domingo, 25 de dezembro de 2016

FALECIMENTO DO CORONEL PM NILTON VIANNA

CORONEL PM NILTON VIANNA ESTÁ LADEADO PELOS CORONÉIS PM CAMARGO, ÁLVARO BATISTA CAMILO (DEPUTADO ESTADUAL) e THESEO BUENO DE TOLEDO.

FALECIMENTO DO CORONEL PM NILTON VIANNA

Mas, nem tudo é alegria nesta manhã. Vejo a comunicação de meus companheiros da Corporação a respeito do falecimento do CORONEL PM NILTON VIANNA, eterno Comandante Geral da PMESP. Foi nomeado por decreto de 22 de março de 1983, publicado no DIÁRIO OFICIAL do dia seguinte. Substituiu o CORONEL PM NELSON MARINHO DE MOURA (que por sua vez foi o substituto do GENERAL-DE-BRIGADA ARNALDO BASTOS DE CARVALHO BRAGA. Por decreto de 20 de fevereiro de 1986 ele foi exonerado do cargo, sendo substituído pelo CORONEL PM THESEO DARCY BUENO DE TOLEDO.
NILTON VIANNA nasceu em 7 de dezembro de 1934 (completara 82 anos recentemente). Entrou para as fileiras da FORÇA PÚBLICA em 13 de fevereiro de 1951. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1955. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 15 de dezembro de 1956; 1º TENENTE – 24 de maio de 1962; CAPITÃO – 24 de maio de 1965; MAJOR – 15 de dezembro de 1975; TENENTE-CORONEL – 15 de dezembro de 1976; CORONEL – 15 de dezembro de 1981.
Com profundo pesar, comunicamos o falecimento    nesta madrugada do
Cel NILTON VIANNA
O velório já está ocorrendo das 08:00 às 13:00 h de hoje dia 24/12, no HOSPITAL DA CRUZ AZUL – Av. Lins de Vasconcelos
O corpo será encaminhado ao Crematório de Vila Alpina
Cel. Vianna estava com 82 anos. Aspirante da Turma de 1955
Foi COMANDANTE GERAL DA PM de 23/03/1983 a 25/02/1986
Que sua alma descanse em paz. E que Deus dê o conforto necessário para a família enlutada superar este difícil momento
Recebi, do Cel Fuga, a mensagem abaixo dando conta do falecimento do Cel Vianna.
Deus o tenha e conforte o coração dos familiares em especial do Andre, asp 70.
Donizeti
Foi reforçar a tropa celestial. Deus o receba com tropa formada e tudo o mais. e console a todos aqui.
Roni Garcia 
24 de dez (21 horas atrás)
Outros destinatários: ciapina.gbb@gmail.com, fugacar@uol.com.br, Cbb-Ninho@googlegroups.com, bandao70@googlegroups.com
Comandante Nilton Vianna, minha respeitosa continência em exéquias.
Tive a honra de tê-lo, ainda Capitão o homenageado, direcionando posições para o Serviço de Finanças e para a Cruz Azul. Depois, guindado ao honroso posto de Comandante Geral de nossa Milícia.
Alinha-se com nomes de enorme envergadura de nossa querida Corporação.
Oficial prudente, comedido, conciliador e pró-positivo, deixa um magnífico exemplo a ser seguido por seus posteriores.
“Moruturi te salutant”.
Roni.

Coronel Camilo 
24 de dez (15 horas atrás)
Outros destinatários: ronigarcia@uol.com.br, ciapina.gbb@gmail.com, fugacar@uol.com.br, Cbb-Ninho@googlegroups.com, bandao70@googlegroups.com, andrevianna15@gmail.com, mvianna@policiamilitar.sp.gov.br
Caros amigos Comandantes, 
Boa tarde. 
Perdemos um grande exemplo: de pessoa, de amigo, de homem de família, de líder, de comandante, de profissional, de defensor inconteste da nossa família policial-militar. Como falou muito bem o Coronel Niomar, hoje, na Cruz Azul:
"Hoje foi o céu é quem ganhou..."
Que Deus conforte nossos amigos coronéis André e Marcelo, assim como toda a família Vianna. 
Nosso comandante Coronel Nilton Vianna combateu o bom combate, cumpriu com primor e galhardia a sua missão nesse mundo. 
A ele, nossa continência. 
Forte abraço!
Coronel  Alvaro  Camilo
Deputado Estadual SP
Gabinete: (11) 3886-6384
Sempre é possível fazer mais e melhor!
HOMENAGEM DO CPA/M-8
    A Polícia Militar do Estado de São Paulo lamenta profundamente o falecimento do Coronel Nilton Vianna, eterno Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo e pai do atual Comandante do Policiamento de Área Metropolitana Oito, Coronel PM Marcelo José Rabello Vianna, após agravamento de problemas cardíacos. Nascido em 07 de dezembro de 1934, exerceu o cargo de Comandante Geral entre 23/03/1983 e 21/02/1986.
    O Coronel Vianna foi um dos mais importantes oficiais da história recente da Instituição. Como Comandante Geral trabalhou com o Governo de Franco Montoro em São Paulo e a partir de 1984, com Michel Temer - atual Presidente da República - que assumiu a Secretaria de Segurança Pública naquele mesmo ano.
    Nilton Vianna foi o primeiro Comandante Geral nomeado em São Paulo depois de uma série de comandantes do Exército, em um período marcado pelo início de uma transição democrática diante da nova Constituição que se anunciava. A conjuntura social e política colaborou para que a atual composição da Polícia Militar em São Paulo tenha sido definida na época, com várias mudanças legais e regulamentares.
    No seu Comando, em época de rápidas transformações, o Coronel Nilton Vianna esforçou-se em reunir os Comandantes Gerais dos estados federados brasileiros visando compartilhar e aperfeiçoar as melhores práticas na segurança pública, com uma visão de futuro que inspirou o atual Conselho Nacional de Comandantes Gerais das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares (CNCG PM/CB).
    Fortalecendo a Instituição no campo operacional, também defendeu e colocou em prática uma forma de policiamento mais dinâmica, visando maior presença e pronta resposta às demandas da população por meio da intensificação do serviço de patrulhas móveis.
    Em recente entrevista registrada para a preservação da memória institucional junto ao Centro de Comunicação Social da Polícia Militar fez questão de repetir: “Deus me deu essa missão!”, referindo-se à confiança do posto de comandante máximo da Polícia Militar do Estado de São Paulo em momento tão sensível na história recente do país para um líder da Força Pública dos paulistas.
    Ao Coronel Nilton Vianna, sempre Comandante, nosso respeito e gratidão.
    A Polícia Militar informa que o velório ocorre na Cruz Azul de São Paulo, Avenida Lacerda Franco, 351, Cambuci e seguirá para o Crematório da Vila Alpina, onde ocorrerá a cremação as 14h.
    COMUNICAÇÃO SOCIAL CPA/M-8
    (Osasco e região)
    CurtirMostrar mais reações
    Comentar
    Comentários
    Marcos Sant'ana Meus sentimentos.
    Marcelo Tasso Prezado e querido CMT! Não pude comparecer na despedida terrena do vosso Honrado Pai e do nosso Eterno Comandante, mas rogo a Deus que ampare todos os familiares e que o conduza na nova missão com a mesma maestria que o conduziu quando esteve entre nós. Que seu legado, mantido pela querida família permaneça vivo entre aqueles que ainda estão no cumprimento da missão. Um forte e fraternal abraço! Força e fé!
    CurtirResponder23 h
    Mario Ventura
    Escreva um comentário...
    Amigos
    Sobre NILTON VIANNA
    Meu pai foi um homem diferenciado.
    Bom marido, Bom filho, Bom pai, Bom Vô, Bom Tio, Bom amigo, Bom aluno, e um Comandante exemplar.
    Viveu a Polícia Militar e sempre apoiou o Comando da Instituição e o nosso Clube dos Oficiais. Entendeu-se com as pessoas e sempre construiu entendimentos para os avanços institucionais (CBO, CHQAOPM, integrações, intercâmbios, etc...)....
    Ver mais
    CurtirMostrar mais reações
    Comentar
    Comentários
    Attilio Vendrame Nossos mais sinceros sentimentos de tristeza.Sandra e Attilio Vendrame
    CurtirResponder18 h
    Fabio Sandes Meus sentimentos Cmt, tenho certeza de que foi e sempre será uma inspiração em sua vida.
    CurtirResponder15 h
    Mauricéia Maia Que honra ter um pai assim... É Por isso que o Sr. é dessa forma conosco... Que ele receba o carinho de Jesus Cristo e que toda a família seja confortada. Seu pai Cmt, teve uma vida plena e feliz, Deus foi muito bom com toda a família... Paz para o Sr e seus amados familiares
    CurtirResponder11 hEditado
    Célia Regina Gulli Perdão, amigos, procurando uma imagem de pesar e esbarrei o dedo aparecendo está horrível!!! LAMENTÁVEL! Minhas condolências sinceras à família e minha admiração pelo respeito que ele conseguiu amealhar pela dignidade de uma vida inteira.
    Mario Ventura
    Escreva um comentário...
    HISTÓRIAS RECENTES
    9 amigos publicaram na Linha do Tempo de Marcelo.