sexta-feira, 21 de abril de 2017

O AVANÇO DO CRIME "DESORGANIZADO" - ROBERTO DE ALMEIDA

O AVANÇO DO CRIME "DESORGANIZADO"

Entrada
x

Roberto de Almeida

)

AMIGOS

Qualquer   pessoa  que  tenha  algum  apreço  pela  própria  pele  deve   estar  se  perguntando o  que  está  acontecendo  com  este  pais.    Os  recentes  acontecimentos  nos  presídios  e   ruas  de  Roraima,  Manaus,  São  Luis,  Natal,  Fortaleza, Vitória,  sem  falarmos  de  episódios,  ditos  isolados,  no  Rio  de  Janeiro  e  São  Paulo  devem  nos  obrigar  a  esta  indagação:  o  que  está  acontecendo ?

O  escritor  italiano  Curzio  Malaparte,  no  seu  livro,  "A  PELE", que  retrata  a  situação  vivida  pelo  autor  durante  a ocupação da  Itália  pelo  exército  americano  na  Segunda  Guerra,   diz  "que  a  pele  é  a  única  bandeira  do  ser  humano".   Espero  que  ele tenha  razão,  e que  o  povo  do  "samba no  pé"  esteja,   pelo  menos,  preocupado  com  a  preservação  da  própria  pele.

Sob    o  olhar  alienado   de  grande  parte  da  população,  já  temos  a  convicção  que   o  "crime Organizado"  já  nos  domina.  Os  noticiários  da  imprensa  escrita  e  televisionada, acredito, não  deixam  qualquer dúvida.   A   falência   da  "justiça",  com  as  raras  exceções  de  alguns  juízes e  membros  do  MP  e  da  PF,    já  é  fato  conhecido.   E  muitas  condenações   ainda  nem  chegaram  a  revisão  das  instâncias  superiores.  Se  é  que  um  dia  chegarão.   Já  se  articula  a  hipótese  de  "penalizar  o  juiz".

Com  relação  ao  "crime  desorganizado",  o  "caos"  é  total.   Milhares  de  "acusados"  continuam  sem  condenação  formal,  outros "apodrecem"  em  presídios  que   mais  se  assemelham  a  "escolas  do  crime", para  sair     pior  do  que  entraram,  outros, ainda,  continuam  nas  ruas,     cometendo  delitos  apesar  de   já  apresentarem  uma  "invejável"   "folha  corrida".  Se  for   "de  menor"  então  a  liberdade  é "o  limite".  

O  escritor  D.M.  Templemore,  numa  análise  da  sociedade  atual,  diz : "Todos  os  problemas  surgem  do   fato de  que  nós  não  sabemos  o  que  somos  e  não  estamos  de  acordo  quanto  ao  que  queremos  ser".   Dessa   situação   surgem  os  oportunistas,  os  "salvadores"  que  vão  engrossar   o  "crime  organizado"   e  determinar  nosso  futuro  

Há  solução  ?  É   possível  que  haja.  Difícil  de  acreditar,  no  quadro  atual.   Talvez, se  deixarmos  de  lado   "o   samba  no  pé"   (pelo menos   durante  onze  meses  por  ano)  e  passarmos   a  encarar  com  seriedade  os  problemas,  até  é  possível.   Se  não,  só  Deus  sabe !   Se  é  que  o  Criador  já  não  solicitou  o  "green  card"  e  "se  mandou".

Aguardemos.

BOA  NOITE,  BOA  SORTE  A  TODOS

Nenhum comentário: