domingo, 17 de janeiro de 2016

MANIFESTO DA SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC AO POVO BRASILEIRO - PUBLICADO NOVAMENTE FACE NOVAS INVESTIDAS DE UM MOVIMENTO QUE ESTÁ PROVOCANDO UMA IDÉIA INSENSATA DE SEPARAÇÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO DO RESTO DO PAÍS.

Mostrados os links do infeliz Movimento SÃO PAULO INDEPENDENTE, principalmente os símbolos da Revolução Constitucionalista de 1932, passamos a discutir esse assunto polêmico, mas a Sociedade está coesa nesse ponto. Tão logo encerramos a reunião, redigimos o MANIFESTO DA SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC AO POVO BRASILEIRO. MARINEI coloca o manifesto no site e manda para todos os nossos associados e amigos.
MANIFESTO DA SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC AO POVO BRASILEIRO
No calor da emoção do domingo, 26 de outubro de 2014, logo após o anúncio do resultado das eleições, as redes sociais publicavam a divisão do Brasil em cores azul (onde o candidato AÉCIO foi vitorioso) e em vermelho (e rosa), Estados em que venceu a candidata à reeleição. Surge então um Movimento Separatista, que, imprudentemente faz conotação com a Revolução Constitucionalista de 1932.
Nossos associados passaram a questionar essa conotação e a Sociedade Veteranos de 32-MMDC viu-se na obrigação de reunir, em caráter extraordinário, os diretores da Executiva e dos Presidentes de Núcleos e Comissões. Outros associados, interessados no problema surgido, fizeram questão de participar da reunião.
Em que pese o boato de separatismo que correu maldosamente em 1932, nenhum documento referente à pretensa separação foi encontrado; de nenhuma reunião conspiratória para esse fim se tem notícia. O que existiu foram os folhetos mentirosos lançados pela ditadura VARGAS, nos campos de batalha, na cidade de São Paulo e outras cidades e regiões do Brasil a fora. A difamação, boca a boca, em boletins militares, em conclamações radiofônicas foi uma realidade e surtiu seu efeito contra o MMDC.
O Movimento Constitucionalista de 1932 nunca foi separatista. Nossos escudos, bandeiras, hinos, nossa propaganda radiofônica, nossos cartazes, nossas conclamações cívicas, não trazem nem mesmo insinuações. Não há narrações de César Ladeira, conclamações do tribuno da revolução Ibrahim Nobre, versos de Guilherme de Almeida que fale de separação. A bandeira de São Paulo é a única que traz presente o mapa do Brasil.
O lema PRO BRASILIA FIANT EXIMIA era propalado em 1932, como esta Sociedade apresenta, nos tempos atuais, em seus impressos "SÃO PAULO FORTE, POR UM BRASIL UNIDO".
Por unanimidade, nossos diretores da Executiva, nossos Presidentes de Núcleos e Comissões e vários outros associados que se fizeram, espontaneamente, presentes à reunião, repudiaram a conotação feita pelo pretenso Movimento Separatista, já mencionado, usando indevidamente símbolos da Revolução Constitucionalista de 1932.

Deixemos em paz os nossos heróis de 32! Eles merecem todo o nosso respeito pelo muito que fizeram pela Nação. Não é agora, 82 anos depois, que pessoas desavisadas usem o episódio redentorista de 1932 para propagar uma pretensa separação do Brasil!

Nenhum comentário: