domingo, 29 de janeiro de 2017

MORREU O PROFESSOR ANTÔNIO ANDRADE GUIMARÃES, CONHECIDO CARINHOSAMENTE POR "SEU" TOTÓ, NA CIDADE DE VERA CRUZ. A SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC ESTÁ DE LUTO PELA PERDA DE SEU COMBATENTE DA REVOLUÇÃO DE 32

Visão Notícias
Postado em 29/01/2017 às 00:49
Morre o último ex-combatente da Revolução de 1932
Aos 103 anos, 'seu Totó' era considerado uma lenda viva. Ele será sepultado neste domingo e deve receber honras militares
A história da Revolução Constitucionalista de1932 teve na noite deste sábado mais um triste capítulo. Morreu o último ex-combatente daquela época, o professor Antonio Andrade Guimarães, conhecido carinhosamente por 'seu Totó', aos 103 anos. Ele estava internado após sofrer uma queda acidental em casa, na vizinha cidade de Vera Cruz. O sepultamento será neste domingo (29), às 16h, no cemitério da cidade. O corpo deve ser velado a partir das 7h30, também na cidade e seu Totó deve receber honras militares de comandantes de Marília e Garça.
Seu Totó ao lado do comandante da PM de Garça, capitão Luiz Claudio Gomes de Sá e seu irmão, Luiz Carlos Gomes Gomes de Sá, Advogado e membro do Rotary Clube.
Seu Totó foi um dos 35 mil paulistas que pegaram em armas contra a ditadura de Getúlio Vargas, há 84 anos. Sua história como ex-combatente foi motivo de uma reportagem especial do jornal O Estado de SP, no dia 9 de julho do ano passado, em comemoração a mais aniversário da Revolução.
Eu era um moço, 18 ou 19 anos, entrei como voluntário e passei 78 dias no campo de batalha, mudando de uma trincheira para outra. Os soldados do Getúlio invadiram nossa trincheira, machucaram alguns dos nossos e fizeram prisões, quando não mataram. Eu escapei por pouco. Meus companheiros foram presos e levados para a Ilha das Flores, no Rio de Janeiro”, conta seu Totó ao jornalista José Maria Tomazela.
Depois da revolução, Antonio Andrade Guimarães tornou-se professor, diretor de escola e ajudou a fundar o Rotary Club de Vera Cruz. Constantemente era homenagenado no dia 9 de Julho (no ano passado uma delas foi da Polícia Militar em Marília).
Seu Totó, o último ex-combatente da região.
Nesta noite, o Rotary Clube de Marília Coroados divulgou uma mensagem sobre a morte de seu "Totó": "O RC de Marília Coroados lamenta profundamente o ocorrido e com muita tristeza presta nossas sinceras condolências aos familiares, amigos e aos companheiros do RC de Vera Cruz".
O comandante do Policiamento de Vera Cruz, Sargento Luiz Rogério, afirmou que "seu Toto foi um ícone, exemplo a ser seguido, homem valoroso e honrado tanto que o Quartel em Vera Cruz carrega sua foto como herói não só a revolução de 32 mas de Vera Cruz"
Univem mobile

Nenhum comentário: