terça-feira, 5 de maio de 2015

CARTA ABERTA DO GENERAL TORRES DE MELO AO EXCELENTÍSSIMO SENHOR MINISTRO TEORI ZAVASCKI E AO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

EXCELENTÍSSIMO SENHOR MINISTRO E AO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

Entrada
x

TORRES DE MELO gtmelo@guararapesgrupo.com.br

08:33 (Há 6 horas)
para mim
EXCELENTÍSSIMO SENHOR MINISTRO  E AO  SUPREMO  TRIBUNAL FEDERAL
Ministro Teori Zavascki
CARTA ABERTA
        Sempre fui defensor ardoroso do PODER JUDICIÁRIO. Aprendi com meu
professor de direito, na ESCOLA MILITAR DE RESENDE, que, qualquer sociedade
organizada tem seu pilar principal, no CUMPRIMENTO DA LEI. Sem lei ou a não
existência de quem a defenda sofrerá a influência da demagogia, do
populismo, que são formadores do caos.
        Estamos vivendo o caos e a falência do Poder Judiciário. Há Poder
Judiciário para defender poderosos e, não, para defender a sociedade
brasileira. Diariamente, estamos assistindo a assaltos aos Cofres da União,
dos Estados e dos Municípios. Não são quantidades pequenas, chegando aos
bilhões de reais ou mesmo de dólares. Este dinheiro falta na saúde e os
ladrões estão soltos, quando cometeram um crime hediondo. Roubaram o seu
povo.
        Estamos assistindo à desgraça da mentira prevalecer nos processos,
derrotando a verdade. A MENTIRA é o maior câncer de uma sociedade. Como
pode uma pessoa ir depor no SENADO FEDERAL e ter garantido o direito de
ficar calado? Ela pode ficar calada de livre e espontânea vontade e não ser
garantida pelo STF. O STF, defensor da JUSTIÇA, deveria dizer que o
depoente não pode MENTIR e se mentir, deveria ser preso. O STF é defensor
da VERDADE.
        Magistrado, a manchete da folha de São Paulo, de 29 de abril de 2015, diz
bem o que pensa o brasileiro: “SUPREMO LIVRA DA CADEIA EMPREITEIROS DA LAVA
JATO.”  É bendito: SUPREMO DEFENDE LADRÃO. É isso que o povo passa a
pensar. O BOM DIA BRASIL, de 30 de abril de 2015, foi direto e disse
verdades que mostram a decepção com a Justiça. Será que os milhares de
presos não poderiam estar presos em casa, com tornozeleira eletrônica.
Perguntaram? “são todos iguais”?
        No mesmo dia, 29 de abril de 2015, no Estado do Ceará, vamos encontrar, no
jornal Diário do Nordeste, a SEGUINTE NOTÍCIA: “Quatro presos por fraudes
na Caixa Econômica são liberados”. São ladrões de mais de 20 milhões reais.

        Excelentíssimo Senhor Ministro, por que soltar quem não presta? Quem rouba
bilhões não é pior do que ladrão de galinha? E por que quem rouba pouco é
preso e quem rouba muito é solto? É por essas coisas que há um ditado que
diz: ”se vai roubar, roube muito, que não vai ser preso”.
        Antigamente, todos tinham o respeito sagrado pela Justiça. Este respeito
está indo para a lata do lixo, Exmo. Senhor Ministro. Um dos juízes que
votou não poderia fazê-lo. Deveria se julgar impedido.
        Estou enviando esta carta para STF, para Vossa Excelência e amigos.  É uma
carta aberta.
É uma carta de revolta.
Sabe  por que  desta  revolta,  Senhor Ministro? Por ter sido PROVEDOR DA
SANTA CASA DE FORTALEZA e vivi a pobreza de perto e falta de apoio dos
governos.
Sabe  por que  desta  revolta,  Senhor Ministro? Por ter sido dirigente de
uma Casa de apoio ao Idoso. Ser idoso neste país é merecer o desprezo dos
órgãos públicos. Velho não vota é o que falam os politiqueiros.

Sabe por  que  desta  revolta,  Senhor Ministro? Por ter enterrado três
crianças, em TERSINA, mortos pela fome, quando comandante da Polícia
Militar do Piauí.
Sabe por   que    desta    revolta,  Senhor Ministro? Porque quase todo dia
alguém bate à minha porta, pedindo socorro e eu vou ajudá-lo . Alguém pobre
bate à sua porta?
Sabe por que     desta     revolta,  Senhor Ministro? Porque assisto aos
noticiários, às Sessões do Judiciário, às Sessões da Câmara e do Senado e
fico comparando com outros países, onde ladrão vai para a cadeia ou é
fuzilado por ser traficante de droga. Primeiro Ministro Inglês vai para o
Parlamento de Metrô e milhares de carros oficiais servem aos poderosos
desta desgraçada República.
Estou  perguntando a  Vossa  Excelência se já viu jovens destruídos pela
droga.
Estou  perguntando a Vossa Excelência se já viu lágrimas de mãe por ver o
filho destruído pela droga.
Estou  perguntando a  Vossa  Excelência  se teve que segurar um pobre homem
que desejava matar o filho por ser traficante de droga.
Eu já vi tudo isso quando comandei, também, a Polícia Militar de São Paulo.

Termino perguntando a Vossa Excelência se já ouviu o soluço profundo de uma
mãe e o grito desesperado, afirmando que seu filho era ladrão e que roubava
para não ser preso.
Eu vi. Ainda sinto o olhar profundo daquela mãe que procurava Justiça.
Excelentíssimo Senhor Ministro, procuro Justiça, apenas Justiça.
Vossa Excelência e os dois outros Juízes, ao soltarem os criminosos
empreiteiros, que cometeram crime HEDIONDO, DEPRAVADO, VICIOSO, SÓRDIDO,
IMUNDO, REPELENTE, REPULSIVO, HORRENDO, SINISTRO, PAVOROSO, MEDONHO,
contribuíram para o desprestígio do SAGRADO PODER JUDICIÁRIO.

GENERAL DE DIVISÃO REFORMADO
FRANCISCO BATISTA TORRES DE MELO
COORDENADOR DO GRUPO GUARARAPES
DIA 30 abril DE 2015
        ESTAMOS AUTORIZANDO A QUEM ACHAR QUE DEVA REPASSAR QUE O FAÇA.
PRESTE ESTE SERVIÇO AO BRASIL
VEJAM ESTE SITE DE BRASILIDADE
https://www.youtube.com/watch?v=YULAvMNXxVc

Se você não deseja mais receber nossos e-mails, cancele sua inscrição
através do link
http://marketing.guararapesgrupo.com.br/admin/sair.php?id=213342|97|0&uid=132450438206718100

Tchaikovsky Flashwaltz at Hadassah Hospital

Mestre Robson Miguel - Abismo das Rosas-Américo Jacomino-