil habitantes da cidade, a 452 quilômetros da Capital.



O dólar despencou hoje para o menor valor em quase três anos. A baixa foi de 1,36% para R$2,61. A desvalorização do dólar ante o real, que já dura sete meses, foi impulsionada hoje pelo anúncio de uma nova emissão soberana do BRASIL, de US$1,35 bilhão, com prazo de 25 anos e juros de 8,9%. O dólar já caiu 17% ante o real desde o pico de 2004, de R$3,21 em maio. O dólar vem se desvalorizando em relação às principais moedas do mundo em conseqüência dos enormes deficits fiscal e comercial dos EUA.



O 5º FÓRUM SOCIAL MUNDIAL terminou hoje com a apresentação de 352 propostas formuladas pelos participantes e publicadas em grandes painéis brancos. Entre ela, a de democratização dos organismos internacionais como NAÇÕES UNIDAS, FUNDO MONETÁRIO INTERNACIONAL, BANCO MUNDIAL e ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DO COMÉRCIO e a mobilização internacional CHAMADA GLOBAL PARA AÇÃO CONTRA A POBREZA. Criticado até hoje por ser muito teórico e pouco propositivo, os organizadores do FSM decidiram apresentar os resultados dos debates, incluindo-as na página do encontro na INTERNET (www.forumsocialmundial.org.br). “Havia uma tentativa de desqualificar o que era feito aqui, como se os debates e as discussões não tivessem utilidade. Então resolvemos, este ano, apresentar as propostas concretas do FÓRUM, que podem ser acompanhadas pela INTERNET”, disse ODED GRAJEW, um dos organizadores do encontro. Nos anos anteriores foram definidas centenas de propostas, nunca colocadas no site.



O piloto alemão NICK HEIDFELD foi confirmado como segundo piloto da equipe WILLIAMS na temporada 2005 da Fórmula 1. O brasileiro ANTÔNIO PIZZONIA, que disputava a vaga, permanecerá como piloto de testes da escuderia.



O cantor americano MICHAEL JACKSON se apresentou hoje a um tribunal em SANTA MARIA, CALIFÓRNIA, ao mesmo tempo que a corte começava a selecionar os membros do júri a que ele será submetido. Com isso, teve início o processo de julgamento em que o astro pop é acusado de abusar sexualmente de um menino. O julgamento será presidido pelo juiz RODNEY MELVILLE, da Corte Superior de SANTA BÁRBARA, com previsão de se estender por até 15 meses. Vestido de branco, JACKSON chegou ao tribunal cercado de advogados e seguranças, um dos quais segurou uma sombrinha sobre o cantor. Sorridente, ele fez com as mãos o V da vitória e acenou para cerca de cem fãs que ergueram cartazes com palavras de apoio. Alguns haviam passado a noite em frente à corte, enfrentando frio atrás das grades instaladas para mantê-los afastados do ídolo. Desta vez, o cantor não subiu no alto de seu carro para dançar, como fizera outras vezes em que foi ao tribunal, um gesto criticado por juristas que acompanham o caso. JACKSON foi submetido a um detector de metais ao entrar na corte. Ele e seus advogados se sentaram às mesas da defesa, diante do juiz RODNEY MELVILLE, enquanto os primeiros 150 dos 750 candidatos a integrar o júri de doze membros se apresentavam. O cantor, de 46 anos, sofre dez acusações relacionadas a abusos contra um menino que em 2003 tinha 13 anos, sofria de câncer e passava uma temporada com ele em seu sítio TERRA DO NUNCA, na CALIFÓRNIA. Entrevistado hoje pela emissora de TV CBS, o pai de JACKSON, JOE, disse que seu filho atribuiu seus problemas nos EUA a racismo e afirmou que seus acusadores estão atrás de dinheiro. Já a mãe, KATHARINE, declarou: “Conheço meu filho, isto (a acusação) é ridículo”. O caso foi aberto pelo procurador TOM SNEDDON, que há dez anos investiga o que acontece no sítio do cantor, repleto de atrações para crianças que o freqüentam.



O PAPA JOÃO PAULO II está com gripe e, por isso, suspendeu as audiências previstas para hoje, informou o VATICANO. Num breve comunicado, o VATICANO disse que o pontífice, de 84 anos, já reclamava de mal estar no domingo. No dia 30, durante o sermão semanal do ÂNGELUS, JOÃO PAULO II deu sinais de que não estava bem. Sua voz estava cansada e rouca. Ele apresentava dificuldades para respirar. O VATICANO não disse por quanto tempo as audiências do PAPA, públicas ou privadas, ficarão suspensas.



O primeiro-ministro britânico, TONY BLAIR, foi surpreendido hoje quando uma inglesa lhe roubou um beijo na boca. A cena ocorreu em WYTHENSHAWE, subúrbio de MANCHESTER, na INGLATERRA, quando BLAIR participava de comemorações de retomada de projetos de construção de casas na região. Enquanto o premier britânico cumprimentava os moradores do bairro, uma mulher de repente deu-lhe um abraço seguido de um beijo na boca.



A mulher do ex-presidente dos EUA, BILL CLINTON, a senadora HILLARY CLINTON, desmaiou hoje durante um discurso na cidade de BUFFALO, em NOVA YORK. Uma rádio local informou que a senadora de 57 anos chegou a afirmar que se sentia enfraquecida devido a problemas estomacais decorrentes de uma virose. Ela foi atendida por uma equipe de emergência e se recusou a ir ao hospital. Assessores disseram que HILLARY prosseguiu com sua agenda.



Um tiro do Exército de ISRAEL matou uma palestina de 10 anos, hoje, no pátio de uma escola no campo de refugiados de RAFAH, sul da FAIXA DE GAZA. Uma porta-voz do Exército israelense não tinha informações sobre o incidente, perto da fronteira com o EGITO, onde soldados israelenses e radicais palestinos enfrentam-se com freqüência nos quatro anos de levante palestino. Em resposta, o grupo extremista HAMAS afirmou ter lançado morteiros contra um assentamento judeu na FAIXA DE GAZA. A violência abalou um cessar-fogo determinado pelo novo presidente da AUTORIDADE NACIONAL PALESTINA, MAHMOUD ABBAS. Testemunhas contaram que um dos disparos destruiu uma casa no assentamento de NEVE DEKALIM. A menina palestina NORAN DEED estava formando fila com os colegas quando foi atingida por um tiro vindo do posto do Exército israelense.



Extremistas islâmicos disseram ter derrubado o avião militar britânico HÉRCULES C-130, cuja queda, no noroeste do IRAQUE, foi noticiada ontem. A emissora de TV árabe AL-JAZEERA mostrou imagens de um vídeo em que um grupo de insurgentes prepara dois mísseis, dispara e assiste a uma explosão – que teria sido produzida pelo abate da aeronave. Na seqüência das imagens, são vistos destroços de um avião no chão.



DECLARADO pela juíza federal americana JOYCE HENS GREEN que o governo americano está violando os direitos constitucionais de detentos da base de GUANTÁNAMO. Os EUA mantêm na prisão, encravada na ILHA DE CUBA, mais de 500 suspeitos de ligação com organizações terroristas. A maioria não tem acesso a informações sobre seus processos e não há previsão da data em que serão julgados. A decisão da juíza ainda será analisada por uma instância superior. Em WASHINGTON.



DENUNCIADO pela Justiça argentina OMAR CHABÁN, dono da discoteca onde 192 pessoas morreram num incêndio em dezembro, em BUENOS AIRES. CHABÁN teve seus bens confiscados e poderá pegar até 25 anos de prisão.



“SENHORA DO DESTINO” bateu mais um recorde de audiência, hoje, quando DUDA (DÉBORA FALABELLA) foi seqüestrada pelos pedreiros que estão construindo a casa dela e de VIRIATO (MARCELLO ANTHONY). A novela das oito da GLOBO registrou média de 61 pontos no IBOPE, com picos de 67. Foi o quinto recorde da trama de AGUINALDO SILVA, que estreou em junho de 2004. Nem a surra de MARIA DO CARMO (SUZANA VIEIRA) em NAZARÉ (RENATA SORRAH), em outubro de 2004, e a revelação de que ISABEL (CAROLINA DIECKMANN) foi seqüestrada e não é filha de NAZARÉ, em dezembro, renderam tanto. O último sucesso de AGUINALDO SILVA foi a novela “A INDOMADA” (1997), que teve média de 48 pontos. “SENHORA DO DESTINO” passou “O REI DO GADO” (1996), de BENEDITO RUY BARBOSA, que era recordista até então, com 52.



ASSISTO na GLOBO o filme “INFERNO”, de 1999. Direção de JOHN G. AVILDSEN, com JEAN-CLAUDE VAN DAMME, PAT MORITA, GREGORY SCOTT CUMMINS, GABRIELLE FITZPATRICK. JEAN-CLAUDE chega à cidadezinha chamada de INFERNO, disposto a se vingar dos homens que roubaram sua moto e o deixaram desacordado no deserto. Encontra um lugar que faz jus ao nome, dividido pela guerra entre traficantes. O diretor AVILDSEN fez a série do KARATÊ KID para defender o lado pacífico das artes marciais, mas construiu a coisa de tal jeito que o público só esperava pelas cenas de pancadaria.



Começa a última semana do seriado “24 HORAS”. No vigésimo capítulo, TONY ALMEIDA é obrigado a trair os seus amigos da UCT porque a vida de sua esposa MICHELE está em jogo. Ela foi capturada pelos terroristas comandados por SAUBER e este exige que se faça a troca de sua filha, JANE, por MICHELE. Assim é que quando JANE chega na UCT, escoltada por JACK BAUER, é transferida para um local onde TONY ALMEIDA pode planejar a sua fuga. As falhas cometidas por TONY ALMEIDA, na hora em que possibilitou que SAUBER escapasse do prédio onde estava cercado, começam a ser reveladas por ADAMS e CLAUDE. JACK BAUER assume a direção da UCT, enquanto TONY ALMEIDA, desesperado, procura tirar JANE do prédio, sempre seguindo as orientações de SAUBER. Por outro lado, SHERRY, esposa do presidente PALMER, procura o candidato da oposição e conta que tem como ele ganhar a eleição, também traindo seu próprio marido. Conta ela o episódio da morte de ALLAN e como se deu a impossibilidade dele tomar o remédio para combater a crise cardíaca que estava tendo. Mas o irmão de PALMER, seu cunhado, tem olheiros no comitê do adversário do presidente e fica sabendo de que SHERRY esteve à procura dele. TONY ALMEIDA tira JANE da UCT, quando todos já sabem de sua traição e há então uma caçada atrás do agente TONY, ao mesmo tempo em que todos os setores da UCT procuram também rastrear o local onde está homiziado SAUBER.



2 006 : - TERÇA-FEIRA

Por causa das chuvas que vêm caindo nesses últimos dias, a temperatura fica agradável, passando um pouco mais dos 20 graus. LUCINDA está preocupada com a MARLENE. Ela está com 48 anos e não tem um plano de saúde. Vai tentar arrumar um para que ela possa se tratar da diabetes que está causando problemas em órgãos importantes do organismo.

Vou para a cidade de SÃO PAULO quase ao meio-dia. Encontro alguma confusão no MMDS. Alguns oficiais querem passar a adidos a Unidades de outros Estados. Estamos tratando disso. Por outro lado GESOFATO manteve contato para vir fazer nosso estágio em SÃO PAULO, trazendo consigo o FÁBIO. VICTÓRIO mostra-se confuso nesta reunião. Relembra acontecimentos passados em que teve atuação preponderante. Alguns fatos mais delicados, onde ele se expôs desnecessariamente, repercute até hoje. Isso está influindo em sua saúde porque sente uma insegurança e uma perseguição que, acho, está somente em sua cabeça. Conversa comigo a respeito e sua situação não é boa. Parece-me doente, obsessivo, delirante.

Nesta tarde, na Sociedade Veteranos de 32-MMDC, contamos com as presenças do CORONEL PM Res MENDES, CORONEL PM Res RICARDO JACOB, ANTÔNIO CARLOS NACLÉRIO HOMEM. Recebo, tão logo chego, um telefonema de MARIA CECÍLIA NACLÉRIO HOMEM. Trata-se da reunião de 9 de fevereiro de 2006, na Associação Comercial, quando iremos estudar dos novos rumos do Movimento “TÚNEL NOVE DE JULHO PARA SEMPRE”.

Um boletim especial lido pelo CORONEL PM ALTINO MAGNO FERNANDES, no enterro do CAPITÃO MENDES JÚNIOR, que tenho em minhas memórias, causa interesse para os CORONÉIS MENDES e RICARDO. Forneço-lhes cópia desse documento, datado de setembro de 1970. O RICARDO telefona para o filho do CORONEL ALTINO, também ALTINO, de sua turma, que já passou para a reserva, que se interessa por esse boletim especial.

Recebo um e-mail do AMÉRICO, que se encontra na BAHIA. Descreve a situação atual e diz que em 13 de fevereiro deverá se apresentar na entidade. A Operação “2006” irá acabar nessa data.

Temos alguns problemas com pensões especiais. Uma senhora vem de BRAGANÇA PAULISTA para tratar desse assunto. Elaboro uma certidão a respeito, mas o presidente GINO não está presente para assinar a mesma. Isso fica para amanhã.

MENDES discute a reunião extraordinária marcada para quinta-feira, dia 2 de fevereiro, para sabatinarmos o GENERAL BUENO sobre a situação atual do restauro do Monumento-Mausoléu. Às 16:30 horas, deixamos a Sociedade. MENDES leva-me até a ARMÊNIA. Retorno para GUARULHOS. Até alcançarmos a Marginal TIETÊ o trânsito está bastante carregado.



Com o pedido de indiciamento de 34 pessoas e 3 empresas, foi aprovado hoje por unanimidade o relatório preliminar da CPI DOS BINGOS sobre a renovação do contrato das loterias da Caixa Econômica Federal com a multinacional GTECH. O relator GARIBALDI ALVES cita na lista de pessoas a serem indiciadas o presidente da CAIXA, JORGE MATTOSO, e dois ocupantes do cargo no governo FERNANDO HENRIQUE – SÉRGIO CUTOLO e EMÍLIO CARAZZAI. Também é pedido o indiciamento de diretores da CAIXA que nos últimos oito anos participaram das negociações com a GTECH. GARIBALDI rejeitou emenda do senador ANTERO PAES DE BARROS que pedia que o ministro da Fazenda, ANTÔNIO PALOCCI, fosse incluído na relação de indiciados. Estão na lista, porém, um assessor particular dele, ADEMIRSON ARIOSVALDO DE SILVA, um ex-assessor, ROGÉRIO BURATTI, e o ex-assessor da Casa Civil, WALDOMIRO DINIZ.



O arcebispo metropolitano de BELO HORIZONTE, dom WALMOR OLIVEIRA DE AZEVEDO, confirmou hoje a beatificação do padre EUSTÁQUIO para o dia 15 de junho, na capital mineira. Na mesma data, a Igreja Católica celebra a Festa de CORPUS CHRISTI. Como a expectativa é de que o evento reúna cerca de 80 mil pessoas, as duas celebrações acontecerão no estádio GOVERNADOR MAGALHÃES PINTO, o MINEIRÃO. A celebração será presidida pelo cardeal SARAIVA MARTINS, arcebispo de LISBOA e prefeito da SAGRADA CONGREGAÇÃO PARA A CAUSA DOS SANTOS. Com a beatificação, falta apenas mais um passo para que ele vire santo. Para isso, é preciso que seja reconhecido pelo VATICANO, um segundo milagre seu.



A eleição fez a primeira baixa na gestão JOSÉ SERRA. O secretário de Comunicação, SÉRGIO KOBAYASHI, deixou o cargo para se dedicar a campanhas do PSDB. O tucano, que coordenou a campanha de SERRA em 2004, negou que sua saída seja sinal de que SERRA será candidato à Presidência. O prefeito deve extinguir amanhã a secretaria, que dará lugar à Agência Municipal de Comunicação. O subprefeito do BUTANTÃ, MARCOS ALBUQUERQUE, também sai, e dá lugar a MAURÍCIO PINTERICH, ex-prefeito de PIRAJU.



A viúva do defensor dos direitos civis MARTIN LUTHER KING, CORETTA SCOTT KING, morreu hoje, aos 78 anos, em ATLANTA, GEÓRGIA. O anúncio foi feito pelo ex-prefeito da cidade e também ativista dos direitos civis, ANDREW YOUNG. “Ela morreu dormindo e foi encontrada pela filha”, disse YOUNG. “Seu espírito continuará presente, assim como o de seu marido”.

CORETTA YOUNG havia sofrido um derrame cerebral no ano passado, que se somou a uma série de outros problemas de saúde dos quais sofreu nos últimos anos. Sua última aparição pública foi no dia 16, feriado em homenagem a MARTIN LUTHER KING. Estava numa cadeira de rodas e, pela primeira vez em 20 anos, não fez nenhuma declaração durante a cerimônia realizada no CENTRO MARTIN LUTHER KING para a MUDANÇA SOCIAL NÃO-VIOLENTA, que dirigia em ATLANTA.

Após o assassinato do marido, em 1968, CORETTA deu prosseguimento à luta dele em defesa dos direitos civis dos negros. Lutou durante anos para que MARTIN LUTHER KING fosse homenageado com um feriado anual. Essa demanda foi atendida pelo presidente REAGAN, em 1983. Mudou o CENTRO MARTIN LUTHER KING para MUDANÇA SOCIAL SEM VIOLÊNCIA, em ATLANTA, dedicado a conceder bolsas de estudo e promover o ativismo social.



GRACE VAN DERWERKEN, submetida ao primeiro procedimento de implante de “stent” cardíaco ainda no útero de sua mãe, teve alta na sexta-feira, dia 27 de janeiro. O procedimento inovador foi realizado no CHILDREN´S HOSPITAL, de BOSTON, pela equipe do médico JAMES LOCK. O dispositivo foi colocado em 7 de novembro passado no feto em desenvolvimento de uma gravidez de 30 semanas. A criança nasceu em 10 de janeiro e foi submetida no dia 13 à primeira parte da operação corretiva de três estágios – a segunda deve ocorrer quando GRACE tiver entre 4 e 6 meses; a terceira, entre 1 e 3 anos.



Uma noite previsível no BBB6. O modelo DANIEL SAULLO foi eliminado da Casa com 67% dos votos. Ele disputava a permanência com o carioca AGUSTINHO, que ficou com 33% dos votos. O paredão de hoje teve votação de 13 milhões de pessoas.



Um clima descontraído e todo mundo disposto a mostrar serviço para o novo chefe. Foi o que o alemão LOTHAR MATTHÄUS encontrou hoje pela manhã, em CURITIBA, em seu primeiro dia como treinador do ATLÉTICO PARANAENSE. MATTHÄUS apresentou-se ao grupo e em seguida comandou, ao lado de seu tradutor, KLAUS JUNGINGER, o primeiro treino no CT do CAJU. Mas o alemão não estará no comando, no jogo de amanhã, contra o CIANORTE, às 20 horas, na ARENA DA BAIXADA. O time será dirigido pelo interino VINÍCIUS EUTRÓPIO, que passa o posto no fim de semana, contra o GALO MARINGÁ.



O namorado de SIMONE CASSIANO DA SILVA, acusada de atirar a própria filha na LAGOA DA PAMPULHA, prometeu requerer a guarda do bebê caso tenha a paternidade comprovada no resultado do exame de DNA. Ele se apresentou para depor ao delegado HÉLCIO SÁ, responsável pelo caso. O homem se identificou apenas como “JEFFERSON”, tem 57 anos e disse que é advogado. O advogado de SIMONE entrou com pedido no Juizado da Infância de guarda do bebê em favor dos avós maternos. E a Justiça determinou o registro provisório da criança, que será feito amanhã. Ela se chamará LETÍCIA MARIA CASSIANO, nome que poderá ser mudado por quem ficar com a guarda definitiva. LETÍCIA foi salva no sábado por um vigia que foi alertado por populares do som de choro que vinha de um saco que boiava nas águas. Pensaram tratar-se de gatos e se chocaram quando descobriram que se tratava de um bebê.

O depoimento de um ex-namorado, também ouvido hoje pela polícia, complicou a situação de SIMONE. O sargento reformado da PM JOSÉ RESENDE FILHO, de 55 anos, disse que namorou por dois anos com ela. Nesse período, no qual eles chegaram a morar juntos, SIMONE teria revelado uma personalidade difícil, chegando em três ocasiões a tentar matá-lo, segundo o policial. O ex-namorado não poupou a moça, que segundo ele era usuária de drogas e até cometia pequenos furtos. O ex-namorado chegou a dizer que ela era garota de programa.



A GLOBO apresenta hoje o 21º capítulo de “24 HORAS”, quando o míssil é disparado por MARWAN, pondo em risco alguns milhões de habitantes dos EUA. O terrorista é detido e interrogado por JACK BAUER, sem resultado. O presidente CHARLES LOGAN, numa das madrugadas mais trágicas para o país, liga para BAUER e fica sabendo de tudo o que está acontecendo, colocando os EUA em regime de alerta máximo.

Na UCT, uma descoberta vai chocar AUDREY e seu pai, o Secretário da Defesa, HELLER. É que EDGAR descobre uma ligação telefônica do celular de RICHARD HELLER, filho do Secretário e irmão de AUDREY, para com MARWAN. Isso faz com que seja ordenada a imediata detenção de RICHARD e levado para a UCT para ser interrogado. O Secretário da Defesa é alertado por BUCAHANAS e se encaminha para a UCT, a fim de ver o filho.

MARWAN está para ser conduzido para a UCT quando o local é invadido por dezenas de terroristas que vão resgatar o líder.

Diante da gravidade o Presidente LOGAN reúne seu Gabinete Ministerial e conta o que está acontecendo. Não se sabe ainda qual é o alvo do míssil disparado. Mas o porta-voz do Gabinete entra em choque com LOGAN e questiona a presença de PALMER na CASA BRANCA, pois acha que ele é que deveria aconselhar o presidente.

RICHARD HELLER é trazido para a UCT. Seria interrogado por BAUER, mas AUDREY pede para falar com o irmão. Não consegue nada. Mas o pai tira a filha do local e fala duro com o filho. Este conta que há uma semana atrás conheceu um casal num baile e o conduziu até seu apartamento. A mulher teria usado seu celular. Ele não sabia que essa mulher teria usado o seu aparelho para falar com o terrorista. Na verdade ele foi atraído para uma armadilha, que, como conseqüência resultou no seqüestro de HELLER e sua filha AUDREY. Resta agora a captura desse casal, um elo de ligação com o líder dos terroristas.

Enquanto isso, na CASA BRANCA, PALMER é apresentado ao Gabinete Ministerial e explica sua estratégia quando ao míssil disparado. Não avisar a população para não causar pânico e sim tentar desviar o artefato de seu objetivo. O porta-voz do Gabinete, enciumado, entre em choque com LOGAN e PALMER. Este prefere se retirar e deixar que resolvam o problema sem a sua presença.

Na UCT, MICHELE entra em crise, face a avalanche de problemas. Procura se conciliar com o ex-marido, TONY ALMEIDA.

BAUER, CURTIS, TONY ALMEIDA e outros agentes vão para o condomínio onde mora o casal suspeito. O local é cercado. A mulher percebe o que está acontecendo e atira em seu parceiro, matando-o. BAUER invade o apartamento suspeito. A mulher consegue atirar num dos agentes e TONY chega na hora e pede para ficar no lugar do agente ferido. É subjugado pela mulher, que, a sangue frio, mata o agente.

RICHARD HELLER reconhece o rapaz morto como sendo aquele que esteve com ele há uma semana atrás. A terrorista usa TONY como escudo e JACK BAUER pede reforço para impedir a fuga dessa mulher.



HOLLYWOOD acordou hoje de madrugada para ver “O SEGREDO DE BROKEBACK MOUNTAIN” confirmar seu favoritismo para o OSCAR, indicado oito vezes, sendo o recordista do ano. Outros filmes: MUNIQUE, de STEVAN SPIELBERG e BOA NOITE E BOA SORTE, de GEORGE CLOONEY. Frustraram-se as esperanças de uma representação brasileira. “DOIS FILHOS DE FRANCISCO”, de BRENO SILVEIRA, não sensibilizou os votantes que indicam os candidatos para filme estrangeiro, mas isso não diminui a força da obra nem o seu significado para o cinema do País. FERNANDO MEIRELLES também não foi indicado para direção, mas “O JARDINEIRO FIEL” vai concorrer a quatro estatuetas, entre elas atriz coadjuvante (RACHEL WEISZ) e roteiro (JEFFREY CAINE). Neste ano o OSCAR irá ser entregue no dia 5 de março. O azarão desta disputa, indicado para filme, direção, roteiro original, montagem e ator coadjuvante (MATT DILLON) é CRASH - NO LIMITE, de PAUL HAGGIS, que investe no tema da violência urbana para discutir a instabilidade moral dos EUA, na atualidade.



Em mais uma tragédia causada por arma de fogo nos EUA, uma ex-funcionária de um escritório do correio do Estado da CALIFÓRNIA invadiu o local onde trabalhava e, após assassinar seis pessoas e ferir com gravidade uma sétima vítima, se suicidou. O sangrento ataque ocorreu na cidade de GOLETA, distante cerca de 160 km de LOS ANGELES. O sargento ERIK RAINEY, um dos primeiros policiais a chegar ao local do crime, afirmou que “a mulher entrou no edifício com uma arma desconhecida e começou a disparar contra os outros funcionários”. As autoridades não informaram sobre as razões que levaram a ex-funcionária, que não teve o nome revelado, a abrir fogo contra os antigos colegas. Outros policiais encontraram dois corpos no estacionamento. Dentro do edifício, foram achadas duas pessoas feridas, que foram encaminhadas a hospitais. Uma morreu e outra segue em estado grave. As autoridades vasculharam o escritório e encontraram mais três corpos, além do da própria mulher, que aparentemente cometeu suicídio.



Na última reunião do FEDERAL RESERVE (FED, o banco central americano) sob seu comando, ALAN GREENSPAN aumentou os juros de curto prazo dos ESTADOS UNIDOS, deixou a porta aberta para novas altas e se despediu. ALN GREENSPAN, 79 anos, assumiu o posto em 1987. Enfrentou crises como a “segunda-feira negra” em outubro de 1987, duas recessões, em 1990 e 2000, a crise asiática, em 1997, a explosão da bolha de tecnologia em 2000 e os atentados terroristas de 2001. Admirado pela forma como seguiu com rigor os manuais econômicos nos tempos de normalidade e também como foi flexível e criterioso em empreender mudanças e correções de rumo nos momentos de crise. Seu substituto, BEM BERNANKE, tem 52 anos. Estudou em HARVARD, tem PhD do Instituto de Tecnologia de MASSACHUSETTS e dirigiu o Departamento de Economia da Universidade de PRINCETON. É membro do Conselho de Consultores Econômicos de BUSH e participou do Conselho de Diretores do FED de 1996 a 2002. Defende uma meta de inflação explícita que possa guiar a política monetária e facilitar o acompanhamento das políticas do FED para os investidores.



Foi empossado como o 110º Juiz da Suprema Corte americana SAMUEL ALITO JÚNIOR, de 55 anos. Ele assume a vaga da juíza aposentada SANDRA DAY O´CONNOR. O conservador ALITO desagrada aos democratas e a grupos favoráveis ao avanço nas leis de direitos civis, principalmente as que dizem respeito ao aborto. Em WASHINGTON.



2 007 : - QUARTA-FEIRA

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO

COMANDO DE POLICIAMENTO DE ÁREA METROPOLITANA 2

DÉCIMO-SEGUNDO BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR METROPOLITANO



O COMANDANTE GERAL DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO E O COMANDANTE DO 12º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR METROPOLITANO, TÊM A HONRA DE CONVIDAR V. EXª PARA AS SOLENIDADES ALUSIVAS AO 50º ANIVERSÁRIO DESTA UNIDADE.

Solenidade Cívico Militar

31 de janeiro de 2007, às 09,00 horas

Local: Av. Pedro Álvares Cabral, s/n º , Monumento aos Heróis de 32

Estacionamento no portão 3 (bolsão) do Parque do Ibirapuera



Jantar Social

31 de janeiro de 2007, às 20:30 horas

Local: Rua Castro Verde, n º 266, Chácara Sto. Antônio



Esta solenidade proporcionada pelo TENENTE-CORONEL MONTE OLIVA é muito especial. Ele teve a feliz idéia de escolher a parte externa do Monumento Mausoléu para realizar o evento dos 50 anos de criação do 12º BPMM, batalhão que ele comanda atualmente. Movido pelo sentimento relacionado com o Movimento Constitucionalista, desde os tempos em que ele, como major, ajudou a criar o núcleo da Sociedade Veteranos de 32-MMDC, na LAPA, o MONTE OLIVA faz com que o aniversário de sua Unidade prestigie as Bodas de Diamante da Revolução de 1932.

Com o CORONEL MENDES, chegamos no local da cerimônia por volta das 8:30 horas. Somos surpreendidos pelo cuidado com que o MONTE OLIVA teve para montar o dispositivo de sua tropa e dos locais destinados aos visitantes. Nunca vi uma comemoração na parte superior do Monumento. A tropa está posicionada na frente de uma das entradas de bronze do Obelisco. Isso tem um significado muito grande. É a reverência do presente com os feitos heróicos de 1932.

O CORONEL PM Ref OMAR JOSÉ DE CAMPOS VERDE está presente. Ele é pai do CAPITÃO PM MÁRCIO, que serve no 12º BPMM. Logo chega o COMANDANTE GERAL, CORONEL PM DINIZ. Vem acompanhado do CORONEL PM JORGE LUIZ, atualmente servindo na Assistência Militar da Assembléia Legislativa. O Cmt do CPC, CORONEL PM ANTÔNIO CARLOS RODRIGUES também chega junto com o Cmt Geral. Outros coronéis: IZAUL SEGALLA, Comandante do CPAM-5; SAINT CLAIR DA ROCHA COUTINHO, atual Diretor de Finanças.

O MAJOR-BRIGADEIRO APRÍGIO AZEVEDO, Comandante do IV COMAR, vem prestigiar o evento. Outros oficiais presentes: CORONEL PM Res OLDECIR, TENENTE-CORONEL TURA (do Exército – Comando Sudeste) – TENENTE-CORONEL PM CAVALHEIRO (Cmt Interino do CPAM-2) – TENENTE-CORONEL PM DUTRA – CORONEL PM Juiz Aposentado ANTÔNIO NEVES – CORONEL PM Ref HERMES CRUZ (presidente da AORRPM) – CORONEL PM Res NOGUEIRA (da COOPMIL) – Professor JOSÉ CARLOS DE BARROS LIMA – CAPITÃO GONZALEZ (do Exército) – Delegado de Polícia ALDO GALIANO (DECAP) – Secretário das Administrações Penitenciárias, ANTÔNIO FERREIRA PINTO. Comparece também muitas crianças de escolas da região e pessoas amigas do batalhão, como os senhores FERNANDO B. PORTARO (que quer presentear o Museu MARIA SOLDADO com um capacete que foi de um parente seu, combatente da revolução de 32), ARLINDO GALGARO, comerciante.

O Secretário dos Negócios da Segurança Pública, RONALDO MARZAGÃO, vai presidir a Solenidade. Nosso presidente, GINO STRUFFALDI, faz-se acompanhar de dona DINORÁH.

A tropa formada está sendo comandada pelo CAPITÃO FOUQUET, comandante também da 2ª Companhia do 12º BPMM, responsável pela segurança do Monumento Mausoléu.

O momento alto da cerimônia é a entrega das Medalhas MMDC e GOVERNADOR PEDRO DE TOLEDO:

Medalha Governador Pedro de Toledo

POSTO / GRADUAÇÃO NOME COMPLETO

Ten Cel PM WANDERLEY MEDEIROS

Maj PM PAULO GARCIA DE AQUINO

Maj PM HOMERO DO VAL SOUTO

Cap PM JOÃO ALFREDO LACORTE TRINCK

Cap PM ENIVALDO FOUQUET

1º Ten PM WAGNER EVARISTO WENCESLAU

1º Ten PM DAVID FERNANDES PEDROZZA JUNIOR

2º TeN QAOPM SAMUEL PHELIPPE DE SOUZA GOMES

Sub Ten PM GERALDO MAGELA DE SOUZA

3º Sgt PM MARCELO MARTINEZ







Medalha MMDC

Ten Cel PM AIRTO CAVALHEIRO DE QUEIRÓS

1º Ten PM MAURICIO DE ARAUJO

1º Ten PM SERGIO DE BARROS FERRAZ

1º Ten PM DANIEL KUMAI

1º Ten PM ANDRE LUIS MARTINS ATTIE

1º Ten PM ALMIR GILBERTO PIRES

1º Sgt PM ODAIR MARTINS

3º Sgt PM CARLOS ALBERTO MODESTO

CB PM GILSON DA SILVA

SD FEM PM ELZA MARIA DA SILVA



Depois do desfile, podemos conversar com as autoridades presentes, principalmente com o Secretário da Segurança Pública, RONALDO MARZAGÃO, que em seu discurso lembrou que, como tenente, veio trabalhar no 12 º BPMM. Ele chegou até o posto de Capitão, quando resolveu prestar concurso para a promotoria. O mesmo aconteceu com o secretário das Administrações Penitenciárias, ANTÔNIO FERREIRA PINTO. Também é a segunda vez que cruzamos com o novo Comandante Geral, CORONEL PM FERNANDO ANTÔNIO DINIZ.

Deixamos o IBIRAPUERA quase ao meio-dia. O MENDES vai até sua casa e eu vou resolver problemas no BANESPA. Depois, encontro ALEMÃO e ILÁDIO. Fico sabendo que o estágio dos companheiros baianos ADRIANO e AMANDO está para se encerrar. Logo compareço no MMDC para um dia muito complicado. Trata-se do “DIA DOS ANIVERSARIANTES”, entre eles o CORONEL PM RICARDO JACOB, nosso tesoureiro. Acontece que o JOSÉ D´AMICO, do TRE, marcou uma audiência na FEDERAÇÃO PAULISTA DE FUTEBOL, com o presidente MARCO POLO DEL NERO. Ele pretende mudar o nome de uma copa realizada nos meados do ano para “HERÓIS DE 32”. ROMAGNOLI, GINO e MENDES estão prontos para ir até a BARRA FUNDA, onde fica a FPF, mas uma perua do TRE, que iria nos levar, está muito atrasada. Apesar disso, quase às 15 horas, chega o D´AMICO. Vamos para a audiência. Perdemos tempo. Quem nos atende é o vice-presidente GILBERTO BARBOSA. O D´AMICO faz uma longa explanação do pleiteado. O vice-presidente recebe a documentação necessária mas já se verifica de antemão que não iremos conseguir mudar o nome da copa. Apenas os 75 anos da Revolução serão lembrados por ocasião de uma partida de futebol. Uma senhora, dona ISABEL, que já conhece o episódio de 32, pois fez uma matéria em 2002, nas comemorações dos 70 anos do Movimento Constitucionalista, é bem objetiva. Através dela conseguimos que o Presidente MARCO POLO DEL NERO nos atenda. Foram citados nomes de jogadores de futebol que pertenceram ao Movimento Constitucionalista. O presidente lembra o jogador DEL NERO, seu pai. Enfim, apesar de tudo, acredito que a reunião foi proveitosa.

Retornando ao MMDC, já aconteceu a festa dos aniversariantes, capitaneada pelo CORONEL PM RICARDO JACOB. Entre os que participaram: NACLÉRIO HOMEM, CORONEL ARY CANAVÓ, CARRARO, e algumas senhoras que visitaram a Sociedade nesta tarde.

Quase as 18 horas, deixo o MMDC. O dia de hoje foi cansativo. Em casa, embora esteja muito atrasado com as anotações computadorizadas, pouca coisa posso fazer.



O DIÁRIO OFICIAL publica a TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA DO TENENTE-CORONEL PM CLÁUDIO MARQUES TROVÃO, Comandante do 44º BPMM. Nasceu em 16 de outubro de 1958. Entrou para a PMESP em 01 de fevereiro de 1977. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1979. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1980; 1º TENENTE – 24 de maio de 1984; CAPITÃO – 24 de maio de 1989; MAJOR – 24 de maio de 1999; TENENTE-CORONEL – 15 de dezembro de 2003.



As obras da ESTAÇÃO PINHEIROS do metrô, parcialmente destruída após o desmoronamento do dia 12, vão atrasar entre três e seis meses, prazo previsto para a conclusão da perícia técnica realizada pelo Instituto de Criminalística e Instituto de Pesquisas Tecnológicas. Isso se os trabalhos não encontrarem nenhum percalço e transcorrerem rapidamente. O prazo é do conhecimento do Governo do Estado, que anteriormente previa a conclusão da primeira etapa da obra em dezembro de 2008.



“Sua idade não justifica seu roubo”. A frase foi pichada no portão da casa do juiz aposentado NICOLAU DOS SANTOS NETO, de 78 anos, no MORUMBI. Além da pichação, o imóvel foi atingido por ovos, hoje de madrugada. A pichação foi feita cerca de sete horas depois de LALAU chegar em casa para cumprir prisão domiciliar. Ele deixou o prédio da Polícia Federal em uma ambulância por volta das 16:30 horas. Entrou em sua residência deitado numa marca, com os olhos fechados e tremendo as mãos.



Depois de viver um ano e 29 dias como milionária, ADRIANA ALMEIDA passou a noite em um colchonete, no chão de uma cela comum, na carceragem da POLINTER, de SÃO GONÇALO (RJ). Ao lado de outras doze presas de baixa periculosidade, a viúva do vencedor da Mega Sena assassinado, RENÉ SENNA, chorou a noite inteira e não conversou com ninguém. A primeira noite da viúva, na carceragem, que tem outras 90 detentas, foi precedida de um jantar bem diferente do sofisticado café da manhã que tomou no luxuoso Hotel TIO SAM, em NITERÓI. Já entre as grades, ADRIANA jantou um prato de sopa de macarrão, legumes, carne e pão francês. Hoje, no almoço, o cardápio mudou. ADRIANA comeu arroz, feijão, farofa e legumes sortidos. Ela continuava sem falar com suas colegas de cela.



O empresário libanês JOSEPH NOUR EDDINE NASRALLAH, de 52 anos, preso pela Polícia Federal por tráfico internacional de drogas, era conhecido em VALINHOS como “sheik do petróleo”. Tido como reservado, porém de hábitos extravagantes, o “sheik” estava construindo uma mansão suntuosa de 42 milhões de reais, em um condomínio de luxo da cidade. NASRALLAH foi preso durante a OPERAÇÃO KOLIBRA (que significa conexão LÍBANO-BRASIL), Ele é apontado pela PF como um dos líderes da organização de traficantes.



O árbitro OTÁVIO CORRÊA DA SILVA ainda era um desconhecido do público paulista até a noite de hoje. Era, porque depois da expulsão do volante MARCELO MATTOS, aos 24 minutos de jogo, na qual não teve bom senso, certamente vai ser o nome mais comentado nos próximos dias. Com um atleta de menos, o CORINTHIANS não conseguiu segurar o ímpeto do SÃO CAETANO e sofreu a segunda derrota seguida do ESTADUAL, ao cair por 1 a 0 no PACAEMBU.

Num jogo até então sem muita emoção e com bastante disputa na marcação, um simples lance lateral acabou definindo o rumo de um duelo sem favoritos. O zagueiro do SÃO CAETANO deu um chutão para a frente, mas havia outra bola em campo. BETÃO rebateu a que estava em jogo e MATTOS chutou a que atrapalhava para fora e dominou a outra. O árbitro resolveu expulsar o volante, que já tinha amarelo.



É no mínimo irônico. Hoje, em CAMPINAS, o PALMEIRAS teve sua melhor atuação no Campeonato Paulista. Mas saiu de campo com sua primeira derrota. Mesmo com um futebol totalmente ofensivo, e bem superior ao da PONTE PRETA, o time alviverde perdeu por 2 a 1, no jogo em que EDMUNDO começou na reserva. De nada adianta ser ofensivo se as finalizações não são certeiras. Com o tropeço, o PALMEIRAS caiu para a quinta colocação, com 10 pontos. Outros jogos: RIO CLARO 2 x BARUERI 2; ITUANO 1 x NOROESTE 0; GUARATINGUETÁ 0 x BRAGANTINO 0; AMÉRICA 1 x MARÍLIA 0; SÃO BENTO 1 x JUVENTUS 1.



Barrado no Congresso Nacional, por não saber se vestir adequadamente, o deputado federal CLODOVIL HERNANDES. Ele estava sem gravata. Voltaria no dia seguinte com o adereço no pescoço, combinado a um terno branco, uma camisa preta, chapéu e bengala cafonérrimos. Alguém precisa arranjar urgentemente um personal stylist para esse deputado.



Nesta quarta-feira, foi internado na UTI do Hospital da BAHIA, em SALVADOR, o escritor JOÃO UBALDO RIBEIRO. Ele sofreu um derrame na ilha de ITAPARICA, onde passava férias. O escritor de 66 anos é hipertenso.



Sem sustos nem sobressaltos, o SANTOS está muito perto da chave principal da TAÇA LIBERTADORES DA AMÉRICA. O placar de 1 a 0, embora magro, foi suficiente para mostrar a superioridade brasileira diante do BLOOMING, em SANTA CRUZ DE LA SIERRA. Agora, é hora de esquecer o inofensivo time boliviano para pensar no PALMEIRAS, adversário de domingo pelo PAULISTA. O BLOOMING jogou em casa, apoiado por uma empolgada torcida, mas manteve a atitude típica de visitante: recuado em seu próprio campo, só atacou na base de contra-ataque. E para compensar a falta de qualidade, o time boliviano abusou da violência.



RONALDO acordou cedo hoje, encarou o frio e chegou animado para seu primeiro dia de trabalho no MILAN. Treinou por quatro horas, entre o final da manhã e o início da tarde. À noite, assistiu a derrota do MILAN para o ROMA por 3 a 1, na capital italiana. Representou a eliminação da sua nova equipe na COPA ITÁLIA. A ROMA decide o título conta INTERNACIONAL ou SAMPDORIA, que jogam amanhã. A INTER venceu o primeiro jogo por 3 a 0.



A Assembléia Nacional venezuelana aprovou hoje, numa cerimônia inédita em praça pública,a lei que dá ao presidente HUGO CHÁVEZ poderes extraordinários para governar por decreto durante 18 meses. A chamada LEI HABILITANTE passou por unanimidade na cerimônia na PRAÇA BOLÍVAR, no Centro de CARACAS. CHÁVEZ não participou da sessão, mas foi representado pelo vice-presidente, JORGE RODRÍGUEZ. Ele rejeitou com ironia as acusações da oposição, segundo a qual a HABILITANTE levará a uma concentração de poder excessiva nas mãos do presidente – dando ao regime contornos de uma ditadura. “Claro que queremos instaurar uma ditadura na VENEZUELA – a democracia é a ditadura de todos. Juntos construiremos um país diferente”, disse.



A mineira TATIANA BARROS, de 22 anos, foi morta a facadas na manhã do último domingo, dia 28, em TAMPA, no Estado da FLÓRIDA (EUA). Segundo o canal brasileiro “GLOBONEWS” e o jornal americano “THE TAMPA TRIBUNE”, o principal suspeito é o também brasileiro FÁGNER BARROS DIAS, de 24 anos, marido da vítima, que teria admitido a autoria do crime.

A Justiça dos EUA acusa FÁGNER de homicídio em primeiro grau. TATIANA foi morta com várias perfurações por volta das 11:30 horas do dia 28. Após brigar com o marido, na noite de 27, TATIANA foi dormir na casa de conhecidos. Na manhã de domingo, a mineira voltou a apartamento onde morava com o acusado para pegar alguns pertences. Ela estava acompanhada de amigos. FÁGNER quis ficar alguns instantes com a mulher e insistiu que queria ficar a sós com TATIANA. Ao entrar no apartamento, TATIANA foi esfaqueada.



2 008 : - QUINTA-FEIRA

Um carro do CSM-Tel vem me buscar às horas. Combinamos realizar uma palestra para mais de cem PMs nessa Unidade, nesta manhã. O CSM-Tel fica localizado no complexo da Corporação, na Invernada, entrando pela Academia de Polícia Militar do Barro Branco. O PM FÉLIX, idealizador dessa palestra, vai me conduzir até a sala do Chefe do CSM-Tel, TENENTE-CORONEL LUIZ CARLOS FERNANDES, filho do velho CORONEL PM ALTINO MAGNO FERNANDES (meu comandante em 1968, no 1º BATALHÃO “TOBIAS DE AGUIAR”). Logo chega o CORONEL PM ANTÔNIO CARLOS MENDES. Ele traz o DVD da “GUERRA DOS PAULISTAS”. Conversamos sobre episódios passados da nossa antiga Força Pública, focalizando a figura do CORONEL PM Ref ALTINO, já falecido.

Essa reunião vai acontecer num prédio da APMBB, antigamente ocupado pelos bombeiros. O Chefe do CSM-MTel apresenta-nos à tropa reunida num salão de conferências. Inicialmente cantamos o HINO NACIONAL e a CANÇÃO DA POLÍCIA MILITAR; são homenageados os PMs com láureas de Mérito Pessoal, Diploma do policial do mês. O CORONEL PM MENDES fala em nome do presidente GINO, que não pôde comparecer nesse evento. Passa-me a palavra e faço a seguinte palestra:



PALESTRA NO CSM-MTEL EM 31 DE JANEIRO DE 2007



23 DE MAIO FOI O PRÍNCIPIO DO 9 DE JULHO, EM 1932



O brioso povo de SÃO PAULO (que se concentrara em frente ao Palácio do Governo, exultante pelo fato de o Interventor PEDRO DE TOLEDO, impertérrito, haver feito a nomeação de seus Secretários, sem consultar GETÚLIO VARGAS) rumou ao Centro da Cidade, na direção do prédio onde estava a “LEGIÃO REVOLUCIONÁRIA” (organização getulista), quando, na PRAÇA DA REPÚBLICA, esquina com a rua BARÃO DE ITAPETININGA, rajadas de metralhadora sobrepuseram-se ao vozerio da multidão. Tombaram mortos MÁRIO MARTINS DE ALMEIDA, EUCLYDES BUENO MIRAGAIA, DRÁUSIO MARCONDES DE SOUZA e ANTÔNIO AMÉRICO CAMARGO DE ANDRADE. De seus nomes surgiu a sigla MMDC, que se transformou no lábaro da luta pela constitucionalização do BRASIL!



O tiroteio foi até às 4:15 horas da manhã de 24 de maio. No chão, esquina da rua com a praça, estão mortos MIRAGAIA, CAMARGO e DRÁUSIO com seus apenas quatorze anos. Gravemente ferido por bala de metralhadora, MÁRIO MARTINS DE ALMEIDA, que morre ao ser removido para o pronto-socorro da polícia central. Feridos, também onze pessoas, entre elas ORLANDO ALVARENGA, que viria a falecer em 12 de agosto.

Horas depois, as iniciais dos nomes dos mortos haverão de formar a sigla da sociedade, a princípio secreta, que viria a ser forja e martelo da revolução constitucionalista: MMDC.



AURELIANO LEITE lembra que o MMDC começou num jantar num restaurante da RUA DAS FLORES, hoje SILVEIRA MARTINS, o “POSILIPO”. Foi a 24 de maio, e “éramos apenas quatro” em torno à mesa: “J. A. SAMPAIO VIDAL, membro do governo empossado, PRUDENTE DE MORAIS NETO, PAULO NOGUEIRA FILHO e eu”.



Trataram de abreviar a refeição, logo puseram mãos à obra. Daí a duas horas estavam reunidas no salão de chá do CLUBE COMERCIAL (à Rua LÍBERO BADARÓ) “VINTE E TRÊS PESSOAS DISPOSTAS A TODO SACRIFÍCIO”; J.A. SAMPAIO VIDAL, pelo governo; PAULO NOGUEIRA FILHO, CESÁRIO COIMBRA, FRANCISCO MESQUITA e AURELIANO LEITE, pelo Partido Democrático; FRANCISCO ALVES DOS SANTOS FILHO, EDGAR BATISTA PEREIRA, BERNARDO DE MORAIS e ALBERTO AMERICANO, pelo Partido Republicano Paulista; CARLOS DE SOUZA NAZARETH e BRENO FERRAZ, pela Associação Comercial; ANTÔNIO CARLOS PACHECO E SILVA, pelas classes liberais; CAPITÃO ANTÔNIO PIETCHER, técnico militar; ROBERTO VITOR CORDEIRO, JOSÉ TELES MATOS, GASTÃO SARAIVA, HERMAN DE MORAIS BARROS e FLÁVIO BATISTA DA COSTA, pelos estudantes; MOACIR BARBOSA, VALDEMAR SILVA e BRÁULIO SANTOS, pelos bancários; JORGE SOUZA REZENDE e TIAGO MASAGÃO FILHO”. Assinaram no outro dia a ta da reunião: SÍLVIO DE CAMPOS, JÚLIO MESQUITA FILHO e ANTÔNIO PEREIRA LIMA.



Alguns dias depois, EDGAR BATISTA PEREIRA lembrou os quatro mortos de 23 de maio para patronos espirituais da sociedade, que até então se chamava GUARDA PAULISTA. Representar-se-iam pelas iniciais: após alguns debates a sugestão foi aceita e daí a GUARDA ficou sendo a MMDC. Dividindo a cidade em vários setores, confiando cada qual a uma liderança, em menos de dez dias já contava a MMDC com cerca de cinco mil homens.



Na primeira vez em que apareceu em público, tinha a MMDC este Conselho Diretivo: SÍLVIO DE CAMPOS, PRUDENTE DE MORAIS NETO, CARLOS DE SOUZA NAZARETH, ANTÔNIO PEREIRA LIMA, ANTÔNIO CARLOS PACHECO E SILVA, AURELIANO LEITE e CAPITÃO ANTÔNIO PIETCHER (como assessor militar). Num domingo, a concentração e parada aconteceu no CANINDÉ. Compareceram mais de mil chefes e sub-chefes de grupos. “Assombrou a cidade e alarmou o BRASIL”, daí a pouco, sabendo de tudo pelos boatos as proporções foram multiplicadas.



O Governo de SÃO PAULO oficializou a MMDC em 10 de agosto – e entregou sua direção a um decenvirato: LUIZ PIZA SOBRINHO, PRUDENTE DE MORAIS NETO, JOSÉ CÁSSIO DE MACEDO SOARES, LÉVEN VAMPRÉ, ANTÔNIO CARLOS DE ABREU SODRÉ, JOAQUIM CELIDÔNIO FILHO, ELIAS MACHADO DE ALMEIDA, CESÁRIO COIMBRA, JAIME LEONEL, MÁRIO BASTOS CRUZ, ABELARDO VERGUEIRO CÉSAAR, ALARICO SOARES CAIUBI e CARLOS DE SOUZA NAZARETH. Esse decenvirato prosseguiu até o fim do Movimento Constitucionalista.

Em seguida a esse Conselho Geral, a MMDC compreendia três grandes divisões: a DIREÇÃO GERAL DO ABASTECIMENTO, a INTENDÊNCIA GERAL e o DEPARTAMENTO DE FINANÇAS.

Originalmente, a MMDC instalou-se na FACULDADE DE DIREITO. Passou-se, depois, para o antigo edifício do FORUM à Rua do Tesouro, esquina da 15 de Novembro (onde depois foi instalada a Caixa Econômica Estadual). Depois com a ampliação de seus serviços veio a instalar-se na Escola de Comércio ÁLVARES PENTEADO.



A população de SÃO PAULO demorou a notar que havia um levante em marcha naquele NOVE DE JULHO DE 1932. Era uma típica noite paulistana de sábado e as ruas do centro estavam animadas, com aquele aspecto cosmopolita que tanto agradava aos paulistas, orgulhosos de sua metrópole de um milhão de habitantes. Nos cinemas lotados, alguns assustavam-se com O VAMPIRO DE DUSSELDORF, que estreava no ODEON, enquanto outros optavam por MARLENE DIETRICH em O EXPRESSO DE SHANGAI, no PARAMOUNT. O TEATRO BELA VISTA apresentava uma companhia portuguesa e prometia para breve a volta de PROCÓPIO FERREIRA, com suas piadas sobre GETÚLIO, chefe do GOVERNO PROVISÓRIO, que o público considerava “impagáveis”. Os bares e cafés ainda fervilhavam, enfumaçados, quando, por volta das 22 horas, começaram os primeiros movimentos de tropas. Chamou a atenção que, pouco depois, alunos da FACULDADE DE DIREITO, no LARGO SÃO FRANCISCO, começaram a circular com fuzis a tiracolo. Pela meia-noite, tropas da FORÇA PÚBLICA ocupavam os CORREIOS e, em seguida, a TELEFÔNICA.



Eram os primeiros movimentos ostensivos de uma revolução marcada pela paixão com que o povo de SÃO PAULO se atirou a uma luta que foi ficando mais desigual e sangrenta à medida que aumentavam as traições à causa que a levou ao combate: depor o governo VARGAS e reconstitucionalizar o País.



No segundo trem noturno do dia 9 de julho, embarcou na Estação do RIO DE JANEIRO, o GENERAL JOSÉ LUIZ PEREIRA DE VASCONCELOS, novo comandante da 2 ª RM, em SÃO PAULO. Desembarcava em CAÇAPAVA e aderia à Revolução Constitucionalista. A FORÇA PÚBLICA DE SÃO PAULO, braço forte do Exército Constitucionalista, era comandada pelo CORONEL JÚLIO MARCONDES SALGADO. As tropas paulistas no VALE DO PARAÍBA foram comandadas pelo CORONEL FIGUEIREDO, que contava com três destacamentos: o do CORONEL ANDRADE, o do CORONEL PAIVA SAMPAIO e do CORONEL ABÍLIO DE RESENDE. A FRENTE NORTE esteve a cargo da FORÇA PÚBLICA (DESTACAMENTO ROMÃO GOMES) e a FRENTE SUL a cargo do DESTACAMENTO BRASÍLIO TABORDA.

A respeito do MOVIMENTO CONSTITUCIONALISTA disse MENOTTI DEL PICCHIA – “O MAIS BELO E COMOVENTE MOVIMENTO DA HISTÓRIA DAS AMÉRICAS E QUIÇÁ DO MUNDO”.



MARTINS FONTES disse, enfático: “Em GUANABARA, sob o sol que amamos / Rebradaremos, com bravor febril / Nós, de SÃO PAULO, rebrasilizamos / Os Estados Unidos do BRASIL.”



GUILHERME DE ALMEIDA, poeta da Revolução, proclamou: “Bandeira que é o nosso espelho / Bandeira que é a nossa pista! / Que traz no topo vermelho / o coração do Paulista!”



Fala sobre o nosso Movimento Constitucionalista – a “HISTÓRIA DO EXÉRCITO BRASILEIRO” -, lançada em 1973, com apresentação e prefácio dos generais de Exército BRENO BORGES FORTES e ALFREDO SOUTO MALAN:

Reconhece que “a eleição da Constituinte e a promulgação da Constituição em 1934 vieram enfatizar a vitória moral, que mais se acentuou com a nomeação de ARMANDO DE SALLES OLIVEIRA para a interventoria paulista”.

Diz ser justo “ressaltar, na parte de mobilização para a campanha de SÃO PAULO, o esforço do povo e das indústrias, para, em prazo considerado impossível, realizar, na maioria das vezes improvisando, linhas de produção de uniformes, equipamentos, capacetes, munições – embora muito aquém das necessidades, armamento, granadas, morteiros, máscaras contra gases, munição de artilharia e as célebres bombardas; produzindo veículos blindados, instrumentos óticos, material de saúde, e ainda suprimentos – viveres e rações, em condições de se manterem em conservação por longos períodos, inclusive refeições em lata para serem aquecidas, precursoras das atuais rações “R-2”.

Quanto a mobilização do pessoal, “no seu terceiro dia atingia, espantosa para a época, de 50 mil inscritos, grande maioria de voluntários, posteriormente organizados em batalhões com esse nome improvisados.”

Proclama afinal: “Revolução de 1932, o nosso maior movimento armado. O valor e a capacidade do homem, do brasileiro, em face da adversidade, superaram todas as expectativas, não só no campo material, das improvisações e imaginação, mas também no campo da elevação moral e espiritual, diante da causa e motivação para a defesa de suas convicções. Vencedor único: BRASIL!”.



CÂNDIDO MOTA FILHO, que após agradecer a medalha CONSTITUCIONALISTA, recebida numa de nossas solenidades em 9 de julho, ponderou em sua oração que a “Revolução de 32, apontada como um crime de lesa à Pátria, como uma reação de velhos políticos decaídos ou como fruto de uma irritação nativista, proveio das entranhas de uma sociedade política, obedecendo aos imperativos revolucionários de abarcar o País inteiro, porque sentíamos que o País estava subjugado pelo arbítrio, e desse modo, obedecíamos aos apelos de todas as consciências livres”. Lembrou, que o plenário da Assembléia, onde militara como constituinte em 1934 e como repórter político, era o lugar adequado para a solenidade, por ser a casa de “uma tradição gloriosa de cultura e de dignidade política, donde ecoaram grandes vozes como a de PRUDENTE DE MORAIS, defendendo as três grandes liberdades: a liberdade Nacional, a liberdade Individual e a liberdade Municipal.



Os jornais relembram também o pequeno herói ALDO CHIORATTO. PAULO BOMFIM escreveu: “Menino Paulista/ - dez anos apenas -/ vivendo a epopéia/ formando uma tropa/ com outros meninos/ Se fosse preciso/ iriam cantando/ lutar por São Paulo!/ E veio dos céus/ dos céus de Campinas/ a ave de fogo/ ferir a cidade/ E ALDO CHIORATTO/ tombou sobre a terra/ que o viu pequenino;/ e o vulto de um sonho/ - dez anos apenas/ marchou entre os anjos/ que em coro bradaram/ - Na vida e na morte,/ na paz e na guerra,/ Menino Paulista,/ Menino da guarda,/ Velai por São Paulo!”

MOEDA PAULISTA

GUILHERME DE ALMEIDA



Moeda Paulista, feita só de alianças,

Feita do anel com que Nosso Senhor

Uniu na terra duas esperanças,

Feita de tudo o que restou do amor!



Quanto vale essa moeda? – Vale tudo!

Seu ouro eternizava um grande ideal!

E ela traduz o sacrifício mudo

Daquela eternidade de metal.



Ela, que vem das mãos dos que se amaram

Vale este instante, que não tinha fim

Em que dois sonhos juntos se ajoelharam

Quando a Felicidade disse “Sim”;



Vale o que vale a união de duas vidas

Que riram e choraram a uma voz

E simbolicamente desunidas

Vão rolar desgraçadamente sós.



Vale a grande renúncia derradeira

Das mãos que acariciaram maternais,

O menino que vai para a trincheira

E que talvez... talvez não volte mais.



Vale mais do que vale o ouro maciço.

Vale a glória de amar, sorrir, chorar,

Lutar, vencer, morrer – Vale tudo isso

Que moeda alguma poderá comprar!



Num dos boletins comemorativos da POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO, assinado pelo COMANDANTE GERAL CORONEL PM THEODORO CABETTE vamos encontrar as seguintes palavras:

A Revolução Constitucionalista de 1932, foi um dos mais vivos exemplos da história pátria, na luta por um ideal. Derrotados pelas armas os paulistas não tiveram seus ideais sepultos por muito tempo. Os mártires da causa não tombaram em vão porque apenas dois anos após os heróicos sacrifícios, precisamente a 16 de julho de 1934, foi promulgada a Constituição dos Estados Unidos do Brasil, voltando nosso país a reger-se pelos ditames da Magna Carta.



Triunfou o ideal – a bandeira desfraldada, embora vencida no campo de batalha em que galhardamente se portou, viu, breve, reconhecidos os seus desígnios, em defesa dos quais pontificou a nossa querida Polícia Militar. Perdemos na refrega cerca de 194 homens, inclusive nosso ex-Comandante Geral Coronel Júlio Marcondes Salgado. Esse foi o sacrifício exigido pelo dever e podemos, hoje, orgulhosamente afirmar que nossos companheiros o cumpriram como nós o temos cumprido e cumpriremos sempre, por ser a nossa profissão de fé.



Companheiros da Corporação



Reavivemos em nossas memórias as passagens da magnífica epopéia de 32. Regozijemo-nos por descender da brava gente que pautou sua vida pela dedicação à lei e à ordem, oferecendo-a em defesa desses sacrossantos princípios. Imitemo-la para que tenhamos, no presente, a tranqüilidade de consciência decorrente do dever cumprido e para que possam no futuro, os que nos sucederem, orgulhar-se de nosso legado histórico como nós próprios nos orgulhamos dos heróis de 32.



Após a palestra, é exibido o filme “GUERRA DOS PAULISTAS”. Por volta das 11 horas encerramos a nossa participação na reunião mensal dos integrantes do CSM-MTel. Somos homenageados com um certificado e um troféu da Unidade. MENDES vai me deixar na estação do Metrô PARADA INGLESA. Vou para a Sociedade Veteranos de 32-MMDC, onde chego cedo nesta quinta-feira. Resolvemos os problemas da Sociedade, apresentados pela MARINEI e vou almoçar com os oficiais do MMDS, que também estão enfrentando séria crise financeira. Falamos sobre a situação crítica da Polícia Militar do RIO DE JANEIRO, relatada em minhas memórias, na data de ontem.

CORONEL PM MENDES chega por volta das 15 horas. Atendemos algumas pessoas que vêm à Sociedade nesta tarde. Um deles é o SARGENTO CLEMENTE, do 11º BPMM, um dos nossos associados mais recentes. Deixo o MMDC depois das 17 horas.



Nesta noite, no NACIONAL CLUB, RUA ANGATUBA, 703, no PACAEMBU, o historiador HERNÂNI DONATO falará sobre o tema “ASPECTOS CURIOSOS DA FUNDAÇÃO DE SÃO PAULO”, patrocinado pelo ROTARY CLUBE DO ITAIM. O horário não é bom para mim – 20 horas – como também não é conveniente para o nosso presidente. GINO está proibido pelos médicos de participar de eventos à noite. O GENERAL Ref EUCLYDES BUENO FILHO está cuidando dessa palestra. O CORONEL ARY CANAVÓ representará o presidente da Diretoria Executiva.



Dos 45 coronéis e tenentes-coronéis que entregaram pedidos de exoneração ao Estado Maior da Polícia Militar. Os líderes do “GRUPO DOS BARBONOS” foram os primeiros a serem transferidos para a “geladeira” da corporação. Sete coronéis que assinaram o manifesto encaminhado em julho para o governador SÉRGIO CABRAL foram tirados de cargos de chefia pelo novo comandante-geral da PM, CORONEL GILSON PITTA, um dos signatários do documento.

Além deles, PITTA também exonerou e mandou para a Diretoria Geral de Pessoal (DGP) dois oficiais que participaram da passeata de domingo por aumento salarial – o coronel que ocupava a Diretoria Geral de Finanças da PM e o tenente-coronel que comandava o 18º Batalhão, em JACAREPAGUÁ – e um major acusado de manter um blog com “ofensas” contra a cúpula da segurança pública. A DGP é considerada a “geladeira” da Corporação, onde os policiais ficam sem função.

Até o policial responsável pela assessoria de imprensa da PM, o TENENTE-CORONEL PM ROGÉRIO SEABRA, chefe do setor de relações públicas, pediu exoneração do cargo, em apoio ao ex-comandante geral, UBIRATAN ÂNGELO. Ele anunciou a decisão aos repórteres na noite de quarta\-feira.

“Não vou apurar quantos (oficiais) pediram exoneração. Já pedi demissão”. A solicitação, porém, ainda não foi aceita pelo comando. A primeira carta dos “Barbonos” foi assinada por nove coronéis; além de PITTA e dos sete exonerados. PAULO RICARDO PAÚL, que já havia sido tirado do comando da corregedoria interna da PM no dia 26 de janeiro, após ter escrito em seu blog que “o soldado mal pago é presa fácil para corruptos” – na ocasião, ele comentava a divulgação de fotografias que mostravam policiais saqueando um caminhão da Brahma. Ou seja, todos os líderes do grupo que reivindica melhores salários e condições de trabalho na PM ficaram sem posto de comando. PITTA declarou no dia da posse que assinou o manifesto e que defendia a posição “naquele momento”, mas que “o rumo do movimento mudou”.

À tarde, a assessoria de imprensa da Secretaria informou que “cerca de 70% das solicitações de exoneração ocorreram “apenas como formalidade” e não seriam confirmadas. “A informação veio de contatos do comandante com oficiais”, disse um assessor. No entanto, o coronel reformado DILSON ANAÍDE, presidente da Associação de Oficiais Militares, e uma espécie de porta-voz dos militares rebelados, negou o recuo. “Isso não tem fundamento e os próximos dias vão mostrar”, afirmou o coronel.

Assunto: Militares " ESTOU DE LUTO". Infelizmente, parece que entregamos os pontos...REPASSANDO... como recebi. Triste realidade! Walter



O funeral das Forças Armadas - Estive hoje, dia 31 de janeiro de 2008, em frente ao Comando Militar do Leste, Palácio Duque de Caxias, no centro da cidade do Rio de Janeiro. Sai de casa um pouco em cima da hora. E logo pegava um grande engarrafamento na Avenida Brasil que se prolongaria até o desvio que leva à Ponte Rio-Niterói. Meia hora de sufoco, driblando veículos, louco para não atrasar demais a minha presença na grande concentração que marcaria o dia 31 de janeiro como o momento que iria despertar a consciência nacional para o descaso com que são tratadas as FFAA brasileiras. Cheguei com meia hora de atraso. Por precaução deixei o carro estacionado na Policlínica Central do Exército, imaginando que seria impossível estacionar a frente do Palácio Duque de Caxias. Em lá chegando vi um pequeno grupo de senhoras, crianças e senhores reformados, aguardando o momento de dar início à manifestação. Umas trinta, a trinta e cinco pessoas. Não havia panelas, aparelho de som; apenas um apito desses em que o juiz apita pelada de jogo de futebol de várzea, onde só se escuta o apito se estiver ao lado do juiz. Não havia animação. Logo percebi que se aguardava a chegada da presidente da UNEMFA - Rio, com o sistema de som, panelas e uma porção de "guerreiras", transportadas todas num ônibus fretado. Tudo dentro do que se havia planejado. Passados mais uns quinze minutos pára um ônibus cheio de letreiros na lataria. Suspense. "Chegaram as guerreiras!". Do ônibus saltariam três pessoas, e aparentemente uma quarta que surgiria um pouco retardada. Camisas pretas com o distintivo da UNEMFA. Duas faixas compunham a indumentária do grupo. Alvoroço. Enquanto não chegavam as "guerreiras" surgiu um cidadão de terno e gravata, cabelos grisalhos, meia idade, que procurava induzir as pessoas a se dirigirem para o Campo de Santana. Logo pensei tratar-se de um oficial do Comando Militar do Leste que não estava satisfeito com a presença daquele pequeno grupo estacionado à frente do Palácio Duque de Caxias. Com a presença das "guerreiras" (a líder, uma filha, um filho e uma acompanhante), o cidadão de terno e gravata procurava se informar qual seria a programação prevista para a manifestação, e passaria a liderar o grupo. Apresentou-se como ex-militar que em 1988 fora expulso da Aeronáutica, era atualmente advogado e pleiteava uma vaga na Câmara Federal. "As eleições estão aí. Vamos eleger representantes nas Câmaras Estaduais e Assembléias Legislativas, depois formar uma bancada de deputados federais. Só assim teremos voz ativa e poderemos alcançar os nossos objetivos." Assumiu o comando da platéia e discursou. "Cadê o Bolsonaro?" As pessoas aplaudiram. Seguiu-se a regência do Hino Nacional. O candidato a uma vaga no legislativo estava afinado como regente. "Vamos seguir agora em direção ao Comando do Distrito Naval, e a Assembléia Legislativa. Sigam pelo acostamento em ordem!" "Sim, Senhor, meu mestre!", respondeu baixinho um assistente. O grupo atravessou a pista e se encaminhou em direção à avenida Marechal Floriano. Atrás seguia uma `joaninha" (carro da polícia, caindo aos pedaços, que soltava fumaça igual a uma Maria-fumaça). As faixas reduzidas na largura, devido a pista, e dois gaiatos segurando uma faixa menor, provavelmente contratados por alguma organização petista, para atrapalhar o evento. O cortejo fúnebre desapareceu avenida a dentro. Não tive ânimo para acompanhar o grupo. Muito menos acompanhara o canto do Hino Nacional. E a nossa guerreira, líder da UNEMFA -Rio, chegou calada e em silêncio permaneceu! Voltei para casa humilhado. O meu Exército acabara se ser sepultado naquela manifestação. Os homens que lá estiveram eram reformados, aposentados, e esposas de militares. (Mulheres de graduados, porquanto esposas de oficiais não se expõem para não comprometer a carreira do marido). Eu e minha filha. Criaturas que ainda não tinham perdido a esperança de que o seu Exército tinha morrido. Mas a instituição militar está bem morta e sepultada. Os valorosos soldados que derramaram o seu sangue para não permitir que ideologias estranhas aos nossos costumes se implantassem no país, são hoje criticados e renegados até pelos próprios companheiros. Os tempos mudaram. Não se servem mais as FFAA; servem-se delas para se tirar proveito. Não se tem mais chefes militares, e muito menos Comandantes Militares. O que no passado foram Ministros, não passam agora de simples meninos de recado, que vão passando informações para um ministro da Defesa qualquer, saído do lixo da História, sem passado, sem presente e sem futuro. Só umas porras loucas que pensam que sabem tudo das lides militares, e ainda tripudiam os oficiais generais, ameaçando-os de maneira irresponsável. E o que dizer do Comandante-em-chefe das Forças Armadas, um cachaceiro, dissimulado, mentiroso, ladrão, que tira do trabalhador para dar a amigos de países terceiro mundistas? Um pelego desqualificado, que chegou ao poder praticando um estelionato eleitoral. Não tive outra saída ao deixar a `manifestação' do dia 31 de janeiro de 2008, senão procurar um bar e despejar as minhas mágoas num copo de cerveja. Tomei com a minha filha duas garrafas de 600 milímetros, e uma porção de seis bolinhos de bacalhau. Minha última refeição! E como não poderia deixar de ser, dirigi-me depois a uma funerária e encomendei um caixão preto para enterrar o que restou do meu Exército. Da minha vida. Dos meus sonhos!

José Geraldo Pimentel CAP QAO (R/1) EB Rio de Janeiro, 31 de janeiro de 2008.



Usando blocos de concreto, a prefeitura de OSASCO, na GRANDE SÃO PAULO, emparedou na tarde de hoje o local onde eram realizados os campeonatos clandestinos de vale-tudo “RIO HEROES”, na altura no número 5.260 da Avenida dos Autonomistas, próximo à divisa com CARAPICUÍBA. A polícia da cidade indiciou os lutadores JORGE PEREIRA, de 43 anos, e ROGÉRIO GARBIN, de 34, por envolvimento com jogo ilegal, pois desconfia que a dupla – responsável pelo evento – ganhe dinheiro com apostas realizadas em dois sites estrangeiros que patrocinam as lutas. Os organizadores contam que realizavam o evento há quase um ano. Em um pequeno octógono, lutadores de vale-tudo se enfrentavam sem usar luvas. As lutas não tinham tempo definido ou rounds e só acabavam com o nocaute ou com a desistência de um dos participantes.



Sem aparecer em público e sem qualquer explicação sobre seus gastos suspeitos com o cartão de crédito corporativo do governo, a ministra da Igualdade Racial, MATILDE RIBEIRO, deixou hoje o ministério, pela garagem, anunciando que continuava despachando normalmente, mas no Planalto o entendimento é que ela já está fora do governo. Os emissários do presidente LULA, que neste caso decidiu agir antes de uma provável CPI, deram-lhe um ultimato e avisaram que ela tinha duas saídas: se demitir ou ser demitida.



O SANTOS apanha do BARUERI, por 2 a 1, em plena VILA BELMIRO, resultado que o deixa na zona de rebaixamento. A partida entre GUARATINGUETÁ e PAULISTA, que seria realizado nesta noite, foi adiada por causa da forte chuva que castigou GUARATINGUETÁ.



MARCIAL MACIEL, o mais destacado membro da hierarquia católica já disciplinado pelo VATICANO por suposto abuso sexual de crianças, morreu nos ESTADOS UNIDOS, aos 87 anos. Ele fundou em 1941 a ordem conservadora LEGIONÁRIOS DE CRISTO, considerada próxima ao PAPA JOÃO PAULO 11. Em 2006, MACIEL foi proibido de rezar missas em público.



A ÍNDIA lembrou hoje o 60º aniversário do assassinato de MAHATMA GANDHI com uma cerimônia na qual sua bisneta lançou suas cinzas no MAR ARÁBICO. GANDHI, que liderou o movimento pela independência indiana do Império Britânico, ainda é venerado como a consciência moral da nação. Seu retrato pode ser visto em várias partes do país e seu rosto está nas cédulas de rúpia, moeda local.

Milhares de seguidores de GANDHI foram hoje até uma praia de MUMBAI, onde parentes do líder indiano subiram em um pequeno barco decorado para espalhar as cinzas em alto-mar. “É um dia emotivo, mas também de reflexão. Um dia que devemos recordar suas lições”, disse a bisneta de GANDHI, NEELAM PARIKH, de 75 anos, depois de jogar suas cinzas nas águas.

GANDHI foi assassinado por um extremista hindu em 1948, poucos meses após a independência da ÍNDIA. Suas cinzas foram preservadas por um empresário indiano que as enviou a um museu de MUMBAÍ no ano passado. O museu queria expor as cinzas, mas a família de GANDHI disse que ele preferiria que elas fossem lançadas ao mar.



A cantora BRITNEY SPEARS foi novamente hospitalizada na madrugada desta quinta-feira no Centro Médico da Universidade da CALIFÓRNIA, em LOS ANGELES, para tratamento psiquiátrico. Ela já havia sido internada no dia 3 de janeiro, após se negar a devolver os filhos, SEAN PRESTON, de 2 anos, e JAYDEN JAMES, de 1 ano, ao ex-marido KEVIN FEDERLINE.



O ator norte-americano ETHAN HAWKE, de 37 anos, será novamente pai. Ele, que é casado com RYAN SHAWHUGHES – antiga babá de seus dois primeiros filhos com a atriz UMA THURMAN – confirmou a gravidez da esposa nesta quinta-feira.



2 009 : - SÁBADO

Muita confusão mental pela manhã, como também muito calor. Tenho dificuldades até para ler os costumeiros jornais. Estou com a pressão alta, mesmo tomando remédios. JOSÉ vem em casa, acompanhado da KELLEN CRISTINA, sua filha. LUCINDA conta que ainda continua goteirando na hemeroteca. Somente na segunda-feira, dia 2 de fevereiro, é que ele poderá mexer no telhado novamente. Enquanto isso, viverei o tormento da infiltração de água na hemeroteca, receando novas pancadas d´água.

Leio pela Internet o Diário Oficial. Publica hoje transferências de oficiais para a reserva:

TENENTE-CORONEL PM SEVERINO DO RAMOS MOREIRA DA SILVA, Comandante do 42º BPM/I (ocupava o terceiro lugar no almanaque dos oficiais). Nasceu em 3 de outubro de 1951. Entrou para a PMESP em 21 de maio de 1973. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 26 de julho de 1975. PROMOÇÕES: 2º TENENTE- 24 de maio de 1976; 1º TENENTE – 15 de dezembro de 1979; CAPITÃO – 24 de maio de 1987; MAJOR – 24 de maio de 1995; TENENTE-CORONEL – 24 de maio de 1999.

TENENTE-CORONEL PM ÉDSON DE JESUS SARDANO, Comandante do 20º BPMM. Nasceu em 6 de março de 1959. Entrou para a PMESP no dia 29 de janeiro de 1979. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL no dia 15 de dezembro de 1981. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1982; 1º TENENTE – 24 de maio de 1986; CAPITÃO – 15 de dezembro de 1991; não tenho a data de sua promoção a major; TENENTE-CORONEL – 24 de maio de 2006.

CAPITÃO PM JOSÉ CARLOS QUERATO. Nasceu no dia 26 de junho de 1961. Entrou para a PMESP em 6 de abril de 1982. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1989. Tenho apenas as datas de suas promoções a 2º TENENTE – 25 de agosto de 1990 e 1º TENENTE – 15 de dezembro de 1991.



Uma forte chuva de duas horas provocou o transbordamento de quatro córregos em ITUPEVA, a 70 km da capital, e o alagamento da cidade. A água inundou casas, derrubou pontes e arrancou o asfalto das principais ruas da cidade. Cerca de 300 famílias, ou 1.500 pessoas ficaram desalojadas.

Durante a madrugada, quem seguia para o interior pela Rodovia ANHANGUERA também sofreu com a forte chuva, que alagou um trecho da pista. O bloqueio total das duas faixas foi feito entre 3:10 horas e 7:17 horas na altura do km 36 da pista, em CAJAMAR.



31JAN2009VERDADE,HONRA,VERGONHA

VERDADE , HONRA , VERGONHA

Maria Lucia Victor Barbosa

28/01/2009

Nosso relativismo moral vem de longe. É obra cumulativa de séculos. A acachapante aprovação nacional de Lula da Silva, sem contar com sua eleição e reeleição, demonstra que já chegamos aos píncaros das conseqüências históricas com requintes de caos. E diante do que se passa na atualidade, lembremos de Gregório de Matos e Guerra (1636-1696) advogado e poeta, alcunhado Boca do Inferno ou Boca de Brasa. Em Epílogos, ele retrata a paisagem moral de Salvador, Bahia, nossa capital na época colonial. Mudando a palavra cidade para país, teremos a paisagem moral atual em alguns dos versos do poeta:

“ Que falta neste pais ? Verdade.

Que mais por sua desonra? Honra.

Falta mais que se lhe ponha? Vergonha” .

“O demo a viver se exponha,

Por mais que a fama o exalte,

Num país onde falta

Verdade, honra, vergonha” .

Nunca nos faltou tanto verdade, honra, vergonha. Convivemos alegremente com “mensaleiros”, sanguessugas, transportadores de dólares em cuecas e até os reelegemos. Somos antiamericanistas doentes, mas volta e meia vamos aos Estados Unidos para fazer turismo, comprar, estudar, trabalhar, cuidar da saúde, além dos milhões de brasileiros que partem em busca da América, América e lá permanecem clandestinos, mas ganhando o que jamais ganhariam aqui. Odiamos os judeus porque preferimos o Hamas dos Palestinos. Como bons latino-americanos somos de esquerda e por isso idolatramos Fidel Castro, não importando ser ele um ditador implacável que nunca respeitou os direitos humanos. Se Lula da Silva, o grande pai de seu povo, põe o Brasil de joelhos diante de Hugo Chávez, Evo Morales, Rafael Correa, Fernando Lugo , Cristina Kirchner, nos inclinamos também perante as lideranças populistas que infestam a América Latina sempre imersa em sua mentalidade do atraso, em suas mazelas, em seus fracassos. A corrupção faz parte de nossa história e aprovamos governos corruptos ao dizer que se estivéssemos lá faríamos as mesmas coisas. Afinal, somos espertos, malandros e nossa satisfação em passar os outros para trás não tem limites. Indiferentes ou ignorando o que ocorre no Congresso Nacional ou no âmbito da Justiça seguimos cantando o samba de Zeca Pagodinho que nosso presidente da República tanto aprecia: “Deixa a vida me levar”. Futebol, carnaval e Big Brother são nosso alimento espiritual. Acreditamos que o MST é um movimento social pacífico que não esbulha proprietários rurais destruindo maquinário, roubando gado, pilhando, queimando sedes de fazendas. Do mesmo modo admiramos as sanguinárias Farcs, idealizadas como heróicas e defensoras do povo colombiano.

No momento dois fatos empolgam os noticiários. O primeiro diz respeito ao caso do terrorista Cesare Battisti, que a Itália quer de volta, mas que já foi perdoado por nosso ministro da Justiça com o acordo de Lula da Silva. Não devolveremos Battisti de jeito nenhum, o criminoso é nosso. Também estamos de braços abertos para receber os terroristas de Guantánamo. Aplausos para a Justiça brasileira, pois aqui o crime compensa. Do jeito que a coisa vai, pode ser que Lula da Silva crie o Ministério do Terrorismo e convide Osama Bin Laden para ministro. Seria mais uma vez delirantemente aplaudido pelo povo e seu prestígio subiria como atestado em pesquisa.

O segundo fato é relativo ao Fórum Social Mundial, que ocorre em Belém do Pará. O governo investiu milhões na festividade, inclusive, em camisinhas. Tudo pago com o dinheiro do contribuinte, ou seja, estamos financiando a esbórnia que atrai pessoas de todo o Brasil e do exterior. Presentes ao festival estarão Lula da Silva, ministros, assessores, figuras como João Pedro Stédile , além dos caudilhos Hugo Chávez, Evo Morales, Rafael Correa. Fernando Lugo , que fazem Lula sonhar com outro mandato possível. Lula não irá ao Fórum Econômico Mundial em Davos. Ficará em Belém dançando o Carimbó.

Aliás, não faltarão ao carnavalesco evento, além das camisinhas, muita cachaça e folia. Naturalmente, os participantes se posicionarão contra o capitalismo que os sustenta, contra a liberdade que permite a festividade, contra a riqueza que almejam para si. Dizem que no globalizado Fórum será dada oportunidade aos participantes, se os eflúvios etílicos permitirem, de perceberem que os problemas que assolam o mundo derivam da competição pelo poder e do acúmulo de bens materiais. Ou seja, tudo que eles mesmos fazem ou almejam. Em suas utopias delirantes as esquerdas clamarão pela volta do socialismo, nem que seja o do século XXI. E enquanto a crise avança sobre o planeta, em Belém do Pará se dançará o Carimbó, pois o tal outro mundo possível nunca foi definido nesses fóruns onde acontece de tudo, menos idéias.

Sem dúvida, esse "Fórum Socialista" faz recordar as proféticas palavras de Ortega y Gasset em A Rebelião das Massas: “A vida toda se contrairá. A atual abundância de possibilidades se converterá em efetiva míngua, escassez, em impotência angustiante, em verdadeira decadência. Porque a rebelião das massas é a mesma coisa que Rathenau chamava de ‘a invasão vertical dos bárbaros”.

No Brasil essa invasão começou faz tempo, mas diante dela nos quedamos indiferentes porque nos falta verdade, honra e vergonha ou, talvez, porque sejamos nós os bárbaros.

Maria Lucia Victor Barbosa é socióloga.

[1]mlucia@sercomtel.com.br

Mario Ventura para bcc: Frances, bcc: pptrindade, bcc: paula220, bcc: celmarioventura, bcc: Maria, bcc: Maria, bcc: Cmt

mostrar detalhes 23:06 (0 minutos atrás) Responder

deMario Ventura

para

ccoFrances Azevedo ,

pptrindade ,

paula220@hotmail.com,

celmarioventura@yahoo.com.br,

Maria Cecília Naclério Homem ,

Maria Lucia Camargo ,

Cmt Horácio

data31 de janeiro de 2009 23:06

assuntoFwd: Fw: VERDADE, HONRA, VERGONHA/Maria Lucia Victor Barbosa

enviado porgmail.com

ocultar detalhes 23:06 (0 minutos atrás) Responder

ESTIMADOS AMIGOS (AS)

O nosso BRASIL está infestado de maus elementos.

O QUE FAZER, SENÃO PROTESTAR!!!!!

- Mostrar texto das mensagens anteriores -

---------- Forwarded message ----------

From: alvarotavaresgs

Date: 2009/1/31

Subject: Fwd: Fw: VERDADE, HONRA, VERGONHA/Maria Lucia Victor Barbosa

To: anita8@terra.com.br, mrr3advogados@uol.com.br, laercio.pancini@gmail.com, ggomesdesousa@hotmail.com

Cc: ruimar@certto.com.br

Em 30/01/2009 22:40, Agenor escreveu:>

.hmmessage P { PADDING-RIGHT: 0px; PADDING-LEFT: 0px; PADDING-BOTTOM: 0px; MARGIN: 0px; PADDING-TOP: 0px } BODY.hmmessage { FONT-SIZE: 10pt; FONT-FAMILY: Verdana }

Amigos e amigas

Palavras dolorosas, mas que, infelizmente, têm muito de verdade.

Até quando Brasil?

Um abraço

Farias

Subject: FW: VERDADE, HONRA, VERGONHA/Maria Lucia Victor Barbosa

RESPOSTA DO COMANDANTE HORÁCIO:

boaaaaaaaaaa, quem é a Maria Lúcia? Conheces? Texto maravilhoso, sentimos o cheiro de podre, ouvimos o zabumba da farra e nos enoja o bafo da pinga do MST, do PT e sei lá o que.

Camisinha num fórum de debates até que está certo, pois quem "trepa" se debate e a situação da AL está uma zona, portanto, tem que haver camisinha nessa farra.

A filha do cmt Guevara, cantarolando com señor Tchaves, uma preciosidade sem tamanho e o coro dos inocentes Correa, Lugo, Evo, esse parece a reencarnação de um MOÀI vindo de Páscoa, a pé no fundo do mar.

Farei uma crônica a respeito de batisti( letra minúscula mesmo) da mesma forma que redigi minha "homenagem ao Ronald Biggs, mandarei o anexo para vc.

Enfim, meu caro, samba, carnaval, suor e folga, pois trabalhar cansa.

abraços do seu fã e mande um abraço para a Lúcia.

cmtHorácio



Desta vez não teve sustos. Ao contrário, foi fácil até demais. Sem tomar conhecimento do fraquíssimo OESTE, o CORINTHIANS mostrou evolução, seriedade e chegou à liderança provisória do CAMPEONATO PAULISTA com goleada por 4 a 1, hoje, no PACAEMBU.

O atacante PEDRÃO segue arrasador neste início de temporada. Hoje, na ARENA BARUERI, o artilheiro do CAMPEONATO PAULISTA, agora com seis gols, balançou as redes do GUARANI duas vezes – vitória por 2 a 0 – e levou o time de BARUERI à quarta posição, com 8 pontos.

Quem também obteve bom resultado foi o SÃO CAETANO, que venceu o MOGI MIRIM por 1 a 0, fora de casa. No duelo dos desesperados e que ainda não venceram, o resultado mais previsível: 0 a 0 entre MARÍLIA e BOTAFOGO.



Foi uma exibição à altura de quem, na segunda-feira, dia 2 de fevereiro, voltará a aparecer na primeira posição no ranking mundial. SERENA WILLIAMS atropelou a russa DINARA SAFINA, hoje, em MELBOURNE. Foram necessários apenas 58 minutos para que a americana, agora dona de dez títulos de GRAND SLAMS, arrasasse a adversária. A vitória garantiu a SERENA o retorno à liderança do ranking mundial – lugar até esta semana ocupado pela sérvia JELENA JANKOVIC – além de sua quarta conquista em MELBOURNE (venceu também em 2003, 2005 e 2007).



Morreu às 10 horas deste sábado, aos 84 anos, no Hospital COPA D´OR, no RIO, o crítico de cinema ANTÔNIO MONIZ VIANNA. Ele estava internado há 15 dias com pneumonia e será enterrado amanhã às 13 horas no Cemitério SÃO JOÃO BATISTA.

Nascido em SALVADOR em 1924, VIANNA cresceu no RIO, onde estudou Medicina. Em 1946, aos 21 anos, estreou como crítico no CORREIO DA MANHÃ, onde escreveu sobre cinema até 1973, ano da morte de seu ídolo, o diretor norte-americano JOHN FORD. VIANNA também foi diretor da Cinemateca do Museu de Arte Moderna do RIO, entre 1956 e 1965, e curador de mostras e festivais de cinema. Cerca de 90 de suas mais de 6 mil críticas foram publicadas no livro UM FILME POR DIA: CRÍTICA DE CHOQUE (1946-1973), publicado pela Companhia de Letras.

Emocionada, sua filha ISADORA afirmou que VIANNA foi “o inventor da crítica” de cinema no País e “deixou uma geração de seguidores, como SÉRGIO AUGUSTO, RUY CASTRO e PAULO PERDIGÃO” O cineasta EVALDO MOCARZEL, que entrevistou VIANNA para um documentário sobre a crítica ainda não produzido, disse que ele “militava por um cinema que contasse histórias e que fosse de grande expressão artística”.



ODELISE DE CARVALHO, 59 anos, integrante da velha guarda da escola de samba PERUCHE e da Embaixada do Samba, morreu hoje, logo após se sentir mal na quadra da CAMISA VERDE E BRANCO onde foram escolhidos o Cidadão e a Cidadã do Samba do Carnaval de São Paulo.

A sambista passou mal logo depois de se apresentar no palco. Ela sofreu um ataque cardíaco e morreu na Santa Casa. “O samba perdeu uma baluarte, ela fez muito pelo Carnaval paulista. Tinha 40 anos de PERUCHE. É certo que para uma sambista não havia lugar melhor para morrer, mas todos estamos tristes e chocados”, disse RODOLPHO PRICOLLI, presidente da agremiação.

O corpo de ODELISE está sendo velado na quadra da PERUCHE. O enterro será amanhã, às 9 horas, no cemitério da CACHOEIRINHA.



O engenheiro MASSUO NAGASHIMA, de 56 anos, foi morto durante uma tentativa de assalto em frente ao prédio onde morava, na SAÚDE, zona sul da capital, ontem à noite. Por volta das 19:30 horas, o executivo foi abordado por dois homens a pé no momento que parava seu carro, um HONDA CIVIC preto, na rampa da garagem do RESIDENCIAL VAL DEL LOIRE, na Rua VISCONDE DE INHAÚMA.



GEORGE OBAMA, meio-irmão do presidente dos EUA, BARACK OBAMA, foi preso hoje em NAIROBI, no QUÊNIA, sob acusação de porte de maconha. GEORGE, de 27 anos, deverá se apresentar à Justiça na segunda-feira, dia 2 de fevereiro. GEORGE nasceu seis meses antes da morte do pai, em 1982, num acidente de carro. Ele estuda para ser mecânico e trabalha com um grupo de jovens em HURUMA.



Milhares de iraquianos votaram hoje para eleger os representantes dos conselhos provinciais de 14 das 18 regiões do país. Os sunitas, que boicotaram as eleições locais em 2002, dessa vez participaram. O alto comparecimento levou as autoridades a adiarem em uma hora o fechamento das urnas. O presidente dos EUA, BARACK OBAMA, parabenizou o povo iraquiano pelo “importante passo adiante”, referindo-se as eleições.



A onda de calor que nos últimos três dias atingiu o sul da AUSTRÁLIA, com temperaturas eu chegaram a 48ºC no Estado de VICTÓRIA, provocou a morte de seis pessoas em MELBOURNE, segunda maior cidade do país. As autoridades afirmam que outras 22 mortes súbitas de idosos podem ter ocorrido pelo mesmo motivo. Os incêndios causados pelo calor destruíram 6 mil hectares de florestas e 15 casas em MELBOURNE, além de provocar um blecaute que afetou 500 mil residências.



2 010 : DOMINGO

Arrumação de papéis, principalmente na hemeroteca, com relação aos cadernos de economia e o arquivo das memórias de 2008 (onde estão sendo arquivados os livros de abril). Além disso, tenho a leitura dos jornais e a transcrição para as memórias digitalizadas. Esta é a grande atividade do domingo calorento, último dia de janeiro, mês das chuvas que inundaram SÃO PAULO.

Com o temporal de hoje à tarde, em especial nas zonas norte e leste, o mês que está terminando bate o recorde histórico de chuvas para janeiro. A média de chuvas de hoje atinge 5,4 mm no mês, acima do recorde anterior, que era de 318,8 mm, em janeiro de 1996. Com o volume registrado hoje, as chuvas devem chegar à marca de 485, 9 mm, ultrapassando o recorde de 1947, de 481,4 mm. Até a sexta-feira, dia 29, janeiro já acumulava 480,5 mm, faltando 1 mm para o recorde ser alcançado e vencido. Hoje, a chuva começa a provocar estragos logo pela manhã. Às 7 horas, uma queda de barreira interditou a Rodovia Presidente Dutra, em ARUJÁ. Os trens da linha 10 – TURQUESA (CPTM) ficaram parados por meia hora. À tarde, o Aeroporto de CONGONHAS teve que ser fechado durante 20 minutos.

Em ITAPECERICA DA SERRA, cerca de 150 moradores fazem um protesto contra os alagamentos na Rodovia JOSÉ SIMÕES LOURO JÚNIOR, fechando a estrada das 18h às 22 horas. A manifestação foi pacífica. Ninguém foi preso. A tempestade de hoje alaga sobretudo os bairros JARDIM DO CARMO e JARDIM CRISPIM. Pelo menos dez famílias tiveram de sair de suas casas.



Foi encontrado hoje em SENGÉS, a 230 km de CURITIBA, o corpo de uma mulher, vítima das fortes chuvas que atingiram a região no fim de semana. Com isso, subiu para quatro o número de mortos por causa das cheias em 15 municípios das regiões norte de dos CAMPOS GERAIS. No sábado, dia 30, foram localizados os corpos de uma criança de 3 anos, um homem de 70, e uma mulher de 34.

Até as 20 horas, uma pessoa seguia desaparecida e nenhuma das vítimas tinha sido identificada. Mais de 4 mil foram afetados pelas cheias e outros 136 estão desabrigados. A cidade de SENGÉS, que faz divisa com ITARARÉ (SP), foi a mais atingida e está ilhada por causa da queda de 17 pontes e barreiras. Os rios ITARARÉ e JAGUARICATU transbordaram e as Rodovias PR-151 e 239, que ligam o município ao interior paulista, foram interditadas.



Laudo produzido pelo Núcleo de Criminalística da Polícia Federal em SÃO PAULO indica que os cinco fardos de cocaína pura apreendidos por policiais do DENARC em setembro de 2003 no aeroclube de ITU, tinham entre 128,4 e 156 quilos. A quantidade estimada é no mínimo 30,4 quilos maior do que a equipe chefiada pelo delegado ROBERT LEON CARREL diz ter encontrado no avião usado pelos traficantes (98 quilos).



CORINTHIANS e PALMEIRAS reviveram hoje os melhores momentos do PACAEMBU. Dez anos depois da última vez em que se encontraram no estádio, os arquirrivais fizeram um dérbi tão tenso quanto grandioso, com bola na rede, expulsões e quebra de tabu. Com heróis e vilões, JORGE HENRIQUE fez o gol que permitiu ao CORINTHIANS, com o 1 a 0, voltar a comemorar a vitória sobre o alvi-verde após sete jogos e alcançou a liderança do Campeonato Paulista. FELIPE fechou o gol. Mas ROBERTO CARLOS foi expulso logo no início por causa de um carrinho intempestivo. E o frágil PALMEIRAS, mesmo com um homem a mais, não soube reagir, para desespero de MURICY RAMALHO.

SÃO PAULO sofre para empatar. Time misto só chega aos 2 a 2 com SERTÃOZINHO graças a gol contra. A partida era um teste para vários jogadores do tricolor, que almejam uma vaga na lista do grupo que vai disputar a TAÇA LIBERTADORES DA AMÉRICA. Mas o resultado positivo era outra meta: o time entraria no bloco dos quatro melhores do Estado, se vencesse. O SERTÃOZINHO também tinha o seu objetivo, vencer e sair um pouco do sufoco.



Um clássico agitado, emocionante, imprevisível, digno dos grandes FLA-FLUS. O FLUMINENSE vencia por 3 a 1 até o intervalo, o FLAMENGO reagiu e conseguiu virada heróica, comandada por um imperador, ADRIANO. Venceu por 5 a 3, nesta noite, no MARACANÃ, com um jogador a menos desde os 17 minutos do segundo tempo. Com o resultado, a equipe rubro-negra segue invicta, manteve os 100% de aproveitamento e está próximo da classificação para a semifinal da TAÇA GUANABARA.



A seleção egípcia está fora da COPA DO MUNDO, mas é quem manda no futebol africano. Com um esquema de jogo prático e objetivo, a equipe dominou completamente a COPA AFRICANA DE NAÇÕES, e foi campeã pela terceira vez consecutiva. O EGITO derrotou GANA por 1 a 0, no Estádio 11 de novembro, em LUANDA. De quebra, manteve uma invencibilidade no torneio que já dura 19 jogos.



O escocês ANDY MURRAY colocou toda a sua força e determinação em busca do primeiro título de GRAND SLAM de um súdito do império britânico em 74 anos hoje, na final do AUTRALIAN OPEN, em MELBOURNE. Mas a tentativa acabou em mais um vice-campeonato para o tenista e sentidas lágrimas por não poder fazer nada diante do senhor das requetes, ROGER FEDERER. Em uma das melhores fases de sua carreira, o suíço conquistou seu quarto título na AUSTRALIA. É o 16º título de GRAND SLAM de FEDERER, um recorde absoluto.



Um policial militar e o filho de um oficial reformado da PMRJ foram presos no fim da madrugada de hoje, em uma tentativa de assalto na zona norte do RIO. Policiais Militares do Batalhão da TIJUCA que faziam o patrulhamento do bairro frustraram a investida contra o motorista de um VECTRA, rendido por três bandidos em um MERIVA.

Com a chegada da patrulha, os assaltantes tentaram fugir, mas foram alcançados e presos pelos policiais. Um dos suspeitos identificados é o soldado GLAUCO NUNES, de 30 anos, lotado no Batalhão da ILHA DO GOVERNADOR. Outro, PAULO OLIMPIO FERREIRA LOPES, de 28 anos, é filho do CORONEL PM Ref PAULO CÉSAR LOPES, considerado exemplo na corporação ao punir policiais em desvio de conduta. Também foi preso LEONARDO RODRIGUES, de 25 anos.

A vítima, um escrivão de cartório, voltava de um ensaio de escola de samba na zona sul e deixava um amigo na TIJUCA, quando teve o carro interceptado pela MERIVA.

Com os três presos, a polícia encontrou duas pistolas de calibre 380, uma delas com numeração raspada, usadas na tentativa de assalto.

O CORONEL PM Ref LOPES declarou a um blog do jornal carioca EXTRA, do qual é colaborador, que o filho é “mau caráter”, autor de um “ato insano”, e que iria procurá-lo. PAULO OLÍMPIO havia tentado seguir a carreira do pai na PM em 2007, mas não passou no concurso. Ele já teria sido investigado pela Polícia Civil por ligações com traficantes, mas nada foi provado.

No ano passado, aos 55 anos, o coronel optou pela reserva após 36 anos de carreira ao ser preterido pelo secretário de Segurança, JOSÉ MARIANO BELTRAME, para o posto de comandante-geral da PM. LOPES não admitiu ser subordinado ao atual comandante, CORONEL PM MÁRIO SÉRGIO DUARTE, mais jovem do que ele.



O ator PIERRE VANECK, rosto popular do teatro e do cinema francês, morreu nesta manhã, aos 78 anos. Atuando em aproximadamente 30 filmes desde meados da década de 1950, VANECK também trabalhou muito no teatro, tendo participado diversas vezes do festival de AVIGNON ao lado de figuras como JEAN VILAR e GEORGE WILSON. Um de seus últimos trabalhs foi a sua atuação em 1994 na criação de ART, bem-sucedida obra da escritora YASMINA REZA. Entre os filmes que PIERRE VANECK fez está OTHELO, estrelado também pelos atores LAURENCE FISHBURNE e KENNETH BRANAGH.



Um tiroteio entre policiais haitianos e criminosos acordou as tropas brasileiras na madrugada do sábado, ontem, em CITÉ SOLEIL, pobre e violenta favela de PORTO PRINCIPE, a capital do HAITI. O confronto fez com que o comandante militar da Missão da ONU para Estabilização do país, o GENERAL FLORIANO PEIXOTO, determinasse ao BRASIL reforçar as operações para conter o avanço dos bandidos.



Um terremoto de 5,2 graus RICHTER destruiu hoje vilas na província chinesa de SICHUAN, matou uma pessoa e deixou quinze feridos. O local fica a 200 km da região que sofreu tremor de 8 graus em 2008.



2 011 : - SEGUNDA-FEIRA

CADERNO CIDADES/METRÓPOLE, do ESTADO DE SÃO PAULO.

JOSÉ DE SOUZA MARTINS escreve “JANEIROS DO POETA DE PIRATININGA” – Guardo a poesia de PAULO BOMFIM no arcaz da sacristia da memória como paramento simbólico da liturgia de renovação cíclica da identidade paulista. Nos 25 de janeiro, gosto de ler ARMORIAL debruçado na janela de meu quarto, sussurrando seus versos ao meu silêncio, pavimentando de poesia o áspero Caminho do Mar, a triste Estrada das Lágrimas, a descida da Rua da Tabatinguera, sempre em busca do Tamanduateí ancestral, no rumo do Anhembi decisivo.

Rua que não muda de nome há 400 anos, pronunciado ainda na língua nheengatu daquela primeira missa no Páteo do Collégio, à beira da escarpa recoberta de visões e lembranças. No terreiro ainda se ouve as invocações da litania, de sotainas batidas pelo vento, de ANCHIETA, NÓBREGA, MANUEL DE PAIVA que balbuciam, no latim nativo e sertanejo de TIBIRIÇÁ, as palavras sagradas daquela primeira hora de todos nós. Átrio a que fomos trazidos pela vida um dia, na demora dos séculos, coração do Planalto de Piratininga.

A alma de índios de muitas nações, de ibéricos de feição muçulmana, de mamelucos de pele azeitonada e zigomas salientes, vagam pelos sertões da poesia de PAULO BOMFIM nessa busca incessante, nessa conquista de si mesmos, nesse entrecruzar de gentes que nos fez o que somos, nessa espera longa de seus versos, dedicados a seus “antepassados que ainda não regressaram do sertão...” Vagam pelos rios, trilhas e veredas das terras do sem fim. Procuram, procuram-se. Busca que não é estranha aos versos épicos de CAMÕES, escritos na contra-folha do testamento de um bandeirante morto de uma flechada nos confins do Brasil. Dores e culpas, preços da invenção da pátria: “Meus remorsos são flores esculpidas / no muro das guaíras que queimei...”

A poesia de PAULO BOMFIM entretece os fios do lirismo de nossas travessias. Desde a lonjura dos começos, marco das origens num soneto de TRANSFIGURAÇÃO: “Venho de longe, trago o pensamento / banhado em velhos sais e maresias; / arrasto velas rotas pelo vento / e mastros carregados de agonias. / (...) Venho de longe a contornar a esmo / o cabo das tormentas de mim mesmo.” Até a eternidade dos retornos, desse chegar sem partir do Páteo do Collégio do nosso encontro: “O pião do dia roda entre destinos / estranhamente vão se abrindo as portas / e somos novamente esses meninos!”.

Pensamos a memória histórica da cidade e da pátria paulista quase sempre na limitação física dos monumentos esculpidos em pedra ou bronze, como tantos, maltratados alias, de nossas praças. Ou no engano de nomes de rua errados, como o que nos diz os sofridos índios CAIUA são os KAIÓWAAS. Mas a nossa memória está muito mais no sensível do que no tangível, nos versos do poeta que nos lembra: “Ao longe, uma chuva fina / molha aquilo que não fomos.”



Uma manhã perdida. Acaba a energia elétrica quando estou trabalhando em minhas memórias no computador. Perco tudo que havia degitalizado. Como a força não voltou até a hora de deixar GUARULHOS, fico frustrado com tudo isso. Muito calor nesta manhã e o tempo anuncia mais temporais para a tarde. Vou para a Sociedade Veteranos de 32-MMDC onde aproveito o sossego desta segunda-feira para imprimir as páginas de minhas memórias correspondentes aos dias 29,30 e 31. Isso somente vai ser interrompido quando recebo um telefonema do VICTÓRIO para o almoço.

CAPITÃO PM PATRÍCIO, do 13º BPMM, comparece no MMDC para assinar uma ata do Conselho Fiscal, ainda referente a uma reunião que aconteceu no ano passado. Comentamos o primeiro número do “32 EM MOVIMENTO”.



HÉLIO SCHWARTSMAN

Tiradentes e as boquinhas

SÃO PAULO - Agora são duas tetranetas de Tiradentes que estão pleiteando uma pensãozinha, pelos serviços prestados por seu antepassado. Faz sentido. Se a filha do Hercílio Luz, que foi eleito governador de Santa Catarina no século 19, faz jus a R$ 15 mil, por que as descendentes do herói do século 18 não teriam direito a modestos R$ R$ 727?

Nesse ritmo, logo chegaremos ao Pero Vaz de Caminha. Chegaremos? Talvez seja mais exato dizer que foi dali que partimos. É sempre bom lembrar que o escrivão real termina sua Carta do Achamento do Brasil intercedendo diante de Sua Majestade por um genro.

Com tantos antecedentes, não é difícil explicar coisas como superpassaportes, superaposentadorias etc. Na verdade, é fácil e gostoso atacar políticos e seus apaniguados, mas será que nosso comportamento privado é muito melhor? Tramitam no Congresso dezenas de projetos de "regulamentação profissional", ou seja, para tornar uma determinada atividade exclusiva para os que já a praticam e de preferência obrigatória para a população. Todo sindicato, no fundo, almeja tornar-se uma OAB.

Na indústria, a situação não é diferente. A troca das tomadas, por exemplo, foi um golpe de mestre. Numa única canetada os fabricantes de plugues e adaptadores criaram "ex nihilo" um novo mercado de quase 200 milhões de usuários. No mesmo nível de genialidade só me lembro da regra que, alguns anos atrás, obrigou todos os motoristas a adquirir e a carregar um pedaço de gaze, um rolo de esparadrapo e um par de luvas de látex. Era para garantir atendimento médico em emergências viárias. O Brasil se tornou uma espécie de país da boquinha. Indivíduos, categorias profissionais e empresas, em vez de firmar-se pela excelência de seu trabalho, serviços ou produtos, tentam sequestrar a autoridade do Estado para impor-se a todos e garantir "o seu". É um jogo no qual os bem relacionados ganham e a maioria perde.



Amigos / Irmãos do GBB e demais Amigos / Irmãos,

Tenho a satisfação de informar-lhes que a AOPM está tomando a iniciativa de perpetuar a memória do Coronel PM Julio BONO Neto através de homenagem que será em breve anunciada em todos os seus pormenores. Presidiu a AOPM de 1989 a 1991.

Com essa referência, coloquei o nome do homenageado no google e a pesquisa me trouxe o resultado que ora divulgo, uma vez que, apesar de ocorrido em novembro, não me recordo de ter lido nada a respeito.

Está no site da Câmara Federal: no dia 17 de novembro, foi inaugurada, pelo seu então Presidente, atual Vice Presidente da República, Michel Temer, a Sala Julio Bono, portanto apenas 5 dias após o falecimento.

Destaco do texto:

"Algumas pessoas dizem que ninguém é insubstituível. Esse dizer não se aplica a Júlio Bono. Pelo seu caráter, pela disponibilidade, sensibilidade, fraternidade, competência e amizade, ele é uma pessoa insubstituível. Para o Michel e para o PMDB", declarou o líder do PMDB, deputado Henrique Eduardo Alves.

Para acessar o texto completo, usar o link abaixo:

http://www2.camara.gov.br/a-camara/presidencia/noticias/temer-inaugura-sala-em-homenagem-a-julio-bono-neto

Abraços a todos.

Corrêa de Carvalho



Allan Pazelli31 de janeiro de 2011 às 07:35

Coronel Ventura,

Já coloquei as “Memórias do Ventura” nos meus favoritos. Desde já agradeço e digo que serão consultadas regularmente. Agradeço também as belas palavras contidas no e-mail enviado. Satisfação poder comunicar-me com o Sr.

Abraços do Aluno Oficial PM Pazelli



Faleceu o ator NILDO PARENTE. Ele tinha sofrido um AVC e estava internado havia cerca de um mês no Hospital SILVESTRE, no centro do RIO DE JANEIRO. Um ator extremamente profissional, amado e admirado pelos amigos. Assim os colegas descrevem NILDO PARENTE, ator mais conhecido do grande público por seus papéis coadjuvantes em novelas e minisséries. Considerado um dos melhores atores de sua geração, ele era oriundo do teatro, apesar de ter dedicado a maior parte dos 40 anos de carreira à telinha e à telona. Trabalhou em dezenas de filmes, novelas e seriados, muitos considerados clássicos. Na TV, interpretou personagens em novelas como AMÉRICA, SENHORA DO DESTINO, CELEBRIDADE e muitas outras, além de séries como MALHAÇÃO e AMAZÔNIA DE GALVEZ A CHICO MENDES, da rede GLOBO. Sua mais recente novela foi PARAÍSO TROPICAL, de 2007, em que viveu o porteiro PACÍFICO. Seu primeiro papel no cinema foi no filme O HOMEM QUE COMPROU O MUNDO, de 1968, do diretor EDUARDO COUTINHO. Depois, NILDO participou de muitos filmes que se tornaram marcos do cinema nacional, como MEMÓRIAS DO CÁRCERE (1984), O BEIJO DA MULHER ARANHA (1984), GABRIELA, CRAVO E CANELA (1983) e SÃO BERNARDO (1971). Seu último papel no cinema foi no longa-metragem CHICO XAVIER, sucesso de bilheteria do diretor DANIEL FILHO, lançado em 2010. Na TV, a última atuação foi uma participação especial na série A LEI E O CRIME, da rede RECORD. NILO PARENTE nasceu em 1936.



A cara do governo DILMA ROUSSEFF na área de direitos humanos deverá ficar mais explícita na reunião do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, no final de fevereiro, em GENEBRA (SUÍÇA). Um relatório está sendo preparado pelo ITAMARATY para ser apresentado no encontro, como ocorre todos os anos. A diferença, no entanto, é grande para os anos anteriores: é o momento em que o novo governo deve deixar clara sua linha de atuação e as diferenças em relação ao governo anterior. O ministro das Relações Exteriores, ANTÔNIO DE AGUIAR PATRIOTA, tem falado sobre o tema com seus colegas da DEFESA, NELSON JOBIM, e dos Direitos Humanos, MARIA DO ROSÁRIO. No entanto, o texto final passará antes pelas mãos de DILMA ROUSSEFF.



Mantido no cargo de comandante-geral da Polícia Militar pelo governador GERALDO ALCKMIN, o CORONEL PM ÁLVARO BATISTA CAMILO começa 2011 com entusiasmo e muitos planos. Ele comemora a queda drástica dos índices criminais desde que assumiu a corporação, em março de 2009, mas também relembra os dias em que perdeu o sono por terem sido os piores à frente da PM – quando, em um intervalo de 15 dias, dois motoboys foram mortos por policiais fardados no período de trabalho nas ruas, em abril de 2010. “Os dias das mortes dos motoboys foram terríveis e dolorosos. Tivemos que dar resposta rápida, mostrar transparência. Foram erros de alguns que não podiam macular a imagem do bom serviço prestado pela PM no Estado”, disse CAMILO, em entrevista exclusiva ao jornal DIÁRIO DE SÃO PAULO. “Temia uma generalização. Não há o que explique um policial com quase 30 anos de serviço fazer uma coisa assim. Até mandei uma carta de desculpas para uma mãe, que não era para ser divulgada”, acrescenta. Para impedir que casos assim se repitam, a PM tem um projeto para que os policiais, ao deixarem as escolas de formação, sejam acompanhados nas ruas pelos ex-professores. “É ainda uma idéia. A Escola de Soldados terá a incumbência de seguir o soldado até ele se tornar sargento e assim por diante. Será uma presença constante, ouvindo do policial o que ocorre nas ruas”, diz o comandante. O próprio CAMILO acompanha pessoalmente as ocorrências quando está perto de uma. E também entra na freqüência do rádio dos batalhões de áreas, para falar com os PMs. Mais de cinco mil GPs rastreadores serão colocados nas viaturas e também distribuídos aos policiais que andam em motos. Segundo CAMILO, os aparelhos permitirão a localização em tempo real das viaturas.



Um PROER privado evitou a quebra do PANAMERICANO e salvou o patrimônio do empresário SÍLVIO SANTOS. O BTG PACTUAL comprou a participação de SÍLVIO no PANAMERICANO por 450 milhões de reais. Esse dinheiro foi usado por SÍLVIO para liquidar a dívida de 4 bilhões de reais que ele contraiu com o Fundo Garantidor de Crédito (FGC) para cobrir rombos em seu ex-banco. O restante será absorvido pelo FGC, em nome da preservação do sistema financeiro – o fundo é uma entidade privada, criada e mantida pelos bancos para garantir os depósitos dos correntistas em caso de quebra de alguma instituição financeira. Cabe agora ao BTG definir quando vai pagar o FGC. O banco tem até 2028 para isso, pagando correção de 13% ao ano. Se liquidar o débito amanhã, gastará 450 milhões de reais. Já SILVIO SANTOS não só quitou sua dívida por pouco mais de 10% do valor, como também protegeu suas empresas. Ele resolveu vender o PANAMERICANO porque “não entende nada” de banco e, sobre detalhes do negócio, disse “não tenho a mínima ideia”.



O embaixador americano no EGITO, FRANK WISNER está no CAIRO para transmitir ao regime egípcio a mensagem de que deve se comprometer com as reformas políticas, econômicas e sociais necessárias, informou o porta-voz da CASA BRANCA, ROBERT GIBBS – que não deu detalhes sobre a agenda do diplomata ou com quais membros do governo de HOSNI MUBARAK ele se reunirá. DILMA ROUSSEFF disse hoje torcer para que o EGITO seja democrático. A declaração seria um sinal da maior ênfase em direitos humanos da diplomacia brasileira.



Em sua primeira viagem internacional, DILMA ROUSSEFF chegou hoje a BUENOS AIRES com uma hora de atraso por causa de fortes chuvas. Foi recebida pela presidente CRISTINA KIRCHNER na CASA ROSADA, sede do poder no país. Pela primeira vez duas mulheres foram protagonistas de um encontro presidencial entre BRASIL e ARGENTINA. As chefes de Estado assinaram mais de 15 documentos destinados a aprofundar a integração bilateral e chefiaram uma reunião com vários ministros de seus gabinetes. Está previsto que os países construam juntos dois reatores nucleares. Também pela primeira vez, a agenda de uma visita presidencial do BRASIL e ARGENTINA incluiu um encontro com representantes das MÃES e AVÓS da PRAÇA DE MAIO, movimento de mulheres que desde a ditadura militar Argentina cobra o paradeiro dos desaparecidos políticos.



Diante da ameaça de protestos contra seu regime no sábado, dia 29, o líder sírio, BASHAR ASSAD, disse que realizará uma reforma política no país. Em entrevista ao WALL STREET JOURNAL, ele afirmou que seu governo se difere do egípcio por não ser apoiado pelos EUA e estar em confronto com ISRAEL. “Se vocês querem falar de TUNÍSIA e EGITO, nos deixem de fora. Não somos cópias uns dos outros”, disse. Pelo FACEBOOK, os opositores organizaram protestos para sábado em DAMASCO e ALEPPO. A página das manifestações no site de relacionamentos é popular, mas ainda não está claro qual será a dimensão do ato anti-ASSAD.



O presidente haitiano disse hoje que autoriza o retorno ao país do ex-presidente JEAN-BERTRAND ARISTIDE, que vive na ÁFRICA DO SUL desde que foi derrubado do poder, em 2004. A notícia vem à tona menos de um mês após o também ex-presidente haitiano JEAN-CLAUDE DUVALIER, o “BABY DOC”, encerrar 24 anos de exílio autoimposto e retornar ao HAITI. Segundo o americano IRA KURZBAN, advogado de ARISTIDE, o ex-presidente havia solicitado um passaporte diplomático para que pudesse viajar de volta até seu país natal. Hoje o governo haitiano divulgou ter emitido o documento. Primeiro presidente eleito do HAITI, em 1994, ARISTIDE voltou ao poder para um segundo mandato em 2001, mas foi derrubado três anos depois após uma rebelião nacional. Acusado de corrupção, ele tinha seu poder assegurado por gangues criminosas de bairro, as temidas “chimères”.

















Pelo menos 16 pessoas morreram e 56 ficaram feridas hoje em um tiroteio entre policiais e soldados somalis em MOGADÍSCIO, capital da SOMÁLIA. A tragédia foi iniciada após um militar ter assassinado à queima-roupa um policial. Em seguida, as duas forças de segurança entraram em confronto no Mercado de BENADIR – a maior parte dos mortos é de civis que faziam compras no local no momento da ação. A SOMÁLIA não tem um Estado consolidado há 20 anos.



Pelo menos sete pessoas morreram hoje em dois atentados no noroeste do PAQUISTÃO. Vários policiais participavam de uma patrulha em um bairro da cidade de PESHAWAR, região tribal, reduto do TALEBAN e da AL-QAEDA, quando um adolescente se aproximou e detonou uma bomba. Um chefe de polícia, um motorista, um segurança e dois pedestres morreram. Pouco depois, também nos arredores de PESHAWAR, uma bomba escondida na margem de uma estrada explodiu na passagem de uma viatura. Um policial morreu.



2 012 : - TERÇA-FEIRA

Nossa funcionária, MARINEI, manda-me uma mensagem nesta manhã, comentando o resultado da operação a que foi submetida o pai do VÂNDER:

Cel Ventura, bom dia.

Graças a Deus correu tudo dentro do esperado. O médico avisou que vai permanecer entre dois ou três dias na UTI.

Ontem o Wander, a mãe e as irmãs visitaram ele logo após a cirurgia, ficaram muito emocionados e felizes com o resultado.

Aproveito para agradecer ao Sr. pela preocupação e compreensão, pois os últimos dias foram muito tumultuados, com a graça de Deus tudo há de voltar ao normal.

Chego à Sociedade Veteranos de 32-MMDC por volta das 13 horas e fico surpreso pela presença de ARTHUR PASCHOAL, que, sem me avisar, marcou uma entrevista com o CORONEL PM JAIRO PAES DE LIRA para 14 horas. AMADO RÚBIO está presente e traz cópias dos ofícios que ele entregou na OAB~SP, IV COMAR e 8º DISTRITO NAVAL acerca das indicações das Medalhas MMDC para 23 de maio. Sou chamado a almoçar com MARIVALDO, NATALENE e MAICOL, que estão se despedindo de nós. Eles tomarão um avião com destino à BAHIA por volta das 17:40 horas no Aeroporto de CUMBICA. OLIVEIRA vai acompanhá-los em nome do MMDS. Também converso com COLOMBO que chega nesse horário.

Retornando ao MMDC, encontro o CORONEL PM JAIRO PAES DE LIRA dando entrevista ao ARTHUR PASCHOAL. Este, quer criar o Núcleo ‘MMDC-SUL “GENERAL EUCLYDES FIGUEIREDO”, mas ainda não aprontou o Estatuto da criação do núcleo e, pior do que isso, é um dos nossos associados inadimplentes. Precisamos corrigir tudo isso. Instruo o ARTHUR de como ele deverá proceder daqui em diante. Faço vê-lo o cometimento da falta de ética em não me avisar da entrevista que marcou com o PAES DE LIRA. Tenho um encontro marcado com o HELIODORO DE SÁ, da DISTRITAL NORTE “SANTANA” e quase que sou atrapalhado por essa intromissão do ARTHUR PASCHOAL.

HELIODORO vem combinar comigo uma solenidade para o mês de abril na DISTRITAL NORTE “SANTANA”. Pretende entregar comendas para algumas autoridades pertencentes a essa Distrital. Dou-lhe as diretrizes de como deverá proceder. Saio do MMDC, depois das 16 horas, chateado com o procedimento do ARTHUR. Ele pediu desculpas e as aceitei por achá-lo imaturo na criação de um núcleo e sem conhecimento de como deve proceder. Daqui para diante não há mais como aceitar enganos dessa natureza.

O Diário Oficial desta terça-feira publica a passagem para a reserva do TENENTE-CORONEL PM WLAUDER RÓBSON GONÇALVES, então comandante do 51º BPMM. Ele nasceu em 15 de novembro de 1959. Entrou para a PMESP em 1º de fevereiro de 1982. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1984. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1985; 1º TENENTE – 24 de maio de 1989; CAPITÃO – 25 de agosto de 1995; MAJOR – 25 de agosto de 2005; TENENTE-CORONEL – 15 de dezembro de 2009.



RECEBO DO CORONEL PM TOGNETTI O ARTIGO DE ARNALDO JABOR – OS CANALHAS NOS ENSINAM MAIS.

O artigo do Jornalista Arnaldo Jabor está publicado no jornal O Estado de São Paulo de 31/01/2012. Ouvimos, vemos, sentimos essa debacle do povo brasileiro, todos os dias, desde muito tempo...Pelo jeitão da coisa, não tem solução, pois quando pensamos que já vimos tudo algo surge par nos surprender Com os comunas, então, é inimaginável. POBRE CONGLOMERADO QUE SE PENSAVA UMA SOCIEDADE CAPAZ DE FORMAR UM GRANDE PAÍS, EM CIMA DE UM TERRITORIO DADIVOSO...Lêdo engano! Que desperdicio!!!

Os canalhas nos ensinam mais

Arnaldo Jabor - O Estado de S.Paulo

http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,os-canalhas-nos-ensinam-mais-,829417,0.htm

Nunca vimos uma coisa assim. Ao menos, eu nunca vi. A herança maldita da política de sujas alianças que Lula nos deixou criou uma maré vermelha de horrores. Qualquer gaveta que se abra, qualquer tampa de lata de lixo levantada faz saltar um novo escândalo da pesada. Parece não haver mais inocentes em Brasília e nos currais do País todo. As roubalheiras não são mais segredos de gabinetes ou de cafezinhos. As chantagens são abertas, na cara, na marra, chegando ao insulto machista contra a presidente, desafiada em público. Um diz que é forte como uma pirâmide, outro que só sai a tiro, outro diz que ela não tem coragem de demiti-lo, outro que a ama, outro que a odeia. Canalhas se escandalizam se um técnico for indicado para um cargo técnico. Chego a ver nos corruptos um leve sorriso de prazer, a volúpia do mal assumido, uma ponta de orgulho por seus crimes seculares, como se zelassem por uma tradição brasileira.

Temos a impressão de que está em marcha uma clara "revolução dentro da corrupção", um deslavado processo com o fito explícito de nos acostumar ao horror, como um fato inevitável. Parece que querem nos convencer de que nosso destino histórico é a maçaroca informe de um grande maranhão eterno. A mentira virou verdade? Diante dos vídeos e telefonemas gravados, os acusados batem no peito e berram: "É mentira!" Mas, o que é a mentira? A verdade são os crimes evidentes que a PF e a mídia descobrem ou os desmentidos dos que os cometeram? Não há mais respeito, não digo pela verdade; não há respeito nem mesmo pela mentira.

Mas, pensando bem, pode ser que esta grande onda de assaltos à Republica seja o primeiro sinal de saúde, pode ser que esta pletora de vícios seja o início de uma maior consciência critica. E isso é bom. Estamos descobrindo que temos de pensar a partir da insânia brasileira e não de um sonho de razão, de um desejo de harmonia que nunca chega.

Avante, racionalistas em pânico, honestos humilhados, esperançosos ofendidos! Esta depressão pode ser boa para nos despertar da letargia de 400 anos. O que há de bom nesta bosta toda?

Nunca nossos vícios ficaram tão explícitos! Aprendemos a dura verdade neste rio sem foz, onde as fezes se acumulam sem escoamento. Finalmente, nossa crise endêmica está em cima da mesa de dissecação, aberta ao meio como uma galinha. Vemos que o País progride de lado, como um caranguejo mole das praias nordestinas. Meu Deus, que prodigiosa fartura de novidades sórdidas estamos conhecendo, fecundas como um adubo sagrado, tão belas quanto nossas matas, cachoeiras e flores. É um esplendoroso universo de fatos, de gestos, de caras. Como mentem arrogantemente mal! Que ostentações de pureza, candor, para encobrir a impudicícia, o despudor, a mão grande nas cumbucas, os esgotos da alma.

Ai, Jesus, que emocionantes os súbitos aumentos de patrimônio, declarações de renda falsas, carrões, iates, piscinas em forma de vaginas, açougues fantasmas, cheques podres, recibos laranjas de analfabetos desdentados em fazendas imaginárias.

Que delícia, que doutorado sobre nós mesmos!... Assistimos em suspense ao dia a dia dos ladrões na caça. Como é emocionante a vida das quadrilhas políticas, seus altos e baixos - ou o triunfo da grana enfiada nas meias e cuecas ou o medo dos flagrantes que fazem o uísque cair mal no Piantella diante das evidências de crime, o medo que provoca barrigas murmurantes, diarreias secretas, flatulências fétidas no Senado, vômitos nos bigodes, galinhas mortas na encruzilhada, as brochadas em motéis, tudo compondo o panorama das obras públicas: pontes para o nada, viadutos banguelas, estradas leprosas, hospitais cancerosos, orgasmos entre empreiteiras e políticos.

Parece que existem dois Brasis: um Brasil roído por ratos políticos e um outro Brasil povoado de anjos e "puros". E o fascinante é que são os mesmos homens. O povo está diante de um milenar problema fisiológico (os!) - isto é, filosófico: o que é a verdade?

Se a verdade aparecesse em sua plenitude, nossas instituições cairiam ao chão. Mas, tudo está ficando tão claro, tão insuportável que temos de correr esse risco, temos de contemplar a mecânica da escrotidão, na esperança de mudar o País.

Já sabemos que a corrupção não é um "desvio" da norma, não é um pecado ou crime - é a norma mesmo, entranhada nos códigos, nas línguas, nas almas. Vivemos nossa diplomação na cultura da sacanagem.

Já sabemos muito, já nos entrou na cabeça que o Estado patrimonialista, inchado, burocrático é que nos devora a vida. Durante quatro séculos, fomos carcomidos por capitanias, labirintos, autarquias. Já sabemos que enquanto não desatracarmos os corpos públicos e privados, que enquanto não acabarem as emendas ao orçamento, as regras eleitorais vigentes, nada vai se resolver. Enquanto houver 25 mil cargos de confiança, haverá canalhas, enquanto houver Estatais com caixa-preta, haverá canalhas, enquanto houver subsídios a fundo perdido, haverá canalhas. Com esse Código Penal, com essa estrutura judiciária, nunca haverá progresso.

Já sabemos que mais de R$ 5 bilhões por ano são pilhados das escolas, hospitais, estradas. Não adianta punir meia dúzia. A cada punição, outros nascerão mais fortes, como bactérias resistentes a antigas penicilinas. Temos de desinfetar seus ninhos, suas chocadeiras.

Descobrimos que os canalhas são mais didáticos que os honestos. O canalha ensina mais. Os canalhas são a base da nacionalidade! Eles nos ensinam que a esperança tem de ser extirpada como um furúnculo maligno e que, pelo escracho, entenderemos a beleza do que poderíamos ser!

Temos tido uma psicanálise para o povo, um show de verdades pelo chorrilho de negaças, de "nunca", de "jamais", de cínicos sorrisos e lágrimas de crocodilo. Nunca aprendemos tanto de cabeça para baixo. Céus, por isso é que sou otimista! Ânimo, meu povo! O Brasil está evoluindo em marcha à ré!



Uma greve paralisou os 8.342 ônibus municipais da capital entre 3 e 6 horas. Motoristas e cobradores querem uma revisão da forma como a São Paulo Transportes, empresa da Prefeitura que gerencia a frota da cidade aplica multas por falhas de conduta desses trabalhadores. Eles prometem novas paralisações. A SPTrans não confirma o número total de passageiros prejudicados. Por dia 6,1 milhões de pessoas usam a rede de ônibus. A greve foi decidida ainda na noite de ontem, horas antes de a manifestação ter início. A Prefeitura chegou a acionar o Plano de Atendimento entre Empresas de Transporte em Situação de Emergência. Mas, com as 32 garagens da cidade fechadas, a medida não evitou a lotação dos terminais e fez com que milhares de usuários chegassem atrasados no trabalho nesta manhã. O prefeito GILBERTO KASSAB disse hoje lamentar a greve e prometeu duas ações: abrir uma sindicância para apurar os responsáveis pela articulação da greve e questionar a legalidade da paralisação na Justiça.



Detido ontem na madrugada em uma blitz de trânsito da lei seca, em BRASÍLIA, o deputado GLADSON CAMELI apresentava 1,14 miligramas de álcool por litro de sangue, segundo o teste do bafômetro – mais de três vezes o limite legal. CAMELI, de 34 anos, foi encaminhado a uma delegacia e prestou depoimento. Um motorista o levou para casa, de madrugada.



O vazamento de um gás tóxico causou hoje a morte de quatro operários do frigorífico MARFRIG, instalado em BATAGUAÇU, na região leste de MATO GROSSO DO SUL. Após inalarem o gás, eles desmaiaram e caíram de uma altura de 4 metros. Outros quatro foram transportados, em coma induzido, para um hospital de PRESIDENTE PRUDENTE, no interior paulista. Segundo colegas e testemunhas, ocorreu uma explosão na empresa e os funcionários acabaram atingidos por vapores de gás que vazaram da seção de curtume. Segundo o comandante do Corpo de Bombeiros, CORONEL OCIEL ELIAS, 28 pessoas foram socorridas com fortes sintomas de intoxicação. O MARFRIG distribuiu nota, no início da tarde, informando que “a causa do acidente está sendo apurada”.



Mais dois pedaços de corpos foram encontrados hoje no depósito em DUQUE DE CAXIAS, na BAIXADA FLUMINENSE, para onde estão sendo levados destroços do desabamento de três prédios na Avenida Treze de Maio, no RIO. Com eles, chega a dez, segundo os bombeiros, o número de fragmentos achados no local. A Associação das Vítimas da Treze de Maio disse que houve pressa da prefeitura do RIO em limpar o local. “Deveriam ter feito uma busca minuciosa para permitir que as pessoas encontrassem seus entes queridos em melhor estado. Houve preocupação em tirar os escombros do olhar dos curiosos e, principalmente, da vista dos turistas”, afirmou a advogada da entidade, SIMONE ARGOLO ANDREWS.



Parte de um dos maiores complexos industriais que já existiram na AMÉRICA LATINA, os galpões das Indústrias Reunidas Fábricas MATARAZZO no bairro da MOOCA, na zona leste de São Paulo, foram tombadas hoje pelo Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico de São Paulo (CONPRESP). A boa notícia para a memória paulistana, no entanto, esbarra em anos de decadência e abandono do antigo complexo, eu hoje está reduzido apenas a algumas paredes e fachadas degradadas. O CONPRESP também aprovou hoje projeto de restauro do prédio da BOVESPA, na Rua XV de novembro, e instalação de sinalização do prédio da BOVESPA, na Rua XV de novembro, e instalação de sinalização do Circuito Ciclístico Turístimo Cultural, no centro de São Paulo.



Um dos pioneiros do Pólo Médico do RECIFE e um dos fundadores do Hospital ALBERT SABIN, há 37 anos, ALBERTO VILAR TRIGUEIRO sempre foi um nome respeitado e admirado na área médica de PERNAMBUCO. Foi diretor dos hospitais PROFESSOR BANDEIRA FILHO e BARÃO DE LUCENA, antes de assumir a presidência do ALBERT SABIN, dez anos atrás. TRIGUEIRO morreu neste último dia de janeiro, vítima de falência múltipla dos órgãos, devido a uma infecção respiratória, após 60 dias internado. O corpo está sendo velado no Cemitério MORADA DA PAZ, na cidade de PAULISTA, no GRANDE RECIFE. Será cremado. TRIGUEIRO nasceu em 23 de fevereiro de 1936.



Em sua visita a CUBA, a presidente DILMA ROUSSEFF repetiu o comportamento de LULA, seu antecessor: esquivou-se de criticar a ditadura dos irmãos CASTRO e atacou os críticos do regime comunista, principalmente os ESTADOS UNIDOS, ao dizer que “todos têm telhado de vidro”, informa LISANDRA PARAGUASSU, enviada especial. DILMA afirmou que “não é possível fazer da política de direitos humanos só uma arma de combate político-ideológico”. A agenda de DILMA, centrada em projetos de cooperação, incluiu a visita a FIDEL CASTRO, a quem a presidente disse que iria ver “com muito orgulho”. Já os dissidentes que pediram audiência não encontraram espaço, nem com outras pessoas de sua comitiva. Na entrevista coletiva, DILMA se disse “estarrecida” com uma pergunta sobre sua suposta “guinada à esquerda”, já que acabava de vir do FÓRUM SOCIAL e disse que seu governo não tem preconceito “de nenhuma ordem”.



A dois meses do aniversário de 30 anos da GUERRA DAS MALVINAS, o governo britânico emitiu hoje um novo sinal de endurecimento na disputa com a ARGENTINA pela soberania sobre o arquipélago. O Ministério da Defesa de LONDRES informou que enviará às ilhas do ATLÂNTICO SUL um de seus navios de guerra mais modernos, o destróier HMS DAUNTLESS. Em nota o governo argentino acusou a GRÃ-BRETANHA de “militarizar o conflito”.



O ex-governador de MASSACHUSETTS MITT ROMNEY venceu a primária republicana da FLÓRIDA, hoje, segundo resultados parciais. Apuradas 49% das urnas, ROMNEY tinha 48% dos votos, NEWT GINGRICH, ex-presidente da Câmara dos Deputados, 31%; RICK SANTORUM, ex-senador conservador, 13% e o deputado federal RON PAUL, 7%. No entanto, o favoritismo de ROMNEY no Estado não desanimou NEWT GINGRICH. O ex-presidente da Câmara dos Deputados garantiu que não abandonará a disputa pela nomeação do partido e falou de uma aliança dos conservadores contra ROMNEY nas próximas prévias.



Autoridades da ITÁLIA encerraram as buscas por vítimas na parte submersa do COSTA CONCÓRDIA, transatlântico que emborcou na costa da TOSCANA. A decisão foi tomada em razão dos riscos aos integrantes das equipes de resgate. Parentes dos desaparecidos e funcionários diplomáticos foram informados da decisão, disse a agência de proteção civil hoje. Mas as buscas vão continuar, assim que possível, na parte do navio que não afundou, nas águas próximas à embarcação e ao longo da costa. Dezesseis pessoas são consideradas desaparecidas.



Diante de mais de cem mortes decorrentes do ataque do governo sírio para retomar o controle de subúrbios de DAMASCO, a RÚSSIA insistia hoje que uma resolução defendida pelo Ocidente e pela LIGA ÁRABE contra o regime de BASHAR ASSAD no Conselho de Segurança da ONU pode provocar uma guerra civil na SÍRIA. Até agora, dez dos 15 integrantes do conselho estão a favor da resolução, que esbarra na oposição da RÚSSIA e da CHINA. Os dois países têm poder de veto no órgão decisório máximo da ONU. ÍNDIA e ÁFRICA DO SUL também mantêm reservas sobre o texto. A RUSSIA e o maior fornecedor de armas para o regime de ASSAD e mantém uma base militar na costa Síria. Ainda há a expectativa de que RÚSSIA e CHINA optem por se abster em vez de usar o poder de veto.



KING STITT, um dos pioneiros da forma de cantar conhecida como ‘toasting’, morreu nesta terça-feira, em KINGSTON, de acordo com nota publicada no site da revista ROLLING STONE. O cantor jamaicano tinha 72 anos e morreu em decorrência de diabete e câncer na próstata, após ter recebido alta de um hospital público. WINSTON SPARKS, mais conhecido como KING STITT, começou sua carreira no fim dos anos 1950, ao integrar a cena de sound-systems que surgia nos guetos jamaicanos, na época. Foi um dos primeiros cantores a desenvolver o “toasting”, estilo que virou característica do dub e, mais tarde, influenciou o surgimento do “hip-hop”.









2 013 : - QUINTA-FEIRA

LUCINDA entrega para a KÁTYA a quantia retirada ontem do banco SANTANDER – Rr$1700,00 – como presente para compra de uma geladeira, como ela prometeu ao casal PAULO CÉSAR e KATYA para montagem dos móveis no apartamento que eles compraram a alguns anos. O Diário Oficial de hoje publica transferências de oficiais superiores para a reserva:

DP - São Paulo/SP, (TLTS e FRCTS DP-0136/13 - Pr. 2.299.651/13)

Nos termos do artigo 17, inciso I do Decreto-lei 260/70, artigo 138, parágrafo 2°, combinado com o artigo 129 da Constituição Estadual de 1989, artigo 133 da Constituição Estadual de 1989, Decreto 35.200/92, Instrução Conjunta CRHE/CAF-I/92 e Parecer CJ-26/93, artigo 1º e 3º da Lei Complementar 432/85, Decreto 51.782/07 e vencimentos referentes às Leis Complementares

731/93, 1.021/07 e 1.114/10, com os proventos integrais, contando com mais de 30 anos de serviço e 02 anos no posto de Maj PM, Padrão PM-15, o(s) Ten Cel PM 830534-0 José Abranches Leite Lopes - 38º BPM/M - São Paulo/SP, (TLTS e FRCTS DP-160/13 - Pr. 2.394.454/13)

Nos termos do artigo 17, inciso I do Decreto-lei 260/70, artigo 138, parágrafo 2°, combinado com o artigo 129 da Constituição Estadual de 1989, artigo 133 da Constituição Estadual de 1989, Decreto 35.200/92, Instrução Conjunta C RHE/CAF-I/92 e Parecer CJ-26/93, artigo 1º e 3º da Lei Complementar 432/85,

Decreto 51.782/07 e vencimentos referentes às Leis Complementares 731/93, 1.021/07 e 1.114/10, com os proventos integrais, contando com mais de 30 anos de serviço e 02 anos no posto de Maj PM, Padrão PM-15, o(s) Ten Cel PM 830533- 1 Hélvio Garcia Leal - 49º BPM/I - Jundiaí/SP, (TLTS e FRCTS DP-159/13 - Pr. 2.389.988/13)

Nos termos do artigo 17, inciso I do Decreto-lei 260/70, artigo 138, parágrafo 2°, combinado com o artigo 129 da Constituição Estadual de 1989, artigo 133 da Constituição Estadual de 1989, Decreto 35.200/92, Instrução Conjunta CRHE/CAF-I/92 e Parecer CJ-26/93, artigo 1º e 3º da Lei Complementar 432/85, Decreto 51.782/07 e vencimentos referentes às Leis Complementares 731/93, 1.021/07 e 1.114/10, com os proventos integrais, contando com mais de 30 anos de serviço e 02 anos no posto de Maj PM, e o parágrafo 2º do artigo 213 da Lei 10.261/68, alterado pela Lei Complementar 1.048/08, Padrão

PM-15, o(s) Ten Cel PM 830526-9 Fábio Antonio Barbieri – CBM - São Paulo/SP, (TLTS e FRCTS DP-158/13 - Pr. 2.393.895/13).

Nos termos do artigo 17, inciso I do Decreto-lei 260/70, artigo 138, parágrafo 2°, combinado com o artigo 129 da Constituição Estadual de 1989, por força de decisão judicial o artigo 13 da Lei 7.717/63, artigo 133 da Constituição Estadual de 1989, Decreto 35.200/92, Instrução Conjunta CRHE/CAF-I/92 e Parecer CJ-26/93, artigo 1º e 3º da Lei Complementar 432/85, Decreto 51.782/07 e vencimentos referentes às Leis Complementares 731/93, 1.021/07 e 1.114/10, com os proventos integrais, contando com mais de 30 anos de serviço e 02 anos no posto de Maj PM, Padrão PM-15, o(s) Ten Cel PM 811415-3 Paulo Afonso Caetano - 13º BPM/M - São Paulo/SP, (TLTS e FRCTS DP-165/13 - Pr. 2.373.290/13)

JOSÉ ABRANCHES LOPES nasceu em 12 de julho de 1965. Entrou para a PMESP em 1º de fevereiro de 1983. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1987. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1988; 1º TENENTE – 24 de maio de 1990. Não tenho as demais datas de suas outras promoções.

HÉLVIO GARCIA LEAL nasceu em 6 de abril de 1968. Entrou para a PMESP em 1º de fevereiro de 1983. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1987. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1988; 1º TENENTE – 24 de maio de 1990. Não tenho a sua promoção a CAPITÃO. Foi promovido a MAJOR em 15 de dezembro de 2009.

FÁBIO ANTONIO BARBIERI nasceu em 10 de outubro de 1967. Entrou para a PMESP em 1º de fevereiro de 1983. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1987. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1988; 1º TENENTE – 25 de maio de 1990. Não tenho as demais datas de suas outras promoções.

PAULO AFONSO CAETANO nasceu em 23 de julho de 1960. Entrou para a PMESP em 21 de julho de 1981. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1988. PROMOÇOES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1989; 1º TENENTE – 15 de dezembro de 1990; CAPITÃO – 24 de maio de 2003; MAJOR – 15 de dezembro de 2010.

Também pela Internet, recebo novas informações sobre a Tragédia de SANTA MARIA: - Jader Marques, advogado de defesa de Elissandro Spohr, um dos donos da boate Kiss, afirmou que 830 convites da festa Agromerados foram distribuídos para estudantes da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) venderem uma semana antes do evento que terminou com 235 mortos. Ele disse que mais de 200 convites foram devolvidos pelos universitários, mas admitiu que outras pessoas podiam pagar na porta e outras festas de aniversário ocorriam na casa, que suporta no máximo 691 pessoas, segundo o Corpo de Bombeiros. "A casa tinha um fluxo dinâmico. Quando dava a lotação de 700 pessoas ninguém mais entrava. O dia mesmo da festa não estava aquela maravilha que o Kiko esperava. A casa estava meio vazia até", argumenta o advogado. A Polícia Civil ouviu uma funcionária da casa, porém, que diz ter separado mil comandas para serem vendidas na noite do dia 26. "As pessoas que ouvimos até agora relatam que a casa estava lotada", afirma o delegado regional responsável pelo caso, Marcelo Arigony. "Já os funcionários dizem que a boate estava apenas cheia." Marques disse que a boate "tinha plenas condições de funcionamento e que o dono não sabia da apresentação com sinalizadores da banda. "Aquilo foi uma surpresa, para causar frisson", afirmou o advogado. Extintores. Ontem a polícia ouviu mais 14 testemunhas. Uma reconstituição do acidente também foi feita no interior da boate Kiss com cinco sobreviventes. Segundo depoimento prestado por Vanessa Vasconcelos, de 31 anos, ex-gerente da boate, Kiko também mandava retirar os extintores das paredes por questão estética. Ela trabalhou na casa de dezembro de 2010 a dezembro de 2012 e sua irmã morreu na tragédia. "Ele achava feio os extintores. Mandava a gente tirar. Só colocava de volta quando ia ter inspeção", disse Vanessa. Os donos da casa noturna, no entanto, afirmam que na noite do acidente a casa tinha todos os equipamentos necessários contra incêndio. Pelos depoimentos, a polícia descobriu que o extintor usado por um dos seguranças da casa para tentar controlar o início do incêndio realmente não funcionou. Os cinco extintores da boate tinham sido recarregados em outubro pela empresa Previ. "Me pagaram R$ 50 para recarregar cada um. Mas, se alguém tira o lacre ou faz qualquer manuseio errado, eles podem falhar na hora de serem acionados", afirmou Carlos Weber, dono da Previ. A defesa do proprietário da Kiss negou que o local dos extintores tivesse sido mudado. Reforma. Marques admitiu ainda que o proprietário construiu "uma nova face" para a boate que não constava do projeto original. "Como eu disse, foram reformas feitas para melhorar o atendimento ao público e em um período no qual já estávamos esperando a nova vistoria dos bombeiros. Não sei dizer se a fiscalização da prefeitura chegou a ir lá e constatou as mudanças", diz o advogado, que também defendeu o goleiro Bruno Fernandes no caso da morte da modelo Eliza Samudio. Para a defesa, os argumentos da prisão temporária de Spohr e do outro sócio-proprietário, Mario Hoffmann, não têm mais validade. "A prisão temporária foi justificada sob a suspeita de que os donos tinham escondido câmeras do circuito interno de segurança. Mas tenho aqui uma assinatura do dono da empresa que fazia a manutenção dos equipamentos dizendo que eles não estavam funcionando." / DIEGO ZANCHETTA. Suicídio: Elissandro Spohr, um dos donos da boate, teria tentado o suicídio no hospital onde está internado sob custódia policial em Cruz Alta, a 130 km de Santa Maria. A delegada Lylian Carús afirma que ele tentou se enforcar com a mangueira do chuveiro na noite de anteontem. "Por sorte os policiais que estavam no quarto perceberam", disse o advogado Jader Marques. Já o cardiologista Paulo Ricardo Nazário Viecili, que atende o empresário, contesta esta versão e diz que seu paciente teve uma crise nervosa. Segundo Viecili, o empresário está sob efeito de sedativos e não há previsão de alta. Spohr está no hospital desde a segunda-feira, com a mulher, grávida de quatro meses. Ambos estavam na boate na noite do incêndio e inalaram fumaça.

Na Sociedade Veteranos de 32-MMDC encontro o WILLIAM MASCARENHAS, nosso novo associado. Ele esteve no Edifício MARTINELLI, onde havia uma suspeita de que estaria o acervo dos documentos do MMDC de 1932. Nada encontrou. O WILLIAM tem estreitas ligações com o Exército e irá me representar amanhã na posse do CORONEL MÉDICO QEMA ARNO RIBEIRO JARDIM JÚNIOR, na Diretoria do HOSPITAL MILITAR DE AREA DE SÃO PAULO. Está deixando a Diretoria o CORONEL MÉDICO MARCELO PAIVA DE OLIVEIRA. Também peço para que ele me represente no Centro Cultural HIROSHIMA DO BRASIL, por ocasião do Centésimo Quinto Ano da Imigração Japonesa no BRASIL. O GENERAL-DE-EXÉRCITO ADHEMAR DA COSTA MACHADO FILHO proferirá a palestra “O EXÉRCITO BRASILEIRO NA ATUALIDADE E SOCIEDADE BRASILEIRA”. Vamos iniciar o estudo para a escolha das autoridades que irão receber a medalha MMDC em 23 de maio. Faço algumas mudanças nessa distribuição. Mais tarde vêm ao MMDC o AMADO RÚBIO e o JOSÉ FARIA. Este marcou uma audiência com o vereador CORONEL PM CAMILO na semana que vem. Sou surpreendido com um telefonema do CORONEL PM OSWALDO PELEGRINA MARTINS, Presidente do Conselho Deliberativo da Associação da Polícia Militar do Estado de São Paulo (AOPM). Ele conversa comigo acerca do período pré-eleitoral daquela Associação. A proposta que ele me faz merece uma reflexão a respeito. Minha saúde não é das melhores. A taxa de diabetes me preocupa. Saio do MMDC um pouco depois das 16 horas. Sinto muito sono na viagem de regresso para casa. Vejo pela Internet:

Bruno Bocchini - Enviado Especial - Porto Alegre – Quatro dias após o incêndio na boate Kiss, 138 pessoas permanecem internadas em hospitais de Santa Maria, Porto Alegre, Canoas, Ijuí e Caxias do Sul. Desses, 87 continuam em unidades de tratamento intensivo (UTI), dos quais 11 já respiram sem a necessidade de ventilação mecânica. O restante dos internados (51) está em enfermarias ou em observação. Os dados são da Secretaria Estadual da Saúde do Rio Grande do Sul. O hospital com maior número de pacientes internados em UTI, onde são tratados os casos mais graves, é o da Caridade, em Santa Maria, com 22 pacientes: 21 com ventilação mecânica. Na UTI do Hospital de Clínicas, em Porto Alegre, há 16 pacientes na UTI (14 com ventilação mecânica). Oito hospitais da região metropolitana de Porto Alegre estão tratando os feridos. São 60 pacientes no total: três em enfermaria e 57 em UTI (desses, 48 com ventilação mecânica). Em Santa Maria, onde três hospitais atendem as vítimas do incêndio, há 76 feridos internados: 47 em enfermarias ou em observação e 29 em UTI (sendo 27 com ventilação mecânica). Ainda há um paciente na enfermaria em Ijuí e um paciente em Caxias do Sul está na UTI, respirando com a ajuda de aparelhos.

CIDADE DO MÉXICO 31 Jan (Reuters) - Uma explosão atingiu a sede da gigante estatal de petróleo mexicana Pemex na Cidade do México nesta quinta-feira, matando uma pessoa, ferindo mais de 20 e causando grandes danos no edifício. Uma autoridade de emergência disse que uma pessoa morreu na explosão e 22 ficaram feridas. Outras quatro pessoas ficaram presas dentro do arranha-céu, disse a autoridade. O incidente, que segundo a mídia foi causado pela explosão de máquinas, ocorreu no porão, disseram autoridades da emergência. A Pemex inicialmente disse que o prédio havia sido esvaziado por causa de um problema no fornecimento de eletricidade. Em seguida, afirmou que havia ocorrido uma explosão, sem revelar a causa. Caminhões dos bombeiros correram para a entrada do edifício e agentes de emergência vestidos com jaquetas de alta visibilidade transportaram os feridos em meio aos destroços espalhados na rua. Imagens de TV mostraram janelas quebradas e helicópteros sobrevoando o prédio, que não fica muito distante do centro da cidade. Um porta-voz dos serviços de emergência contou que o gesso do teto do porão caiu e que a situação na torre da Pemex era "delicada". A Pemex tem sofrido uma série de acidentes letais nos últimos anos. Em setembro, 30 pessoas morreram após uma explosão atingir uma unidade de gás natural da empresa no norte do México. (Reportagem de Alexandra Alper, Gabriel Stargardter e Liz Diaz)

Não é à toa que o palmeirense cobra tanto de VALDIVIA. Quando o chileno joga bola – coisa rara ao longo da temporada de 2012, o PALMEIRAS costuma crescer. Vaiado por parte da torcida no domingo, o camisa 10 foi o dono da vitória alviverde por 3 a 0 sobre o SÃO BERNARDO, hoje, no PACAEMBU – isso apesar dos dois gols de BARCOS. O MAGO também fez o dele, encerrando um jejum de 210 dias – não balançava as redes desde o duelo de ida da final da COPA DO BRASIL, em 5 de julho.

LUIZ RAZIA dividirá com FELIPE MASSA a responsabilidade de representar o BRASIL na Fórmula 1 nesta temporada. O jovem piloto, de 23 anos, assinou contrato hoje com a equipe MARUSSIA e correrá ao lado do inglês MAX CHILTON na escuderia russa. O baiano mantinha negociações com a equipe desde 2012, mas havia perdido a esperança com a chegada do britânico, apresentado em meio às conversas. Com a saída de TIMO GLOCK, em janeiro, o brasileiro voltou a ter chances. A apresentação oficial de LUIZ RAZIA está prevista para ocorrer na próxima terça-feira, quando a equipe MARUSSIA lançará o novo carro para a temporada. A estréia dele na categoria está marcada para 17 de março, no GP DA AUSTRÁLIA, na abertura da temporada.

O ex-deputado e ex-ministro LUIZ CARLOS SANTOS morreu hoje de madrugada enquanto dormia em sua casa, em SÃO PAULO, vítima de infarto, aos 80 anos. LUIZ CARLOS ocupou uma cadeira na Câmara Federal por três mandatos e foi líder do governo dos ex-presidentes ITAMAR FRANCO (1994) e FERNANDO HENRIQUE CARDOSO (1995 E 1996). Também foi ministro de Assuntos Políticos de FHC (1996-1998), exercendo o papel de principal articulador do governo. Foi nesse período que foi aprovada emenda da reeleição. LUIZ CARLOS, que sabia dar “nó em fumaça”, nas palavras de FERNANDO HENRIQUE, conseguiu evitar um escândalo político na época, apesar de acusações de compras de voto. LUIZ CARLOS nasceu em ARAXÁ (MG) em 26 de maio de 1932, mas veio ainda garoto para SÃO PAULO. Formou-se em Direito pela USP, em 1956. Entrou para a vida política ainda jovem, pelo antigo PDC. Foi vereador da capital paulista (1963-1968), deputado estadual (1979-1982, 1983-1986 e 1987-1990) e deputado federal (1991-1995, 1995-1999 E 2003-2007). Ele foi presidente da Assembléia Legislativa de SÃO PAULO, entre 1985 e 1987, e exerceu o cargo de governador interino por seis dias. Nesse período estava no PMDB, partido ao qual ficou filiado a maior parte da carreira política, até se migrar para o PFL. No novo partido, saiu vice na chapa do candidato a governador PAULO MALUF (PP), na eleição de 1998, vencida por MÁRIO COVAS (PSDB). Depois, LUIZ CARLOS assumiu a presidência da FURNAS, onde ficou até 2002. LUIZ CARLOS SANTOS também esteve à frente de secretarias do governo paulista, como Desenvolvimento Urbano (1898-1990). O último partido do ex-ministro foi o PSD, criado em 2010 pelo ex-prefeito de SÃO PAULO, GILBERTO KASSAB. O velório do corpo do ex-deputado está sendo realizado na Assembléia Legislativa de SÃO PAULO e o enterro acontecerá amanhã, no Cemitério GHETSEMANI, no MORUMBI. LUIZ CARLOS deixa esposa, MARIA APARECIDA DE FARIA SANTOS, duas filhas, ANA LÚCIA e ANA LAURA, e três netos.

O aluno do 3º ano de psicologia da Universidade MACKENZIE, BRIAN GALLO SILVA, de 20 anos, que despencou da sacada do 13º andar do prédio onde morava, na Rua da CONSOLAÇÃO, estava sob efeito de alguma substância tóxica. Essa é a hipótese da polícia para a morte do estudante, ocorrida na noite de ontem. A família do rapaz também não cogita a possibilidade de homicídio. Segundo o delegado JOSÉ GONZAGA PEREIRA MARQUES, do 4º DP (CONSOLAÇÃO), que investiga o caso, testemunhas relataram que BRIAN voltou de uma festa de calouros “fora de si”. Os amigos falaram que ele tomou bebida alcoólica, mas parecia contido enquanto esteve lá”. Em depoimento, GABRIEL MENDES ABDALLA, um dos três amigos que dividiam o apartamento com BRIAN, disse que chegou do trabalho às 19 horas e encontrou o estudante andando de um lado para outro, gesticulando muito. BRIAN, segundo ele, também ligou do celular para alguém a quem chamou de “mestre”. GABRIEL saiu às 20 horas para ir à festa e só soube do fato ao retornar, às 22 horas. A síndica do prédio, LAVÍNIA, contou à policia que viu o estudante correndo nu pelos corredores dos 13º e 15º andares. Ao vê-la, cobriu as partes íntimas, mas logo se descobriu e gritou: “Não sei o que vou fazer, não sei o que vou fazer.l...”. Em seguida trancou-se no apartamento e se jogou da sacada, que era aberta. Ela disse ter tocado várias vezes a campainha, mas ele não atendeu. Segundo o delegado, amigos disseram que BRIAN andava chateado porque teria se separado da namorada. Foram pedidos exames toxicológicos no rapaz.

Enquanto ativistas do grupo FEMEN BRASIL protestavam hoje na LIBERDADE, Centro, contra os cinco assassinatos cometidos no ITAIM PAULISTA, zona leste, pelo serial killer EDUARDO SEBASTIÃO DO PATROCINIO, de 42 anos, um vizinho do acusado fazia ao jornal DIÁRIO DE SÃO PAULO uma queixa mais séria. Com medo de represálias, ele preferiu não se identificar, mas revelou que a segunda morte confessada pelo criminoso (ocorrida em 12 de maio de 2012) foi denunciada por ele naquele mês pelo DISQUE-DENÚNCIA. Indignado, o denunciante disse que três mortes poderiam ter sido evitadas. “Quero saber o que fizeram com a minha denúncia. Informei pelo telefone que o segurança do bairro tinha visto a moça brigar com esse homem horas antes da morte dela. Quando eu soube, passei o nome do suspeito, o endereço, as características físicas, tudo o que me pediram. Mesmo assim, ele continuou a matar”, lamentou. A delegada ELISABETE SATO, que assumiu a diretoria do Departamento de Homicídios em 2013, diz que a denúncia sobre PATROCINIO, à época, foi recebida pelo DHPP. “Como essa vítima havia sido socorrida, a competência para instauração de inquérito é da delegacia distrital. Por isso, o departamento encaminhou a denúncia à delegacia que apuraria o crime”, disse.

MARCOS LAURENTINO DA SILVA, 33 anos, e VANDERLEI MARTINS DOS SANTOS, 20, foram presos pela Polícia Militar no SACOMÃ, zona sul da capital. Por volta das 23:30 horas de ontem, eles atacaram mãe e filha, de 12 anos, no JABAQUARA, e as fizeram passar para o banco traseiro do YUNDAI IX35. Os bandidos foram seguidos pela polícia. Houve troca de tiros. VANDERLEI, que conduzia o carro roubado, foi ferido. MARCOS, que, segundo a polícia, tem antecedentes, se entregou aos policiais militares. Mãe e filha foram resgatadas bem.

A menina JAIANE CIRINO de 11 anos, foi morta com tiro de espingarda calibre 12 que atingiu suas costas nesta tarde, em ITAQUAQUECETUBA. A policia suspeita que o tiro tenha partido da arma de um segurança de uma empresa de escolta. Ele fazia parte de uma equipe que acompanhava a entrega de produtos comprados pela Internet. Quatro criminosos teriam tentado roubar o veículo e houve o disparo. Uma testemunha diz que não houve roubo e o segurança, provocado, atirou.

Um policial militar de 52 anos, que seria submetido a um exame de ressonância magnética, hoje, no Hospital particular FREI GALVÃO, em GUARATINGUETÁ, passou mal após ter a substância de contraste injetada na veia, em um cenário semelhante ao das três mortes em CAMPINAS. O composto químico é utilizado para facilitar a visualização dos órgãos durante o exame. O paciente está na UTI do hospital com quadro estável, mas sedado e respirando com a ajuda de aparelhos.

Em visita a CUBA, o ex-presidente LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA defendeu uma integração latino-americana mais efetiva, que coloque em prática “tudo o que vem sendo falado a esse respeito”. “É preciso ir além dos discursos e reuniões para que possamos mudar a história da AMÉRICA LATINA”. Usando uma guayabera (camisa tradicional caribenha) vermelha, LULA homenageou o presidente da VENEZUELA, HUGO CHÁVEZ, internado para tratamento de um câncer na capital cubana desde dezembro. “Eu não vim com uma guayabera branca, como os cubanos geralmente usam. O objetivo é também homenagear outro companheiro nosso, que tem muito a ver com tudo o que está ocorrendo em nossa querida AMÉRICA DO SUL e na AMÉRICA LATINA”, disse, referindo-se a CHÁVEZ. Antes, LULA esteve com o ex-presidente cubano FIDEL CASTRO e com o atual presidente RAÚL CASTRO.

O Ministério da Defesa informou que o BRASIL vai iniciar uma redução do contingente militar que atua nas forças de paz no HAITI. Atualmente, há 1910 militares brasileiros naquele país. O chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, GENERAL JOSÉ CARLOS DE NARDI, explicou que, neste primeiro momento, a redução será pontual, com saída de 460 militares.

A blogueira dissidente cubana YOANI SÁNCHEZ afirmou ter recebido seu passaporte atualizado para viajar ao exterior, depois da aprovação de novas regras em CUBA, que flexibilizam as saídas e entradas de seus cidadãos depois de décadas de restrições. YOANI, de 37 anos, é conhecida internacionalmente por seu blog que repudia o regime cubano. A blogueira questiona, normalmente, o que descreve como “falta de liberdade” na ilha. Ela teve negada por diversas vezes a permissão para sair do país, restrições que foram eliminadas com a entrada em vigor de novas regras migratórias no dia 14 de janeiro. A reforma migratória era uma das mais esperadas na ilha. “Incrível! Eles me ligaram em casa para me dizer que estava pronto meu passaporte! Acabam de me entregar!..-), escreveu YOANI em seu TWITTER.

TUBAGUS SAKTI, boxeador de apenas 17 anos, morreu hoje na TAILÂNDIA após sofrer uma hemorragia cerebral, enquanto disputava um torneio de juniores. O pugilista teve convulsões após um nocaute do compatriota ICAL TOBIDA e foi levado rapidamente para o hospital. De acordo com o jornal local “KOMPAS”, SAKTI chegou com vida ao pronto-socorro, mas não resistiu. A publicação também afirma que o árbitro do duelo demorou para paralisar a luta, mesmo depois de o lutador ter dado sinais de desistência.



Nenhum comentário: