quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

13 DE DEZEMBRO DE 2015 - DOMINGO

DIA       TREZE       DE       DEZEMBRO      DE        2 015       -       D O M I N G O.
78 anos, 11 meses e 16 dias de idade.
Início de minhas memórias – 9 de Julho de 1950.
DIA 158º DO ANO 66º
57 anos e 190 dias na PMESP
56 anos e 302 dias na ESCOLA DE OFICIAIS – 20 358 dias – 491 472 horas.
52 anos e 95 dias da DECLARAÇÃO À ASPIRANTE A OFICIAL
27 anos e 273 dias no Posto de Coronel – 333 meses e 1 dia.
4 anos e 159 dias na Presidência da Sociedade Veteranos de 32-MMDC.
10 195 dias CORONEL - 23 anos e 365 dias na reserva.
10 744-258 612                          10 195-245 132                             10 462-244 472.

DIA DO  CEGO
DIA DO  MARINHEIRO

“NÃO FAÇAS DE TUA VIDA UM RASCUNHO.
PODERÁS NÃO TER TEMPO DE PASSÁ-LA A LIMPO”
MÁRIO QUINTANA

DIA DE SANTA LUZIA. Tinha consagrado a DEUS sua virgindade. Por amor a ELE renunciou, em favor dos pobres, de sua fortuna. Chamada pelo prefeito de SIRACUSA, SICÍLIA, confessou a crença em JESUS CRISTO. Foi por isso decapitada. É invocada como protetora contra as doenças dos olhos.
DIA DE SANTA ODILA. Nasceu na FRANÇA, no século VII. Cega de nascença foi rejeitada pelo pai. Aos 12 anos foi batizada e adquiriu a visão. Voltou à casa do pai e dele recebeu um castelo, que transformou em um mosteiro. É invocada contra os males da vista.

1712 a. LUZIA foi capturada pelos soldados do IMPÉRIO ROMANO e teve seus olhos arrancados no dia 13 de dezembro de 303. O martírio da mulher fez com que ela se tornasse uma das santas mais cultuadas da Igreja Católica. “Ela sofreu muito por insistir em levar os ensinamentos de DEUS ao próximo”, diz o teólogo VERIDIANO DOS SANTOS COSTA. Na imagem cultuada pelos católicos, LUZIA aparece com seus olhos em uma bandeja. Após sua morte, a perseguição aos cristãos teve fim. A tradição fez com que ela se tornasse protetora dos olhos e símbolo da luz divina.
549 a. morre o pintor DONATO DI NICCOLO DI BETTI BARDI, o DONATELLO, em 13 de dezembro de 1466.
514 a. é descoberta por ANDRÉ GONÇALVES e AMÉRICO VESPÚCIO a baia de SANTA LUZIA, hoje VITÓRIA, no ESPÍRITO SANTO, em 13 de dezembro de 1501.
470 a. do início do CONCÍLIO DE TRENTO, em 13 de dezembro de 1545, no TIROL ITALIANO. Convocado pelo PAPA PAULO III, a idéia do conselho era reunir os teólogos e clérigos mais famosos da EUROPA para estreitar a união da IGREJA CATÓLICA e reprimir os seus abusos, além de reafirmar seus dogmas. Por trás dessa ação ampla estava o desejo de barrar a nova fé protestante que tomava conta do VELHO MUNDO.
438 a. Sir FRANCIS DRAKE inicia sua viagem ao redor do mundo, em 13 de dezembro de 1577. Ele foi o primeiro navegante inglês a circunavegar o globo. Com cinco pequenas embarcações e menos de 200 homens, o explorador FRANCIS DRAKE parte de PLYMOUTH rumo à primeira viagem de circunavegação bem-sucedida de um inglês – a segunda na história, depois do português FERNÃO DE MAGALHÃES. A missão, que havia sido solicitada em segredo pela rainha ELIZABETH I para atacar as colônias espanholas na AMÉRICA, voltou três anos mais tarde.
374 a. falece SANTA JOANA FRANCISCA DE CHANTAL em MOULINS, aos 70 anos, no dia 13 de dezembro de 1641. Nas minhas memórias consta no dia de seu nascimento, 3 de janeiro, um breve relato de sua vida. Nasceu em 1582, no dia da festa de SÃO JOÃO ESMOLER, em DIJON, na FRANÇA.
373 a. ABEL TASMAN, navegador da Companhia das Índias Orientais Holandesas, descobre a NOVA ZELÂNDIA, em 12 de dezembro de 1642.
208 a. nasce o ALMIRANTE TAMANDARÉ - JOAQUIM MARQUES LISBOA - na cidade de RIO GRANDE (RS) em 13 de dezembro de 1807. Ingressou na MARINHA como voluntário da Academia Imperial em 1823, tomando parte na Consolidação da Independência, embarcado na Fragata “NITERÓI”. Oficial brilhante, extremamente dedicado à profissão, TAMANDARÉ foi a própria história viva da Marinha Brasileira. Lutou bravamente, nas campanhas da Independência, na GUERRA DA CISPLATINA, em que praticou atos de bravura, e na Consolidação da Pátria, quando a nossa MARINHA teve papel decisivo e brilhante. Foram lhe concedidos pelo Imperador os Títulos de: BARÃO, em 1860; VISCONDE, em 1865; CONDE, em 1887 e, MARQUÊS DE TAMANDARÉ, em 1888. Durante toda a sua existência, TAMANDARÉ foi apenas, e exclusivamente, marinheiro. Dedicou-se a MARINHA e ao BRASIL com todo o amor e devoção, sendo, por isso mesmo, elevado às honras e a culminância de PATRONO DA MARINHA BRASILEIRA, pela Lei n º 461, de 29 de outubro de 1948. A data de 13 de dezembro, aniversário de nascimento de TAMANDARÉ, é instituída como “DIA DO MARINHEIRO”. Veio a falecer em 20 de março de 1897.
No dia 12 de dezembro de 2014, recebo a MEDALHA DO MÉRITO TAMANDARÉ, em solenidade no 8º DISTRITO NAVAL. Fui condecorado pelo VICE-ALMIRANTE WILSON PEREIRA DE LIMA FILHO. Mas a indicação foi do VICE-ALMIRANTE LISEO ZAMPRÔNIO, que no dia 5 de dezembro passou o Comando da Unidade ao VICE-ALMIRANTE WILSON PEREIRA DE LIMA FILHO.  
177 a. eclode no MARANHÃO a Revolta dos Balaios, em 13 de dezembro de 1838. Sua maior liderança foi MANOEL FRANCISCO DOS ANJOS FERREIRA.
150 a. da declaração de guerra do PARAGUAI ao BRASIL, em 13 de dezembro de 1864, durante um discurso do chefe de governo SOLANO LÓPEZ. ARGENTINA e URUGUAI se juntariam ao BRASIL meses depois, o que faria o conflito ser conhecido também como a GUERRA DA TRÍPLICE ALIANÇA. Os países que hoje formam o MERCOSUL mergulhavam naquele momento em cinco longos anos de sangue, selvageria e destruição. Em abril de 1864, questões de fronteiras indispuseram os governos brasileiro e uruguaio. SOLANO LÓPEZ quis mediar a questão, mas não foi aceito. Em outubro, tropas enviadas por D. PEDRO II invadiram o URUGUAI, depuseram AGUIRRE e colocaram o colorado VENÂNCIO FLORES em seu lugar. Em represália, o líder paraguaio determinaria em novembro o aprisionamento do vapor brasileiro MARQUÊS DE OLINDA, que subia o rio PARAGUAI rumo ao MATO GROSSO. Estava pronto o cenário para o conflito. Com um Exército mais organizado, LÓPEZ não teve pudor em declarar guerra ao BRASIL em 13 de dezembro. Abriu duas frentes de batalha. A primeira pretendia penetrar no país através do desguarnecido Estado do MATO GROSSO, ainda em dezembro. A segunda frente, no RIO GRANDE DO SUL e no URUGUAI, previa a passagem de tropas por território argentino. Mas o governador da província de CORRIENTES, URQUIZA, não se sensibilizou com os cortejos feitos anteriormente por SOLANO LÓPEZ e lhe fechou as portas. Pior: em maio de 1865, BRASIL, ARGENTINA e URUGUAI superaram suas diferenças para formar a TRÍPLICE ALIANÇA, que tinha por objetivo derrotar o invasor paraguaio. O conflito estava generalizado. 
117 a. das publicações no jornal DIÁRIO POPULAR, edição de 13 de dezembro de 1898: A “Gazeta de Notícias” diz que sabe que o governo de São Paulo está com um empréstimo fechado no estrangeiro. As negociações entaboladas acham-se concluídas, estando apenas dependentes de formalidades. O governo de SÃO PAULO receberá em seus cofres um milhão de esterlinos. Com esse empréstimo o governo paulista saldará importantes compromissos tomados com a execução das obras de saneamento.
O provecto lente de química e agricultura da Escola Politécnica de São Paulo, doutor ADOLPHO BARBALHO UCHÔA CAVALCANTI acaba de publicar um relatório preliminar sobre a extração de goma elástica da mangabeira silvestre em SÃO SIMÃO e BATATAIS, neste Estado.
Ainda ontem não foi instalada a última sessão anual do Tribunal do Júri por falta de número. Houve sorteio da urna suplementar.
A sorte grande da Loteria de São Paulo, extraída ontem foi vendida nesta capital pela casa do senhor J.A.BOUCAULT ao senhor FRANCISCO MOTTA, empregado da Faculdade de Direito de São Paulo.
Pede-se a atenção dos poderes municipais para o estado em que se acha a Avenida TIRADENTES, da Rua MONTEIRO DE BARROS até a PONTE PEQUENA, onde o mato cresce desassombradamente.
Sabemos que um grupo de fazendeiros e também a Associação Comercial de SANTOS endereçaram telegramas à representação paulista no Congresso Federal para que combatam a indicação do doutor ÉRICO COELHO e as opiniões do senhor LEOPOLDO DE BULHÕES sobre a safra do café. De certo que a nossa representação política há de tomar na devida consideração interesse de tanta importância econômica.
O doutor promotor público opinou pela pronúncia do guarda cívico de JACUPIRANGA, GALDINO JOSÉ DOMINGUES, pelo crime de estupro cometido em uma menina de nove anos de idade. O estado da menor é bastante grave.  
116 a. das publicações feitas no jornal DIÁRIO POPULAR, edição de 13 de dezembro de 1899: vimos hoje um ofício que o doutor FRANCO DA ROCHA, diretor e médico do HOSPÍCIO DE ALIENADOS, dirigiu ao doutor chefe de polícia e realmente muito nos penaliza ver quão pouco merecem dos poderes competentes os infelizes que procuram estabelecimentos dessa ordem.
Damos abaixo os termos do ofício e julgue o público: “Peço-vos encarecidamente que não seja mais remetido um só doente para este HOSPÍCIO, nem homem, nem mulher, porque não podemos mais continuar com o estabelecimento da maneira por que se acha. Faço-vos este pedido para evitar de voltar da porta qualquer doente que seja remetido”.
Ontem, cerca da meia-noite, os gatunos tentaram penetrar em casa do doutor FERREIRA QUINTELLA, à Alameda BARÃO DE PIRACICABA, 42. Um mais ousado chegou a transpor o portão e atacou o cão de guarda, travando-se viva luta entre o cão e o gatuno.
O senhor SATURNINO DE OLIVEIRA, administrador interino dos Correios de Estado, nos comunica que no dia 1º de janeiro serão postos em circulação os selos especiais das taxas de 100, 200, 500 e 700 réis, comemorativos do quarto centenário do descobrimento do BRASIL, sendo a circulação dos mesmos limitada até 28 de fevereiro próximo futuro.
Na sessão de ontem da Câmara Municipal foi lida uma indicação dos senhores CARLOS PETIT, VEIGA FILHO, FRANCISCO AMARO e SERAPHIM LEME para que o prefeito mande organizar os planos, projetos e orçamentos necessários para a construção de um parque municipal na Avenida PAULISTA, nos terrenos ali existentes.
114 a. da capela na Rua TABATINGUERA, 104, CENTRO, onde se venera a santa NOSSA SENHORA DA CABEÇA, fundada em 13 de dezembro de 1901. A devoção a essa santa tem sua origem na ESPANHA. Na cidade de ANDÚJAR, na ANDALUZIA, o pico mais alto é chamado de MONTE CABEÇA. No ano de 1277, o pastor JOÃO ALONSO RIVAS, que havia perdido um braço na tentativa de escapar dos mouros, ouviu pela primeira vez um toque de sineta vindo do alto do monte. Ele tornou a ouvir o toque em 12 de outubro daquele ano. Aproximando-se, viu sobre as rochas uma belíssima senhora, que lhe falou com voz doce: “Não temas, servo de Deus. Chegou o tempo de se cumprir a vontade de  Deus, fazendo erigir neste local um templo onde se hão de operar milagres. O braço perdido que eu te restituirei testemunhará minhas palavras”. Entusiasmado com o milagre, o povo, o pároco e as autoridades aclamaram-na padroeira da cidade com o nome de NOSSA SENHORA DO MONTE CABEÇA. 
112 a. nasce o pintor CÂNDIDO PORTINARI, em BRODÓSQUI, no dia 13 de dezembro de 1903, na região de RIBEIRÃO PRETO. Filho de imigrantes italianos que trabalhavam na lavoura de café tinha dez irmãos. Começou a se interessar por arte. Criou a primeira gravura em 1914; era um retrato do compositor CARLOS GOMES, em carvão, copiando a imagem de um maço de cigarros. Matriculou-se na Escola Nacional de Belas Artes, no RIO, com 16 anos. Na época, CANDINHO como era chamado, passava tantas dificuldades que chegou a comer a gelatina química que recebia para misturar com as tintas como forma de disfarçar a fome. “BAILE NA ROÇA”, sua primeira tela de temática nacional, foi pintada em 1923 e lhe valeu a recusa do salão oficial da Escola de Belas Artes, por fugir dos padrões. Mas é premiado no Salão Nacional de Belas Artes em 1929 e ganha uma bolsa de estudos em PARIS, onde sofre grande influência dos muralistas mexicanos e de PABLO PICASSO. Volta ao BRASIL em 1931, casado com a uruguaia MARIA VICTÓRIA MARTINELLI. Em 1935, depois de pintar “CAFÉ”, começa sua fase áurea. Expõe no Museu de Arte Moderna de NOVA YORK e pinta o painel “GUERRA E PAZ”, para a ONU, entre outras conquistas artísticas. Em 1954, começa a manifestar sinais de envenenamento pelo chumbo contido nas tintas com que trabalha, doença que o mata em 6 de fevereiro de 1962. 
110 a. EUCLIDES DA CUNHA (1866-1909) partiu para o AMAZONAS como chefe da comissão de Reconhecimento do ALTO PURUS, em 13 de dezembro de 1905. Tinha como meta demarcar a fronteira entre o BRASIL e o PERU. Foi uma viagem turbulenta. O escritor odiou o clima da AMAZÔNIA, entediou-se com a paisagem e teve um acidente com um dos barcos da expedição. Um ano antes de morrer, ele concluiu seu livro À MARGEM DA HISTÓRIA, estudo sobre a AMAZÔNIA publicado postumamente, mas não teve tempo de realizar seu grande projeto, o livro UM PARAÍSO PERDIDO, que deveria representar para a região o que OS SERTÕES significou para CANUDOS.
107 a. nasce o Doutor PLÍNIO CORRÊA DE OLIVEIRA, fundador da TFP (TRADIÇÃO, FAMÍLIA e PROPRIEDADE), em 13 de dezembro de 1908. A trajetória de PLÍNIO CORRÊA DE OLIVEIRA atravessou quase de ponta a ponta a século XX, deixando-nos um exemplo de integridade de vida, coerência e vitalidade de pensamento, zelo e destemor na defesa dos princípios que professava e uma entranhada devoção à SANTÍSSIMA VIRGEM. Em setembro de 1928, como jovem estudante universitário, PLÍNIO participou do Congresso da Mocidade Católica, em SÃO PAULO. E logo ingressou no Movimento Católico, no qual militaria até o fim de seus dias. Idealizou a Liga Eleitoral Católica (LEC), tendo em vista as eleições para a Assembléia Constituinte – convocadas após a Revolução Constitucionalista de 1932. Como candidato da LEC, tornou-se, aos 24 anos, o deputado mais jovem e o mais votado de todo o país. Terminada a Assembléia Constituinte, PLÍNIO decidiu assumir diversas cátedras universitárias e trabalhar no seu escritório de advocacia, reservando, entretanto, o melhor de seu tempo e de suas energias para as atividades do apostolado. Como diretor do “LEGIONÁRIO”, órgão da Congregação Mariana de SANTA CECÍLIA, dedicou-se a valorizá-lo e, ao cabo de algum tempo, transformou-o no principal jornal católico do BRASIL. Em 1940 foi nomeado Presidente da Junta Arquidiocesana da Ação Católica de SÃO PAULO. Em 26 de fevereiro de 1949, o PAPA PIO XII, por meio do então Substituto da Secretaria de Estado – Monsenhor JOÃO BATISTA MONTINI, posteriormente o PAPA PAULO VI – manifestou sua aprovação ao livro escrito por PLÍNIO “EM DEFESA DA AÇÃO CATÓLICA”, em carta enviada a PLÍNIO: “Explanaste e defendeste com penetração e clareza a Ação Católica, da qual possuis um conhecimento completo, e à qual tens grande apreço (...) O Augusto Pontífice de todo o coração faz votos para que deste teu trabalho resultem ricos e sazonados frutos. Resultado da intensa atividade de PLÍNIO foi fundado, em julho de 1960, a SOCIEDADE BRASILEIRA DE DEFESA DA TRADIÇÃO, FAMÍLIA E PROPRIEDADE (TFP). Em 10 de janeiro de 1978, redigiu um testamento, no qual afirmava: “Declaro que vivi e espero morrer na Santa Fé Católica Apostólica e Romana, à qual adiro com todas as veras de minha alma. Não encontro palavras suficientes para agradecer a NOSSA SENHORA o favor de haver vivido desde os meus primeiros dias, e de morrer, como espero, na Santa Igreja, à qual votei, voto e espero votar, até o último alento, absolutamente todo meu amor”. Entregou sua alma a DEUS em 3 de outubro de 1995.
105 a. (NOVA YORK) O jornal “THE WORLD´S WORK” publica em 13 de dezembro de 1910 um artigo de JOHN BARRETT, que insiste na necessidade de fomentar o intercâmbio comercial dos ESTADOS UNIDOS com a AMÉRICA LATINA.
104 a. (ROMA) Corre o boato de que a FRANÇA estaria disposta a intervir amigavelmente no sentido de estabelecer-se um armistício entre a ITALIA e a TURQUIA, para depois entabolá-las às negociações de paz. O governo pode recusar qualquer intervenção. (publicado no jornal O ESTADO DE SÃO PAULO de 13 de dezembro de 1911).
103 a. nasce LUIZ GONZAGA, o REI DO BAIÃO, em 13 de dezembro de 1912.
102 a. publicação no jornal O ESTADO DE SÃO PAULO, edição de 13 de dezembro de 1912: amanhã, às 8 horas da noite, realizar-se-á no TEATRO MUNICIPAL o festival organizado em benefício da Nova Matriz da CONSOLAÇÃO, que constará de um espetáculo atraentíssimo. O ensaio geral será hoje, tendo sido convidada toda a imprensa para assisti-lo.
  99 a. nasce LÍBER SEREGNI, militar e político, defensor do sistema democrático em seu país, em 13 de dezembro de 1916.
  97 a. da CASA MILITAR DO GOVERNO DE SÃO PAULO, criada em 13 de dezembro de 1918.
  87 a. HERBERT HOOVER, presidente eleito dos ESTADOS UNIDOS, visita a ARGENTINA, em 13 de dezembro de 1928.
  78 a. tropas japonesas invadem a cidade chinesa de NANKING em 13 de dezembro de 1937. Nas seis semanas seguintes, matam aproximadamente 200 mil chineses.
  76 a. do afundamento do encouraçado ADMIRAL GRAF SPEE. Foi afundado pela sua própria tripulação, no RIO DA PRATA, nas proximidades de MONTEVIDÉU. Sob o comando de uma figura enigmática, o CAPITÃO HANS LANGSDORFF, herói da Marinha alemã na I GRANDE GUERRA, o navio deixou a ALEMANHA dias antes do início da II GRANDE GUERRA. Sua missão era: afundar cargueiros ingleses e atrair a marinha inglesa para o ATLÂNTICO SUL. Nos quatro meses seguintes, LANGSDORFF pôs a pique 9 navios, um deles na costa brasileira. Em 13 de dezembro de 1939, foi avistado por uma esquadra de três navios ingleses próximo à entrada do RIO DA PRATA. Na batalha que se seguiu, o GRAF SPEE danificou uma das embarcações inimigas e escapou para o RIO DA PRATA. Com estragos consideráveis, o capitão conseguiu autorização do governo uruguaio para ficar 72 horas no porto de MONTEVIDÉU, tempo insuficiente para efetuar reparos. LANGSDORFF viu-se diante de um dilema. Suas ordens, recebidas diretamente de ADOLF HITLER, eram para voltar a alto-mar e lutar até a morte. O capitão acreditava que uma força superior estava à sua espera (na verdade, a esquadra inglesa só recebera o reforço de um cruzador). Sua decisão foi afundar ele próprio o GRAF SPEE. A tripulação pediu asilo no URUGUAI e ARGENTINA, e muitos só voltaram para a ALEMANHA após o fim da guerra. Atormentado pelos acontecimentos, LANGSDORFF matou-se com um tiro na cabeça, três dias depois, em BUENOS AIRES.
  71 a. da SOCIEDADE PAULISTA DE TROTE. Foi fundada em 13 de dezembro de 1944 por ATÍLIO D´AVANZO. Ele trouxe a idéia da ITÁLIA, onde o trote era um esporte bastante praticado. O clube foi instalado na VILA GUILHERME, uma área plana e então não valorizada. O local era cercado por lagoas que formavam a várzea do RIO TIETÊ. Em 1946, as competições de trote passaram a ser oficiais e, por reunir uma maioria de cerealistas e funcionários dessas empresas, as premiações eram em sacas de arroz, farelo e ração. Os imigrantes europeus, principalmente italianos, formavam o principal público das corridas. O período de ouro da Sociedade aconteceu entre os anos de 50 e 70. Nesta época, o movimento de apostas na pista de VILA GUILHERME só perdia para o JÓQUEI CLUBE DE SÃO PAULO e do RIO. Aos domingos, o clube da VILA GUILHERME se transformava num formigueiro humano, tamanho o público que recebia. Por sua importância naqueles tempos, a SOCIEDADE PAULISTA DE TROTE chegou a manter sedes no centro da Capital paulista (ruas 24 de maio e Florêncio de Abreu). Eram nos salões do clube na VILA GUILHERME que aconteciam as principais festas da sociedade da região, tais como colações de grau e outros encontros de gala. Ali existiu também um concorrido restaurante. Em 1986, JÂNIO QUADROS, como prefeito, desapropriou a área de 180 mil metros quadrados da Sociedade. Sucessivas diretorias assumiram o clube depois disso e, no aguardo do recebimento da indenização, foram deixando ao abandono suas instalações. 
  71 a. um piloto camicase japonês atinge o cruzeiro norte-americano NASHVILLE, matando 138 pessoas em 13 de dezembro de 1944.
  69 a. fechado o acordo entre ARGENTINA e CHILE, em que os países comprometem-se a reduzir suas barreiras aduaneiras, em 13 de dezembro de 1946.
  68 a. falece NICHOLAS ROERICH em 13 de dezembro de 1947. Nasceu na RÚSSIA, SÃO PETERSBURGO, em 9 de outubro de 1874. Criou a Bandeira da Paz, reconhecida no Universo.
  57 a. lançado nos ESTADOS UNIDOS o foguete JÚPITER, com um macaco a bordo, em 13 de dezembro de 1958.
  57 a. recusada nas NAÇÕES UNIDAS uma moção sobre o direito de independência da ARGÉLIA, em 13 de dezembro de 1958.
  56 a. arcebispo MAKARIOS é eleito presidente do CHIPRE, em 13 de dezembro de 1959.
  52 a. das anotações feitas em 13 de dezembro de 1963 (sexta-feira). ANO 14º - MÊS 6º - DIA 157º - 5 anos e 191 dias na FORÇA PÚBLICA – 98º dia como ASPIRANTE – 85º dia no BATALHÃO DE GUARDAS.
Apesar de estar como Oficial de Dia, pouca coisa pude fazer com relação ao meu serviço, pois fui encarregado de comandar um pelotão da 3ª Companhia para os treinamentos do desfile de domingo.
Das 6:30 horas até 9 horas estive ocupado nesse mister. A tropa apresenta-se boa nesse treinamento.
O 2º TENENTE OLEGÁRIO HAMILTON DE CARVALHO rende-me nas funções de Oficial de Dia. Recebendo as ordens do MAJOR ALOÍSIO BORGES, vou saber que amanhã o BATALHÃO DE GUARDAS estará fazendo o último treinamento para o desfile, com início marcado para às 8 horas.
Encontro-me com o ASPIRANTE GIRALDI no ponto de ônibus. O meu colega está à disposição da Comissão de Festas do 132º Aniversário da FORÇA PÚBLICA.
Juntos fomos para o CFA. Ali recebo os últimos boletins da Corporação e me apresento ao CORONEL DIVO BARSOTTI, ainda comandante do Centro e ao 1º TENENTE ALBERTINO LOPES DE AGUIAR, ainda comandante da Escola de Oficiais.
Converso com alguns alunos oficiais e com os TENENTES GARIBE, CONTE, PAPASÉRGIO, SALLES, TASSO e outros. A Escola de Oficiais também tem atuação destacada nessa semana da FORÇA PUBLICA.
Em meu lar passo uma tarde muito boa e, à noite, vou com minha mulher ao CINE VERA, onde assistimos:
TESOURO DA FRONTEIRA, um far-west com TIM HOLT.
JOSÉ VENDIDO NO EGITO – um filme extraordinário, mostrando a vida do filho de JACÓ e RAQUEL, invejado pelos irmãos, que o venderam como escravo a PUTIFAR, senhor dos cárceres do EGITO. A atriz BELINDA LEE interpreta a figura da esposa de PUTIFAR, que ama JOSÉ, mas que não é correspondida por ele. JOSÉ interpreta um sonho do faraó e vem a ser o governador de TEBAS, o segundo homem do EGITO. Chega a ajudar seus irmãos e o próprio pai, quando estes vão de CANAÃN ao EGITO, buscar alimentos. O filme retrata quase que fielmente as passagens da Bíblia.
Em casa, ainda assistimos o programa CÂMERA UM, no canal 9, que hoje apresenta CRIME NA CASA DE LOUCOS.  
  51 a. dos apontamentos lançados no dia 13 de dezembro de 1964 (domingo). ANO 15º - MÊS 6º - DIA 15º - 6 anos e 192 dias na FORÇA PÚBLICA - 204 dias como 2º TENENTE - 451 dias no BATALHÃO DE GUARDAS.
DESFILE COMEMORATIVO DO 133º ANIVERSÁRIO DA FORÇA PÚBLICA.
Para que chegasse a tempo de me preparar para a revista das 7 horas, já em uniforme especial (túnica branca, calça encarnada), deixo meu lar antes das 6 horas. Viajo com o 3º SARGENTO JOSÉ CARCAN e outras praças que se acham em idênticas condições.
No BG vamos encontrar oficiais da 3ª COMPANHIA INDEPENDENTE (PRESIDENTE PRUDENTE) e 4º BP (BAURU) com suas respectivas tropas de desfile.
O BG forma sob o comando do CAPITÃO JAYR DE OLIVEIRA MOURA MORAIS. As companhias comandadas pelos CAPITÃES JOSÉ VICENTE MARINO e JOSÉ FÉLIX SANCHEZ e os oficiais comandantes de pelotão: 1       º TENENTE PLÍNIO VAZ - 2º TENENTE GÉRSON DE OLIVEIRA - 2º TENENTE MÁRIO FONSECA VENTURA; 1º TENENTE ALCIDES MORALLES - ASPIRANTES LUÍZ GONZADA E HERMES. O 2º TENENTE RUI DARCI VILLELA ALVES COSTA é o Porta-Bandeira e o ASPIRANTE A OFICIAL PINHEIRO é o Porta-Estandarte.
Em ônibus de empresa particular, rumamos para a zona de desfile. O ANHANGABAÚ engalana-se com tropas quer da Capital, que do Interior e representantes das Polícias Militares dos Estados da BAHIA, MINAS GERAIS, RIO DE JANEIRO, GUANABARA e PARANÁ.
O Comandante da PARADA é o CORONEL DIVO BARSOTTI e seu Chefe de Estado Maior é o MAJOR FERNANDO THIELE DE FIGUEIREDO. O BG pertence ao Grupamento de Infantaria, comandado pelo "TENENTE-CORONEL LUIZ NÓBREGA E SILVA" (razão pela qual ainda não passou o comando do BG ao seu substituto legal). A primeira tropa é o subgrupamento da capital (subgrupamento escolar) - CFA, EEF. Vem em seguida a Companhia de Guardas, BG, 1º, 2º, 9º, 11º, 15º e 16º Batalhões, DPM, Polícia Rodoviária. Segue o subgrupamento do interior, setor oeste, formada com tropas dos 4º, 7º, 13º Batalhões, 2ª e 3ª Companhias Independentes. A do setor leste é formada pelos 3º, 6º, 8º, 10º Batalhões e 1ª Companhia Independente.
Temos em seguida a tropa do Regimento de Cavalaria, comandada pelo MAJOR SÍLVIO MARCONDES DE REZENDE, em seu novo uniforme que, galhofeiramente, ficou conhecido como "Polícia Montada do Canindé".
Fechando o desfile, temos a tropa motorizada, comandada pelo TENENTE-CORONEL MÁRIO WANDERLEY PIMENTEL. Esse grupamento é formado por viaturas e tropas do 1º BP (Choque), 11º BP (Trânsito), 12º BP (Rádio-Patrulha), 13º BP (Menores), Polícias Rodoviária, Florestal; Serviço Médico e Corpo de Bombeiros, além de contarmos com a tropa do Patrulhamento Tático Móvel (PTM).
São quade 10 horas quando o Governador do Estado passa revista à Parada. Pouco depois tivemos o início do magno desfile.
O BG em seu uniforme especial é uma das tropas que mais se destaca, sendo aplaudida pelo povo presente no ANHANGABAÚ.
Marchando vamos até a Rua RIBEIRO DE LIMA e, ali, defronte do novo e majestoso prédio do Serviço de Fundos, que será inaugurado hoje, vamos aguardar o Governador do Estado.
DOUTOR ADEMAR DE BARROS chega à Rua RIBEIRO DE LIMA às 11:15 horas, para proceder a inauguração do prédio, acompanhado de altas autoridades civis e militares.
Chegamos ao quartel por volta das 12 horas e, assim está encerrado o desfile e a formatura no SERVIÇO DE FUNDOS.
Tarde chego em meu lar. Depois do almoço, dedico o tempo ao futebol. Hoje cai para a Primeira Divisão a equipe da ESPORTIVA DE GUARATINGUETÁ, face o empate obtido pelo NOROESTE, de BAURU, frente ao SÃO PAULO por zero a zero. O SANTOS FC torna-se CAMPEÃO DE 1964, ao derrotar a equipe da PORTUGUESA DE DESPORTOS por 3 a 2. O vice-campeão fica sendo o PALMEIRAS. CORINTHIANS e PORTUGUESA ficam, neste ano, em terceiro lugar. O CORINTHIANS vence, hoje, a FERROVIÁRIA por 2 a 0.
Durante a noite temos o Concerto Sinfônico da Banda de Música da FORÇA PÚBLICA mas, devido o mau tempo, deixo de ir ao TEATRO MUNICIPAL, embora fosse minha vontade comparecer a essa festividade que faz parte do programa comemorativo do 133º Aniversário da FORÇA PÚBLICA.
Assisto programas televisados, encerrando este domingo cheio de fatos importantes.       
  50 a. anotações em 13 de dezembro de 1965 (segunda-feira). ANO 16º - MÊS 6º - DIA 156º - 7 anos e 192 dias na FORÇA PÚBLICA - 569 dias como 2º TENENTE - 816 dias no BATALHÃO DE GUARDAS.
Esta é uma data em que me sinto tranquilo, com muita vontade de trabalhar, talvez por ter podido gozar bem o sábado e o domingo. Assim é que rumo para o BG bem animado. Faço essa viagem às 6:15 horas, um pouco mais tarde do que costumeiramente, mas que em nada prejudica minha chegada ao quartel.
Sou comandante interino da 2ª Companhia e a revista das 7 horas é comandada por mim, oficial mais antigo enquadrado na tropa.
Na FIF, para onde vou logo em seguida, tenho de acertar uma série de documentos, pois não trabalhei na sexta-feira última. Logo mais sou chamado pelo MAJOR CLÁUDIO DE SOUSA que, nesta data, trata-me muito bem. Fala que o TENENTE MOACIR DE SIQUEIRA esteve no BG na sexta-feira e acertou de emprestarmos camas portáteis para o Serviço de Intendência que, nesta Semana da Força Pública irá armar um alojamento gigantesco pra todas as representações do Interior, no Pavilhão Internacional do IBIRAPUERA, em preparação para a Grande Parada de 19 do corrente. Diz-me o sub-comandante que amanhã deverei ir ao Corpo de Policiamento Florestal, representando o BG, na festa de aniversário daquela Unidade. Minha presença lá deverá ser às 10 horas e poderei ir diretamente de casa, pois moro lá perto.
O expediente transcorre muito depressa. Tenho muita coisa para fazer, quer na FIF, quer na 2ª Companhia, onde estou comandando desde o dia 9 do corrente, conforme a seguinte publicação no BOLETIM REGIMENTAL Nº 223, de 13 de dezembro de 1965:
2a. PARTE
ASSUNTOS CORRENTES E DOS SERVIÇOS
ALTERAÇÕES DE OFICIAIS

1 - COMANDO DE CIA.
Por ter o 2º Ten. GERSON DE OLIVEIRA, Cmt. Intr. da 2ª Cia, passado à disposição de um Governador de Estado, que participará do Forum Nacional de Menores, a realizar-se nesta Capital, passou a responder pelo Comando daquela Subunidade o 2º Ten. MARIO FONSECA VENTURA, acumulativamente com suas funções normais de Tesoureiro da Unidade, tudo a contar de 9 de dezembro de 1965 (Nº 010-154-Gab. do Cmdo).
Terminado o expediente, com a escala dos oficiais para as diversas representações da Semana da Força, vejo-me sossegadamente na FIF.
São 14:30 horas quando saio no carro do Comando, tendo como motorista o SOLDADO ROBERTO MAIO. Vamos até o Serviço de Fundos acertar a questão das consignações do mês de dezembro. Acontece que o CAPITÃO WALDOMIRO DE ABREU diz nada haver programado para a semana corrente. Ali me encontro com o CAPITÃO HELIO GUAYCURU DE CARVALHO e 2º TENENTE AMÉRICO VICTOR SALVATO, ambos do 2º BP, mas que também já pertenceram aos quadros de oficiais do BG.
Vou ao Serviço de Intendência para saber maiores detalhes quando ao pedido do TENENTE MOACIR DE SIQUEIRA com referência a camas portáteis e, em seguida, dou um pulo até meu lar, pois minha esposa iria à CRUZ AZUL na manhã de hoje para tratar da inflamação em seu dedo (coisa que ontem deu trabalho). Ali a encontro bem. Ela de fato foi à CRUZ AZUL e foi submetida a um tratamento melhor.
O ROBERTO MAIO leva-me até uma fábrica de quepis. Ali me encontro com diversos cadetes da FP, os quais serão aspirantes depois de amanhã. Entre eles está o LAURO GOMES. Este rapaz foi meu colega como 3º Sargento, chegando, inclusive, em agosto de 1958 a ser promovido a cabo na minha frente. É da minha turma de escreventes e entrou na ESCOLA DE OFICIAIS no ano passado, diretamente no CFO, aproveitando a grande vantagem da FP estar precisando de mais de duzentos oficiais. Os cadetes estão eufóricos pela FESTA DA ESPADA do dia 15 de dezembro, quando então serão declarados Aspirantes a Oficial, tal como me aconteceu em 7 de setembro de 1963.
Na volta, trago o LAURO GOMES e um outro colega seu. No BG, converso com os CAPITÃES IRAHYBA DE PAULA ROSA e JAIR DE OLIVEIRA MOURA MORAIS e TENENTES TODAY, PORT, CLIVATI e CRISPINIANO. Também converso com meus auxiliares na FIF, SARGENTOS VICTOR VALÉRIO, CORREIA e LOPES, escalados que estão para treinarem em uma Companhia de Guerra para uma formatura no dia 15 de dezembro, quando da inauguração da estátua do BRIGADEIRO TOBIAS DE AGUIAR na PRAÇA FERNANDO PRESTES.
Na FIF, escrevo à máquina e preparo a aula para os alunos. O número de alunos começa novamente a diminuir. Parece existir algo que os deixa sem vontade de estudar. Segundo os próprios cabos, o pessimismo no estudo é devido ao caso do interstício que, se continuar sendo de um ano, bem poucos poderão tentar fazer os exames à Escola de Sargentos. Outra dificuldade é com relação ao serviço: os cabos do 12º BP (serviço de rádio-patrulha) têm trabalhado muito ultimamente.
Chego em meu lar quase às 22 horas. Ainda assisto o término do programa "MOACIR FRANCO SHOW", todo ele dedicado à FORÇA PÚBLICA pela passagem de seu 134º Aniversário. Esse programa foi gravado totalmente no BG, onde MOACIR FRANCO fez o papel de um recruta.     
  50 a. nasce VILMA, filha de Dona DEOLINDA, sobrinha da LUCINDA. VILMA nasce em 13 de dezembro de 1965.
  48 a. lançada em órbita a PIONEER 8, em 13 de dezembro de 1967.
  47 a. do ATO INSTITUCIONAL NÚMERO CINCO - AI-5, assinado pelo presidente da República em 13 de dezembro de 1968, que dá a COSTA E SILVA poderes absolutos, suspendendo as garantias constitucionais. Começou pontualmente às 17 horas de uma sexta-feira a 43ª Reunião do Conselho de Segurança Nacional, sob o comando do presidente da República, MARECHAL ARTHUR DA COSTA E SILVA. Quando terminou, depois de duas horas e meia, a democracia estava enterrada no BRASIL. Foi parido ali, no Salão de Despachos do segundo andar do PALÁCIO LARANJEIRAS, o ATO INSTITUCIONAL NÚMERO CINCO. Às 22:30 horas, em cadeia de tevê, o ministro da Justiça, LUÍS ANTÔNIO DA GAMA E SILVA, e o locutor ALBERTO CURY leram a introdução e os doze artigos que compunham o AI-5 e também o ATO COMPLEMENTAR nº 38, que decretou o fechamento do Congresso por tempo indeterminado. Acompanhado do Ato Complementar nº 38, o presidente ganha o direito de interferir nos outros Poderes da República, podendo intervir nos Estados e municípios sem as limitações previstas na Constituição. “A partir desse momento, a luta armada se apresentou como uma alternativa razoável”, afirma a historiadora BEATRIZ KUSHNIT, diretora do Arquivo Geral da Cidade do RIO DE JANEIRO. “O golpe de 1964 me despertou para a política. E o AI-5 me levou para a luta armada”, resume o fotógrafo carioca PAULO JABUR, que entrou para o MR-8 em 1969. No momento em que o AI-5 entrou em vigor, os grupos de esquerda acumulavam meses de ações bem-sucedidas. Em 1967, CARLOS MARIGHELA, militante comunista ativo desde a época de GETÚLIO VARGAS, fundou a ALN. Durante um ano, a organização confundiu a ditadura, agindo sem assumir a autoria de assaltos e atentados. O mistério acabou após o roubo de um carregamento de 31 mil dólares do Instituto de Previdência da GUANABARA. Um dos envolvidos foi preso e contou o que sabia. Dias depois, a revista VEJA de 20 de novembro de 1968 anunciava: “Procura-se MARIGHELA, chefe comunista, crítico de futebol em COPACABANA, fã de cantadores de feira, assaltante de bancos, guerrilheiro, grande apreciador de batidas de limão”.
Registra a história contemporânea que o AI-5 foi a resposta virulenta dos militares à corajosa decisão da Câmara, no dia 12 de dezembro de 1968, de não dar licença para que o deputado MÁRCIO MOREIRA ALVES fosse processado perante o STF por grave ofensa às Forças Armadas. Assim que os militares de linha dura souberam da decisão parlamentar, dirigiram-se ao PALÁCIO LARANJEIRAS para cobrar um revide enérgico do presidente da República. Ao ouvir a notícia no rádio do carro oficial, COSTA E SILVA desabafou ao chefe da Casa Militar, GENERAL JAYME PORTELLA: “Eles vão ter resposta. Você é testemunha de que fiz tudo para que atendessem aos apelos para desagravar as Forças Armadas. Agora vão ver.” Integrante da chamada linha dura, PORTELLA gostou do que ouviu e determinou que se baixasse censura prévia nos órgãos de comunicação, proibindo comentários sobre a decisão da Câmara. 
  45 a. um incêndio provocado por um curto-circuito mata 17 operários na VOLKSWAGEN de SÃO BERNARDO DO CAMPO, em SÃO PAULO, no dia 13 de dezembro de 1970.
  43 a. cerca de 1.700 pessoas lotavam o TEATRO MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO, em 13 de dezembro de 1972. Na platéia, em trajes de festa, parentes, amigos e convidados dos 128 formandos de medicina da UNIVERSIDADE DO ESTADO DA GUANABARA (UEG). No palco, vestidos com becas pretas com babados brancos e capelo na cabeça, os recém-formados estavam emocionados. Entre os convidados estava a família de LUIZ PAULO DA CRUZ NUNES, assassinado aos 21 anos, no segundo ano do curso. Ele levou um tiro na cabeça disparado por policiais durante a repressão estudantil no dia 22 de outubro de 1968, em frente ao Hospital Universitário PEDRO ERNESTO, em VILA ISABEL, ao lado da então UEG. A ação foi realizada pelo Comando do Primeiro Exército, Departamento de Ordem Política e Social (DOPS) e a Polícia Militar.
Os parentes de LUIZ PAULO, escolhido como patrono da turma, levaram flores aos formandos. A direção da UEG, porém, vetou a homenagem dias antes e proibiu qualquer menção ao rapaz. Houve a ordem de colocar uma tarja preta sobre o nome de LUIZ PAULO no convite, o que foi feito apenas em alguns exemplares. Em contrapartida, a direção garantiu aos alunos que não mencionaria a palavra “patrono” na cerimônia.
O discurso da oradora TELMA RUTH PEREIRA SILVEIRA foi submetido à análise dos censores da ditadura e vetado. A alegação: “atentado contra a segurança nacional”. Durante a formatura, no momento em que o texto deveria ser lido, TELMA caminhou lentamente até o púlpito, segurando cinco páginas em branco. Folheou uma a uma, lentamente, em silêncio, e agradeceu. Foi ruidosamente aplaudida. A atitude irritou o diretor da Faculdade de Ciências Médicas da UEG, JAIME LANDMANN. Em seguida, LANDMANN anunciou que os pais de LUIZ PAULO, “colega falecido”, iriam ler uma carta.
Uma voz masculina vinda da platéia corou o silêncio do teatro: “LUIZ PAULO foi falecido!”. Fingindo ignorar o protesto, LANDMANN prosseguiu a cerimônia e anunciou a homenagem ao patrono imposto pela direção da faculdade: ALBERT SCHWEITZER, médico humanitário que atendia necessitados na ÁFRICA. Em seguida, chamou pelo nome de cada um dos formandos. Mas não chamou o de LUIZ PAULO.
Sem nada combinado, os estudantes começaram a bradar quase em coro: “LUIZ PAULO, nosso patrono!!!” e a bater os pés no piso de madeira. Alguns bateram palmas. Imediatamente, LANDMANN mandou fechar as cortinas do palco e encerrou a cerimônia. Os presentes custaram a acreditar no que acabara de acontecer. Nenhuma explicação foi dada. Os formandos e seus parentes foram para casa atônitos. Muitos pais morreram sem assistir à formatura dos filhos. O protesto daquela noite foi abafado. Não foi publicada uma linha sequer nos jornais da época. Os formandos foram pedir conselhos ao jurista HERÁCLITO FONTOURA SOBRAL PINTO, famoso por defender presos políticos. A punição, além da abertura de um inquérito para descobrir os culpados pelo protesto, foi obrigar os médicos, separados um a um, a fazer o juramento da profissão na sala do diretor, no ano seguinte, dois meses depois da formatura.  
  36 a. das seguintes anotações em 13 de dezembro de 1979: nesta quinta-feira, aproveitando que estou indo para São Paulo, LUCINDA resolve ir até o Hospital do Câncer. Antes, passamos pela casa de sua irmã ESMERALDA. Nesta manhã estão presentes no DELPHIN BALANCIER: CORONÉIS JUVENAL, TRANCHESI, ROLDÃO; TENENTES-CORONÉIS WALDEMAR NOGUEIRA, RENATO PEREZ, HERMOGENES GONÇALVES BATISTA, COUTINHO; MAJORES GAIA, MATHEUS, NIOMAR, JÓBIO e ALUÍZIO. Enquanto isso o choque é empregado na prontidão por causa da greve dos motoristas de transportadoras de gasolina. Graves conseqüências para o centro da cidade. A polícia militar faz escoltas. Há uma corrida desenfreada aos postos de gasolina. O combustível está acabando em vários postos. A situação em RIBEIRÃO PRETO não é boa. Pedidos da SHELL e ESSO ao COPOM para fornecimento de escoltas. 90% dos postos de gasolina estão a seco. Aumenta o preço do barril de petróleo (6 dólares). De 18 dólares vai para 24 dólares. Explodiu um petroleiro no Estreito de ORMUZ. 40º DIA da crise EUA x IRÃ. Debate em SÃO PAULO sobre violência. Trombadinhas estão agindo no Centro da cidade, aproveitando a época das festas natalinas. Em casa, nesta noite, assisto “SUA LEI ERA VINGANÇA”, um bang-bang italiano. Nesta noite também temos INTERNACIONAL 3 x PALMEIRAS 2, pelo Campeonato Nacional.      
  34 a. governo comunista polonês decreta a LEI MARCIAL, que declara ilegal o movimento de Solidariedade liderado por LECH WALESA, em 13 de dezembro de 1981. 
  34 a. do GOLPE NA POLÔNIA, em 13 de dezembro de 1981.
  33 a. um terremoto no IÊMEN resulta em três mil mortos dois mil feridos, em 13 de dezembro de 1982.
  32 a. civil TURGUT OZAÍ torna-se o primeiro-ministro da TURQUIA após três anos de liderança militar no país, em 13 de dezembro de 1983. 
  31 a. falece o jornalista PAULO BRANDÃO, no dia 13 de dezembro de 1984.
  29 a. nasce as gêmeas FLÁVIA e FABIANA, filhas da IVETE, sobrinha da LUCINDA, irmã da VILMA, ROBERTO, CÉLIA, ÉDSON, SÉRGIO. A IVETE é filha de Dona DEOLINDA e Sr. ABÍLIO (falecido). As gêmeas nasceram em 13 de dezembro de 1986.
  28 a. das seguintes anotações em 13 de dezembro de 1987: neste domingo o 2º BPChq manda tropas para o Pacaembu onde acontece o “XOU DA XUXA”. Apenas temos conhecimento de que esse serviço pouco trabalho causará, já que está chovendo.
O movimento esquerdista que iria ter na PRAÇA DA SÉ fracassou também por causa do mau tempo.
Assisto FLAMENGO 1 x INTERNACIONAL 0 (gol de BEBETO). O FLAMENGO torna-se tetracampeão do Campeonato Nacional.
No módulo amarelo da COPA UNIÃO o SPORT venceu o GUARANI por 3 a 0. Houve a prorrogação pra decidir quem seria o campeão. Ficou 0 a 0. Na decisão por pênaltis tivemos 11 a 11. Os clubes resolveram dividir o título. O UNIÃO SÃO JOÃO, de ARARAS, garantiu no último minuto de jogo o título da Divisão Intermediária, ao vencer o SÃO JOSÉ por 1 a 0. Ambos estarão na Primeira Divisão em 1988.
A VILMA, sobrinha da LUCINDA, está completando 22 anos. Suas sobrinhas gêmeas, FLÁVIA e FABIANA, estão aniversariando também – é o primeiro ano de vida das gêmeas.
O ATO INSTITUCIONAL NÚMERO CINCO completa seu 19º aniversário.
  27 a. falece ORLANDO OMETTO, usineiro que era presidente da USINA DA BARRA AS, no dia 13 de dezembro de 1988.
  25 a. da notícia dada pelo Cel. LUIZ GONZAGA DE OLIVEIRA de que eu seria transferido para um CPA do INTERIOR, por causa da formulação de queixa contra o Cel. UBIRATAN GUIMARÃES no caso de sua arbitrariedade em querer prender o Sgt. FIGUEIREDO, do 2o. BPMM, subordinado ao CPAM-4, que eu comandava. Em 13 de dezembro de 1990.
  25 a. do encerramento da OPERAÇÃO NACIONAL, iniciada em 11 de dezembro de 1990. Esse PLANO foi executado em 27 de dezembro dos anos de 1996 e 1997; 19 dezembro 1998 (com o nome de SÃO GERALDO); 15 dezembro 1999. Em 2000 também foi executado com o nome de SÃO GERALDO, em 26 dezembro. Enfraquecido em 2001, sob o comando do RONALDO e do ELÁDIO, com a supervisão do MÁRIO MARGARIDO foi desencadeado no dia 19 dez 2001. Não teríamos essa operação em 2002, por problemas morais e éticos. Em 2003, algumas operações realizadas pela polícia civil prenderam vários investigadores envolvidos com roubos de carga. A OPERAÇÃO ANACONDA também trouxe notícias desagradáveis, envolvendo muita gente do judiciário e do executivo. O MMDS, face a corrupção que causa esse tipo de operação, achou melhor evitar tal plano, que no passado chegou a dar certo.  Em 2004, a OPERAÇÃO “CAVALO DE PAU” prendeu dezenas de envolvidos em roubos de cargas, inclusive alguns delegados, membros das polícias civil e militar. Em 2005, alguns coronéis vieram trazer para meus estudos um novo plano, consertado os erros cometidos no passado. No entanto, foram muitos os atos de corrupção que não quero a realização dessa megaoperação, desta feita idealizada para janeiro de 2006. A operação “SÃO GERALDO” foi totalmente revista em 2006 e realizada com vigilância perfeita.   
  24 a. falece o escritor francês ANDRÉ CASTEL DE MANDIARGUES e pintor israelense MOSHE CASTEL, em 13 de dezembro de 1991.
  24 a. os presidentes dos países da AMÉRICA CENTRAL aprovam em TEGUCICALPA a criação do Sistema de Integração da AMÉRICA CENTRAL, em 13 de dezembro de 1991.
  23 a. de SÃO PAULO 2 x BARCELONA 1, no ESTÁDIO NACIONAL, em TÓQUIO (JAPÃO). Dois gols de RAÍ. O técnico do SÃO PAULO era TELÊ SANTANA. No dia 13 de dezembro de 1992, o SÃO  PAULO entrava para  a galeria dos clubes campeões mundiais.    
  22 a. do lançamento da candidatura de MÁRIO COVAS, pelo PSDB, ao governo do Estado de SÃO PAULO, em 13 de dezembro de 1993. Desde fevereiro de 1993, COVAS manifestava publicamente seu desejo de concorrer ao cargo em 1994. Com a desistência do deputado federal do PSDB, JOSÉ SERRA, que se retirou da disputa, os tucanos anunciaram a candidatura COVAS e cancelaram a prévia.
  21 a. PAULO CÉSAR FARIAS é condenado por falsidade ideológica, em 13 de dezembro de 1994. Ex-tesoureiro da campanha presidencial de FERNANDO COLLOR, PC abriu e movimentou contas fantasmas.
  19 a. PAPA JOÃO PAULO II e o patriarca dos cristãos armênios, KEREKIN I, assinam documento no VATICANO, em 13 de dezembro de 1996, que coloca fim a uma divisão de 1,5 mil anos.
  19 a. depois de dez horas de discussão, os países-membros da UNIÃO EUROPÉIA chegam a um acordo sobre o PACTO DE ESTABILIDADE, em 13 de dezembro de 1996. Ele define as regras econômicas para que a moeda comum tenha credibilidade a partir de 1999.  
  18 a. falec. herdeiro da FIAT, GIOVANNI ALBERTO AGNELLI, aos 33 anos, em 13 de dezembro de 1997, vítima de câncer no estômago Morreu em TURIM, na ITÁLIA. Outras anotações nessa data: este é um sábado de muito calor. LUCINDA está se queixando de dores na barriga. Isso vem lhe acontecendo há alguns dias. Fica irritada, desmotivada, desorientada. O JOSÉ CÂNDIDO DA SILVA trabalha na construção sobre a laje de nossa casa. MARLENE está com problemas na pessoa de sua afilhada ANDRÉIA. A filha da falecida IVETE está internada num hospital. Há suspeita de hepatite. Essa menina se viciou na bebida e se tornou prostituta. A família toda se desmantelou depois da morte da IVETE. O pai, o PEDRINHO, é doente mental. Em minha biblioteca, durante o desenrolar do sábado tedioso, releio partes distintas de minhas memórias: 6 a 19 de dezembro de 1979 a 1984, quase todos esses anos no CPChq. Saí do choque em 19 de junho de 1984, ainda como MAJOR,para ser o Chefe Interino do Estado Maior do CPA/M-1, AREA CENTRO. Já estava na reserva, entre 13 a 19 de dezembro de 1991 a 1996. Fui transferido para a reserva em 14 de dezembro de 1991. Também neste sábado, à noite, continuo lendo a obra do jornalista LUÍS MIR – A REVOLUÇÃO IMPOSSÍVEL.
Famílias de SÃO PAULO estão em estado de alerta por causa da “gangue da batida”, grupo que provoca pequenos acidentes para assaltar mulheres quando descem do carro.
O presidente FERNANDO HENRIQUE CARDOSO visitou o Ministro das Comunicações, SÉRGIO MOTTA, internado no Hospital ALBERT EINSTEIN desde o dia 27 de novembro. Garantiu o presidente que o estado de saúde do Ministro é bom.
  17 a. PORTO RICO recusa a opção de se tornar um Estado norte-americano, em 13 de dezembro de 1998. Outras anotações nesta data: neste domingo, enfrentando alta temperatura, subo a Rua LUIZ SARRAZENI, às 9:30 horas. Na banca de jornais do senhor FRANCISCO compro os exemplares da ÉPOCA e da ISTO É. Pego o ônibus GUARULHOS-SÃO MIGUEL. Na Estrada de SÃO MIGUEL desço desse ônibus e embarco no GUAIANAZES. Entro num trem da CPTM para alcançar POÁ e fico nele durante muito tempo porque um outro trem, quebrado, atrapalhava a linha. Aproveito o tempo para ler nas revistas os principais assuntos: PINOCHET – OPERAÇÃO DE MÁRIO COVAS – O ENCONTRO DE F.H.C. E LULA – O ATO INSTITUCIONAL Nº 5 – MERCOSUL – FRANK SINATRA – CONTOS E CRÔNICAS DE MACHADO DE ASSIS – A SEITA MOON – SHARON TATE.
Chego tarde em POÁ. Minha mãe está aprontando para o almoço um virado de feijão e carne seca. Sente muitas dores nos pés. O ADALVO levou a MARIZETE e o FELIPE à casa de sua mãe, dona ONÍLIA, onde almoçam. Descansamos após a refeição. Às 16:30 horas chegam o CABO PM RENATO VENTURA e seu filho LEANDRO. Ainda a temperatura é alta e meu estado de saúde não é bom. Deixo POÁ e, às 17:20 horas embarco no trem de CPTM. Faço baldeação em ARTUR ALVIM para o metrô. Na SÉ, embarco na linha norte. Na ARMÊNIA, pego o EXPRESSO COCAIA.
O CORINTHIANS não se intimida diante do MINEIRÃO lotado e cala a torcida do CRUZEIRO com um heróico empate por 2 a 2, nesta noite, na primeira batalha das finais do Campeonato Brasileiro. O CRUZEIRO abriu 2 a 0 com gols de MULLER e VALDO. O TIMÃO reagiu com a entrada de DINEI, que faz o primeiro gol e deu o passe para MARCELINHO fechar o placar. Não estou nada bom nesta noite. Prefiro deitar mais cedo.
16 a. das seguintes anotações em 13 de dezembro de 1999 (segunda-feira): como combinado anteriormente, encontro o senhor GERALDO FARIA MARCONDES na porta do prédio da secretaria da Cultura, às 9:40 horas. O presidente do MMDC vai ter uma conversa com a doutora LUZIA sobre as dificuldades financeiras do MMDC. Já foi montado um processo sobre esse assunto para o ano de 2000. Após a conversa com dona LUZIA, o senhor MARCONDES trata da reunião de 16 de dezembro e pega um táxi na Rua MAUÁ. Compro uma mala numa loja dessa rua e vou para o MMDS.
Embora já seja tarde, encontro alguns componentes da organização empenhados com os aprontos finais para o desencadeamento da OPERAÇÃO NACIONAL no dia 15 de dezembro.
No MMDC, às 13:30 horas, faço o rascunho da ORDEM DO DIA para a reunião do CONSELHO SUPREMO, no dia 16.
Passo pelo LABORATÓRIO NICOLAU, na rua 7 de ABRIL, a fim de pegar os moldes exigidos pelo TENENTE Dent PM SESMA. Retorno ao MMDC. Ainda acertamos alguns problemas pendentes até às 16 horas.
Ameaçando chover, deixo a Sociedade e embarco no metrô e vou até a ARMÊNIA. No EXPRESSO COCAIA, retorno a GUARULHOS.
Centenas de milhares de croatas deram seu último adeus ao presidente FRANJO TUDJMAN durante um funeral solene para o ex-general comunista que dirigiu seu país à independência da IUGOSLÁVIA em 1991.
Usando farda militar, um grupo de assaltantes invadiu, por volta das 13:30 horas, o HOSPITAL GERAL DE SÃO PAULO, do Exército, no CAMBUCI. Roubou malotes com 300 mil reais que acabavam de chegar num helicóptero para abastecer o BANCO DO BRASIL, instalado no local. Os ladrões teriam roubado também seis fuzis. Para fugir, usaram como reféns um cabo e um civil.
O TRIBUNAL DE JUSTIÇA mandou liberar o presidente da Câmara Municipal de GUARULHOS, OSWALDO CELESTE, e os vereadores WALDOMIRO RAMOS e FAUSTO MARTELLO, presos desde o dia 7 de dezembro. A liminar concedida pelo TJ beneficia também o ex-presidente da Câmara WANDERLEY FIGUEIREDO e os assessores LUÍS PONTE e CARLOS FRANCISCO PATRÃO, que estavam foragidos e não serão mais presos.         

ACONTECEU EM 13 DE DEZEMBRO DE 2000  :  -     TERÇA-FEIRA
CERIMÔNIA DE COMEMORAÇÃO DOS CINQÜENTA E UM ANOS DE CRIAÇÃO DO POLICIAMENTO FLORESTAL E DE MANANCIAIS DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO: -
LOCAL:- AUDITÓRIO DO COLÉGIO DO MOSTEIRO DE SÃO BENTO - LARGO SÃO BENTO.
ABERTURA: 19H30 - FORMAÇÃO DA MESA DIRETORA E ABERTURA DOS TRABALHOS PELA MAIS ALTA AUTORIDADE.
CANTO DA CANÇÃO DA POLÍCIA MILITAR.
CANTO DO HINO NACIONAL BRASILEIRO.
PALAVRAS DO CORONEL SALVADOR PETTINATO NETO, Cmt. do Policiamento Florestal e de Mananciais.
DIVULGAÇÃO DE DADOS ESTATÍSTICOS.
ENTREGA DE MEDALHAS do " CINQÜENTENÁRIO DO CPFM ".
HOMENAGEM ESPECIAL DO CPFM AO CORONEL REF ODILON SPÍNDOLA NETO, 1o. Cmt. do Policiamento Florestal e de Mananciais, EXERCENDO seu COMANDO em 1949.
COQUETEL, ao final da SOLENIDADE. 
O CORONEL RUI CÉSAR MELO, COMANDANTE GERAL DA PMESP preside a SOLENIDADE. Ali, encontro o velho comandante do policiamento da Capital, Coronel Ref. UBIRAJARA SPÍNOLA BRAVO, parente do Coronel Reformado ODILON, homenageado desta noite.

O CANDIDATO DEMOCRATA AL GORE desistiu de lutar com o republicano GEORGE W. BUSH pela presidência dos ESTADOS UNIDOS depois que a SUPREMA CORTE se colocou contrária a recontagem de votos no ESTADO DA FLÓRIDA. AL GORE telefonou para BUSH cumprimentando-o pela vitória e o considerando eleito PRESIDENTE.

O EX-JUIZ LALAU depôs por uma hora na POLÍCIA FEDERAL, e negou todas as acusações de envolvimento com o desvio de cento e sessenta e nove milhões de reais das obras do FÓRUM TRABALHISTA. LALAU também negou ter ligações com o ex–senador LUIZ ESTÊVÃO e reafirmou que recebeu uma herança.

ARREMATADO por 28,7 milhões de dólares, a obra RETRATO DE UMA DAMA, do pintor holandês REMBRANDT (1606-1669). O lance do quadro de 1632 foi dado por telefone, por um comprador que preferiu ficar anônimo, em leilão da galeria CHRISTIE'S. O valor é até agora o mais alto já pago por um trabalho do artista (O RETRATO DE UM HOMEM COM BARBA E CASACO VERMELHO  saiu por nove  milhões de dólares, em 1998).  

ACONTECEU EM 13 DE DEZEMBRO DE 2001  : -      QUINTA-FEIRA
O caso CRACOLÂNDIA é muito explorado nesta manhã pelos oficiais em nossa reunião das 11 horas. O que todo mundo sabia – a corrupção da polícia civil em casos escabrosos de drogas – surge por causa de imagens comprometedoras. Agora surgem os delegados “honestos” que sempre fizeram vistas grossas para as patifarias de seus colegas e investigadores. A CRACOLÂNDIA existe há anos e ninguém fez nada para coibir a desonestidade de policiais civis.
Tenho uma tarde tumultuada por causa dos problemas da PENSÃO ESPECIAL. A tal Comissão Especial da Revolução, formada por pessoas que não vivenciaram 1932, encaram o problema de maneira ridícula. Não dão a PENSÃO ESPECIAL para as viúvas, o que chega a ser um crime cometido contra as velhinhas. Hoje comparece o senhor SÉRGIO TASSINARI. Quer a pensão para sua mãe, viúva do ex-combatente RAUL TASSINARI. Quando vivo, ele recebia a pensão e agora cortaram o direito da viúva.
Por causa das chuvas que caem nesta quinta-feira, o senhor GERALDO PIRES DE OLIVEIRA não comparece no MMDC. Gripado e com tosse, minha situação de saúde piora com o mau tempo. O retorno para GUARULHOS não é bom. Sou obrigado a enfrentar uma chuva fina.
Pela televisão, assisto o desenrolar do escândalo na CRACOLÂNDIA, finalmente esclarecendo o papel vergonhoso de policiais civis desonestos.

O ESCÂNDALO NA POLÍCIA CIVIL toma proporções de revolta em várias camadas da população e até o governador se vê envolvido no momentoso assunto, determinando rigorosa apuração da “BANDA PODRE” da polícia civil, conforme se pronunciou o OUVIDOR DA POLÍCIA, FERMINO FECCHIO. O DELEGADO CORREGEDOR, RUI ESTANISLAU, também determinou as necessárias diligências para apurar tudo. O PROMOTOR JOSÉ CARLOS BLAT cuida do caso.

COMEÇA, OFICIALMENTE, pela manhã, a DESATIVAÇÃO DA CASA DE DETENÇÃO, com presos sendo removidos em aparato policial gigantesco, até as cadeias de GUARULHOS, FRANCO DA ROCHA, ASSIS, PRESIDENTE BERNARDES, RIOLÂNDIA, MARTINÓPOLIS,  BAURU e PIRAJUÍ. A saída dos 140 presos foi acompanhada pelo governador GERALDO ALCKMIN e pelos secretários da Segurança Pública, MARCO VINÍCIO PETRELLUZZI, e da Administração Penitenciária, NAGASHI FURUKAWA.

OS SEQUESTRADORES de WASHINGTON OLIVETTO fizeram o primeiro contato com a família do publicitário e pediram resgate. Mas a DIVISÃO ANTI-SEQÜESTROS (DEAS) negou, oficialmente, que o telefonema tivesse ocorrido. Ainda circularam hoje rumores que a empresa inglesa CONTROL RISKS, de gerenciamento de riscos, assumiu as negociações do caso.

GREVE PÁRA A ARGENTINA e CAVALLO ANUNCIA NOVOS CORTES:
A greve geral convocada pela C G T contra as medidas de ajuste e restrições bancárias parou hoje a ARGENTINA. A CGT avaliou a adesão ao movimento entre 75% e 98%, enquanto o governo admitiu 59%. Alheio aos violentos protestos em todo o país, o ministro DOMINGO CAVALLO anunciou novo arrocho fiscal de 3,5 bilhões de dólares em  2002.

VÍDEO REGISTRA “CONFISSÃO” DE BIN LADEN:- Na mais forte prova já apresentada sobre a responsabilidade de OSAMA BIN LADEN pelos atentados de 11 de setembro, um vídeo amador mostra o terrorista saudita comemorando o resultado dos ataques. As imagens, liberadas pelo governo americano, demonstram que BIN LADEN conhecia detalhes da execução da série de atentados. O teipe indica ainda que nem todos os seqüestradores que lançaram aviões contra o WORLD TRADE CENTER e o PENTÁGONO conheciam os detalhes do plano suicida com antecedência. No AFEGANISTÃO, após o fracasso de negociações para a rendição da AL-QAEDA, forças locais aliadas aos EUA intensificam a caçada aos terroristas em TORA BORA. Ao mesmo tempo, WASHINGTON e a UNIÃO EUROPÉIA não endossaram a decisão de ISRAEL de desqualificar ARAFAT como interlocutor no processo de paz. 

ATENTADO AO PARLAMENTO INDIANO DEIXOU DOZE MORTOS. Nenhum parlamentar foi morto. Os cinco terroristas que invadiram o parlamento  morreram no tiroteio. O vice-comissário de polícia de NOVA DELHI comandou a reação aos terroristas e se tornou o herói do episódio. Dirigiu  com bravura seus homens na sede do Parlamento, apoiado por comandos de elite. Cerca de 300 pessoas, entre parlamentares, funcionários, jornalistas e seguranças, estavam no Parlamento na hora do ataque.

ANUNCIADO pelo presidente GEORGE W. BUSH que os ESTADOS UNIDOS abandonarão o TRATADO DE MÍSSEIS ANTIBALÍSTICOS, firmado em 1972 com a então UNIÃO SOVIÉTICA. O objetivo é levar adiante o projeto de construção de um escudo contra mísseis composto por satélites interligados na órbita da TERRA.

O arquipélago de FERNANDO DE NORONHA, que faz parte de PERNAMBUCO, foi reconhecido pela UNESCO como Patrimônio Natural da Humanidade. A CHAPADA DOS VEADEIROS e o PARQUE DAS EMAS, em GOIÁS, e o ATOL DAS ROCAS, que pertence ao RIO GRANDE DO NORTE, também receberam o título.

Foram quase cem filmes para a televisão entre 1967 e 1990. Imortalizaram JEAN RICHARD como o inspetor MAIGRET nas adaptações televisivas dos romances policiais de GEORGES SIMENON. RICHARD morreu de câncer, em PARIS. Tinha 80 anos. Nascido em NIORT, no norte da FRANÇA, em 1956 fundou também o primeiro parque temático francês. O chamado “MER DE SABLE” fica na cidade de ERMENONVILLE, a 40 quilômetros da capital francesa. Mas sua fama RICHARD a deve principalmente às dezenas de filmes que fez, quase sempre como coadjuvante, e à série de TV no papel de MAIGRET.

2 002   :   -    SEXTA-FEIRA
O PRESIDENTE DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SÃO PAULO, DEPUTADO WÁLTER FELDMAN, sentir-se-á honrado com sua presença na SESSÃO SOLENE com a finalidade de comemorar os 171 anos de Fundação da POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO que, por solicitação do nobre DEPUTADO WILSON MORAIS, será realizado no dia 13  de dezembro de 2002, às 10 horas, no Plenário “Presidente JUSCELINO  KUBISTHSCHEK  DE OLIVEIRA”.

O CORONEL PM JAIRO PAES DE LIRA, Comandante do Policiamento de Área Metropolitano NORTE, tem a grata satisfação de convidar V.Exa. e família para a solenidade alusiva ao VIGÉSIMO SÉTIMO ANIVERSÁRIO deste comando, a realizar-se em 13 de dezembro de 2002, às 16:00 horas, na séde do CPA/M-3, Rua AMAMBAÍ, Nº 9 – VILA MARIA / SP.

Outorga do título de CIDADÃO PAULISTANO ao GRÃO MESTRE DO GRANDE ORIENTE DE SÃO PAULO, JOÃO BAPTISTA MORAES DE OLIVEIRA na CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO pelo nobre vereador TONINHO PAIVA. Presidida a Sessão Solene pelo nobre vereador PASTOR VANDERLEY.

Um calor de 30 graus faz com que chegue ao MMDS cansado. Ainda pairam desconfianças sobre certos oficiais que “meteram a mão” no dinheiro e que, para sanar irregularidades, resolveram devolver as quantias sacadas. Acontece que isso não se pode resolver com tanta simplicidade. RONALDO deverá prestar serviços em MARÍLIA, na semana que vem.
Na Sociedade, aguardamos um telefonema do CORONEL CELSO sobre a dúvida criada a respeito da reunião de 18 de dezembro. No entanto, até às 16 horas nada temos de positivo, muito embora eu tenha lhe telefonado (estava em reunião). O CARRARO passa pelo MMDC. Mostra-me uma defesa que está fazendo no processo que REGINA CELENTANO resolveu mover contra o Sr. GERALDO FARIA MARCONDES, por ele não permitir seu retorno à Sociedade.
Em GUARULHOS, cai violenta pancada d´água e sou obrigado a aguardar, perto de uma banca de jornais, durante meia hora, amainar a chuva. LUCINDA conta-me que sua mãe reclama que um gato preto entrou no quarto. Essa situação está perturbando. No momento que chego, escuto-a resmungando contra o gato fantasma. Um telefonema do Sr. MARCONDES esclarece que o CORONEL CELSO mandou sua secretária telefonar para o MMDC dizendo que o horário da reunião de 18 de dezembro não será às 15 horas, mas sim às 9 horas. Acontece que o estatuto não permite que se troque o horário sem mais nem menos, pois os conselheiros têm de ser avisados com o prazo de dez dias. No meu caso, por exemplo, tenho um compromisso no INCOR às 8 horas dessa data e isso já havia transmitido para o CORONEL CELSO quando se escolheu a data de 18 de dezembro. Por causa dessa confusão toda, digo ao Sr. MARCONDES que não irei à ACADEMIA DE POLÍCIA MILITAR DO BARRO BRANCO, amanhã, a fim de não ter de dizer certas coisas para o CORONEL CELSO ou para o Comandante Geral, pois o estatuto da Sociedade está sendo violado. O Sr. MARCONDES também não irá à solenidade de entrega de ESPADAS.  
Na Assembléia Legislativa realiza-se uma sessão solene para comemoração dos 171 anos da PMESP, sob a presidência do CABO WILSON MORAIS. Presença maciça de quase todos os coronéis da ativa, tendo à frente o nosso Comandante Geral, CORONEL ALBERTO SILVEIRA RODRIGUES.

O juiz MARCO ANTÔNIO TAVARES foi condenado a 13 anos e 6 meses de prisão em regime fechado pelo assassinato da mulher, MARLENE APARECIDA DE MORAES TAVARES, em agosto de 1997. O juiz, que também  perdeu o cargo, foi julgado pelo ÓRGÃO ESPECIAL DO TRIBUNAL DE  JUSTIÇA DE SÃO PAULO, que reúne os VINTE E CINCO desembargadores  mais antigos. O julgamento durou seis horas e quarenta e cinco minutos e a decisão dos 24 magistrados pela condenação foi unânime. Uma multidão considerável se postou defronte o Tribunal de Justiça e, quando deixei o MMDC, passando pelo local, aguardava-se a saída do ex–juiz, condenado, que seria levado para uma cela do Regimento de Cavalaria “NOVE DE JULHO”.

LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA anunciou as nomeações de LUIZ FERNANDO FURLAN, da SADIA, para o Ministério do DESENVOLVIMENTO; de  ROBERTO  RODRIGUES, da Associação Brasileira de Agrobusiness, para a AGRICULTURA; do embaixador CELSO AMORIM para as RELAÇÕES EXTERIORES; e da senadora MARINA SILVA para o MEIO AMBIENTE.

Os índios apareceram para dar o último adeus ao sertanista ORLANDO VILLAS BÔAS, o cacique branco, realizaram um ritual de passagem e choraram diante do caixão. Ele foi enterrado hoje no Cemitério do MORUMBI. O indigenista, responsável pelo primeiro contato entre os brancos e os índios caiapós, morreu ontem, aos 88 anos, de falência múltipla de órgãos.

O jurista EVANDRO LINS E SILVA, de 90 anos, está internado em estado grave no CTI da Clínica SÃO VICENTE, na GÁVEA, zona sul do RIO. Ele foi internado com traumatismo de crânio causado por uma queda e operado no Hospital SOUZA AGUIAR. Durante a madrugada foi transferido para a Clínica SÃO VICENTE numa ambulância UTI Móvel do Hospital SAMARITANO. O advogado está em coma. Foi submetido a uma drenagem dos ventrículos cerebrais, um procedimento para controlar a pressão intracraniana. Ele  ocupa a cadeira de NÚMERO UM da ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS. O acidente ocorreu logo após o seu desembarque no Aeroporto SANTOS   DUMONT. Voltava de BRASÍLIA onde foi homenageado pelo presidente   FERNANDO HENRIQUE CARDOSO. EVANDRO foi socorrido por funcionários da infraero e atendido no posto médico do aeroporto. Logo depois levado   para o SOUZA AGUIAR e submetido a uma cirurgia. EVANDRO, atualmente, preside a SOCIEDADE BRASILEIRA DE CRIMINOLOGIA. Defendeu, em abril de 2000, o líder do Movimento dos Sem Terra, JOSÉ RAINHA JÚNIOR, no TRIBUNAL DO JÚRI de VITÓRIA, Estado do ESPÍRITO SANTO. RAINHA fora acusado de matar um fazendeiro e um PM na cidade de PEDRO CANÁRIO. Foi condenado no primeiro julgamento a 26 anos de prisão, e absolvido no segundo julgamento. Ele foi nomeado por FERNANDO HENRIQUE para o CONSELHO DA REPÚBLICA, composto por presidente, vice, presidentes da CÂMARA e do SENADO, líderes governistas e seis brasileiros ilustres. EVANDRO terá um mandato de três anos.
  
O PAPA JOÃO PAULO II aceitou a renúncia do cardeal americano BERNARD LAW como arcebispo da Arquidiocese de BOSTON – epicentro de uma série de escândalos sexuais que abalam a Igreja Católica dos EUA. LAW encontrou-se brevemente no VATICANO com o pontífice, após uma semana de intensa pressão por sua renúncia exercida por seus próprios padres e por vítimas de abuso sexual. LAW é acusado de não ter evitado que esses abusos fossem cometidos contra menores por membros do clero, ao transferir sacerdotes suspeitos de pedofilia de paróquia para paróquia. LAW é o primeiro cardeal a renunciar a um posto na era moderna. O PAPA nomeou para o seu lugar o bispo auxiliar RICHARD LENNON como administrador especial para dirigir a Arquidiocese de BOSTON, temporariamente, até que um novo arcebispo seja escolhido.

RENUNCIOU ao cargo de presidente da comissão independente de investigação sobre os atentados de 11 de setembro o ex–secretário de Estado americano HENRY KISSINGER. Ele vinha sendo criticado por atuar sob suposto conflito de interesses. Em WASHINGTON.

DESCOBERTO um fóssil com cerca de DOIS MILHÕES DE ANOS numa fazenda em PASSO FUNDO, no RIO GRANDE DO SUL. A peça mede 28 centímetros e pesa 1,5 quilo. Segundo pesquisadores da Universidade de PASSO FUNDO, ele pode ser proveniente de SANTA MARIA e ter sido trazido por povos indígenas antigos.

ASSISTO na TV BANDEIRANTES – O CÉU PODE ESPERAR, de WARREN BATTY e BUCK HENRY. É uma fantasia romântica, uma refilmagem bem melhor QUE O CÉU ESPERE, de 1941. Feito em 1978, foi sucesso de bilheteria. Morto num acidente de carro, um atleta (WARREN BEATTY)  chega às portas do céu e descobre por Mr. JORDAN (JAMES MASON) gerente do estabelecimento divino, que tudo foi um erro porque sua hora fatal ainda não havia soado. E, como a essa altura do campeonato seu corpo já fora cremado, ele volta a TERRA na pele de um milionário a quem a mulher (DYAN CANNON) vive tentando matar. Apesar de estar num corpo destreinado, ele faz de tudo para voltar a jogar como lançador no time de futebol americano e consegue com sucesso. Mas, é assassinado pelo amante da mulher e aí começa o seu drama porque deverá retornar às paragens celestes. Com surpresa, ao morrer um dos jogadores do time, durante a partida que vale o título, ele, mais que depressa, ocupa o corpo do mesmo e leva a equipe à conquista do campeonato. JULIE CHRISTIE interpreta o papel da mocinha que se apaixona pelo atleta, sabendo inclusive do seu drama existencialista.

2 003   :   -         SÁBADO    3 H PB – 1155/ 83 131 72 181 84/ - 114115202/ - 141/ -
Festa de lançamento da minissérie UM SÓ CORAÇÃO, no MASP. O coquetel marca a abertura da mostra UM SÓ CORAÇÃO, UMA HISTÓRIA DE AMOR COM SÃO PAULO, com fotos da minissérie e da cidade, dos anos 20 aos 50, além dos figurinos de personagens da trama de MARIA ADELAIDE AMARAL e ALCIDES NOGUEIRA, e 30 obras do acervo do museu. A escultura ONÇA, de VICTOR BRECHERET, doada ao museu por CICCILLO MATARAZZO, é um dos destaques da exposição, que é dedicada à figura de YOLANDA PENTEADO que, com CICCILLO, fundou o MAM, a FUNDAÇÃO BIENAL e o MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA.

O Sr. GERALDO FARIA MARCONDES comunica-me, por telefone, que ganhamos mesmo a causa da reforma do Monumento-Mausoléu, no processo movido contra a Sociedade Veteranos de 32-MMDC pelo IPH. É uma vitória significativa que irá encerrar um dos capítulos mais trabalhosos do MMDC, altamente prejudicado por uma equipe de aventureiros que, numa firma misteriosa, tenta enganar o governo paulista através de contratos suspeitos de super-faturamento. Quase que a Sociedade nossa foi engabelada por TITONELI, MASSARANI e outros corruptos. Eles agem à sombra da LEI ROUANET, angariando fundos de terceiros. No fim, quem paga a conta é o povo e as pessoas envolvidas tiram vantagens pecuniárias.

O SÃO CAETANO goleou o time gaúcho do INTERNACIONAL por 5 a 0, com gols de SOMÁDIA (2), ZÉ CARLOS, WARLEY e ADEMAR. O SÃO CAETANO vai disputar a sua terceira LIBERTADORES DA AMÉRICA. O outro garantido na LIBERTADORES 2004 é o CORITIBA, que bateu o CRICIÚMA por 2 a 0. Ainda jogaram: ATLÉTICO MINEIRO 3 x GOIÁS 2; FIGEUIRENSE 2 x GUARANI 0; PARANÁ 2 x VITÓRIA 0.

HUMBERTO TELES, um dos advogados do cantor MARCELO PIRES VIEIRA, o BELO, disse hoje que entrará com um pedido de habeas corpus no Superior Tribunal de Justiça na segunda-feira, dia 15, para tentar evitar a prisão do pagodeiro.

A prefeita MARTA SUPLICY inaugurou hoje o primeiro PASSA-RÁPIDO da cidade, o PIRITUBA-LAPA-CENTRO. Com trecho de 15 quilômetros, vai atender a 175 mil passageiros por dia útil e terá 47 paradas no canteiro central das vias. A viagem entre PIRITUBA e o centro será feita em 60 minutos, um ganho de meia hora, já que a viagem durava 90 minutos.
 
A Capitania dos Portos mantinha, até o início da tarde, as buscas para encontrar a inglesa EMILI CADROK, de 29 anos, que desapareceu no rio PARÁ, perto de BELÉM, ontem. Ela estava a bordo do navio ARCTIC SUNRISE, do grupo ambientalista GREENPEACE, quando uma tempestade atingiu o barco.

A polícia do RIO realizou hoje uma busca com equipamentos especiais na LAGOA DA TIJUCA, na tentativa de encontrar a arma usada no assassinato do casal de americanos ZERA TODD e MICHELLE STAHELI. Foi contratada uma empresa especializada em detectar metais para fazer a busca no local. Até agora, passados quinze dias do crime, a polícia não sabe quem matou o casal de americanos, não encontrou a arma e não sabe qual foi a motivação do crime.

Foi inaugurada a exposição BELLATRIX E O PALÁCIO DO TEMPO – UMA VISITA AO INÍCIO DA TELEFONIA, na ESTAÇÃO CIÊNCIA, na Rua GUAICURUS, 1.394 – LAPA. Elaborada pela Fundação TELEFÔNICA em parceria com a ESTAÇÃO CIÊNCIA da USP, mostra de forma interativa toda a história do desenvolvimento tecnológico do telefone. Com ampla quantidade de material e de conteúdo, o evento apresenta experimentos sobre ondas, som e telefonia.

O crucial encontro de cúpula da UNIÃO EUROPÉIA, para aprovar a primeira Constituição do bloco, acabou em fracasso, hoje, em BRUXELAS, por causa da falta de acordo sobre um novo sistema de votação para lidar com a entrada de dez novos membros em maio de 2004. “Infelizmente, a discórdia foi total quando nós tratamos do sistema eleitoral”, disse em entrevista coletiva o premiê italiano, SÍLVIO BERLUSCONI, que ocupa a presidência rotativa da UNIÃO EUROPÉIA, após negociações na capital belga que colocaram principalmente FRANÇA e ALEMANHA contra ESPANHA e POLÔNIA. O próximo presidente da UE, o premiê irlandês, BERTIE AHEM, que assumirá em janeiro, anunciou que o sistema de votação não será negociado nos próximos dois meses.

O tenor italiano LUCIANO PAVAROTTI, de 68 anos, se casou hoje com a sua ex-secretária, NICOLETTA MANTOVANI, de 34 anos, em uma cerimônia no norte da ITÁLIA. O casal, que formalizou a união em MÓDENA, cidade natal do cantor, está junto desde meados de 1990, quando PAVAROTTI deixou sua primeira mulher. BONO, líder do U2, participou da cerimônia.

A rainha ELIZABETH II da INGLATERRA, de 77 anos, deixou hoje o hospital menos de 24 horas depois de ter sido submetida a cirurgias no joelho e no rosto. Porta-vozes disseram que a rainha vai retornar à sua residência londrina, o PALÁCIO DE BUCKINGHAM, para se recuperar e então deverá viajar para SANDRINGHAM, no leste da INGLATERRA, para comemorar o NATAL. Ela submeteu-se a uma cirurgia de 75 minutos no hospital REI EDUARDO VII, em LONDRES, ontem, para a retirada de cartilagem do joelho esquerdo e remoção de lesões de pele na face.

A GLOBO apresenta nesta noite o filme SOCIEDADE SECRETA, de 2000, dirigido por ROB COHEN, com JOSHUA JACKSON, PAUL WÁLKER, HILL HARPER, LESLIE BIBB, STEVE HARIS e CHRISTOPHER McDONALD.  Estudante pobre entra para irmandade secreta na Universidade de YALE. A princípio, é legal, pois os SKULLS, como eles de chamam, se ajudam uns aos outros. Mas, quando ocorre um suicídio, o herói suspeita de que foi assassinado e passa a investigar as razões da morte do seu amigo e chega a conclusões de que ele foi assassinado em nome da Sociedade Secreta, que preserva os fatos acontecidos e que poderiam criar problemas para a irmandade.

2 004 :   -   SEGUNDA-FEIRA
O Presidente da Assembléia Legislativa do Estado de SÃO PAULO, Deputado SIDNEY BERALDO, sentir-se-á honrado com sua presença na Sessão Solene com a finalidade de homenagear os “173 anos de bons serviços prestados pela Polícia Militar do Estado de SÃO PAULO” que, por solicitação do nobre Deputado Coronel ÉDSON FERRARINI, será realizada no dia 13 de dezembro de 2004, às 10 horas, no Plenário “Presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira”.

MARINHA DO BRASIL
COMANDO DO 8º DISTRITO NAVAL

O Comandante do 8º Distrito Naval tem a honra de convidar V. EXA/  V. Sª e família para a cerimônia militar em comemoração ao DIA DO MARINHEIRO, a realizar-se no dia 13 de dezembro de 2004, às 10:30 horas, na sede do Comando do 8º Distrito Naval, situado à Rua Estado de Israel, 776, Vila Clementino, SÃO PAULO-SP. 

Não estou em condições ideais de saúde para comparecer em solenidades. Ontem, o CORONEL MENDES fez uma ligação telefônica comigo, a fim de irmos no 8º DISTRITO NAVAL e expliquei a ele os motivos pelos quais não posso ir ao evento.
Saio tarde de casa. Vou diretamente para o MMDS, onde os oficiais estão me esperando para uma rápida reunião. Ao passar pela Rua TABATINGUERA, vejo grande multidão defronte à centenária igreja de SANTA LUZIA, onde hoje termina a semana de festas em louvor a ela. No MMDS, são discutidos os principais assuntos dessa semana: Assembléia Geral da Sociedade Veteranos de 32-MMDC, em 17 de dezembro (sexta-feira); desbaratamento das quadrilhas de roubos de carga, envolvendo elementos das duas polícias,  o que é uma vergonha, mas que sabíamos há anos e que já tínhamos denunciado, em vão, na época; compromissos de cada uma nessa época de NATAL, impossibilitando uma reunião que possa discutir assuntos importantes para 2005.
AMÉRICO acompanha-me até o Correio, onde colocamos os cartões de NATAL para algumas pessoas. Depois, esse oficial me acompanha até a Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Entrego o projeto do novo Estatuto com algumas modificações que fiz de última hora, citando a Constituição Estadual, que criou a figura da SEMANA CONSTITUCIONALISTA (3 a 9 de JULHO). Converso por telefone com o CORONEL RENALDO. Ele diz que o presidente marcou uma reunião da Diretoria Executiva para amanhã, às 15 horas. As funcionárias estão encarregadas de avisar as pessoas que compõem a executiva. Vejo também que o Sr MARCONDES está marcando uma audiência para conversar com o Governador ALCKMIN. Não sei de detalhes acerca dessa audiência e nem os motivos para reunir urgentemente a Diretoria Executiva. Mas as coisas devem ter relação com a Assembléia Geral marcada para sexta-feira. A LUCIENE está levando o projeto do novo Estatuto para um exame por parte do 4º Cartório de Títulos e Documentos (CARTÓRIO MEDEIROS) onde estão registrados o Estatuto da Sociedade e suas diversas ATAS.

No Centro de Cultura Judaica, lançamento dos CADERNOS DE LITERATURA BRASILEIRA, EM HOMENAGEM A CLARICE LISPECTOR. Palestra da professora BERTA WALDMAN, sobre a presença judaica na obra da escritora. A revista semestral do Instituto MOREIRA SALLES é uma edição atípica. Dupla (números 17 e 18), a publicação de CLARICE LISPECTOR tem 350 páginas e reúne textos de críticos como SILVIANO SANTIAGO amigos como ALBERTO DINES e ensaístas que acompanharam a trajetória da escritora, como BENEDITO NUNES, da Universidade Federal do PARÁ. Completa o quadro um estudo de BERTA WALDMAN, que identifica nos “movimentos circulares da linguagem” de CLARICE o judaísmo de que tanto tentou se desvencilhar em suas raras entrevistas.

Na Assembléia Legislativa, com a presença de autoridades civis e militares e com as galerias repletas de representantes da PMESP, transcorre a solenidade comemorativa dos 173 anos da Corporação. O COMANDANTE GERAL, CORONEL PM ALBERTO SILVEIRA RODRIGUES declarou que, em reportagem recente sobre policiais femininas, elas foram taxadas de mulheres vulgares. Protestou que tal afirmação é inadmissível, que declarações isoladas não podem comprometer toda a classe. Afirmou, ainda, que “tem orgulho em comandar uma instituição séria, correta e legalista”. Em seus pronunciamentos, o desembargador ÁLVARO LAZZARINI, presidente do Tribunal Regional Eleitoral e o secretário de Segurança Pública, SAULO DE CASTRO ABREU FILHO, apoiaram o desagravo do comandante-geral. “As mulheres que integram a Polícia Militar muito a enobrecem”, afirmou SAULO. O Deputado ÉDSON FERRARINI, que também é Coronel PM reformado, fez uma homenagem especial ao CORONEL ALBERTO, cumprimentou-o pelo empenho nos estudos que possibilitaram a aprovação do Projeto de Lei Complementar 19/2004, que reestruturou a Polícia Militar e entregou-lhe um quadro contendo os brasões das unidades que comandou. O evento contou ainda com a presença dos deputados CONTE LOPES e UBIRATAN GUIMARÃES, que afirmaram em discursos o orgulho de terem pertencido à Corporação.

O cantor JAMELÃO, da MANGUEIRA, de 91 anos, foi internado com gripe, hoje à tarde, no hospital ALBERT SCHWEITZER, no RIO. De acordo com a assessoria da escola de samba, seu estado é bom, e ele deve ter alta amanhã ou, no máximo, na quarta-feira, dia 15. No sábado, dia 11, JAMELÃO esteve no ensaio da agremiação, mas já se sentia mal e, por isso, seus médicos decidiram interná-lo para realizar exames de rotina. No ano passado, o sambista passou boa parte do segundo semestre internado, mas este ano ele não teve graves problemas de saúde.

O empresário (?) OSCAR MARONI FILHO, de 51 anos, dono do BAHAMAS, um dos mais conhecidos bordéis de SÃO PAULO, em MOEMA, deixou hoje à noite a carceragem do 13º Distrito Policial (CASA VERDE). MARONI, que se auto-intitula “IMPERADOR DO PRAZER”, passou 15 dias na cadeia, acusado de porte ilegal de arma. Nesse período, dividiu a cela do presídio especial com outros 37 detentos, muitos dos quais perigosos, segundo ele. MARONI foi detido na noite de 26 de novembro, por policiais da Seccional Sul. Na ocasião, cerca de 60 pessoas – entre garotas de programa, funcionários e clientes – foram levadas à delegacia para depor. O juiz da 27ª Vara Criminal rejeitou a denúncia contra ele, entendendo que não havia crime. “A arma estava no cofre do meu escritório e era legalizada”, afirmou MARONI.

Eram 19 horas de domingo (dia 12) quando o carro da cabeleireira LÚCIA INEZ, de 44 anos, se chocou com a bicicleta do pintor ANTÔNIO XAVIER DIAS, de 35 anos, numa avenida do JARDIM LUCÉLIA, zona sul da Capital. O acidente poderia ter acabado com o imediato pedido de desculpas da motorista. Não foi assim: LÚCIA foi agredida pelo ciclista e depois assassinada diante de seus dois filhos – de 13 e 14 anos – e da própria mãe. Antes de ser atingida por um tiro, ela implorou para não morrer e protegeu o filho caçula, DANIEL INEZ CARDOSO, abaixando a cabeça dele com a mão. O acusado nega o crime. Ele foi preso num bar pela Polícia Militar com um revólver 38 na cintura e reconhecido por testemunhas na delegacia.

A universitária MARIA CLÁUDIA SIQUEIRA DEL´ISOLA, de 19 anos, foi estuprada e morta pelo caseiro da família, em sua residência no LAGO SUL, bairro de classe alta de BRASÍLIA. Os detalhes do crime deixaram os policiais de BRASÍLIA perplexos: o caseiro, BERNARDINO DO ESPÍRITO SANTO FILHO, enterrou o corpo da jovem dentro da casa e continuou trabalhando para a família. Para matar MARIA CLÁUDIA, ele contou com a ajuda da doméstica ADRIANA DE JESUS SANTOS, que também trabalhava na casa e era sua namorada. Ela foi presa por agentes da 10ª Delegacia de Polícia, mas o caseiro fugiu antes de o crime ser desvendado. Os pais de MARIA CLÁUDIA, o diretor educacional do COLÉGIO MARISTA DE BRASÍLIA, MARCO ANTÔNIO ALMEIDA DEL´ISOLA, e a professora CRISTINA MARIA DE SIQUEIRA DEL´ISOLA, comunicaram o desaparecimento da filha à polícia na quinta-feira, dia 9 de dezembro. O corpo dela só foi localizado ontem, por volta das 18 horas, no jardim interno da casa. Os parentes começaram a sentir o mau cheiro dentro da casa e chamaram um agente policial, que localizou o corpo já em estado de decomposição.

A agente de viagem ANDRÉA CONSÍLIO, de 26 anos, passou um dia com os olhos vendados, amordaçada e com as mãos amarradas em uma casa no JARDIM MIMA, na zona sul da Capital. Estava seqüestrada. Eram 3 horas de hoje quando seis policiais cercaram o imóvel, arrombaram a porta da sala e dominaram o seqüestrador que a mantinha sob a mira de uma pistola calibre 380. Pouco depois, outro acusado foi detido pelos homens do 91 º Distrito Policial. Filha de um fazendeiro de GOIÁS, ANDRÉA comeu apenas bolachas e tomou café e suco nas 26 horas em que permaneceu no cativeiro. Os bandidos exigiam 5 milhões de reais para libertá-la e ameaçavam matá-la caso o resgate não fosse pago. A família não tinha todo esse dinheiro. O seqüestro ocorreu quando ela e uma amiga chegaram à casa do namorado da amiga, no BROOKLIN, na zona sul. Era uma hora da madrugada do domingo, dia 12. Os bandidos estavam numa KOMBI estacionada perto do imóvel.

O atacante ucraniano ANDRIY SHEVCHENKO foi eleito o melhor jogador da EUROPA e vai receber o troféu BOLA DE OURO, concedido pela revista FRANCE FOOTBALL. Na votação entre 52 jornalistas esportivos do continente, o craque do MILAN superou os brasileiros DECO (naturalizado português), que ficou em segundo lugar, e RONALDINHO GAÚCHO, ambos do BARCELONA, em terceiro. SHEVCHENKO é o primeiro ucraniano a conquistar o troféu depois da independência da UCRÂNIA, em 1991. Durante o período em que integrou a UNIÃO SOVIÉTICA, o país teve dois ganhadores: OLEG BLOKHIN, em 1975, e IGOR BELANOV, em 1986.

O jogador chileno CARLOS SERRANO MALHUE, de 22 anos, morreu no último fim de semana de parada cardiorrespiratória depois de cair no campo na cidade de SAN ANTONIO, a 110 km ao sudoeste de SANTIAGO. Seu time, RIO MAIPO, jogava contra o ESTRELLA DE CHILE. SERRANO, que caiu no gramado no fim do primeiro tempo, foi atendido ainda no campo, mas chegou ao hospital da cidade já morto.

O corpo do atacante CRISTIANO LIMA JÚNIOR, que morreu em campo em conseqüência de um ataque cardíaco na semana passada na ÍNDIA, deverá ser desembarcado amanhã no BRASIL. As autoridades, em princípio, atenderiam ao pedido de uma segunda autópsia, feita pela família do jogador, mas hoje um funcionário da federação local disse que o pedido foi negado por “razões jurídicas”.
   
O presépio de cera montado pelo famoso MUSEU MADAME TUSSAUD, em LONDRES, no qual SÃO JOSÉ e a VIRGEM MARIA são representados pelo jogador de futebol DAVID BECKHAM e sua mulher, a ex-SPICE-GIRL VICTÓRIA, foi danificado por vândalos. A montagem vinha causando a indignação de alguns religiosos. Um homem na faixa dos 20 anos de idade bateu nos rostos dos bonecos, danificando-os o suficiente para interromper a exibição e frustrar visitantes. Muita gente vinha sendo atraída ao MADAME TUSSAUD apenas para ver o presépio, alvo de queixas de várias igrejas cristãs. O “agressor” não identificado, conseguiu burlar a segurança e fugir. No presépio, os Reis Magos eram o primeiro-ministro britânico TONY BLAIR; o presidente dos EUA, GEORGE W. BUSH, e o duque de EDIMBURGO, marido da rainha ELIZABETH II. Entre os pastores estavam os atores HUGH GRANT e SAMUEL L. JACKSON. O anjo era a cantora australiana KYLIE MINOGUE.

O ex-ditador chileno AUGUSTO PINOCHET, de 89 anos, teve sua prisão decretada pelo juiz JUAN GUZMÁN que abriu hoje um processo no qual responsabiliza o general por dez crimes cometidos durante a chamada “Operação CONDOR”. Para isso, GUZMÁN rejeitou laudos médicos que indicavam que PINOCHET não teria condições de ser julgado.

Ao se completar hoje um ano da prisão do ex-presidente SADDAM HUSSEIN, o IRAQUE viveu nova escalada de violência. Um atacante suicida explodiu um carro-bomba perto da ZONA VERDE, a superfortificada área central de BAGDÁ que abriga órgãos do governo, embaixadas e o QG das forças americanas de ocupação. Treze pessoas morreram e 15 ficaram feridas – todos civis iraquianos. O carro aguardava na fila em um dos postos de controle. O grupo do militante extremista jordaniano ABU MUSAB AL-ZARQAWI assumiu a responsabilidade pelo ataque, em nova demonstração de capacidade de agir nas imediações da ZONA VERDE. Os rebeldes continuam impondo pesadas baixas aos EUA. No fim de semana, sete marines foram mortos no oeste do país, na Província de ANBAR, que abarca áreas conflagradas como RAMADI e FALLUJAH. Hoje, três soldados foram mortos – dois num ataque a um comboio militar perto de BALAD e um na explosão de um carro-bomba ao norte de BAGDÁ. Na cidade de MISHAHDA, ao norte da capital, um grupo armado atacou uma patrulha da GUARDA NACIONAL iraquiana, matando três soldados e ferindo outros três. Em KIRKUK, na região petrolífera no norte do país, franco-atiradores mataram um iraquiano que trabalhava como intérprete.

2 005  -   TERÇA-FEIRA
Construído em 1814, o OBELISCO DO LARGO DA MEMÓRIA, um dos mais antigos monumentos da cidade da Capital, está de cara nova. Foram quase dez meses de obras de recuperação financiadas pela Companhia Brasileira de Alumínio. A empresa fez intervenções no conjunto do LARGO DA MEMÓRIA – obelisco, azulejos, escadarias e jardins. Além de recuperar o conjunto, a empresa oferece a conservação técnica do local nos próximos dois anos. Hoje, às 11 horas, participam da inauguração da obra o empresário ANTÔNIO ERMÍRIO DE MORAES, da CBA, o prefeito JOSÉ SERRA, o subprefeito da SÉ, ANDREA MATARAZZO, além do secretário municipal da Cultura, CARLOS AUGUSTO CALIL. Está programada apresentação da Orquestra Sinfônica de HELIÓPOLIS, formada por jovens carentes e mantida pela CBA. Segundo REGINA PONTE, assistente técnica da diretoria do Departamento de Patrimônio Histórico (DPH), esta é a primeira vez que o obelisco é restaurado. Entre 2000 e 2001 houve a reforma do LARGO DA MEMÓRIA. Para o urbanista LUIZ CÉLIO BOTTURA, o obelisco tem grande valor histórico, pois era ponto de encontro dos Bandeirantes, que se abasteciam de água para as longas viagens rumo ao interior do Estado. Era chamado de PIRÂMIDE DO PIQUES. BOTTURA sugere que o Metrô faça um convênio com a Prefeitura para que o monumento não volte a sofrer com o vandalismo. O urbanista do Instituto de Engenharia, JOÃO VALENTE, também destaca que o conjunto é uma importante solução arquitetônica entre as partes alta e baixa da Capital.

O Presidente da Comissão Cívica e Cultural da Associação Comercial de SÃO PAULO – ACSP, GUILHERME AFIF DOMINGOS, convida Vossa Senhoria para o “ALMOÇO DE CONFRATERNIZAÇÃO E ENCERRAMENTO DAS ATIVIDADES DE 2005”.
Contamos com sua participação

DIA: 13 DE DEZEMBRO DE 2005
HORÁRIO: 12:30 h
LOCAL: RUA BOA VISTA, 51 – 12 º - CENTRO
            
Saindo de GUARULHOS por volta das 11 horas, vou diretamente para a Associação Comercial. Na porta, cruzamos com ALFREDO BRUNO JÚNIOR. Subimos ao 12º andar e ali já estão presentes vários integrantes da Comissão Cívica e Cultural, capitaneados pelo coordenador FRANCISCO GIANNOCCARO: GINO STRUFFALDI, CORONEL PM Res ANTÔNIO CARLOS MENDES, CORONEL PM Ref PAULO TENÓRIO DA ROCHA MARQUES, ANTONIO AUGUSTO BIZARRO, PROFESSORA EDIMARA DE LIMA, ELOY GONÇALVES DE OLIVEIRA, POETISA FRANCES AZEVEDO, GAETANO BRANCATI LUIGI, GIAMBATISTA SERRA DI NERVI, GUILHERME NAPOLEÃO DE ABREU, LAURO RIBEIRO ESCOBAR, LUIZ EDUARDO CORRÊA DIAS, NELLY MARTINS FERREIRA CANDEIAS, OG POZZOLI, GENERAL OSWALDO MUNIZ OLIVA, PAULA BRAGA VISCAINO, PAULO DE AZEVEDO MARQUES, ROBERTO PEREIRA DE CAMPOS VERGUEIRO NETO, VALDIR ABDALLAH, VIVIANO FERRANTINI, JANAÍNA EXPÓSITO PINTO.
Durante o almoço, num ambiente descontraído, onde quase todas as pessoas falaram, um dos temas mais comentados é justamente a Entrevista Coletiva do dia 16, na OAB/SP. Sobre essa situação, entre outras pessoas, falam: GINO STRUFFALDI, CÉLIA MARCONDES, MARIA CECÍLIA NACLÉRIO HOMEM, OG POZZOLI, além do próprio coordenador, GIANNOCCARO, que promete conversar com o Presidente da Associação Comercial, GUILHERME AFIF DOMINGOS, no sentido de que ele compareça ao evento. Permanecemos um bom tempo na Associação Comercial, pois temos de levar nossa mensagem. Essa coisa do TÚNEL NOVE DE JULHO já virou obsessão para nós. Não concordamos com a besteira cometida pela ex-prefeita e lutaremos até o fim. A doutora CÉLIA tem um chavão “A LUTA CONTINUA”. Trocamos idéias do que iremos fazer no dia da Entrevista Coletiva e do que poderemos ainda executar nesses dois dias que antecedem a mesma.
O Presidente GINO STRUFFALDI e o CORONEL MENDES estiveram pela manhã no 8º DISTRITO NAVAL, na comemoração do “DIA DA MARINHA”, solenidade presidida pelo vice-governador CLÁUDIO LEMBO. Lá também se falou sobre o TÚNEL NOVE DE JULHO. O GINO, apesar de cansado, comparece nesta tarde na Sociedade Veteranos de 32-MMDC. O ROMAGNOLI vai se encontrar conosco. A JANAÍNA, que entende de computador, coloca um programa do windows no computador que ganhamos do CAPITÃO PALÓPITO. Verifica que o novo computador, que o MAJOR MONTE OLIVA trouxe ontem, já tem um gravador de CDRW. Pretendemos instalar os dois computadores com os recursos possíveis, através do PEDRO, que prometeu comparecer amanhã na Sociedade. A tarde é de muito trabalho. O ANTÔNIO CARLOS NACLÉRIO HOMEM atrapalha um bocado os nossos serviços.     
Com o ROMAGNOLI e a JANAÍNA comentamos como deverá ser conduzida a Entrevista Coletiva. Precisamos de um mestre de Cerimônias e atendentes que recebam os convidados. Falamos sobre a organização da MESA DE TRABALHOS e da confirmação do J.B. DE OLIVEIRA, para fazer a explanação do nosso desiderato. Ele ainda não confirmou a presença.
Também deixo com o ROMAGNOLI (agora um assunto particular, que nada tem a haver com o MMDC) o telefone da advogada que está com a documentação da casa que a LUCINDA e eu pretendemos comprar.
Chegando em casa, já por volta das 19 horas, recebo um telefonema da minha filha MARIZETE. Trata-se da formatura de meu neto FELIPE. Eles queriam a minha presença nesta noite, mas estou cansado com o que produzimos nesta terça-feira. Fica impossível deslocar até POÁ. Desejo ao FELIPE toda sorte de felicidades e gostaria mesmo de estar presente nessa solenidade.

A polícia recuperou hoje a tela “PREPARANDO O ENTERRO NA REDE”, de CÂNDIDO PORTINARI, avaliada em 2,5 milhões de reais e roubada no mês passado da Galeria THOMAS COHN, nos JARDINS. Um dos ladrões, MARCO ANTÔNIO ALVES, de 32 anos, foi preso. Ele estava foragido da Penitenciária de ÁLVARO DE CARVALHO desde agosto, quando a Justiça liberou sua saída temporária para passar o DIA DOS PAIS em casa. Ele tentou vender a tela por 200 mil reais, depois por 50 mil e, no fim, reduziu a oferta para 20 mil. ALVES foi preso por homens da Delegacia Seccional de TABOÃO DA SERRA, graças a uma denúncia por telefone.

CONTRATADO por dois anos, pelo SANTOS, o técnico VANDERLEI LUXEMBURGO, depois de dirigir o REAL MADRID e ser demitido por mostrar desempenho abaixo do esperado.

STANLEY TOOKIE WILLIAMS, convertido em militante da não-violência e indicado ao NOBEL DA PAZ, foi executado às 6:35 horas de hoje (horário de BRASÍLIA), na penitenciária de SAN QUENTIN, na CALIFÓRNIA. Ele tinha 51 anos. Foi condenado à pena de morte em 1981 por quatro assassinatos, que negou ter cometido, apesar das provas em poder da Justiça. Ele foi um dos co-fundadores do CRIPS, grupo de jovens criminosos que aterrorizou LOS ANGELES nos anos 1970. A execução, por injeção letal, foi condenada por defensores dos direitos humanos e por partidos políticos europeus. O VATICANO, por meio do cardeal RENATO MARTINO, declarou que a pena de morte “é a negação da dignidade humana”. TOOKIE WILLIAMS se converteu à causa da não-violência no início dos anos 1990. Escreveu uma autobiografia e livros infanto-juvenis em que alerta para os perigos da delinqüência urbana. Sua editora, BÁRBARA BECNEL, que assistiu à execução, tão logo o réu foi declarado morto, gritou: “O Estado da CALIFÓRNIA acaba de assassinar um inocente”. Do lado de fora da penitenciária de SAN QUENTIN, cerca de duas mil pessoas permaneciam em vigília. Entre elas, o pastor e político JESSE JACKSON, defensor dos direitos dos negros – era o caso de WILLIAMS – e a cantora JOAN BAEZ. “Essa morte, calculada, anti-séptica, eficiente e a sangue-frio, reflete os padrões da moralidade e da alma de nosso país”, disse a cantora. Uma das vozes discordantes foi a de LORA OWENS, sogra do caixa de uma loja de conveniências supostamente morto por WILLIAMS, em latrocínio. “Creio que estavam nos devendo essa punição”, disse ela a uma TV americana. A pena de WILLIAMS poderia ter sido comutada em prisão perpétua pelo governador da CALIFÓRNIA, o ex-ator ARNOLD SCHWARZENEGGER. Ele disse ontem que, por não ter confessado seus quatro homicídios – as três outras vítimas eram imigrantes chineses, proprietários de um hotel – WILLIAMS não poderia esperar que levassem a sério sua reabilitação. A mídia liberal americana afirma que, caso comutasse a pena, o governador, hoje enfraquecido, criaria uma nova área de atrito com seu partido, o Republicano. ALICE HUFFMAN, ativista contra a pena de morte, disse que sua decisão “teve motivação política”. A execução, segundo a ANISTIA INTERNACIONAL, “é um novo marco na triste história do sistema judicial dos EUA”.
WILLIAMS foi visitado ontem por JESSE JACKSON, que relatou sua principal recomendação: “Não devemos chorar. Precisamos demonstrar que somos fortes”.  O sentenciado não quis comer sua última refeição. Tomou apenas um copo de leite. “Eu seria um louco se aceitasse uma última refeição de uma instituição que vai em seguida me matar”, disse há quinze dias ao “NEW YORK TIMES”. Ao ser deitado na maca em que recebeu a injeção letal, levantou a cabeça algumas vezes para olhar na direção de sua editora. O carrasco demorou doze minutos para encontrar sua veia e fincar a agulha da seringa. WILLIAMS ralhou de brincadeira com ele: “Como, ainda não conseguiu?”. Ele havia dito que enfrentaria a execução “com dignidade e amor no coração”.

NAQSHA BIBI, de 40 anos, foi resgatada viva, na sexta-feira passada, dia 9, dos destroços de uma casa onde ficou desde o terremoto de 8 de outubro. A mulher chegou hoje à Associação Médica Islâmica do PAQUISTÃO com menos de 35 quilos. Especialistas ouvidos pela reportagem disseram que, embora improvável, a sobrevivência por tantos dias sem comer é possível, contanto que haja ingestão de água. Supõe-se que a mulher tenha bebido água da chuva durante esse tempo, mas ela ainda não conseguiu falar para confirmar. O hospital fica em MUZAFFARRABAD, capital da CAXEMIRA paquistanesa. Ela foi trazida de sua antiga residência depois de ter sido encontrada por acidente. “Nem estávamos procurando por ela”, disse FAIZ DIN, seu primo.

Em RAMADI, oeste de BAGDÁ, homens armados mataram MEZHER AL-DULEIMI quando ele abastecia seu carro. DULEIMI era candidato nas eleições parlamentares de amanhã por um partido regional sunita. Fontes do serviço de segurança iraquiano disseram que outro político árabe sunita foi morto em MOSSUL, 450 km ao norte da Capital. Sua identidade não foi revelada, mas as fontes disseram que era um membro da Frente Nacional do IRAQUE, uma coalização sunita. Em outro incidente, quatro soldados dos EUA morreram na explosão de uma bomba a noroeste de BAGDÁ. Com isso, chegou a 2.149 o total de militares americanos mortos no conflito.    

ENCONTRADA uma das peças de arte maia mais antigas do mundo, datada de 100 a.C. O mural de pouco mais de 9 metros de altura por 1 metro de largura, pintado em cores vivas, representa a mitologia da criação dos maias. Na GUATEMALA.

2 006    :    -      QUARTA-FEIRA
O INSTITUTO HISTÓRICO E GEOGRÁFICO DE SÃO PAULO TEM A HONRA DE CONVIDAR VOSSA EXCELÊNCIA E FAMÍLIA PARA A CONFERÊNCIA DO MINISTRO JOSÉ GREGORI, PRESIDENTE DA COMISSÃO MUNICIPAL DE DIREITOS HUMANOS.
“DIREITOS HUMANOS E DEMOCRACIA”
com a participação de IVES GANDRA MARTINS

NELLY MARTINS FERREIRA CANDEIAS
Presidente
13 de dezembro de 2006,  16 horas
Rua Benjamin Constant, 158

Com o CORONEL MENDES, vamos até o 8º DISTRITO NAVAL a fim de assistir a comemoração do “DIA DO MARINHEIRO”. Tínhamos mais dois eventos no mesmo horário: aniversário do 3º BPChq e reunião no CPAM-5, comandado pelo CORONEL IZAUL SEGALLA. Infelizmente não estamos com a companhia do GINO STRUFFALDI, que se acha em absoluto repouso, por ordem médica. MENDES chegou em horário britânico na ARMÊNIA, Rua PEDRO VICENTE, nas dependências da LINDÓIA. Com o trânsito bom, vamos chegar cedo ao 8º DN.
Vamos encontrando os conhecidos: CORONEL PM Res JOÃO BAPTISTA DOS SANTOS; TENENTE-CORONEL ILDEFONSO FALCÃO, comandante do 2º BPE; TENENTE-CORONEL ROBINSON SANTIAGO, comandante da 2ª ICFEx; CAIO ALFAYA; J.B. BAPTISTA; SÉRGIO BIDUEIRA (da TFP);
Com a chegada dos comandantes militares: GENERAL DE EXÉRCITO LUIZ EDMUNDO MAIA DE CARVALHO, Comandante do Exército Sudeste; MAJOR-BRIGADEIRO-DO-AR APRÍGIO DE AZEVEDO, Comandante do 4º COMAR, unindo-se ao Comandante do 8º DN, VICE-ALMIRANTE JOSÉ CARLOS CARDOSO e sob a presidência do Governador CLÁUDIO LEMBO, começa a solenidade muito concorrida do “DIA DO MARINHEIRO”. Não notamos a presença do Comandante Geral da PMESP, CORONEL PM ELIZEU ECLAIR TEIXEIRA BORGES, mandando representá-lo o CORONEL PM BIZARRIA, o que não é bom para a nossa Corporação.
Após a entrega da Medalha “AMIGO DA MARINHA” e “ALMIRANTE TAMANDARÉ”, da leitura da ORDEM DO DIA do Comandante da MARINHA, da fala das autoridades, um garboso desfile encerra a cerimônia militar.
Participamos do coquetel, onde temos oportunidade de cumprimentar as autoridades e conversar com os amigos. Somente depois das 12 horas é que deixamos o local.
O MENDES deixa-me na Rua ANITA GARIBALDI. Passo pela AORRPM, onde amanhã presidirei a Assembléia Geral Eleitoral. Converso com o CORONEL PM Ref RAUL DA LUZ. Ele me mostra uma lista de oficiais antigos que têm direito de receber precatórios de alto valor. Com CARBAIA, PASSOS e outros amigos vamos almoçar e estudar as tarefas que teremos nesses dias finais de dezembro. As idéias surgem, mas não temos condições de realizar tudo aquilo que queremos, mesmo porque não temos tempo.
Depois das 14:30 horas estou no MMDC. Apenas comparecem hoje o NACLÉRIO HOMEM, Professor EDBERTO MAIA LUZ, MAURÍCIO MERCADANTE e um amigo do CORONEL MENDES. Não dá para fazer quase nada na Sociedade, por causa das conversas dos amigos. Todos querem saber do estado de saúde do GINO STRUFFALDI e tomamos o cuidado de avisar de que ele não pode ser perturbado, pois está em pleno repouso.
Prof EGBERTO MAIA LUZ adquire o seu convite para o jantar do dia 18. Ele ainda se recupera do tombo que levou no primeiro semestre do ano. Sonha também com a possibilidade de voltar a dar aula na Academia de Polícia Militar do Barro Branco, apesar da idade avançada. Quer saber quem irá comandar a Academia na mudança que acontecerá em janeiro, com a posse do novo Governador, Secretário da Segurança Pública, Cmt. Geral e demais postos nos altos escalões.
CORONEL ARY CANAVÓ telefona. Irá viajar ao RIO DE JANEIRO amanhã e quer saber das notícias da Sociedade. Outra pessoa que sempre comparece às quartas-feiras, a professora MARIA ODETE, está adoentada.
CORONEL MENDES quer sair por volta das 16:30 horas. Vai me deixar na ARMÊNIA. Retorno mais cedo para casa. Isso ajuda a colocar em parte os documentos atrasados nesta semana.
      
Bastante deteriorada pelas intempéries, a escultura MUSA IMPASSÍVEL, de VICTOR BRECHERET, foi transferida nesta quarta-feira do Cemitério do ARAÇÁ para a PINACOTEÇA DO ESTADO. Esculpida em mármore de CARRARA, a obra tem 2,8 metros de altura e pesa 3,5 toneladas. Trata-se de uma homenagem póstuma que BRECHERET (1894-1955) declinou à poetisa parnasiana FRANCISCA JÚLIA DA SILVA (1871-1920). Dentro de seis meses, a PINACOTECA deve providenciar uma réplica, de bronze, para ser colocada no túmulo de FRANCISCA JÚLIA DA SILVA.

A única sobrevivente da chacina que chocou o país, ocorrida em BRAGANÇA PAULISTA, a gerente-caixa L., de 27 anos, viu o marido por duas vezes, na noite de domingo, dia 10, enquanto ela e as outras vítimas – pai, mãe e filho de cinco anos – trafegavam num PÁLIO, reféns dos dois criminosos que, minutos depois, ateariam fogo em todos. O marido dela, o motorista F., a procurava, após estranhar que a mulher havia saído com a chefe levando as chaves do cofre da loja SINHÁ MOÇA, onde trabalha há quatros anos. A versão foi contada por ela a seus familiares. O marido, em desespero, não viu a mulher L., o casal formado pelo mecânico LEANDRO DONIZETE DE OLIVEIRA, de 31, e pela gerente geral da SINHÁ MOÇA, ELIANA FARIA DA SILVA, de 32, e o filho deles, VINÍCIUS DE FARIA, de cinco anos. L. sobreviveu após se livrar das amarras que a prendiam e sair do carro, puxando VINÍCIUS, que não resistiu aos ferimentos e morreu com 90% do corpo queimado.  L. fingiu-se de morta para sair dali com vítima. “Tá todo mundo morto. A criança está viva, mas é criança e não tem problema”. Para ser socorrida, L. caminhou 3 km até ver um casal de namorados dentro de um carro. Chutou o veículo para que o casal, que ouvia som alto, a visse.

O delegado seccional de BRAGANÇA PAULISTA, PAULO TUCCI, disse que está esclarecida a chacina da família queimada após assalto na cidade no último dia 10, domingo. A localização de 15.459, 26 reais roubados na loja SINHÁ MOÇA, no forro da casa do suspeito LUÍS FERNANDO PEREIRA, de 37 anos, deu um fim às dúvidas da polícia sobre a participação de um terceiro acusado. PEREIRA foi ao velório do casal LEANDRO DONIZETE DE OLIVEIRA e ELIANA FARIA DA SILVA um dia antes de ser preso. Parentes das vítimas, que foram incendiadas, o chamaram de cara-de-pau, já que também conversou com o marido da sobrevivente L. na delegacia, pouco antes de depor, no dia 11. Ele perguntou se L. estava melhor. O dinheiro foi achado por indicação dos suspeitos, PEREIRA e de seu cunhado, o serralheiro JOABE SEVERINO RIBEIRO.

A polícia recebeu no fim da tarde o mandado de prisão do jornalista ANTÔNIO MARCOS PIMENTA NEVES, assassino confesso da também jornalista SANDRA GOMIDE. O crime foi em agosto de 2000. De acordo com o promotor CARLOS SÉRGIO HORTA FILHO, tecnicamente PIMENTA NEVES já pode ser considerado foragido da Justiça. “Ele poderia ter se apresentado quando soube da decisão”, afirma.
Para cumprir o mandado, o delegado da 1ª Delegacia da Divisão de Homicídios do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), MARCO ANTÔNIO OLIVATO, esteve na casa de PIMENTA NEVES, em SANTO AMARO, por volta das 20 horas. Tocou a campainha por duas vezes e ligou na residência, sem ser atendido. Ele não soube dizer de PIMENTA está ou não em casa. Vizinhos disseram que o jornalista não é visto na residência desde a última quinta-feira. Como era noite, o delegado não poderia prendê-lo. O procedimento seria informá-lo sobre o mandado de prisão e verificar a possibilidade de ele se entregar sem obrigá-lo. OLIVATO disse que nova tentativa de contato com o criminoso será feita amanhã. Caso não consiga encontrar PIMENTA, ele pedirá ao juiz de IBIÚNA, DIEGO FERREIRA MENDES, mandado de busca e apreensão para invadir a casa.
Ao negar o recurso pedindo a anulação do júri, os desembargadores da 10ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça ratificaram por unanimidade a condenação. Porém, reduziram a penas de 19 anos e dois meses para 18 anos. Os defensores de PIMENTA entraram co hábeas corpus no Superior Tribunal de Justiça (STJ), em BRASÍLIA.

Em relatório entregue hoje à Justiça Federal, a Polícia Federal acusa os pilotos JOSEPH LEPORE e JAN PALADINO como os principais responsáveis pelo choque entre o LEGACY, da EXCEL AIRE, e o BOEING da GOL, que matou 154 pessoas em 29 de setembro. Para o delegado RAMON DE ALMEIDA, os pilotos atuaram com negligência em parte do vôo entre SÃO JOSÉ DOS CAMPOS e MANAUS. O delegado sustenta que os dois pilotos voaram com o transponder e o TCAS (sistema anticolisão) do jato desligados por mais de 50 minutos. Para ALMEIDA, se os dois equipamentos estivessem funcionando os aviões não teriam se chocado.
Diferentemente do que se esperava, ALMEIDA não indiciou ainda os controladores de vôo que atuavam no dia do desastre. A conclusão sobre a negligência dos pilotos decorre do cruzamento de informações entre os diálogos da tripulação registrados nas caixas pretas e os dados registrados pelo serviço de controle aéreo.

Não foi nada fácil, mas o INTERNACIONAL venceu hoje o AL AHLY do EGITO, no JAPÃO, e está da grande decisão do MUNDIAL DE CLUBES. A revelação ALEXANDRE PATO, de 17 anos, jogou bem e confirmou a grande expectativa que cerca seu futebol. Foi dele o gol de abertura do placar, enquanto LUIZ ADRIANO, de 19 anos e também revelado pelas categorias de base do COLORADO, garantiu a vitória. O angolano FLÁVIO chegou a empatar para o AL AHLY, que em diversos momentos ameaçou demolir o sonho dos gaúchos.
Tudo indica que o adversário do INTER na decisão do próximo domingo, dia 17, em YOKOHAMA, será o BARCELONA. Porém, o time de RONALDINHO GAÚCHO precisa vencer amanhã o AMÉRICA, do MÉXICO, e confirmar a vaga.

Faleceu, em SÃO CARLOS, o ex-deputado VICENTE BOTTA. Ex-deputado e ex-presidente da Assembléia Legislativa de SÃO PAULO, em duas legislaturas. Advogado pela Faculdade de Direito do RIO DE JANEIRO, era professor formado pela Escola Normal “ÁLVARO GUIÃO”, em SÃO CARLOS, em 1986. Era diplomado em Contabilidade pela Escola Técnica de Comércio de SÃO CARLOS. Na REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932, como escoteiro em sua cidade, arrecadava alimentos e dinheiro para ajudar o movimento em favor de SÃO PAULO. Em 1940, foi professor de Português na Escola Normal de SÃO CARLOS. Em 1947, foi eleito vereador à Câmara Municipal de SÃO CARLOS, pelo Partido Trabalhista Nacional – PTN. Depois foi eleito deputado estadual, pelo mesmo partido, tendo sido 1º vice-presidente e presidente da Assembléia. A seguir, foi eleito deputado pelo PTB e PR. Com o fim do pluripartidarismo filiou-se ao novo partido – ARENA. Mais tarde, já no MDB, foi eleito para a 9ª Legislatura. Em 1990, foi eleito deputado estadual pelo PTB. Participou de diversas comissões Permanentes e de Comissões Parlamentares de Inquérito.

Deputados, sindicalistas, representantes das companhias aéreas e até autoridades concordaram hoje, durante audiência pública na Câmara dos Deputados, que a desmilitarização do controle do tráfego aéreo civil no País seria uma saída honrosa para a crise no setor.

Multada em 236 milhões de reais a butique DASLU. Segundo o Ministério Público Federal, essa fortuna corresponde a impostos que a empresa deixou de pagar entre 2001 e 2005, incluídos as multas e os juros.

Proibido por três anos de atuar em empresas de capital aberto o secretário de Política Econômica, JÚLIO SÉRGIO GOMES DE ALMEIDA. Ele foi condenado por autorizar empréstimos fraudulentos do BANESPA, do qual foi diretor. Em 2004, o BANCO CENTRAL o condenou a pena semelhante. As penas não impedem ALMEIDA de exercer um cargo importante no governo. Em BRASÍLIA.

Liberada pela Justiça, depois de 43 dias, a transcrição dos depoimentos dos jornalistas de VEJA, MARCELO CARNEIRO, JÚLIA DUAILIBI e CAMILA PEREIRA, submetidos a constrangimento por um delegado da Polícia Federal em SÃO PAULO. Sem nenhum respaldo legal, a PF se recusou a entregar os documentos.  

A inglesa HEATHER WRIGT sempre tentava sair cedo do trabalho para curtir o “happy hour” no centro de IPSWICH. Nos últimos dias, porém, a secretária-executiva tem tido outro motivo para isso. Como outras garotas, ela tem olhado por cima do ombro nas ruas da cidade, de 140 mil habitantes, onde cinco mulheres – três prostitutas e duas supostas meretrizes desaparecidas há dias – foram achadas mortas desde o início do mês. “A situação é assustadora demais para qualquer mulher pensar que só prostitutas estão na mira do assassino. Eu faço o que posso para chegar em casa antes do anoitecer e, de lá, não saio nem para ir à loja de conveniência da esquina”, conta HEATHER, de 25 anos, solteira.
Em toda IPSWICH, bares têm registrado grande queda do movimento, à noite. Cidade com criminalidade baixa para os padrões britânicos, ela agora é palco da maior caçada policial do país desde o final dos anos 1970, quando PETER SUTCLIFFE, o ESTRIPADOR DE YORKSHIRE, assassino de 13 mulheres, aterrorizava o norte inglês. Ainda assim, SUTCLIFFE levou seis anos entre o primeiro e o último homicídio. Mesmo o notório JACK, O ESTRIPADOR, levou meses para matar pelo menos cinco mulheres na LONDRES de 1888.

O neto do ex-ditador chileno AUGUSTO PINOCHET foi expulso hoje do Exército devido ao discurso que fez durante o funeral do avô, terça-feira, no qual defendeu o golpe militar de 1973. A presidente do CHILE, MICHELLE BACHELET, afirmara horas antes que o CAPITÃO AUGUSTO PINOCHET MOLINA cometera uma “falta gravíssima”. Quebrando o protocolo, o neto do ex-ditador, conhecido como PINOCHET III, tomou o microfone durante a cerimônia e ainda acusou  os juízes que tentaram condenar seu avô por assassinato, tortura e desvio de buscarem “mais renome que Justiça”.        

Um juiz do HAMAS, grupo fundamentalista islâmico que controla o governo palestino, foi morto hoje ao sair de um táxi na frente do tribunal no qual trabalhava, em KHAN YOUNIS, na FAIXA DE GAZA. O crime foi atribuído pelo HAMAS a um “esquadrão da morte” ligado ao partido laico FATAH, do presidente MAHMUD ABBAS. Num momento de escalada das tensões, aumenta também o temor de que ataques como esses provoquem uma guerra civil entre os dois grupos palestinos.
BASSAM AL-FARA, de 30 anos, era juiz na Corte Islâmica e pertencia ao braço armado do HAMAS. Segundo testemunhas, ele foi abordado por quatro homens que tomavam café da manhã numa lanchonete. FARA foi obrigado a se ajoelhar e recebeu vários tiros.

O primeiro-ministro de ISRAEL, EHUD OLMERT, pediu em encontro no VATICANO, que o PAPA BENTO XVI condene em discurso a conferência sobre o HOLOCAUSTO que ocorre no IRÃ. O Congresso questiona o massacre de judeus. OLMERT também convidou o papa para visitar a TERRA SANTA.

Faleceu o ator americano PETER BOYLE, protagonista de O JOVEM FRANKENSTEIN (1974), uma sátira dos filmes de terror dirigida por MEL BROOKS. Também atuou em EVERYBODY LOVES RAYMOND, uma das séries de maior sucesso da TV americana. BOYLE sofria de câncer e de doenças cardíacas. Aos 71 anos, em NOVA YORK.

Noticiada a independência de FLANDRES, a região mais rica da BÉLGICA, pela RTBF, um canal de  TV da parte francófona do país. A independência só durou meia hora, mas foi suficiente para causar uma intensa comoção entre os belgas. Tudo voltou ao normal depois que a emissora informou que havia feito uma piada. O normal na BÉLGICA é muito chato. 

2 007    :     -           QUINTA-FEIRA
Na madrugada, no Senado, a votação da CPMF começou à 1:10 hora, depois de uma longa e tensa sessão, na qual a base governista tentou várias manobras, para ganhar tempo e adiar a votação. A última tentativa do governo de reverter o resultado foi uma carta enviada à noite pelo próprio presidente LULA ao recém-eleito presidente do Senado, GARIBALDI ALVES, na qual o governo se comprometia a destinar todos os recursos da CPMF à Saúde e a aprovar uma reforma tributária em 2008. A proposta, porém, não sensibilizou a oposição. O líder do PSDB, ARTHUR VIRGÍLIO, e do DEM, JOSÉ AGRIPINO disseram que a proposta veio tarde, e insistiram na votação. O senador PEDRO SIMON ainda tentou adiar a votação para a tarde de amanhã, mas não conseguiu. O Senado derrubou nesta madrugada a prorrogação do CPMF – o imposto do cheque – privando o governo de uma arrecadação de 40 bilhões de reais em 2008.
A oposição liderada pelo PSDB e pelo DEM reuniu 34 votos e impôs a maior derrota do governo LULA no Congresso. A base governista precisava de 49 senadores a favor da prorrogação, mas conseguiu apenas quarenta e cinco.

MARINHA DO BRASIL
COMANDO DO 8º DISTRITO NAVAL

O Comandante do 8º Distrito Naval tem a honra de convidar V.Sª e família para cerimônia militar em comemoração ao Dia do Marinheiro, a realizar-se no dia 13 de dezembro de 2007, às 10:30 horas na sede do Comando do 8º Distrito Naval, situada à Rua Estado de Israel, 776, Vila Clementino, São Paulo – SP.

ALMIRANTE TAMANDARÉ – PATRONO DA MARINHA
     O Almirante JOAQUIM MARQUES LISBOA, MARQUÊS DE TAMANDARÉ, foi indiscutivelmente figura destacada no cenário militar do Brasil durante o Império, principalmente no Segundo Reinado. TAMANDARÉ ingressou na Marinha de Guerra no alvorecer da  independência que ajudou a firmar.
     O MARQUÊS DE TAMANDARÉ foi uma das colunas resistentes e inabaláveis que sustentaram a Independência Nacional e consolidaram o Império, resguardando-se da desagregação. Implantou o respeito ao soberano, manteve a disciplina nas Forças Armadas, a concórdia e a paz no espírito irrequieto dos brasileiros, do extremo norte ao extremo sul do Brasil, como um dever imperativo do seu sincero patriotismo.
    Como oficial-general, comandou a força naval brasileira no RIO DA PRATA entre os anos de 1864 a 1866. Atuou no conflito em solo uruguaio, quando exerceu o Comando-Geral das tropas da Marinha na TOMADA DE PAISSANDU. Exerceu o comando da Esquadra Brasileira na primeira fase da guerra contra o PARAGUAI, quando, além das vitórias em combate, organizou toda a linha logística necessária para a manutenção dos principais navios da Armada Imperial a tão grande distância de sua sede.
    Foram-lhe concedidos pelo Imperador os seguintes títulos: BARÃO (1860), VISCONDE (1865), CONDE (1887) e MARQUÊS (1888).
    Durante toda a sua vida, TAMANDARÉ dedicou-se à Marinha e ao Brasil, com todo amor e devoção, sendo elevado às honras de PATRONO DA MARINHA DO BRASIL. Por isso, o dia 13 de dezembro, dia do seu aniversário de nascimento, foi instituído como o “DIA DO MARINHEIRO”. 

Uma manhã chuvosa. Não estou bem de saúde. Levanto pessimista. Sem condução, não posso ir a solenidade marcada para o 8º Distrito Naval. O CORONEL MENDES deve estar viajando, a serviço da maçonaria. Nosso presidente GINO está encarregado de representar o GRÃO-MESTRE nessa cerimônia do DIA DO MARINHEIRO.
Mais uma vez sofro numa van. Os dias de dezembro estão difíceis no trânsito. Passo pela ART VIDROS & PISOS, onde tenho mandado fazer os quadros de seus diplomas e fotos recebidos. Depois, na Sociedade, encontro o JOSÉ D´AMICO empenhado na confecção dos cartazes da cerimônia de colocação da placa alusiva ao Jubileu de Diamante da Revolução Constitucionalista de 1932. Ele entrou com toda vontade nesse ato e está conseguindo o que idealizou. O mérito é todo dele.
GINO STRUFFALDI esteve pela manhã no 8º DISTRITO NAVAL, onde recebeu o Diploma de Amigo, em nome do GRÃO MESTRE DO GRANDE ORIENTE DO BRASIL, seção de SÃO PAULO. O delegado-geral da Polícia Civil, doutor MAURÍCIO JOSÉ LEMOS FREIRE, foi um dos homenageados pelo Comandante do 8º DISTRITO NAVAL, VICE-ALMIRANTE TERENILTON SOUSA SANTOS, que lhe outorgou a MEDALHA TAMANDARÉ. GINO também disse que o secretário da Segurança Pública, RONALDO AUGUSTO BRETAS MARZAGÃO também compareceu na cerimônia. GINO afirma que irá ao Concerto Sinfônico da Polícia Militar, às 20 horas, no Memorial da América Latina. Não irei nesse evento, muito embora aprecie muito essas apresentações do nosso Corpo Musical, face o horário. Fica muito difícil retornar para GUARULHOS altas horas da noite.
Surpreendentemente, comparece hoje no MMDC o CARLOS NACLÉRIO HOMEM, afastado da Sociedade há meses. Veio justamente no horário em que fui almoçar. Pagou as mensalidades atrasadas e diz que na semana que vem deverá comparecer na Sociedade para conversar comigo.

Acertamos também a ida para BARUERI, na segunda-feira, dia 17. Uma viatura do 22º Batalhão de Logística virá buscar o GINO, MENDES e VENTURA por volta das 8 horas, na sede do MMDC.

O MILTON FERNANDES telefona da Associação Comercial por volta das 16:20 horas. Está sendo feita uma apresentação do portal KRONOPÉDIA. Acontece que não dá para ir até esse lugar, com tanta coisa para fazer na Sociedade. Não estou bem quando deixo o MMDC.

Mesmo com muita chuva, nesta tarde, a solenidade de comemoração do aniversário do Comando de Policiamento de Área Metropolitano Norte (CPA/M-3) foi marcada por um brilho muito grande, quando foram prestadas homenagens a personalidades civis e militares que vêm prestando grandes serviços para a corporação e que receberam o Diploma de Menção Honrosa da PM. O CPA/M-3 foi criado em 15 de dezembro de 1975. O Comandante, CORONEL PM JOSÉ HERMÍNIO RODRIGUES, fez um balanço positivo do trabalho realizado este ano na zona norte. Entre os presentes: CORONEL PM Res LUÍS CARLOS DOS SANTOS (presidente da Associação dos Oficiais da Polícia Militar do Estado de São Paulo), CORONEL PM NELSON DE ALMEIDA (sub-comandante do Corpo de Bombeiros), TENENTE-CORONEL PM CARLOS JOSÉ DA VEIGA, Chefe do Estado Maior do CPA/M-3, MAJOR PM BORTOLETTO, MAJOR PM SOUZA, MAJOR PM CHAGAS, ANTÔNIO FERREIRA PINTO (secretário estadual da Administração Penitenciária), doutor FÁBIO MOURÃO ANTÔNIO (presidente da OAB/SANTANA), FERNANDO CAPEZ (deputado estadual), doutor CELSO MEIRA, JOSÉ MARIA CHAPINA ALCAZAR (presidente do SESCON-SP), MÁRIO MANGINI, doutor JOÃO SADAO KITAMURA, OSWALDO ELIAS (presidente do RCSP – NORTE), ÁLVARO ALTAIR MARINELLI JÚNIOR, LUIZ CARLOS KECHINIAN (diretor da MIRANTTE IMÓVEIS), TENENTE-CORONEL PM JOSÉ LUIZ SANCHES VERARDINO, JOSÉ ROBERTO PITERI (subprefeito de SANTANA/TUCURUVI), DEPUTADO ESTADUAL PM MAJOR OLÍMPIO, SILVONEI AMARO (presidente do LIONS CLUB DE SÃO PAULO – TREMEMBÉ), doutor RUI AUGUSTO MARTINS (representando o presidente da OAB/SP, doutor LUIZ FLÁVIO BORGES D´URSO), ÂNGELO SALTON NETO (diretor-presidente da VINÍCOLA SALTON).
Um jantar realizado nas dependências do CPOR/SP, cedidas pelo TENENTE-CORONEL SÉRGIO LUIZ TRATZ, nesta noite, marcou a confraternização de fim de ano das Distritais Norte e Oeste do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo, que contou com a participação de destacados empresários de diversos setores. O evento foi abrilhantado em sua abertura por uma impecável apresentação do Conjunto de Câmara do Exército, formado pelos subtenentes SALUM, LEANDRO, SENA e JUSTINO. Entre os presentes: JOSÉ RICARDO LABBATE CHIARELLA, JORGE LUIZ IZAR (diretor do Departamento de Ação Política do CIESP-OESTE) e ISABELLA, MÁRIO SIQUEIRA DOS SANTOS (diretor do CIESP-NORTE), FÁBIO PAULO FERREIRA (diretor do CIESP-OESTE), GIOVANNI VALENTE (diretor da POSTES LÍDER), ALFREDO GIAMPALI, JOCELIN BATISTA SOUZA (diretor da EMBALAGENS UBATUBA).

A Prefeitura de SERRA NEGRA, a 150 km da capital, quer tomar o GRANDE HOTEL SERRA NEGRA do empresário VIRGÍLIO CEZAR BRAZ, de 67 anos, preso na última terça-feira, dia 11, acusado de ser um dos principais receptadores de carga roubada no Estado. Segundo a polícia, BRAZ começou a carreira criminosa comprando mercadorias roubadas para revendê-las no hotel, um dos maiores da cidade turística. Mas, só em impostos, o GRANDE HOTEL deve hoje mais de 2,1 milhões de reais. Desde 2001, a administração municipal tenta recuperar o hotel na Justiça.

O TENENTE PM Ref DARCI DE ALMEIDA BARRETO, de 70 anos, acusado de pedofilia, foi preso em flagrante em MIGUELÓPOLIS, a 445 km da Capital, ontem. Uma garota de oito anos contou à polícia que BARRETO lhe mostrou um filme pornográfico e tocou seus órgãos genitais. No momento em que foi surpreendido pela polícia, o idoso estava dentro de casa acompanhado de outras três meninas, com idades entre 7 e 11 anos. As crianças disseram que não sofreram abusos. Porém, segundo a polícia, BARRETO estava apenas de bermuda. Foram apreendidos CDs e DVDs que mostravam relações sexuais entre adultos e crianças. Para atrair as meninas, o PM aposentado oferecia bonecas BARBIE.

O médico infectologista DAVID UIP, diretor executivo do INCOR, foi vítima de extorsão de uma ex-funcionária e do marido dela. O casal ameaçou matar os familiares do médico e divulgar informações caluniosas – como desvio de verbas da Fundação ZERBINI, da qual é presidente, casos amorosos inexistentes e até um assassinato. Os dois foram presos quando tentavam receber 50 mil reais, depois de pedir cem mil a UIP. A polícia investiga se os suspeitos eram abastecidos de informações confidenciais por um médico rival.  
     
Na manhã seguinte à derrota da emenda constitucional que propunha a prorrogação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), o governo do presidente LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA tratou o assunto como um transtorno político, mas a equipe econômica não encarou a situação, apesar da perda de 40 bilhões de reais de arrecadação, como uma “emergência fiscal”. Doze horas depois da sessão no Senado, o ministro da Fazenda, GUIDO MANTEGA, não apresentou nenhuma medida emergencial e cuidou apenas do recado para o mercado, garantindo que as medidas fiscais são intocáveis.

Levada ao centro do chamado “ESCÂNDALO DA MALETA”, apenas dois dias após tomar posse, a presidente Argentina CRISTINA KIRCHNER defendeu-se hoje da acusação de que recebeu dinheiro da VENEZUELA em sua campanha eleitoral. A estratégia adotada pela presidente é a de acusar os EUA de estar por trás de uma “operação de inteligência” para envolvê-la no escândalo na tentativa de contrabandear da VENEZUELA 790 mil dólares apreendidos numa maleta em agosto. 

2 008      :       -     SÁBADO
Há 40 anos, na tarde/noite da sexta-feira, 13 de dezembro de 1968, sentados à mesa de jantar do Palácio das Laranjeiras, sede da Presidência da República no RIO, 25 membros do Conselho de Segurança Nacional - quinze militares e dez civis – aprovaram o ATO INSTITUCIONAL Nº 5 (AI-5), numa reunião que durou 2 horas e 10 minutos. O ato foi sugerido pelo próprio MARECHAL-PRESIDENTE ARTUR DA COSTA E SILVA, sentado à cabeceira, e serviria para legalizar o arbítrio. Só um daqueles 25 homens votou contra, o vice-presidente PEDRO ALEIXO, embora estivessem na sala outros brasileiros de reconhecida tradição democrática.
Os atos institucionais vinham desde o começo do regime militar, em 1964. Eram leis que não passavam pelo Congresso; Os primeiros traziam um certo verniz de democracia, mas o AI-5 escancarou a ditadura. Nele, o MARECHAL-PRESIDENTE tinha poderes ilimitados. Podia legislar, cassar parlamentares e fechar o Congresso; suspender direitos políticos, mandar prender pessoas sem autorização judicial, nomear quem quisesse para governar Estados; censurar a imprensa para impedir a publicação de notícias que desagradassem ao governo, fosse uma crítica oposicionista ou um inesperado surto de meningite.
O BRASIL daquela época tinha outra cara. Éramos mais de 90 milhões em ação estreitamente vigiada: só podíamos ouvir, ler, ver ou dizer que o regime permitia. Os militares promoviam um culto exacerbado dos símbolos nacionais.

Levanto tarde nesta data. Tenho muita coisa para passar para minhas memórias. Isso vou fazendo após a leitura dos jornais. Leva algumas horas. Como não tenho outras obrigações, posso atualizar tudo isso. Faço uma visita à HEMEROTECA VENTURA, levando papéis para serem arquivados, bem como mais um livro de memórias referente a março de 2007.
Na tarde, telefono ao meu companheiro da Escola de Oficiais, CORONEL PM UBIRAJARA GUIMARÃES, que ontem completou 67 anos de idade. Ele trabalha para a PETROBRÁS e fazia viagens até o VALE DO ITAJAÍ, quatro dias antes da tragédia. Atualmente se encontra de férias, em seu sítio em ATIBAIA. Lembro a ele que em fevereiro de 2009 deveremos estar juntos na recepção aos novos cadetes da APMBB.
A novela “A FAVORITA” torna-se mais interessante após a morte de GONÇALO no capítulo de ontem. FLORA e SILVEIRINHA se livram dos vestígios do assassinato de GONÇALO. HALLEY, ZÉ BOB e DONATELA ficam aflitos por não conseguirem fazer contato com GONÇALO. HALLEY resolve ligar para o rancho à procura do avô, mas recebe a notícia de que ele está dormindo.

“Meus queridos afilhados”. Foi assim que o Prefeito GILBERTO KASSAB iniciou o discurso como paraninfo da turma de ASPIRANTES A OFICIAL PM da ACADEMIA DE POLÍCIA MILITAR DO BARRO BRANCO em cerimônia de formatura, hoje. “Se tem algo que todos temos é o orgulho da nossa PM. Poucas carreiras dão o exemplo de dedicação e trabalho, muitas vezes com o sacrifício da própria vida, como a que vocês escolheram”, continuou o prefeito-paraninfo. Durante a cerimônia, os ASPIRANTES entregaram seus espadins, símbolo do Aluno Oficial, e receberam a espada, símbolo do Oficial da PM, que representa a honra, o saber e a ética, como enfatizou o secretário da Segurança Pública, RONALDO MARZAGÃO, que também esteve na formatura.
Compareceram ainda, o Vice-Governador do Estado, ALBERTO GOLDMAN, representando o Governador JOSÉ SERRA; o Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo, CORONEL PM ROBERTO ANTÔNIO DINIZ; o Comandante da Academia de Polícia Militar do Barro Branco, CORONEL PM MARCO ANTÔNIO ALVES MIGUEL; o CORONEL PM LUIZ MASSAO KITA, Secretário Chefe da Casa Militar; o deputado estadual MAJOR PM OLÍMPIO GOMES e várias autoridades civis e militares.

Pela Internet, leio o DIÁRIO OFICIAL DE 13 DE DEZEMBRO DE 2008, que publica promoções de oficiais da POLÍCIA MILITAR
Decreto de 12-12-2008
Promovendo, nos termos do Dec.-lei 13.654-43 e suas alterações, a contar de 15-12-2008, os seguintes Oficiais da Polícia Militar do Estado:
QUADRO DE OFICIAIS POLICIAIS MILITARES - QOPM
ao posto de Tenente-Coronel PM, por antigüidade, os Majores PM:
780470-9 José Belantoni Filho, do 25º BPM/M; ao posto de Tenente-Coronel PM, por merecimento, os Majores PM:
810304-6 Armando Bezerra Leite, do 6º BPM/I; 810313-5 Leônidas Pantaleão de Santana, do CPI-1 e 810305-4 Benedito Roberto Meira, do 2º BPRv;
ao posto de Major PM, por antigüidade, os Capitães PM:
822298-3 Carlos Roberto Terreaga, do 37º BPM/I; 810323-2 Airton Edno Ribeiro, do CAES; 792387-2 Gilberto Pereira de Carvalho, do 16º BPM/M; 822324-6 Francisco Cláudio Calgievicz Otto, do 46º BPM/I; 822280-A Antônio Bueno de Oliveira Neto, do 13º BPM/M; 801865-A José Gonçalves Souza, do 21º BPM/M; 801417-5 Enilson de Andrade Melo, do 25º BPM/M; 801119-2 Wagner Serafim de Queiroz, do 27º BPM/M; 822401-3 Ricardo de Siqueira Brandão, do 1º BPM/I; 830586-2 Hermes Aparecido Costa, do 42º BPM/I; 810347-0 João Carlos Pelissari, do 36º BPM/M; 830566-8 Adriano Ribeiro de Magalhães Filho, do 28º BPM/M; 830577-3 Edson Luiz Gaspar, do CPA/M-6; 830605-2 Messias Rodrigues Mendes da Silva, do 29º BPM/I; 802530-4 Antônio Eugênio Amaral de Almeida, do 17º BPM/M; 822236-3 Eduardo dos Santos Rosmaninho, do CPA/M-5; 830595-1 José Eduardo de Barros Zampieri, do 13º GB; 830576-5 Donizete Martins dos Reis, do CPI-8; 820172-2 Gerson Cosme de Souza, do 46º BPM/I; 830601-0 Luiz Carlos da Costa, do 13º BPM/M; 830592-7 João Luiz de Campos, do 39º BPM/M; 801103-6 Diógenes Viegas Dalle Lucca, da DE; 810348-8 Joaquim Rodrigues Júnior, da PM-6; 810365-8 Nelson Vicente Coelho, do 35º BPM/I; 830573-A Cláudio de Oliveira, do 39º BPM/I; 830617-6 Sílvio Lúcio Franco Nassaro, da DE; 810342-9 George Henrique Marques Alves, do 15º BPM/M; 810326-7 Armando da Silva Moreira, do 9º BPM/M; 822225-8 Carlos Augusto Nepomuceno, do 3º BPM/I; 830612-5 Renato Armando Alves, do 51º BPM/I; 830610-9 Paulo César Gomes, do 15º BPM/I e 830597-8 José Roberto Garçon, do 2º GB;
ao posto de Major PM, por merecimento, os Capitães PM:
830606-A Milton Augusto dos Santos, do CCB; 822255-0 Mauro Minoro Takara, do 4º GB; 830604-4 Marcos Renato Vieira, do CPA/M-12; 830608-7 Naby Affiune, do CPI-3; 830600-1 Luís Antônio Fernandes Rosa, do CPI-3; 830589-7 Ivanovitch Simões Ribeiro, do CCB; 810378-0 Ronaldo de Oliveira e Silva, do CPD; 830579-0 Eduardo Nocetti Holms, do 6º GB; 830622-2 Wagner Silvério de Souza, do 17º GB; 793369-0 Waldir Pires, da APMTJ; 810374-7 Rogério Aparecido Holzmann, do GRPAe; 810345-3 Ieros Aradzenka, da PM-2; 91704-4 Alfredo Donizeti Rodrigues de Souza, do 2º BPChq; 830621-4 Wagner Roberto Ribeiro Soares, da DF; 830598-6 Laerte Aparecido Alves, do 15º GB; 830584-6 Gilberto Tardochi da Silva, do 37º BPM/M; 810337-2 Eduardo Vieira Cristo, do 21º BPM/M; 810372-A Roberto Rodrigues de Azevedo, do CPA/M-5; 830620-6 Vicente de Paula Vieira Silva, do CPI-7; 810356-9 Luiz Geraldo Câmara Carlos, do 3º BPChq; 830596-0 Jose Luiz Frank, do 2º BPRv; 810340-2 Francisco Valderico de Andrade Júnior, do 1º BPChq; 822263-A Reynaldo Simões Rossi, do 1º BPChq; 830540-4 Luiz Henrique Usai, do 3º BPM/I; 822254-1 Mauro Cézar dos Santos Ricciarelli, da APMSSP; 840858-A Francisco Batista Leopoldo Júnior, do 18º BPM/I; 801323-3 Carlos Alberto Gomes Juvino, do EM/E; 841386-0 Edvaldo Sertório do Amaral, do 3º BPM/M; 822256-8 Nivaldo César Restivo, da APMSSP; 822351-3 José Messina Filho, do 21º BPM/I; 822353-0 José Samuel Ribeiro, do GRPAe; 822262-2 Ramis Ramses Raduan, do 27º BPM/I; 840863-7 Washington Luiz Goncalves Pestana, da APMTJM; 822226-6 Cássio Roberto Armani, do 11º GB; 822257-6 Paulo Barthasar Júnior, do 6º BPM/M; 822231-2 Denilson Storai de Barros, do 34º BPM/M; 822229-A Daniel César Simões Teixeira, do C Med; 840855-6 Alfredo Vital Oliveira, do 22º BPM/M; 840857-2 César Branco de Araújo, do 35º BPM/I; 822228-2 Daniel Augusto Ramos Ignácio, do CPA/M-1; 822232-A Dimítrios Fyskatoris, da PM-4; 822253-3 Marcos César Carnevale, do CFSd; 822223-1 Aloysio Alberto de Queiroz Júnior, do 11º BPM/I; 830913-2 Nilton Miranda, do CCB; 822252-5 Marco Antônio Melli Bellagamba, do 3º BPRv; 822237-1 Fernando Silveira, do 2º BPRv; 822221-5 Alexandre José Bolognini e Silva, da APMAL; 822220-7 Acácio Geraldo Wendling César, do 23º BPM/I; 822249-5 Luiz Cláudio dos Santos, do 34º BPM/M; 830538-2 Kleber Danúbio Alencar Júnior, da Correg PM; 840869-6 Celso Aparecido Monari, da DP; 840899-8 Marcelo da Silva Pignatari, da APMTJ; 791593-4 Airton Iósimo Martinez, do CPI-4; 822268-1 Wilson Bibbó, do CPC; 840901-3 Marcos Aurélio Maranhão, da PM-3; 851980-3 Marcos César Gristcher Leite, do 9º BPM/I; 851970-6 Kenji Konishi, do 34º BPM/M; 840938-2 Wilson Antônio Botero, do 3º BPAmb; 840891-2 Levi Anastácio Félix, da Correg PM; 810541-3 Celso de Campos Marini, do 5º BPM/M; 830615-0 Robson Bianchi, do 39º BPM/I; 810371-2 Roberto Alboredo Sobrinho, do 5º GB; 810366-6 Nilton Sérgio de Mattos, da APMSSP; 810373-9 Robson Grilenzoni, da APMBB e 822260-6 Paulo Sérgio Vieira das Neves, do 43º BPM/M;
ao posto de Capitão PM, por antigüidade, os Primeiros-Tenentes PM:
841727-0 Jair Francisco Gomes Júnior, do 22º BPM/I; 883536-5 Eli José Tavares, do CEIB; 891293-9 Romildo Júnior Xavier, da APMBB; 901245-1 Cássio Araújo de Freitas, do 1º BPChq; 901233-8 José Semensati Júnior, do 12º BPM/I; 901243-5 Paulo Sérgio Fabbris, do 3º BPM/I; 901231-1 Jorge Marcelo de Oliveira, do GRPAe; 901221-4 Márcio Tavares Costacurta, da DE; 874662-1 José Carlos Alves Brandão, do 35º BPM/M; 901238-9 Douglas João La Femina Júnior, do 8º BPM/I; 901254-A Maurício da Silva Inchauspe, do 21º BPM/I; 863083-6 Argeo Arias Rodrigues Filho, do 6º BPM/I; 887471-9 Éder Antônio de Araújo, do 3º BPChq; 883578-A Renato Auricchio, do 1º GB; 883538-1 Adriano Pedroso de Moraes, do CFSd; 901203-6 José Natalino de Camargo, do 15º GB; 901240-A Emerson Pinha da Silva, do 5º BPM/M; 901198-6 Antônio Manoel Marcondes Cunha, do CFSd; 901214-1 Paulo Henrique Jurisato, do 13º BPM/I; 884146-2 Fernando César Fernandes Rombesso, do 44º BPM/M; 884144-6 Marcos Ferreira Mata, do 44º BPM/M; 901202-8 Fernando Sasaki Fagionato, do 47º BPM/I; 883553-5 Alexandre Bueno Pinheiro, do 29º BPM/M; 890068-0 Marcelo Naumann, do 7° BPM/M; 901212-5 Victor de Freitas Carvalho, do CBM; 891860-A Carlos Gomes Machado Neto, do 28º BPM/M; 901218-4 Paulo Roberto Borges, do 51º BPM/I; 884167-5 Carlos Henrique Ferreira de Araújo, do CSM/O; 854000-4 Adilson Felisardo dos Reis, do CEIB; 901227-3 Alexandre Fontolan, do 18º BPM/I; 884122-5 Dimas Mecca Sampaio, do CPC; 881105-9 Rogério Kandas de Meiroz Grilo, do CPI-1; 865620-7 Luciano Piva, da DP; 901220-6 Mário Sérgio de Almeida Delfini, do 13º BPM/M; 830364-9 Mauro Ramos dos Santos, do CBM; 901230-3 Yurio Edson Caldas Marques de Abreu, do PMRG ; 901199-4 Modesto de Oliveira Azevedo, do 9º BPM/M; 901224-9 Élvis Alessandro Fernandes Botega, do 4º BPM/I; 884180-2 Ubiratan de Carvalho Goes Beneducci, do 7º GB; 891300-5 Luís Fernando Tavares Costacurta, do CCFO/EEF; 842714-3 Ricardo Enrico Ventura Rodrigues, do CSM/MM; 883562-4 Paulo Domingos Fernandes Rombesso, do CSM/O; 884171-3 Herbert Meyerhof, do CBM; 901237-A Glauco Rogério Ribeiro Alves, do 1º BPAmb; 901213-3 Antônio Moura Pires, do 46º BPM/I; 901225-7 Evanilson Correa de Souza, do 16º BPM/M; 883540-3 Ricardo Akira Obayashi, do 5º BPM/M; 884176-4 Dene Guimarães Martins, do 3º BPAmb; 843019-5 Antenor Gouveia do Nascimento, do 2º BPM/M; 884163-2 Daniel Rodrigues Prado, da APMBB; 901251-6 Luiz Augusto Pacheco Ambar, do 5º BPM/M; 884178-A Elizeu Sebastião da Silva Filho, do CSM/MM; 884264-7 Carlos Eduardo Motta, do 9º GB; 901255-9 Valentino Schiezari Perini, do 42º BPM/M; 901222-2 Sérgio Cardim, do 21º BPM/I; 884175-6 Jânio Akito Maebayashi, do GRPAe; 883547-A Carlos Alberto Regulle Júnior, do CPA/M-9; 901235-4 Lourival Prazeres de Andrade Filho, do 32º BPM/M; 884130-6 Juan Molino, do 6º BPM/M; 884145-4 Marcelo Augusto Silva, do 32º BPM/M; 855198-7 João Batista Machado, do 41º BPM/I; 901247-8 Reges Meira Peres, do RPMon; 891282-3 Róger Marcos Pimentel, do 17º BPM/I; 881039-7 João Soares da Costa, do 3º BPAmb; 891294-7 Fagner Alexandre Pompiani, do 35º BPM/I; 875422-5 Rogério da Silva Soares, do CFAP; 910260-4 Marcelo Robis Francisco Nasaro, do CPAmb; 864935-9 Alexandre da Silva Xavier, do 1º BPRv; 910261-2 Anderson Augusto Pires Almeida Bastos, do 41º BPM/I; 891235-1 Ricardo Ivo Gobbo, do 20º BPM/I; 870621-2 José Wilson da Silva, do 51º BPM/I; 910298-1 Marcus Muriel Batista, da DP; 891468-A Nilton Pereira Alvim, do 41º BPM/I; 891242-4 Joaz Rodrigues Lima Filho, do 22º BPM/M; 910272-8 Marco Antônio Basso, do CCB; 861416-4 Vladimir Reis da Silva, do 24º BPM/I; 875585-0 Luciano Monteiro Gomes, do 3º BPM/M; 860374-0 Sílvio Luís Dias, do 16º BPM/M; 891452-4 Alexandre Doll de Moraes, do 17º GB; 891453-2 Rodrigo Thadeu de Araújo, do 9º GB; 891289-A Marcos Aurélio Venâncio, do 1º BPAmb; 891267-0 Menemilton Soares de Souza Júnior, do CPRv; 864839-5 Paulo Sérgio Neves, do 15º BPM/M; 910267-1 Rogério Carlos
Capuano, do 30º BPM/I; 910262-A Marcelo David Vieira, do CPC; 891303-0 Sílvio Ricardo Bittencourt, do CPA/M-11; 865875-7 Gilson Geraldo Gonçalves, do 29º BPM/I; 891236-0 Marcos Roberto Roque, do 25º BPM/M; 891237-8 Marcelo de Oliveira Garcia, do CPI-1; 891302-1 Henguel Ricardo Pereira, do 1º GB; 910739-8 Leandro Lessa Leandro, do CPI-1; 891275-A Emerson Friano, do CCB; 910291-4 Flávio José Pires, do CPI-1; 910288-4 Fernando de Agrella, do 7º BPM/I; 876153-1 Nilson Sérgio Pasqualotto, do 36º BPM/I; 872305-2 Marcelo César Cancian, do GRPAe; 891268-8 Rodolfo José Rolim Potenza, do 6º BPM/I; 910255-8 Alexandre Rodrigues dos Passos, do 17º GB; 885995-7 Antônio Carlos de Moraes, do 10º BPM/I; 841867-5 Sebastião José de Oliveira, do 21º BPM/I; 880294-7 Luiz Cláudio dos Santos, do 10º BPM/I; 887332-1 Flávio Tadeu Ferreira Batista, do CFAP; 891257-2 Arthur Alvarez de Souza, do CPA/M-1; 891463-0 Jonny Arce Rivera, do 27º BPM/M; 891272-6 Nedson Farley Costa Antunes Nobre, do CPI-5; 891278-5 Fábio Marcelo Bueno Prado, do 25º BPM/M; 891234-3 Alexandre Espindola Cardoso Ledo, do 9º BPM/I; 891243-2 Marcus Alexandre Moraes de Araújo, do 15º BPM/I; 910290-6 Luís Cláudio Figueiredo Barnabe, do 11º GB; 891469-9 Sílvio Félix de Araújo, do 19º BPM/I; 910257-4 Wilson Cardoso Júnior, do 16º BPM/I; 910278-7 Lycurgo de Freitas Henriques Júnior, do 20º BPM/M; 891310-2 Welington Leite Protasio, do 1º BPM/I; 910293-A Mauro Jesus Rocha, do 47º BPM/I; 891269-6 Márcio André Silva Nunes, do 11º GB; 891295-5 Marcos César Pereira, do 44º BPM/M; 891277-7 Márcio Roberto de Campos, do 16º GB; 891284-0 Marco Túlio Mariano Brunhara, do 10º BPM/I; 891291-2 Luís Fernando Guillon Pinto, do 4º BPRv; 871941-1 Iron Sérgio Ferreira da Silva, do 3º BPChq; 891304-8 Honorato Gitirana de Sousa Júnior, do CPI-6; 871010-4 Edson Ribeiro Batista, do 21º BPM/M; 891270-0 Eliseu Chaves de Oliveira, do 23º BPM/M; 910285-0 Douglas Haruki Kiryu, do 9º BPM/M e 891255-6 José Inaldo de Lima Freitas Júnior, do CPC;
ao posto de Capitão PM, por merecimento, os Primeiros-Tenentes PM:
901215-0 Sérgio Mauro de Almeida, da DE; 871305-7 Guido Geraldo Eugênio, do CBM; 883579-9 Wellington Batista Vasco, do CBM; 889283-A Cláudio Hayashi, do 53º BPM/I; 901232-0 André Marcelo Baptista Assis, da DF; 842084-0 José Carlos Aparecido, do CPC; 901248-6 Nelson Adriano Guiotti, do CPI-5; 884161-6 Cláudio Ribeiro da Silva, do 12º GB; 901211-7 Sérgio Ricardo Seixas, do 17º BPM/I; 901229-0 Rodrigo Eval Arena, do 37º BPM/I; 883559-4 Alexandre Cesar Prates, do 3º BPChq; 853602-3 Roberto dos Santos Dias, do 41º BPM/M; 860605-6 Elias Profeta Ramos de Araújo, do 4º BPM/M; 854797-1 Carlos Eduardo Zólio, do 3º BPChq; 843363-1 Francisco Robério Carlos Moreira, do PMRG ; 901253-2 Roberto Besenbruch Caruso, da PM-2; 901200-1 Daniel Tenório dos Santos, do 6º GB; 884123-3 Renato Lúcio Martins, do GRPAe; 901239-7 Luís Roberto Moreira Filho, do 13º BPM/I; 871298-A Vagner Rodrigues Robiatti, da PM-6; 901226-5 José Alexander de Albuquerque Freixo, do GRPAe; 901223-A Sérgio Ricardo Agassi de Oliveira, do CBM; 884147-A Vinícius Alves Camargo, do 43° BPM/M; 884172-1 Emerson Davanço, do DSA/CG; 884132-2 Wilson Nobukazu Kagawa, do CCB; 884118-7 João Alves Cangerana Júnior, da APMBB; 901259-1 Alípio de Lima Rios, do CPA/M-7; 884173-0 Ricardo Jum Kawauchi, do RPMon; 852678-8 Ubiratã Marques da Silva, do 7º BPM/I; 910284-1 Luís Carlos Cobacho Presutto, do 13º GB; 891231-9 Adriano Aranão, do 2º BPRv; 891244-A Edmilson Colonello, do CPRv; 891462-1 Jeferson Campos de Santana, do 4º BPM/I; 891280-7 Marcelo Alexandre Cicereli, do 8º GB; 891298-0 Marcos de Paula Barreto, da CMil; 901299-A Marcelo Severino Batista, do 28º BPM/I; 873494-1 Nilson Fidelis da Silva, do 2º BPAmb; 910265-5 Fabiano de Almeida Serpa, do 4º BPM/I; 910296-5 Fabiano Ferreira do Nascimento, do 3º BPRv; 842015-7 Vanderlei Aparecido Rodrigues, do CSM/M Int; 891276-9 Carlos Roberto Rodrigues, do CEIB; 854817-0 Gilson Hélio Jesus dos Santos, do 34º
BPM/M; 882315-4 Hudson Covolan, do CPI-4; 891460-5 Décio dos Santos Gomes, do CPI-6; 910299-0 Nilton César Zacarias Pereira, do CBI; 891251-3 Alfredo Inácio de Godoy Silva, da APMBB; 910259-A Fernando Aparecido de Souza, do 3º BPM/I; 861872-A Luiz Antônio dos Santos, da PM-5; 910303-1 Marcelo Perin Monteiro, do 17º BPM/I; 901277-0 Victor Alessandro Ferreira Fedrizzi, da APMPMSP; 842024-6 Abelardo Júlio da Rocha, do CPC; 891273-4 Robson Garcia de Goes, do 14º GB; 891254-8 Eduardo Drigo da Silva, do 8º GB; 891253-0 Ricardo Souza Barreto, do DSA/CG; 891271-8 Carlos Alberto de Camargo Júnior, do CEIB; 891274-2 José Reinaldo Medeiros Vieira, do 2º BPRv; 854490-5 Jether Elizio de Paula, do 23º BPM/I; 891470-2 Ricardo Alencar Liberatori Hua, do CSM/MM; 880239-4 Jorge Cepeda de Aguiar, da PM-2; 891247-5 Alessandro da Silva, do 4º GB; 910294-9 Fábio Orlando Camargo, do 46º BPM/I; 910282-5 Wander Satil de Souza, do GRPAe; 910254-0 Renato Marcel Carbonari, do 10º GB; 882972-1 Wagner Giurni Gomes, do CSM/MOpB; 891259-9 Maurício Hermes Bitencourt Neves, do 8º GB; 891456-7 Roney Moreira da Silva, da Correg PM; 891285-8 Rogério Said, do GRPAe; 862627-8 André Luiz Magri, do C Med; 891232-7 Igor Sergei Klein, do 11º GB; 872228-5 Mário Sérgio Nonato, do 9º BPM/I; 891250-5 Marcelo Hsiao, da APMBB; 891248-3 Edson Luís Bittencourt, do 21º BPM/M; 891249-1 Marcus Zichar de Moraes, da Correg PM; 910301-5 Gustavo Henrique Lopes Barbosa, da DE; 891305-6 Wagner Evaristo Wenceslau, do 1º BPChq; 891264-5 Marcelo Pereira dos Reis, do 2º BPRv; 883535-7 Antônio Joaquim de Oliveira Neto, do 11° GB; 901292-3 Luiz Renato Maximiano, do 11º GB; 901336-9 Hilário Marcelo Garrido Silves, do CFSd; 901297-4 Plínio Mariano do Nascimento, do CCB; 920403-2 Cícero Robson Coimbra Neves, da Correg PM; 920365-6 Marcelo Gonçalves Gaspar, da PM-3; 901263-0 Emerson Massera Ribeiro, da PM-5; 920409-1 Alexandre Merlin, do CBM; 901326-1 Alexandre Henriques da Costa, do CFAP; 883948-4 Samuel Dias de Oliveira, do CPA/M-5; 920386-9 José Augusto Coutinho, da APMBB; 894841-A Rogério Mota da Silva, da PM-2; 875953-7 Elber Nalon Silva, da PM-2; 920464-4 Fábio Ricardo Ferreira, do 13º BPM/I; 920407-5 Rogério Oliveira Reno, da APMBB; 854090-0 Leonardo Aparecido Ribeiro, do CPC; 901306-7 José Aparecido dos Santos, do 27º BPM/I; 871074-A Luiz Cordeiro da Silva Filho, do CPC; 901280-0 Eduardo Cimino Carvalho Júnior, do CCB; 920466-A Ealton Douglas Nunes, da APMTJM; 920396-6 Carlos Enrique Forner, do CCFO/EEF; 920432-6 Renato Luiz Costa de Campos, do 1º BPM/I; 920457-1 Adriano Augusto Leao, do 8º BPM/I; 871552-1 Cláudio Alencar Dores, do 9º BPM/M; 865527-8 Ailton Caetano de Oliveira, do 7º GB; 910313-9 Tibério César Chrispin da Silva, do 14º GB; 901285-A Fabrício Marchi Tiago, do 52º BPM/I; 920431-8 Marcelo dos Santos Sancana, do 15º BPM/I; 901272-9 Cleber Gabriel, da APMTJ; 861246-3 Rinaldo da Silva Pinheiro, do 42º BPM/M; 889553-8 Anísio Araújo dos Santos, do CPA/M-1; 901260-5 Marcos José da Costa, da APMSSP; 880964-0 Alexandre Luiz Alves, do CCFO/EEF; 910322-8 Sandro Moreira Alves, do 40º BPM/I; 887853-6 Edilson Mariano de Oliveira, da Correg PM; 923855-7 Márcio Macedo Feitosa, do EM/E Séc Com; 901322-9 Márcio Albuquerque de Toledo Piza, do CCB; 891286-6 Cícero da Silva Pires, do 11º BPM/M; 891457-5 Jacintho Del Vecchio Júnior, do 11º BPM/I; 891307-2 Tibério Bonifácio, do 41º BPM/I; 891265-3 Arthur Velloso Júnior, do 1º BPAmb; 891454-A Carlos Henrique Lucena Folha, do CFAP; 891461-3 Rubens Faria Silva, do CCFO/EEF; 901304-A Adaylton Álvaro de Rezende Júnior, do GRPAe; 863780-6 Ricardo Xavier da Silva, do 3º BPChq; 882203-4 Renato Ramos do 4º BPM/I; 861240-4 Paulo Renato da Silva, da Correg PM; 884159-4 Marco Aurélio Valério, da CMil e 901257-5 Vinícius Ferreira Paulino Filho, da CMil; ao posto de Primeiro-Tenente PM, por antiguidade, os Segundos-Tenentes PM:
874583-8 Anderson dos Santos, do 38º BPM/M; 972306-4 Marcus Vinícius Quitshal, do 39º BPM/M; 972378-1 Neymar Pereira dos Santos, do 3º BPM/M; 972358-7 Fernando Ferreira de Moraes, do 2º BPRv; 972283-1 Luciano Quemello Borges, do 33º BPM/I; 972265-3 Gustavo Gomes Kawamura, do EM/E; 970510-4 Fernando Kazuo Nagatomi, do 10º BPM/M; 972268-8 Márcio de Moura Massarente, do 4º BPRv; 923615-5 Marco Aurélio do Carmo, do 41º BPM/M; 972259-9 Fábio Caio da Fonseca, do 16º BPM/M; 972300-5 Anderson Savedra da Silva, do 6º BPM/M; 972270-0 Antônio Marcos Sanches de Toledo, do 26º BPM/I; 972375-7 Kenji Takebe Júnior, do 16º BPM/I; 972325-A Guilherme D’Artagnan Carvalho e Silva Boppre, do 1º BPAmb; 972324-2 Márcio Sunao Fujikura, do 14º GB; 966423-8 Gabriel Rodrigues Benites Alves, do 33º BPM/M; 930274-3 Giancarlo César Ferreira, do 7º BPM/I; 972380-3 Everaldo Zuliani, do 41º BPM/M; 972335-8 Felipe Rodrigues Paes Marques, do 11º GB; 972282-3 Márcio dos Passos Santos, do CCFO/EEF; 875472-1 Marco Augusto de Oliveira, do 5º GB; 892960-2 Marcelo Leonardo Pinto, do 19º BPM/M; 972295-5 Eduardo Prendes Higa, do 28º BPM/M; 888859-A Domingos Martins de Oliveira, do 17º BPM/M; 972362-5 Evaldo Antônio Soares Filho, do 24º BPM/M; 972344-7 Samir Tobias Alvarez, do 20º BPM/I; 913968-A Argeu Alencar da Silva, do 35º BPM/I; 972316-1 Maxwel Isidoro da Silva, do 14º GB; 942218-8 Marcos da Silva Pimenta, do CPD; 972310-2 João Francisco Terron, do 6º BPM/M; 972376-5 Emerson Prado Gonzaga, do 2º BPM/M; 972345-5 Renato Fernandes dos Santos, do 1º BPChq; 963027-9 Isaac Silva de Oliveira, do 37º BPM/I; 941325-1 Marcos Rovina Capovilla, do 34º BPM/I; 972274-2 Daniel Lemes Garcia, do 20º BPM/I; 972297-1 Adriano de Souza Fernandes, do 43º BPM/M; 972248-3 Luís Gustavo Citti Teixeira, do 27º BPM/M; 972311-A Adriano José Baruffaldi, do 6º GB; 972246-7 Eduardo Fernandes Gonçalves, do 14º GB; 972374-9 Wagner Gomes Pillon, do 13º BPM/M; 972333-1 Robert Wolfgang Mena Barreto, do 25º BPM/M; 980901-5 Wellington Ricardo Mendonca, do 44º BPM/M; 980944-9 Matheus Ferreira Lopes, do 11º GB; 980958-9 Hugo Leonardo Bernardes, do CEIB; 893956-0 Pedro Amauri Biagioni Corrêa, do 44º BPM/I; 980909-A James Carlos, do CFAP; 914212-6 Octávio Vinícius Câmara Leal Magalhães, do 33º BPM/M; 900583-8 José Donizetti Gomes de Oliveira, do 3º BPM/I; 980947-3 Dennys Willian Conceição da Costa, do 6º BPM/I; 980951-1 Ricardo Bessa, da CMil; 951279-9 Vander Luiz Duarte dos Santos, do 2º BPM/I; 865677-A Paulo César de Paiva, do 36º BPM/M; 980946-5 Rafael Bastos de Alencar, do 3º BPM/M; 964388-5 André Luiz Dias Barboza, do 40º BPM/M; 980943-A Emílio Ornelas Martins, do 3º BPAmb; 980920-1 Elisiário da Costa Chaves Netto, do 6º BPM/I; 980927-9 Rodrigo Uceda Betti, do 1º GB; 980858-2 Fabrício Soares, do 8º BPM/M; 980888-4 Luís Roberto Soares Margato, da PM-2; 980948-1 Leandro Corrêa de Moraes Verardino, do 3º BPM/M; 980859-A Helder Bezerra Camatari, do 42º BPM/I; 980936-8 Juliano Francisco Antônio Xavier, do 4º BPM/I; 980863-9 Alexandre de Oliveira Voigt, do 45º BPM/I; 980883-3 Diogo Raphael Chaves de Souza, do 34º BPM/M; 980136-7 Luciano Anderson Tirelli, do 1º BPRv; 980900-7 Fabrício Palomo Soares Barbosa, do 4º GB; 980918-0 Alberto Massahiro Suganuma, do 15º BPM/M; 980931-7 Alyson Fogaça de Almeida, do 1º BPAmb; 980870-1 Givanildo Santana de Abreu, do CPA/M-8; 980876-A Luiz Augusto Bento de Barros, do 20º BPM/M; 980887-6 José Renato Prado Galdino, do 2º BPChq; 980913-9 Vinícius Manetti, do 1º BPM/M;
980916-3 Kleber Batista de Oliveira, do 12º BPM/I; 980953-8 Antônio Marco da Conceição, do 6º GB; 980896-5 Maurício Tamanaha, do 24º BPM/M; 980911-2 Luís Roberto Cesari, do 16º BPM/I; 980905-8 Marcelo Medina, do 3º BPAmb; 966097-6 Sérgio Luís Polli, do 10º BPM/M; 981006-4 Cássio César Galhardo, do 9º BPM/M; 943119-5 Aurimar Cardoso Cunha, do 7º BPM/M; 980880-9 Luciano Yuzo Marques da Silva, do 27º BPM/M; 890199-6 Maurício José dos Santos, do 22º BPM/I; 981012-9 Ricardo Azevedo da Silva, do 40º BPM/M; 980924-4 Paulo Alexandre Gomes Dias, do 38º BPM/M; 980949-0 Alexandre Augusto Oliveira, do 7º BPM/I; 980922-8 Thiago da Costa Vieira Ciampone, do RPMon; 981004-8 Everson Marco de Araújo, do CSM/MM; 980925-2 Milton Ossamu Yuki, do CPRv; 980919-8 Carlos Eduardo Mansur Galvão, do 10º BPM/M; 981016-1 Sérgio Henrique Murad, do 27º BPM/I; 980940-6 Márcio de Lima Reno, do 15º GB; 980932-5 Luiz Fernando Rodrigues da Veiga, do 8º BPM/M; 980871-0 Denis de Chiara, do 3º BPChq; 980884-1 André Luís Magalhães Bonifácio, da PM-5; 980957-A Fernando Druziani Gonçalves, do 20º BPM/I; 980954-6 Rodrigo Fernandes da Silva Almeida, do 5º BPM/I; 913833-1 Osmar Jatoba Júnior, do 21º BPM/M; 980930-9 Thiago Grant Lopes, do 3º BPM/M; 966080-1 Anderson da Silva Dias Brasil, do CFSd; 964903-4 Edmar dos Santos Pedrosa, do 47º BPM/I e 963809-1 Iremar Aparecido da Silva Vasques, do 42º BPM/I;
ao posto de Primeiro-Tenente PM, por merecimento, os Segundos-Tenentes PM:
966388-6 André Luiz Collado, do 9º BPM/I; 972340-4 Marcelo Henrique Figueiredo, do 51º BPM/I; 972359-5 Alexandre Couto Lopes, do 5º BPM/M; 972247-5 Marco Gonçalves Vilarica, do DSA/CG; 972328-5 Marcos Giannoni, do CFAP; 972341-2 Fabiano João Correa, da PM-4; 972347-1 Oswaldo Julião Júnior, do 7º GB; 972271-8 Davi de Carvalho Freixo, do RPMon; 891488-5 Alexandre de Oliveira Lucena, do CEIB; 933954-0 Carlos Alberto Nunes Malheiro, do 14º GB; 972309-9 William Tadashi Ritton Vieira, do 5º BPM/I; 972357-9 Júlio César Tirabassi, do 47º BPM/I; 823735-2 Luiz Carlos Pereira Tineo, do 19º BPM/M; 872110-6 Márcio Ananias Liças, do 9º BPM/I; 972372-2 Francisco Pane Neto, do 3º BPRv; 972285-8 Joscilênio Cezário Garcia Fernandes, do RPMon; 951583-6 Marcelo Peixoto dos Santos, do 27º BPM/M; 972287-4 Celso Ricardo Laurindo, do 12º GB; 972319-6 Fabrício Garcia Luiz de Almeida, do 17º GB; 972377-3 Paulo Henrique Tomazini, do 1º GB; 932871-8 Cláudio Ferreira da Silva, do 3º BPRv; 980895-7 Eduardo Mosna Xavier, do 3º BPChq; 951348-5 Ivaldo da Silva, do CPC; 870561-5 André Luiz Rivoiro, do 51º BPM/I; 980868-0 Milord José Guimarães Silva, do 39º BPM/M; 980878-7 Valdinei Arcanjo da Silva, do 2º BPChq; 940526-7 Porcídio da Silva Neto, do 36º BPM/I; 980867-1 Alexandre Antônio Barelli, do CPD; 913622-3 Carlos Alberto Ribeiro de Almeida, do CPI-8; 980933-3 Ederson Luiz Falcade, do 2º BPChq; 980907-4 Flávio Mitsuishi, do 1º GB; 980877-9 Hamilton Ramos Busato, do 34º BPM/M; 962034-6 Hamilton Amaro Monteiro, do 2º BPM/M; 981008-A Roberto Leandro da Cruz, do 32º BPM/M; 981001-3 Alex Gal Paiva, do CPRv; 891407-9 Waltercir da Silva Marques, do 15º BPM/I; 980899-0 Plínio César Araújo da Silva, do 1º BPAmb; 971339-5 Marco Douglas Guillon Pinto, do CPRv; 980860-4 Ferdinando Cordoba Andreucci, da Correg PM; 980866-3 César Augusto Silva, do GRPAe; 913383-6 Edson Nalon Silva, do CPA/M-8; 980935-0 Mauro Antônio Brancalhão Júnior, do 3º GB; 874273-1 Mauri Viana de Melo, do 15º BPM/I; 961467-2 Giovani Eduardo, do 8º BPM/I; 980945-7 Eric Tadeu dos Santos, do 7º BPM/I; 980959-7 Antônio Emanuel Andrade e Silva, do 1º BPM/M; 980926-A Eric Nishizawa, da Correg PM; 962870-3 Marco Paulo Barreto, do CPI-9; 980961-9 Eric Gazola Siviero Valle, do CEIB; 871492-4 Luiz Antônio Carja Cajaiba, do 1º BPRv; 980942-2 Richardison Campos, do 42º BPM/I; 981010-2 Roberto Knobl, do CPA/M-6; 981005-6 André Luís Mari Pereira, do 8º BPM/I; 980914-7 Gustavo Cardozo Xavier, do 4º BPM/I; 981007-2 Danilo Marcelo Callegari, do CPD; 980964-3 Cassius José de Oliveira, do 4º BPAmb; 924130-2 Emerson Marques Freire, do 6º GB; 980879-5 Rene Rodrigues Antônio, do 2º BPM/I; 980923-6 Alessandro Roberto Righetti, do 33º BPM/I; 980873-6 Fábio da Costa e Silva Becker, do CSM/AM; 980898-1 Rodrigo Cunha de Souza, da PM-2; 980939-2 Alvaro Luiz Zambelli, do CPA/M-8; 980892-2 Júlio César Domingues, do 18º BPM/I; 980897-3 Fabrício Padovani Rasera, do GRPAe; 966827-6 Helder Octávio Rodrigues Borges, do
CRPM; 980937-6 Marcelo Vieira das Neves, do 34º BPM/M; 980882-5 Daniel Lucas Rocha de Almeida, do 32º BPM/I; 980956-2 Carlos Gonçalves Pestana Júnior, do 3º BPM/I; 931394-0 Emilson Pareschi Herrerias, do 27º BPM/M; 980861-2 Eros Vilela Moraes, do CDP; 974802-4 Alexandre Schumermann de Proença, do 50º BPM/I; 921050-4 Ricardo Oliveira Mota, do 9º BPM/M; 966099-2 Laércio Henrique J. de Oliveira, do 24º BPM/M; 980910-4 Eduardo da Silva, do 43º BPM/I; 932291-A Elcio do Nascimento, do CPA/M-8; 980912-A Júlio César dos Santos, do 37º BPM/M; 920349-4 Isac Zaqueu Nascimento, do 28º BPM/I; 893379-A Paulo Aparecido Bueno da Silva, do 31º BPM/M; 980891-4 Milton Morassi do Prado, do Gab Cmt G; 980908-2 Jefferson Wesley da Silva, do 29º BPM/M; 980886-8 Rafael Lescura de Carvalho Castro, do 2º BPChq; 980890-6 Roberto Lopes Agostinho, do 41º BPM/I; 980928-7 Paulo César dos Santos Bravo Salgado, do 3º BPChq; 980902-3 Márcio Abreu Ferreira da Cunha, do 4º GB; 980960-A Eduardo Luiz da Silva, do 21º BPM/I; 980955-4 Alexandre João Salomão, do 30º BPM/M; 981009-9 Samuel Cláudio da Silva, da APMPMSP; 980864-7 Jairo Zenerato Júnior, do 17º GB; 980904-0 José Tiago Ferreira, do 27º BPM/M; 980921-0 Ronny Emerson Gomes, do 32º BPM/I; 980934-1 Maurício Mathias Silva, do 1º BPM/I; 980874-4 Arthur Willian Granero Santos, do 16º BPM/M; 980906-6 Almir de Aguiar Dias, do 10º GB; 914725-0 Gilberto Antônio de Oliveira, do 2º BPRv; 980862-A André Domingos Pereira, do 32º BPM/I; 865307-A Ademir Bernardo da Silva, do 21º BPM/I; 953308-7 Edson dos Santos e Souza, do 21º BPM/I; 980917-1 Samuel de Araújo, do 4º BPM/M; 980941-4 André Júlio da Costa, do 3º BPChq e 972250-5 Robinson Costa Silva, da CMil;
ao posto de Segundo-Tenente PM, por merecimento intelectual, os Aspirantes-a-Oficial PM:
117514-9 Francisco Ilídio Hernandes Lopes, do 18º BPM/M; 117516-5 César Augusto Camilo Pileggi, do 43º BPM/M; 110550-7 Tiago Regis Franco de Almeida, do 43º BPM/M; 117578-5 Guilherme Lazo Solano Neto, do 8º BPM/M; 105084-2 Fernando Roberto, do 19º BPM/I; 117133-0 Alexandre Cassiano Doracio Antunes, do19º BPM/I; 117583-1 Wagner Marinho Rodrigues Lemos, do12º BPM/M; 117596-3 Rafael Henrique Cano Telhada, do 4º BPM/M; 117616-1 Guilherme Costa Febbo, do 11º BPM/I; 117505-0 Cássio Vinícius Caetano Lenarduzzi, do 52º BPM/I; 117532-7 Obrien Pineda Teixeira, do 43º BPM/M; 117564-5 Públio Veronezi Flora, do 19º BPM/I; 101474-9 Gustavo Fernando Calderaro, do 46º BPM/I; 117558-A Tiago Tavares da Silva, do 12º BPM/M; 117587-4 Marcus Eduardo Diniz, do 44º BPM/I; 117512-2 Murilo Daniel da Silva, do 53º BPM/I; 117597-1 Maurício da Silva, do 12º BPM/M; 117502-5 Miguel Rodrigues Santiago Filho, do 18º BPM/M; 117610-2 Matheus Bertini de Almeida, do 30º BPM/I; 117522-0 Victor Augusto da Silva Nogueira, do 9º BPM/M; 117613-7 Wilton do Prado Carias, do 5º BPM/M; 117511-4 Rafael Gustavo de Aguiar, do 4º BPM/M; 117499-1 Vinícius Takeshi Sayki, do 12º BPM/I; 117598-0 Luiz Henrique Petter Salles, do16º BPM/M; 117571-8 Elder Corrêa Mortatti, do 10º BPM/I; 117554-8 Victor Félix Tozi Bomfim, do 8º BPM/I; 104152-5 Paulo Ricardo Baldrin Rossetti, do 10º BPM/I; 117572-6 João Paulo de Faria Corrêa, do 5º BPM/I; 103427-8 Luiz Fernando Marucci Baccin, do 47º BPM/I; 117551-3 João Guilherme Dmytraczenhko Franco, do11º BPM/M; 117579-3 Fernando Henrique Masseroni Mayer, do 35º BPM/M; 102400-A Elcio Alves Torres, do 10º BPM/I; 117595-5 Thiago Fernandes Soares, do 5º BPM/M; 108196-9 Laerte Dal Ré Júnior, do 39º BPM/M; 102221-A Rodrigo Carvalho Eulálio, do 6º BPM/I; 117576-9 Marcel Sangalli Filippin, do 47º BPM/I; 117561-A Emanuel Ramon Tavares Nunes, do 11º BPM/M; 117601-3 Eduardo Watanabe Pansonato, do 10º BPM/I; 117599-8 Ricardo Cardoso de Barros, do 35º BPM/I; 117507-6 Angelo Luiz Cesário, do 3º BPM/M; 117570-0 José Mário de Freitas Júnior, do 18º BPM/M; 930851-2 Osvaldo Miguel, do 22º BPM/M; 117506-8 Alexandre Antunes Ribeiro, do 35º BPM/I; 117537-8 Ricardo Fernandes de Barros Júnior, do 18º BPM/M; 117549-1 Vitor Socolowski, do 47º BPM/I; 117562-9 Júlio César da Costa, do 7º BPM/I; 117510-6 Rafael Oliveira Casella, do 18º BPM/M; 117615-3 Bruno Matsuo Furutani, do 44º BPM/M; 110037-8 Eric Daniel Remanose Cocce, do 47º BPM/I; 107755-4 Eder Mazzini Bressan, do 25º BPM/I; 117548-3 Fábio Cintra Inaba, do 1º BPM/M; 117530-A Sandro Inácio de Lima Carvalho, do 6º BPM/I; 117581-5 Rafael de Abreu Pegoretti, do 40º BPM/I; 117573-4 Kleber do Vale, do 21º BPM/I; 101642-3 Pedro dos Santos Oliveira, do 39º BPM/I; 117498-3 Valter Lazaro José da Silva Júnior, do 50º BPM/I; 117605-6 João Rafael Mininel Gonçalves, do 16º BPM/M; 102355-1 Alexandre Garcia Vieira, do 39º BPM/M; 117501-7 Erick Yuji Matsushita, do 16º BPM/M; 117565-3 Marcos Machado Novaes, do 21º BPM/I; 117575-A Ulysses Waldomiro Silva de Oliveira, do 38º BPM/M; 117609-9 Vinícius Gomes de Campos Cajuela, do 6º BPM/M; 117590-4 Bruno Castro de Aguiar, do 19º BPM/M; 117500-9 Marcelo Kazuhiro Sato, do 35º BPM/M; 117550-5 Guilherme Soto Reis, do 8º BPM/I; 117569-6 Bruno Pettan Viegas de Carvalho, do 8º BPM/I; 103163-5 Fabiano Charantola de Almeida, do 20º BPM/M; 101210-0 Hugo Valentin Kroll
Miranda, do 6º BPM/M; 117553-0 Eduardo Henrique Schulte Leme, do 41º BPM/M; 966262-6 José Sérgio de Souza, do 41º BPM/M; 117606-4 Manoel Adriano de Mendonça, do 5º BPM/I; 117588-2 André Lellis Viana, do 26º BPM/I; 117540-8 Juliano Galhardo, do 35º BPM/I; 117594-7 Alexandre Veloso Reis, do 35º BPM/M; 117523-8 Maycon Costa de Cristo, do 33º BPM/M; 990773-4 Jefferson Alexandre da Costa, do 35º BPM/M; 990619-3 Ricardo Mandarini Pereira, do 49º BPM/I; 117497-5 Victor Adolfo Carvalho e Silva, do 47º BPM/I; 117524-6 Flávio Kamikoga, do 22º BPM/M; 117536-0 Gustavo Brunheroto Genari, do 49º BPM/I; 117584-0 Alexandre Luciano Matsuhashi, do 29º BPM/M; 117591-2 Felipe Fernandes Koffler, do 35º BPM/I; 117559-9 Renan Alcântara dos Santos, do 19º BPM/I; 115768-0 Marcelo da Fonseca, do 32º BPM/M; 117568-8 Richard Freitas Passada, do 38º BPM/M; 109367-3 Fernando da Cunha Bachiega, do 18º BPM/I; 117546-7 Mauro Girotto Cunha, do 1º BPM/M; 117535-1 César Tadeu Ribeiro Florindo, do 33º BPM/M; 117533-5 Leandro Augusto Martins, do 33º BPM/M; 117567-0 Renan Yamaoka Costa, do 27º BPM/M; 103317-4 Paulo Eduardo das Chagas de Souza, do 27º BPM/M; 117560-2 André Carvalho dos Santos, do 41º BPM/M; 117574-2 Jean Roger da Silva, do 27º BPM/M; 117542-4 Rafaelle Antônio Califano, do 29º BPM/M; 117539-4 André da Costa Vieira Ciampone, do 24º BPM/I; 117520-3 Carlos Eimatsu Miyazato, do 41º BPM/M; 117611-A André Silva Pinto, do 10º BPM/M; 117527-A Fábio Biscaro Pedrolli, do 11º BPM/I; 117566-1 Antônio Carlos de Souza Pilon, do 26º BPM/I; 117577-7 Vinícius Ferratto Floriano, do 48º BPM/I; 117589-A Eduardo Monteiro de Oliveira, do 49º BPM/I; 117543-2 Vitor Samuel Caldas, do 49º BPM/I; 963140-2 Antônio Afonso Ferreira, do 30º BPM/M; 117544-A João Carlos Diniz Albino, do 22º BPM/I; 107099-1 Jivago Moretto Pedra, do 48º BPM/I; 117547-5 Sérgio Vinícius Melo Vasques, do 30º BPM/M; 117603-0 Nilander de Siqueira Pintor, do 32º BPM/M; 117600-5 Diego Reali Ponciano Machado, do 48º BPM/I; 117585-8 Maurício Magalhães, do 32º BPM/M; 117617-0 José Ferreira Júnior, do 37º BPM/M; 117545-9 Leonardo Tadeu Massari, do 48º BPM/I; 117555-6 Daniel Di Luca, do 37º BPM/M; 117538-6 Guilherme Augusto Cravero, do 48º BPM/I; 104853-8 Leandro Cardoso Trancozo, do 37º BPM/M; 113660-7 Orlando Caires Alexandria, do 36º BPM/M; 117592-A Paulo Roberto Marcílio Júnior, do 20º BPM/I; 112645-8 Alexandre Watanabe Alves, do 36º BPM/M; 117518-1 Gustavo Gravena Frias, do 36º BPM/M; 117602-1 Yuri Lichtvan Marciniak, do 36º BPM/M; 117509-2 Lailton de Paula Souza, do 36º BPM/M; 117580-7 Daniel Mauro Esteves, do 21º BPM/I; 117526-2 Ulisses Branquinho Arcêncio, do 26º BPM/I; 117525-4 Plínio Euzeby de Marco, do 45º BPM/I; 117534-3 Edilson Del Vecchio Filho, do 25º BPM/M; 117541-6 Márcio Saito Essaki, do 14º BPM/I e 117608-A Bruno Evilásio de Mattos, do 42º BPM/I. 
QUADRO DE OFICIAIS DE POLÍCIA FEMININA -
QOPF
ao posto de Major Fem PM, por antigüidade, os Capitães PM:
830038-A Ângela Maria de Oliveira e Silva Schimidt de Araújo, do CPM; 830173-5 Rose Meire Galvão da Rocha, do CPM; 790344-8 Sandra Regina Perfetto Satriano, do 29º BPM/M e 790323-5 Eliane Borges da Cruz, do 31º BPM/M;
ao posto de Major Fem PM, por merecimento, os Capitães PM:
800928-7 Márcia Batista Purificação, da DTel; 830177-8 Rosimeire Aparecida Soler da Silva Montagner, da APMPMSP; 830146-8 Miriam dos Santos Tarantino, do EM/E-Coord. Op.; 830076-3 Erika Bérgamo, do Gab Cmt G e 872543-8 Cláudia Barbosa Rigon Pereira, do 18º BPM/I;
ao posto de Capitão Fem PM, por antigüidade, os Primeiros-Tenentes PM:
873786-1 Tânia Maria Pinc Luciano, do 7º BPM/M; 920478-4 Valéria de Cássia da Silva, do 38º BPM/I; 873015-6 Rita de Cassia Alves Diniz Martiniano, do 6º BPM/I; 920484-9 Joseane Monteiro dos Santos Lodi, do 44º BPM/M; 850887-9 Angela Cristina Bruno, da Correg PM; 876439-5 Denise Pereira Pinto, do 34º BPM/M; 920475-0 Cleonice Alves da Silva, do CPA/M-4; 920488-1 Márcia Cristina Cristal Gomes, do 9º BPM/I; 872730-9 Raquel Cândido da Rosa, do 16º BPM/M e 920476-8 Adriana Duch Machado, do 54º BPM/I;
ao posto de Capitão Fem PM, por merecimento, os Primeiros-Tenentes PM:
920489-0 Leandra Pontes Dabague, do 13º BPM/M; 920486-5 Sônia Paula Baptista Hamad Leandro, do 5° BPM/I; 920473-3 Daniela Pollete Costa Pereira Merlin, da Correg PM; 760182-4 Marililzi Scomparin Guedes Furtado, do 51º BPM/I; 920482-2 Sandra Aparecida Poltronieri de Souza, do Gab Cmt G; 920483-A Eliana Souza Golini, do CPI-3; 920479-2 Fernanda Silva Barbosa de Melo, do CPI-4; 920481-4 Alessandra Pontes Dabague de Souza, do CPC e 920471-7 Renata Fassina Silva, do CPI-4;
ao posto de Primeiro-Tenente Fem PM, por antiguidade, os Segundos-Tenentes PM:
940615-8 Adriana de Barros Teixeira, do CFSd; 980980-5 Damaris Gilceli dos Santos Dias, da CMil; 980972-4 Sylvia Kinskowski, do 3º BPChq; 961251-3 Luciana Soares, do CBI; 980987-2 Renata Silva da Cunha, da DP; 980967-8 Maria Luciene Pardal Panzarini, do DSA/CG; 872519-5 Ana Paula de Almeida Oliveira, do 9º BPM/M; 980975-9 Araceli Ribeiro dos Santos, do CPA/M-2; 980982-1 Alessandra Paula Tonolli, do 30º BPM/I; 980970-8 Tatiana Cristina Silva Rocha, do 40º BPM/I; 871658-7 Marinalva Ferreira Xavier, do C Med; 980966-0 Luciana Greanin Rostello, do 2º BPChq; 980986-4 Francine de Oliveira Soares, do 8º BPM/I; 951798-7 Paula Cristina Marera, da DF; 990020-9 Karina Goncalves Silva, do 14º GB; 974678-1 Simone de Cristo Fernandes, do 42º BPM/I; 964643-4 Suzi Mara Pinto, do 11º BPM/M; 962461-9 Sueli Ribeiro, do 45º BPM/I e 966616-8 Meire Andréa de Moraes, do 9º BPM/I;
ao posto de Primeiro-Tenente Fem PM, por merecimento, os Segundos-Tenentes PM:
974496-7 Cláudia Regina de Oliveira Ribeiro, do 17º BPM/M; 873031-8 Jane Moreira da Silva Reis, do 39º BPM/I; 981000-5 Juliana Rosa Barros de Almeida, do CPA/M-2; 980969-4 Elaine Lima Nogueira, do CPA/M-2; 963796-6 Fabiana Batista de Holanda Campos, do 42º BPM/I; 966617-6 Ana Cláudia Mathias, do 9º BPM/I; 980983-0 Luiza Maria Aidar de Oliveira Geraldi, do CPI-7; 980977-5 Danielly Priscila Nonis Gouvea, do 3º BPRv; 951651-4 Adriana Angelica Marques Porto, do 4º BPM/M; 980968-6 Rúbia Queiroz Curioni, do 8º GB; 980965-1 Ana Paula Petter Salles, do 4º BPM/M; 760098-4 Maria Aparecida Silva de Oliveira Lima, do CASJ; 980981-3 Paula Távora Ferreira, do 3º GB; 980971-6 Patrícia Martins Lopes Lemos de Araújo, da DP; 980978-3 Lígia Alves dos Santos Silva, do CDP; 980984-8 Fabiana Cristina Pane, do CPRv; 980974-A Rosana Ferreira de Souza, do 16º BPM/M; 881487-2 Maronildes Ribeiro da Silva, do DP; 981015-3 Carla Mencinger da Silva, do 38º BPM/M e 980973-2 Patrícia Ribeiro, do 1º BPM/I;
ao posto de Segundo-Tenente Fem PM, por merecimento intelectual, o Aspirante-a-Oficial PM:
117515-7 Ana Paula Stradioto Martins, do 43º BPM/M; 117556-4 Juliana Niemoj, do 41º BPM/M; 117504-1 Débora Antoneli, do 36º BPM/I; 117521-1 Lara Carolina Palhiari Duarte, do 7º BPM/I; 117614-5 Juliana de Pinho Rojas, do 15º BPM/M; 117612-9 Cristiane Fabrício Fonseca Pereira, do 5º BPM/M; 117582-3 Aline Camargo Ribeiro, do 27º BPM/I; 117531-9 Érika Guardia Wolowski, do 13º BPM/M; 117517-3 Paula Miwa de Paiva Lima, do 11º BPM/M; 117552-1 Maria de Fátima Rosa, do 6º BPM/M; 117607-2 Karoline Burunsizian, do 6º BPM/M; 117529-7 Thais Cristina Coscioni, do 28º BPM/M; 117873-3 Franciele Prete Bento, do 16º BPM/I; 117586-6 Adriana de Morais Zuppo, do 24º BPM/M e 117593-9 Débora Santos de Oliveira, do 30º BPM/M.
QUADRO AUXILIAR DE OFICIAIS POLICIAIS MILITARES - QAOPM
ao posto de Major QAOPM, por antigüidade, o Capitão QAOPM:
830223-5 João Batista Amandes, do CPI-1;
ao posto de Capitão QAOPM, por antigüidade, os Primeiros-Tenentes QAOPM:
823192-3 Rodolpho Hoff Júnior, do CPI-9; 831071- 8 Alvares de Castro, do 35º BPM/I; 814149-5 Roberto dos Anjos Queiroz, do CPI-7; 842332-6 Elias Neri Santana, do CPA/M-5; 91236-A Francisco Canos Clemente Filho, do 44º BPM/I; 800384-0 Márcio Bertanha, do 17º BPM/I e 820664-3 Elizeu Galvez Ferraz, do CSM/O;
ao posto de Capitão QAOPM, por merecimento, os Primeiros-Tenentes QAOPM:
842811-5 Jair Abreu Gonsalez, do 28º BPM/I; 830386-0 Gerson Ribeiro da Silva, do CPC; 781513-1 Adilson Augusto de Lima, da PM-5; 772477-2 Lucélio
Vitório Crosariol, do 11° GB; 821430-1 João Wilson de Brito, do 28° BPM/M e 820898-A Osvaldo Barbosa da Silva, do GRPAe;
ao posto de Primeiro-Tenente QAOPM, por antiguidade, os Segundos-Tenentes PM:
854304-6 Alinaldo José Santos, do PMRG ; 841011-9 Celso Felippete, do 7º GB; 851923-4 Renato Francisco Cunha, do 32º BPM/I; 810209-A Ismar Fontes
Dias, do 29º BPM/M; 830291-0 Samuel Phelippe de Souza Gomes, do 12º BPM/M; 841541-2 Geraldino José Rodrigues, do CPI-2; 92188-2 Aparecido Gonzalez Pereira, do 16º BPM/I; 841448-3 Eduardo Silva de Oliveira, da DF; 832009-8 Ademir Martins de Oliveira, do 19º BPM/I; 810501-4 Valdir Palma, do CSM/MM; 821213-9 Leonildo Lins de Melo, do 41º BPM/M; 800499-4 Valdemar Del Prette Pereira de Lima, do 37º BPM/M e 810026-8 Gerson Cardoso, do CCB;
ao posto de Primeiro-Tenente QAOPM, por merecimento, os Segundos-Tenentes PM:
802262-3 Paulo Sérgio Cechini, do 12º GB; 801791-3 Gildine Pereira Lemos , do 1º BPChq; 812253-9 Adão Gabriel de Campos, da PM-4; 843131-A Claudiney Aparecido de Oliveira, do 34. BPM/I; 860169-A Agdes Garibaldi dos Santos, do 17° GB; 842280-0 Rubens Rodrigues, do 6° GB; 840028-8 Dorival José Bento Genesi, do 15° GB; 821070-5 José Aluísio Rocchetto, do 24° BPM/I; 852037-2 Edson Oliveira dos Santos, do DSA/CG; 851746-A Euclides Maciel Alves Júnior, do CPI-1; 861421-A Adeval Luis da Silva, do 32° BPM/I; 811044-1 Airton Ferreira, do CPA/M-12 e 801425-6 Jair Davico, do 44° BPM/M.

A médica ginecologista NADIR OYAKAWA, de 53 anos, foi morta com um tiro em uma tentativa de roubo, por volta das 23:30 horas de ontem, na Rua DOUTOR JOÃO VIEIRA NEVES, na região do RIO PEQUENO, zona oeste de SÃO PAULO. Formada pela Universidade de CAMPINAS (UNICAMP), a vítima era chefe do Setor de Laser do Hospital PÉROLA BYINGTON.
NADIR havia acabado de parar seu carro ZAFIRA na frente da casa do irmão, que é feirante. Ela levaria os dois sobrinhos, uma garota de 19 anos e um rapaz de 16, para comemorar o aniversário do mais novo.
Três ladrões, aparentando idades entre 17 e 20 anos apareceram. Ao ver os bandidos, a médica fechou e trancou a porta do carro. Em seguida, gritou para os sobrinhos que estavam no portão. “Assalto, assalto! Corre para dentro!”. NADIR ainda buzinou longamente pedindo socorro. Um dos ladrões, então, atirou na médica. O disparo furou o vidro da janela e acertou NADIR na altura do rim esquerdo. Um dos bandidos, vestido de camiseta branca, correu pela rua. Os outros dois, de roupas vermelha e azul, sugiram por uma viela que dá acesso à favela do SAPÉ.
Apesar da tentativa dos bombeiros de reanimá-la, NADIR não resistiu à hemorragia interna e morreu no local. A PM fez uma busca nas redondezas, mas nenhum suspeito foi preso.

Uma perseguição policial causou o engavetamento de cinco veículos, por volta das 22 horas de ontem, no km 227 da VIA DUTRA, em SÃO PAULO. Quatro policiais militares ficaram feridos no acidente. Os PMs estavam no encalço de um rapaz que havia roubado um PÁLIO cinza. O engavetamento gerou 1,5 km de congestionamento na rodovia. A pista só foi totalmente liberada duas horas mais tarde.
O acusado de roubar o PÁLIO é FELIPE FERNANDES, de 19 anos. Ele sofreu cortes na testa ao bater o carro e foi preso. Ele é ex-interno da FEBEM e tem antecedentes criminais por roubo e receptação. O PÁLIO havia sido roubado minutos antes, na VILA MARIA. A vítima é uma pedagoga de 48 anos. Ela contou à polícia que o bandido anunciou o assalto e exigiu que ela saísse do carro.

O CORONEL Res do Exército CID CANUZZO FERREIRA, de 54 anos, morreu após ser baleado em assalto, no RIO. Ele foi atingido por volta das 21 horas de ontem, ao tentar atropelar um dos bandidos que fugiam após assaltar uma motorista. O coronel seguia em direção à BARRA, quando percebeu que dois assaltantes de moto eram perseguidos pela polícia. Ele tentou impedir a fuga e foi baleado.

O presidente afastado do Tribunal de Justiça do ESPÍRITO SANTO, FREDERICO GUILHERME PIMENTEL, foi internado na UTI de um hospital de BRASÍLIA. Ele passou mal ontem à noite e teve que ser socorrido. Ele e mais dois desembargadores e um juiz, além de outras pessoas, foram presos na semana passada pela Polícia Federal, acusados de vender sentenças judiciais e facilidades no Judiciário.

O CABO PM WILLIAM DE PAULA, absolvido pela Justiça na quarta-feira, dia 10, pelo assassinato do menino JOÃO ROBERTO AMORIM SOARES, 3 anos, foi indiciado no relatório final da comissão parlamentar de inquérito das Milícias da Assembléia Legislativa do RIO. Além de WILLIAM DE PAULA, outras 225 pessoas foram incluídas no relatório.

Na véspera do primeiro show no BRASIL de sua nova turnê, MADONNA continuou levando fãs para a frente do COPACABANA PALACE, no RIO. Mesmo sob a vigilância de mais de cem pessoas, que se aglomeraram no calçadão para fotografá-la, a cantora conseguiu sair desapercebida do hotel por uma porta lateral ou pelos fundos. Por volta das 17 horas de hoje, a musa foi ensaiar no ginásio do MARACANÃZINHO.

O presidente cubano, RAÚL CASTRO, chegou hoje à VENEZUELA, em sua primeira visita internacional ao país desde que substituiu o irmão FIDEL na presidência da ilha. RAÚL foi recebido com honras pelo presidente venezuelano, HUGO CHÁVEZ. A imprensa estatal venezuelana informou que os dois líderes assinarão acordos bilaterais, mas não forneceu mais detalhes sobre a permanência de RAÚL CASTRO no pais.     

2 009        :           -           DOMINGO
A direita chilena desafia hoje, nas urnas, duas décadas de hegemonia da Concertação, a coalizão de centro-esquerda que governou o CHILE desde o fim da ditadura de AUGUSTO PINOCHET (1973-1990). Não é a primeira vez que os grupos conservadores têm a chance de voltar à presidência após a redemocratização do CHILE. “Nas eleições de 2000 e 2006 a direita já se mostrou bastante competitiva. A diferença é que agora todos os institutos de pesquisas indicam sua vitória no primeiro e no segundo turno”, disse ao ESTADO o respeitado comentarista político TOMÁS MOSCIATTI, da CNN CHILE. Também serão renovadas as 120 cadeiras da Câmara e metade das do Senado, de 38 membros. A atual presidente, MICHELLE BACHELET, chefia o quarto governo da Concertação, que tem sido a coalizão no poder nos últimos 20 anos. O notável é que a popularidade de BACHELET se encontra em 80%, contrastando com os 40% que ela tinha quando começou seu mandato.

O jornal O ESTADO publica hoje “O DESTINO DA MENINA QUE FOI A CARA DE UMA GUERRA”. Menina fotografada no VIETNÃ conta ao “ESTADO” como escapou da morte:
Ela se transformou no símbolo da GUERRA DO VIETNÃ. A foto da menina queimada, fugindo nua após seu vilarejo ser devastado pelos americanos, correu o mundo. Hoje, PHAN THI KIM PHUC ainda carrega as marcas do bombardeio, mas se esforça para superar o trauma. “Estive no inferno e percebi que, se mantivesse o ódio, nunca sairia dele” disse a vietnamita em entrevista ao ESTADO durante sua passagem por GENEBRA, na semana passada. PHAN conta que jamais esquecerá o dia 8 de junho de 1972. “Estávamos em casa e, de repente, começamos a ver nossa vila sendo atacada. Corremos para um templo, que depois também foi bombardeado. Decidimos sair correndo. Ao sair, senti meu corpo inteiro queimar, como se estivesse em um forno. Era o napalm, que eu, sinceramente, não tinha idéia do que fosse até aquele momento”, disse PHAN, que teve 65% de seu corpo queimado.
Seu vilarejo, TRANG BANG, fica no sul do VIETNÃ, a cerca de 40 km de SAIGON. A bomba foi lançada por soldados do VIETNÃ DO SUL contra tropas norte-vienamitas. A operação foi coordenada por militares americanos, ainda que WASHINGTON jamais tenha admitido seu envolvimento.
Em 1972, ela tinha 9 anos. Hoje, aos 45, é casada e mora no CANADÁ com seus dois filhos. Sua foto, tirada por HUYNH CONG UT, fotógrafo da agência ASSOCIATED PRESS, ganhou o PRÊMIO PULITZER do ano seguinte e se transformou no símbolo do conflito.  

Morreu hoje, aos 94 anos, o economista americano PAULA. SAMUELSON, ganhador do Prêmio NOBEL DE ECONOMIA em 1970. Seu trabalho analítico foi o pilar para as teorias econômicas modernas. SAMUELSON faleceu em sua residência em BELMONT, no Estado americano de MASSACHUSETTS.
Ainda bastante ativo nos anos 2000, SAMUELSON teve uma carreira de oito décadas. Em 1935, entrou na Universidade de HARVARD. Sua tese de PhD de 1941, mais tarde publicada como FUNDAMENTOS DA ANÁLISE ECONÔMICA, examinou a estrutura matemática aplicada às teorias econômicas. A abordagem revolucionou o campo e serviu de base para a política de impostos da administração de JOHN F. KENNEDY.
Alguns anos depois, em 1948, lançou a obra que o consagrou, ECONOMICS (ECONOMIA), o manual mais lido e traduzido em todo o mundo – foram mais de 4 milhões de cópias vendidas, em 40 idiomas, hoje na 19ª edição.
SAMUELSON começou a carreira como professor no MASSACHUSETTS INSTITUTE OF TECHNOLOGY (MIT) em 1940, no começo de uma longa parceria com a universidade que tornou seu curso de economia famoso no mundo. Foram seus alunos expoentes de peso da economia atual, como PAUL KRUGMAN e JOSEPH STIGLITZ, ambos ganhadores do NOBEL. Em 1970, SAMUELSON se tornou o primeiro americano a conquistar o prêmio.
Como muitos de sua geração, SAMUELSON era um seguidor do economista britânico JOHN MAYNARD KEYNES, que propôs que as nações precisam de um governo ativo, capaz de estimular baixas taxas de desemprego por meio da política fiscal e monetária, mesmo que isso signifique déficts ocasionais.
De ascendência polonesa, SAMUELSON nasceu em 1915 na cidade de GARY, no Estado de INDIANA. Sua primeira esposa, a economista MARION-CRAWFORD SAMUELSON, morreu em 1978. SAMUELSON casou-se novamente em 1981. Deixa seis filhos e 15 netos. O funeral será reservado aos familiares, mas o MIT prepara uma homenagem a seu acadêmico mais conhecido. 

A Polícia Federal começará amanhã a segunda etapa da OPERAÇÃO CAIXA DE PANDORA, com pedido de quebra de sigilo bancário e fiscal dos envolvidos no chamado mensalão do DEM, entre os quais o governador do DISTRITO FEDERAL, JOSÉ ROBERTO ARRUDA (que se desfiliou do partido), o presidente licenciado da Câmara Legislativa, LEONARDO PRUDENTE, parlamentares e secretários de governo. O pedido consta de relatório parcial a ser entregue ao ministro FERNANDO GONÇALVES, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que preside o inquérito.

Fracassou a tentativa de setores do PMDB, apoiados por líderes do PT, de minar o domínio do ex-governador ORESTES QUÉRCIA sobre o partido em SÃO PAULO. Na convenção estadual que ocorreu hoje na Assembléia Legislativa, a chapa UNIDADE DO PMEDB, de QUÉRCIA, venceu por 597 votos a 73 – equivalente a 88% contra 12% dos votantes – a chapa CANDIDATURA PRÓPRIA JÁ, liderada pelo deputado FRANCISCO ROSSI.
Reeleito para o comando regional do partido, QUÉRCIA reafirmou o apoio do PMDB paulista à Presidência da República. “Nosso apoio será para SERRA e o prefeito GILBERTO KASSAB (DEM), em SÃO PAULO”, disse QUÉRCIA, que deve sair como candidato ao Senado em 2010. “Caso o PMDB venha a ter candidatura própria a presidente, trabalharemos nesse sentido. Se isso não ocorrer, continuaremos com ele.”

A vida de dois garotos, um de 4 anos e outro de 14, se cruzaram tragicamente na tarde de ontem, numa esquina da CIDADE TIRADENTES, bairro da zona leste da cidade. O pequeno morreu na hora, depois de ser atropelado pelo adolescente, que dirigia um caminhão a pedido do pai.
GUILHERME MORAES ARAÚJO, de 4 anos, esperava ansioso, junto com outras crianças da vizinhança, a sua vez de ganhar o saco de pipocas e o algodão doce distribuídos por um açougue que comemorava a sua inauguração, na calçada em frente ao conjunto habitacional onde o garoto morava com os pais e o irmão de doze anos.
Sob o olhar atento do pai, o fiscal de ônibus SAMUEL OLIVEIRA DE ARAÚJO, de 33 anos, GUILHERME dava as primeiras pedaladas sem as rodas traseiras e acabara de estacionar sua bicicleta no meio-fio, para entrar na fila formada em frente ao carrinho de pipoca. Neste mesmo momento,um adolescente de 14 anos também testava a sua recém-adquirida habilidade de conduzir um veículo. Em vez de uma singela bicicleta, porém, o rapaz dirigia um caminhão FORD F-600 azul usado por seu pai, o feirante JOSÉ IRANILDO BEZERRA, para carregar as estruturas usadas na feira livre montada na rua de cima. No sábado, o feirante voltou mais cedo para casa, alegando não se sentir bem, e pediu que o filho levasse o caminhão.
À noite, pai e filho se apresentaram no 54º DP (CIDADE TIRADENTES) para depor. O feirante foi preso na carceragem do 49º DP, em SÃO MATEUS. 

A censura imposta ao ESTADO é um tema para as NAÇÕES UNIDAS questionarem o governo brasileiro. O relator da ONU para defesa da liberdade de expressão, FRANK LA RUE, enviou ao ITAMARATY carta pedindo explicações sobre a mordaça no jornal e cobrando solução do caso. 

A ministra da Casa Civil, DILMA ROUSSEFF, acusou os países ricos de tentar “inverter papéis” e tratar as nações em desenvolvimento – incluindo o BRASIL – como se fossem desenvolvidas. DILMA, que participou hoje da primeira reunião de ministros da 15ª Conferência do Clima das Nações Unidas (COP – 15), em COPENHAGUE, classificou como “um escândalo” a proposta de que países em desenvolvimento contribuam também com financiamento para um fundo global de combate às mudanças climáticas.

A participação na Conferência do Clima de COPENHAGUE, a partir de quarta-feira, encerra o roteiro de viagens internacionais do presidente LULA neste ano. Em 2009, com a viagem a COPENHAGUE – entre terça e sexta-feira – LULA fechará três meses fora do país. Serão 31 países visitados no ano, alguns mais de uma vez, como ARGENTINA, ESTADOS UNIDOS, DINAMARCA, FRANÇA e ITÁLIA, somando 87 dias fora do país. Desde o primeiro ano de governo, nunca LULA tinha visitado tantos países nem ficado tantos dias fora do BRASIL.

Prometendo “mudança” após 20 anos de hegemonia da centro-esquerda no CHILE, o candidato da direita, SEBASTIÁN PIÑERA, chegará ao segundo turno das eleições presidenciais como favorito, segundo os resultados preliminares da votação de hoje. Com 60% das urnas apuradas, PIÑERA tinha 44,23% dos votos, e o ex-presidente EDUARDO FREI, da Consertação, 30,5%. Em terceiro lugar, o independente MARCO ENRÍQUEZ-OMINAMI reunia 19,39% e o comunista JORGE ARRATE, 5,86%.

O primeiro-ministro italiano, SÍLVIO BERLUSCONI, foi hospitalizado por 24 horas para observação após ser agredido na noite de hoje em MILÃO. Ele distribuía autógrafos, após discursar em um comício, quando foi atingido no rosto com uma pequena estátua, réplica da catedral milanesa, que havia sido atirada. Ele teve o nariz e dois dentes quebrados.
BERLUSCONI, de 73 anos, caiu no chão com o ataque. Os seguranças o levantaram e o colocaram dentro de um carro. Mas logo depois ele saiu, aparentemente para mostrar que seus ferimentos não eram sérios. As imagens mostram o premiê atordoado, com sangue e cortes perto da boca. Após alguns instantes, sem dizer nada, ele entrou novamente no veículo.
O agressor foi identificado como MASSIMO TARTAGLIA, de 42 anos. Sem passagens pela polícia, ele está em tratamento há dez anos na Policlínica de MILÃO por “problemas mentais”.
Inicialmente, temeu-se que o incidente pudesse ser um ato terrorista, mas não há informações de que TARTAGLIA tenha ligações com grupos extremistas. As primeiras investigações indicam que foi um gesto isolado.
O premiê disse ao diretor da TV REDE QUATRO, EMÍLIO FEDE, que o visitou no hospital, que foi um milagre não ter ocorrido mais danos, pois por alguns centímetros o souvenir não atingiu seu olho. A agressão ocorreu após o discurso de BERLUSCONI ser interrompido por um grupo de manifestantes que o chamou de “palhaço” e pediu sua demissão. Nos últimos meses, o premiê está envolvido em polêmicas pessoais, políticas e judiciais.

2 010      :      -       SEGUNDA-FEIRA
Finalmente chega a notícia de que a MARLENE foi para a sala de cirurgia. Nesta manhã deverá ser colocado um pino no seu tornozelo. O CORONEL PM RICARDO JACOB transmite para a Sociedade a notícia da morte do CORONEL PM HERMES CRUZ. A MARINEI liga para casa a fim de transmitir esse fato que já me foi passado ontem, pela internet. Logo mais estou viajando para o centro da cidade de São Paulo. No MMDC não encontro a MARINEI. Deve ter ido até a casa do GINO para colher assinatura dele em alguns documentos. CRISTIANO convida-me para almoçar quando já são quase 14 horas. Comentamos muito a morte do CORONEL PM CRUZ, afastado da presidência da AORRPM há algum tempo, quando desmaiou em plena sala de trabalhos. A doença fê-lo sofrer durante meses. Comentamos que o consumo de crack já se alastrou pelo pais, atingindo sem distinção grandes centros urbanos e zonas rurais. Levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios em 3.950 cidades mostra que 98% dos municípios enfrentam problemas relacionados ao crack.
Retornando ao MMDC encontro MARINEI que veio da casa do GINO. Ela colheu a assinatura do presidente em vários documentos pendentes. Diz ela que o GINO está bem e promete estar conosco na solenidade do dia 15 de dezembro no Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo. O MENDES também manteve contato telefônico para dizer que passou hoje cedo pelo médico e que continua com o tratamento da trombose. Ele sentiu a morte do CORONEL PM CRUZ. Ameaça chover feio em SÃO PAULO. Quando deixo a Sociedade já está começando a chover  
No dia 13 de dezembro, data em que as Forças Armadas do Brasil comemoram o Dia do Marinheiro, o Deputado Federal Paes de Lira foi agraciado com a 'Medalha Mérito Tamandaré' – homenagem ao patrono da marinha brasileira, almirante Joaquim Marques Lisboa, o marquês de Tamandaré. A solenidade foi realizada no 8º Distrito Naval, na Vila Clementino, na zona sul da Capital. A Medalha Mérito Tamandaré é destinada a autoridades, instituições e personalidades civis e militares, brasileiras ou estrangeiras, que prestam relevantes serviços na divulgação ou fortalecimento das tradições da Marinha do Brasil, seja honrando seus feitos ou realçando seus vultos históricos. Além de Paes de Lira, participaram da solenidade o Prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab; o Major Brigadeiro do Ar Paulo Roberto Pertusi, Comandante do IV Comar; o General do Exército, João Carlos Vilela Morgero, Comandante Militar do Sudeste; e o Secretário de Segurança Pública, Antonio Ferreira Pinto.
A temporada de chuvas começou de vez e trouxe consigo uma combinação que é velha conhecida do paulistano: temporais, alagamentos, congestionamentos de trânsito, tempo e bens perdidos. Nesta tarde caiu um temporal que colocou toda a capital de SÃO PAULO em estado de atenção por volta das 16 horas. As fortes chuvas fizeram com que os córregos ORATÓRIO e da MOOCA, na região da VILA PRUDENTE, transbordassem. Com as cheias, os alunos de uma Escola Estadual ficaram ilhados. Os estudantes foram obrigados a permanecer no local por uma hora após o final do temporal até que a água escoasse. Por volta das 19:30 horas havia ao menos 68 pontos de alagamento na cidade, alguns deles considerados intransitáveis. Nas vias da capital foram registrados 162 quilômetros de congestionamentos no início da noite. A chuva forte atingiu também os municípios de JANDIRA, SANTANA DO PARNAÍBA, CARAPICUÍBA, COTIA, BARUERI e ITAPEVI. Os moradores do JARDIM ROCHDALE, em OSASCO, também sofreram com áreas submersas pelo temporal. Num ônibus, retornando para GUARULHOS por volta das 16:30 horas, vi a água cair ao longo de toda a viagem. Para chegar em casa precisei enfrentar a chuva. Nesta noite recebo um telefonema do CORONEL PM THESEO DARCY BUENO DE TOLEDO. Ele não está satisfeito com os trabalhos da Comissão que estuda o novo Estatuto da Associação dos Oficiais da Reserva da PMESP. Acha que a coisa está muito demorada.
LUCINDA conversa acerca da MARLENE. Operada, ela agora se restabelece para obter alta do hospital. Isso poderá acontecer amanhã.       

HEBE CAMARGO anunciou hoje, ao fim da gravação de seu programa, que está deixando o SBT, após quase 25 anos. Ela estreou lá em 4 de março de 1986. “É hora de mudar”, disse, em carta lida ao público, “ir em busca de novos desafios”. O programa está previsto para ir ao ar no dia 27, mas a direção do SBT ainda não confirma se exibirá a despedida da apresentadora. 

A Justiça abriu caminho para PAULO MALUF receber a diplomação na próxima sexta-feira e ser reempossado deputado federal. Por três votos a dois, a 7ª Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça de SÃO PAULO acolheu hoje argumentos de sua defesa e livrou-o da pecha de ficha-suja, absolvendo-o em ação por suposto ato de improbidade e fraude à licitação na aquisição de corte de frango congelado no período em que ocupou a cadeira de prefeito da capital (1993-1996). Reeleito em outubro com 497.203 votos – terceiro deputado mais votado no Estado – MALUF estava acuado por impugnação do registro de sua candidatura proposta pelo Ministério Público Eleitoral. Em processo movido perante o Tribunal Regional Eleitoral, a procuradoria enquadrou o ex-prefeito na LEI DA FICHA SUJA com base em decisão do próprio TJ – em abril, por dois votos a um, a 7ª Câmara reformou sentença da 2ª Vara da Fazenda Pública da capital, de 2002, que havia julgado improcedente acusação da Promotoria de Defesa do Patrimônio Público contra MALUF por superfaturamento na compra do frango.

Ao anunciar hoje mais três nomes de sua equipe, o governador eleito de SÃO PAULO, GERALDO ALCKMIN, aproveitou a chance para pacificar a ala serrista do partido. O novo secretário da Fazenda é ANDREA CALABI, amigo do ex-governador JOSÉ SERRA, de quem foi secretário adjunto no Ministério do Planejamento. A opção por CALABI – nome com bom trânsito entre as duas alas do PSDB paulista – coloca ponto final nas articulações do grupo de SERRA pela permanência do atual secretário, MAURO RICARDO. No jogo de acomodação, RICARDO tem futuro incerto, mas foi sondado pela Prefeitura de SÃO PAULO – em que foi secretário de Finanças da gestão SERRA – e pelo governador eleito de MINAS, ANTÔNIO ANASTASIA. O nome do deputado federal reeleito, EMANUEL FERNANDES, foi indicado para a pasta de Economia e Planejamento. ALCKMIN ainda indicou o novo procurador-geral do Estado, ELIVAL DA SILVA RAMOS. Ele trabalhou na gestão do tucano, entre 2001 e 2006, chefiando o mesmo setor do governo.  

HEBE CAMARGO, mais uma vez, protagonizou o evento de maior burburinho da semana no mundo da TV: surpreendeu todos nesta segunda-feira ao encerrar a gravação do seu último programa do ano, com uma carta de despedida do SBT. Consta que a proposta de renovação de contrato feita pela emissora implicava a redução de seu salário, o que já havia acontecido no ano passado. Dessa vez, ela não topou. Foram 25 anos na TV de SÍLVIO SANTOS. A REDE TV!, que lhe dedicou uma espécie de retrospectiva pelo programa A TARDE É SUA, de SÔNIA ABRÃO, é apontada como destino mais provável da loira. HEBE está com 81 anos e dedicou 60 deles à TV brasileira, ou seja, desde sua fundação. 

O presidente do IRÃ, MAHMOUD AHMADINEJAD, demitiu hoje inesperadamente o chanceler MANOUCHEHR MOTTAKI, em um sinal da disputa no alto escalão da teocracia islâmica enquanto o país enfrenta pressões por causa de seu programa atômico. AHMADINEJAD não deu explicações sobre a demissão de MOTTAKI, que foi substituído interinamente pelo chefe nuclear iraniano, ALI AKBAR SALEHI. Já se sabia que havia muito tempo o presidente queria substituir seu chanceler, mas ele tinha sido impedido pelo líder supremo do IRÃ, o aiatolah ALI KHAMENEI, que tem a palavra final na nomeação dos responsáveis por vários ministérios.

2 011       :     -       TERÇA-FEIRA
O Chefe da Assessoria Policial Militar da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo, CORONEL PM JOSÉ LUÍS MARTINS NAVARRO, tem a honra de convidar para a Solenidade alusiva ao 57º Aniversário da Unidade, ocasião em que ocorrerá também a inauguração de retrato na “Galeria de Eternos Chefes”.
São Paulo, 13 de dezembro de 2011
11 horas.
Hall Monumental da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo
Avenida Pedro Álvares Cabral, 201 – Ibirapuera – SP

MARINHA DO BRASIL
COMANDO DO 8º DISTRITO NAVAL

O Comandante do 8º Distrito Naval tem a honra de convidar V. EXª/ V. Sª e família para a cerimônia militar em comemoração ao DIA DO MARINHEIRO, a realizar-se no dia 13 de dezembro de 2011, às 10:30 horas, na sede do Comando do 8º DISTRITO NAVAL, situada à Rua ESTADO DE ISRAEL, 776 – VILA CLEMENTINO – SÃO PAULO – SP.

Com meus arquivos atrasados e muita coisa para fazer em casa não tenho condições de assistir a cerimônia militar em comemoração ao DIA DO MARINHEIRO. Além disso também não tenho condução para ir até o 8º Distrito Naval. A manhã toda é dedicada à papelada.
No MMDC tenho de acertar muita coisa porque a MARINEI está se aprontando para entrar em férias na próxima sexta-feira. Atendo o Senhor JÚLIO, o homem que está organizando um plano fabuloso sobre a terceira idade e, no contexto, procurando ajudar o Sr WÁLTER TAVERNA, na BELA VISTA, ele idealizou o BIXIGA como marco inicial do projeto. Nisso tudo entram os 80 anos da Revolução Constitucionalista. Mas nossa conversa é interrompida porque tenho de estar no Salão de Conferências do Quartel do Comando Geral na reunião de confraternização do CORONEL PM ALVARO BATISTA CAMILO com os presidentes de todas as Entidades policiais-militares. Ele faz uma prestação de contas desse ano que está se encerrando. O Comandante Geral está acompanhado do seu Sub Cmt, CORONEL PM DANILO ANTÃO FERNANDES e de seus principais assessores. 2010 foi um ano brilhante para a Corporação e isso é muito bem detalhado pelo CORONEL PM CAMILO. Durante quase duas horas ele discorre sobre tudo que aconteceu no ano, abrangendo também a área de saúde. Depois, na sacada do QCG, é tirada uma foto com todos os presentes.
Aproveito a ocasião e converso com a CORONEL PM MARIA YAMAMOTO, da SCOMSOC, e com o CORONEL PM MARIANO, Chefe de Gabinete, sobre o evento da abertura dos 80 anos do Movimento Constitucionalista, marcada para o dia 22 de janeiro de 2012. Resolvo deixar a critério da cúpula da PM a escolha dos 32 homenageados por ocasião dessa cerimônia.   

FRANCISCO DE ASSIS PEREIRA foi ordenado sacerdote em 13 de abril de 1958. Ele estudou em ROMA, onde fez doutorado em filosofia e em teologia. Na Arquidiocese de NATAL (RN), FRANCISCO desempenhou várias funções. Ele foi pároco de NOSSA SENHORA APARECIDA, em NEÓPOLIS, da SAGRADA FAMILIA, nas ROCAS, e de SÃO JOÃO BATISTA, em LAGOA SECA. O religioso escreveu e publicou dois livros, um sobre a história dos mártires do BRASIL e outro sobre o beato MATEUS MOREIRA, patrono dos ministros da eucaristia. Também foi professor da UFRN e morreu nesta terça-feira. FRANCISCO estava internado na CASA DE SAÚDE SÃO LUCAS e não resistiu à luta do tratamento contra câncer de garganta. Ele nasceu em abril de 1935.

RICARDO OLIVEIRA TEIXEIRA ainda era menino quando se encantou pela profissão do pai, o neurocirurgião ENEDIR TEIXEIRA. Segundo amigos, RICARDO costumava dizer que um dia ainda seria como ENEDIR. E o sonho de criança se realizou. Formado neurologista em 1991, tornou-se referência na especialidade em SANTA MARIA, cidade do RIO GRANDE DO SUL onde nasceu em 1967. Além de ser um dos mais respeitados médicos gaúchos, TEIXEIRA lecionava na Universidade Federal de SANTA MARIA, onde também estudou. O prazer dele era dividir com alunos o conhecimento adquirido com o pai. Ele foi achado morto em casa hoje. Estava com 44 anos.

Natural de SANTOS, SÉRGIO MOITA iniciou a carreira de jornalista no periódico “CIDADE DE SANTOS” e passou por outras redações regionais, como “DIÁRIO DO LITORAL” e o “DIARIO OFICIAL DE SANTOS”. Foi chefe de Comunicação da Prefeitura de SANTOS e SÃO VICENTE, e assessor parlamentar de vereadores santistas. O jornalista SÉRGIO MOITA morreu aos 65 anos, na madrugada desta quarta-feira, devido a problemas de insuficiência cardíaca. Ele tratava um câncer no pâncreas e havia passado por uma cirurgia de ponte de safena, em julho. MOITA nasceu em 1946. Será sepultado no MEMORIAL NECRÓPOLE ECUMÊNICA, em SANTOS.

Um atirador matou hoje 5 pessoas e feriu 123 em LIÈGE, na BÉLGICA. O autor do ataque foi identificado como o belga NORDINE AMRANI, de 33 anos, morador da cidade. Autoridades disseram apenas que “ele morreu” em seguida, sem dar detalhes. A imprensa local diz que ele foi abatido por policiais. O governo afirma que ele se suicidou com um tiro na cabeça. Segundo a polícia, AMRANI era um criminoso comum, sem ligação com grupos terroristas ou de extrema direita. O massacre começou às 12:30 horas (9:30 em BRASÍLIA), quando AMRANI, com uma mochila e vestido em uniforme militar, subiu no teto da POINT CHAUD, uma conhecida cadeia de padarias. Do alto, ele lançou três granadas de mão, contra pontos de ônibus da Praça SAINT-LAMBERT, no centro de LIÈGE, cidade de 200 mil habitantes. Em seguida, AMRANI abriu fogo indiscriminadamente contra a multidão com uma pistola e um fuzil KALASHINOKOV. No local havia um mercado de Natal a céu aberto. A Prefeitura de LIÈGE, no entanto, havia adiado a abertura do evento em razão do mau tempo, o que evitou um massacre maior. Apesar do adiamento, a praça estava cheia de crianças e foi tomada pelo pânico, com pessoas desesperadas correndo em busca de refúgio. A polícia foi acionada e agiu rapidamente. Em menos de dez minutos já havia helicópteros sobrevoando o local, que foi cercado por viaturas. Testemunhas disseram que até as 14:30 horas ainda se ouvia tiros na PRAÇA SAINT-LAMBERT. Às 15 horas, a polícia anunciou que havia controlado a situação. Mortos no chão estavam dois adolescentes, um de 15 anos e outro de 17, além de uma mulher de 75 anos e o atirador. Duas vítimas morreram após serem internadas em hospitais da região – um bebê de 23 meses e um jovem de 20 anos. Junto ao corpo de AMRANI foram encontradas algumas granadas de mão que não haviam sido detonadas e, nos bolsos, munição suficiente para um massacre ainda mais sangrento. O governo belga apressou-se em anunciar que o ato não tinha relação com grupos terroristas ou de extrema direita, mas foi obrigado a admitir que o atirador era um velho conhecido da Justiça. Em outubro de 2007, a policia encontrou na residência dele, no bairro de SAINT-LÉONARD, norte da cidade, 2,8 mil pés de maconha, 9,5 mil peças de armas, uma KALASHNIKOV e um lançador de granadas. No ano seguinte, ele recebeu uma multa de 11 mil euros e foi condenado a 58 meses de cadeia – quase cinco anos – por tráfico de drogas e de armas. AMRANI deixou a prisão em outubro de 2010 em liberdade condicional. Hoje, ele deveria comparecer ao Palácio de Justiça, exatamente na PRAÇA SAINT-LAMBERT, para uma audiência a respeito de um caso de abuso sexual. No entanto, em vez de entrar no prédio, ele estacionou sua caminhonete, caminhou até a praça e começou a atirar. Após ser localizado, o carro de AMRANI foi explodido por um esquadrão antibombas.    

2 012     :      -    QUINTA-FEIRA
Ainda ontem entrei em contato com o 8º DISTRITO NAVAL e com a presidente do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo, doutora NELLY MARTINS FERREIRA CANDEIAS sobre a entrega do COLAR DO CENTENÁRIO DO IHGSP ao VICE-ALMIRANTE LUIZ GUILHERME SÁ DE GUSMÃO, Cmt. Do 8º DN. Face as comemorações do DIA DO MARINHEIRO, ficou acertado que o colar seria entregue por volta das 9 horas, no gabinete do Cmt.
Às 8 horas estou chegando no IHGSP e durante meia hora fico aguardando a chegada do carro conduzindo a doutora NELLY. Vamos para a Rua ESTADO DE ISRAEL, 776 e cumprimos com o prometido. A condecoração do VICE-ALMIRANTE GUSMÃO, no horário marcado. Por causa da doença do seu marido, a doutora NELLY não quer ficar para a solenidade do DIA DO MARINHEIRO. Como estou acompanhando-a, prefiro também não participar da festa. Encontramos o Professor ADILSON CÉZAR e ALBERTO JABUR, que estão chegando para o evento.
Doutora NELLY vai para o IHGSP e eu vou para a Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Desde ontem a nossa funcionária MARINEI encontra-se de férias. Chegam pessoas querendo pagar suas mensalidades, como é o caso do CACHIOLI, bem como atendemos vários telefonemas. Um deles dá ciência que RODRIGO, da equipe que está fazendo pequenos clips acerca da revolução constitucionalista, com a orientação do RICARDO DELA ROSA, quer que eu compareça ao Monumento Mausoléu, nesta tarde, por volta das 14:30 horas. Almoço no MMDS e, na Sociedade, não posso contar com o computador, que está avariado. Uso o notebook do COLOMBO, que veio me visitar. No horário marcado comparece à Sociedade o RICARDO DELA ROSA e a equipe cinematográfica que me leva até o Monumento. Ali, descontraidamente, na base do Monumento Mausoléu, vamos falar sobre o Movimento Constitucionalista, principalmente tecendo comentários sobre as causas da revolução.
Por volta das 16:30 horas essa entrevista já está terminada e retorno ao MMDC, apenas para pegar minha mala. Está ameaçando cair verdadeiro temporal e regresso para casa. Realmente chove muito nesse meu retorno para GUARULHOS.    

Prezados
Estou mais na posição de seguir instruções, contudo, nesse ambiente democrático vou dar minha posição:
1. Presidentes atuais de NCs
Tomando por base o nosso caso geralmente são de media idade, militares ou civis com parentes combatentes.
2. Futuros presidentes de NCs
Precisamos mapeá-los de alguma forma com base nos núcleos atuais, observá-los e levantar os nomes, daí é checar se preenchem os requisitos
3. Gosto de Metas e tb de qualidade, a virtude está na conciliação das propostas
4. Podemos olhar atrás e tentar reativar os que perdemos, ou os que merecem ser recuperados
Grde abs
João Francisco de Aguiar, prof.
11 - 95456261

Em 13/12/2012 10:05, Prof.JBiajone < biajone@yahoo.com > escreveu:
CARISSIMO CEL VENTURA
Bom dia meu coronel e comandante. As manifestações de apreço dos presidentes são indicativas de que motivação na medida certa é definitivamente a melhor ação. Os presidentes ganharam, a Sociedade ganhou e mais ainda temos agora em mãos homens e mulheres motivados para irem mais além ainda do que eles e nós próprios imaginaram que poderiam ir.
CARISSIMO CEL VENTURA
Vossa sugestão de meta de fundar 50 NCs é audaciosa, porém impraticável de ser atingida em 2013, quiçá 2014 ou até 2015. Eis porque penso isso:
Entendo que precisamos a todo custo de poucos, mas bons NCs, firmes, decididos, presididos por pessoas de caráter, íntegras e comprometidas e não parasitas, politiqueiros, catervas, medalheiros, colarzeiros, barreteiros e oportunistas de ultima hora, verdadeiros pusilânimes que quando a situação aperta, são os primeiros a evadir com o rabo entre as pernas, deixando companheiros e sociedade na mão, sem justificativa alguma que seja e o pior - o resgate da história local que lhes cabia por dever, seriamente comprometido.
Esse tipo de gente não queremos em nossos NCs.
Alguns destes já infelizmente tivemos em nosso meio e graças ao apoio irrestrito de EGYDIO em deficilíssimas conjunturas que tivemos e que não cabe aqui relembrar, logramos que fossem sumariamente expelidos de nosso seleto meio.
Outrossim, preferimos sermos poucos, mas sermos bons no que fazemos, sermos acima de tudo idealistas na precisão integral do termo, sem tergiversações, sem pusilanimidades, sem interesses subalternos e baixezas vis. Estamos aqui para resgatar a história de nossos paulistas, essa é a nossa missão.
Assim sendo, eis o que eu, na condição que me permite em dizer algo por ter tido o privilégio de idealizar os NCs, gostaria de compartilhar com o senhor enquanto ações concretas dessa nossa ponta da lança que há de avançar em riste em 2013:
1) Realização do I Congresso de Presidentes dos NCs da Sociedade dos Veteranos de 32/MMDC no Museu PRUDENTE DE MORAES em PIRACICABA. O encontro será de 01 dia, manhã e tarde apenas, com almoço festivo no meio, para discutirmos a caminhada/futuro dos NCs, bem como as ideias contidas no livro que lançarei em breve Núcleo de Correspondência: a Sociedade dos Veteranos de 32/MMDC no século XXI (no prelo digital).
Nesse encontro, ainda, às 16 horas, iremos inaugurar uma placa (por mim confeccionada em parceria com EGYDIO) para constar no referido museu. Entregaremos certificados de participação a todos e a medalha MMDC ao merecidíssimo e valorosíssimo irmão EGYDIO. Estou acreditando que em MAIO/2013 seja o melhor mês para isso fazermos.
2) Realizarmos a concessão do COLAR DA VITÓRIA aos VICE PRESIDENTES de NC de nossa sociedade em festividade própria para eles, nos mesmos moldes que foi feito para nós presidentes, com almoço e demais participações de familiares e amigos, além de profusa e ampla divulgação.
Nossos VPs são importantíssimos e merecem tanto quanto nós serem valorizados. Eu aqui em Itapetininga sem o meu VP AFRANIO nada conseguiria fazer. A data para essa concessão, ao meu ver, poderia ser igualmente no final do ano de 2013, como conosco foi, ou do meio do ano em diante, mas não no primeiro semestre.
3) Solicitarmos ao MAJOR OLIMPIO que indique presidentes de NC para serem agraciados com a MEDALHA CONSTITUIÇÃO, da Assembléia Legislativa, em turmas anuais, uma para 2013, outra para 2014 e assim por diante.
O ingresso em cada turma se dará pela antiguidade de existência do NC na Sociedade e será no máximo de até 5 presidentes ou menos, por ano, uma vez que tal outorga compete à Câmara e cabe a ela decidir quantos de nós anualmente poderão ser condecorados.
Nós dos NCs não temos autoridade alguma para solicitar à Assembléia Legislativa tal agraciamento, MAS o senhor na condição de Presidente de nossa Sociedade enfeixa em mãos todo o poder, respaldo, reconhecimento e condições para sobejamente fazê-lo. E se o fizer é fato que irá conseguir tal concessão, aliás, é prerrogativa exclusiva do senhor fazê-lo ou não.
Entendo que a condecoração MEDALHA CONSTITUIÇÃO anualmente concedida aos presidentes de NCs irá servir de combustível excelente poderoso ao idealismo que abraçamos e irá, sem sombra de dúvida, propulsar e dilatar ainda mais a divulgação que ora fazemos. Não deixando de perceber que um agraciado com tal comenda é, a exemplo do que esta acontecendo com o COLAR, um elemento de altíssima divulgação de nossa Sociedade, de nossa história e de nossos valores.

CARISSIMO CEL VENTURA
Eis o que penso já a algum tempo enquanto plano de ação para o ano cabalístico de 2013. Acredito que algumas dessas idéias vão ao encontro das necessidades de nossos presidentes e de seus respectivos NCs.
Isto posto, precisamos avançar e progredir no terreno, mas cobertos e abrigados, cobertos por companheiros REAIS e abrigados por ações de resgate EFETIVAS.
Só assim seremos o que pretendemos ser na essência do que um NC precisa ser em face do mundo em que hoje vivemos, onde valores como civismo e patriotismo, como bem disse nosso irmão CAP BERARDO, estão cada vez mais rarefeitos.
Meu enorme abraço e nos encontramos no dia 15/12 em ITAPETININGA. Uma vez mais meus mais efusivos parabéns pela belíssima cerimônia que tivemos nesse dia 11/12 passado.
BIAJONE
Dez 13, 2012

Diário Oficial
Estado de São Paulo
PODER
Executivo
Palácio dos Bandeirantes Av. Morumbi 4.500 Morumbi São Paulo CEP 05650-000 Tel. 2193-8000
Geraldo Alckmin - Governador SEÇÃO II
Volume 122 • Número 233 • São Paulo, quinta-feira, 13 de dezembro de 2012 www.imprensaofi cial.com.br
Atos do Governador
SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA
POLÍCIA MILITAR
Decreto de 12-12-2012
Promovendo, nos termos do Dec.-lei 13.654-43 e suas alterações, a contar de 15-12-2012, os seguintes Oficiais da Polícia Militar do Estado:
QUADRO DE OFICIAIS POLICIAIS MILITARES - QOPM
ao posto de Tenente-Coronel PM, por antiguidade, os Majores PM:
822221-5 Alexandre José Bolognini e Silva, da DP; 822220-7 Acácio Geraldo Wendling César, do CPI-1; 822249-5 Luiz Cláudio dos Santos, do 21º BPM/M e 822260-6 Paulo Sérgio Vieira das Neves, do 5º BPM/M;
ao posto de Tenente-Coronel PM, por merecimento, os Majores PM:
830587-A Italo Cauzzo, do 44º BPM/M; 891201-7 Eliane Nikoluk Scachetti, do 5º BPM/I; 872648-5 Lilian Marinetti Ojima Simião, do 45º BPM/I; 830607-9 Milton Roberto Dudas, do 31º BPM/I; 851992-7 Vagner Bernardo Maria, da DFP; 822999-6 Pedro Magalhães Guedes, da Correg PM; 830548-0 Osíris Sérgio Corrad Forte Júnior, do 22º BPM/I; 830515-3 Carlos Eduardo Righi, do 48º BPM/M e 851999-4 Reynaldo Priell Neto, do CSM/M Tel.;
ao posto de Major PM, por antiguidade, os Capitães PM:
852046-1 Felício Fumiaki Kamiyama, do 32º BPM/M; 840207-8 José Luís Cerqueira de Lima, do 2º BPAmb; 862827-A Wagner Lechner Munduruca, do CCB; 884185-3 Cleber Aires, do 45º BPM/I; 862751-7 Andrius Amaral de Almeida, do 14º GB e 862809-2 Reynaldo Vannucci Neto, do 16º BPM/I;
ao posto de Major PM, por merecimento, os Capitães PM:
862765-7 Cláudio Affonso Malgueiro, do 6º GB; 864056-4 Carlos Eduardo dos Santos Monteiro, do 24º BPM/I; 884188-8 Joaquim Urias Fonseca, do 23º BPM/I; 862813-A Roberto Nauheimer Filho, do 40º BPM/M; 862831-9 Watson Holler, do 48º BPM/I; 862775-4 Eduardo Zottino de Andrade, do 15º BPM/M; 862807-6 Paulo Henrique Lopes Carvalho, do 3º BPAmb; 862743-6 Alberto Silvério Lunardi, do 12º BPM/M; 852220-A Elvis de Souza, do 4º BPRv; 871878-4 Elenu Shibata Brandão, da DFP; 862767-3 Demétrius Martins Munhoz, da PM-4 e 862832-7 Welton Ricardo Valente, do CPM.;
ao posto de Capitão PM, por antiguidade, os Primeiros-Tenentes PM:
940779-A Fernando Ferreira Alves, do 45º BPM/M; 940784-7 Marco Aurélio Ribeiro da Silva, do 3º BPAmb; 874516-1 Francisco de Assis Cavalcante Filho, do 1º BPM/M; 871342-1 Francisco Ferreira de Moura Neto, do 21º BPM/M; 904592-9 Jefferson Luís Castro, do 20º BPM/M; 940805-3 César D'Avoglio Marques, do 4º GB; 940762-6 Celso Rocha da Cruz, do CPC; 940740-5 Marcos Botaro Xavier, do CPD; 940796-A Alexandre de Castro Costa, do CBI; 940737-5 Alexandre Coelho Boggi, da ESB; 840099-7 Helécio Fachine Barbosa, do 15º BPM/I; 940680-8 Marco Sorato Berti, do CPI-10 e 940741-3 Cleber Ribeiro Ullmann, do 16º BPM/M.;
ao posto de Capitão PM, por merecimento, os Primeiros-Tenentes PM:
940639-5 Marcos das Neves Palumbo, do CCB; 940629-8 Maurício Affonso Marques, do CPI-5; 940691-3 Elton Marcel Dorce, do 5º GB; 940758-8 Fabiano Soares de Mendonça, do 9º BPM/I; 940749-9 Fábio Loureiro Teodoro, do CBM; 940799-5 Daniel Simões de Oliveira, do 4º BPRv; 940612-3 Max André de Magalhães, do 18º BPM/M; 910870-0 Hélio Leite Silva, do 2º BPChq; 950755-8 Almir Gilberto Pires, do 12º BPM/M; 940663-8 Ana Paula Benevenuto Queiroz, da DL; 940660-3 Luciana Bachiega Boggi, da DP; 940687-5 Alexandre da Silva Costa, do GRPAe; 940692-1 Luciano Barros Simões, do CPA/M-10 e 940783-9 Marcelo Ramos dos Santos, do GRPAe;
QUADRO DE OFICIAIS DE SAÚDE - MÉDICOS
ao posto de Capitão Médico PM, por merecimento, o Primeiro-Tenente Médico PM:
973476-7 José Alexandre Rocha Soares, do C Med;
ao posto de Primeiro-Tenente Médico PM, por merecimento intelectual, os Segundos-Tenentes Médicos PM:
139907-1 Patrick Kovac; 139897-A Edwin Eiji Sunada; 139910-1 Roberto Capocio; 139946-2 Lorena Marcalo Oliveira; 139905-5 Maurício Morita Sugiyama; 139945-4 Jean Felipe Prodocimo Lestingi; 139926-8 Aline Pâmela Vieira de Oliveira; 139894-6 Daniela Paoli de Almeida; 139898-9 Fábio de Cerqueira Lario; 139925-0 Ricardo Daniel de Souza; 139891-1 Bernardo Fontes Garcia; 139904-7 Mário Vicente Campos Guimarães; 139927-6 Ana Paula Nascimento Panigassi; 139900-4 Italo Scanavini Cerqueira; 139896-2 Emerson de Oliveira; 139895-4 Demétrius Eduardo Germini; 139937-3 Carlos Eduardo Villas Boas Júnior; 139899-7 Flávio Angelo Bortoncello; 139912-8
Sérgio Augusto Cunha Ramos; 139901-2 Juliana Mecunhe Rosa; 139908-0 Paulo Henrique Agostineto Takemura; 139916-A Ricardo Streitas; 139928-4 Lívia Tribst Penteado; 139947-0 Rodrigo Guilherme Varotti Pereira; 139909-8 Pedro Octávio Novis de Figueiredo; 139913-6 Thais Zamudio Igami; 139906-3
Milena Alves Lima; 139893-8 Daniel Kamlot; 139902-4 Marcelo Carvalho Rodrigues; 139903-9 Maria Izabel Di Pierro; 139911-0 Samuel Byung Mo Cho e 139944-6 Carlos Gustavo Moreira Cruz, todos da APMBB.;
QUADRO DE OFICIAIS DE SAÚDE - DENTISTAS
ao posto de Primeiro-Tenente Dentista PM, por merecimento intelectual, os Segundos-Tenentes Dentistas PM:
139887-3 Camila Aparecida Salazar da Silva; 139888-1 Anderson Mariano Izu; 139889-0 Carlos Rodrigo Cândido; 139941-1 Renata Mota Ramos Marendez e 139942-0 Ricardo Pelletti Ocaña, todos da APMBB.;
QUADRO DE OFICIAIS DE SAÚDE - VETERINÁRIOS
ao posto de Capitão Veterinário PM, por merecimento, o Primeiro-Tenente Veterinário PM:
900086-A Ricardo Lisak, do RPMon.;
QUADRO AUXILIAR DE OFICIAIS POLICIAIS MILITARES -
QAOPM
ao posto de Major PM, por antiguidade, o Capitão PM:
773430-1 João Luiz, do CPA/M-9.
ao posto de Capitão PM, por antiguidade, os Primeiros-Tenentes PM:
843391-7 José Ferreira dos Santos, do C Mus e 855218-5 Roberval Anselmo Ferreira, do 12º GB.;
ao posto de Capitão PM, por merecimento, os Primeiros-Tenentes PM:
812846-4 Takeshi Sakosigue, da DL e 800936-8 Maria Aparecida Chaves de Paula, do 35º BPM/M.;
ao posto de Primeiro-Tenente PM, por antiguidade, os
Segundos-Tenentes PM:
890024-8 João Humberto Ferraz, do 3º BPM/I; 921122-5
Ronan de Freitas Ramos, do 15º GB; 920524-1 Jorge Luiz de
Faria, do DSA/CG; 922572-2 Fernando de Freitas Domingues,
do C Com Soc e 930989-6 Sandra Regina Sebastião, do CCB.;
ao posto de Primeiro-Tenente PM, por merecimento, os Segundos-Tenentes PM: 930869-5 Gleice Escalise Gardini, do 40º BPM/M; 840276-A Samir Braz Neto, do CPI-7; 872362-1 Paulo Roberto Souza Reis, do 3º BPChq; 900758-0 Edson Luiz Cândido, do CSM/MOpB e 923983-9 Rogério Marison Zuanon, do DSA/CG.

A chuva forte que atingiu a capital paulista no fim da tarde causou transtornos à população, mais de 20 pontos de alagamento por volta das 19:30 horas, segundo o CGE, e 199 km de lentidão nas vias monitoradas pela CET. Em alguns locais, veículos acabaram sendo levados pela enxurrada – e empilhados. A área central de SÃO PAULO foi a mais atingida, com chuva intensa. Até as 19:40 horas já havia chovido 55 milímetros no posto de medição da Rua BELA CINTRA, onde está localizado o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE). Na VILA MADALENA, na zona oeste, o temporal fez muitos estragos. Carros foram arrastados pela água e acabaram uns sobre os outros na Rua HARMONIA, esquina com a LUÍS MURAT. Na BELMIRO BRAGA, bueiros ficaram abertos, após as tampas serem levadas. Já a Rua CARDEAL ARCOVERDE, na altura da Rua JOÃO MOURA, chegou a ficar intransitável por 40 minutos. A arquiteta XÊNIA BROTO HERNANDES, de 50 anos, tinha um compromisso nesta noite: assistir ao show do tenor italiano ANDREA BOCELLI no JOCKEY CLUB, que estava marcado para começar às 21 horas – horário em que ela e uma amiga ainda estavam no trânsito da Avenida 9 de Julho para alcançar a CIDADE JARDIM.

O cenário da região central de SÃO PAULO vai mudar mais uma vez. Um quarteirão será parcialmente demolido na região da cracolândia, entre as Ruas DINO BUENO e HELVÉTIA, ALAMEDA CLEVELAND e a PRAÇA JÚLIO PRESTES. A demolição acontecerá para que uma nova sede do 2º GRUPAMENTO NORTE DO CORPO DE BOMBEIROS seja construída. Atualmente, os bombeiros ocupam o último prédio que impedia a construção do Complexo Cultural LUZ. Da quadra original restarão apenas os dois maiores edifícios que ocupam o local: um pertence ao Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e o outro, residencial, tem 77 apartamentos. Os 27 lotes que serão demolidos no quarteirão já foram desapropriados, mas acabaram invadidos por famílias da FRENTE LUTA MORADIA (FLM). Com projeto do escritório suíço HERZOG & DE MEURON e orçamento de 400 milhões de reais, o Complexo Cultural deve começar a ser construído no segundo semestre de 2013. É a obra mais importante que será realizada pelo governo do Estado na região, exemplo de degradação. O terreno de 18 mil metros quadrados deverá abrigar um teatro de dança e ópera com 1.750 lugares e uma sala de recitais com 500 lugares, projetada em forma de ovo. O complexo também será sede de companhias do Estado, com a SP Companhia de Dança, a Escola de Música TOM JOBIM e a Sinfônica Jovem do Estado. E receberá também produções autônomas. O edifício do Corpo de Bombeiros figura hoje solitário no meio do terreno vazio. Segundo a Secretaria da Cultura, responsável pelo projeto, as novas instalações serão mais modernas e “adequadas ao atendimento da população”. O tamanho, pelo menos, deverá aumentar. Os bombeiros vão sair de um terreno de 2,2 mil metros quadrados para ocuparem 4,3 mil metros quadrados. O custo total da obra de demolição e construção da nova sede será de R$655 mil.

Apontado pela Polícia Federal como o chefe da máfia dos pareceres, o ex-diretor da Agência Nacional de Águas (ANA) PAULO VIEIRA ameaça contar detalhes e revelar novos personagens do esquema, revelam VERA ROSA e FELIPE RECONDO. O grupo, que atuava nos bastidores do poder, tinha a participação da ex-chefe do gabinete da Presidência em SÃO PAULO, ROSEMARY NORONHA, ligada ao ex-presidente LULA. Após trocar de advogado e adotar estratégia agressiva de defesa, VIEIRA quer negociar uma delação premiada com o Ministério Público e obter tratamento menos severo. Ele tem dito que não sairá do caso como chefe da quadrilha e promete denunciar gente “graúda”. VIEIRA foi indiciado por corrupção, falsidade ideológica, falsificação de documento e formação de quadrilha. A PF suspeita que ele e ROSEMARY tenham praticado lavagem de dinheiro. 

O chef de cozinha JOÃO BATISTA DE SOUZA JORGE, de 43 anos, foi assassinado a facadas por um colega de trabalho, o auxiliar CLAUDEMIR ALVES DOS SANTOS, de 38, ontem à noite, no restaurante de um dos hotéis da rede QUALITY, nos JARDINS, zona sul de SÃO PAULO. O agressor foi detido quando tentava fugir. A polícia ainda investiga a motivação do crime.

Dois criminosos foram baleados por um policial militar à paisana quando tentavam roubar um homem dentro do supermercado ASSAÍ, na CASA VERDE, zona norte da capital. Os bandidos seguiram de moto a vítima, que havia sacado dinheiro em um caixa. Já no interior do mercado, a dupla abordou o homem. O policial percebeu o crime e deu voz de prisão aos bandidos, que atiraram. PM revidou e acertou os dois criminosos. A vítima e o policial não se feriram.

O morador de rua ADRIANO SOARES LOPES, de 36 anos, teve os braços, as costas e o tórax queimados por volta das 23 horas de ontem na PRAÇA DA REPÚBLICA, região central de SÃO PAULO. Quando policiais militares chegaram ao local, a vítima ainda estava em chamas. LOPES foi levado à Santa Casa. Um homem, que também seria morador de rua é o principal suspeito do ataque.  

Antes mesmo de se entrar para o jornalismo, aos 20 anos, JOSÉ LUÍS GOMES já fazia denúncias sobre as condições das grutas de ALTINÓPOLIS, cidade onde nasceu. “A beleza natural que levou tanto tempo para ser construída, de repente, em menos de quatro anos, foi violada de maneira inescrupulosa pelo homem. O local está sendo depredado.” Em 1989, ele passou a integrar a equipe da EPTV, em RIBEIRÃO PRETO. Na emissora, ocupou os cargos de noticiarista, produtor e editor. Foi ainda coordenador do núcleo de eleições e participou de várias coberturas especiais. O editor foi também um dos fundadores do fanzine “A FALECIDA”, lançado em 1991, ao lado do jornalista ANGELO DAVANÇO e do engenheiro MILTON BILAR MONTERO. A revista circulou até 2000 e vê ser relançada em RIBEIRÃO PRETO. JOSÉ LUÍS GOMES, de 48 anos, morreu nesta quinta-feira, vítima de um câncer que era combatido havia cerca de dois anos. Ele deixar a mulher, a fisioterapeuta SHEILA PAYNO, e os filhos MARIANA e VITOR. Os amigos de redação o chamavam carinhosamente de ZÉ LUÍS e muitos deixaram mensagens de despedida no FACEBOOK. A filha MARIANA também escreveu uma emocionante homenagem ao editor. “O meu pai morreu aos poucos. Morrer aos poucos e, ao mesmo tempo, cruel e confortável. Cruel porque a dor foi durante todo este tempo a mais fiel cúmplice da morte. Primeiro ela levou os quilos de gordura, depois a fala, que se enrolou, depois as pernas, imobilizadas, depois mais gordura. Confortável, porque enquanto a morte fazia sua vigília na cabeceira do meu pai, nós nos preparamos.(...) De nada me importa que este ano, para muitos o ano do fim, tenha levado deste mundo infindo NIEMEYER, PIGNATARI, BRUBECK, SHANKAR. Porque este ano levou meu pai. O meu gênio e inspiração. (...) O corpo acaba de sair de minha casa. Levaram junto uma troca de roupa social. Aposto todas as minhas fichas que meu pai preferia ir embora de bermuda e camiseta. Meu pai morreu aos poucos, mas o último pedacinho dele a morte só vai levar quando eu tiver ido.” 

A presidente DILMA ROUSSEFF afirmou em MOSCOU que não pode fazer mais nada para impedir que o Congresso derrube seus vetos ao projeto que altera a divisão dos royalties do petróleo, relata a enviada especial CLÁUDIA TREVISAN, de O ESTADO DE SÃO PAULO. DILMA afirmou que o Parlamento é autônomo e tomará a decisão que quiser. “Eu não tenho mais o que fazer. Não há gesto mais forte que o veto”, disse. “O Poder Legislativo é independente. O funcionamento da democracia é assim.” “Parlamentares aprovaram regime de urgência para análise dos vetos. Representantes do RIO protocolaram no STF pedido para anular a sessão. DILMA defendeu LULA ao “LE MONDE”, dizendo que ele criou “nova etapa” no combate à corrupção. E emendou: “Não tolero corrupção. Se há suspeitas fundadas, a pessoa deve partir”.

CHINA e ÁFRICA DO SUL suspenderam a importação de carne bovina brasileira por temor de contaminação pela doença da vaca louca. Os dois países se somam ao JAPÃO, que já havia suspendido a compra do produto. O ITAMARATY tenta esclarecer a situação, mas o governo pode ir à OMC.

Em cadeia nacional, o governo venezuelano informou que o presidente HUGO CHÁVEZ sofreu sangramento inesperado que exigiu “medidas corretivas” durante cirurgia em CUBA, informa o enviado especial de O ESTADO RODRIGO CAVALHEIRO.   

2 013    :    SEXTA-FEIRA
A criação do COLAR DA VITÓRIA alusivo aos 80 anos da Revolução Constitucionalista de 1932 trouxe novo ânimo para a Sociedade Veteranos de 32-MMDC e a própria salvação da Instituição que sempre, nos fins de ano, estava no vermelho. A Sociedade cresceu muito depois da imposição dos primeiros colares. Com isso também se criou a CONFRARIA DO COLAR, uma modalidade de congraçamento que possibilita a presença de todos que possuem o colar nas novas imposições.
Hoje é dia da entrega do COLAR DA VITÓRIA para os seguintes associados:
MAJOR PM ALUYSIO FRANCISCO GAMA BAIA
MAJOR PM ANDERSON LIMA DE OLIVEIRA
CAPITÃO PM ALÍPIO DE LIMA RIOS
CAPITÃO PM DOUGLAS SHOISHI
CAPITÃO PM ROBINSON CASTROPIL
SENHORA ELZA BUSATO
1º TENENTE PM MARCELO LEONARDO PINTO
1º TENENTE PM RAFAEL SERPA BONI
SUBTENENTE PM RAIMUNDO NAZARENO LIMA DA SILVA
1º SARGENTO PM VALDIR MARQUES DA SILVA
2º SARGENTO PM MARCELO MENDES DE OLIVEIRA
3º SARGENTO PM ALEXSANDRO PEREIRA DE MAGALHÃES
SENHOR FERNANDO MORENO
CABO PM PAULO SÉRGIO DOS SANTOS JOBE
CABO PM EDUARDO LOPES DA SILVA
SOLDADO PM MÔNICA DE ALMEIDA VAZ
SOLDADO PM ADRIANA PAULA DOS SANTOS
SOLDADO PM EBER MARQUES DA SILVA
SOLDADO PM EDSON DE ALPOIM HIPÓLITO
SOLDADO PM ROBSON DE SANTANA
SOLDADO PM HUGO MARTINS
SOLDADO PM WÁGNER BISPO DOS SANTOS
SOLDADO PM ANTONIO SOBRAL DOS SANTOS
SOLDADO PM LEANDRO BETERINCOSTO DA COSTA
SOLDADO PM PAULO TEIXEIRA DOS SANTOS
SOLDADO PM JOÃO PAULO PEREIRA
SOLDADO PM SILAS BITTENCOURT MARTINS
SOLDADO PM RONALDO BEZERRA MEDEIROS
SOLDADO PM ANDERSON CODONHO
SENHOR GUILHERME MANTOVANI COLI
E duas surpresas para pessoas especialíssimas que muito têm contribuído para o sucesso do MMDC – ANTONIO CARLOS ARISTIDES e MARINEI ÂNGELO CHALUB DE OLIVEIRA.
Com a reforma do restaurante da Associação dos Oficiais Militares do Estado de São Paulo – AOMESP – vamos realizar o ALMOÇO DA VITÓRIA no TRASMONTANO, bem perto da AOMESP. Até 14:30 horas, num ambiente descontraído, trocamos idéias sobre o futuro da Sociedade, principalmente com o MAJOR PM ANDERSON, CAPITÃO PM RIOS, CAPITÃO PM SHOISHI e outras pessoas que estão conosco nesse salutar encontro.
Na Sociedade, nesta tarde, o CORONEL PM ANTONIO CARLOS MENDES, nosso vice-presidente, o SUBTENENTE GEORGE TRAJANO, Doutora MARIA LÚCIA CAMARGO, o Comandante do Exército Constitucionalista, WILLIAM MASCARENHAS, AMADO RÚBIO, JORGE BAPTISTA CRUZ, THELL DE MORAES, ALFREDO PIRES e DONA NAIR, GERMANO, e outros associados que já possuem o COLAR DA VITÓRIA vão lotar as acanhadas acomodações do MMDC.
O Presidente da OAB/SP, DOUTOR MARCOS DA COSTA, manda o Doutor D´ÁVILA representá-lo (este também é nosso associado).
O GEORGE TRAJANO é o mestre de cerimônias. O MENDES ajuda-me na impostação do COLAR DA VITÓRIA. Cada homenageado é chamado e, de maneira individual, com projeção para o momento da impostação da honraria, há os momentos de pura amizade, onde a gente vê o brilho nos olhos do homenageado. ARISTIDES, como sempre, tira as melhores fotos da solenidade, imortalizando o evento. É por isso que ele tem destaque principal nesta tarde. Para nossa funcionária MARINEI, dedicadíssima ao extremo no árduo trabalho que ela desempenha na Sociedade, anteparo de maledicências, atendendo telefonemas, abrindo e fechando a porta a todo instante, correndo para o banco e correio, enfim fazendo tudo no MMDC, inclusive controlando toda entrada e saída de dinheiro, o colar é o justo prêmio que merece e, no momento, foi a pessoa mais aplaudida da tarde e alvo de muitos cumprimentos.       
E também o próprio presidente é surpreendido com a imposição da MÉDAILLE DE LA TERRE SAINT, da ORDEM MILITAR E HOSPITALAR DE  SÃO LÁZARO DE JERUSALÉM, GRANDE PRIORADO DO BRASLI que é anunciado pelo SUBTENENTE GEORGE TRAJANO e imposto pelo CAPITÃO EB DENNY TRAVASSOS ALVES (veio para receber o COLAR DA VITÓRIA que não pode receber na vez passada).

ORDO MILATARY ET HOSPITALLER SANCTI LAZARI JERUSALEM

MAGNA CANELLARIA HIS LITTERIS NOTUM FACIT QUOD

CEL. PM MÁRIO FONSECA VENTURA

ADMISSUM EST IN ORDO MILITARY HOSPITALLER SAINT LAZARI JERUSALÉM

SICUT MÉDAILLE DE LA TERRE SAINT

DIE 05 MENSIS DEZEMBRO ANNI 2013

ET DESTINATUS EST JURISDICTIONI GRÃO PRIORADO DO BRASIL

CAPITULAR
VICE-CHANCELER

GRÃO PRIOR DO BRASIL
Dr CARLOS ROBERTO P. RANDY

REGISTRO Nº 873/13

Após o encerramento da solenidade, converso particularmente com algumas pessoas que vieram assistir o ato da entrega do COLAR DA VITÓRIA, como é o caso do JOÃO PAULO DE BRITO e um seu companheiro da REGIONAL DOS DESBRAVADORES (4ª REGIÃO), que querem fazer uma parceria com a Sociedade Veteranos de 32-MMDC em 2014.
SARGENTO TARCISIO comparece no final da cerimônia e traz os diplomas das medalhas que serão entregues em SERTÃOZINHO (dia 19) e RIBEIRÃO PRETO (dia 2). Anuncia ele a publicação do Decreto criando as honrarias do Núcleo IBIRAPUERA – HERÓIS DE 32 e a realização das primeiras condecorações em 17 de dezembro, na Assembléia Legislativa.
Despeço-me de todos. Ainda permanecem comigo o ARISTIDES e a MARINEI, esta aguardando a chegada de seu filho LUCAS. Ela entra em gozo de férias e somente retornará no dia 15 de janeiro. Apenas fará um trabalho em sua casa quanto à expedição de novo boleto para os associados que se “esqueceram” de pagar o anterior. O computador travou e ela leva o HD para tentar consertar na sua residência.
Permaneço na Sociedade até às 20 horas. No facebook já vejo as primeiras imagens da solenidade, postadas pelo CAPITÃO PM CASTROPIL.  
Em casa, vejo dezenas de imagens da festa da entrega do COLAR DA VITÓRIA, postadas pelo ANTONIO CARLOS ARISTIDES. Não tenho condições de copiá-las nesta noite. Estou fatigado pelo evento de hoje.

Em audiência realizada hoje, as famílias dos dez operários mortos e dos 26 feridos no desabamento de um prédio em SÃO MATEUS, na zona leste, em 27 de agosto, acertaram o valor da indenização que será pago pelo MAGAZINE TORRA TORRA, loja que estava sendo construída no local, e pela JAMS EMPREENDIDMENTOS AGRÍCOLAS LTDA, dona do terreno: RS3,5 milhões divididos em oito parcelas, que começam a ser pagas em 8 de janeiro. As famílias dos funcionários mortos e um trabalhador que teve partes do corpo amputadas vão receber R$165 mil cada. Cinco funcionários que tiveram ferimentos graves vão ser indenizados em R$100 mil e outros 20, que tiveram ferimentos leves, receberão R$35 mil cada. Além disso, serão pagos mais 500 mil reais por dano moral coletivo – dinheiro que será dividido igualmente entre os 26 feridos e as famílias dos dez mortos. A Polícia Civil pediu o indiciamento do dono e do engenheiro do prédio, MOSTAFÁ ABDALLAH MUSTAFÁ, proprietário do imóvel, e ALBERTO ALVES PEREIRA assumiram o risco pela construção, que estava irregular.

Os governos da FRANÇA e de SÃO PAULO anunciaram hoje um empréstimo bilionário para construir a nova LINHAS 13 – JADE, que ligará a zona leste da capital ao Aeroporto Internacional de CUMBICA, QUARULHOS. A Agência Francesa de Desenvolvimento vai repassar ao Estado 300 milhões de euros (cerca de 960 milhões de reais) para iniciar as obras ainda este ano. O investimento total estimado para implantação da nova linha é de 2,1 bilhões de reais e prevê, além das obras civis, os serviços de supervisão e sistemas de energia e material rodante; Ela deve começar a operar em 2015. A FRANÇA também se comprometeu a ajudar SÃO PAULO em projetos para despoluir os Rios TIETÊ e PINHEIROS.

A brasileira BRUNA BOVINO, de 29 anos, foi encontrada morta na noite de ontem na ITÁLIA, em um centro de estética da qual era proprietária na cidade de MOLA DI BAR. O corpo dela estava semicarbonizado em cima de uma maca e rodeado por velas. BRUNA era filha de um italiano e de uma brasileira e o centro de estética, denominado ARWEN, estava em seu nome.

Um homem disparou tiros em uma escola do COLORADO, nos EUA, nesta tarde. Pelo menos dois alunos ficaram feridos. O acusado foi encontrado morto em uma sala de aula. A polícia trabalha com a hipótese de suicídio. De acordo com o xerife de ARAPAHOE, GRAYSON ROBINSON, o homem era um estudante da escola, a ARAPAHOE HIGH SCHOOL, que dá acesso ao ensino superior, e procurava por um professor.

Os EUA e a CORÉIA DO SUL condenaram hoje a execução, ontem, do tio do líder norte-coreano KIM JONG-UN. Já a CHINA, aliada de JONG-UN, indicou que a medida não iria afetar as relações entre os dois países. O tio JANG SONG-THAEK, número dois do regime comunista, foi condenado pelos crimes de corrupção, formação de facções para conspirar contra o Estado e “ATOS DEPRAVADOS”.

Uma prática que já foi comum no BRASIL ainda sobrevive na ALEMANHA. Recém-nascidos podem ser deixados em uma “escotilha para bebês” em hospitais. A instituição fica encarregada de cuidar das crianças abandonadas e as preparará para adoção. Segundo a ONU, há 99 gavetas de tipo na ALEMANHA e a medida é comum em diversos outros países. Segundo reportagem do “DAILY MAIL”, estatísticas apontam que a escotilha é utilizada duas vezes por anos, em média. No Hospital St. JOSEPH, em BERLIM, a gaveta é uma caixa de metal equipadas com aquecimento, um travesseiro e lençóis. Elas ficam instaladas na parede externa do estabelecimento. A prática de abandonar bebês, habitual desde os tempos medievais, é atacada pela UNIÃO EUROPÉIA. Autoridades dizem que o sistema nega às crianças o direito de conhercer seus pais biológicos.    

2 014    :     -   SABADO
Nesta manhã, preocupado com o atraso na atualização de minhas memórias, procuro solucionar, neste final de semana, tudo isso. Pela internet, recebo uma mensagem do THIAGO DE MORAES. Durante muito tempo não tínhamos notícias dele. Agora, está preocupado com a placa de seu avô, que estava numa das paredes da velha sede da Sociedade Veteranos de 32-MMDC.
CARO THIAGO
A fata de ajuda das pessoas que poderiam fazer a reforma do prédio da ANITA GARIBALDI, principalmente a sub-prefeitura da SÉ, culminou com a impossibilidade de se continuar trabalhando naquele lugar. Ontem mesmo, à noite, vindo de SANTO ANDRÉ, passei pelo prédio e estava totalmente alagado pelas águas da chuva.
No dia 11 de novembro, sem linha telefônica, sem internet, passamos a funcionar, em caráter precário, no sexto andar do Corpo de Bombeiros. Finalmente, a 8 de dezembro, levamos a sede do MMDC para o Obelisco do Ibirapuera. A reinauguração do Monumento Mausoléu aconteceu no dia seguinte, dia 9 de dezembro. Mas, por incrível que possa parecer, ainda não instalaram a linha telefonica no Obelisco, impedindo os nossos trabalhos. 
A semana entrante será a última do ano para nós. Entraremos em recesso administrativo e voltaremos a funcionar somente na segunda quinzena de janeiro. Esperamos que tudo esteja resolvido neste mês que passaremos sem atuar. 
Quanto a placa do seu avô ainda está no antigo prédio, mas precisamos encontrar uma solução para todas as placas que estavam nas paredes da velha sede. Ontem, com o CORONEL PM MAURÍCIO,
Cmt da Escola Superior de Soldados, estivemos no prédio deteriorado e estudamos a possibilidade de levar o acervo histórico da Sociedade para o Núcleo "GENERAL JÚLIO MARCONDES SALGADO",
que está instalado em PIRITUBA.
Caso você tenha uma solução melhor pode opinar. O nosso problema é solucionar as pendências surgidas pelo pouco caso das autoridades em relação à reforma do prédio da ANITA GARIBALDI.    

O Diário Oficial deste sábado publica a TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA DO CORONEL PM LEÔNIDAS PANTALEÃO DE SANTANA. Ele ocupava o cargo de Sub Comandante da POLÍCIA MILITAR DO BARRO BRANCO.
LEÔNIDAS nasceu em 20 de agosto de 1963. Entrou para a PMESP em 1º de fevereiro de 1981. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL no dia 15 de dezembro de 1963. PROMOÇÕES: 2º TENENTE - 25 de agosto de 1984; 1º TENENTE - 24 de maio de 1988. CAPITÃO - 24 de maio de 1995. Não tenho as datas das promoções de MAJOR e TENENTE-CORONEL. Sua promoção a CORONEL foi em 14 de novembro de 2003.  
Caro Amigo e Comandante,
Tendo sofrido a agonia de perceber, entre os veteranos a que me aliei, em 2005, ao ingressar na Administração da AOPM, a sensação de que eram eles mais ativos do que podíamos notar entre os realmente "da Ativa", aprendi a valorizar cada sinal de atenção a nós deferido por alguém em atividade, de modo a poder, neste momento, dizer-lhe que foi, para nós, que vimos lutando intensamente para somar forças com a Instituição PM Brasil, verdadeiro achado encontrá-lo no Sub-Comando da PM, com a sua serenidade, a sua compreensão à dignidade de quem apenas quer ter a honra de participar, de colaborar, para que se faça plenamente a defesa institucional.
Receba a gratidão de todos nós e conte conosco, assim como esperamos poder contar com a sua força, deste lado da história de nossa bicentenária PM! É com orgulho que registramos a sua fundamental participação no inédito Ciclo de Debates "Direitos Humanos e Polícia do Futuro".
No Diário Oficial de hoje foi publicada a minha passagem para a reserva, após ter completado 5 anos no posto de Coronel.
Com quase 34 anos de serviços prestados à Polícia Militar do Estado de São Paulo, deixo o serviço ativo com a sensação de dever cumprido e de ter feito tudo o que o que foi possível fazer pela Instituição e pela sociedade.
Durante todos esses anos, trabalhei no 5º BPM/I - Taubaté, 12º BPM/M - São Paulo, CPI-1 - São José dos Campos, Casa Militar, 23º BPM/I - Lorena, 20º BPM/I - Litoral Norte, Centro de Inteligência e, nos últimos dois anos, no Estado Maior da Polícia Militar, na função de Subcomandante PM.
Agradeço aos meus comandantes, pares e comandados que, ao longo da minha carreira, contribuíram para o meu aperfeiçoamento pessoal e profissional.

No Diário Oficial de hoje foi publicada a minha passagem para a reserva, após ter completado 5 anos no posto de Coronel.
Com quase 34 anos de serviços prestados...
Curtir ·  · Compartilhar
·        
Spinieli Antonio Parabéns Leonidas pela excelente gestão.
27 min · Curtir · 1
·        
Antonio Cândido Dinamarco O descanso merecido, com todas as láureas e honras devidas. Nossa gratidão e nosso respeito. Felicidades !!!
·        
Antonio Oliveira Jr. Desejo parabenizar o prezado comandante Leônidas Pantaleão por sua dedicação à Polícia Militar onde com excelente desempenho soube honrar a tradição da família Polícia Militar. Conhecendo-o há muito tempo posso afirmar que em toda carreira soube honrar a profissão de seu pai, outro valoroso militar. Parabéns e felicidades estando na reserva.
·        
Franco Nassaro Uma belíssima carreira. Sucesso Cmt !
Rio de Janeiro - O General de Divisão na Reserva do Exército Luiz Eduardo Rocha Paiva assegura que a comissão que averiguará as violações dos direitos humanos durante a ditadura (1964-1985) também deve investigar os atentados terroristas e, inclusive, convocar a presidente Dilma Rousseff.
'Dilma integrava o VAR-Palmares, que lançou o carro bomba que matou o soldado Mario Kozel Filho. A comissão não vai convocá-la. Por quê?', perguntou o general em entrevista publicada nesta sexta-feira pelo jornal 'O Globo'.
O atentado em questão foi registrado no dia 26 de junho de 1968 contra um quartel do Exército em São Paulo.
Na mesma entrevista, Rocha Paiva também duvida que a atual presidente brasileira tenha sido torturada enquanto esteve presa por sua militância política.
Segundo o general, para não ser 'parcial e maniqueísta', a comissão deveria investigar também as pessoas que participaram direta ou indiretamente de ações armadas contra o regime militar.
A Comissão da Verdade, cuja criação foi sancionada em novembro pela própria presidente Dilma, será instalada em abril para investigar as violações dos direitos humanos que foram registrados durante a ditadura, principalmente as desaparições e as torturas.
Apesar de traçar novas investigações, a comissão não poderá determinar responsabilidades penais, já que o Supremo Tribunal Federal (STF) ratificou em 2010 a anistia que em 1979 amparou os torturadores e aqueles que pegaram em armas contra o regime militar.
'Não vejo porque eles (os torturadores) têm que aparecer agora se estão anistiados. E por que não convocarão quem sequestrou e quem planejou (atentados terroristas)?', indaga o general.
Diante do argumento que Dilma foi detida e torturada por sua militância, o general reformado questionou a veracidade dessas torturas.
'Ela diz que foi submetida a torturas. O Senhor tem certeza disso? Eu não sei', afirmou o general.
Dilma, que passou mais de dois anos presa durante sua juventude, já confimou ter sido torturada na época de sua militância contra a ditadura.
Rocha Paiva concedeu essa entrevista após toda a polêmica gerada na última semana, quando um grupo de militares aposentados do Exército, da Marinha e da Força Aérea questionaram a criação da Comissão da Verdade e também criticaram as posições de alguns membros do gabinete de Dilma, como o Ministro de Defesa, Celso Amorim.
A reação do Governo às críticas apresentada pelos militares foi respondida de maneira rígida. Segundo versões da imprensa, o Governo pediu aos comandantes das Forças Armadas que enviem advertências aos militares envolvidos com os comunicados, já que ainda possuem relações hierárquicas. 

Não estou bem neste sábado. Sinto-me confuso. Mesmo assim trabalho no computador, procurando atualizar minhas memórias. Os últimos dias, com vários eventos, não deixaram que eu colocasse em dias os acontecimentos diários. Mas também não tenho todo o tempo disponível. LUCINDA vai até à casa da SORAYA e NELSON. Ali, como surpresa ao PAULO CÉSAR e KÁTYA, muita gente se reúne para homenagear o casal que, na semana que vem, irão residir no apartamento que compraram há anos atrás. Cada um deu um presente para o PAULO e a KÁTYA. Depois das 16 horas, quando eles chegam, encontram as pessoas reunidas para desejar felicidades a eles. KÁTYA vai mostrar os presentes que ganhou e isso vai até mais de 19 horas. 

Um menino de 2 anos morreu após ficar cerca de duas horas dentro de um carro de transporte escolar irregular, ontem pela manhã, enquanto ia para a creche, na zona norte do RIO. A polícia investiga se a motorista CLÁUDIA VIDAL DA SILVA, de 33 anos, teria esquecido GABRIEL MARTINS DE OLIVEIRA ALVES DA SILVA dentro de um automóvel GOL.
Ela alegou ter desmaiado dentro do veículo no período entre 10 horas e meio dia. Na delegacia, CLÁUDIA afirmou que, ao recuperar a consciência, constatou que a criança estava passando mal. O menino chegou a ser levado para um posto médico, mas não resistiu.
"Meu filho tinha só 2 anos. Meu filho nem sabia nem falar. Como meu filho ficou sozinho trancado dentro de um carro no calor? Ele não tinha nem como pedir ajuda", disse a mãe do menino, CARLA MARTINS DE OLIVEIRA, revoltada. O caso foi registrado na 27ª DP (VICENTE DE CARVALHO), que instaurou inquérito policial para apurar o crime de abandono de incapaz com resultado morte. De acordo com a Policia Civil, o veículo e as roupas de GABRIEL forama apreendidos e encaminhados à perícia.
O ministro do STF, TEORI ZAVASCKI negou pedido de liberdade a 11 investigados na OPERAÇÃO LAVA JATO. A defesa dos presos alegou que eles deveriam ter o mesmo tratamento dado pela Justiça Federal ao ex-diretor da PETROBRÁS RENATO DUQUE, que teve a prisão preventiva revogada. Mas o ministro considerou que as situações são diferentes e optou por mantê-los presos. Ontem, o juiz federal SÉRGIO MORO aceitou a denúncia do Ministério Público Federal no PARANÁ contra nove acusados de envolvimento no esquema de formação de cartel e pagamento de propina investigado na operação.

Demitido em 2013, o ex-gerente de Comunicação da Diretoria de Abastecimento da PETROBRÁS, GEOVANNE DE MORAIS, é acusado de intermediar negociação de pagamentos no valor de R$1,795 milhão para a empresa MURANNO BRASIL MARKETING por meio do esquema criminoso operado pelo doleiro ALBERTO YOUSSEF. A negociação teria tido participação de outro gerente da estatal. Já o responsável pela distribuição da propina desviada dos cofres da PETROBRÁS para políticos, RAFAEL ÂNGULO LOPEZ, braço direito do doleiro YOUSSEF, está negociando um acordo de delação premiada com as autoridades da OPERAÇÃO LAVA JATO, segundo a revista "VEJA".

A PETROBRÁS adiou pela terceira vez a divulgação de seus resultados financeiros do terceiro trimestre de 2014. Em comunicado, a estatal destacou que decidiu postergar a publicação devido a novos fatos relacionados à OPERAÇÃO LAVA JATO. A presidente da estatal, GRAÇA FOSTER, propôs a presidente DILMA ROUSSEFF, em encontro no dia 10, em BRASÍLIA, sua substituição e a dos demais diretores da empresa, segundo a GLOBONEWS. FOSTER discutiu a crise na estatal e avaliou que, independentemente das suspeitas, o desgaste chegou a tal ponto que a gestão da empresa está comprometida, opinião compartilhada por outros diretores da companhia.

MARINA SILVA, ex-candidata do PSB à Presidência da República, foi apontada uma das "mulheres de 2014" pelo jornal britânico "FINANCIAL TIMES". A revista de fim de semana da publicação elogia a ex-ministra e a define como "franca, séria e idealista". O texto diz que existem poucos politicos no BRASIL com a mesma concepção moderna da terceira colocada nas eleições deste ano. O jornal diz que, enquanto seus rivais oferecem políticas populistas, os projetos de MARINA têm uma visão mais completa para o futuro. A publicação também dá especial atenção aos capítulos da humilde biografia da ex-seringueira.

SÍLVIO SANTOS passou longe do SBT na sexta-feira, dia 12, dia em que completou 84 anos. O dono do SBT comemorou seu aniversário em casa, ao lado da família. E com tantas redes sociais, quem se dá bem são os fãs, que podem ver um pouquinho da comemoração. Animado, como sempre se mostra no palco de seus programa aos domingos, SÍLVIO usou uma cartola e entrou no clima da festa. DANIELA BEYRUTTI, a filha número 3, postou uma foto onde ele aparece ao lado da mulher e das filhas: "São momentos como este que faz tudo valer a pena. São momentos como este que de fato enriquecem! Enriquece a alma, faz a gente grande e mostra que realmente faz sentido na vida. Que a nossa família inspire a sua a ser unida, alegre, e cheia de esperança! DEUS abençoe seu dia! Obrigada a todos pelo carinho com meu pai, a quem eu também sou fã", escreveu na legenda do INSTAGRAM.
TIAGO ABRAVANEL, o neto mais famoso de SÍLVIO, também fez questão de deixar seu recadinho: "Tantas coisas eu poderia dizer aqui...Mas nada poderia ser maior do que ser grato por você existir e trazer alegria e amor para tantos brasileiros! Que essa alegria e esse amor que o BRASIL sente por você possa ser combustível para mais 84 anos! Te amo vô!".    

2 015     :   -    DOMINGO
Um domingo onde procuro atualizar minhas memórias. Essa semana que passou ofereceu muito esforço de minha parte. As solenidades programadas para dezembro, até o dia 18, são diárias. Há datas em que temos duas ou mais solenidades. Somente depois do dia 18, quando MARINEI CHALUB entrar em gozo de 30 dias de férias é que poderemos dar um recesso aos trabalhos da Sociedade.
Hoje é um domingo onde o povo vai às ruas, propondo o "FORA DILMA". Acompanho de longe toda a movimentação. Muito cansado  de participar dos eventos, não posso sair de casa. As dificuldades físicas estão ficando cada vez mais intensas.
  
O número de pessoas que foram às ruas no primeiro grande manifesto após ser acolhido o pedido de processo de impeachment da presidente Dilma demonstra, tanto para o governo quanto para a oposição, que é preciso maior mobilização a fim de que, de fato, se confirme a reprovabilidade do governo mostrada pelas pesquisas de opinião. A menor quantidade de manifestantes, em comparação com os protestos do começo do ano, não demonstra que diminuiu o número de insatisfeitos com a gestão petista ou que oimpeachment não tem apoio popular.
A bem da verdade, o brasileiro tradicionalmente não tem muito apego à política, o que é até compreensível, dado o cenário completamente desolador das instituições públicas e o pouco crédito da classe política. Isso, por si só, já faz com que a manifestação deste 13 de dezembro seja representativa do sentimento popular, levando em conta que a maior parcela do eleitorado prefere sair de casa para manifestar sua opinião política somente no dia do pleito.
Outro ponto que contribuiu para o menor número de participantes foi a forma apressada como os protestos foram convocados, não houve tempo suficiente para a mobilização da sociedade, já tão acomodada com a realidade política do país. Ademais, a data escolhida não foi das melhores, haja vista a proximidade das festas de fim de ano.
Somado a isso, outra justificativa é o fato de que o processo de impeachment se encontra suspenso aguardando decisão do Supremo Tribunal Federal. A tendência é que o número de pessoas manifestando nas ruas aumente na medida em que o impeachment se torne mais concreto, com o acirramento das discussões no Congresso e a proximidade de sua votação. Isso levaria mais pessoas a saírem de casa, mesmo com o intenso calor registrado em todo o país.
Ainda é cedo para chegar a qualquer conclusão, mas, é inegável que, ao contrário da quantidade de pessoas que foram às ruas hoje (13), os bastidores políticos estão muito mais acalorados e, aos poucos, esse clima deve contagiar as ruas.

Com a presença de políticos de oposição ao governo federal cerca de 30 mil participantes, se reuniram hoje na AVENIDA PAULISTA no primeiro ato em favor do impeachment da presidente DILMA depois que o pedido foi aceito pelo presidente da Câmara, o deputado EDUARDO CUNHA. O ato foi pacífico e o único incidente foi a prisão da modelo JULIANA ESEN, que se autodenomina a "musa das manifestações" por ato obsceno.
JULIANA desfilou sem camisa, enrolada numa bandeira do Brasil. Em determinado momento, ela teria ateado fogo com um isqueiro na ponta da bandeira, segundo o testemunho do engenheiro ELIAS MUZES, que participava do ato. Neste momento foi cercada por uma multidão que queria linchá-la;
"É uma falta de respeito com o povo brasileiro fazer deboche com a nossa bandeira", afirmou MUZES.
Quando os manifestantes cercaram a moça, o BATALHÃO DE CHOQUE isolou a área para evitar o linchamento. Em seguida, JULIANA vestiu uma camiseta e foi levada para o 78º Distrito Policial (JARDINS), onde seria indiciada, segundo o CORONEL PM LUIZ HENRIQUE SANTOS, que comandava a PM na manifestação. Ela estava acompanhada da também modelo JÉSSICA LPES, que ganhou o apelido de "peladona de CONGONHAS" depois de ser flagrada por um paparazzo trocando de roupa dentro do carro estacionado no pátio do aeroporto, em 2012.
Perto do local onde JULIANA quase foi linchada, os senadores JOSÉ SERRA e RONALDO CAIADO foram recebidos por lideranças dos grupos pró-impeachment. "Vim em todas as manifestações porque SÃO PAULO é uma caixa de ressonância para o BRASIL e a pressão popular vai ser decisiva para que o parlamento vote pelo impechment", afirmou CAIADO.  
Já SERRA não quis comentar um possível apoio a um eventual governo do vice MICHEL TEMER. "Agora é hora de falar de impechment, depois falamos de governo", disse. Um dos pré-candidatos à Prefeitura de SAO PAULO pelo PSDB, o publicitário JOÃO DÓRIA JÚNIOR, fez um discurso "pela limpeza pública".
Atos em favor do impeachment da presidente DILMA foram registrados hoje em 22 estados e no Distrito Federal. A maioria dos participantes vestiu roupas com as cores da bandeira do BRASIL, como já havia ocorrido nos protestos anteriores. BRASÍLIA, depois de SÃO PAULO, foi a capital que reuniu o maior número de manifestantes, segundo as estimativas das polícias militares. Foram cerca de 6 mil pessoas na capital federal.

O MAJOR PM SALVADOR ASSALVE FILHO, de 55 anos, morreu após uma tentativa de roubo em NOVA IGUAÇU, no RIO DE JANEIRO, ontem. De acordo com a Polícia Militar fluminense, o major e a mulher estavam no carro quando foram abordados por quatro homens. A vítima tentou fugir e os criminosos atiraram. Ele foi socorrido, mas morreu. Sua mulher ficou ferida no braço.

Cinco pessoas morrreram e ao menos 35 ficaram feridas em um grave acidente hoje na LINHA AMARELA, no RIO DE JANEIRO. De acordo com a LAMSA, concessionária que administra a via, um ônibus bateu na saída de um túnel, próximo à Avenida GEREMÁRIO DANTAS, às 11:41 horas. Os feridos foram levados aos hospitais LOURENÇO JORGE, na BARRA DA TIJUCA, e MIGUEL COUTO, na GÁVEA. O ônibus da Viação REDENTOR, operava na linha 352 (RIOCENTRO/CASTELO, via LINHA AMARELA), e seguia em direção a JACAREPAGUÁ no momento do acidente, transportando uma grande quantidade de passageiros. A estudante ISADORA AVELINO, de 26 anos, era uma das passageiras.

13/12/2015 14:58:34
Explosão de bomba em mercado do Paquistão deixa 22 mortos e 60 feridos
A maioria das vítimas pertencem à minoria xiita. O ataque não foi reivindicado por nenhum grupo insurgente
EFE
Islamabad - Pelo menos 22 pessoas morreram e outras 60 ficaram feridas neste domingo após um atentado com bomba na cidade de Parachinar, no cinturão tribal do noroeste do Paquistão.A explosão aconteceu no mercado de roupa usada Eid Gah de Parachinar, capital da região tribal de Kurram, disse um funcionário do governo local, Naik Muhammad Khan.
A fonte detalhou que 23 ficaram gravemente feridas e foram levadas de helicóptero à cidade de Peshawar e que o resto dos atingidos, alguns deles em estado "crítico", foram levados a diferentes hospitais de Kurram.
A maioria das vítimas que morreram pertencem à minoria xiita, embora "aparentemente" não se tratou de um ataque sectário, indicou Khan, ao agregar que as primeiras hipótese apontam para um atentado suicida, pelo qual duas pessoas foram detidas. O ataque, que não foi reivindicado por nenhum grupo insurgente, foi condenado pelo primeiro-ministro paquistanês, Nawaz Sharif, em declarações às televisões locais.
Parachinar é palco habitual de atos violentos por parte da insurgência local e de vizinha da região do Waziristão do Norte, onde o Exército lançou em junho de 2014 uma operação militar antiterrorista, que continua atualmente.
Na ofensiva morreram pelo menos 3,4 mil insurgentes e 488 militares, de acordo com fontes o Exército, e desde seu início o número de ataques insurgentes reduziu de forma significativa.
O ataque deste domingo ocorre a três dias da comemoração do primeiro aniversário do massacre de 151 pessoas, entre elas 125 crianças, em um colégio administrado por militares em Peshawar, um ataque do principal grupo talibã do país, o Tehrik-i-Talibã Paquistão (TTP), em 16 de dezembro de 2014.

Os talibãs justificaram o ataque como ato de vingança pela operação do Exército.

Nenhum comentário: