quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

SOLENIDADE ALUSIVA AO 53º ANIVERSÁRIO DA ESCOLA SUPERIOR DE BOMBEIROS - BOLETIM DO COMANDO

   SECRETARIA DE ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA
POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO
CORPO DE BOMBEIROS
ESCOLA SUPERIOR DE BOMBEIROS “Coronel PM Paulo Marques Pereira”


BOLETIM ALUSIVO À SOLENIDADE COMEMORATIVA AO 53º ANIVERSÁRIO DA ESCOLA SUPERIOR DE BOMBEIROS



Comemoramos, nesta data, o 53º aniversário da Escola Superior de Bombeiros “Cel PM Paulo Marques Pereira”, com o propósito de reverenciar nossa história, homenagear os veteranos que nos antecederam, reconhecendo o valoroso legado que nos deixaram, bem como de agradecer aos Oficiais e Praças, ao corpo discente e aos demais colaboradores atuais, que diariamente contribuem para uma melhor capacitação do profissional bombeiro, com o engrandecimento da nossa Escola e do próprio Corpo de Bombeiros.
Este evento é ainda abrilhantado pela entrega de condecorações do recém criado Núcleo ESB da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC, com a finalidade de cultuar os valores cívicos da Revolução Constitucionalista de 1932 e materializar o reconhecimento às personalidades e instituições de destaque, mormente na área de ensino de bombeiros, por meio da concessão do colar “Tenente Coronel Álvaro Martins e das medalhas “Luz da Pátria” e “Audazes Bombeiros”.
As atividades de ensino, instrução e treinamento remontam dos primórdios do Corpo de Bombeiros Paulista, no entanto, foi em 18 de fevereiro de 1964 que foi criada, pelo Comandante Paulo Marques Pereira, uma organização militar com este fim específico, a Companhia Escola de Bombeiros, sob comando do 1º Ten Luis Sebastião Malvásio, localizada no quartel do Cambuci, onde hoje se localiza o 1º Grupamento de Bombeiros.
Em 1967 foi transferida para a Invernada do Barro Branco, onde permaneceu até 1986, período em que teve diferentes denominações: Companhia Escola de Especialização, Centro de Adestramento e Instrução de Bombeiros – CAIB, Centro de Instrução e Adestramento (CIAd) e Centro de Instrução de Bombeiros (CIB).
Em 1986, mudou-se para a Praça Clóvis Bevilácqua, nº 421, junto ao Comando do Corpo de Bombeiros, passando a intitular-se Centro de Ensino e Instrução de Bombeiros – CEIB, até ocupar definitivamente para sua sede própria, no município de Franco da Rocha em 1999, em uma área de 109 hectares e atualmente com aproximadamente 50000 m2 de área construída e, mais do que isso, figurando como uma referência nacional no ensino de bombeiro, contando com discentes de todas as Unidades da Federação, Grupo de Resgate e Atendimento a Urgências (GRAU), SAMU, CETESB, Forças Armadas, entre outros Órgãos Públicos e entidades privadas relacionadas ao atendimento a emergências e desastres.
Continuemos pois, dia a dia, ano a ano, inspirados por Deus e pela nossa vocação de servir, neste propósito de aperfeiçoar a capacitação do profissional bombeiro, cônscios de que nosso esforço em ensinar e em aprender, salva vidas, auxilia a preservar o meio ambiente e a resguardar o patrimônio!
Agradeço ao Comando do Corpo de Bombeiros, na pessoa do Cel PM Cássio Roberto Armani, pela colaboração prestada para o crescimento desta Casa de Ensino e ao Cel Mário Fonseca Ventura, Presidente da Sociedade Veteranos de 32, exemplo vivo de entusiasmo e respeito aos valores e tradições cívicas e militares.
Finalmente, agradeço de modo especial a todos os Oficiais, Praças e colaboradores que por aqui passaram ou que ainda servem nesta Escola contribuindo com a melhoria contínua dos processos de capacitação dos nossos alunos, nos diversos cursos e estágios, razão de ser e essência desses nossos 53 anos de existência!

                    
 Quartel em Franco da Rocha, 22 de fevereiro de 2017.

                                                          
EDUARDO RODRIGUES ROCHA
                        Cel PM Comandante

















___________________________________________________________________________________________________

“Nos Policiais Militares, sob a proteção de Deus, estamos compromissados com a Defesa da Vida, da Integridade Física e da Dignidade da Pessoa Humana.”

Nenhum comentário: