domingo, 16 de julho de 2017

5 DE JULHO DE 2017 - QUARTA-FEIRA



A imagem pode conter: 6 pessoas, pessoas em pé, pessoas andando e atividades ao ar livre



DIA       C I N C O       DE       J U L H O      DE        2017      –     QUAR7A-FEIRA. 
80 anos, seis meses e 8 dias de idade
Inicio de minhas memórias – 9 de Julho de 1950
DIA 362º DO ANO 67º - MÊS 12º
59 anos e 32 dias na PMESP.
58 anos e 145 dias na ESCOLA DE OFICIAIS – 21 186 dias – 504 844 horas.
53 anos e 302 dias da DECLARAÇÃO À ASPIRANTE A OFICIAL
29 anos e 116 dias no Posto de Coronel – 351 meses e 24 dias.
5 anos e 362 dias na Presidência da Sociedade Veteranos de 32-MMDC.
11 362 dias CORONEL - 25 anos e 204 dias na reserva.
11 423-668 816                       11 362-263 264                                10 964-256 864.
DIA DE SANTO ANTÔNIO MARIA ZACARIA. Nasceu em CREMONA, ITÁLIA, em 1502. Rico, vestia-se com modéstia, formou-se médico para cuidar dos pobres. Em 1528, deixou a medicina para se tornar sacerdote. Fundou a Congregação dos Clérigos Regulares de SÃO PAULO. Destacou-se pela piedade eucarística.

723 a. Eleito PAPA PIETRO DEL MURRONE, monge eremita do mesmo século de SÃO FRANCISCO DE ASSIS e de SÃO DOMINGOS, em 5 de julho de 1294, por um colégio de 12 cardeais que, em 27 meses de conclave, não tinham chegado a um acordo para a escolha do sucessor de NICOLAU IV. Os eleitores optaram pelo nome do eremita, pobre e com fama da santo, quando ele lhes escreveu exortando-os a resolver logo o impasse. Escoltado por CARLOS II, rei da SICÍLIA e de NÁPOLES, seu protetor, chegou em um burrinho a ÁQUILA. Era papa e, como tal, bispo de ROMA, mas foi morar em NÁPOLES por ordem do rei. Ele tinha 85 anos quando foi eleito papa.
Decidido a voltar às orações na solidão de um mosteiro, CELESTINO V tentou confiar a administração a um colegiado de três cardeais. Como juristas canônicos argumentaram que não seria possível, ele resolveu renunciar e consultou o cardeal BENEDETTO CAETANI sobre a legalidade da decisão. CAETANI encorajou CELESTINO V e se fez eleger papa em seu lugar, num conclave relâmpago, escolhendo o nome de BONIFÁCIO VIII. Foi um choque para a Igreja, pois muitos perguntavam se um pontífice poderia renunciar.
SÃO CELESTINO V abdicou seis meses após sua eleição; administrador incompetente foi colocado por DANTE no Inferno da “DIVINA COMEDIA”. Sob pressão do rei FELIPE IV, da FRANÇA, o PAPA CLEMENTE V canonizou PIETRO DEL MURRONE em 1313. 
210 a. britânicos sofrem três mil baixas em ataque a BUENOS AIRES e se comprometem a deixar MONTEVIDÉU, em 5 de julho de 1807.
206 a. da independência da VENEZUELA, em 5 de julho de 1811, declarada sob o comando de SIMÓN BOLIVAR. A VENEZUELA foi a primeira colônia espanhola a declarar independência. O processo foi desencadeado em CARACAS, em 19 de abril de 1810, quando setores da elite “criolla” aproveitaram o fato de a ESPANHA estar sob poder de NAPOLEÃO BONAPARTE para proclamar um governo autônomo. O GENERAL FRANCISCO DE MIRANDA comanda a primeira insurreição para a independência da AMÉRICA DO SUL e proclama a VENEZUELA livre da coroa espanhola. No entanto, as forças de FERNANDO VII contra-atacam e, após um ano de resistência e temendo uma grande derrota, MIRANDA assina um acordo em julho de 1812 e tenta fugir. Os revolucionários encaram sua rendição como uma traição e o entregam ao Exército real. Ele é levado a prisão em CÁDIS, na ESPANHA, onde morre, em 1816.
134 a. nasce JOHN MAYNARD KEYNES, economista inglês, em 5 de julho de 1883.
132 a. da primeira vacina  anti-rábica, em 5 de julho de 1885.
128 a. nasce JEAN COCTEAU em 5 de julho de 1889. Morre em 11 de  outubro de 1963.
115 a. falece PEDRO VICENTE DE AZEVEDO no dia 5 de julho de 1902, no GUARUJÁ. Nasceu em LORENA (SP), em 29 de junho de 1844.  Foi Presidente da Província de SÃO PAULO no período de 1888/89 (um breve relato de sua vida profissional está acrescentada nestas memórias por ocasião do lançamento da data de seu nascimento).
107 a. (PARIS) A missão brasileira de propaganda recebeu comunicação de ter sido inaugurado em VIENA, no conhecido CASSINO VENEZA, um pequeno pavilhão brasileiro para a venda de café em xícaras.
106 a. (CURITIBA) O chefe de polícia recebeu um telegrama do comissário de OURINHOS afirmando não ter havido massacre de índios naquela cidade e dizendo ter esclarecido o fato em ofício já remetido para esta capital. Essa notícia acha-se publicada no jornal O ESTADãO de 5 de julho de 1911.
104 a. EDU CHAVES com um avião BLERIOT, mais potente (80 cavalos), do que aquele que saiu de São Paulo e caiu perto da baia de GUANABARA (em 28 de abril de 1913), voou em direção ao RIO, por volta das 9:45 horas de 5 de julho de 1913. Quase cinco horas depois, às 14:10 horas, aterrissava no campo dos AFONSOS, onde convidou o MARECHAL HERMES DA FONSECA para um passeio de avião. Dona NAIR DE TEFFÉ, esposa do presidente, não deixou nem o marido abrir a boca e impediu que ele aceitasse o convite. Um ano mais tarde, em 5 de julho de 1914, EDU CHAVES faria a primeira ligação aérea RIO-SÃO PAULO, sem escalas.
102 a. nasce o jornalista JOSÉ DE LIMA MONNERAT em SAPUCAÍ, em 5 de julho de 1915. Iniciou suas atividades como jornalista no jornal O TEMPO. Foi funcionário da Assembléia Legislativa de SÃO PAULO por cerca de 40 anos, onde atuava também como setorista pela rádio BANDEIRANTES. Foi um dos fundadores da Associação dos Cronistas Parlamentares da Assembléia, em 14 de março de 1947, juntamente com JOSÉ CARLOS DE MORAES, o “TICO-TICO”; MURILO ANTUNES ALVES, RUY MARCUCCI e SÓLON BORGES DOS REIS, entre outros. MONNERAT foi um dos primeiros jornalistas a fazer a cobertura do Parlamento Paulista. Faleceu no dia 7 de outubro de 2004, aos 89 anos de idade.
102 a. PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL: os italianos são derrotados em batalha próxima as cidades de GRADISCA e GIRÍZIA, em 5 de julho de 1915.
  97 a. nasce LOREHY NOVAZZI, filho de ESTEVAM NOVAZZI e MARIA JANNONI NOVAZZI em IBITINGA (SP), em 5 de julho de 1920. Passou a sua infância em ITÁPOLIS (SP). Em ITÁPOLIS, com cinco anos de idade foi matriculado na ESCOLA PAROQUIAL DO PADRE BORGES (pré-escola), em seguida foi para o Grupo Escolar e ao término para o Instituto de Educação “VALENTIN GENTIL”. Dos 11 aos 13 anos trabalhou nas CASAS PERNAMBUCANAS como office-boy. Em 1933, sua família mudou-se para SÃO PAULO (sendo matriculado no COLÉGIO PAULISTANO. Foi office-boy do doutor LAMEIRA DE ANDRADE (advogado com escritório na PRAÇA DA SÉ, PALACETE SANTA HELENA, demolido para a construção do metrô). LAMEIRA era administrador da Instituição onde também foi seu office-boy. Após o falecimento de LAMEIRA, LOREHY serviu, de 1938 a 1940, na sede da entidade, onde morava com sua mãe, auxiliando-a nos trabalhos assistenciais. Nas horas de folga trabalhava em uma fábrica de guarda-chuvas na rua SÃO CAETANO para ajudar nas despesas da casa. Em 1940, deixou o emprego e os estudos e foi para POÁ (ABRIGO BATUÍRA), que se encontrava em crise administrativa, prestando como voluntário serviços aos menores internados, até 1942. Nesse ano, foi nomeado pelo Conselho, PROVEDOR DO SERVIÇO SOCIAL BATUÍRA, cargo que ocupou até 1992, quando por força da Lei os Estatutos foram reformados, sendo dona MARIA JANNONI, que já era administradora desde 1938, eleita Presidente e LOREHY NOVAZZI, seu vice-presidente, cargo ocupado até 1995, quando foi eleito Presidente da Instituição até 1998, sendo reeleito para o período de 1998 a 2001. Mesmo durante o período quando atuava como provedor do ABRIGO BATUÍRA trabalhou como representante comercial autônomo, tendo se aposentado como tal. Em 1945, junto com JOSÉ LOURENÇO MARQUES DA SILVA, fundou o primeiro jornal da cidade “POÁ JORNAL” do qual foi seu redator por três anos. Em 1946 foi vereador na Câmara Municipal de MOGI DAS CRUZES eleito por POÁ, então distrito daquele Município. Em 1948, trabalhou com vários cidadãos de POÁ pela emancipação Política e Administrativa, o que conseguiu, sendo atualmente o único emancipador ainda vivo. Maçom pela loja “UNIÃO E CARIDADE IV”, de MOGI DAS CRUZES, do GRANDE ORIENTE, (atualmente adormecido). Em 1957, fez parte do CENTRO DE ESTUDOS “LEGIONÁRIOS NA DEFESA DO MENOR”, sendo diplomado no curso de “Psicologia da Criança e do Adolescente”. Em 1958, foi fundador e primeiro presidente do “ROTARY CLUBE DE POÁ”,. Tendo em 1998 (quarenta anos de fundação) recebido em sessão solene o Diploma por serviços prestados à Comunidade e ao Clube. Em 1960, recebeu o Diploma de aproveitamento do curso “O MENOR E A DELINQÜÊNCIA”, proferido na Faculdade de Direito da Universidade de SÃO PAULO pela Sociedade Brasileira de Criminologia e Ciência Penitenciária. Em 1962, recebeu da Câmara Municipal de POÁ o título de “CIDADÃO POAENSE” pelos serviços prestados ao Município. Em 1978, recebeu por intermédio da Câmara Municipal de POÁ a Medalha e Comenda “INFANTE DOM HENRIQUE”, da Sociedade Cultural e Condecorativa do BRASIL. Em 1988, foi nomeado Conselheiro da Fundação do Bem Estar do Menor (FEBEM) como representante das entidades particulares. Por doze anos fez parte do Conselho de Sentenças do Juizado de POÁ. Foi também presidente da mesa eleitoral de POÁ em várias e seguidas eleições até pedir afastamento.
LOREHY NOVAZZI é pessoa muito benquista em POÁ. Conheço-o desde os meus tempos de adolescente. Numa época, em 1958, ele me levou para dar aulas a crianças que estavam se preparando para entrar no ginásio (preparatório). Freqüentei o ABRIGO BATUÍRA durante muitos anos, tendo vários colegas de escola que eram internos do Abrigo, como o JOSÉ VÁLTER TEIXEIRA, o SABIÁ, que depois se formou médico e foi ser vice-reitor de uma Universidade no RIO DE JANEIRO. Outro colega foi o CLÓVIS. Seu irmão CLÁUDIO, até hoje, mora no Abrigo Batuíra. LOREHY NOVAZZI esteve presente no velório de minha mãe, ajudando-me a passar o difícil transe (11 para 12 de maio de 2004). Foi quando lhe pedi o histórico de ANTÔNIO GONÇALVES DA SILVA BATUÍRA. No dia 4 de junho de 2004, o ADALVO mandou-me os papéis sobre o BATUÍRA, sobre sua mãe MARIA JANNONI NOVAZZI, sobre PEDRO LAMEIRA DE ANDRADE e também o seu próprio curriculum.
  95 a. do LEVANTE DO FORTE DE COPACABANA. No início de julho de 1922 estourava no RIO DE JANEIRO uma rebelião de jovens oficiais do Exército. Ficou conhecida como a REVOLTA DO FORTE DE COPACABANA, embora tenha extrapolado a fortaleza da zona sul carioca. Apesar de sua brevidade no tempo, sufocada pelo governo em cerca de 40 horas, seu significado político ultrapassou em muito aquele breve episódio. Carregada fortemente de uma aura heróica, a caminhada dos últimos 18 resistentes em direção à morte entrou para a História do BRASIL como um de seus episódios mais dramáticos, deflagrador de um ciclo de sucessivas interrupções do embate político pelo enfrentamento armado e pelo subseqüente exercício autocrático do poder, que desta vez só terminaria em 1945 com a derrubada da ditadura de GETÚLIO VARGAS. Dos 18 últimos resistentes, apenas dois sobreviveram: EDUARDO GOMES e SIQUEIRA CAMPOS. EPITÁCIO PESSOA fortaleceu-se após o episódio do FORTE DE COPACABANA: decretou o estado de sítio, prendeu civis e militares e ainda pôde comemorar triunfalmente o CENTENÁRIO DA INDEPENDÊNCIA, antes de passar a Presidência a ARTUR BERNARDES em 15 de dezembro de 1922. Ao sucedê-lo, BERNARDES manteve o estado de sítio, o que lhe permitiu agir rigorosamente na repressão à oposição, muito freqüente durante todo seu conturbado mandato. Para essa inquietação contribuiu decisivamente a situação econômica, com os déficits orçamentários e a queda das exportações e dos preços dos produtos primários levando ao circuito emissões/inflação, ao mesmo tempo em que o governo continuava a contrair empréstimos para manter os preços do café pela compra e armazenamento da produção excedente.
Em 1923 transcorreram duas graves crises políticas estaduais, no RIO DE JANEIRO e no RIO GRANDE DO SUL. O governo federal interferiu em ambas. A do RIO foi resolvida mais rapidamente com a nomeação de um interventor. A do RIO GRANDE DO SUL, entretanto, foi uma pequena guerra de guerrilhas, com assaltos de cargas de cavalaria a cidades e fazendas. Iniciada em fins de janeiro, foi gradualmente conquistando novos adeptos, chegando até a contar com uma unidade do Exército. O entendimento só foi alcançado em outubro, quando o próprio ministro da GUERRA foi ao SUL e conseguiu a cessação das hostilidades. BERNARDES fortalecia-se progressivamente. Isso, porém, não inibia alguns militares insatisfeitos com o governo de continuar preparando uma conspiração. O maior articulador desses opositores era o general gaúcho ISIDORO DIAS LOPES, que percorreu a região SUL e SUDESTE promovendo a idéia de um movimento revolucionário para derrubar o governo. No final de 1923, um novo acontecimento engrossaria a relação de simpatizantes de ISIDORO. No dia 26 de dezembro saiu a sentença do julgamento dos envolvidos na revolta do FORTE DE COPACABANA, incriminando os articuladores como responsáveis por um golpe de Estado. Isso significava uma punição mais severa do que a esperada pelos rebeldes, que se defendiam argumentando que lutavam apenas pelo afastamento de EPITÁCIO PESSOA da Presidência da República, sem almejar o poder. Alguns dos condenados fugiram, entre eles os tenentes EDUARDO GOMES, JOAQUIM TÁVORA e RICARDO HOLL. Um plano de levante militar nos quartéis do RIO GRANDE DO SUL e do PARANÁ foi desarticulado, e seu mentor, o TENENTE JOAQUIM BARATA, foi preso. Durante meses transcorreram tentativas de entendimento sobre a definição do local e da data de uma grande insurreição. Cogitou-se em organizar levantes no RIO GRANDE DO SUL, no PARANÁ e em SÃO PAULO, até que, por diversas razões, decidiu-se pelo dia 5 de julho de 1924, em SÃO PAULO – sobretudo pela situação estratégica da capital paulista, maior centro industrial e com grande entroncamento ferroviário e rodoviário. A data buscava homenagear aqueles que haviam tombado em COPACABANA e entusiasmar a tropa com a mística dos 16 heróis mortos, uma idéia do TENENTE JOAQUIM TÁVORA, um dos conspiradores de 1922. O intuito dos conspiradores era atrair a atenção nacional, de modo a desencadear um processo progressivo de adesões por todo o País, até que uma enorme pressão militar e política forçasse a renúncia de BERNARDES.   
  93 a. da REVOLUÇÃO DE 1924. No dia 5 de julho de 1924 iniciava-se em SÃO PAULO um movimento contestatório ao governo federal que deixaria o saldo de mais de 500 mortos, cerca de 5 mil feridos, além de grandes prejuízos causados por tiroteios e bombardeios. Durante os 23 dias de sua ocorrência, mais de 200 mil pessoas saíram da cidade - entre elas CARLOS DE CAMPOS, o governador do Estado, e todo seu secretariado -, o que representava mais de 1/3 da população da capital paulista na época. A semente dessa insurreição na cidade de SÃO PAULO havia sido plantada no RIO DE JANEIRO, exatamente dois anos antes, ou seja no dia 5 de julho de 1922. A reincidência do dia e mês não era acidental. A data da rebelião em SÃO PAULO havia sido intencionalmente marcada para homenagear os 16 mortos da REVOLTA DO FORTE DE COPACABANA, ocorrida exatos dois anos antes. Para compreender as razões que levaram destacamentos do Exército e da FORÇA PÚBLICA a ocupar a então segunda maior cidade do País em 1924 é forçoso recuar ao crítico ano de 1922 e aos antecedentes da crise militar desse ano.  O historiador JOSÉ ALFREDO VIDIGAL PONTES, escreveu o livro “1922: O BRASIL SE REVOLTA”.
Comandada pelo GENERAL ISIDORO DIAS LOPES e com a presença em SÃO PAULO de destacados tenentes da revolta do FORTE DE COPACABANA, o movimento de ocupação da cidade começou às 3 horas da madrugada, com os TENENTES EDUARDO GOMES e JUAREZ TÁVORA assumindo o controle do 4º Batalhão de Cavalaria de SANTANA. Quando o dia amanheceu, diversas posições estratégicas tinham sido controladas pelos revolucionários, mas não todas as que estavam nos planos. No alvorecer, as tropas leais ao governo conseguiram retomar algumas posições perdidas, incluindo o quartel da FORÇA PÚBLICA na LUZ e o 4º Batalhão de Cavalaria de SANTANA, onde os irmãos JOAQUIM e JUAREZ TÁVORA, além de outros tenentes, ficaram detidos ao retornarem inadvertidamente.
Durante o dia os revoltosos conseguiram o controle das estações ferroviárias da LUZ, SOROCABANA e do NORTE. Entretanto, ao aproximar-se a noite, as tropas do governo ainda controlavam cinco pontos estratégicos na região central, além de outros redutos no IPIRANGA, CAMBUCI, PENHA e BELENZINHO. As posições no centro foram disputadas em combates sucessivos nos dias seguintes. Os governos se defendiam no PALÁCIO DOS CAMPOS ELÍSEOS, no 4º Batalhão da FORÇA PÚBLICA, na LUZ, na vizinha Estação Transformadora de Eletricidade da LIGHT, no QUARTEL-GENERAL do EXÉRCITO, próximo ao TEATRO MUNICIPAL, e o no prédio central do CORREIO. Lentamente, os revolucionários conseguiram alguns avanços, enquanto as tropas legalistas se reorganizavam preparando-se para um contra-ataque. O governo perdeu o controle do quartel da FORÇA PÚBLICA, na LUZ, consolidando o domínio dos rebeldes na estação ferroviária. No dia 8 de julho, CARLOS DE CAMPOS, presidente do Estado e leal defensor de ARTUR BERNARDES, abandonou o PALÁCIO DOS CAMPOS ELÍSEOS e saiu da cidade. Mesmo assim, ISIDORO chegou a cogitar na retirada, por vários e bons motivos: encontrou mais resistência do que imaginara e o apoio de outras unidades não ocorreu, além de saber que o governo faria uma contra-ofensiva assim que recebesse reforços de fora. Mas, como até o dia 10 de julho os insurretos conseguiam manter a ofensiva, a idéia da saída foi pelo menos adiada.
Nesse período, o prefeito FIRMIANO MORAIS PINTO permaneceu na cidade. Chamado para uma reunião com ISIDORO, tomou a palavra e disse, corajosamente, segundo relato do historiador AURELIANO LEITE: - Senhor general: como prefeito de SÃO PAULO, não reconheço nem acato o seu poder. Faço-o responsável por tudo quanto a população de SÃO PAULO já sofreu e venha a sofrer com a ação dos revoltosos. É preciso que Vossa Excelência seja humano para com a cidade indefesa em suas mãos”. Ao que o general retrucou: - Senhor prefeito: tome Vossa Excelência conta de sua cidade. Respeito e acato o poder legal de que Vossa Excelência se acha investido. Retirando-se em seguida para a prefeitura, FIRMIANO criou a GUARDA MUNICIPAL e a COMISSÃO DE ABASTECIMENTO, que garantiram o fim das pilhagens e o fornecimento de alimentos para a população. Mas a reação estava a caminho, assim como o aumento da perturbação para os habitantes da cidade. No dia 11 de julho, a artilharia legalista procurava atingir os pontos mais estratégicos em poder dos revolucionários: PARAÍSO, VILA MARIANA, LIBERDADE, BRÁS, BELENZINHO, MOÓCA e até áreas centrais como a Rua FLORÊNCIO DE ABREU sofreram pesado bombardeio. Ainda com o controle da cidade, mas conscientes de que os reforços das forças federais iriam aumentar, ISIDORO e o também rebelado comandante da FORÇA PÚBLICA, MIGUEL COSTA, decidiram sair da cidade na madrugada do dia 27, em uma operação de retirada exemplarmente bem organizada. De SÃO PAULO embarcaram para BAURU, entroncamento ferroviário estratégico no centro do Estado. De lá se dirigiram a MATO GROSSO, encontrando resistência e desviando-se para o PARANÁ, onde renderam vilarejos e cidades, e por fim acamparam em CATANDUVA, à espera dos aliados que vinham do RIO GRANDE DO SUL, liderados pelo CAPITÃO LUÍS CARLOS PRESTES. O encontro das duas milícias se daria no dia 12 de abril de 1925, dando início à célebre COLUNA MIGUEL COSTA-LUÍS CARLOS PRESTES, que percorreria boa parte do território brasileiro nos dois anos seguintes, escapando ao cerco das tropas do governo de ARTUR BERNARDES. Enquanto a ocupação em SÃO PAULO se desenrolava, diversas insurreições ocorreram em locais não previstos pelos articuladores, como em MATO GROSSO, no PARÁ, em SERGIPE e no AMAZONAS, a mais longa e radical de todas, com um mês de duração. Apesar da retirada bem-sucedida, sem novos combates, a revolução de 1924 deixou um saldo de mais de 500 mortos e 5 mil feridos, além de grandes prejuízos em residências, lojas e fábricas. E cerca de 200 mil pessoas saíram da cidade de SÃO PAULO durante a sua ocorrência. Os rebeldes choraram a morte de muitos companheiros, entre eles o TENENTE JOAQUIM TÁVORA, irmão de JUAREZ, um dos grandes articuladores da revolução, atingido mortalmente em combate pela posse de um quartel da FORÇA PÚBLICA. No dia 29 de julho de 1924 (ele está enterrado no cemitério CHORA MENINO), JÚLIO MESQUITA foi preso a mando de ARTUR BERNARDES e o jornal O ESTADO DE SÃO PAULO proibido de circular. Em seguida foi levado ao RIO DE JANEIRO por trem, acompanhado dos dois filhos mais velhos, JÚLIO DE MESQUITA FILHO e FRANCISCO MESQUITA. O jornal só voltaria a circular em 17 de agosto, mas sob censura. JÚLIO MESQUITA ficou detido no HOSPITAL MILITAR da capital federal até meados de setembro, sem nunca ter sido formulada uma acusação formal contra ele. Anos depois o jornal ganharia uma ação judicial contra o governo federal ao contestar esta arbitrariedade.
O HOTEL ESPLANADA ficava na Praça RAMOS DE AZEVEDO, 254, atrás do Teatro Municipal. Na véspera da Revolução o luxuoso hotel sediou uma festa de arromba promovida pelo Consulado dos ESTADOS UNIDOS. O GENERAL ABÍLIO NORONHA, comandante das tropas estava presente. ABÍLIO foi preso no dia seguinte, ainda vestido com trajes de gala. Hoje o prédio abriga a sede da Companhia Brasileira de Alumínio. O Quartel-General da 2ª Região Militar ficava na Rua CONSELHEIRO CRISPINIANO. Era comandado pelo GENERAL ABÍLIO NORONHA, líder das tropas leais ao governo. De acordo com a professora ILKA STERN, autora de “BOMBAS SOBRE SÃO PAULO – A REVOLUÇÃO DE 1924”, NORONHA foi solto depois de negociações entre os dois lados. A antiga sede da Secretaria da Justiça e da Polícia ficava no PÁTIO DO COLÉGIO. O bombardeio do local assustou CARLOS DE CAMPOS, que fugiu para o interior com o seu gabinete. A região entre a Avenida SÃO JOÃO, Rua 7 DE ABRIL e VALE DO ANHANGABAÚ ficou tomada por trincheiras. O Palácio dos CAMPOS ELÍSEOS era localizado na Avenida RIO BRANCO 1269, sede do governo estadual na época. Também foi intensamente bombardeado durante a revolução. Uma antiga usina termoelétrica guarda até hoje em sua torre as marcas de tiros e bombardeios, na Rua JOÃO TEODORO. Na Rua JAVARI, o antigo Cotonifício CRESPI, totalmente destruído durante os bombardeios. Esse prédio foi reconstruído e hoje deu lugar a um supermercado. O local do primeiro bombardeio foi o LICEU CORAÇÃO DE JESUS, localizado no quadrilátero das alamedas DINO BUENO, NOTHMANN, GLETE e BARÃO DE PIRACICABA.
No mês de junho de 2014, recebo do escritor CELSO LUIZ PINHO o livro “SÃO PAULO - 1924”. Na capa consta uma frase de CARLOS DE CAMPOS, Presidente de SÃO PAULO: “Aos revoltos, nada!...a granada será a resposta”. No prólogo do livro: “Certas datas sintetizam indeléveis na vida dos povos...Às vezes, de tão transcendentes, não carecem que lhes aponte o ano em que ocorreram...”(HAMILTON LEAL, in 5 de julho A GRANDE LEGENDA, 1976).
Apesar do frio e da neblina cerrada daquela madrugada de 5 de julho de 1924, alguns homens deixaram o sobrado localizado no número 27 da Rua VAUTIER, bairro do PARI, em plena capital paulista.
O período vivido na clandestinidade havia ensinado-lhes que à noite era bem menor o perigo de serem apanhados pela polícia governista, mas prevendo qualquer eventualidade, enquanto caminhavam mantinham uma das mãos ao alcance das armas que carregavam nos bolsos dos grossos sobretudos que vestiam.
Dois deles, JOAQUIM FERNANDES DO NASCIMENTO TÁVORA e EDUARDO GOMES, desertores do Exército, tinham como destino o bairro de SANTANA, mais precisamente o quartel do 4º Batalhão de Caçadores que, naquele momento, já deveria estar em mãos de outros conspiradores.
As ações que visavam a derrubada do Presidente da República, ARTHUR BERNARDES, estavam começando. Aos revoltosos, o caminho escolhido para a derrubada era o da luta armada.          
  91 a. CHILE ocupa novamente as províncias de TACNA e ARICA, sobre as quais mantém um litígio com o PERU, em 5 de julho de 1926.
  91 a. nasce IVO PITANGUY em 5 de julho de 1926. Foi presidente do Museu de Arte Moderna do RIO por onze anos, herdando o gosto pelas artes da mãe, MARIA STAEL JARDIM DE CAMPO PITANGUY. Já o gosto pela medicina veio depois, após o término dos estudos secundários, por influência do pai, ANTÔNIO DOS CAMPOS PITANGUY, cirurgião geral. Ele é um médico raro, que dedicou a vida para mostrar os valores da cirurgia plástica como instrumento para dar ao indivíduo um bem-estar com sua própria imagem. Mantém 10 vagas anuais em seu curso de pós-graduação e já formou quase cinco mil médicos.  Na 25 ª JORNADA CARIOCA, realizada em agosto no RIO, IVO PITANGUY demonstrou algumas de suas inúmeras técnicas cirúrgicas, como redução de mamas e face-lift, para os profissionais participantes, em procedimentos mostrados diretamente do centro cirúrgico. Também foi palestrante e estrela de primeira grandeza do 18º Congresso da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica,  evento que reuniu mais de 1.700 cirurgiões plásticos, do dia 1 º de agosto até o dia 5 de agosto de 2006, no FORTE DE CAPACABANA.
  86 a. da inauguração do SANATÓRIO PADRE BENTO, em GUARULHOS, fazendo parte do então Departamento de Profilaxia da Lepra, no dia 5 de julho de 1931. Em 1934, necessitou-se de profundas ampliações. Construiu-se, então 6 pavilhões para mulheres, 4 para homens, 8 grupos de casas conjugadas para os casais, 28 casas isoladas, a residência do diretor, a quadra de esportes, o teatro-cassino e a instalação da rede de água e luz. Em 1936, efetuou-se a construção de 2 pavilhões específicos, com capacidade para 300 leitos, para o tratamento de menores hansenianos e, devido a esta peculiaridade (era o único a possuí-lo, chegou a denominar-se INSTITUTO EDUCACIONAL PADRE BENTO DIAS PACHECO. Seu primeiro diretor foi o Dr. AGUIAR PUPO, que ficou no cargo por apenas 37 dias, sendo então substituído pelo Dr. LAURO DE SOUZA LIMA, que permaneceu no cargo por 19 anos. Em agosto de 1933 é fundada a Sociedade Paulista de Leprologia com sede e foro no SANATÓRIO PADRE BENTO, e logo a seguir criou-se a revista de Leprologia de SÃO PAULO, que mais tarde tornou-se REVISTA BRASILEIRA DE LEPROLOGIA, fazendo, então, a cobertura da especialidade em todo território nacional. Em 1944, iniciou-se o uso das sulfonas no BRASIL. Na década de 60 o ex–sanatório passou a denominar-se HOSPITAL PADRE BENTO DE GUARULHOS. Em 1972 o Hospital ADHEMAR DE BARROS (que tratava os doentes portadores de PÊNFIGO FOLIÁCEO que funcionava no bairro de SANTANA, na capital) passou a ocupar as instalações dos pavilhões de menores do HOSPITAL PADRE BENTO. Em 1985, os pacientes crônicos de tuberculose no H.O. do MANDAQUI passaram a ocupar estas instalações e os doentes de PÊNFIGO foram transferidos para duas enfermarias do HOSPITAL PADRE BENTO. A partir dessa data passou então a ser denominado COMPLEXO HOSPITALAR PADRE BENTO DE GUARULHOS, pela fusão de dois hospitais (PADRE BENTO e HOSPITAL ADHEMAR DE BARROS). Enquadrou-se na categoria de HOSPITAL GERAL em 1990, após a inauguração do PRONTO SOCORRO e logo a seguir da UTI. Deixando de possuir a área asilar, o pavilhão de menores foi desativado e as crianças passaram a ocupar quatro enfermarias do hospital e posteriormente foram encaminhadas para as suas famílias ou educadores.
  85 a. ANTÔNIO OLIVEIRA SALAZAR é nomeado presidente do Conselho de Ministros de PORTUGAL, em 5 de julho de 1932.
  82 a. lei que garante a liberdade sindical é publicada nos ESTADOS UNIDOS em 5 de julho de 1935.
  81 a. nasce JAMES ALEXANDER MIRRIEES, economista inglês, em 5 de julho de 1936. Prêmio NOBEL de 1996.
  72 a. SEGUNDA GUERRA MUNDIAL: o exército soviético se retira da TCHECOSLOVÁQUIA e da POLÔNIA, em 5 de julho de 1945.
  69 a. governo trabalhista britânico estatiza o setor da saúde, em 5 de julho de 1948.
  69 a. morre GEORGES BERNANOS, escritor francês, em 5 de julho de 1948.
  65 a. Senado argentino aprova o projeto de lei para erguer monumentos a EVA DUARTE DE PERÓN, em BUENOS AIRES, e outras cidades da ARGENTINA, em 5 de julho de 1952.
  63 a. de uma das canções mais emblemáticas do rock´n´roll “THAT´S ALL RIGHT”, de ELVIS PRESLEY. O registro da música data de 5 de julho de 1954. Em 2004, comemorando o meio século da canção, foi relançada nas paradas da INGLATERRA e dos EUA.
  60 a. nasce VALDIR em 5 de julho de 1957.
  57 a. Conselho de Ministros de CUBA anunciam em 5 de julho de 1960 a nacionalização de todos os negócios e propriedades comerciais americanas existentes na ilha. Uma medida dessa ordem era esperada em WASHINGTON desde que os ESTADOS UNIDOS aprovaram a redução da importação de açúcar cubano.
  55 a. falece o Príncipe dom PEDRO HENRIQUE DE ORLEANS E BRAGANÇA, em 5 de julho de 1962. 
  55 a. da INDEPENDÊNCIA DA ARGÉLIA, em 5 de julho de 1962.
  53 a. das anotações feitas em 5 de julho de 1964 (domingo). ANO 14º - MÊS 12º - DIA 362º - 6 anos e 31 dias na FORÇA PÚBLICA – 43 dias como 2º TENENTE – 290 dias no BATALHÃO DE GUARDAS.
Pela manhã temos a feira como distração. Depois fizemos uma limpeza geral no quarto e andamos trocando a posição dos móveis.
Antes de almoçar vou ver as obras que o 3º SARGENTO JOSÉ CARCAN está levando a efeito em sua casa. Vai construir um sobradinho e agora trata de fazer os alicerces.
Após a refeição, deito um pouco. São 16:30 horas quando o CARCAN vem me visitar. Meu compadre serve no 11º BP (TRANSITO) e, atualmente, sente-se insatisfeito com a situação do seu serviço.
Levo minha esposa ao CINE VERA. Assistimos:
O FANTASMA DA ÓPERA – é um filme famoso contando a triste história do Professor PETRIE, que, completamente deformado, refugia-se nos bastidores do teatro, procurando prejudicar a ópera “JOANA D´ARC”, de sua autoria, mas usurpada por outro. Seu interesse por uma jovem cantora traz à tona todo o mistério.
COM O AMOR NO CORAÇÃO – história simples de uma mocinha que vive em uma casa flutuante. Procura estudar e ajudar, ao mesmo tempo, uma senhora rica, mas desiludida por maus tratos de sua sobrinha. SANDRA DEE é a estrela do filme, com toda sua meiguice.
  52 a. das anotações realizadas em 5 de julho de 1965 (segunda-feira). ANO 15º - MÊS 12º - DIA 361º - 7 anos e 31 dias na FORÇA PÚBLICA - 408 dias como 2º TENENTE - 655 dias no BATALHÃO DE GUARDAS.
Nesse início de semana o BATALHÃO DE GUARDAS vai viver um de seus dias mais importantes: teremos um novo Comandante a partir de hoje. Como se sabe, o BG está sendo comandado interinamente há muito tempo, ou seja, desde que o COMANDANTE LUIS NÓBREGA E SILVA passou para a reserva. A Unidade chegou até a ser comandada interinamente por um capitão - MÁRIO FERREIRA - durante diversos meses. Em fevereiro de 1965, quando o MAJOR ALOÍSIO BORGES retornou ao BG depois de ter cursado o CAO e comandado a OPERAÇÃO UBATUBA, assumiu o comando interino e permaneceu no mesmo até hoje. Vários nomes surgiram para comandar o BG - CORONEL JOSÉ VILLELA SANTOS e TENENTE-CORONEL CÁLIO DE CAMPOS MONTES - mas, hoje, finalmente, assumirá o comando do BG o TENENTE-CORONEL ANSELMO PERES, aqui classificado por efeito de promoção. O TENENTE-CORONEL ANSELMO vem do Regimento de Cavalaria "9 de Julho", onde serviu durante mais de vinte anos.
Desde cedo a Unidade está em fase de remodelação, engalanando-se para a solenidade de assunção de Comando, uma vez que isso se dará às 11 horas.
No dia 1º de julho assumi o Comando Interino da 3ª Companhia - visto o CAPITÃO JOSÉ SANCHES FÉLIX ter assumido o comando da Companhia de Comando e Serviços (CAPITÃO JOSÉ VICENTE MARINO foi apresentado naquela data à Câmara Municipal). Em consequência tenho de exercer esse comando acumulativamente com o de CHEFE DA FIF.
Às 11 horas tem início a solenidade de assunção de Comando, sendo que o Chefe do Estado Maior, CORONEL DIVO BARSOTTI, representa o Comando Geral. Várias patentes da Força e da Aeronáutica estão presentes, visto o TENENTE-CORONEL ANSELMO PERES gozar de grande prestígio no seio da sociedade. Sou o oficial encarregado de ler o Boletim Especial de passagem de comando e isso é feito tão logo o MAJOR ALOÍSIO BORGES passa o Comando do BG ao TENENTE-CORONEL ANSELMO PERES. Findando a solenidade temos um coquetel oferecido graciosamente pelo Serviço de Subsistência.
Apesar de tudo ser festa, estou preocupadíssimo com o pagamento do BG. Isto faz com que pegue o carro do Comando e vá ao Serviço de Fundos às 12:30 horas. Encontro ali os TENENTES NASCIMENTO (QG), RUI MARTINES GALARÇA (COMPANHIA DE GUARDAS) e JOÃO ROSA (12º BP), todos tesoureiros, mas bem desanimados. No entanto, conversando com o CAPITÃO WALDOMIRO DE ABREU, Tesoureiro Geral, vislumbro um palpite de que o pagamento poderá sair hoje.
Retorno ao BG para dar a novidade ao TENENTE-CORONEL ANSELMO, ao mesmo tempo que peço para ficar com a viatura do quartel à minha disposição. O MAJOR ALOÍSIO BORGES, agora nas funções de SUB-COMANDANTE, vai para seu lar, aproveitando a condução do Batalhão e me dirijo ao Serviço de Fundos, novamente, agora para esperar pelo que desse e viesse a respeito do pagamento.
Converso com o 2º TENENTE MOACYR DE SIQUEIRA, chefe da Contabilidade do Serviço de Intendência. São mais de 16 horas quando recebemos a seguinte notícia: CAPITÃO WALDOMIRO iria para o BANCO DO BRASIL e ali receberia uma quantia suficiente para pagar muitas Unidades. É marcado então um encontro de tesoureiros naquele Banco.
Retorno ao BG e preparo a escolta para buscar o dinheiro. O SARGENTO CHARLES, comandante da Prontidão, é o encarregado da mesma. Acontece que o carro do Comando está à disposição do MAJOR ALOÍSIO BORGES e nada de retornar à Unidade.
Enquanto isso converso com os ASPIRANTES HUGO CLIVATTI e CLAUDEONOR MAIORINO. A tarde está chuvosa, feia, sem graça.
Às 17 horas, finalmente, podemos rumar para o BANCO DO BRASIL. Isso é feito rapidamente e em breve minutos lá chegamos.
Encontro-me com os TENENTES JOÃO ROSA, RUI MARTINES, OTACÍLIO (9º BP), BITTENCOURT (acompanhando o tesoureiro do Corpo de Bombeiros), FERREIRA DE SOUSA (1º BP "TOBIAS DE AGUIAR"), AMÉRICO VICTOR SALVATO (2º BP), ÁTILA (11º BP), TELLES (CFA) e outros.
A espera não é muita, principalmente pela minha parte, pois ali cheguei às 17:20 horas. Não são 18:30 horas quando o CAPITÃO WALDOMIRO DE ABREU começa a pagar os tesoureiros. Esse pagamento é feito em notas de cinco mil cruzeiros, novíssimas, saídas da Caixa de Amortização em pacotes lacrados. Referem-se à estampa 2ª, série 65º.
No BG sou recebido com alegria por aqueles que me vêm chegar. O dinheiro é colocado no cofre - OITENTA E TRÊS MILHÕES E CENTO E DOZE MIL CRUZEIROS - dos quais oitenta milhões em notas de cinco mil cruzeiros, conforme especifiquei acima. Com a consciência um tanto tranquila, retorno ao meu lar.
Chuvisca e sou obrigado a tomar o primeiro ônibus que aparece - MANDAQUI. Faço uma viagem desagradável e, no MANDAQUI, como chovesse muito, permaneço durante alguns minutos num borracheiro.
Em meu lar chego antes das 21 horas. Minha esposa acabava de assistir seus programas prediletos na televisão e eu ainda leio um jornal antes de deitar.
Termina o 5 de julho com dois fatos importantes: Assunção de Comando do TENENTE-CORONEL ANSELMO PERES e recebimento do pagamento referente ao mês de junho, um pouco atrasado devido aos dias feriados que tivemos na semana que passou.    
  52 a. falece ALTINO ARANTES MARQUES, em 5 de julho de 1965. Nasceu em 29 de setembro de 1876, em BATATAIS. Formado em Direito pela Faculdade do Largo de São Francisco (turma 1895). Membro da Comissão Diretora do Partido Republicano Paulista – PRP – e seu Presidente. Deputado Federal (1906/08; 1909/11 e 1921/30); Secretário de Estado do Interior, Secretário Interino da Fazenda e da Agricultura; Presidente do  Estado de São Paulo em 1916/20. Candidato a Vice–Presidente da República em 1950. Presidente do Estado de São Paulo. Membro e Presidente da Academia Paulista de Letras. Membro do Instituto Histórico e Geográfico de SÃO PAULO.
  51 a. do registro dos fatos acontecidos em 5 de julho de 1966 (terça-feira).Ano 16º - mês 12º - dia 360º - 8 anos e 31 dias na FORÇA PÚBLICA – 773 como 2º TENENTE – 91 dias na futura 2ª Companhia Independente.
O TENENTE PORT emprestou-me o programa para o Vestibular à Faculdade de Direito de SÃO BERNARDO DO CAMPO. Hoje começo a ler a matéria de Português. Acontece que o programa de GUARULHOS pode ser diferente e o estudo não seria tão proveitoso.
Deixo meu lar depois das 11 horas e rumo para GUARULHOS.
O CAPITÃO JAIR prepara as coisas para que seja efetuada a mudança da Companhia amanhã. Arrumo um caminhão da Prefeitura com o senhor CELESTE. Finalmente iremos deixar os fundos da delegacia.
Continuo efetuando o pagamento, agora, dos retardatários. Ao terminar o expediente, restam apenas dois pagamentos, os quais são de praças transferidas da subunidade.
Através do telefone, mantenho contato com minha prima NAIR. Transmito um recado de meus pais.
Preparo uma “visita” ao senhor REGINALDO FRATI LAVORADO para amanhã, uma vez que não deu o ar de sua graça no dia 1º do corrente. O senhor REGINALDO é aquele “caso” da batida do carro do CAPITÃO JAIR.
O expediente não apresenta grande coisa. Deixo a 3ª Cia às 18:45 horas.
Ainda viajo de ônibus. O carro do SARGENTO FLÁVIO está no conserto.
Entre os programas de televisão, está aquele intitulado O AGENTE DA UNCLE. 
  50 a. dos acontecimentos em 5 de julho de 1967 (quarta-feira). ANO 17º - MÊS 12º - DIA 361º - 9 anos e 31 dias na FORÇA PÚBLICA – 203 dias como 1º TENENTE – 456 dias na 2ª Companhia Independente.
O pagamento de junho sairá hoje à tarde. O expediente da 2ª CI foi invertido nessa quarta-feira e, aproveito para sair de GUARULHOS e ir ao BATALHÃO DE GUARDAS.
Na minha ex-Unidade recebo um recado do ASPIRANTE A OFICIAL ADAUTO FONSECA acerca de uma nota promissória protestada, cujo emitente é o SOLDADO BENEDITO RIBEIRO VIANA. O caso está nas mãos do doutor WILSON que, preso no BG, ultimamente foi recambiado para a Casa de Detenção Nova. Esse recado tem a data de 22 de junho e manda procurar o doutor FERNANDO GUIMARÃES à Rua JOSÉ BONIFÁCIO, 209, sala 203.
Converso com o 2º SARGENTO JOSÉ CARCAN, que trata de assuntos meus relacionados com o BATALHÃO DE GUARDAS.
Deixo o BG às 11 horas. Retorno a GUARULHOS. Almoço em minha residência. Deixo meu lar depois das 13 horas. Passo pelo Destacamento de Polícia, onde não sou mais comandante e, em seguida, rumo para o quartel da 2ª Companhia Independente.
O TENENTE NUNES FERNANDES vai buscar o dinheiro na Coletoria Estadual. São cerca de cinquenta e oito mil cruzeiros novos. Algumas praças receberão licença-prêmio neste mês.
O pagamento começa depois das 14 horas. Tenho certos problemas financeiros na Unidade e há um mal estar com o ASPIRANTE A OFICIAL LUÍS LUCAS, que age como espião do CAPITÃO JAIR. Este, comparece na 2ª CI. Continua fazendo o CAO no Centro de Formação e Aperfeiçoamento.
Aparecem algumas dívidas do famigerado soldado PÉ DE PATO: 150 cruzeiros novos para a CASA MALUF, no JARDIM TRANQUILIDADE, onde essa praça comprou um jogo estofado, uma mês de centro e um colchão de molas; 8,60 cruzeiros novos para dona MARIA DO CARMO LAMAS, proprietária de uma quitanda, a qual prestou declarações que foram tomadas por termo. Parece que o 2º SARGENTO SOARES tem um outro caso com referência a uma outra dívida desse soldado.
Pouco depois das 18 horas, deixo minhas funções de Ajudante-Secretário e rumo para meu lar. Janto e, pouco depois, saio com destino à VILA GALVÃO.
Encontro com a CLEIDE, que vem vindo do dentista. Visitamos uma senhora conhecida como dona TERESINHA. Vou ficar ao meu lado até às 24 horas. Ela está ligeiramente resfriada, mas o que lhe amola mais são os dentes.
Visitamos sua vizinha, a ROSELI, onde escutamos vários discos.
Passo uma agradável noite ao seu lado e, a zero hora, estou já retornando ao meu lar, numa KOMBI da Delegacia que, por coincidência, passa na avenida.    
  50 a. da “DISCOTECA DO CHACRINHA”, na GLOBO. O VELHO GUERREIRO virou sinônimo de televisão no BRASIL na época. Comandou três programas na GLOBO. A “DISCOTECA DO CHACRINHA”, de 5 de julho de 1967 a 29 de novembro de 1972; “BUZINA DO CHACRINHA”, de 9 de julho de 1967 a 3 de dezembro de 1972; e “CASSINO DO CHACRINHA”, de 6 de março de 1982 a 2 de julho de 1988.
  49 a. exumação dos despojos do herói constitucionalista SEVERO FOURNIER, no cemitério SÃO JOÃO BAPTISTA, em 5 de julho de 1968.
  49 a. tenista australiano ROD LAVER é campeão em WIMBLEDON, no dia 5 de julho de 1968.
  49 a. prosseguimento da democratização da TCHECOSLOVÁQUIA: a Assembléia Nacional reabilita as vítimas dos processos políticos desde 1948. É publicado em 5 de julho de 1968 o “manifesto das 2000 palavras”.
  47 a. LUÍS ECHEVERRIA é eleito presidente do MÉXICO, em 5 de julho de 1970.
  44 a. governo uruguaio decreta a supressão do direito de greve, em 5 de julho de 1973.
  44 a. do término da Conferência Européia de Segurança com um acordo para terminar a chamada GUERRA FRIA, em 5 de julho de 1973.
  40 a. após um golpe de Estado, ZIA UL-HAQ assume o poder no PAQUISTÃO e o primeiro-ministro ALI BHUTTO é posto em prisão domiciliar, em 5 de julho de 1977.
  40 a. da homenagem prestada pela Sociedade Paulista de Trote, da Capital, aos participantes da Revolução Constitucionalista de 1932, em 5 de julho de 1977. Foi totalmente dedicada aos valorosos oficiais da AVIAÇÃO MILITAR DO BRASIL que aderiram, sendo que muitos com incríveis sacrifícios de saúde e riscos para a vida. Um deles, o CAPITÃO ADHERBAL DA COSTA OLIVEIRA, iludiu a vigilância dos ditatoriais do CAMPO DOS AFONSOS, e chegou às terras de PIRATININGA para lutar pela constitucionalização do País. A primeira perda da Aviação Constitucionalista, composta de oficiais da Força Pública de São Paulo e civis que aderiram à causa, aconteceu somente a 24 de setembro de 1932, vitimada por atos de sabotagem no aparelho e não abatido como erroneamente narram alguns historiadores. Tombaram para sempre nas profundezas do oceano, em frente ao GUARUJÁ, o PRIMEIRO-TENENTE JOSÉ ÂNGELO GOMES RIBEIRO – Piloto – e o civil Doutor MÁRIO MACHADO BITTENCOURT, num avião CURTISS-FALCON. O acatado escritor MIGUEL ÂNGELO BARROS FERREIRA, que em 1932 era repórter do “DIÁRIO DA NOITE”, destacado no CAMPO DE MARTE, ouviu a informação de sabotagem do avião sinistrado do próprio Comandante do Grupo de Aviação Constitucionalista, MAJOR LYSIAS AUGUSTO RODRIGUES, confirmado pelo Comandante das Unidades Aéreas da Aviação Constitucionalista MAJOR IVO BORGES. O avião jamais poderia ser abatido pelo fogo antiaéreo da esquadra ditatorial, pois estava fora de alcance de tiro.
Diversos aviões foram comprados na FRANÇA e na ARGENTINA. O Comandante AMADEU SARAIVA, emissário do Exército Constitucionalista, efetuou as compras na FRANÇA enquanto que o Doutor ARMANDO DE ARRUDA PEREIRA e o MAJOR ACÁCIO DE VILLALVA (do Exército) adquiriram aviões na ARGENTINA. Mas a guerra terminou antes da chegada dos novos aviões. Eis o programa da Sociedade Paulista de Trote:
1º Páreo – Prêmio 1º TENENTE NICANOR PORTO VIRMOND;
2º Páreo -  Prêmio 1º TENENTE ORSINI DE ARAÚJO CORIOLANO;
3º Páreo – Prêmio 1º TENENTE ARTHUR DA MOTTA LIMA FILHO;
4º Páreo – Prêmio CAPITÃO ADHERBAL DA COSTA OLIVEIRA;
5º Páreo – Prêmio MAJOR IVO BORGES – Cmt UNIDADES AÉREAS;
6º Páreo – Prêmio MAJOR LYSIAS AUGUSTO RODRIGUES,
                  Comandante do GRUPO VIAÇÃO;
7º Páreo – Prêmio AVIAÇÃO MILITAR;
8º Páreo – Prêmio 1º TENENTE J. A. GOMES RIBEIRO – PILOTO
                                CIVIL Doutor MÁRIO M. BITTENCOURT.  
  38 a. das anotações realizadas em 5 de julho de 1979: o Comandante Geral da PMESP responde às declarações infelizes do Deputado ERASMO DIAS. Mantenho uma conversa telefônica com o CAPITÃO PM ANTÔNIO CARLOS MENDES sobre esse assunto.
No DELPHIN BALANCIER os oficiais da reserva e da ativa se unem no volibol. Ali estão, entre outros: CORONÉIS ALCIONE, JUVENAL ASSIS, ROLDÃO, PALUMBO; TENENTE-CORONEL PM HERMÓGENES; MAJORES PM GAIA e JÓBIO MIRANDA.
Às 14 horas aconteceria a Audiência de Conciliação, Instrução e Julgamento no caso da “Ação de Alimentos”. Por causa de um acordo feito essa audiência foi suspensa.
Na noite desta quinta-feira LUCINDA escolhe um Rodízio de pizza na Avenida Guarulhos para passarmos algumas horas. O PM JOÃO GOMES DE OLIVEIRA JÚNIOR acompanha-nos, em companhia de sua noiva GISLEIDE.
  35 a. da eliminação do BRASIL na COPA DO MUNDO de 1982: BRASIL 2 x ITÁLIA 3, em 5 de julho de 1982. No estádio SARRIA, em BARCELONA, o BRASIL curtiu uma grande desgraça. Precisando de um mero empate para a classificação, os brasileiros deixaram escapar a chance. Essa derrota matou a era de ZICO e selou a desclassificação brasileira. O jogo foi memorável com o BRASIL chegando a ficar na frente do placar, mas esbarrando no carrasco PAOLO ROSSI. Teve de tudo. Um passe errado de TONINHO CEREZO resultou no segundo gol dos italianos. ZICO teve sua camisa rasgada pelo zagueiro GENTILE. FALCÃO lutou e ZOFF fechou o gol. A eliminação chocou o País e passou a ser conhecida como o “DESASTRE DE SARRIÁ”. Meninos choraram inconsoláveis, em imagens que vão ficar para sempre registrada na memória. O JORNAL DA TARDE dava detalhes da partida de futebol que iria acontecer entre BRASIL e ITÁLIA, na busca de passar para a próxima fase da COPA DO MUNDO na ESPANHA. A edição trazia também uma entrevista exclusiva com o jogador FALCÃO, destaque no campeonato. Além disso, havia uma matéria especial sobre o sucesso dos livros e da espiritualidade do médium CHICO XAVIER.
  33 a. regime militar uruguaio retira as proibições políticas aos dirigentes de esquerda, para conseguir a pacificação do país, em 5 de julho de 1984.
  32 a. falecem: o Cel. Méd. Ref. PLIRTS NEBÓ e Cel. Ref. JOSÉ EMERY CARNEIRO, em 5 de julho de 1985.
  32 a. nasce o MÁRCIO, filho da IVONE, sobrinho do SARGENTO RENATO VENTURA, em 5 de julho de 1985.
  32 a. morrem afogadas 100 pessoas em um naufrágio em um rio de BANGLADESH, em 5 de julho de 1985.
  31 a. cosmonauta soviético KIZIM permanece 364 dias no espaço e estabelece novo recorde de permanência no espaço, em 5 de julho de 1986.
  30 a. do seguinte relato em 5 de julho de 1987: neste domingo, a partir das 8 horas, assisto na TV GLOBO o GRANDE PRÊMIO DE F1 DA FRANÇA, no circuito de PAUL RICARD, em LE CASTELLET. O campeão é NIGEL MANSELL. NELSON PIQUET chega em segundo; ALAIN PROST em terceiro; AYRTON SENNA em quarto; TEO FABI em quinto; PHILLIPPE STREIF em sexto.  O brasileiro AYRTON SENNA ainda conserva o primeiro lugar no Mundial de Pilotos, com 27 pontos. ALAIN PROST é o segundo com 26; PIQUET em terceiro com 24 e NIGEL MANSELL em quinto com 21 pontos.
Leio no jornal FOLHA DE SÃO PAULO: SARNEY perdoa contrabandistas. BRASIL exige explicações do IRÃ sobre “Protocolos dos Sábios de Sião”. Para SIMONSEN o Plano BRESSER é a única saída.
MARTINA NAVRATILOVA levanta o seu oitavo troféu conquistado em WIMBLEDON, após derrotar STEFFI GRAF. Hoje teremos a final masculina entre IVAN LENDL e PAT CASH.
Estudo as matérias de MOVIMENTOS REVOLUCIONÁRIOS e SEGURANÇA NACIONAL. Como o TENENTE-CORONEL PM TERRA faz mistério de sua matéria, fica difícil o estudo de SEGURANÇA NACIONAL.
LUCINDA recebe a visita de sua amiga de longos anos, a “MARIA JAPONESA”. Na semana passada furtaram uma moto de seu filho MARCOS. Ela pede o meu auxílio no sentido da ajuda da PM.
O delegado NEWTON FERNANDES, com quase 35 anos de serviço na Polícia Civil, assumirá amanhã a Delegacia de Menores. NEWTON já foi chefe da Polícia Civil em toda a Grande São Paulo no governo MONTORO. Chefiava a Divisão de Investigações sobre Furtos e Roubos e Desvios de Carga, criada em fevereiro de 1986.
O seqüestro do menino MODESTO JÚNIOR, de 10 anos, filho do cônsul honorário da ESPANHA, em MANAUS, ocorrido em 2 de julho, termina como a família queria, após o pagamento de 10 milhões de cruzados do resgate. O menino foi seqüestrado por dois homens mascarados que invadiram sua residência.
Em WIMBLEDON, PAT CASH é o campeão. Derrota IVAN LENDL. 
  30 a. um barco do ZAIRE naufraga em um rio fronteiriço com a ZÂMBIA e deixa 221 mortos e 169 feridos, em 5 de julho de 1987.
  29 a. nasce LUMA COSTA, no RIO DE JANEIRO, em 5 de julho de 1988. É vista como coadjuvante em “PÁGINAS DA VIDA”, interpretando uma amiga de KELLY (STHEFANY BRITO”. Já fez “PROVA DE AMOR” (2005), da RECORD; “FLORIBELLA” (2006), da BAND e “COMEÇAR DE NOVO” (2004), da GLOBO. Para interpretar a surfista DRICA, na novela “LUZ DO SOL”, cuja estréia foi em 20 de março de 2007, LUMA freqüentou aulas de surfe e sessões de bronzeamento artificial para ficar mais morena.
  29 a. Igreja Anglicana permite que as mulheres possam exercer o sacerdócio, em 5 de julho de 1988, proposta colocada em prática em 1993.
  28 a. da assunção do Comando do 1o. BPChq. pelo então Ten.Cel. TADASHI KOMATA, em 5 de julho de 1989.
  27 a. no posto de CORONEL: WÁGNER BRUSAROSCO e ISAAC MANOEL COELHO SILVA. Foram promovidos a esse posto em 5 de julho de 1990.
  26 a. presidente da COLÔMBIA, CÉSAR GAVÍRIA, levanta o estado de exceção imposto desde 1984, em 5 de julho de 1991.
  26 a. transf. reserva: Ten.Cel. SEITOKU TOMA, em 5 de julho de 1991.
  25 a. falece o compositor argentino ASTOR PIAZZOLLA em 5 de julho de 1992.
  25 a. tenista norte-americano ANDRE AGASSI ganha o TORNEIO DE WIMBLEDON, em 5 de julho de 1992.
  24 a. da inauguração da POLICLÍNICA DA POLÍCIA MILITAR, no CPA-M7, em GUARULHOS, em 5 de julho de 1993.
  24 a. do choque entre dois guetos negros a leste de JOHANNESBURGO, onde morreram vinte pessoas. Os corpos foram encontrados nos guetos vizinhos de TOKOSA e KATHLEHONG, em 5 de julho de 1993. Todos os mortos foram aparentemente vítimas da luta entre partidários do grupo antiapartheid Congresso Nacional Africano (CNA) e da organização zulu Partido INKATHA. Cinco foram mortos por um ataque a um microônibus. Os demais foram espancados ou queimados. A intensificação dos confrontos elevou para 65 o total de mortos em três dias na ÁFRICA DO SUL.   
  23 a. em que YASSER ARAFAT pisava pela primeira vez em solo da CISJORDÂNIA depois de 27 anos de exílio, determinado a transformar as regiões autônomas de GAZA e JERICÓ num Estado palestino com JERUSALÉM ORIENTAL, como sua capital. “Este esforço vai continuar até que nós tenhamos um Estado palestino com a capital em JERUSALÉM”, afirmava ele a uma multidão de jovens que rompeu uma cerca e se aproximou do líder da Organização de Libertação da PALESTINA, no início de sua visita de oito horas. Em 5 de julho de 1994.
  22 a. falece o ex-Ministro japonês TAKEO FUKUDA, em 5 de julho de 1995.
  21 a. transf. reserva : Coronel-Médico PM WÁLTER HAMILTON DE CASTRO TARGA, em 5 de julho de 1996.
  21 a. da desativação do bar 'LOBA ROMANA', em 5 de julho de 1996. Foi um infeliz investimento da LUCINDA e da MARLENE, à minha revelia.
  20 a. das seguintes anotações em 5 de julho de 1997: levo ao conhecimento de GUILHERME LEVENSTEIN o veto do Presidente do Conselho de Honrarias e Mérito do Palácio do Governo ao nome do Prefeito CELSO PITTA para receber a Medalha CONSTITUCIONALISTA da Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Foi ele que indicou o Deputado Estadual GILBERTO KASSAB para levar o ofício de outorga da Medalha a CELSO PITTA. Em princípio, a Comissão da Medalha não tinha citado o nome do prefeito na reunião em que foram propostos os nomes. Mais tarde, com a intervenção do senhor GERALDO FARIA MARCONDES e do GUILHERME é que colocamos na lista o nome do prefeito. Telefono ao GUILHERME neste sábado e ele fica de conversar com o senhor MARCONDES, que se encontra em ARAÇATUBA.
Depois do almoço vamos visitar minha mãe em POÁ. LUCINDA acompanha-me nessa viagem, depois das 13 horas, aproveitando o bom tempo. DONA ALICE não nos esperava. Ela está preocupada com meu irmão. O CARLOS foi com a MARLY no Hospital SANTA MARCELINA, em ITAQUERA, onde está internada uma tia de sua esposa. Visitam minha mãe o ADALVO, o NECO e o MÁRIO, este último alucinado atrás de dinheiro para comprar uma nova motocicleta. Depois das 17 horas, estamos retornando a GUARULHOS. Na biblioteca faço aquele costumeiro passeio através das páginas de minhas memórias. Desta feita releio os dias 28 de junho a 11 de julho de 1984 a 1988 e os dias 5 a 11 de julho de 1995/1996.
Começa hoje o Campeonato Brasileiro. No PARQUE ANTÁRTICA o PALMEIRAS passeia pelo FLUMINENSE, derrotando-o por 4 a 1. EDMILSON faz o primeiro gol do campeonato. Assisto GRÊMIO 0 x SÃO PAULO 0, no OLIMPICO DE PORTO ALEGRE.
Em casa tenho o desprazer de ver mais um “namorado” da MARLENE. Está na sala e seu aspecto é horrível. Não sei como a MARLENE pode ter coragem de arrumar um sujeito desses para namorar. O pior é que traz para dentro de casa sem a menor cerimônia, causando mais uma situação desagradável para nós.   
  19 a. das anotações feitas em 5 de julho de 1998: dores horríveis no pé esquerdo surpreendem-me nesta manhã. Não posso firmar o pé no chão e fico impossibilitado de me locomover. LUCINDA telefona para minha mãe contando o que se passa e a não ida à POÁ neste domingo, como conseqüência. Com isso até a gripe fica para segundo plano.
O americano PETE SAMPRAS, número 1 do mundo, conquista hoje o seu quinto título de WIMBLEDON ao vencer na final o croata GORAN IVANISEVIC. Com essa vitória, SAMPRAS igualou a marca de 11 títulos em GRAND SLAM do australiano ROD LAVER, seu ídolo quando iniciou no tênis. Foi esse o 55º título na carreira do americano.
ADILSON “MAGUILA” está internado no Hospital das Clínicas. Pode ser que tenha de ser submetido a uma cirurgia no pé esquerdo atingido por um tiro de pistola calibre 45mm disparado por um policial civil em incidente ocorrido sexta-feira à noite (dia 3).
Na tarde, recebemos as visitas do ADALVO e do FELIPE. Praticamente minha mãe os obrigou a vir até GUARULHOS. Querem saber o que aconteceu comigo. Não poder me locomover diz tudo. O domingo transcorre bastante desagradável. Quase nada posso fazer e estou desanimado por essa situação esquisita. É a primeira vez que o reumatismo toma conta do tornozelo do pé esquerdo, esparramando pelos outros ossos. A gripe também me preocupa. Assisto os jornais na TV e vejo a preparação do BRASIL para a semifinal contra a HOLANDA. A nação acredita no penta nesta COPA DO MUNDO.   
  18 a. falece a atriz cômica CONSUELO LEANDRO, em 5 de julho de 1999, aos 67 anos, no Hospital SANTA RITA, na VILA MARIANA. Outras anotações nesta segunda-feira: faz muito frio nesta manhã. Na reunião costumeira dos integrantes do MMDS fala-se a respeito do ZAINO e de CRISTIANO, dois participantes da Entidade que estão em destino: SERGIPE e BAHIA. Não temos notícias deles.
O TENENTE-CORONEL PM COSTA, da 5ª EM/PM, telefona-me para dizer que é idéia acrescentar o nome do Chefe da Casa Militar, CORONEL PM OLAVO SANT´ANA, na relação dos agraciados com a Medalha MMDC em 9 de Julho. Deixo isso a cargo do CORONEL PM GUIMARÃES, encarregado da relação e secretário da Comissão de Medalhas.
Elaboro os ofícios para o Presidente da Fundação ÁLVARES PENTEADO. Presidente do Conselho Regional de Contabilidade de São Paulo e Presidente do Conselho da ANTÁCTICA. Com muito trabalho, o convite para a Solenidade de 9 de Julho e o ofício são transmitidos via fax. Também mantém contato conosco o repórter CELSO, do DIARIO POPULAR (REVISTA JÁ), marcando a tarde de amanhã para uma fotografia; o CORONEL WÁGNER KOURROUSKI, Comandante da Guarda Civil Metropolitana; CORONE ATILIANO; PASTO MARINHO; SARGENTO PM BISPO e outras pessoas. Chove durante todo o dia.
Em casa, encontro a mãe da LUCINDA, JOSÉ e DORA. O JOSÉ levou, em seu carro, dona ESMERALDA, para uma consulta no médico. Depois, resolveu trazê-la para uma visita à LUCINDA.           
  17 a. falece o escritor polonês GUSTAW HERLING GRUDZINSKI, que se tornou conhecido pela oposição à União Soviética. No livro "UM MUNDO À PARTE" ele conta suas experiências como prisioneiro em um campo soviético durante a 2a. GRANDE GUERRA. Aos 81 anos, de causas  desconhecidas, no dia 5 de julho de 2000. Em NÁPOLES, ITÁLIA.
  17 a. das promoções ao posto de CORONEL PM: - Ten.Cel. JOSÉ FRANCISCO GIANNONI, Ten.Cel. ADEMIR CRIVELARO, e Tel. Cel. JÚLIO AGOSTINHO LUIZE, em 5 de julho de 2000.

ACONTECEU EM 5 DE JULHO DE 2001 : -   QUINTA-FEIRA
Em SÃO PAULO, logo cedo, tenho de explicar a diversos oficiais, principalmente os reformados que encontrei na AORPM, quando ali fui cortar o cabelo, o que vai acontecer no 9 de Julho, na solenidade marcada para a Avenida PEDRO ÁLVARES CABRAL, no IBIRAPUERA. Quem também minha opinião sobre as greves de policiais civis e militares de PERNAMBUCO e BAHIA. Digo a eles que nós temos muita sorte de que isso ainda não aconteceu em SÃO PAULO. As PMs são relegadas a um plano secundário, por parte dos governos, porque sabem as autoridades que polícia não pode fazer greve. No entanto, a situação está insustentável. Só nesse ano 21 policiais militares se suicidaram. Em 2000, foram 31 que puseram um fim na pobre vida que tinham. Muita coisa está errada com a atenção dada pelos governos às corporações civil e militar São elas encarregadas de fazer a segurança dos Estados, mas deveriam ser bem melhor remuneradas.

ABERTURA DA EXPOSIÇÃO DA REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 32, iniciativa e realização da ASSOCIAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS DO ESTADO DE SÃO PAULO, na Rua BETTENCOURT RODRIGUES, 155.

NA SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC, recebo um fotógrafo do DIÁRIO POPULAR para documentar, através de imagem, uma reportagem que o jornal publicará no domingo, dia 8. Repórteres do ESTADO DE SÃO PAULO, FOLHA DE SÃO PAULO, REDE TV e FOLHA METROPOLITANA telefonam-me para obter dados sobre o Movimento Constitucionalista de 32. O Cel. ANTÔNIO CARLOS MENDES e o veterano GINO STRUFFALDI auxiliam-me nisso.
O Cel. Ref. EDILBERTO DE OLIVEIRA MELLO, presidente da AORRPM, manda-me o veterano ALENCAR THOMAZ, que deseja desfilar no 9 de julho. Ele é missionário da Sociedade Evangélica “MISSÕES PIONEIRAS”. Ele estava com 14 anos na época e participou no Movimento Constitucionalista de 1932. Lembra dos episódios da Revolução. Irá participar do 9 de JULHO.
   
O VICE-PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO FORÇAS DA PAZ, MÁRIO FLAGA RIBEIRO, também comparece no MMDC com a intenção de fazer participar do desfile de 9 de Julho os integrantes de sua associação. Mando-o até à DAMCO, para tratar desse assunto com o MAJOR COSTA.
O Sr. GERALDO FARIA MARCONDES quer que eu escreva uma carta para o governador, GERALDO ALKMIN, expondo o estado de penúria em que se encontra o MONUMENTO-MAUSOLÉU, cuja reforma estamos solicitando às autoridades governamentais desde 1994.
O CORONEL PM GUIMARÃES vem ao MMDC. Irá representar a Sociedade na Abertura da Exposição da Revolução Constitucionalista na Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo. Passam das 16 horas quando deixo o MMDC, junto com o CORONEL PM ANTÔNIO CARLOS MENDES e o veterano GINO STRUFFALDI. Vamos servir do metrô para o retorno aos nossos lares.
  
POLICIAIS CIVIS E MILITARES DA BAHIA decretaram greve por tempo indeterminado, três dias depois dos pernambucanos entrarem em greve.
O movimento reivindicatório dos policiais de PERNAMBUCO foi considerado não abusivo pela Justiça, decisão que surpreendeu até os grevistas.

MORREU a carioca GLÁUCIA BAENA SOARES, uma das mais importantes promotoras do cinema brasileiro nos Estados Unidos, casada com o diplomata JOÃO CLEMENTE BAENA SOARES, ex-secretario geral do OEA. Aos 66 anos, de câncer, no Memorial Sloan-Kettering Câncer Center, em NOVA IORQUE.

MORREU a mulher do ex–chanceler alemão HELMUT KOHL, HANNELORE KOHL. Ela sofria há oito anos de fotodermite, uma rara alergia à luz solar que provocava fortes dores, ferimentos na pele e a impedia de sair  de casa. Ela cometeu suicídio, aos 68 anos, na ALEMANHA.

TRÊS FUNCIONÁRIOS DA COMPANHIA SIDERÚRGICA NACIONAL, de VOLTA REDONDA, no RIO DE JANEIRO, foram encontrados mortos no elevador de cargas da aciária, área da indústria onde e feita a transformação do ferro em aço. A causa mais provável das mortes é a intoxicação  pelo  gás  OG,  resultante dessa transformação. A substância não tem cheiro e reduz a capacidade de oxigenação do cérebro.

TRIBUNAL DE HAIA confirma a condenação a 40 anos de prisão para o serviobósnio GORAN JELISIC por crimes contra a humanidade.
A fiscal anticorrupção no PERU, ANA CECÍLIA MAGALLANES, denuncia penalmente 19 ex-funcionários do regime FUJIMORI.

2 002  :  -     SEXTA-FEIRA
A festa do pentacampeão mundial, em YOKOHAMA, poderia ter sido do hexacampeão, se não fosse a TRAGÉDIA DO SARRIÁ, em 1982. Ou do heptacampeão, se além disso o BRASIL de 1950 houvesse impedido a virada do URUGUAI no MARACANÃ. Ou talvez do octocampeão, caso o time brasileiro de 1978, autoproclamado “campeão moral” tivesse marcado pelo menos um gol naquele 0 a 0 contra a ARGENTINA, na BATALHA DE ROSÁRIO.
Hoje, 5 de julho, cinco dias depois da festa do futebol–arte da “Família” SCOLARI, faz VINTE ANOS que uma das melhores seleções brasileiras de todos os tempos teve cortado seu caminho para o título mundial. ITÁLIA 3 x BRASIL 2, a TRAGÉDIA DO SARRIÁ. O time de TELÊ SANTANA, favorito da COPA pelas grandes atuações nos quatro jogos anteriores, poderia até empatar para garantir a classificação, mas não conseguiu deter PAOLO ROSSI, que marcou os três gols italianos. 

O CIEE, a ACADEMIA PAULISTA DE HISTÓRIA – APH – e o INSTITUTO ROBERTO SIMONSEN realizam a solenidade comemorativa dos 70 anos da Revolução Constitucionalista de 1932. O evento será promovido no salão nobre da FEDERAÇÃO e CENTRO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO – FIESP/CIESP (avenida Paulista, 1.313, 15 º andar). Está prevista a presença do governador do Estado de São Paulo, GERALDO ALCKMIN. Estão também previstos depoimentos do presidente da FIESP/CIESP, HORÁCIO LAFER PIVA; do presidente da APH, DOUGLAS MICHALANY; do secretário da Ciência, Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Turismo do Estado de São Paulo, RUY MARTINS ALTENFELDER SILVA e do poeta PAULO BOMFIM. A abertura será conduzida pelo presidente executivo da CIEE e membro da Academia, LUIZ GONZAGA BERTELLI. Haverá a entrega de medalhas comemorativas do 70º Aniversário da Revolução de 1932 , da APH, aos ex–combatentes e outras personalidades, bem como distintivos da Bandeira Paulista. O CIEE editou uma publicação especial sobre o movimento revolucionário: “A REVOLUÇÃO DE 32 – UM PAINEL HISTÓRICO” (volume nº 53 da Coleção CIEE), que será distribuído, gratuitamente, aos participantes do evento.
No horário das 9 horas, estou chegando no local desse evento, após uma viagem de metrô, descendo na estação MASP/TRIANON. Vê-se muita gente chegando para a solenidade, inclusive ex–combatentes de 32 em número acima do esperado. Encontro a doutora NELLY CANDEIAS (presidente do Instituto Histórico e Geográfico), ANTÔNIO PENTEADO MENDONÇA (cronista da rádio ELDORADO e colunista do JORNAL DA TARDE, também nosso conselheiro), Sr. GERALDO FARIA MARCONDES, Sr. GERALDO PIRES DE OLIVEIRA, ROMEU CICCONE e sua senhora, GIANNOCCARO, MARIA CECÍLIA NACLÉRIO HOMEM, CECÍLIA DE MORAES, Cel. ANTÔNIO CARLOS MENDES, CORONEL PAULO TENÓRIO DA ROCHA MARQUES, Cel.  EB R/R ARY CANAVÓ, GINO STRUFFALDI, LUIZ SÉRGIO CARRARO, LUIZ ANTÔNIO  e muitas outras pessoas.
O Comandante Geral, Cel. ALBERTO SILVEIRA RODRIGUES, conversa conosco e conta que na CASTELLO BRANCO, em terrível acidente de carro, por causa da cerração, morreram cerca de 12 pessoas (entre elas seis PMs que vinham prestar exames médicos no nosso Hospital). Chega o presidente da Assembléia Legislativa. O governador faz-se representar pelo Dr. RUY MARTINS ALTENFELDER. Também contamos com a presença do ex–presidente da FIESP/CIESP, MÁRIO AMATO. O auditório fica totalmente tomado, inclusive sendo preciso buscar cadeiras para algumas pessoas que chegaram depois. Vários oradores dão seu testemunho sobre o Movimento Constitucionalista de 32, parecendo que, neste ano, foi reacesa uma chama que bruxuleava em épocas anteriores. Os veteranos de 32 vibram com esse acontecimento. Realmente dá para sentir alegria com uma solenidade como esta. Podemos trocar idéias com várias pessoas após a solenidade, fazendo inclusive planos para o futuro.        
Saindo da FIESP/CIESP, um tanto cansado da participação ativa na solenidade, procuro me refazer ao almoçar com oficiais do MMDS, sendo que MÁRIO MARGARIDO foi fazer uma palestra e irá lembrar de NOVE DE JULHO.
Por volta das 14 horas, estou na Sociedade Veteranos de 32-MMDC, encontrando-me com o Cel. MENDES e com GINO STRUFFALDI. Os telefonemas não param, quase todos querendo saber de detalhes sobre o NOVE DE JULHO. No entanto, somos obrigados a deixar muita coisa de lado a fim de comparecer na AORRPM, onde, a partir das 15 horas, teremos a palestra do PROFESSOR SÓLON BORGES DOS REIS – A IMPORTÂNCIA NACIONAL DO NOVE DE JULHO.
Encontramos com o palestrista na entrada da AORRPM, juntamente com o Sr. PIRES e muita gente que está chegando para assistir mais esse dignificante momento das comemorações dos 70 anos da Revolução de 32. O Cel. EDILBERTO OLIVEIRA MELLO recebe-nos em seu gabinete. CORONEL ERASMO DIAS, Cel. EB  R/R ARY CANAVÓ. Desembargador LUÍS EDUARDO CORRÊA DIAS, Coronel Res. LUIZ CARLOS DE OLIVEIRA GUIMARÃES, FRANCISCO GIANNOCARO, Capitão MINORU MASSUDA, Coronel Ref. CAMILO CRISTÓFARO MARTINS, e muitos outros oficiais da reserva. Da AORRPM – Cel. CRUZ, Tenente–Coronel AMORIM, Capitão CAMILLI, Tenente–Coronel MOACYR, Tenente CORNÉLIO MUDO, tenente NASCIMENTO, Tenente SILVINO FIORIO NETO. Também estão presentes o Tenente–Coronel OTAVIANO, (representando o Comandante do CPAM-1, Cel. MELCHIOR), MÁRIO FLAGA RIBEIRO, ministro GUÁLTER GODINHO, WANDERLEY GERMANO E SILVA (tabelião de CAÇAPAVA). Este traz uma bandeira paulista que tremulou na divisa de SÃO PAULO (CRUZEIRO) e MINAS GERAIS (PASSA QUATRO), em 1932. Quer que a coloquemos no Museu do Monumento–Mausoléu. Diz ele que está vivo e em perfeita forma física o ex–combatente de 32, CORONEL SILVA VELHO, hoje com 90 anos de idade.
Como já era de esperar, o Prof. SÓLON faz uma palestra eloqüente, significativa, abordando o sentido nacional do Movimento Constitucionalista, desmistificando o separatismo apregoado por detratores da revolução.  Após a sua fala,  o professor é muito cumprimentado.
Deixando a AORRPM, passo pela SOCIEDADE. Uma repórter da TV CULTURA quer entrevistar o Sr. PIRES e o Sr. MARCONDES no dia NOVE DE JULHO. Somente vou deixar a Sociedade por volta das 17:30 horas.
Mesmo em casa, nesta noite, atendo vários telefonemas sobre as festividades programadas para NOVE DE JULHO. O Cel. ORLANDO RODRIGUES DE CAMARGO FILHO, do CCB, quer saber de detalhes sobre o evento. 

Em casa, cansado, apesar de ainda atender pessoas relacionadas com a Sociedade Veteranos de 32-MMDC, assisto reportagens na televisão sobre os terríveis acidentes automobilísticos que aconteceram nesta sexta–feira.
Eram 5h30 quando a motorista de um VOYAGE freou bruscamente o carro na pista, assustada com a forte neblina que impedia a visibilidade. Assim começou o mais trágico acidente já registrado na RODOVIA CASTELLO BRANCO. Foram minutos de horror com choques e capotagens em série no km 88, perto de SOROCABA. Doze pessoas morreram, entre elas uma menina de 11 anos, que estava numa ambulância rumo à Capital e seis PMs que vinham de BAURU. Ao todo , o acidente envolveu 13 caminhões, nove carros e quatro carretas. A rodovia ficou fechada ao tráfego por cerca de seis horas.
Apenas o PM ROBERTO DA SILVA sobreviveu do grupo de sete PMs que saíram , no início da madrugada, de BAURU para realizar uma série de exames médicos na Capital. O motorista da viatura, PM RUDIMAR DE OLIVEIRA CAMARGO, tentou evitar a colisão contra outros veículos já atingidos na estrada. O carro policial atravessou o canteiro central, mas bateu em um caminhão que fazia a mesma manobra e capotou. Morreram no local os PMs ÂNDERSON MESQUITA DA SILVA, PAULO HENRIQUE DOMINGUES, ALCI GONÇALVES DE OLIVEIRA, RUDIMAR DE OLIVEIRA CAMARGO e ANTÔNIO HENRIQUE DAINOZI, além do sargento JOÃO ANTUNES SANTOS.
O comandante do CPI-4, HÉLDER PEREIRA emitiu boletim que coloca em luto oficial todas as unidades sob o seu comando – nas regiões de BAURU, MARÍLIA e PRESIDENTE PRUDENTE -, por causa da morte dos seis PMs.

FALECEU mais um ex–combatente de 32 – Dr. NAUR DE BARROS CASTRO – aos 89 anos, em BAURU. Radicado em BAURU desde 1927, advogado, participou da diretoria da subsecção de Bauru da Ordem dos Advogados do Brasil. Atualmente, exercia a presidência do Conselho Administrativo da Irmandade da Santa Casa de Bauru.
 
Quarenta e cinco pessoas ficaram feridas num acidente, envolvendo um ônibus e um caminhão, no início da manhã, no km 217 da Rodovia Presidente DUTRA, em GUARULHOS. Por volta das 8 horas, o motorista do caminhão, que trafegava na pista lateral, no sentido RIO – SÃO PAULO, perdeu o controle do veículo e bateu na traseira do ônibus intermunicipal da viação CANARINHO, que tombou. A pista foi interditada por cerca de duas horas, o que provocou congestionamento de 3,5 quilômetros.

Na RODOVIA FERNÃO DIAS, um grave acidente causou a morte de uma pessoa e deixou outras cinco feridas, às 23h45 de ontem, na altura do km 82 da pista sentido interior–capital, em GUARULHOS. O motorista de um GOL, ADALBERTO PEIXOTO LIMA, deu carona para um grupo de meninas. O rapaz estava embriagado. Ele acabou batendo na traseira de um caminhão e depois capotou o veículo. Uma das garotas, de 16 anos, morreu no local.

TRINTA E TRÊS DIAS depois do desaparecimento do repórter da TV GLOBO TIM LOPES, a polícia do RIO confirmou hoje, oficialmente, sua morte. Um exame de DNA mostrou que era do jornalista um pedaço de costela encontrado no cemitério clandestino da FAVELA DA GROTA, zona norte da cidade. O velório de TIM LOPES está marcado para às 9h de 7 de julho, na Assembléia Legislativa do RIO, com sepultamento marcado para 16 horas no CEMITÉRIO JARDIM DA SAUDADE.

O PM ALONSO MARIANO DA SILVA, de 31 anos, foi morto por dois assaltantes, quando saía de sua casa para fazer compras, na Estrada da Água Chata, no Jardim NORMANDIA, em GUARULHOS. SILVA estava acompanhado da mulher e de dois filhos menores, quando foi abordado por dois homens armados no momento em que manobrava seu carro. O PM, que estava armado, teria reagido ao assalto e acabou baleado.

O ex–oficial nazista FRIEDRICH ENGEL, de 93 anos, conhecido como “CARNICEIRO DE GÊNOVA”, foi condenado por uma corte de HAMBURGO, na ALEMANHA, a sete anos de prisão por participar da matança de 59 italianos em 1944. O promotor JOCHEN KUHLMANN havia pedido prisão perpétua para o acusado por considerar que o massacre lembrava ações de extermínio judeu. No entanto, ENGEL não irá para a prisão por causa da idade avançada. A sentença considera provado que o nazista ordenou levar as vítimas, amarradas de dois em dois, a um canal próximo ao caminho de TURCHINO, nos arredores da cidade italiana de GÊNOVA, onde foram fuzilados.

HESHAM MOHAMED HADAYET, o imigrante egípcio de 41 anos que iniciou o tiroteio no aeroporto de LOS ANGELES, no dia 4 de julho, chegou ao local “com aparente intenção de matar”, disse o agente especial do FBI RICHARD GARCIA. Mas os possíveis motivos de HADAYET, que trabalhava como chofer de limusine, são desconhecidos das autoridades americanas. Por isso, elas continuaram a tratar o episódio como um crime isolado e não como um atentado terrorista.
  
Uma onda de atentados a bomba, atribuídos a fundamentalistas islâmicos, que deixaram pelo menos 35 mortos e mais de 80 feridos, marcou hoje a festa dos 40 anos da INDEPENDÊNCIA DA ARGÉLIA, da FRANÇA. O mais grave deles ocorreu no mercado de LARBA, 20 quilômetros ao sul da capital argelina – ARGEL – Uma potente bomba, aparentemente acionada por controle remoto, explodiu na hora de maior movimento. O impacto abriu uma grande cratera, matou 34 pessoas instantaneamente e feriu 74 – muitas delas com extrema gravidade.

MARIA CRISTINA ESTELA JURADO GARCIA é um nome que não diz muita coisa aos fãs de cinema. Já o codinome artístico que ela adotou diz muita coisa: KATY JURADO. Atriz de LUÍS BUÑUEL (em EL BRUTO), ela ganhou o ARIEL, o OSCAR do cinema mexicano em 1954. KATY morreu em sua casa, em CUERNAVACA, no MÉXICO, de insuficiência cardíaca. Tinha 78 anos. Em HOLLYWOOD, onde estreou em 1951, com PAIXÃO DE TOUREIRO, de BUDD BOETTICHER, apareceu principalmente em westerns: MATAR OU MORRER, de FRED ZINNEMANN; A LANÇA PARTIDA, de EDWARD DMYTRYK; e A FACE OCULTA, de MARLON BRANDO. Mas brilhou também no épico BARRABÁS, de RICHARD FLEISCHER.

O filósofo americano PAUL WEISS, que continuava lecionando nas melhores universidades dos EUA, apesar de sua idade avançada – ele estava com 101 anos – morreu nesta Sexta-feira, em WASHINGTON. WEISS publicou mais de 30 livros e um inédito trabalho do filósofo será publicado com o título SURROGATES. O pensador dedicou sua carreira a trabalhar com a chamada metafísica, englobando questões sobre a composição da realidade e o relacionamento entre mente e matéria. Ele era particularmente interessado na maneira como as pessoas se relacionam por meio de símbolos, linguagem, arte e música.

5 DE JULHO2003  :  -     SÁBADO
Situação difícil em casa. LUCINDA levanta por volta das 4 horas. Está amoladíssima por causa da internação de dona ESMERALDA. Sua mãe aguarda no HOSPITAL GERAL condições de saúde para poder suportar uma operação após ter trincado a bacia no último domingo. Enquanto isso, familiares se revezam em sua companhia. Neste dia lá se encontra dona ESMERALDA. À noite, será substituída pela MARGARIDA.

ASSISTO, a partir das 9 horas, o treino classificatório para o GP DA FRANÇA de FÓRMULA UM a ser disputado amanhã em MAGNY COURS. O POLE POSITION é RALF SCHUMACHER, com JUAN PABLO MONTOYA ficando em segundo lugar. O terceiro é MICHAEL SCHUMACHER, atual líder do mundial; sendo que KIMI RAIKKONEN, o vice-líder do mundial , sairá amanhã na quarta posição; o quinto é DAVID COULTHARD, sexto, JARNO TRULLI; sétimo, FERNANDO ALONSO; oitavo, RUBENS BARRICHELLO; nono, MARK WEBBER; décimo, OLIVIER PANIS; décimo-primeiro, ANTÔNIO PIZZONIA; décimo-segundo, JACQUES VILLENEUVE; décimo-terceiro, CRISTIANO DA MATTA.
Na tarde, JOSÉ e DORA vêm aqui em casa. Conversam muito sobre esse grande problema que atravessa a família. Um outro ponto negativo é a tal quermesse que os moradores da Avenida BENVINDO TOLENTINO NETO cismam em continuar fazendo, apesar de já ter passado o mês das festas juninas. Vândalos arrebentaram a caixa de cartas da nossa garagem, na madrugada deste sábado.

No empate de hoje, o SÃO PAULO pela primeira vez na história marcou um gol sobre o SÃO CAETANO. Foi, porém, com a ajuda do juiz. Aos 36 minutos do segundo tempo, LUÍS FABIANO recebeu a bola em posição de impedimento e chutou para a rede. O AZULÃO abriu o placar com MATEUS, no primeiro tempo.
O PALMEIRAS venceu o JOINVILE por 2 a 1, nesta tarde, no PARQUE ANTÁRTICA, pela série B do CAMPEONATO BRASILEIRO. O triunfo serviu para retribuir o apoio do torcedor, que voltou a marcar presença em peso no PALESTRA. O público foi de 21 030 pagantes.

SERENA WILLIAMS mostrou que nem mesmo a irmã mais velha é capaz de ameaçar sua soberania no tênis feminino. Líder do ranking mundial desde julho de 2001, conquistou o bicampeonato de WIMBLEDON ao bater VENUS numa final equilibrada e de alto nível técnico. Os números de SERENA, de 21 anos, são impressionantes. Neste sábado conquistou seu sexto título de um torneio do GRAND SLAM. Lidera o retrospecto diante da maior rival, a irmã VENUS, com sete vitórias e cinco derrotas. Venceu as últimas cinco finais do GRAND SLAM que disputou: ROLAND GARROS, WIMBLEDON e US OPEN de 2002; ABERTO DA AUSTRÁLIA e WIMBLEDON de 2003. No masculino, o australiano MARK PHILIPPOUSSIS e o suíço ROGER FEDERER decidirão o título amanhã, domingo. 

O policial do DENARC, OTÁVIO MERCIER, de 43 anos, foi morto com dois tiros hoje pela manhã ao tentar prender dois homens que haviam acabado de assaltá-lo em seu apartamento, na ALAMEDA SANTOS, esquina com a RUA JOAQUIM EUGÊNIO DE LIMA, nos JARDINS, em SÃO PAULO. Ele trabalhava há sete anos no DENARC, como agente infiltrado em quadrilhas de traficantes.

Um acidente com um helicóptero que prestava serviços para a PETROBRAS resultou na morte de cinco pessoas, hoje, na BACIA DE CAMPOS. A aeronave chocou-se com o rotor da cauda contra o mastro do navio plataforma TOISA MARINER ao tentar pousar no heliponto da embarcação, a 20 metros de altitude. Após o choque, o helicóptero rodopiou, explodiu, caiu no mar e afundou em segundos.

DIÁRIO OFICIAL DE 5 DE JULHO DE 2003 PUBLICA AS TRANSFERÊNCIAS PARA A RESERVA DOS OFICIAIS:
TENENTE-CORONEL PM NILTON JOSÉ DA SILVA, comandante do 16º BPMM. Nasceu em 25 de novembro de 1949. Entrou na PMESP em  1º de julho de 1971. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 17 de julho de 1976. PROMOÇÕES: 2º Tenente – 24 de maio de 1977; 1º Tenente – 24 de maio de 1981; Capitão – 15 de dezembro de 1987; Major- 24 de maio de  1995; Tenente-Coronel – 24 de maio de 2000.

MAJOR PM HENRI HUDSON CAVALCANTI, do 23º BPMI. Nasceu em 7 de março de 1956. Entrou na PMESP em 25 de maio de 1976. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1981. PROMOÇÕES: 2º Tenente – 25 de agosto de 1982; 1º Tenente – 15 de dezembro de 1985; Capitão – 25 de agosto de 1991; Major – 24 de maio de  2003.
    
ISABELLE DE ORLEANS E BRAGANÇA, bisneta de D. PEDRO II, filha de DOM PEDRO DE ORLÉANS E BRAGANÇA, membro da família imperial do BRASIL, morreu hoje aos 93 anos. ISABELLE, condessa de PARIS, nasceu no dia 13 de agosto de 1911 no castelo D´EU, no noroeste da FRANÇA, onde haviam se instalado seu avô, GASTON D´ORLEANS, o CONDE D´EU, neto do rei LOUIS PHILIPPE e a princesa ISABEL. Ela foi casada com o conde de PARIS, HENRI D´ORLÉANS, aspirante ao trono da FRANÇA, com quem casou-se em abril de 1931, em PALERMO, na ITÁLIA, e teve onze filhos. HENRI morreu em 2000. A condessa, que em suas visitas ao BRASIL nunca dispensava a feijoada, acompanhada de caipirinha, será sepultada na capela real de DREUX, próximo a PARIS. Era considerada por seu tio-avô FERDINANDO I, da BÉLGICA, a mais bela das princesas européias da época. O casamento marcou o início de um longo período de exílio. O casal foi obrigado a morar em diversos países, como BÉLGICA, BRASIL, MARROCOS, ESPANHA e PORTUGAL, só voltando à FRANÇA em 1950. Na época, HENRI ainda alimentava alguma esperança política, imaginando que seria capaz de comandar a criação de uma monarquia moderna.  Dramas como a perda dos filhos FRANÇOIS e THIBAULT contribuíram para precipitar o início de uma fase de disputas que continua até hoje. Nos últimos anos da vida do conde, o casal se separou. Quando morreu , em 1999, HENRI vivia num modesto bangalô num subúrbio de PARIS. Estava quase na miséria. A CONDESSA DE PARIS sempre esteve próxima dos brasileiros, especialmente dos que moram na cidade. Costumava ir a festas e reuniões, muitas vezes as mais simples, quando contava histórias dos primeiros anos de sua vida, passados no Palácio de PETRÓPOLIS, no RIO.
 
Pelo menos sete recrutas da nova polícia iraquiana apoiada pelos EUA foram mortos e 74 feridos, hoje, numa explosão na frente de um posto policial na principal rua de RAMADI, situada a cem km da capital, BAGDÁ. Testemunhas afirmaram que o ataque aconteceu no momento em que 80 recrutas estavam treinando.

DEZENAS de integrantes do grupo de defesa dos direitos animais PETA se reuniram, nus, na cidade de PAMPLONA, no norte da ESPANHA, para protestar contra as touradas no início da FEIRA DE SAN FERMIN. Eles gritavam slogans de protesto contra os maus-tratos aos touros.

VINTE PESSOAS morreram e 40 ficaram feridas em uma série de explosões ocorridas hoje em MOSCOU. O ataque foi cometido por duas mulheres-bomba em uma fila de um festival de shows de rock em um aeroporto ao noroeste da cidade. Vinte ambulâncias e um helicóptero com uma equipe de resgate do Ministério das Situações de Emergência foram enviados ao local, enquanto os hospitais de MOSCOU se preparavam para receber os feridos, a maioria em estado grave.

ASSISTO na GLOBO o filme CONTOS DA MEIA NOITE, de 1996, dirigido por MATT COOPER e MARTIN KUNERT, com JAY R. FERGUSON, CHRISTINE TAYLOR, RON LIVINSTON e JENNIFER MACDONALD. Um grupo de estudantes fica preso numa floresta, após sofrer acidente de carro. Para divertir-se, contam histórias de terror. Só que eles passam a viver na realidade esse terror.

5 DE JULHO DE 2004   :   SEGUNDA-FEIRA
CENTRO DE FORMAÇÃO DE OFICIAIS DA RESERVA DE S PAULO
Ilmo Sr Cel PM Res MÁRIO FONSECA VENTURA
Este Comando tem a honra de convidar V. Sa. e digníssima família para a solenidade comemorativa à Revolução Constitucionalista de 1932, a realizar-se no dia 05 de julho de 2004, no Quartel do CPOR/SP, à Rua Alfredo Pujol, 681 – Santana, São Paulo – SP
ATIVIDADES: 07:15 às 08:15 –café da manhã para os convidados;
                           08:15 às 08:45  -Solenidade Militar;
                           08:45 às 09:30 –Apresentação do trabalho sobre a Revolução de 1932, pelo Al TIAGO.
                                ASS      PAULO ROBERTO CARDOSO – TEN CEL
                                                         Comandante do CPOR/SP

Para ir ao CPOR, nesta manhã, saio no carro do JOÃO GOMES DE OLIVEIRA JÚNIOR por volta das 6:40 horas. Acontece que cometo um erro tremendo: achava que o CPOR ficava na ATALIBA LEONEL, enquanto que, na realidade, o quartel se situa na ALFREDO PUJOL. Depois desse erro crasso, chego no CPOR e sou recepcionado pelo TENENTE-CORONEL PAULO ROBERTO CARDOSO, comandante. Outros oficiais do CPOR também nos cumprimentam nesta manhã bonita: TENENTE-CORONEL GUEIROS, Capitães GOMES e SOARES e outros. O CAPITÃO EB R/1 GINO STRUFFALDI já se faz presente, com capacete e medalhas, identificando o ex-combatente de 32. Conhecemos várias pessoas no café da manhã com o comandante. O MAJOR ANDREOLLI, sub-cmt do Regimento de Polícia Montada “NOVE DE JULHO”, comparece com um tenente PM para abrilhantar o evento. Com a chegada do GENERAL BUENO, dar-se-á início à solenidade militar. O hasteamento das bandeiras é o primeiro ato da cerimônia.  O ponto alto da solenidade é a entrega das medalhas MMDC aos sete alunos que fizeram os melhores trabalhos sobre o Movimento Constitucionalista de 32. Depois, o aluno Intendente TIAGO PEREIRA DE SOUZA, no anfiteatro do CPOR, vai apresentar o seu trabalho “HISTÓRIA E PESQUISA DOS FATOS RELATIVOS AO MOVIMENTO CONSTITUCIONALISTA DE 1932-MMDC”. Fala também o GENERAL EUCLYDES BUENO FILHO (péssima dicção, prolixo, citando fatos até duvidosos sobre a revolução, que ele não viveu e que está conhecendo agora por ocasião de uma coordenadoria complicada) e o Cmt do CPOR, tecendo comentários sobre a revolução de 32. Assim, por volta das 10 horas, deixamos o CPOR, na companhia do GINO, seu filho ALDO e um seu neto. Os comentários acerca do evento são os melhores possíveis. No entanto, para a Diretoria Executiva do MMDC fica essa situação indelicada do GENERAL BUENO, atravessando no trabalho executado pelo CORONEL MENDES, vice-presidente, junto ao cmt do CPOR, quanto ao concurso. O GENERAL BUENO, na qualidade de conselheiro, passou por cima dos diretores, principalmente se valendo dos seus galões de general e sua ascendência hierárquica sobre o comandante do CPOR. Esse ponto é lamentável para nós. O CORONEL MENDES preferiu não vir à cerimônia, evitando entrar em atrito com o GENERAL BUENO. O Sr MARCONDES também se furta a isso, alegando os problemas que está enfrentando com relação à doença de sua esposa.
Passo pela AORPM. Quero notícias sobre as tentativas do CORONEL Res NIVALDO PALUMBO de conseguir comprar uma urna em TIETÊ para o transporte das cinzas do falecido CORONEL Ref. LIBERTÁRIO PALUMBO, ex-combatente de 32. O CORONEL CRUZ diz que tudo está sendo acertado com o coordenador da Solenidade do NOVE DE JULHO, CORONEL ADAUTO, comandante da APMBB.
Na AORRPM, conversando com o vice-presidente, Cel Ref JORGE GONÇALVES, vamos encontrar o CORONEL Ref NELSON BROTTO, com seus 87 anos bem vividos, contando suas proezas na FORÇA PÚBLICA. Almoço no MMDS, às pressas, a fim de ir para a Sociedade Veteranos de 32-MMDC.
Nesta tarde, com o CORONEL MENDES, pouco tempo ficamos no MMDC, num dos momentos mais conturbados, quando somos procurados por repórteres e pessoas querendo informações sobre o NOVE DE JULHO.
Com um pouco de atraso, comparecemos para a reunião da Comissão Cívica e Cultural da Associação Comercial. FRANCISCO GIANNOCCARO preside uma das mais importantes reuniões da Comissão, pois nesta tarde vamos entregar o COLAR CARLOS DE SOUZA NAZARETH para o presidente da Associação Comercial, GUILHERME AFIF DOMINGO.
Estão presentes: VIVIANO FERRANTINI, LAURO RIBEIRO ESCOBAR, CORONEL PM Ref PAULO TENÓRIO ROCHA MARQUES, ANTONIO AUGUSTO BIZARRO, CAIO FIGUEIREDO CAVALCANTE, DANIELLA MEIRA FERRAZ, ELOY GONÇALVES DE OLIVEIRA, FRANCES DE AZEVEDO, FRANCISCO CALAZANS DE FREITAS, GAETANO BRANCATI LUIGI, GUILHERME NAPOLEÃO DE ABREU, OGG POZZOLI, PAULO DE AZEVEDO MARQUES. Comentamos os eventos de 7 de julho (que irá acontecer no TRIBUNAL DE JUSTIÇA, numa comemoração inédita do Movimento Constitucionalista de 32, com a entrega do COLAR CARLOS DE SOUZA NAZARETH para o Governador, para o Presidente do Tribunal de Justiça e para o Presidente da Assembléia) e NOVE DE JULHO, ponto culminante do 72º Aniversário do Movimento Constitucionalista de 32.
Depois, no gabinete do presidente da Associação Comercial, num momento solene, a Comissão Cívica e Cultural, através das mãos de FRANCISCO GIANNOCCARO, é entregue o COLAR CARLOS DE SOUZA NAZARETH para GUILHERME AFIF DOMINGOS. O presidente da Associação Comercial faz um discurso de improviso, enaltecendo os feitos daqueles que fizeram a revolução de 32.
Deixando a Associação Comercial, o Cel MENDES e eu vamos para a Sociedade Veteranos de 32-MMDC, onde atendemos a vários telefonemas. Tudo isso é feito sob a ausência completa do presidente, GERALDO FARIA MARCONDES, que se diz impossibilitado de dirigir a sociedade por causa da doença de sua esposa. Um dos telefonemas mais importantes desta tarde é da repórter de O ESTADO, RENATA, que está elaborando uma matéria sobre a situação deprimente das viúvas dos veteranos de 32. Explico detalhadamente a ela o pouco caso do governo com relação à PENSÃO ESPECIAL, negado às viúvas através de uma legislação draconiana. Ficamos até tarde no MMDC, pois temos um terceiro compromisso nesta segunda-feira agitada: um evento na DISTRITAL SUDESTE da Associação Comercial, na VILA MARIANA.
Por volta das 19 horas, estamos comendo pastéis na Rua dos ESTUDANTES, a fim de passar o tempo. Depois, viajando de metrô, vamos até a estação VILA MARIANA. A cerimônia sobre o movimento constitucionalista de 32, na DISTRITAL SUDESTE, na rua AFONSO CELSO, 76, vai começar depois das 20 horas.
O superintendente ALFREDO BRUSESSI convida-nos para fazer parte da mesa, juntamente com o 2º superintendente, GILBERTO KFOURI e a conselheira FRANCES DE AZEVEDO. Um capacete de 32, ofertado por FRANCISCO CALDEIRA BELLEGARDE FILHO, JOSÉ DE CAMPOS BUENO e ELIAS DOS SANTOS OLIVEIRA, representa a EPOPÉIA DE 32, na mesa dos trabalhos.
Uma noite excepcional transcorre naquele recinto. Vamos fazer uso da palavra, tecendo comentários sobre o Movimento Constitucionalista de 32 e suas repercussões nos dias atuais. O poeta PAULO POMPÉIA, na sua singeleza, vai declamar poesias e cantar no violão, num dos melhores momentos da cerimônia. O GRUPO WYN, um coral de pessoas da comunidade, também canta músicas bonitas nesta noite. Mas, o ponto alto, fica por conta do CLÉBER, filho do IVALDO, do CIRCUITO SÃO PAULO, na sua magnífica representação do SOLDADO CONSTITUCIONALISTA.
Cessada a cerimônia, somos procurados por várias pessoas que compareceram ao evento, como é o caso de um antigo soldado do 2º BPChq, que usou trajes da época, como sua esposa, durante a apresentação do grupo WYN; do Sr ARNAUD DE CASTRO NETO, terapeuta holístico, e  outros; não é fácil deixarmos o local. Gentilmente, o professor HERBERT GAVAZZA MARQUES transporta-nos, em seu carro, até uma estação do metrô. O Cel MENDES vai para a SÉ, a fim de pegar o seu carro que está no Corpo de Bombeiros (ele está “solteiro”, pois dona OÇAINE encontra-se no sítio deles, em ATIBAIA). Desço na ARMÊNIA e, cansado, tomo um lotação que me transporta para GUARULHOS. Chego em casa depois das 23 horas.

O governador GERALDO ALCKMIN anunciou hoje a proposta de reajuste do funcionalismo. O aumento varia de 5% a 59% e beneficia 909 mil servidores. Caso seja aprovado pela Assembléia Legislativa, valerá a partir de setembro e será pago em outubro. O piso salarial dos servidores passa de R%400 para R$470, com reajuste de 17,5%. Na EDUCAÇÃO, o aumento será de 13,38% incluindo diretores e supervisores de ensino. Engenheiros, agrônomos, arquitetos e assistentes agropecuários terão correção de 59% e piso de R$1.560. Houve hoje muitas críticas, na segurança, pela porcaria de correção monetária, depois de tanta espera.

Um incêndio destruiu completamente a Escola Estadual UNIÃO DE VILA NOVA 2, em SÃO MIGUEL PAULISTA, zona leste. O fogo começou às 5 horas, antes de os alunos chegarem, e foi combatido até às 10 horas por oito viaturas dos bombeiros. Não houve vítimas. Um curto-circuito é tido como a causa mais provável do incêndio.

Sete delegados da chefia da Polícia Federal em SÃO PAULO foram afastados de seus cargos, alguns por suspeitas levantadas por operações da própria PF, como a ANACONDA e a SHOGUN. Três outros tiveram prisão decretada, um deles por balear patrulheiros na VIA DUTRA.

FERNANDA CARDOSO, de 20 anos, discutiu com o namorado, ANTÔNIO ALEXANDRE, de 59 anos, e depois atirou nele várias vezes. Em seguida, se matou. ALEXANDRE está internado. A moça deixou uma carta: “Se eu morrer, ele vai junto”. A tragédia aconteceu no domingo, dia 4 de julho, num motel de ITAPEVI.

O CABO PM ELIZEU POSSANI FILHO, de 33 anos, da 3 ª Companhia do 15 º BPMM, impediu um assalto a uma pizzaria em GUARULHOS. Houve tiroteio e, baleado na barriga, um dos ladrões morreu. Por volta das 23:30 horas do domingo, dia 4, três homens armados de revólveres e pistolas invadiram a PIZZARIA DUDU, na avenida CAPITÃO VÁLTER RIBEIRO, 60, no JARDIM CUMBICA. O CABO PM POSSANI deu voz de prisão aos bandidos. Ele jantava na pizzaria. Estava de folga e à paisana. Houve tiroteio. O CABO foi atingido no dedo e no antebraço direitos, tendo sido levado para o Hospital Municipal de Urgências, onde acabou medicado. Os outros dois meliantes conseguiram fugir.

Anunciado nesta segunda-feira que o ministro da CULTURA, GILBERTO GIL, como embaixador do bicentenário do escritor dinamarquês HANS CHRISTIAN ANDERSEN, que será comemorado em 2005, em COPENHAGUE.

HOMENAGEADO pelo governo português LUIZ FELIPE SCOLARI, técnico vice-campeão da EUROCOPA. O brasileiro levou a seleção portuguesa ao melhor resultado de sua história na competição. O time perdeu da GRÉCIA, no final, por 1 a 0, mas SCOLARI deverá se manter no emprego até a COPA DO MUNDO de 2006, na ALEMANHA.

PROTESTARAM contra a corrida de touros de PAMPLONA cerca de 300 manifestantes seminus. Foi o jeito de chamarem a atenção do mundo contra a matança dos animais durante a tradicional festa de SAN FERMÍN. Em PAMPLONA, na ESPANHA.

RETIRADA a queixa de agressão da apresentadora de TV saudita, RANIA AL-BAZ, contra o marido, o cantor MOHAMED BAKR AL-FALLATTA. RANIA foi brutalmente espancada por FALLATTA há três meses. Ela alegou preocupação com os filhos para justificar o ato.

SUSPENSA a sentença de prisão de WINNIE MANDELA, de 67 anos, ex-mulher de NELSON MANDELA, condenada a cinco anos por fraude bancária. Em PRETÓRIA, na ÁFRICA DO SUL.

O PAPA JOÃO PAULO II desembarcou em ROMA para um período de férias, que se prolongará até o dia 13 de agosto. O pontífice permanecerá na região alpina italiana do VALE DE AOSTA, na pequena localidade de LES COMBES. Com aspecto cansado, JOÃO PAULO II foi recebido por vários fiéis, que o presentearam com flores e produtos locais. No final de sua estada no vale, o PAPA irá para sua residência de verão em CASTEL GANDOLFO, de onde partirá para a peregrinação a LOURDES, na FRANÇA, nos dias 14 e 15 de agosto. Em 5 de setembro, viajará ao santuário mariano de LORETO, que fica a 300 km de ROMA.

5 DE JULHO DE 2005  :   -   TERÇA-FEIRA
Depois da magnífica apresentação do MAJOR PM ARRUDA e seus auxiliares (CAPITÃO PM NASSARO, gaiteiro CLEIBER DE SOUZA e outros), onde me senti reconfortado por dedicar parte de meu tempo à Sociedade Veteranos de 32-MMDC e à Comissão Cívica e Cultural da Associação Comercial, penso agora na posse dos novos dirigentes da Sociedade e, logo cedo, faço um roteiro do desenvolvimento de minha fala como presidente da Assembléia Geral Eleitoral, que dará posse aos presidentes da Diretoria Executiva, Conselho Deliberativo e Conselho Fiscal, na quinta-feira, dia 7 de julho, quando a Sociedade completará 51 anos de existência. Em 7 de julho deverá começar um novo tempo para o MMDC, que ultimamente foi fruto de cisões, ressentimentos e questiúnculas idiotas. Tudo isso deverá ser varrido para uma revitalização necessária de uma Sociedade que ressurgirá das cinzas de uma má administração, qual a ave FÊNIX. 

Cai muito a temperatura. Começa a chuviscar. Vou para a cidade de SÃO PAULO num dia típico de inverno. A reunião dos oficiais do MMDS é proveitosa. Discute-se muito a atual política brasileira, onde cada vez mais surgem podridões escondidas nos porões do partido do governo. É difícil aquilatar como tudo isso irá terminar. Combinamos nossa maneira de comportamento porque, fatalmente, nas nossas aulas, surgirão perguntas sobre esse estado de coisas. Por volta das 14:30 horas, estou chegando na Sociedade. Está marcada para hoje uma reunião com o GENERAL BUENO, CORONEL PM RENALDO, CAPITÃO R/R GINO STRUFFALDI, os advogados da CARNIDE e os advogados ROMAGNOLI e JANAÍNA. Como sempre, o ANTÔNIO CARLOS NACLÉRIO HOMEM está presente. Não contamos hoje com a presença do CORONEL MENDES. Mas também comparece o CORONEL PM JAIRO PAES DE LIRA, nosso presidente do Conselho Deliberativo.
No início da reunião, o GENERAL BUENO deixou bem claro que o Sr MARCONDES está doente e que sua senhora, dona JÚLIA, requer cuidados extremos, face a gravidade de seu estado de saúde. Ele discute a notificação extra-judicial. O GINO, por sua vez, faz um arrazoado por escrito e trouxe para essa reunião um contabilista que inicia a auditoria. Surgem muitas discussões e a conclusão é aquela que já sabemos: a Sociedade está falida e precisamos tampar o rombo, principalmente, do crédito rotativo. Para não ser a Sociedade apontada no SERASA, o CORONEL RENALDO promete ainda para esta semana pagar o excedente débito do cheque especial. Precisamos, urgentemente, de dez mil reais. Como conseguir isso ainda não sabemos. Depois dessa triste realidade, o Doutor HERBERTO CARNIDE faz uma exposição de como anda o processo que a autora FIAMMETTA EMENDABILI moveu contra a Sociedade, FARAH SERVICE, CONDEPHAAT e CLARO.
Essa reunião vai terminar depois das 18 horas. Paralelamente, começam a chegar as urnas contendo as cinzas daqueles dez ex-combatentes cujos restos mortais serão imortalizados no próximo dia 9 de julho.
Dado o adiantado da hora, não é fácil o retorno. Fico temeroso pelo veterano GINO, que aos 91 anos de idade, retorna sozinho para sua residência.
Nesta noite trabalho num histórico da Sociedade Veteranos de 32-MMDC, baseado nas primeiras atas dar reuniões dos anos 1950. A Sociedade foi criada em 7 de julho de 1954. Isso me leva até quase meia-noite. Mas a data da posse dos novos dirigentes da Sociedade está se aproximando e preciso estar em condições de dirigir os trabalhos da Assembléia Geral Eleitoral que dará posse ao GINO, JAIRO PAES DE LIRA e RENALDO ALVES DA SILVA.

Relatórios do Conselho de Atividades Financeiras que chegaram hoje à CPI DOS CORREIOS mostram que a conta da DNA PROPAGANDA, do publicitário mineiro MARCOS VALÉRIO DE SOUZA, recebeu 458,9 milhões de reais sem identificação de origem entre 1999 e 2005. O total de depósitos na conta da empresa no BANCO DO BRASIL chega a 836 milhões. Outra agência de VALÉRIO, a SMPB, registra créditos de 419,2 milhões de reais no mesmo período. O publicitário é acusado de operar o mensalão na Câmara. O COAF chegou a pedir esclarecimentos ao BANCO DO BRASIL e a BANCO CENTRAL sobre a natureza dessa movimentação financeira, por causa dos altos valores. O BANCO CENTRAL informou, por meio de carta circular, que a movimentação da DNA era “incompatível com o patrimônio, a atividade econômica, a ocupação profissional e a capacidade presumida do cliente”. O BB, por sua vez, relata que a DNA é sua cliente desde 1992 e “mantém um faturamento anual declarado, cadastrado, de 30 milhões de reais e mantém movimentação financeira significativa, sobretudo em função de suas contratantes”, como o próprio banco estatal.

O líder do PMDB na Câmara, JOSÉ BORBA, se defendeu hoje das suspeitas lançadas contra ele por causa de seus contatos com MARCOS VALÉRIO DE SOUZA e informou: o publicitário também participava do loteamento da máquina estatal. Em nota lida no plenário, BORBA disse que nos encontros com VALÉRIO era discutida a nomeação de peemedebistas para cargos públicos no governo federal. À noite, pressionado pela bancada do PMDB por causa da repercussão à sua nota, BORBA afastou-se da liderança do partido. VALÉRIO conseguiu hoje no STF um salvo-conduto que afasta o risco de ser preso se se recusar a responder a perguntas que possam incriminá-lo, amanhã, em depoimento à CPI DOS CORREIOS. O empresário também está desobrigado de assinar termo de compromisso legal de testemunha, porque, pela decisão do STF, tem de ser tratado como investigado.

Um mês depois de ser apontado como responsável pelo pagamento de mensalão a deputados do PP e do PL, o secretário de Finanças do PT, DELÚBIO SOARES, pediu licença do cargo hoje, seguindo exemplo do secretário-geral do partido, SÍLVIO PEREIRA. “Não temo. Tenho a plena consciência de nunca haver transgredido os princípios éticos da prática política”, disse em nota. A crise pode levar ainda ao afastamento do presidente do PT, JOSÉ GENOINO, e do secretário de Comunicações, MARCELO SERENO. O futuro deles será debatido pelo Diretório Nacional do partido no sábado, dia 9 de julho.

O Presidente LULA deu início hoje à noite à primeira etapa da reforma ministerial, com a formalização do convite aos peemedebistas HÉLIO COSTA (para o Ministério das Comunicações), SARAIVA FELIPE (SAÚDE) e SILAS RONDEAU (MINAS E ENERGIA). O anúncio oficial será feito amanhã. O partido ainda negocia a possibilidade de ficar com um quarto ministério.

A GLOBALPREV CONSULTORES ASSOCIADOS, antiga GUSHIKEN & ASSOCIADOS, teve em 2003, primeiro ano do governo LULA, um faturamento sete vezes maior – R$1,05 milhão – do que no ano anterior – R$151 mil – Em 2004, outro salto, para R$1,97 milhão, um aumento de 1.200% em relação a 2002. Este ano, até maio, a empresa já faturou R$996 mil.

Para a polícia, o SARGENTO RICARDO SILVA DOS SANTOS, 40 anos, é apenas um suspeito. Sequer foi indiciado.  Mas, para os moradores da FAVELA PORTINARI, em DIADEMA, no ABCD, ele é um assassino cruel, responsável pela chacina que dizimou a família de TEREZA RODRIGUES FARIA, 50 anos. Ela e seus dois filhos mais novos – os irmãos FÁBIO e EDUARDO RODRIGUES FRANCISCO, de 15 e 24 anos – foram executados ontem, no fim da noite, na frente da casa onde moravam havia mais de 15 anos. O matador ainda deixou feridos o filho mais velho de TEREZA, ALEXANDRE VENÂNCIO FARIA, 29 anos, e o padrasto dos três garotos, JOSÉ SIDÔNIO DA SILVA, 54 anos. ALEXANDRE foi baleado no braço e no peito e está internado no Hospital PIRAPORINHA. O padrasto cortou a perna direita, perto do calcanhar, por causa dos estilhaços de bala, mas no seu caso não houve necessidade de internação. Ele já prestou depoimento à Polícia Civil e, como seus vizinhos, acusou a PM.  O SARGENTO SANTOS, acusado de matar a todos, estava a serviço, fardado. Desde o crime, porém, está desaparecido. OS PMS ÉDSON ARÃO PRUDÊNCIO e RENATO PEREIRA DOS SANTOS, que o acompanhavam na viatura 24083 no momento das mortes, foram ao 3º Distrito Policial. Lá, disseram que faziam uma abordagem a um rapaz na favela e ouviram os tiros. Mas não confirmaram que o sargento seria o atirador. Alegaram que estavam a poucos distantes do parceiro. O motivo do crime, conforme os moradores da favela, foi a bebedeira de um policial que mora no Conjunto Habitacional ao lado da PORTINARI. Meia hora antes das mortes, FÁBIO, o filho mais novo de TEREZA, namorava uma menina na garagem da CDHU. O PM SEBASTIÃO PARIAS PINTO – que trabalha no mesmo batalhão dos três PMs – teria aparecido na janela e atirado para o alto. Depois disso, desceu e fez o adolescente e a namorada deitarem-se no chão. Revistou os dois e esbofeteou FÁBIO. Em seguida, ele teria voltado a seu apartamento e chamado os colegas para dar mais uma lição no menino namorador. A viatura do SARGENTO SANTOS apareceu na PORTINARI. Circulou  pelas vielas com SEBASTIÃO a bordo por alguns minutos e depois o deixou novamente no Conjunto Habitacional. Três PMs de moto apareceram. Pouco depois os policiais da viatura 24083 ainda na favela, abordaram EDUARDO. O rapaz estava sem documento e seria levado para o distrito policial. FÁBIO apareceu com a mãe e defendeu o irmão. O SARGENTO SANTOS não disse nada: virou-se para o garoto e disparou contra sua cabeça. Depois, atirou em EDUARDO e, em seguida, em TEREZA. ALEXANDRE, o irmão mais velho, estava do outro lado da calçada e foi atingido no braço. A bala parou no peito. O padrasto teria sido o último a ser ferido.

Revoltados com as mortes, moradores da FAVELA PORTINARI atearam fogo, hoje pela manhã, no apartamento do PM SEBASTIÃO FARIAS FILHO, de 34 anos. Ele foi o responsável por convocar reforço do SARGENTO RICARDO SILVA DOS SANTOS, acusado dos assassinatos da doméstica TEREZA RODRIGUES FARIA e de seus dois filhos mais novos. O apartamento do Conjunto Habitacional PORTINARI, vizinho da favela, estava vazio na hora do incêndio. FARIA FILHO deixou o local na madrugada, levando a família. Eles saíram com a roupa do corpo, carregando somente os documentos.  Quase tudo que ficou para trás foi consumido pelo fogo. O pouco que sobrou foi recolhido por colegas do PM, que fizeram a mudança dele com um caminhão-baú emprestado. “Do que tinha lá, 90% ficou queimado”, disse um tenente que ajudou a apagar o incêndio.

Um escândalo na ALEMANHA envolvendo a VOLKSWAGEN veio à tona nesta terça-feira. Corrupção e lavagem de dinheiro. No olho do furacão, eis que surge uma brasileira: ADRIANA B. Ela seria amante de KLAUS VOLKERT, ex-presidente do conselho da fábrica da VOLKSWAGEN. Dinheiro de propina extorquida de fornecedores e dinheiro desviado de fundos sociais dos funcionários teriam sido depositados na conta bancária de ADRIANA. Viagens e apartamentos (no BRASIL) teriam sido dados a ela com essa grana. Algumas propinas eram pagas a cada três meses, outras eram pagas semanalmente. É o semanão. E o trimensão.

Uma explosão provocada por um suicida destruiu hoje o muro de proteção do complexo religioso na cidade de AYODHYA, no Estado de UTTAR PREDESH, cerca de 550 km a leste de NOVA DÉLHI. No ataque, outros cinco extremistas morreram em choque com a polícia quando tentaram invadir o templo hindu. O lugar é o mesmo aonde radicais hindus destruíram uma mesquita em 1992, provocando um dos piores confrontos religiosos da história do país que terminou com mais de duas mil vítimas. Para os hindus, foi no local que nasceu o deus RAM e, por isso, querem a finalização de um grande templo. Para os muçulmanos, que são minoria na ÍNDIA mas totalizam mais de cem milhões de pessoas, é preciso reconstruir a mesquita do século XVI.        

5 DE JULHO DE 2006   :  -   QUARTA-FEIRA
Finalmente tenho uma manhã um pouco tranqüila. Procuro digitar muita coisa atrasada, em minhas memórias. Mas vários telefonemas, todos relacionados com a Sociedade Veteranos de 32-MMDC, atrapalham meus trabalhos. Leio também O ESTADO, JORNAL DA TARDE, AGORA e DIÁRIO DE SÃO PAULO.
O JORNAL DA TARDE, na página 2A JT OPINIÃO, PRA COMEÇO DE CONVERSA vamos verificar que CARVALHOSA já está pondo as manguinhas de fora.
OBELISCO DO IBIRAPUERA
CADÊ O JOGO DE LUZES E A SALA DE MÚSICA?
A propósito da restauração do Obelisco, que, finalmente, ao que parece, vai tomar jeito, a família do autor, GALILEO EMENDABILE, avisa que a ocasião poderia ser aproveitada para terminá-lo de vez. Explica-se: o jogo de luzes que lançaria as cores (vermelha, preta e branca) da bandeira de SP sobre o monumento, concebido pelo escultor, nunca foi feito. Nem a sala de audição para música de câmara (que seria aberta ao público) dentro da cripta. “E há um jardim de BURLE MARX ao redor, que também foi esquecido”, adverte Paulo Emendabili, neto do escultor.

Essa notícia transparece bem o espírito do espertalhão CARVALHOSA. Tão cioso pelas coisas do Obelisco, nunca fez nada nesses anos todos. Somente em 2004, quando vislumbrou um lucro com a propaganda da CLARO, ele entrou em juízo pleiteando 10% de uma mirabolante quantia que ele calculou como sendo a vantagem que a CLARO levou com o out-dour monstruoso que ela colocou no Obelisco. É um oportunista, um verdadeiro crápula.

Vou diretamente para o MMDC, onde temos muita coisa por fazer. A atrapalhação causada pela venda das medalhas por parte do PANELLI vai impedir que amanhã se realize a solenidade do 74º Aniversário da Revolução Constitucionalista no 2º BPE. Telefonamos para o TENENTE-CORONEL FALCÃO no sentido de adiá-la para depois do dia 10. O CORONEL MENDES pouco fica conosco. Ele está atrapalhado com a entrega dos Ofícios de Outorga da Medalha CONSTITUCIONALISTA. Sai sozinho para ir ao Exército, Marinha, Aeronáutica, Delegacia Geral, Anhembi e outros lugares.
Estão no dia do encontro: GINO STRUFFALDI, ANTÔNIO FROTA, MARIA ODETE, ÂNGELA, CORONEL ARY CANAVÓ (este quer que encaminhemos ofícios para convidar cinco generais de sua amizade, bem como outras pessoas), ARIOVALDO CHACUR (retornando ao MMDC por causa da criação do núcleo de SANTO ANDRÉ onde ele reside). GINO STRUFFALDI recebe inúmeros comunicados onde estações de rádio, TV, jornais, querem entrevistá-lo. A TV GENTE combina ir até a LAPA, indo buscar o GINO em sua residência e o conduzindo até o Colégio SANTO IVO. O PROFESSOR JOSÉ CARLOS conversa conosco sobre essa reportagem, inclusive envolvendo o combatente BENTO, que reside naquela região.  PROFESSOR EGBERTO, ainda convalescendo da ruptura da rótula, manda-me a ORDEM DO DIA, que ele deverá ler no dia 9 de Julho, por ocasião de sua posse como Comandante do Exército Constitucionalista.
O MENDES ainda retorna ao MMDC e, por volta das 17 horas, sai comigo. Irá em vários lugares, acertando detalhes para o 9 de Julho.
Em casa, recebo um telefonema da TV GLOBO; FABIANA combina comigo que um carro virá me buscar às 7 horas e me levar ao Obelisco, para uma reportagem. Ela me pede um histórico da situação do Monumento-Mausoléu e eu me socorro do ROMAGNOLI, que prontamente envia para FABIANA o seguinte:
BREVE HISTÓRICO DA CONSTITUIÇÃO DA SOCIEDADE E CAMPANHA PRÓ MONUMENTO

CONSTITUIÇÃO - SOCIEDADE VETERANOS DE 32 – M.M.D.C., constituída em 7 de julho de 1954, entidade cívica sem fins lucrativos, que tem por objetivo precípuo ressaltar os fatos e feitos da Revolução Constitucionalista e manter vivos os ideais que a inspiraram em 1932, com atos constitutivos e Estatutos arquivados sob o No. 5130, do 4o. Registro Civil de Pessoa Jurídica;

DENOMINAÇÃO ANTERIOR - A sociedade denominava-se “Veteranos de 1932 M.M.D.C. – Sociedade Cívica Brasileira” entidade que foi constituída logo após a cessação das hostilidades de 1932, congregando não só os que lutaram nas trincheiras, mas com todos aqueles que compartilhavam do ideal democrático constitucionalista que fundaram no dia 24 de maio de 1932 o Movimento Constitucionalista, contudo, referida entidade não possuía personalidade jurídica;

CAMPANHA PRÓ MONUMENTO - Em 1936  a  “COMISSÃO CENTRAL” da Campanha Pró-Monumento Mausoléu ao Soldado Paulista de 32, publicou no Diário Oficial do Estado de São Paulo, edição de 11 de junho de 1936, Edital do “Concurso de Projectos do Monumento e Mausoléu ao Soldado Paulista de “32”. De acordo com o citado Edital poderiam concorrer artistas nacionais ou residentes no país há mais de seis anos.Numa primeira fase seriam selecionados três ante-projetos,  em primeiro lugar recebendo cada autor a quantia de quatro contos de réis.  Os três ante-projetos selecionados, seus autores deveriam apresentar os projetos definitivos que  seriam apreciados pela Comissão Julgadora que classificaria o primeiro colocado.
O projeto definitivo, classificado em primeiro lugar, ao escultor seria conferida a direção artística da obra recebendo como retribuição o percentual de 2% (dois por cento) sobre o valor das obras.Ao Autor seria ainda confiada a execução da “parte esculptural, bem como os encargos de dirigir a fundição e collocação da parte esculptural” mediante a retribuição “do percentual de 20% (vinte por cento) sobre as despesas relativas a essa parte”. Verifica-se do mencionado Edital, em seu artigo 5o., a seguir transcrito,   que o Autor premiado cedia os direitos patrimoniais da obra de sua concepção,:  “5o. – As idéas, suggestões e trabalhos apresentados no concurso e premiados ficarão pertencendo à Comissão Central que delles disporá como lhe approuver.” 
Em seu artigo 4o. estabelecia: O Concurso é uma convenção entre a Comissão Central, de um lado e cada concorrente, de outro lado e a apresentação de trabalhos representa uma aquiscência a todas as condições estipuladas neste Edital.

Em 17 de março de 1937 a Comissão Julgadora, por unanimidade concedeu o 1o. premio “ao projecto sob legenda “32”  do architecto Mario Pucci e do esculptor Galileu Emendabili”, conforme publicação no Diário Oficial do Estado de São Paulo, edição de 13 de abril de 1937;.

FUNDAÇÃO MONUMENTO E MAUSOLEU AO SOLDADO PAULISTA DE 32,- O Monumento veio a se tornar FUNDAÇÃO, conforme Escritura Publica de Instituição lavrada perante o 2o. Tabelião de Notas da Capital, em 11 de fevereiro de 1938, livro 628, pág. 10, e publicação no Diário Oficial do Estado de São Paulo, edição de 8 de abril de 1938.

ÁREA DO IBIRAPUERA – Em 1947 o Prefeito de São Paulo, Cristiano Stockler das Neves delimitava com a comissão do Mausoléu, uma área no Ibirapuera, para construção do Monumento. Esta informação consta da publicação editada pela Imprensa Oficial do Estado comemorativa do cinqüentenário da revolução Constitucionalista de 1932.  Não foram encontrados documentos no Serviço de Patrimônio da Prefeitura do Município de São Paulo.

FUNDAÇÃO MONUMENTO E MAUSOLEU AO SOLDADO DE 32 OUTORGA À SOCIEDADE VETERANOS DE 1932 - M.M.D.C. A  ADMINISTRAÇÃO, DIREÇÃO, CONSERVAÇÃO E MANUTENÇÃO DO MONUMENTO

Conforme Escritura de Declaração, lavrada em 29 de novembro de 1999, perante o 2o. Tabelião de Notas, Livro 1906, pagina 203, tendo como Outorgante Declarante o último remanescente da FUNDAÇÃO MONUMENTO E MAUSÓLEU AO SOLDADO DE 32, O Dr. HERBERT VICTOR LEVY, que por constar no Estatuto da Fundação que a administração, conservação e manutenção e direção, a competência deveria centra-se nas mãos daqueles que por ele lutaram, que a Fundação por seus idealizadores puderam levantar o Monumento Mausoléu, “sendo que a manutenção foi logo confiada ao M.M.D.C, com todos os poderes para dirigi-lo e administrá-lo.

A seguir trecho da citada escritura: 

”Desde então, vencendo muitos tropeços, vem o M.M.D.C. cuidando zelosamente do Monumento-Mausóleu, isso conseguindo, com não pouco  sacrifícios de seus dirigentes, entre os quais, como Presidente nato do Conselho Supremo, o Comandante geral da Polícia  Militar do Estado de São Paulo e como Presidente do Conselho Consultivo o Sr. Geraldo Faria Marcondes, veterano e ferrenho lutador pelo M.M.D.C, . 
Eis porque, como único remanescente da Fundação do Monumento-Mausóleu, tenho a Declarar que é, como sempre foi, da M.M.D.C a manutenção e administração do aludido monumento”., é a entidade que tem poderes para administrar e prover a manutenção do referido monumento;

APROVAÇÃO DAS OBRAS PELO CONDEPHAAT


A empresa AD SERVICE (FARAH SERVICE) conforme já salientado, firmara contrato de patrocínio com a empresa CLARO, e, para cada fase de obra, discutia com o patrocinador três orçamentos que eram avaliados segundo os critérios técnico e financeiro.  Aprovado um dos orçamentos era encaminhado ao Gen. Euclydes Bueno Filho, ex-Coordenador das Obras,  que examinava o perfil técnico da empresa avaliava, na qualidade de engenheiro o procedimento de execução proposto e, nada tendo a opor encaminhava ao CONDEPHAAT para que o mesmo aprovasse o procedimento técnico.

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO ESTRUTURAL DO MONUMENTO E MAUSOLÉU  - LAUDO IEME BRASIL

Nos autos da Medida Cautelar – Produção Antecipada de Provas, processo 000.04.006.636-3 – Controle 098, proposta por FIAMETTA EMENDABILI em face de CLARO S/A e OUTROS, a Juíza da 32a. Vara Cível designou o perito Marcos Moliterno para o fim de verificar danos ao Monumento em tela.  O Engenheiro Marcos Moliterno ao final de seu laudo tece considerações sobre possíveis danos estruturais, especialmente “em razão de trepidação  pelo vertiginoso crescimento do tráfego de veículos pelas avenidas que circundam o Monumento” e ainda “a análise das fissuras existentes no revestimento marmóreo do corpo do obelisco não ser prescindida de um estudo que aborde a possibilidade de recalque diferenciado das fundações por conta do túnel”. Informa o perito que o tempo exíguo impediu avaliar a questão.

Tendo o perito levantado uma questão muito grave aventando a possibilidade de recalque diferenciado, a empresa Farah Service contratou a empresa IEME BRASIL  ENGENHARIA CONSULTIVA altamente especializada na avaliação dinâmica de estruturas que serve à caracterização de seu estado atual. A mencionada empresa fez a avaliação de importantes estádios brasileiros, como Morumbi, Palestra Itália, Maracanã e Pacaembu, em diversas pontes e viadutos, destacando-se a Ponte Rio-Niterói.

Assim a IEME fora contratada para avaliar o comportamento da estrutura do Obelisco, executando os seguintes serviços:

-          Verificar a influência da construção do túnel Ayrton Senna, alça Sena Madureira que passou próximo ao monumento, na fundação do Obelisco;

-          Verificar o comportamento da estrutura com relação aos efeitos dinâmicos devidos às vibrações causadas pelo vento e pelo tráfego de veículos, e

-          -Realizar uma avaliação da condição estrutural atual, considerando-se as normas vigentes da ABNT.

As verificações foram feitas através de estudos dinâmicos incluindo técnicas de análise modal teórica e experimental, apresentando o Laudo as seguintes conclusões:

“Com base nos estudos realizados podemos concluir que atualmente a estrutura do Obelisco apresenta comportamento adequado com relação à segurança estrutural, pois a resistência atual do concreto é compatível com os esforços atuantes e com os coeficientes de segurança das normas técnicas da ABNT”.

O nível das vibrações medidas não causa danos à estrutura do Obelisco, estando dentro dos limites estabelecidos pela norma DIN 4150/3.

Com relação ao túnel Ayrton Senna, verificamos que sua influência nos recalques diferenciais da sapata de fundação da estrutura é muito pequena, podendo ser considerada desprezível”

Como se vê, muitas declarações e reportagens veiculadas na imprensa não passam de mero sensacionalismo infundado com escopo apenas de denegrir de forma teratológica a credibilidade da Sociedade Veteranos de 32 – M.M.D.C. e de seus dirigentes que, com estremada dificuldade, vem se desdobrando para preservar um dos marcos mais importantes da nossa cidade, estado e país.

Muito do que inveridicamente fora lançado na mídia não condiz com a realidade. Chegaram ao cúmulo de mencionar que no interior do Obelisco existem sacos plásticos com cinzas de ex-combatentes o que, sem sombra de dúvidas, é um absurdo.

Nunca a Sociedade Veteranos de 32 – M.M.D.C. permitiria que seus heróis tivessem seus restos vilipendiados ou tratados de forma indigna por quem quer que seja. Se a Sociedade Veteranos de 32 – M.M.D.C existe até o presente momento, existe com a única finalidade de cultuar a memória destes valorosos ex-combatentes que, em detrimento de suas próprias vidas se engajaram no maior movimento cívico da história da humanidade. A Sociedade Veteranos de 32 – M.M.D.C. continuará lutando pela democracia, legalidade e civismo da mesma forma que os valorosos heróis de 32, cujos restos mortais no Mausoléu descansam.

As barbaridades perpetradas contra esta valorosa Sociedade só podem ter um único motivo: financeiro! Quem estaria pretendendo se locupletar ilicitamente às custas da memória destes abnegados heróis?

Esta indagação só o tempo poderá esclarecer.

Para dirimir tais conflitos, fora assinado no dia 29/06 p.p. um convênio entre o Governo do Estado, Prefeitura, Polícia Militar e a Sociedade Veteranos de 32 – M.M.D.C, que abaixo anexo:

sexta-feira, 30 de junho de 2006 Diário Oficial Poder Executivo - Seção I São Paulo, 116 (122) – 3
Atos do Governador
DECRETO Nº 50.923,
DE 29 DE JUNHO DE 2006
Dispõe sobre as atribuições dos órgãos da administração estadual na execução das atividades previstas no convênio celebrado entre o Estado de São Paulo e o Município de São Paulo, objetivando a preservação, manutenção, gestão, administração e guarda do Monumento Mausoléu ao Soldado Constitucionalista de 1932 e dá providências correlatas
CLÁUDIO LEMBO, Governador do Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições legais e considerando as cláusulas pactuadas no termo de convênio celebrado entre o Estado de São Paulo e o Município de São Paulo, com o escopo de definir atribuições dos partícipes relativamente à preservação, manutenção, gestão e administração e guarda do Monumento Mausoléu ao Soldado Constitucionalista de 1932, inclusive do Obelisco e da respectiva praça, Decreta:
Artigo 1º - A guarda permanente e o policiamento ostensivo do espaço público em que se situa o Monumento Mausoléu ao Soldado Constitucionalista de 1932, incluindo o respectivo Obelisco e a praça localizada entre as faixas de rolamento da Avenida Pedro Álvares Cabral, em frente ao Parque do Ibirapuera, serão prestados pela Secretaria da Segurança Pública, por intermédio da Polícia Militar do Estado de São Paulo, podendo, para tanto, contar com a colaboração da Guarda Civil Metropolitana, da Prefeitura de São Paulo, incumbindo-lhe manter a ordem e o respeito condizentes com as finalidades do Monumento.
Artigo 2º - Caberá à Secretaria da Segurança Pública, por intermédio da Polícia Militar do Estado de São Paulo, observadas as normas legais e regulamentares estaduais e municipais, disciplinar a administração e a visitação pública ao Mausoléu.
Parágrafo único - Para consecução das ações previstas no “caput” deste artigo, a Polícia Militar do Estado de São Paulo contará com a participação e a colaboração da Sociedade Veteranos de 1932 - MMDC.
Artigo 3º - A conservação e a restauração do Monumento Mausoléu ao Soldado Constitucionalista de 1932, quando necessárias, competirá à Secretaria da Cultura, ouvidos os órgãos públicos estaduais e municipais competentes.
Artigo 4º - As festividades alusivas à comemoração da data de aniversário da Revolução Constitucionalista de 1932, preconizadas pelo artigo 284 da Constituição do Estado, ficarão a cargo da Secretaria da Segurança Pública, por intermédio da Polícia Militar do Estado de São Paulo, que poderá contar com a colaboração da Sociedade Veteranos de 1932 - MMDC, com vista à realização de justa e condigna homenagem àqueles que tombaram em combate e aos que lutaram em prol da nobre causa constitucionalista.
Artigo 5º - As despesas decorrentes da execução deste decreto correrão à conta das dotações ordinárias previstas no Orçamento-Programa das respectivas Pastas.
Artigo 6º - Este decreto entra em vigor na data de sua publicação.
Palácio dos Bandeirantes, 29 de junho de 2006
CLÁUDIO LEMBO
João Batista Moraes de Andrade
Secretário da Cultura
Saulo de Castro Abreu Filho
Secretário da Segurança Pública
Rubens Lara
Secretário-Chefe da Casa Civil
Publicado na Casa Civil, aos 29 de junho de 2006.

Espero que tais esclarecimentos sejam suficientes para embasar sua, tenho certeza, brilhante reportagem. O povo paulista não merece ser enganado.

Fraternalmente

Carlos Alberto Maciel Romagnoli
Filho de ex-combatente e,
Diretor Jurídico da Sociedade Veteranos de 32 – M.M.D.C

Além da sua prestimosa colaboração ele se propõe a estar comigo no Monumento-Mausoléu por ocasião da entrevista, marcada para as 8 horas. Demonstra interesse, amizade e honestidade.

Respondo a diversos e-mails nesta noite e vou deitar muito tarde. FÁBIO TROMBETTI comunica a missa de sétimo dia de seu pai, DOUTOR FLÁVIO CLETO GIOVANNI TROMBETTI, falecido no dia 2 de julho. Não pude prestar o último adeus ao juiz que conheci em 1966, por ocasião de eleições em GUARULHOS. Eu era tenente da então Segunda Companhia Independente. Estava em SANTO ANDRÉ por ocasião de seu sepultamento. Agora, na missa de sétimo dia, marcada para dia 8, estarei em CRUZEIRO. Mando-lhe uma mensagem esclarecendo tudo isso. Numa outra mensagem, JANAÍNA pede adiamento da data de reunião do núcleo de GUARULHOS, pois a data marcada, dia 12, está muito próxima do 9 de Julho. Outras mensagens são relativas ao desfile do dia do 74º Aniversário da Revolução Constitucionalista.      

CONDENADO pela primeira vez na história da Justiça brasileira, um acusado de praticar pirataria-on-line. MARCOS ROBERTO LUI recebeu pena de dois anos de reclusão e multa de valor não divulgado por vender ilegalmente CDs e filmes em seu site na internet. LUI alegou recorrer à venda ilegal por estar desempregado, mas seu argumento foi recusado. Em SANTOS. 

Morreu, nesta quarta-feira, em MONTEVIDÉU, o cineasta JUAN PABLO REBELLA, de 32 anos. Suspeita-se de suicídio. REBELLA era bem conhecido no BRASIL. Dirigiu, em parceria com PABLO STOLL, os longas-metragens 25 WATTS e WHISKY, que participaram do Festival de Gramado. Aliás, WHISKY, um belíssimo filme, foi o vencedor da parte latina do festival gaúcho em 2004. 25 WATTS havia participado de GRAMADO em 2001.

FALECEU, aos 64 anos, possivelmente de infarto, o fundador e ex-presidente da ENRON, KENNETH LAY. Sob seu comando, a companhia tornou-se uma das gigantes do setor de energia nos EUA – em boa parte, como se descobriu em 2001, num dos maiores escândalos corporativos da história americana, por causa de técnicas fraudulentas de gestão. LAY foi julgado e condenado em maio deste ano e aguardava para setembro sua sentença. Em ASPEN, COLORADO.

2 007    :    -   QUINTA-FEIRA
A NATUREZA DOS PROPÓSITOS PELOS QUAIS VOCÊ SACRIFICA TEMPO E RECURSOS, DETERMINA, TAMBÉM, A NATUREZA DO CAMINHO QUE VOCÊ TRILHARÁ ENTRE O CÉU E A TERRA. POR ISSO, SE QUISER MELHORAR O CAMINHO, ELEVE A MIRA DOS PROPÓSITOS.

No Salão de Conferências do Gabinete de Leitura Sorocabano, Praça Coronel Fernando Prestes – SOROCABA – palestra do Professor DAGOBERTO MEBIUS – “HOMENS EM ARMAS...MULHERES EM LUTA” – como parte da Semana da Memória da Revolução Constitucionalista de 1932.
O DIÁRIO OFICIAL desta quinta-feira (que leio pela Internet) publica a transferência para a reserva do TENENTE-CORONEL PM NELSON CARDOSO TORRES, Comandante do 47º BPMI.

O arquiteto OSCAR NIEMEYER, idealizador de BRASÍLIA junto a LÚCIO COSTA, completa um século de vida em 15 de dezembro. Como parte das comemorações antecipadas, será aberta hoje a mostra “OSCAR NIEMEYER – 100 ANOS DE ENCANTAMENTO”, no MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA. Na mostra, o público poderá conferir 54 fotos e mosaicos de monumentos criados por ele, como o Conjunto IBIRAPUERA, clicados numa máquina especial por LUIZ CLÁUDIO LACERDA e ROGÉRIO RANDOLPH, dando uma visão diferenciada desses trabalhos. Com essa técnica, é possível registrar cada uma das imagens, que medem até seis metros, em um único fotograma e de todos os ângulos.

O futebol brasileiro comemora hoje um triste aniversário. Há 25 anos, o futebol mágico e envolvente da seleção brasileira foi derrotado pelo pragmático e nada brilhante time da ITÁLIA por 3 a 2, na segunda fase da COPA DO MUNDO DA ESPANHA. Aquele 5 de julho de 1982 foi tão marcante que a partida ficou conhecida como TRAGÉDIA DE SARRIÁ, nome do estádio onde foi disputada.
O SARRIÁ não existe mais: foi demolido em 1997 para que o ESPANYOL, de BARCELONA, vendesse o terreno e pudesse pagar suas dívidas.   

Como tinha combinado ontem, por volta das 13 horas sou entrevistado, via fone, por ANDRÉIA, repórter da BANDNEWS. Essa conversa sobre a situação atual do Monumento-Mausoléu do Soldado Constitucionalista irá ao ar no próximo 9 de Julho.
As urnas, num total de sete, são trazidas pelo SARGENTO PM BARBOSA e PM OLIVEIRA, nossos velhos conhecidos e que muito nos ajudam da 5ª EM/PM. Depois, via Internet, passo para essa seção a ORDEM DO DIA do futuro Comandante do Exército Constitucionalista, OSWALDO DIANA. Também tratamos de condução para o poeta PAULO BOMFIM e dona INOCÊNCIA (filha do GENERAL CÂNDIDO CARNEIRO), que sairá de PORTO ALEGRE para assistir o 9 de Julho em SÃO PAULO.
Passa pela Sociedade o ex-tesoureiro CORONEL PM Res RICARDO JACOB. Aproveito a oportunidade para dizer a ele toda a mágoa que sinto pelo fato de a Assembléia Legislativa não comemorar a data do 9 de JULHO, fato esse que também não aconteceu no ano passado. VAZ DE LIMA, um presidente que nada sente pela Revolução, impediu a realização desse evento tradicional.
GERALDO FARIA MARCONDES vem à Sociedade por volta das 15 horas. Estou sozinho. O GINO participou de um almoço no Hotel SAN RAFAEL, juntamente com sua esposa, indo diretamente para sua residência. O CORONEL MENDES acha-se no GRANDE ORIENTE, onde ele exerce espinhosa tarefa de chefe de gabinete do GRÃO MESTRE. Acontece que às 15:30 horas tenho de ir até o Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo, onde a presidente, NELLY CANDEIAS, está à minha espera. Acertamos a entrega do Colar “Jubileu de Brilhante da Revolução Constitucionalista de 1932”. Haverá duas remessas da imposição do Colar: a primeira em 25 de julho, cujas pessoas escolhidas patrocinaram a confecção do Colar. No mês de outubro, em data ainda a ser marcada, serão outorgados os colares para os membros da Sociedade Veteranos de 32-MMDC, cuja indicação faço nesta primeira reunião sobre esse evento. Deixo o IHGSP por volta das 17 horas e ainda retorno à Sociedade. Está à minha espera o ROMAGNOLI. Ele é o segundo secretário da Assembléia Geral Eleitoral que amanhã empossará o GINO, o JAIRO, e o doutor DAVID, respectivamente como presidentes da Diretoria Executiva, do Conselho Deliberativo e do Conselho Fiscal.
Já em casa, acerto por telefone, com o Senhor CLÁUDIO ANGELINI, a entrega de uma barra de ouro, proporcionada pela Numismática Brasileira, à Sociedade Veteranos de 32-MMDC, antes dos trabalhos da Assembléia Geral Eleitoral, amanhã.
O GINO, por telefone, comunica-me que o jogo inaugural da COPA “HERÓIS DE 32”, no dia 14 de julho, não será mais no campo do JUVENTUS e sim no PARQUE ANTÁRTICA, e o jogo será entre PALMEIRAS e UNIÃO BARBARENSE. Depois, converso com GILBERTO, da FPF, a respeito dessa mudança de local. Precisaremos retificar o convite que já passamos para todos os associados.    

DIÁRIO OFICIAL DE CINCO DE JULHO PUBLICA A TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA DO TENENTE-CORONEL PM NELSON CARDOSO TORRES, Comandante do 47º BPMI.
Nasceu em 21 de junho de 1955. Entrou para a PMESP em 3 de dezembro de 1975. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1981. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1982; 1º TENENTE – 25 de agosto de 1986; CAPITÃO – 25 de agosto de 1992. Não tenho a data de sua promoção a major. Foi promovido a TENENTE-CORONEL em 24 de maio de 2007.

“As aparições de NOSSA SENHORA servem para reforçar a fé e são legítimas”. A opinião é do empresário ANTÔNIO JOSÉ DA ROSA, de 44 anos. Há cinco anos ele passou pela mesma experiência que hoje vivem os moradores do bairro JARDIM MANOEL PENNA, em RIBEIRÃO PRETO, que acreditam que a imagem de NOSSA SENHORA APARECIDA apareceu em um tronco de árvore, no meio da rua.
No caso de ANTÔNIO, a imagem de formou na janela da garagem dele, em FERRAZ DE VASCONCELOS. O fenômeno atraiu milhares de fiéis. Em menos de uma semana passaram pela frente da casa mais de 100 mil pessoas. Mesmo após tantos anos – e depois de peritos afirmarem que a mancha era apenas um defeito de fabricação do vidro – hoje um grupo de onze pessoas rezava uma novela de frente para a “santa da janela” como ficou conhecida.

Três homens foram executados por volta das 20 horas na rua CHARLES CAMEROM, VILA AURORA, zona norte. Dois homens armados passaram atirando nas vítimas a bordo de uma moto TWISTER prateada. As vítimas estariam conversando na porta de uma residência quando foram atacados.

O vigia RUBINEU NOBRE, de 29 anos, foi executado pelo CABO PM ANDRÉ LUIZ DA FONSECA, num posto de gasolina no centro de DUQUE DE CAXIAS (RJ). O cabo estava acompanhado do PM RODRIGO MARTINS PINTO. O que os PMs não sabiam era que todos os passos do crime foram filmados por câmeras de vigilância.
O crime aconteceu pouco depois da 1:30 hora de 10 de fevereiro. RUBINEU estava na garupa da moto de um amigo. Eles haviam ido até o local para abastecer o veículo quando foram abordados pelos dois policiais. Os PMs determinam que os dois levantem as camisas para verificarem se não estavam armados – o que, de fato, não estavam.
Sem motivo aparente, os policiais dão tapas na cara de RUBINHO, que, inconformado, decide reagir. Ele tira a camisa e discute com os dois soldados. O CABO ANDRÉ saca uma pistola calibre 40,  aponta em direção a RUBINEU e dá dois tiros. Um atinge o peito do vigia, que morre na hora.

Uma em cada três chacinas ocorridas desde janeiro do ano passado na capital teve participação de policiais militares. Depois da divulgação das estatísticas hoje, ocorreu a oitava chacina: três pessoas foram mortas na ÁGUA FRIA. No local, o DHPP encontrou mais de dez cápsulas de pistola calibre 40, arma de uso exclusivo da PM.
Dos sete casos deste ano, anteriores ao de hoje, três tiveram PMs entre os autores. Nos dois mais graves, nas zonas oeste e norte, morreram sete e seis pessoas, respectivamente. Em um ano e meio, foram 28 chacinas – crime em que mais de duas pessoas são mortas na mesma ação.

Morreu, na manhã de hoje, aos 80 anos, a soprano francesa RÉGINE CRESPIN. Grande representante do canto lírico de seu país no século XX, ela ficou conhecida por suas interpretações de óperas francesas e, em especial, de algumas das principais heroínas criadas pelo alemão RICHARD WÁGNER, como SIEGLINDE E BRÜNHILDE, ambas do ciclo O ANEL DE NIBELUNGO.
Nascida em 1927, em MARSELHA, RÉGINE CRESPIN estudou canto no Conservatório de PARIS. Algumas apresentações pelo interior da FRANÇA antecederam seu primeiro grande sucesso, como ELA, no LOHENGRIN, de WÁGNER, no final dos anos 1950. Ela sempre se saiu bem em obras de autores franceses, em especial de BERLIOZ, de quem deixou registros preciosos. Mas foi mesmo com obras do compositor alemão que ela conseguiu o reconhecimento internacional.
O compositor HERBERT VON KARAJAN, fascinado por sua voz, a convenceu – “a duras penas”, lembra ela em sua biografia – a interpretar papéis mais pesados como a KUNDRY, no PARSIFAL, ou BRÜNHILDE, na tetralogia O ANEL DE NIBELUNGO. Em estúdio, os dois trabalharam bastante juntos, estendendo a parceria para alguns dos principais palcos europeus, em especial o Festival de SALZBURGO e as casas de ópera de VIENA e BERLIM.
Mas foi com o maestro húngaro GEORG SÓLTI que ela conseguiu aquele que talvez tenha sido seu maior triunfo em gravações. No início dos anos 1950, ela, ainda jovem, fez parte do elenco estelar que participou do primeiro registro integral do ANEL. Mas, aqui, cantou o papel de SIEGLIND, na VALQUÍRIA, segunda parte do ciclo. A voz jovem, na mistura perfeita entre fragilidade e força, fizeram dela, no coração dos wagnerianos mais fanáticos, a SIEGLINDE perfeita.
    
Onze pessoas, ma maioria militantes do HAMAS, morreram hoje em combate com as forças israelenses, em um dos mais sangrentos confrontos desde que o grupo radical islâmico tomou o controle da FAIXA DE GAZA, em 14 de junho. Soldados israelenses entraram com tanques e outros veículos blindados na área central da FAIXA DE GAZA e dispararam contra militares no campo de refugiados de AL-MAGHAZI. Os militantes responderam com granadas propelidas por foguetes por foguetes. Dez militantes e um civil palestinos foram mortos. Outras 20 pessoas ficaram feridas, entre elas crianças e um cinegrafista da TV AL-AQSA, do HAMAS. O cinegrafista IMAD GHANEM foi atingido por um disparo de tanque quando estava deitado no chão se protegendo do tiroteio, disseram testemunhas. GHANEM teve as duas pernas amputadas e seu estado é crítico.

Vendida por 1,7 milhão de dólares a fabricante americana de malas SAMSONITE para o fundo de investimento CVC CAPITAL PERTNERS. Em MASSACHUSETTS.

Leiloado por 37,3 milhões de dólares um retrato de LORENZO DEI MEDICI, o duque de URBINO, de autoria de RAFAEL SANZIO. O valor, pago por um colecionador particular, é o mais alto já alcançado por uma pintura renascentista. RAFAEL, durante boa parte de sua vida, esteve a serviço da família MÉDICI, que governou FLORENÇA do século XV ao XVIII. A obra, de 1518, celebra o casamento de LORENZO. O retratado era neto de LORENZO, O MAGNÍFICO. Apesar de MAQUIAVEL ter-lhe dedicado O PRÍNCIPE, ele ganhou fama por ser um mau governante, ao contrário do avô. Tanto que era chamado em FLORENÇA de “IL MAGNIFICO M...” A pintura havia sido vendida pela última vez em 1968, por 325 dólares, quando ainda havia dúvidas em relação a sua procedência. Em LONDRES.

2 008     :     -     SÁBADO
CÂMARA MUNICIPAL DE SOROCABA
Av Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes, 2945 – Alto da Boa Vista – SP
CONVITE
A Câmara Municipal de Sorocaba tem a honra de convidar Vossa Excelência e Digníssima Família para participarem da Sessão Solene, proposta pela Presidência desta Casa, para entrega de Título de Cidadão Sorocabano ao Excelentíssimo Senhor
“CEL. FRANCISCO PEDRO DE AZAMBUJA VIEIRA”
a realizar-se no dia 05 de julho de 2008, às 19h30min, nesta Edilidade.

JOSÉ FRANCISCO MARTINEZ
PRESIDENTE
Neste sábado tranqüilo apenas atendo um telefonema do GINO STRUFFALDI. Ele está aguardando a chegada do CORONEL PM MENDES para irem até a casa de FERNANDO LOPES DAVID, Presidente do Conselho Fiscal da Sociedade, que está irredutível em não aprovar o balancete de 2007 por causa dos problemas causados pelo então tesoureiro CORONEL PM Res RICARDO JACOB. Lembro que na segunda-feira, dia 7, teremos um compromisso na Assembléia Legislativa, quando ali serão entregues Medalhas da CONSTITUIÇÃO para o CORONEL PM Ref MENDES, OSVALDO DIANA, dona DIRCE RUDGE PACHECO E SILVA e Professor JOSÉ CARLOS DE BARROS LIMA. Ainda não nos refizemos da morte de EGBERTO MAIA LUZ, batalhador pelos interesses da Revolução Constitucionalista de 1932, nosso conselheiro e, retornando no tempo, nosso professor no antigo Centro de Formação e Aperfeiçoamento (CFA), atual APMBB. Ele estava com 91 anos de idade. A missa de sétimo dia será celebrada no dia 10 (quinta-feira), às 19 horas, na Igreja SÃO PEDRO E SÃO PAULO, na Rua CIRCULAR DO BOSQUE, 31, PARQUE MORUMBI, CIDADE JARDIM.

A POLE-POSITION do GP da INGLATERRA é do finlandês HEIKKI KOVALAINEN, que surpreendeu a todos nesta manhã. A primeira fila terá outra surpresa: o australiano MARK WEBBER, da RED BULL. O terceiro no grid, para alívio da FERRARI, será KIMI RAIKKONEN. Antes favorito para conseguir a pole em sua terra natal, o inglês LEWIS HAMILTON, companheiro de KOVALAINEN, na McLAREN, fez apenas o quarto tempo.
A forte batida sofrida ontem, nos primeiros treinos para o GP da INGLATERRA, foram mesmo um indício de que as coisas não serão tão fáceis para FELIPE MASSA na terra da rainha. Hoje, no treino classificatório, o brasileiro teve problemas com sua FERRARI, sofreu com atrasos nos boxes e conseguiu apenas o nono melhor tempo na formação do grid. Esta é a pior classificação de MASSA nesta temporada. NELSON PIQUET é o sétimo e RUBENS BARRICHELLO sairá em 16º.  

A situação não está nada boa para o SANTOS. Nesta noite, em CURITIBA, chegou à sétima partida sem vitória no CAMPEONATO BRASILEIRO. Perdeu do ATLÉTICO PARANAENSE por 1 a 0 e caiu para a 18ª colocação, com apenas seis pontos.
O FLAMENGO mostrou hoje por que é o líder. Com um futebol envolvente venceu com facilidade o NÁUTICO por 3 a 0, no MARACANÃ. Abre 5 pontos de vantagem em relação ao GRÊMIO, segundo colocado. O SPORT levou a melhor contra o CRUZEIRO e venceu por 1 a 0, depois de três derrotas seguidas. Acumula agora 11 pontos e corre o risco de perder posições.

Embora tenha vencido o SÃO CAETANO, hoje, no PACAEMBU, na volta do goleiro FELIPE, por 1 a 0, o CORINTHIANS pouco teve a ver com aquele time exuberante, que nas primeiras seis rodadas da SÉRIE B do CAMPEONATO BRASILEIRO vencera todas as partidas, marcando 17 gols e sofrendo 5. O time parece ter perdido definitivamente o encanto após a desilusão sofrida no RECIFE, quando o time do PARQUE SÃO JORGE perdeu o título da COPA BRASIL para o SPORT.

Numa final em família, VENUS WILLIAMS mostrou sua supremacia em WIMBLEDON ao conquistar o 5º título no ALL ENGLAND CLUB, o segundo em anos seguidos, ao bater na final sua irmã mais nova SERENA WILLIAMS. Com a conquista, as irmãs equilibram as contas em números de torneios GRAND SLAM. VENUS está com um total de sete e SERENA lidera com um a mais. VENUS soma cinco conquistas em WIMBLEDON. Ganhou em 2000, 2001, 2005, 2007 e 2008. Além disso, tem ainda mais dois troféus do US OPEN, em 2000 e 2001.      

Lendo o DIÁRIO OFICIAL, pela Internet, vejo a transferência para a reserva do TENENTE-CORONEL PM RÓBSON HILSDORF LIMA, atual Comandante do 3º BPMI. Nasceu em 17 de julho de 1960. Entrou para a PMESP no dia 16 de fevereiro de 1977. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1981. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1982; 1º TENENTE – 25 de agosto de 1986; CAPITÃO – 25 de agosto de 1992; MAJOR – 24 de maio de 2004; TENENTE-CORONEL – 24 de maio de 2008.

Uma pensão que abrigava pelo menos dez pessoas na região do GLICÉRIO, região central de SÃO PAULO, pegou fogo hoje por volta das 14 horas. Um idoso que morava no local há um mês não conseguiu sair e morreu. A suspeita é de que o incêndio tenha sido provocado por um vazamento de gás. Foram necessárias quatro viaturas do Corpo de Bombeiros para conter as chamas. No imóvel localizado próximo da Rua dos Estudantes, na LIBERDADE, funcionava uma marcenaria.

Cerca de 300 amigos, parentes e artistas participaram de manifestação pacífica hoje no RIO em memória do estudante DANIEL DUQUE, morto na semana passada na porta de uma boate em IPANEMA. O tiro foi disparado por um policial militar que fazia a segurança do estudante PEDRO VELASCO, filho da promotora MÁRCIA VELASCO.

O Cabo bombeiro ALAN RIVAIL DA SILVA, motorista da procuradora-geral do RIO, LÚCIA LÉA GUIMARÃES TAVARES, foi preso na madrugada de ontem por tráfico de drogas – ele havia comprado cocaína. SILVA alegou que a droga era para outra pessoa, tentou subornar os PMs com cem reais e foi preso. A procuradora pediu rigor nas investigações.

O resultado do exame de DNA que deverá comprovar se é do padre ADELIR DE CARLI o corpo encontrado no mar na quinta-feira, dia 3 de julho, não ficará pronto antes de 40 dias, segundo PAULO ALVES, diretor do IML de MACAÉ (RJ). A família do padre, que sumiu em abril durante vôo com balões, será procurada pelo Instituto de Genética na próxima segunda-feira, dia 7.

A última pesquisa DATAFOLHA divulgada hoje revela que a ex-ministra MARTA SUPLICY está com 38% das intenções de votos em SÃO PAULO, seguida pelo ex-governador GERALDO ALCKMIN, com 31%. Em terceiro vem o prefeito GILBERTO KASSAB, com 13% da preferência. Em quarto lugar ficou o ex-prefeito PAULO MALUF, que obteve 8%. Já SONINHA obteve 1% das intenções de voto. LEVY FIDELIX, CIRO MOURA, RENATO REICHMAN e IVAN VALENTE, aparecem com 0%. MARTA apresenta seu melhor desempenho entre os que têm renda mensal de até dois salários mínimos. No mesmo segmento, ALCKMIN e KASSAB têm, respectivamente, 27% e 11%. O tucano tem melhor desempenho (34%) entre os que têm renda de dois a cinco salários mínimos, um ponto percentual a mais do que entre os que ganham mais de dez salários mínimos: 33%. Entre os mais ricos, KASSAB aparece com 24%, e MARTA com 23%.

Sobe para 32 o número de recém-nascidos mortos na SANTA CASA DE MISERICÓRDIA de BELÉM, no PARÁ, desde o dia 20 de junho deste ano. A informação foi confirmada hoje pela médica SÍLVIA COMARU, coordenadora da Câmara de Política Social do PARÁ. Somente nesta primeira semana de julho foram registradas sete mortes.
A crise na SANTA CASA causou a demissão do seu presidente, ANTÔNIO BENTES DE OLIVEIRA. Na sexta-feira, ontem, o nome do substituto, MAURÍCIO BEZERRA, foi publicado no DIÁRIO OFICIAL paraense. Ele faz parte do quadro de funcionários da SANTA CASA.

É cedo para decretar o fim do conflito armado na COLÔMBIA, depois do resgate de 15 reféns em poder da guerrilha, incluindo a ex-senadora INGRID BETANCOURT e três americanos que trabalhavam para o Departamento de Defesa dos EUA. Até porque a reação mais previsível das FARC será tentar uma ação militar contundente, para provar que estão vivas. Mas o resgate de quarta-feira atinge as FARC em seus pontos mais sensíveis, que explicam a sua longevidade de 44 anos: o espírito de corpo, o moral da tropa e a coesão dos comandantes.
A FRENTE PRIMEIRA, com cerca de mil homens comandados por GERARDO AGUILAR, codinome CÉSAR, era uma das mais fortes das FARC. Ele tinha saído, até aqui, praticamente incólume da ofensiva militar conduzida há seis anos pelo presidente ÁLVARO URIBE.
Especialistas negam que houvesse, antes do resgate, divisões no interior do “Secretariado” das FARC. “CANO tinha conseguido garantir a coesão” depois da morte anunciada em maio de PEDRO ANTÔNIO MARÍN, codinome TIROFIJO, líder máximo da guerrilha. Agora isso pode mudar. A debilitação das FARC se presta para que haja fraturas no mando médio. O resgate é um golpe moral muito forte na guerrilha, que vai afetar a vontade de luta, causar muita desconfiança interna e mais deserções dos mandos médios e das tropas. Não descartaria a possibilidade de um membro da cúpula também desertar. CANO não vai querer negociar agora com o governo, sabendo que está numa posição de fraqueza. Eles precisam de um golpe de muito impacto.

texto para PROFUNDA REFLEXÃO, o fato ocorreu com o co-irmão, mais poderia muito bem ter ocorrido com um de nós... portanto reflitam!!!!!!)- repasse Major PM Athayde
O TENENTE
Ternuma Regional Brasília
Por Gen. Bda RI Valmir Fonseca AZEVEDO Pereira 
Lamentável, triste e deprimente são algumas das palavras que nos ocorrem para traduzir os sentimentos que perpassam o coração de um amargurado militar, ao testemunhar constrangido, um jovem Oficial debulhado em lágrimas, alegando "que apenas queria dar um susto" nos três rapazes que prendera no morro da Providência.
Eu acredito. Não o justifico.
Lançado às feras, destroçado pela mídia, argüido por espertos advogados, o jovem militar desabou.
Inditoso jovem que precipitou para si, e para a sua Instituição, uma onda de indignação. Seu gesto irrefletido abriu mais uma das comportas de uma agressiva, contumaz e velhaca vendeta.
Desafortunado jovem oficial. Coitados, dirão outros, foram os três assassinados. Concordamos.
Contudo, não foi a mão do Oficial que perpetrou a barbárie. Nem poderia o inexperiente jovem, imaginar o terrível desfecho de sua malfadada decisão.
Nós, calejados militares, podemos avaliar como é fácil, no início da carreira, na empolgação da juventude, eventualmente, ensejarmos espaço para a tomada de uma escolha incorreta.
Todavia, não podemos aceitar que os anos passados na velha Academia, templo aureolado de bons exemplos, que após vivenciar as dificuldades do cotidiano acadêmico, de ultrapassar com dedicação os incansáveis dias e noites de conscientes estudos, de vencer com galhardia o desafio do adestramento militar, o Tenente não tenha tornado como seus os paradigmas que devem ornar um Oficial do Exército Brasileiro, e estejamos diante de um velhaco.
Pobre jovem que esqueceu, por um momento, num canto escuro de sua mente, de padrões comezinhos, mas básicos ao profissional militar.
Inexperto jovem, que não incorporou no seu âmago, que cabe ao militar preservar a grandeza e o espírito da profissão, sem extrapolar, sem exorbitar do exercício do mando, ou seja, comandar com responsabilidade, com justiça, com conhecimento, e com ética.
Meu imaturo Tenente, você pagará caro, muito caro, o fato de olvidar que a diferença entre a Carreira Militar e as demais reside no nível de compromisso entre ela e o próprio indivíduo, e dele consigo.
Infelizmente, os Valores, Deveres e Ética Militar que se cruzam e se somam, solidificando consciente e inconscientemente o militar que faz de sua profissão mais do que um ofício, uma profissão de fé, foram esquecidos ou desprezados.
O nosso Tenente, lamentavelmente, por um momento, afastou-se do rumo da retidão de caráter e da lhaneza. Desavisado, abandonou o raciocínio ético, que além de compor-se nas tradições castrenses, insere–se no processo decisório.
Desatento, agiu na contramão da Ética Militar, cuja essência estimula o profissional militar a agir de acordo com o sentimento do dever, a dignidade militar, o pundonor militar e o decoro.
Esqueceu–se de que a carreira militar se revela, à vista disso, ética, por essência e excelência. E que a profissão militar possui sua escala de Valores ou axiologia específica, traduzida por uma gama de Virtudes Militares.
É deplorável constatar, que ao decidir por entregar os três jovens, o Tenente, simplesmente, distorceu Valores e violentou Virtudes.
Oxalá, mesmo em momento tão insólito e, apesar dos pesares, esperamos que o Exército de Caxias, não o desampare, concedendo–lhe apoio jurídico, psicológico e moral.
Que pague o justo ônus do erro e, NADA além disso.
Por derradeiro e oportuno, transcrevemos um trecho de nosso trabalho inédito "A importância atual dos Valores Militares no aprimoramento das Virtudes Militares"
"Não obstante, a percepção de que o Exército Brasileiro procura reforçar, continuamente suas estruturas morais, preservando seus referenciais fundamentais, incentivando aos militares para que pautem seu comportamento segundo os valores militares, conscientes que sua eficácia, eficiência e incluso sua sobrevivência decorrem do fervoroso culto àqueles valores, por oportuno, é provável que medidas de alcance, com profundidade e intensidade maiores do que as postas em prática atualmente devam ser implementadas.
Com isso, devem ser analisadas as evoluções dos valores militares e dos fatores motivadores e de satisfação da profissão militar, tanto para os profissionais, como para os que prestam o Serviço Militar Obrigatório. Por isso, e, concomitantemente, cabe averiguar a importância concedida pela Instituição aos assuntos pertinentes a área afetiva ao longo dos últimos anos e, se for o caso, desenvolvê–las segundo novas abordagens, aumentar sua dosagem, e proceder às alterações que se façam necessárias".

Brasília, DF, 05 de julho de 2008
Tenente Valdomiro

2 009      :       -       SÁBADO
O Comandante do Corpo de Bombeiros, CORONEL PM LUIZ HUMBERTO NAVARRO, tem a honra de convidar para a solenidade cívico-militar comemorativa ao “DIA DO BOMBEIRO BRASILEIRO”.
05 DE JULHO DE 2009
10:OO HORAS
PARQUE DA INDEPENDÊNCIA – Av NAZARÉ, S/Nº - IPIRANGA
SÃO PAULO - SP

Não recebi o retorno do CORONEL PM MILLER a respeito da viagem do presidente da Sociedade Veteranos de 32-MMDC a BRASÍLIA na segunda-feira. Recebo um telefonema do GINO que estava disposto a ir por conta própria, inclusive hoje, pernoitando no Distrito Federal para amanhã estar presente na Câmara por volta das 10 horas e assistir o pronunciamento do deputado federal CORONEL PM JAIRO PAES DE LIRA. Aos 95 anos, sozinho, é uma temeridade tal empreitada. O ROMAGNOLI não telefonou para o GINO conforme prometeu. Não sei se ele irá mesmo a BRASÍLIA, como me disse na sexta-feira. Estou preocupado com os vários eventos que teremos a partir de 6 de julho, culminando com as comemorações de 9 de julho.
Mais tarde o presidente manda-me a seguinte mensagem:
Prezado Cel. Ventura,- Para conhecimento.- Falei hoje com o Dr. Romagnoli, ao qual pedi que representasse a nossa Sociedade no evento da Câmara Federal, em Brasília. - Ele acedeu prazeirosamente, pois já tinha decidido ir à Capital a serviço de seu escritório.- Abraços - Gino
- Ocultar texto das mensagens anteriores -
From: Gino Struffaldi
To: Thiago Silva Maciel
Sent: Sunday, July 05, 2009 5:10 PM
Subject: Re: Informações sobre o nove de julho
Prezado  Sr. Tiago.- O Desfile de 9 de julho será realizado às nove horas, defronte ao Monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista, à Avenida Pedro Alvares Cabral, no Ibirapuera. - A seguir, às onze horas, teremos uma cerimônia alusiva à Revolução de 32, no recinto da Assembléia.   Legislativa do Estado, na mesma Avenida, pouco adiante. - Quanto a um encontro comigo, terei o máximo prazer de atendê-lo, desde que combinado com alguma antecedência, devido aos compromissos constantes, especialmente neste mês de julho. - Meu telefone é 3542-6624, o da Sociedade Veteranos de 32-MMDC é 3105-8541.- Nosso secretário, Coronel Ventura, que é historiador, também terá prazer de atendê-lo, de vez que dispõe de amplos conhecimentos a respeito da Revolução e pode oferecer-lhes muitos informes inclusive pela Internet. - Seu endereços eletrônicos são   celmario@gmail.com e mmdc.32@terra.com.br .E o telefone do MMDC é 3105-8541;- Cordialmente Gino Struffaldi - Combatente de 32
From: Thiago Silva Maciel
To: gstruffa@uol.com.br
Sent: Sunday, July 05, 2009 2:42 PM
Subject: Informações sobre o nove de julho
Boa tarde Sr. Gino Struffaldi, tudo bem?
Meu nome é Thiago e sou graduando da Universidade Camilo Castelo Branco (UNICASTELO).
Gostaria de saber os horários e locais do desfile comemorativo dos 77 anos da revolução constitucionalista de 1932.
Meu trabalho de Iniciação Científica é sobre a Revolução constitucionalista, gostaria também de conversar pessoalmente com o Senhor, já que é o principal curador e Presidente da memória da Revolução Paulista de 1932; quem me forneceu seu contato foi o Professor Fernando Furquim, que presenciou sua fala no período matutino e provavelmente disse que orientava um aluno que estava pesquisando a Revolução Paulista.
Desde já agradeço a atenção.
Muito Obrigado.

OBINA com certeza não é melhor do que ETO´O, ao contrário do que a torcida do FLAMENGO cantou inúmeras vezes. Mas tem sido fundamental para o PALMEIRAS, principalmente depois da saída de KEIRRISON. O atacante já havia marcado o gol no empate do SANTOS, na semana passada, e hoje foi o herói da noite em FLORIANÓPOLIS, ao anotar duas vezes na vitória de 3 a 0 sobre o AVAÍ.
O GRÊMIO começou a fazer a torcida esquecer a eliminação, pelo CRUZEIRO, da TAÇA LIBERTADORES, hoje à tarde, no Estádio Olímpico, com uma goleada por 4 a 1 sobre o ATLÉTICO PARANAENSE. Ao mesmo tempo, o INTERNACIONAL, outro time gaúcho que ficou em dívida com os torcedores ao perder a COPA DO BRASIL para o CORINTHIANS, também se recuperou e venceu o NÁUTICO, à noite, no RECIFE, por 2 a 0 (dois gols de NILMAR), reassumindo a liderança do CAMPEONATO BRASILEIRO, com 20 pontos. No MINEIRÃO, o ATLÉTICO MINEIRO vacilou e ficou no empate com o BOTAFOGO por 1 a 1. O GOIÁS aproveitou para vencer o time reserva do CRUZEIRO por 1 a 0, no SERRA DOURADA.
O tricampeão brasileiro, quem diria, flerta com a zona de rebaixamento. Hoje, no PARANÁ, ficou claro que o técnico RICARDO GOMES terá muito trabalho para recolocar o SÃO PAULO no rumo certo. A derrota para o CORITIBA por  2 a 0 (a terceira em nove jogos), deixou a equipe a apenas dois pontos da área do descenso, na 14ª posição. 

Catarinense, olhos azuis, 27 anos, 85 cm de busto, 96 de quadril. Seu ex-namorado a chamava de “PÉROLA LOIRA”. Em três anos, esbanjaram dinheiro, fizeram sexo em locais inusitados, viajaram para o RIO DE JANEIRO, AMSTERDÃ, na HOLANDA, PARIS, na FRANÇA, e DUBAI, nos EMIRADOS ÁRABES, onde alugaram uma FERRARI vermelha e participaram de várias festas. Era como a preferida de um sultão de 1.500 mulheres que a modelo VIVIAN MILCZEWSKY era tratada por OSCAR MARONI FILHO, de 58 anos, dono da boate BAHAMAS, na zona sul da capital. Na última semana, a relação de amor e luxo transformou-se em uma história de ódio. VIVIAN denunciou à Justiça supostos esquemas do empresário e disse até que ele fazia filmagens de figurões da esfera pública, dos esportes e artistas fazendo sexo com prostitutas em suítes secretas.
VIVIAN foi ao gabinete do promotor JOSÉ CARLOS BLAT e contou que começou a relação com MARONI em 2003. Em setembro de 2006, resolveu terminar o namoro. Segundo a modelo, o dono do BAHAMAS teve uma crise de ciúme depois que teve fotos publicadas na revista Playboy. Ela disse que o então namorado a jogou de um carro em movimento, em frente à Igreja NOSSA SENHORA DO BRASIL.
VIVIAN VICK é “barraqueira e desonesta”. Segundo o advogado de OSCAR MARONI FILHO, a ex-namorada premeditou sua derrocada. “Essa mulher não merece a mínima credibilidade. Basta analisar fatos anteriores e até registros policiais que pesam contra ela”, argumentou THALES SOLON DE MELLO. A metralhadora acusatória da ex teve repercussão avassaladora na vida de MARONI. Ele, que há dois anos lutava para tentar reabrir a boate BAHAMAS, perdeu o direito de ir e vir. Diante das gravações apresentadas na 5ª Vara Criminal, no Fórum da BARRA FUNDA, o juiz ÉDSON BRANDÃO decretou a prisão do empresário, após audiência, no dia 30 de junho.

O estado de saúde do ex-BBB FERNANDO FERNANDES, de 26 anos, é grave, segundo a mãe do modelo, FERNANDA FERNANDES, que está acompanhando o filho na recuperação. FERNANDO, que integrou a segunda versão do reality show “BIG BROTHER BRASIL”, da Rede GLOBO, sofreu um acidente de carro na Avenida INDIANÁPOLIS, na zona sul, na madrugada da última quinta-feira, dia 2 de julho, e desde aquele dia, permanece internado no centro de politraumatismo do Hospital SÃO PAULO.

Com um quadro de melhora significativa, o presidente da República em exercício, JOSÉ ALENCAR, deve receber alta amanhã pela manhã do Hospital SÍRIO-LIBANÊS, em SÃO PAULO, onde foi internado às pressas no sábado. Ele estava sentindo fortes dores abdominais desde sexta-feira, provocadas por uma obstrução intestinal parcial, que só foi descoberta depois de uma tomografia. O vice-presidente JOSÉ ALENCAR assumiu a chefia do governo porque o presidente LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA está na EUROPA para participar da reunião do G8, que começa na quarta-feira, dia 8, em AQUILA, ITÁLIA. 

A presença do norte-americano PETE SAMPRAS, do sueco BJORN BORG e do australiano ROD LAVER, alguns dos maiores tenistas da história, hoje, na tribuna real da quadra central de WIMBLEDON, dava o tom da importância do que estava em disputa na final do torneio. Ao vencer o texano ANDY RODDICK por 3 sets a 2, o já lendário suíço ROGER FEDERER tornou-se o maior vencedor no tênis, ao conquistar seu 15º título de GRAND SLAM. SAMPRAS, BORG e LAVER, que juntos levantaram a mesma taça 16 vezes, renderam-se ao maior campeão que as quadras de grama, como WIMBLEDON, de saibro, a exemplo de ROLAND GARROS, e sintéticas, usadas no US OPEN, já conheceram.
A heróica conquista não entrou para a história apenas por fazer desse excepcional tenista de 27 anos campeão inigualável no circuito internacional. O suíço de BASILÉIA foi campeão depois da final mais emocionante, longa e exaustiva de todos os tempos, com 4 horas e 16 minutos de duração, dentre outros recordes. FEDERER também festejou o retorno à condição de número 1 do mundo, título que manteve por impressionantes 237 semanas desde que pela primeira vez a assumiu, em 2004.   

O avião que levava o presidente deposto de HONDURAS, MANUEL ZELAYA, de volta a seu país desviou hoje e pousou na NICARÁGUA depois de não receber autorização para aterrissar no aeroporto de TEGUCIGALPA. ZELAYA declarou que os militares haviam colocado veículos na pista e ameaçado com uma interceptação da Força Aérea. Ao aproximar-se do espaço aéreo hondurenho, ZELAYA havia exigido lealdade dos militares e ordenado que fosse permitido o pouso de seu avião.
Ao menos ma pessoa morreu e outras dez ficaram feridas na tarde de hoje durante confrontos entre manifestantes que apóiam o presidente deposto de HONDURAS, MANUEL ZELAYA, e as forças policiais e do Exército que tentavam restringir o acesso ao aeroporto internacional de TEGUCIGALPA.  

O incêndio que atingiu um prédio residencial no sul de LONDRES provocou a morte de três brasileiros da mesma família. A polícia confirmou que a paranaense DAYANA FRANCISQUINI CERVI, de 26 anos, e seu filho, FELIPE, 3, morreram. Segundo familiares, uma garota que as autoridades ainda consideravam como não identificada é THAÍS, também filha de DAYANA.
segunda-feira, 6 de julho de 2009
"Dia de Orlando Alvarenga e dos Heróis Anônimos da Revolução de 1932"
PROJETO DE LEI Nº 426, DE 2009
Institui o "Dia de Orlando Alvarenga e dos Heróis Anônimos da Revolução de 1932", no âmbito do Estado.

A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECRETA:

Artigo 1º - Fica instituído, no âmbito do Estado de São Paulo, o “Dia de Orlando Alvarenga e dos Heróis Anônimos da Revolução Constitucionalista de 1932”, a ser comemorado, anualmente, no dia 12 de agosto, passando a integrar o Calendário Oficial do Estado.
Artigo 2º - Esta lei entra em vigor na data de sua publicação, ficando revogada a Lei nº 11.658, de 13 de janeiro de 2004.
JUSTIFICATIVA

Pretende-se com a presente proposição instituir o dia 12 de agosto como o dia oficial de Orlando Alvarenga e dos Heróis Anônimos da Revolução Constitucionalista de 1932, atendendo, assim, justa reivindicação da Sociedade Veteranos de 32 - MMDC.
Revendo a história de São Paulo somos forçados a reconhecer algumas situações que, mesmo não sendo do conhecimento do público em geral, merecem ser revistas, de maneira a não se perpetuar injustiças contra aqueles brasileiros que derramaram seu suor, suas lágrimas e seu sangue para que outros pudessem viver em paz e seguros.
Muito já se escreveu e já se falou acerca da histórica Revolução Constitucionalista de 1932, movimento armado que teve duração de três meses e que tentou reunir forças de vários Estados brasileiros para impedir a continuação do Governo Provisório instalado em 1930 por Getúlio Vargas que assumiu a presidência do Brasil, em caráter provisório, mas com amplos poderes, de maneira que todas as instituições legislativas foram abolidas, desde o Congresso Nacional até as Câmaras Municipais.
Os governadores dos Estados foram depostos e, para suas funções, Vargas nomeou interventores. Essa política centralizadora de Vargas desagradou as oligarquias estaduais, especialmente as de São Paulo e as elites políticas do Estado economicamente mais importante da Federação, sentem-se prejudicadas e os liberais reivindicam a realização de eleições e o fim do governo provisório.
Antes de pegar em armas, representantes políticos de São Paulo pressionaram para que o governo convocasse uma Constituinte e ampliasse a autonomia política dos Estados. Em resposta, depois de outros nomes, indicou o civil e paulista Pedro de Toledo como novo governador paulista. Logo em seguida, Getúlio Vargas formulou um novo Código Eleitoral que previa a organização de eleições para o ano seguinte. No entanto, um incidente entre o povo e simpatizantes da ditadura acabou favorecendo a luta armada.
Em 23 de maio de 1932, um grupo de rapazes invadiu a sede do Partido Popular Paulista, antiga Legião Revolucionária, favorável ao regime getulista. Durante o conflito – que já havia tomado as ruas da cidade de São Paulo – os jovens Mário Martins de Almeida, Euclides Bueno Miragaia, Dráusio Marcondes de Souza e Antonio Américo de Camargo foram assassinados. As iniciais de seus nomes inspiraram a elaboração da sigla M.M.D.C., a qual se transformou no grande símbolo do movimento.
Tropas federais são enviadas para conter a rebelião. Em julho, explode a revolta. As tropas rebeldes se espalham pela cidade de São Paulo e ocupam as ruas. A imprensa paulista defende a causa dos revoltosos. Uma intensa campanha de mobilização é acionada. A população adere à rebelião. Um grande número de pessoas se alista para a luta.
Tropas paulistas são enviadas para os fronts em todo o Estado. Mas as tropas federais são mais numerosas e bem equipadas. Aviões são usados para bombardear cidades do interior paulista. 35 mil homens de São Paulo enfrentaram um contingente de 100 mil soldados federais. Os revoltosos esperavam a adesão de outros Estados. O episódio ficou conhecido como a Revolução Constitucionalista de 1932.
Em outubro de 32, após três meses de luta, os paulistas se rendem. Prisões, cassações e deportações se seguem à capitulação. Estatísticas oficiais apontam 830 mortos. Estima-se que centenas de outras pessoas morreram no conflito sem constar dos registros oficiais. Foi o maior confronto militar no Brasil no século XX. Apesar da derrota paulista em sua luta por uma constituição, dois anos após o combate , em 1934, o objetivo dos paulistas foi alcançado politicamente, com a convocação de uma Assembléia Nacional Constituinte.
Martins, Miragaia, Dráusio e Camargo são referidos nos registros históricos como os quatro primeiros jovens que tombaram mortalmente feridos no dia 23 de maio de 1932, no entanto o pesquisador Hely Felisberto Carneiro, médico, nascido em 1932, membro do Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Sorocaba (IHGGS), após anos de pesquisa descobriu que havia mais uma pessoa que fora mortalmente ferida naquele dia fatídico dia.
Trata-se de Orlando de Alvarenga, um mineiro de Muzambinho, que foi gravemente ferido com um tiro de fuzil na coluna lombar que esfacelou sua medula. Socorrido, permaneceu internado por 81 dias, falecendo no dia 12 de agosto de 1932.
O pesquisador se empenhou para corrigir os registros históricos sobre 1932 e, em setembro de 1993 obteve, por parte da diretoria da Sociedade Veteranos de 1932 – M.M.D.C., o reconhecimento dessa falha. Assim, baseado em um estudo feito pelo IHGGS foi criado o “Colar da Cruz do Alvarenga e dos Heróis Anônimos”.
Atualmente vigora as seguintes legislações acerca do tema:
- Lei nº 1.547, de 05-01-1978, decorrente do Projeto de Lei nº 117/1977, de autoria do Deputado Sólon Borges dos Reis, que instituiu o “Dia da Juventude Constitucionalista”, a ser comemorado, anualmente, no dia 23 de maio, e o “Dia do Soldado Constitucionalista”, a ser comemorado anualmente no dia 9 de julho.
- Lei nº 11.658, de 13-01-2004, decorrente do Projeto de Lei nº 435/2003, de autoria do Deputado José Caldini Crespo, que instituiu o "Dia dos Heróis MMDCA", a ser comemorado, anualmente, no dia 23 de maio.
- Lei nº 9.497, de 05-03-1997, decorrente do Projeto de Lei nº 710/1995, de autoria do Deputado Guilherme Gianetti, que instituiu o feriado civil de 9 de julho, data magna do Estado de São Paulo, nos termos em que autoriza o inciso II, do artigo 1º, da Lei Federal nº 9.093, de 12-09-1995.
- Decreto nº 46.718, de 25-04-2002, oficializou, sem ônus para os cofres públicos, o colar "Cruz do Alvarenga e dos Heróis Anônimos", instituído pelo Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Sorocaba, nos termos do Regulamento que acompanha o decreto, que reverencia a memória de Orlando Alvarenga.
Não obstante, não podemos esquecer que o Movimento Revolucionário de 1932 despertou o sentimento patriótico de grande parte da população do Estado e, mesmo em outros Estados, era grande o número de simpatizantes à causa revolucionária paulista.
Assim, não foram apenas personalidades das elites paulistas que tomaram parte da revolução Constitucionalista de 1932. Eis que entre os voluntários que se apresentaram para a luta e morreram pela causa de São Paulo, encontraram-se, ao lado de estudantes, engenheiros, advogados e médicos, cidadãos que pertenciam às camadas mais humildes da população, tais como lavradores, operários, ferroviários, motoristas, etc. Muitos desses eternos anônimos beiravam a casa dos 60 anos de idade, outros, mais moços, tinham apenas 15 ou 16 anos.
Conquanto altamente meritória, a Lei nº 11.658, de 13-01-2004, que instituiu o "Dia dos Heróis MMDCA", não teve o condão pretendido pela Sociedade Veteranos de 32 – MMDC no sentido de exaltar o nome de Orlando Alvarenga sem, no entanto, alterar a tão consagrada sigla MMDC, um precioso símbolo de todos os brasileiros, pois representa um momento glorioso da história do Brasil e que jamais deverá ser alterado.
Por tudo isto, o jovem Orlando Alvarenga, morto aos 32 anos de idade, e todos os demais heróis anônimos que tombaram na Revolução Constitucionalista de 1932 merecem que, em favor de suas memórias, seja instituída uma data especial, justa homenagem, para a qual esperamos contar com o apoio dos nossos nobres Pares.
Sala das Sessões, em 29-5-2009.
a) Olímpio Gomes - PV


2 010       :        -        SEGUNDA-FEIRA
No caderno CIDADES/METRÓPOLIS há uma crônica de JOSÉ DE SOUZA MARTINS que merece ser transcrita:
O TÚNEL 9 DE JULHO
Pode-se fazer uma arqueologia das ideologias em conflito no Brasil apenas desencavando o que há por trás da história dos nomes dos logradouros públicos: São vários os casos de manipulação ideológica dos nomes de ruas da cidade de São Paulo. Já em 1831, um vereador, para festejar a abdicação de d. Pedro I, de que não gostava, propôs a data com o nome de Rua 7 de Abril para a antiga Rua da Palha. Com a Proclamação da República, em 1889, São Paulo entrou em um surto de mudanças de denominações para demolir a memória da monarquia e impor ao povo os nomes e símbolos da nova ordem política.
A Rua da Imperatriz virou 15 de Novembro, a Rua do Imperador virou Rua Marechal Deodoro, a Rua do Príncipe virou Quintino Bocaiúva, a da Princesa virou Benjamin Constant, nomes republicanos. Aproveitaram para trocar também nomes de forte tradição popular.
Um mapa de 1899 nos diz que a Rua Direita tornara-se Rua Floriano Peixoto e a Rua de São Bento fora dedicada a Moreira César, coronel massacrado na Revolta de Canudos, na Bahia, quando pretendia massacrar os místicos de Antônio Conselheiro, supostamente monarquistas. A guerra de nomes era uma guerra contra a tradição e o povo.
Mas o povo resistiu. O do Marechal Deodoro foi banido da Praça da Sé, quando deslocaram a catedral para as proximidades da Praça João Mendes. O do Marechal Floriano foi deletado: o povo insistiu no velhíssimo nome de Rua Direita para a rua torta. A iconoclastia de tirar o nome muito antigo da Rua de São Bento não deu certo. O povo ignorou a pretensão republicana de trocar santo por coronel. Coronel, mesmo, só Santo Antônio, que desde a colônia teve essa patente, até recebendo soldo da Coroa.
Um dos últimos episódios de demolição simbólica da história dos paulistas foi protagonizado pela prefeita Marta Suplicy. A pretexto de que o nome do Túnel 9 de Julho não era oficial, resolveu mudá-lo para Dr. Daher Elias Cutait, médico dos mais ilustres, que foi professor na Faculdade de Medicina da USP, na Santa Casa de Misericórdia e um dos fundadores do Hospital Sírio Libanês. Decisão que “desomenageia” o homenageado, pois o nome “não pegou”, ficou entre parênteses. Nove de Julho é data sagrada do povo de São Paulo, símbolo do generoso sangue de muitos jovens derramado pelo ideal da democracia, do direito e da liberdade. Mas a prefeita teimou na supressão do nome. Muita dor e muito pranto estão nele contidos.
Na memória de muitos e em muitos corações, a Revolução de 9 de Julho de 1932 é um dos sinais de identidade dos paulistas. No pátio da Faculdade de Direito, em monumento aos acadêmicos tombados nas frentes de combate, versos de Tobias Barreto a celebram na coragem de ousar e de optar: “Quando se sente bater no peito heróica pancada, deixa-se a folha dobrada enquanto se vai morrer.”  

Tenho ainda desdobramentos do ANTENA PAULISTA de ontem. Recebo vários telefonemas. Entre eles dois do General BUENO que, nos anos de 2002 a 2006 esteve empenhado no restauro do Monumento Mausoléu, coordenando os trabalhos da empreiteira FARAH com a NESTLÉ e depois com a CLARO que patrocinaram as despesas e que foram atropeladas por pendengas judiciais que atrapalhou muito aquilo que vinha sendo feito. O GENENRAL EUCLYDES BUENO promete ajudar a Sociedade Veteranos de 32-MMDC com o fornecimento de amplo material daquela época que poderá ajudar a PMESP, agora responsável pelo restauro.
Com isso vou mais tarde para a Sociedade, pois ainda respondo a outros e-mails que me enviaram:
Cel. Ventura,
Bom Dia!
Segue e-mail que recebemos pelo nosso site. Pode verificar por favor?
Muito obrigada!
Abraços!
Camila
De:
Data: 4 de julho de 2010 18:41
Assunto: Broches e distintivos
Para: ">" ,
Sr. Responsável,
Navegando pela Internet deparei-me com o site oficial dos Veteranos de 32 e escrevo-lhes na tentativa de obter informações sobre este Movimento Revolucionário.
Atualmente estou envolvida em uma pesquisa sobre a indústria metalúrgica em São Paulo, principalmente sobre os fabricantes de medalhas e condecorações, e gostaria de perguntar se alguém sabe quem eram os fabricantes da imensa quantidade de broches, distintivos e pins que circularam durante a Revolução de 32? Ou ainda, se podem me indicar alguma fonte para essa pesquisa.
Agradeço, antecipadamente, qualquer atenção que possam me dispensar.
Com cordiais saudações, subscrevo-me.
Angela Maria Gianeze Ribeiro

CAMILA
BOM DIA
Realmente eu não sei. Será que o RICARDO DELLA ROSA poderia verificar?
Talvez o próprio PANELLI tenha algum conhecimento.
A Sociedade foi fundada 20 anos depois da Revolução e não há nada no arquivo.
Também poderemos consultar o Professor JOSÉ CARLOS DE BARROS LIMA.
Vou encaminhar a ele o pedido que você recebeu. Duas indústrias da LAPA andaram proporcionando a feitura dos capacetes.
Conversaremos a respeito na cerimônia de hoje à tarde na Faculdade de Direito.   

ESTIMADO PROFESSOR JOSÉ CARLOS
O Senhor tem conhecimento a respeito do solicitado pela dona ÂNGELA MARIA GIANEZE RIBEIRO?

Prezado Coronel PM Mário Fonseca Ventura
Agradeço a gentileza e a presteza ao encaminhar sua mensagem referindo-se a e-mail enviado por mim ao Sr. Presidente da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC através do Dr. Pedro Paulo Penna Trindade, digno vice-presidente do Conselho Deliberativo da entidade.
Inicialmente, quero consignar o meu pesar ao tomar conhecimento do precário estado de saúde do Sr. Gino Strufaldi, ao mesmo tempo em que asseguro que não tomarei qualquer iniciativa que possa levá-lo a um estado de tensão prejudicial e perigoso considerando sua frágil condição física e emocional.
Adicionalmente, queira receber toda a minha solidariedade diante das dificuldades por que passa  a Sociedade há anos, aparentemente com pouca esperança de solução, aos menos dentro de um espaço de tempo que se possa vislumbrar, ainda que remoto.
Quanto ao interesse e participação de familiares dos heróis de 32 nas atividades da Sociedade, bem como a contribuição financeira que pudessem prestar, ouso afirmar que esse desprendimento, embora ideal, é irreal. Assim, creio que caberia aos atuais responsáveis encontrar soluções para viabilizar a captação de recursos junto a empresas privadas ou ao Governo nas esferas do município, Estado e Federal, talvez atraindo um parlamentar interessado em abraçar a causa. Sei das enormes dificuldades que isso causaria em termos de consumo de tempo e desgaste pessoal, mas não é aceitável que se deixe morrer a causa de 32, hoje até mesmo merecedora de um feriado estadual.
No tocante às cinzas do meu pai reconheço que não poderiam estar depostas nas gavetas do corredor de entrada do Obelisco, junto a tantos combatente ilustres. Papai, filho de imigrantes, alistou-se como voluntário, recebeu a patente de soldado raso, passou meses no Sul do Estado entre Faxina (hoje Itapeva), Itaberá e Itararé, e como soldado raso voltou para São Paulo com seus companheiros do Batalhão 14 de Julho, após a derrota do movimento.
Em razão do orgulho que ele sempre teve de ter sido um combatente na epopéia de 32, a família decidiu que, em seguida à sua morte, deveria ter suas cinzas mantidas perpetuamente no cinerário do monumento que tanto fala aos corações paulistas. Por não terem sido recolhidas do subsolo até hoje, em várias ocasiões procurei na Sociedade um esclarecimento das razões desse fato, tendo ouvido mais de uma resposta, infelizmente sem qualquer perspectiva de uma ação efetiva. Numa dessas oportunidades, informaram-me que as letras metálicas – que nominavam os falecidos - não estavam mais sendo colocadas no painel de mármore devido a vandalismo. Dispus-me a arcar com as despesas de novo modelo de exposição dessas letras, sem que houvesse prejuízo estético ao ambiente e de forma a impedir o furto que vinha ocorrendo.
Na sequencia, minha sugestão foi apresentada por escrito, sem que eu tenha recebido qualquer retorno.
Prezado Coronel Ventura: decorridos quase vinte anos desde que as cinzas de ROQUE SMIGLIANI FERRARI, foram entregues à Sociedade Veteranos de 32 – MMDC e diante das dificuldades e carência de recursos por que passa a nossa querida entidade, parece-me que não há qualquer esperança em um prazo visível, de tirar os restos mortais do meu pai do melancólico anonimato a que foi relegado. Sendo esses despojos localizados e devidamente identificados, rogo que voltem às minhas mãos, tão cedo quanto possível. Assim, tomarei as providencias que minha família e eu julgarmos apropriadas, encerrando um longo período de preocupações que nos afligem.
Sinta-se livre para encaminhar esta mensagem, bem como a anterior dirigida ao Dr. Trindade, para quem de direito – a seu pleno critério.
E creia que sua louvável e reconhecida dedicação pela causa, fazem de mim um admirador de sua pessoa.
Fraternalmente
Helio F. B. Ferrari
Rua Bandeira Paulista, 142 – AP. 92
04532-010 São Paulo, SP
Fone 11-3167.4866
e-mail: hferrari@picture.com.br

De: Mario Ventura [mailto:celmario@gmail.com]
Enviada em: sexta-feira, 2 de julho de 2010 19:52
Para: hferrari@picture.com.br
Assunto: CINERÁRIO
PREZADO FERRARI
Recebi do Vice-Presidente do Conselho Deliberativo da Sociedade Veteranos de 32-MMDC, Doutor PEDRO PAULO PENNA TRINDADE a carta endereçada ao Presidente GINO STRUFFALDI.
Na noite do último Natal GINO sofreu uma angina. Levado ao DANTE PAZZANESI constatou-se três artérias entupidas. Durante meses esteve em tratamento até que compareceu numa Solenidade na Câmara Municipal em 11 de maio. Durante o coquetel, após o evento, tomou vinho e caiu desmaiado. Foi levado pelo Resgate ao DANTE PAZZANESI e ficou internado na UTI por nove dias. Foram lhe colocados três stents e a família preserva o GINO de emoções ou desgaste que venha piorar o seu quadro de saude. Atualmente o CORONEL PM MENDES responde pela Presidência em exercício, enquanto durar esse problema do GINO. Aos 96 anos, ele é um verdadeiro ícone do MMDC e a Sociedade somente não fechou suas portas pela sua ação na presidência desde julho de 1995.
A situação da construção do novo cinerário é um dos pontos nevrálgicos da Sociedade. Primeiro porque a Entidade nunca teve condições de resolver esse problema por falta de dinheiro. Há 777 heróis imortalizados no Monumento Mausoléu, mas são bem poucos os descendentes dos veteranos que ajudam a Sociedade. Mesmo aqueles que se tornaram associados se furtam ao pagamento da irrisória mensalidade de quinze reais.
Quando a NESTLÉ se prontificou a patrocinar o restauro do Obelisco pensou-se seriamente na construção de um cinerário com quinhentos lugares para se colocar as cinzas que estavam guardadas no subsolo do Monumento, em situação precária. Em 2002 uma pendenga judiciária impediu o restauro, com o embargo das obras durante dois anos. Em 2004 a CLARO ocupou o lugar da NESTLÉ no patrocínio. O IPH perdera a causa movida em 2002, mas agora é a vez da familia EMENDABILI que provoca mais um processo contra a CLARO, a empreiteira, o CONDEPHAAT e, por tabela, também a Sociedade. Novo embargo das obras durante outros dois anos. Até agora não compreendi os motivos desses ataques gratuitos. Em vez de colaborarem com a causa comum acham de processar o MMDC. Mas o motivo não deve ser saudável. Pessoas que nunca procuraram a Sociedade para ajudar acham na razão de prejudicar ainda mais. Realmente prejudicaram  e muito!
Em 2006 uma parceria entre Prefeitura, Estado e a Sociedade fez nascer o Decreto de 25 de Setembro (em anexo) daquele ano determinando que a Polícia Militar ficasse com a segurança, manutenção e restauro do Monumento. A administração passa a ser da PM. A Sociedade cuida da parte histórica, muito embora o Monumento seja, por lei, do MMDC. Isso evita a ganância de terceiros em se locupletar a custa do Monumento Mausoléu.
A PM tem ciência da necessidade de se construir esse cinerário. Acredito que o Estado não tem encaminhado a verba necessária para a execução desse serviço.
Essa problemática foi levantada recentemente pela GLOBO e será transmitida no programa ANTENA PAULISTA do próximo domingo, dia 4 de julho, no horário das 7:30 horas. Convido-o a assistir.
A aproximação do 9 de julho é oportuna para se discutir tão importante questão. Gostaria muito que outros descendentes de heróis que estão imortalizados no Monumento Mausoléu também se interessassem pela questão e, na preservação de memória deles se unissem na batalha inglória do MMDC que não tem o devido amparo por parte dos órgãos governamentais.
Caro amigo FERRARI
Sei da sua luta, mas a Sociedade está cuidando disso há anos e tem encontrado sérios entraves pela frente. O primeiro deles, talvez o mais importante, é que os próprios descendentes dos responsáveis pela EPOPÉIA de 32 esquecem os seus heróis, não nos ajudando financeiramente. Poderia a Sociedade até cuidar do restauro caso todos estivessem irmanados na causa sagrada da preservação da imagem dos veteranos. Mas não! Fogem dessa responsabilidade e o resultado é que o MMDC seja uma entidade fragilizada. Por outro lado, apesar das leis existentes que tornaram o 9 de Julho como a DATA MAGNA do Estado, o próprio governo não dá a devida atenção para as nossas deficiências. O FERIADO ESTADUAL extrapola o Movimento Constitucionalista de 1932 para se tornar a DATA mais importante de SÃO PAULO. Talvez até o próprio governo não esteja imbuído da grande importância do 9 de Julho, haja vista que mandou limitar o desfile das entidades cívis para apenas meia hora. A carta publicada no Fórum dos Leitores, em 29 de junho, que você deve ter lido, diz tudo.  
Todos os diretores do MMDC são voluntários. Ninguém recebe dinheiro pelo seu esforço, mas lá estamos por puro diletantismo e vontade de preservar a memória de 32. A única pessoa remunerada na Sociedade é a nossa funcionária MARINEI, totalmente sobrecarregada de encargos. Mas não podemos arregimentar outra pessoa por falta de verba.
Ainda acredito numa situação melhor para a Sociedade. Talvez tenhamos ajuda do próximo governo, porque até aqui somente fomos massacrados por ideologias espúrias, que não reconhecem, e até combatem e denigrem o que fazemos.
Desculpe o desabafo, mas estou na Sociedade há 14 anos (desde 17 de maio de 1996) e tenho somente encontrado espinhos pela frente. Continuo a lutar e gostaria imensamente que outros interessados, como você, na causa de 32, cerrassem fileiras comigo.
Minha ideia é transmitir ao Comando Geral da PMESP a sua carta, mas gostaria de saber a sua opinião antes de tomar essa decisão.
CORONEL PM MARIO FONSECAVENTURA
Secretário da Sociedade Veteranos de 32-MMDC

Amigo FERRARI
Gostaria de conversar com o senhor no próximo 9 de Julho.
A TV GLOBO apresentou uma matéria abordando o Monumento Mausoléu e na entrevista prestada ao repórter abordei a problemática do abandono do Obelisco. Ainda se pode ver essa matéria. Na pesquisa GOOGLE basta digitar ANTENA PAULISTA.
Ainda no domingo recebi uma série de telefonemas a respeito.
Transcrevi em meu blog a situação do Monumento perante à Sociedade
http://ventura-memriasdoventura.blogspot.com/
Luto para reverter essa situação e, se até agora não esmoreci, vou continuar meu empenho para que o Monumento Mausoléu tenha o seu destaque no cenário brasileiro. Lá estão 777 heróis imortalizados. No 9 de Julho serão conduzidos outros 11, inclusive o avô do CORONEL PM ÁLVARO BATISTA CAMILO, atual Cmt Geral.
Devemos lutar para que o governo envie para a SSP a verba necessária para a construção do cinerário que já mencionei ao Senhor.
Como restam poucos veteranos vivos é minha idéia criar um Departamento na Sociedade exclusivamente dedicado aos familiares dos nossos heróis. Creio mesmo que eles, lá de cima, até nos orientam como devemos proceder. Concito-o à UNIÃO, pois somente assim é que iremos vencer as ideologias espúrias que andam nos prejudicando. 

Na Sociedade, já mais de 13 horas, recebo um telefonema de DOUGLAS NASCIMENTO, autor do site “SÃO PAULO ABANDONADA”. Ele quer se filiar ao MMDC e marca o horário das 14:15 horas de amanhã para conversar conosco. Está colocando em seu site uma série de documentos referentes a 1932. Hoje apresenta as lápides dos monumentos religiosos, em diversos cemitérios, relembrando os nomes de pessoas ilustres que estiveram envolvidos com o Movimento Constitucionalista de 1932.
Almoço correndo com vários oficiais do MMDS. MARIO MARGARIDO dá a notícia da morte de um nosso conhecido, o senhor SATURNINO. Após sofrer um longo martírio com a doença que o acometeu nos últimos anos de vida ele veio a falecer na madrugada do sábado. O corpo foi cremado ontem.
Vou para a FACULDADE DE DIREITO onde acontece neste final de tarde, depois das 17 horas, a Sessão Plenária Solene em comemoração aos 78 anos do Movimento Constitucionalista de 1932.
Para a mesa de trabalhos são chamados pelo Mestre de Cerimônias J. B. OLIVEIRA: Doutor ANTÔNIO MAGALHÃES GOMES FILHO, Diretor da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP); ALENCAR BURTI, Presidente da Associação Comercial; JOSÉ GREGORI, representando o ex-Presidente da República FERNANDO HENRIQUE CARDOSO; Deputado Estadual MAJOR PM SÉRGIO OLÍMPIO; LUIZ BORGES D´URSO, presidente da OAB/SP.
O ato alusivo à data é pronunciado pelo Doutor PEDRO PAULO PENNA TRINDADE, membro do Conselho Cívico e Cultural, da Associação Comercial de São Paulo. Nosso vice-presidente do Conselho Deliberativo da Sociedade Veteranos de 32-MMDC é muito feliz em seu discurso.
A poetisa FRANCES DE AZEVEDO, secretária do Conselho Cívico e Cultural declama um poema alusivo à data.
O ponto culminante desse evento é a entrega do Colar CARLOS DE SOUZA NAZARETH. Recebem a honraria: Professor Doutor JOÃO GRANDINO RODAS (impossibilitado de comparecer um representante recebe a comenda em seu lugar); Doutor ANTÔNIO MAGALHÃES GOMES FILHO; Doutor PAULO NATHANAEL PEREIRA DE SOUZA, Presidente da Academia Paulista de Educação (APE); MÁRIO AMATO, empresário e membro do Conselho Superior da ACSP; Professora Doutora RUTH CARDOO (in memoriam).
Espetacular é a apresentação do CORAL BACCARELLI: Abre a Sessão Plenária com a execução do HINO NACIONAL e que culmina seu repertório com o PARIS BELFORT.
Logo na chegada à Faculdade de Direito encontro o CLÓVIS ANDRÉ BISPO. Ele vai tirar inúmeras fotos da solenidade. Entre as pessoas conhecidas estão presentes: JOSÉ FARIA, CAMILA GIUDICE, MARIA LUCIA CAMARGO, Professora MARIA ODETE e sua filha, VIVIANO FERRANTINI, ANTÔNIO AUGUSTO BIZARRO, ANTÔNIO RESENDE, MAJOR PM Ref ARLINDO DE SOUZA PICOLI, ELÓY GONÇALVES DE OLIVEIRA, GIAMBATTISTA SERRA DI NERVI, GUILHERME NAPOLEÃO DE ABREU, JÁCOMO SPAMPINATO NETO, JOSÉ CARLOS DE BARROS LIMA, MARGARIDA ROSA, MILTON FERNANDES, NELLY MARTINS FERREIRA CANDEIAS (Presidente do IHGSP), Doutora CÁRBIA BOURROUL, CORONEL PM Ref PAULO TENÓRIO DA ROCHA MARQUES, VALDIR ABDALLAH, ELVIO ALIPRANDI, LUCIANA (filha do CLÓVIS).
Após a solenidade podemos conversar com muita gente. Deixamos o local com a CAMILA, um seu conhecido que mora no RIO, e JOSÉ FARIA (que corrobora a minha idéia de trazer os descendentes dos veteranos para a Sociedade, já que os “meninos de 32” estão partindo para a grande viagem). Ainda passo pelo MMDC antes de retornar para casa.
Nesta noite tenho grande trabalho em responder mensagens enviadas pelo correio eletrônico.
Uma nova linha de Metrô, a 15 – BRANCA, entre a VILA PRUDENTE e TIQUATIRA, na zona leste, vai usar a máquina conhecida como tatuzão para escavar seus túneis. Equipamento semelhante foi usado nas obras da LINHA 4 – AMARELA. Ao mesmo tempo que abre o túnel, o tatuzão já faz o revestimento em concreto.
A licitação para o projeto básico da LINHA 15 prevê início das obras em 2011 e conclusão em 2013. Serão dez estações em um ramal de 11,5 km, que fará conexão com as LINHAS 2 – VERDE e 3 – VERMELHA do METRÔ e Linhas 11 – CORAL, 12 – SAFIRA e 13 – JADE da CPTM. Os túneis também poderão ser abertos por meio de explosivos e valas ao céu aberto. A Linha começará na Estação VILA PRUDENTE. Em seguida, estarão as Estações ORFANATO, ÁGUA RASA, ANÁLIA FRANCO, VILA FORMOSA, GUILHERME GIORGI, ARICANDUVA, PENHA e TIQUATIRA. O traçado passará por baixo de vias como Rua CANANÉIA e Avenida Doutor GUILHERME COATICHING.  

Faleceu CARLOS ALBERTO LOCATELLI, aos 76 anos. Adorava programas culturais. Uma vez, na platéia de um teatro, foi convidado para interagir no palco, numa peça de RENATA SORRAH. Adorava dizer que tinha contracenado com ela: “As pernas mais belas do teatro.” Nascido em FORMIGA, MINAS GERAIS, seus filhos brincavam que era por isso que ele gostava tanto de doces – mas não só. Ele apreciava mesmo era comer. Com seus amigos, fundou uma confraria. Todo mês, eles se reuniam em um restaurante diferente. Ele desenhava gráficos, dava notas em estrelas e, no fim do ano, todos elegiam o melhor. Mas não fazia questão de grife. Freqüentava do lugar mais chique ao mais simples. Desde que a comida fosse boa.

O ex-general argentino JORGE RAFAEL VIDELA, autor do golpe militar que em 1976 instaurou a mais sanguinária ditadura da História da AMÉRICA DO SUL, assumiu hoje a responsabilidade pelos crimes cometidos, rompendo seu silêncio desde a volta da democracia, em 1983. “Assumo minha responsabilidade na guerra interna. Meus subordinados limitaram-se a cumprir minhas ordens”, declarou hoje em um tribunal. VIDELA está sendo julgado desde a semana passada em CÓRDOBA pela acusação de ser o responsável direto de 31 assassinatos e 5 torturas ocorridos nos primeiros nove meses da ditadura nessa província.
O ex-general, de 84 anos, é considerado o “arquiteto” do sistema de repressão aplicado pela ditadura, que torturou e assassinou 30 mil civis, além de seqüestrar 500 bebês, filhos de desaparecidas políticas.
VIDELA justificou os assassinatos. “Era uma guerra interna. Defendo tudo o que o Exército fez”, afirmou, referindo-se à suposta atuação da guerrilha durante seu governo. No entanto, os grupos guerrilheiros havia sido praticamente debelados em 1975, no final do governo de ISABELITA PERÓN, um ano antes do golpe. Em março de 1976 ela foi deposta por um golpe militar. O GENERAL JORGE RAFAEL VIDELA assumiu o poder, fechou o Congresso, dissolveu os partidos políticos e iniciou uma “guerra suja” contra os oposicionistas. Milhares de pessoas foram feitas prisioneiras, perseguidas, torturadas e assassinadas. Desapareceram mais de 30 mil pessoas.

O premiado escritor argentino HORÁCIO CASTILLO morreu hoje em sua casa em LA PLATA, na ARGENTINA. Nascido em 1934, era poeta, tradutor de obras de literatura grega e articulista do jornal LA NACION. Membro da Academia Argentina de Letras, da Sociedade dos Amigos de NIKOS KAZANTZAKIS e ainda sócio-correspondente da Real Academia Espanhola e ainda sócio-correspondente da Real Academia Espanhola e da Sociedade dos Escritores da GRÉCIA, também era professor extraordinário honorário da Universidad de MAR DEL PLATA. Publicou várias obras, entre elas, no campo da poesia, DESCRIPCIÓN (1971); MATÉRIA ACRE (1974); TUERTO REY (1982); ALASKA (1993) e MANDALA (2005).   

5 DE JULHO DE 2011    :      -     TERÇA-FEIRA
Mais um dia com a obrigação de comemorar o 79º Aniversário da Revolução Constitucionalista, pela Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Desta vez será na cidade de CORDEIRÓPOLIS, uma propositura junto à Câmara daquele município pelo vereador ALCEU DA SILVA GUIMARÃES. Nos meus quinze anos na Sociedade Veteranos de 32-MMDC nunca soube da comemoração do Movimento Constitucionalista em CORDEIRÓPOLIS. É um município criado em 1948, 16 anos após a Revolução de 32. Pertencia a LIMEIRA, onde já estivemos por duas vezes, homenageando os veteranos ESMERALDO e ULISSES.
Um carro da Prefeitura, guiado pelo gentil motorista GILBERTO, vem me buscar na Sociedade por volta das 9:30 horas. COLOMBO, nosso associado, me acompanha. É um passeio que faço até essa cidade. O vereador ALCEU recebe-me com fidalguia. Conduz-me até a presença do prefeito da cidade, CARLOS CÉZAR TAMIAZO. Ele está reunido com seus secretários para estudar o Plano Diretor do Município e não poderá estar conosco na sessão solene em homenagem ao 79º Aniversário da Revolução Constitucionalista, marcada para 14 horas. Far-se-á representar pelo vice-prefeito AMARILDO ANTONIO ZORZO.
Com o vereador ALCEU vamos almoçar num aconchegante restaurante da cidade. Um pouco mais tarde estamos na novíssima Câmara Municipal, inaugurada em 30 de dezembro de 2010. Somos apresentados ao Presidente do Poder Legislativo, vereador WILSON JOSÉ DIÓRIO (não faz muito tempo ele visitou o MMDC, em companhia do ALCEU; à Secretária de Educação LOURDES AP BOTEON PIO, ao primeiro secretário, vereador ANDERSON ANTÔNIO HESPANHOL, a familiares de um dos veteranos que residiu na cidade, que forneceram peças de 32, do acervo do falecido, para ornamentarem a Câmara nessa solenidade. Conhecemos várias pessoas de CORDEIRÓPOLIS e chama-me a atenção a acolhida fraterna que estou tendo nesta minha visita ao município.
Uma centena de escolares vêm participar desse ato solene. Acredito que muitas, ou quase todas, essas crianças não conhecem o episódio de 1932. Perante as Bandeiras: Nacional, do Estado, e do Município, todas a meio-pau em sinal de luto pela morte do ex-presidente da República ITAMAR FRANCO, canta-se o Hino Nacional e o Hino do Município. Também os acordes do PARIS BELFORT entremeia os dois hinos.
A sessão solene tem sua abertura feita pelo Presidente da Câmara. São apresentados dois vídeos com slydes da Revolução Constitucionalista. Cabe a mim falar sobre a Revolução e tenho de me dirigir, principalmente, às dezenas de crianças presentes. A linguagem deve ser apropriada, mas, ao falar mais com o coração, emociono-me e extrapolo um pouco ao comparar 1932 com os tempos atuais.         
Terminado o ato solene ainda permanecemos mais um pouco na Câmara, conversando com os vereadores e moradores de CORDEIRÓPOLIS. Por volta das 17 horas vamos iniciar a viagem de volta. O GILBERTO demonstra muita atenção para conosco. Leva-nos de retorno à Sociedade Veteranos de 32-MMDC. COLOMBO despede-se de nós e permaneço no MMDC durante algum tempo, esperando melhorar o fluxo de passageiros na estação Metrô e também no Terminal da ARMÊNIA.

Terminou em confronto a reintegração de posse de uma favela em RIBEIRÃO PRETO, no interior paulista, hoje de manhã. Cerca de 700 moradores bloquearam as entradas do local, a PM foi acionada e usou bombas de efeito moral e balas de borracha. Houve feridos, todos sem gravidade.

A presidente DILMA ROUSSEFF determinou ao ministro ALFREDO NASCIMENTO (Transportes) a suspensão por 30 dias das licitações do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e da Engenharia, Construções e Ferrovias (VALEC). A medida é um desdobramento da crise causada pela divulgação de supostas irregularidades na pasta. No fim de semana, o governo anunciou o afastamento de LUIZ ANTONIO PAGOT (DNIT) e JOSÉ DAS NEVES (VALEC). Mas PAGOT pediu férias. Para o lugar dele, DILMA quer um petista.

Depois de seis dias seguidos de baixa e de chegar ao menor nível desde janeiro de 1999, a cotação do dólar subiu 0,77% hoje, para R$1,565. Durante o dia, o ministro GUIDO MANTEGA (Fazenda) voltou a afirmar que a valorização do real preocupa e deu a entender que o governo adotará medidas para tentar conter a queda da moeda americana no País. Analistas alertam, porém, que a tendência para a taxa de câmbio e, na pior das hipóteses, de estabilidade em torno dos valores atuais.

O presidente do grupo varejista francês CASINO, JEAN-CHARLES NAOURI, classificou de “expropriação” de sua empresa a fusão entre o PÃO DE AÇÚCAR, seu sócio no BRASIL, com o CORREFOUR. NAOURI acuou o empresário ABÍLIO DINIZ de traição e de manipulação. “Quando investi em 1999, o GRUPO PÃO DE AÇÚCAR era um negócio medíocre”, atacou. Para ABÍLIO, NAOURI “falta com a verdade” e reage de forma “truculenta” à proposta de fusão, que, disse, vai gerar “extraordinários benefícios” a todos os acionistas.   

Na iminência de uma reforma de gabinete que deve dar indícios dos novos rumos do governo venezuelano, o convalescente presidente HUGO CHÁVEZ abriu hoje, do Palácio de MIRAFLORES, a parada militar em comemoração do bicentenário da Independência do país, no PASEO DE LOS PRÓCERES, em CARACAS. O líder venezuelano acompanhou o desfile de dentro da sede do governo, de onde passou o dia fazendo comentários pela Internet.

O Estado holandês foi condenado hoje pela Justiça do país pela morte de três bósnios muçulmanos no massacre de SREBRENICA, durante a GUERRA DA BÓSNIA (1992-1995). Um tribunal local decidiu que a missão de paz da ONU que defendia o local, composta por soldados holandeses, falhou ao evitar as mortes. A responsabilidade do Ocidente no massacre é ainda um tema delicado para a ONU e para a HOLANDA. A serviço das NAÇÕES UNIDAS, a HOLANDA enviou 600 funcionários do Exército, incluindo 300 soldados, para garantir a segurança dos habitantes muçulmanos de SREBRENICA acossados pelos servo-bósnios em 1995. Sob pressão dos sérvios e sem mandato internacional claro, os soldados holandeses deixaram suas posições e abandonaram os muçulmanos sem oferecer resistência.

2 012      :     -     QUINTA-FEIRA
Manchete do DIÁRIO DE SÃO PAULO:
AGORA NÃO FALTA MAIS NADA. A AMÉRICA É DO TIMÃO.
Invicto, melhor defesa e triunfo sobre o temível BOCA JUNIORS de RIQUELME. Por merecimento, como sempre exaltou o técnico TITE, o CORINTHIANS é o legítimo campeão da LIBERTADORES. Acabou a obsessão. A taça que faltava em sua farta galeria de troféus já está nas mãos dos heróis da FIEL. Agora, depois de conquistar a AMÉRICA, o passaporte do TIMÃO já está carimbado para o JAPÃO, aonde vai em busca do seu segundo título mundial. Que venha o CHELSEA!.
Foi uma madrugada de muito barulho. Onde moramos as comemorações foram muitas. O PAULO CÉSAR é também corintiano e comemorou como nunca, junto com o seu filho, IAGO, outro corintiano roxo. Não posso me queixar, porque também torço pelo TIMÃO.
Isso ajuda um pouco a minha mágoa para com os associados devedores da Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Em época de festa eles aparecem com a cara mais deslavada do mundo. Mas não vivem as dificuldades do MMDC que luta desesperadamente para não naufragar. Pode uma Associação ter apenas uma funcionária? Os diretores raramente passam pelo MMDC para ver se a gente precisa alguma coisa. Isso vem acontecendo desde que estou na Sociedade. Teve época que quase fechamos as portas. O governo também “esquece” da organização que cultua os heróis de 32. Vamos ver o que se pretende fazer em 9 de Julho e na solenidade na Assembléia Legislativa. Ontem, no Instituto de Engenharia, muitas pessoas ficaram abismadas em saber das inúmeras dificuldades que enfrentamos. Apesar de tudo ainda fazemos o milagre de tornar o Movimento Constitucionalista conhecido em todo o Estado e, até em países interessados na saga paulista.
Repórteres ligam para casa logo cedo. Não tenho ânimo para ir em lugares que estão comemorando o Movimento Constitucionalista, mas que não deram o devido valor para o MMDC. Fazem eventos paralelos, o que é louvável, mas desconhecem a Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Também não ajudam em nada a nossa instituição.
Desanimado, chego na Sociedade por volta das 13 horas. Somos muito procurados nesta tarde. Tenho dificuldade para almoçar. Assino os diplomas da Medalha Constitucionalista que será entregue no dia 9 de Julho. Recebemos informações da Assembléia Legislativa de que o roteiro da sessão solene para o evento após o desfile no Ibirapuera também está pronto. Recebo do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo a minuta do convite para 21 de julho.
CAPITÃO PM ANÍSIO DOS SANTOS, nosso secretário, passa pela Sociedade no período da tarde. AMADO RÚBIO, futuro comandante do Exército Constitucionalista, passa pelo MMDC e vê todo o nosso trabalho, não reconhecido por muita gente. MARINEI está muito atrapalhada com essa enxurrada de obrigações, algumas que não são nossas, mas que caem em suas mãos por inércia de outros diretores. O pior é ela recebe uma notícia desagradável: seu pai estava dirigindo e se sentiu mal. Teve um desfalecimento e bateu o carro num outro veículo. Diz ele que não se machucou, mas os prejuízos financeiros são grandes. Também liga o THIAGO DE MORAES, preocupado com o evento da Assembléia, onde seu avô será homenageado e onde, ele, também presta reverências a nossa pessoa. Procuro deixá-lo tranqüilo, pois tudo está preparado para ser um sucesso. Já estou saindo do MMDC quando me telefona um repórter de AMERICANA. Quer material a respeito do Movimento Constitucionalista para publicar num jornal do município.
A solenidade de SÃO JOÃO DA BOA VISTA, marcada para 14 de julho, irá causar problemas. Não chegaram os currículos das pessoas indicadas para receberem a Medalha Constitucionalista e irá acontecer algo que não gosto, ou seja, entregar a honraria sem o devido diploma, o que a invalida até o momento em que o mesmo seja feito. A medalha só tem valor com o diploma que a acompanha.
Em casa, pela Internet, tomo conhecimento de várias mensagens:
Prezado CEL VENTURA
Presidente da Sociedade dos Veteranos de 32/MMDC
É com enorme alegria e satisfação que repasso ao senhor minha grata satisfação em poder compartilhar de estar recebendo dos vários presidentes dos núcleos de correspondência das novidades relativas as comemorações do nosso glorioso 9 de julho no seu 80 aniversario.
As solenidades no interior de nosso impávido Estado de São Paulo ocorrerão todas entre os dias 9 e 10 de julho, com exceção de BURI (que ja a teve e de forma brilhante), tendo os Núcleos de Correspondência de ITAPETININGA, PIRACICABA, CRUZEIRO, SAO JOAO DA BOA VISTA e SAO VICENTE já que confirmadas as suas respectivas comemorações, as quais, em algumas localidades, se estendendo durante toda a semana do feriado.
Os mais efusivos parabéns a todos os NCs pelas diversas iniciativas de comemoração dos 80 anos da Revolução Constitucionalista de 32!
Nossa sociedade segue em frente ainda que na dura caminhada que enfrentamos para resgatar a historia dos feitos de nossos bravos paulistas!
Enorme abraço londrino e no contato
BIAJONE
Julho 5, 2012
ESTIMADO BIAJONE
Estamos realmente muito bem de comemorações. Aqui na capital é uma verdadeira roda-viva. Inclusive até o restauro do Monumento Mausoléu está se concretizando.
Mas, não estou contente. A Sociedade continua trabalhando nesta semana no vermelho. É muito duro pagar a mísera mensalidade de quinze reais. Incrível, mas é a dura realidade. Fazer festa com os alicerces carcomidos é uma infâmia.

BIAJONE manda-me a seguinte mensagem, a respeito do curso que está fazendo em LONDRES:
Sem novidade meu coronel apenas na luta de sempre
O curso é puxado, mas faremos o melhor que nos for possível. MInhas preocupações agora se resumem a inauguração do dia 10. Vossa presença em ITAPETININGA é imprescindível, por favor levar CEL EDILBERTO.
A placa que irão inaugurar custou me muito trabalho de pesquisa, mas valerá a pena. Meu soldado na PREFEITURA disse me que tentaram parar a obra da construção desse monumento, mas certamente FORÇAS DO ALEM impediram essa que seria uma verdadeira facada nas minhas costas e na da população de ITAPETININGA.
Creio que tão ruim quanto o povo que não paga mensalidade é o povo oportunista de ultima hora, parasitas que querem se apropriar das idéias alheias porque não tiveram o culhão para fazer o que quer que fosse necessário. Mas enfim SIGAMOS EM FRENTE.
Caprichei no discurso que AFRANIO vai ler em meu lugar para que possa ficar a altura do vosso e do CEL EDILBERTO.
Enorme abraço e coragem CEL VENTURA! mesmo no vermelho haveremos de vencer!
no contato
BIAJONE
Julho 5, 2012

A VENEZUELA anunciou hoje a retirada de oficiais militares de sua embaixada em ASSUNÇÃO dizendo que os funcionários estavam sendo perseguidos e “ameaçados de morte”. No PARAGUAI, crescia a pressão no Congresso para que o novo governo, de FEDERICO FRANCO, expulsasse os adidos militares venezuelanos, em meio a uma crescente troca de farpas entre os dois países desde a deposição de FERNANDO LUGO, no último dia 22. O anúncio foi feito hoje pelo próprio presidente HUGO CHÁVEZ na Assembléia Nacional de CARACAS.

O ex-ditador da ARGENTINA, JORGE RAFAEL VIDELA, foi sentenciado a 50 anos de prisão pelo seqüestro de 35 bebês durante o regime militar (1976-1983). O GENERAL REINALDO BIGNONE, último a comandar a ditadura, foi condenado a 15 anos de prisão. O Tribunal Federal Oral concluiu que o seqüestro de bebês era uma ação sistemática e organizada pela cúpula militar. Com a decisão, cai a teoria de que os seqüestros eram “improvisados” por oficiais de baixa patente, sargentos e soldados, sem um planejamento centralizado. O roubo de bebês é considerado crime imprescritível. Além de VIDELA e BIGNONE, também foram condenadas nove pessoas, incluindo o ALMIRANTE ANTONIO VAÑEK, que recebeu 40 anos de prisão. O ex-capitão da Marinha JORGE “EL TIGRE” ACOSTA, que ganhou fama por estuprar as prisioneiras, foi sentenciado a 30 anos. ACOSTA já acumula uma pena de prisão perpétua. Ele e VAÑEK operavam na Escola de Mecânica da Marinha (ESMA). Um médico que trabalhava com eles, JORGE MAGNACCO, responsável por partos clandestinos, foi sentenciado a 15 anos. Dos 35 bebês seqüestrados cujos casos foram analisados, 26 recuperaram suas identidades. Destes, 20 prestaram depoimento no tribunal. Organizações de defesa dos direitos humanos calculam que 500 bebês foram seqüestrados pelo regime.

A CHINA anunciou hoje que não participará da reunião dos AMIGOS DA SÍRIA, que ocorre no dia 6 em PARIS, para negociar uma saída diplomática para o conflito. PEQUIM aderiu à posição da RÚSSIA, que também boicotará o encontro. FRANÇA e GRÃ-BRETANHA criticaram MOSCOU e PEQUIM, os dois maiores aliados da SIRIA na comunidade internacional, em razão da intransigente defesa do regime de BASHAR AL-ASSAD.       

5 DE JULHO DE 2013     :   -     SEXTA-FEIRA
CORONEL PM ANTÔNIO CARLOS MENDES encontra-se na Rua PEDRO VICENTE, local combinado para partirmos para a ESCOLA SUPERIOR DE SOLDADOS, em PIRITIBUBA, onde nesta manhã será comemorado o 81º Aniversário da Revolução Constitucionalista de 32. Localizada em local extraordinariamente maravilhoso, a Escola Superior de Soldados tem como comandante o CORONEL PM NELSON CELEGATO. Ele foi promovido ao último posto da carreira em 15 de junho e classificado nessa Casa de Ensino. CELEGATO e seus oficiais recepcionam-nos. Gostamos muito da ESCOLA SUPERIOR DE SOLDADOS, onde assistimos solenidades muito importantes em anos anteriores.
Mas, neste ano, também com a presença do Deputado Estadual MAJOR PM SÉRGIO OLÍMPIO GOMES, vai nos causar extrema emoção. A teatralização do Comício na PRAÇA DA REPÚBLICA, que resultou na morte de MARTINS, MIRAGAIA, DRÁUSIO e CAMARGO, causa lágrimas em várias pessoas presentes. Depois são condecoradas as seguintes pessoas:
CARLA ALMEIDA – Coordenadora do Programa de Melhoria do Gasto Público do Governo do Estado de São Paulo (MEDALHA PEDRO DE TOLEDO); TENENTE-CORONEL PM ALFREDO VITAL OLIVEIRA (PEDRO DE TOLEDO); MAJOR PM ELENU SHIBATA BRANDÃO (CONSTITUCIONALISTA); MAJOR PM PAULO JOSÉ DE MORAES (PEDRO DE TOLEDO); CAPITÃO PM MARCOS ANTÔNIO DE MENEZES (PEDRO DE TOLEDO); CAPITÃO PM CARLOS EDUARDO DE JESUS GOMES DA SILVA (PEDRO DE TOLEDO); CAPITÃO PM JOSÉ RIBEIRO LEMOS JÚNIOR (PEDRO DE TOLEDO); CAPITÃO PM ANDRÉ MARCELO BAPTISTA ( CONSTITUCIONALISTA); CAAPITÃO PM MÁRCIO ZEFERINO DE PAULA (PEDRO DE TOLEDO); CAPITÃO PM CHRISTIANE FERREIRA BELOM (CONSTITUCIONALISTA); CAPITÃO PM LUIZ CLÁUDIO RODRIGUES ALVES (PEDRO DE TOLEDO); CAPITÃO PM WÁGNER DE OLIVEIRA FESTINO (PEDRO DE TOLEDO); CAPITÃO PM MARCOS JOSÉ ALBINO (PEDRO DE TOLEDO); 1º TENENTE PM ELIÉVERSON DE LIMA (PEDRO DE TOLEDO); 1º TENENTE PM ADRIANA DE BARROS TEIXEIRA (PEDRO DE TOLEDO); 1º TENENTE PM THIAGO DA COSTA VIEIRA CIAMPONE (PEDRO DE TOLEDO); 1º TENENTE PM LÍGIA PINHEIRO (PEDRO DE TOLEDO); 1º TENENTE PM PAULO CÉSAR SANCHEZ (PEDRO DE TOLEDO); 1º TENENTE PM AILTON ANTÔNIO DA SILVA (PEDRO DE TOLEDO); 1º TENENTE PM ANDERSON KÜHL DE OLIVEIRA (PEDRO DE TOLEDO); 1º TENENTE PM ANTÔNIO APARECIDO ALVES DA CUNHA (PEDRO DE TOLEDO); 1º TENENTE PM ANILSON DOS SANTOS MEDEIROS (PEDRO DE TOLEDO); 1º SARGENTO PM SEBASTIÃO DONIZETE RAIME FAIANI (CONSTITUCIONALISTA); 1º SARGENTO PM JOÃO MAURO ZAMBOM (MMDC); 1º SARGENTO PM JOSÉ CÂNDIDO FERREIRA NETO (MMDC); 2º SARGENTO PM DENILSON DA SILVA ROQUE (CONSTITUCIONALISTA); 2º SARGENTO PM EZEQUIEL AREIAS DOS SANTOS SOARES (MMDC); 2º SARGENTO PM CLÓVIS BEZERRA DA SILVA (CONSTITUCIONALISTA); 3º SARGENTO PM CARLOS APARECIDO ALVES DA CUNHA (MMDC); 3º SARGENTO PM ALISSON RODRIGUES BARBOSA DA COSTA (MMDC); CABO PM ROSEMEIRE BORGES SESZTAK (CONSTITUCIONALISTA); SOLDADO PM CELSO JOSÉ DE OLIVEIRA (CONSTITUCIONALISTA); SOLDADO PM WELLINGTON GONÇALVES OLIVEIRA (CONSTITUCIONALISTA); e SOLDADO PM KELY CRISTINA LENZI (MMDC).
A solenidade se encerra com um desfile de todos os alunos soldados, dando-se um exemplar fecho ao evento desta manhã.
Ainda permanecemos alguns momentos na ESCOLA SUPERIOR DE SOLDADOS, inclusive dando uma entrevista para a TV CANÇÃO NOVA.
O CORONEL PM MENDES vem comigo até a Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Estudamos alguns detalhes para a cerimônia dos 59 anos da Sociedade e da Assembléia Geral Eleitoral, presidida pelo MENDES, que em 8 de julho dará posse aos dirigentes da Sociedade para o biênio 2013-2015.
Muitos telefonemas nesta tarde. A RECORD informa que GERALDO DIAS, do BALANÇO GERAL fará a reprise daquela reportagem sobre o Monumento Mausoléu, feita há alguns meses, mas que se torna atualíssima nos dias de hoje, mesmo porque o restauro ainda não foi iniciado.
Ainda com muita coisa para fazer em casa, com relação a contatos com associados, retorno para GUARULHOS. Telefono para ALDO STRUFFALDI e GEORGE TRAJANO, os secretários da Assembléia Geral Eleitoral, que confirmam suas presenças em 8 de Julho na sede da Sociedade.

O presidente do Núcleo de Correspondência de SÃO PEDRO, JOÃO FRANCISCO DE AGUIAR, manda-me, para conhecimento:
Prezado prof
Os administradores da UNINOVE foram muito felizes ao adotarem esse nome, pois assim têm celebrado a Revolução Constitucionalista de 1932. Nesse momento por que passa nosso país os valores democráticos conquistados em 1932 revestem-se de especial importância.
No final do curso que dei no semestre que se encerrou, na unidade do Memorial, prédio 9, sala 421 (Matemática Financeira para Economia, Coordenador prof Roberto Bacci)), já com a matéria encerrada, falei rapidamente aos alunos sobre o porque do nome adotado pela UNINOVE e recebi uma forte manifestação de alegria, mostrando satisfação por estudarem nesta universidade.
Coloco-me a disposição para junto com o Coronel Mário Fonseca Ventura planejar a realização de palestras para os ingressantes da UNINOVE falando sobre o significado das três datas constitucionalistas a saber:
- 23/05/1932 - data da morte dos heróis Martins, Miragaia, Drausio e Camargo e criação da sociedade secreta MMDC
-09/07/1932 - data de início dos combates
-02/10/1032 - data de fim dos combates com rendição das tropas paulistas Joao Francisco de Aguiar
- Filho do soldado constitucionalista e ex-combatente Sebastião de Azevedo Aguiar ( São Pedro- SP)
- membro da sociedade de Veteranos de 1932
- Presidente do Núcleo de correspondência MMDC São Pedro (http://mmdcsaopedro.blogspot.com.br)
Detentor de três medalhas, que podem ser mostradas aos alunos, pela contribuições a divulgação da revolução de 1932
a) Medalha da Constituição (a ser recebida no próximo 09/07/2013 na Assembleia Legislativa do Estado de SPaulo)
b) Medalha MMDC ( recebida em maio de 2013)
c) Medalha do Mérito Constitucionalista Núcleo Leste (recebida em Abril de 2013)
Copio o Coronel Ventura, Presidente da Sociedade de Veteranos de 1932
Atenciosametne
prof Joao Francisco de Aguiar
matricula 011393.

De: Antonio Marcos Vivan
Enviado: sexta-feira, 14 de junho de 2013 16:38
Para: Luis Fernando Varotto
Assunto: Abertura inscrições do X Encontro de Iniciação Científica e VII Seminário Nacional de Pesquisa
Caro professor,
É com satisfação que informamos o início das inscrições para o X Encontro de Iniciação Científica e VII Seminário Nacional de Pesquisa de nossa Instituição.
http://www.uninove.br/marketing/x_encontro/
Aproveite para encaminhar os trabalhos de pesquisa desenvolvidos para garantirmos o sucesso do evento.
Contamos com a sua participação.
Abraços e o desejo de um ótimo final de semana.
Prof. Vivan Prof. Varotto

NEYMAR passou hoje por cirurgia para retirada das amigdalas e correção do desvio do septo nasal. O procedimento aconteceu no RIO DE JANEIRO, sob supervisão do cirurgião AUGUSTO CÉSAR, que faz parte do departamento médico da CBF. O atacante deve receber alta apenas amanhã e, de acordo com o BARCELONA, o prazo de recuperação é de dez dias. A operação faz parte do planejamento da equipe espanhola para que o jogador ganhe massa muscular. A meta é a de que engorde cinco quilos para suportar o futebol europeu.

SEBASTIAN VETTEL, líder do MUNDIAL de F-1, foi o mais rápido na segunda sessão de treinos livres em NURBURGRING, na ALEMANHA. A marca do piloto da RED BULL mostrou a hegemonia da escuderia na tomada de tempos. O companheiro de equipe dele, MARK WEBBER, ficou em terceiro. Entre eles, esteve apenas NICO ROSBERG, da MERCEDES. FELIPE MASSA refletiu a dificuldade encontrada pela FERRARI para andar junto com os líderes. O brasileiro foi o sétimo colocado na classificação.    
  
Um homem morreu atropelado por um trem na Estação LUZ da CPTM, no final da tarde. De acordo com testemunhas que estavam na estação no momento do acidente, a vítima, que ainda não foi identificada, caiu nos trilhos após o empurrra-empurra para embarcar na estação. Segundo a CPTM, uma testemunha disse que viu um homem subir no estribo de uma das portas de um trem que chegava à Estação da LUZ, antes que o mesmo completasse a parada, o que provocou um desequilíbrio e a queda nos trilhos. O Corpo de Bombeiros chegou a socorrer a vitima, mas ela não resistiu aos ferimentos. O caso será investigado pela CPTM. Segundo nota oficial da companhia, “a equipe de segurança está apurando os fatos internamente e colaborando com a investigação policial”, até o momento em que for necessário. A comunicação oficial também traz um alerta para os usuários: “A CPTM ressalta a necessidade de os usuários respeitarem os limites da faixa amarela, nas plataformas, para garantir sua segurança pessoal”. Devido ao acidente, os trens circularam por um período com velocidade reduzida e com maior intervalo.

O seqüestro de um gerente de agência bancária e da família dele terminou em perseguição nesta manhã nas cidades de PINHALZINHO, PEDRA BELA e BRAGANÇA PAULISTA. A família foi abandonada na Rodovia FERNÃO DIAS sem ferimentos. Durante a perseguição, um dos carros, com quatro suspeitos da tentativa de assalto, capotou e os ocupantes chegaram a disparar tiros de fuzil contra o carro da polícia. O suspeito CARLOS EDUARDO COSTA morreu no acidente e AGNALDO RIBEIRO foi preso. Os outros dois conseguiram fugir.

Um cliente foi esfaqueado em frente ao supermercado, em JUNDIAÍ, onde fazia compras com a irmã, ontem à noite. A vítima deixou a irmã no mercado e saiu para fumar, quando foi atacada. Segundo a polícia, o homem recebeu vários golpes e está internado no Hospital SÃO VICENTE em observação. Não havia previsão de alta. O agressor seria um funcionário do supermercado, mas a polícia não havia conseguido identificá-lo.

Mais uma tragédia no lar da estudante RITCHIELI PEDROSO LUCAS, 19 anos, última sobrevivente do incêndio da boate KISS a receber alta médica, aconteceu ontem à noite. A mãe da garota, SANDRA MEDIANEIRA PEDROSO LUCAS, de 50 anos, faleceu vítima de um câncer dois dias após a filha deixar o hospital. SANDRA também era mãe de DRIELE PEDROSO LUCAS, 23 anos, uma das 242 pessoas mortas em conseqüência do incêndio na boate, ocorrido em 27 de janeiro.

A greve dos caminhoneiros, entre os dias 1º e 4 de julho, resultou em 92 interdições em rodovias federais e estaduais em dez estados, segundo balanço da Polícia Rodoviária Federal. Vinte e sete pessoas foram presas durante as manifestações. No RIO GRANDE DO SUL, um dos Estados mais atingidos pelas paralisações, a PRF contabilizou 35 bloqueios em sete rodovias. A assessoria da PRF do RIO GRANDE DO SUL informou que 50 caminhões e duas viaturas da polícia rodoviária foram apedrejados e dez manifestantes foram presos por desobediência e formação de quadrilha. Um caminhoneiro de 44 anos foi morto na noite de quarta-feira, dia 3, ao ser atingido por uma pedra. A categoria reivindica redução nos custos dos transportes, com subsídio no preço do óleo diesel, isenção do pagamento de pedágios para caminhões, entre outros.

Natural de CASA BRANCA, no interior paulista, o radialista GERALDO MEIRELLES veio para a capital na década de 1940. Trabalhou como vendedor, jornaleiro e motorista, mas foi nas rádios que encontrou sua verdadeira vocação. Em 1947, fez radioteatro com LULU BENENCASE. Dez anos depois, ia ao ar seu programa “RANCHO DA AMIZADE”, na Rádio NOVE DE JULHO. O programa ficou no ar por 20 anos, até a emissora ser fechada pela ditadura militar. Em 1962, passou a apresentar na TV CULTURA o programa “CANTA VIOLA”, o primeiro do gênero a ter mais de uma hora de duração. O radialista teve passagens pelas TVs BANDEIRANTES, RECORD e TUPI, NACIONAL e APARECIDA DO NORTE. Foi GERALDO quem sugeriu o nome CHITÃOZINHO e XORORÓ aos então dois jovens cantores paranaenses. A idéia veio de uma canção justamente com esse nome, composta por ATHOS CAMPOS, que foi seu cunhado. Carinhosamente chamado de MARECHAL DA MÚSICA SERTANEJA, GERALDO morreu nesta sexta-feira, aos 87 anos (nasceu em fevereiro de 1926). Ele sofria de diabetes e teve falência múltipla dos órgãos. Dentre suas composições estão “POEMA SERTANEJO”, “CARROSSEL DA VIDA” e “PALAVRAS DE AMOR E FÉ”. 

Um abaixo assinado circula deste o dia 3 de julho pelo LEBLON, na zona sul do RIO, pedindo a saída do governador SÉRGIO CABRAL do bairro. O documento foi divulgado um dia antes de um protesto terminar em confronto entre policiais e manifestantes. De acordo com a moradora CYNTHIA CLARK, autora do texto, a presença de CABRAL causa transtornos substanciais aos moradores da região. O abaixo-assinado não é unanimidade no bairro. Alguns porteiros se recusaram a receber o documento e outros moradores alegam que a presença constante da polícia traz maior sensação de segurança.     

O jornalista PAULO HENRIQUE AMORIM foi condenado por crime de injúria racial pela Terceira Turma Criminal do Tribunal de Justiça do DISTRITO FEDERAL. A pena era fixada em um ano e oito meses de prisão, mas foi substituída por restrição de direitos. A decisão foi tomada no dia 20 de junho e publicada na quarta-feira, dia 3 de julho. A defesa do jornalista vai recorrer. Em 2009, PAULO HENRIQUE publicou no site CONVERSA AFIADA que o jornalista da TV GLOBO HERALDO PEREIRA era “negro de alma branca” e não conseguia revelar nada além de ser “negro e de origem humilde”.  

Depois de dizer ontem que não iria devolver os custos da viagem, em voo da FAB que fez de MACEIÓ (AL) a PORTO SEGURO (BA) par ir a um casamento, o presidente do Senado, RENAN CALHEIROS, voltou atrás hoje e afirmou que vai ressarcir o dinheiro (R$32 mil) aos cofres públicos. RENAN, por meio de nota assinada pelo Senado, se disse “sensível à nova agenda e aos novos tempos” e acrescentou que vai acionar o Conselho de Transparência do Senado para definição de regras claras no uso dos voos da FAB, que são requisitados por autoridades em viagens”.  

Cortes de até R$15 bilhões, envolvendo principalmente despesas de custeio, informou hoje o ministro da Fazenda, GUIDO MANTEGA, em entrevista ao programa “BOM DIA BRASIL”, da TV GLOBO. Não haverá cortes em investimento nem nos serviços sociais do governo. Segundo o ministro, os cortes ocorrerão em viagens e passagens, material permanente, serviços de terceiros e aluguéis. Hoje pela manhã, ao chegar ao Ministério da Fazenda, MANTEGA não quis falar com os jornalistas sobre o assunto. De acordo com o Ministro, o governo acompanhará o impacto dos cortes ao longo do ano. Se houver necessidade, novos cortes – mas não aumento de impostos – serão feitos. MANTEGA disse que o importante é cumprir a meta de 2,3% de superávit primário. 

O PAPA FRANCISCO acelerou a canonização de JOÃO PAULO 2º ao aprovar um segundo milagre atribuído ao pontífice polonês. Além disso, FRANCISCO decidiu santificar JOÃO 23, embora não tenha sido constatado um segundo milagre de sua intercessão. De acordo com informações do VATICANO, o papa aprovou um decreto de canonização hoje. A cerimônia de canonização está prevista para antes do final do ano. Foi mencionada a data de 8 de dezembro como uma das possibilidades, quando se celebra o Dia da IMACULADA CONCEIÇÃO, um importante feriado católico. Na terça-feira, uma reunião de cardeais e bispos da Congregação para as Causas dos Santos aprovou o segundo milagre relacionado ao polonês KAROL WOJTYLA. FRANCISCO divulgou hoje sua primeira encíclica, com uma mensagem sobre a importância da fé cristã, mostrando que ele não pretende romper radicalmente com a posição doutrinária de seu antecessor, BENTO 16. A encíclica “LUZ DA FÉ” deveria ser parte de uma série de JOSEPH RATZINGER sobre as virtudes teológicas, somando-se a textos anteriores sobre o amor e a esperança, mas acabou não sendo concluída antes de sua renúncia, em fevereiro. FRANCISCO reconheceu ter apenas acrescentado algumas contribuições ao trabalho que BENTO 16 deixara inacabado. É a primeira encíclica da historia escrita por dois papas.

Os confrontos entre manifestantes a favor do presidente deposto, MAHAMED MURSI, e o Exército deixaram ao menos 29 mortos e mais de 400 feridos em todo o EGITO hoje. Três pessoas morreram em um tiroteio no CAIRO, onde centenas de milhares de manifestantes atenderam ao apelo feito pela IRMANDADE MUÇULMANA para um ato de repúdio ao golpe que derrubou MURSI na quarta-feira, dia 3 de julho.

O presidente venezuelano, NICOLÁS MADURO, disse hoje que decidiu oferecer asilo humanitário ao ex-agente da CIA EDWARD SNOWDEN. “Como Chefe de Estado e de governo da República Bolivariana da VENEZUELA, decidi oferecer asilo humanitário ao jovem para que, na pátria de BOLÍVAR e de CHÁVEZ, possa vir a viver livre da perseguição imperial norte-americana”, afirmou MADURO.   

2 014     :     -     SÁBADO
PREZADO ISIDORO
AO ABRIR MINHA CAIXA DE MENSAGENS, NESTE SÁBADO, DEPARO COM SUA CARTA.
ESTAMOS COMEMORANDO OS 82 ANOS DO MOVIMENTO CONSTITUCIONALISTA E ONTEM TERMINEI A LEITURA DE "SÃO PAULO - 1924", DO ESCRITOR CELSO LUIZ PINHO.
CONVIDO-O PARA A SOLENIDADE DE 9 DE JULHO DE 2014, ÀS 9 HORAS, NA ACADEMIA MILITAR DO BARRO BRANCO - AVENIDA ÁGUA FRIA, 1923 - BAIRRO DO TUCURUVI.
ACREDITO QUE A "CIGARREIRA" E AS PLATINAS DO GENERAL ISIDORO DADAS PARA SEU AVÔ FICARIAM BEM NO MUSEU DO NOSSO NÚCLEO "CADETE RUYTEMBERG ROCHA", QUE FOI CRIADO EM 2009, NA APMBB.
OS FUTUROS OFICIAIS DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO PASSARIAM A TER ACESSO A ESSAS PEÇAS E CONHECERIAM MELHOR A FIGURA IMPOLUTA DO GENERAL ISIDORO DIAS LOPES NO CONTEXTO DA NOSSA HISTÓRIA.
LEMBREMOS QUE FOI NA DATA DE HOJE - 5 DE JULHO - HÁ 90 ANOS ATRÁS, QUE ISIDORO DIAS LOPES DEFLAGROU, EM SÃO PAULO, A REVOLUÇÃO DE 1924. ANTES, EM 1922, TAMBÉM NUM 5 DE JULHO, ACONTECEU A "REVOLTA DO FORTE DE COPACABANA".
PARA SE ENTENDER A CONTRA-REVOLUÇÃO DE 1932, ONDE O GENERAL ISIDORO DIAS LOPES TEVE PAPEL ATUANTE, PRECISAMOS BUSCAR NOS ACONTECIMENTOS ANTERIORES A MOTIVAÇÃO PARA A EPOPÉIA DE 32.
ESTOU COLOCANDO A SUA CARTA EM MEU BLOG, QUE HOJE ESTÁ ATINGINDO 996.213 LEITURAS,
PARA CONHECIMENTO DE NOSSOS ASSOCIADOS E AMIGOS. VALE A PENA CONHECER ESSE EPISÓDIO DE SUA FAMÍLIA.
CLIQUE EM 
PARA VISUALIZAR O BLOG.
NA SEMANA QUE VEM ESTAREI NO MMDC NA PARTE DA TARDE. CASO QUEIRA ME VISITAR À RUA ANITA GARIBALDI, 25, NO CENTRO DE SÃO PAULO (ENCOSTADO AOS BOMBEIROS DA PRAÇA DA SÉ) FICAREI EXTREMAMENTE GRATIFICADO EM MINHA LUTA PELA CONSERVAÇÃO DOS FEITOS E FATOS DE 1932. 
Prezado Coronel PM
Mario Fonseca Ventura,
DD Presidente da Sociedade Veteranos de 32-MMDC
Muito me honra e engrandece, fazer-me chegar através deste email, a presença, mesmo que virtual, de tão insigne personagem, preocupado, acima de tudo e de todos, a divulgar, esclarecer e fazer perpetuar, as lições de civilidade, patriotismo e família, dos bravos Heróis do Movimento Constitucionalista de 32.
Me permita, prezado Coronel Ventura, divagar de forma rápida, o porque deste contato.
Meu nome: Isidoro Pacheco do Prado Filho,
Profissão: Policial Civil pela SSP/SP (Investigador de Polícia), aposentado depois de mais de 40 anos de efetivo exercício, sem nenhuma mácula em meu prontuário.
Filiação: Izidoro Pacheco do Prado, Policial e Professor Aposentado, da cadeira de Balística Forense, Armas e Munições, da Academia de Polícia de SP desde a década de 60, e diga-se de passagem, nos seus 82 anos, o único membro com título efetivo, ainda vivo, do corpo docente da antiga Escola de Polícia.
Avô Paterno: José Rodrigues do Prado Filho,

Ferroviário e político, exerceu o cargo de Prefeito de Cachoeira Paulista, no Vale do Paraíba, em 1935, a convite do interventor de São Paulo, Dr. Armando de Salles Oliveira.
 Naquele mesmo ano, o Largo da cadeia antiga que ficava em um local todo de terra pura e arenosa recebeu do Sr. Prado Filho um belo jardim todo florido, belos canteiros, ruas bem largas e espaçosas, a gosto do povo, que muito o aplaudiu; nos fundos desse jardim, achava-se a cadeia velha, com o Fórum, e do outro lado, a Capela de São Sebastião, já com sua frente para este Largo.
O Prefeito, para inaugurar a Praça da Independência, convidou seu amigo particular, General Isidoro Dias Lopes, Herói de Revolução de 1932. "CONSIDERAÇÕES EM TORNO DO MONUMENTO DA PRAÇA":http://oslorenas.blogspot.com.br/2010/01/consideracoes-em-torno-do-monumento-da.html.

,

Nesse mesmo ano, convida o amigo General Isidoro, para ser padrinho de batismo de meu Pai, dando ao, o nome do General.

Em 1953, o Sr. Mário Pacheco Filho, como Presidente da Câmara, e o Prefeito Geraldo Francisco dos Santos, mudaram o nome para Praça Prefeito Prado Filho, denominação atual.


Nesse breve relato, apenas dei testemunho e ilustrei de forma sucinta, a grande amizade nutrida pelo meu saudoso Avô Prado Filho e o Gal. Isidoro, para solicitar sua orientação no que se segue:
O Gal. Isidoro, presenteou meu Avô, com sua "Cigarreira", em ouro e platina, datada de 03 de agosto de 1918, ganha em tempos idos dos Oficiais do 13º Batalhão de Infantaria, sediado em Porto Alegre, quando ainda Coronel, e futuro chefe militar do levante tenentista ocorrido em São Paulo em 1924.
Meu Avô, deu a meu Pai Isidoro, e meu Pai, a mim Isidoro Prado Filho.
Isto posto, gostaria que mais pessoas tivessem acesso a este documento histórico, solicitando seus préstimos, no sentido de orientar como proceder para fazer chegar as suas mãos e inseri-la definitivamente no acervo do Museu da Sociedade Veteranos de 32 - MMDC, caso seja de seu interesse.
Atenciosamente,
Isidoro Prado Filho

A vitória do Brasil sobre a Colômbia saiu caríssima. Simplesmente perdemos Neymar, o único jogador diferenciado do Brasil. Neymar foi vítima de uma entrada criminosa de Zuñiga, aos 40′ do segundo tempo. Sequer foi punido com cartão amarelo. A Fifa, que tratou Luis Suárez com tanta severidade, vai fazer alguma coisa? Veremos.
Quanto ao jogo, acho que o Brasil mostrou seu melhor futebol da Copa durante o primeiro tempo. Merecia sair com o placar mais dilatado que o 1 a 0 conquistado com gol de Thiago Silva, na cobrança de um escanteio. Foi bom para o ego do jogador, cuja liderança havia sido colocada em dúvida por causa do choro sentado na bola antes da cobrança dos pênaltis no jogo contra o Chile.
No segundo ampliamos com extraordinária cobrança de falta por David Luiz, mas o Brasil acabou aceitando a pressão dos colombianos, tomou o primeiro gol e passou aperto no final. O time ainda apresenta fases instáveis ao longo da partida. Mas jogou com raça, determinação e parece consolidado como uma equipe unida. Isso conta. O que não se esperava era essa contusão de Neymar. Tudo ficou mais complicado agora.
Ainda mais se pensarmos no jogo da Alemanha contra a França. Ora, foi apenas 1 a 0, mas o placar é meio enganoso. A Alemanha marcou cedo e administrou o jogo com frieza exemplar. A França parecia meio anestesiada, mas era a marcação perfeita que não a deixava respirar. Quase no final, teve uma chance com Benzema, defendida pelo ótimo goleiro Neuer.
Enfim, vai ser um sufoco na terça-feira. Mais um, mas agora contra um cachorro grande, com três títulos mundiais no currículo e uma equipe que joga por música. E que sabe administrar um resultado como nenhuma outra.
Daqui para a frente será só no sofrimento e na raça. Se o Brasil jogar com o coração, ainda poderá aspirar a alguma coisa. Senão…
Agora, é profundamente lamentável  que a violência tenha alijado da Copa um dos seus grandes craques. Insisto: estou esperando que a tão rigorosa Fifa faça alguma coisa, ou pelo menos diga algo. Até agora não ouvi nada. E esse silêncio é ensurdecedor.

GONZALO HIGUAÍN ainda não havia marcado nenhum gol em quatro partidas deste MUNDIAL. Sua presença entre os titulares já era questionada por torcida, imprensa e ninguém menos do que MARADONA. Hoje, o camisa 9 desencantou e devolveu ao país a sensação de disputar uma semifinal da COPA: a última fora na edição de 1990, na ITÁLIA.
Com um gol logo aos 7 minutos do jogo diante da BÉLGICA, no MANÉ GARRINCHA, em BRASÍLIA, e atuação destacada – foi eleito o melhor do duelo pela FIFA – o atacante do NAPOLI-ITA conseguiu ofuscar até LIONEL MESSI. “Esse grupo merece isso. Estou feliz, chegou o momento importante. Não tenho palavras para falar dessa equipe”, disse.
Um bom exemplo para outro camisa 9 em situação parecida na COPA: FRED, que, apesar de já ter balançado a rede uma vez no torneio, continua devendo.
Assim como o brasileiro, HIGUAÍN vinha irritando os argentinos por conta da pouca mobilidade e da dificuldade em reter a bola na frente. Hoje, correu quase 9 km durante o jogo, desarmou e, fora o gol, criou outra chance clara, quando enfiou a bola entre as pernas do zagueiro KOMPANY e soltou a bomba no travessão do goleiro COURTOIS.
Bem que o nosso 9 poderia repetir o enredo nesta terça-feira, contra os alemães.
A festa argentina na capital federal só não foi completa porque o atacante DE MARÍA precisou sair ainda aos 33 da etapa inicial, quando sentiu uma fisgada na coxa direita. Ele está fora da COPA.
O técnico ALEJANDRO SABELLA precisou mexer e colocou PEREZ. Mas ele já havia mudado a cara do time logo na escalação. Apostou no experiente DEMICHELIS, de 33 anos, no lugar de FERNANDEZ, para compor a zaga com GARAY. No meio, sacou GAGO e colocou BIGLIA. A ARGENTINA parece ter encorpado em relação às partidas anteriores.
“Foi um jogo excelente, que pudemos controlar e apresentar equilíbrio do início ao fim”, analisou SABELLA. Cirurgicamente, os “hermanos” praticamente não deixaram os belgas jogarem. Mesmo com gente talentosa do naipe de HAZARD – pior da seleção europeia – FELLAINI e MIRALLAS, a única alternativa que restou aos DIABOS VERMELHOS foi o jogo aéreo.Assim nasceram as duas únicas oportunidades de gol do adversário.
Com moral e quebrado o jejum de 24 anos, a ARGENTINA ganha confiança para encarar os holandeses, quarta, no ITAQUERÃO. E, agora, com uma camisa 9 para dividir a conta com MESSI.

Deixando a eterna rivalidade de lado, os argentinos lamentaram bastante a ausência de NEYMAR no restante da COPA DO MUNDO.
A solidariedade ao craque da seleção brasileira começou fora do MANÉ GARRINCHA. Torcedores levaram uma bandeira com a frase “FUERZA NEYMAR” – a hashtag foi a mais utilizada pelos “hermanos” no TWITTER logo após a confirmação da fratura do atacante, sexta, depois do jogo com a COLÔMBIA.
Dentro do estádio, puxados pelos brasileiros, gritos de “olé, olé, olé, olé...NEYMAR, NEYMAR” ecoaram em alguns momentos do confronto.ç
Jogadores de BÉLGICA e ARGENTINA também se solidarizaram com o colega. “Temos de pensar que ele é jovem e terá muitas outras oportunidades. Poderá disputar outras COPAS. Espero que se recupere bem”, falou MESSI, colega de NEYMAR no BARCELONA.
“Quando eu vi ele saindo do campo, imaginei que seria mesmo algo mais sério. Para a COPA DO MUNDO e para o BRASIL, não é nada bom ele estar fora”, disse o goleiro belga COURTOIS.

A COSTA RICA vendeu muito caro o lugar da HOLANDA na semifinal da COPA. Na FONTE NOVA, os europeus precisaram dos pênaltis para despachar os TICOS, por 4 a 3, após o empate sem gols no tempo normal e na prorrogação. Nesta quarta-feira, dia 9, enfrentam a ARGENTINA, às 17 horas, no ITAQUERÃO, para definir quem vai disputar o título contra o vencedor de BRASIL e ARGENTINA.
Parte do sucesso laranja passou pelas mãos de LOUIS VAN GAAL, que mostrou ser bom estrategista. O técnico tirou o goleiro titular CILLESSEN no fim da prorrogação e pôs KRULL só para pegar pênaltis. Pois o reserva segurou as batidas de RUIZ e UMAÑA e garantiu a vaga.
Assim que a substituição foi feita, o clima pesou. CILLESSEN saiu irado, chutando as garrafas d´água. Depois, ignorou o técnico quando lhe estendeu a mão antes das cobranças.
Após os pênaltis, porém, foi comemorar o triunfo de KRUL. No tempo normal, os TICOS entraram em campo apostando nos contra-ataques. O técnico JORGE LUÍS PINTO fechou os espaços com a defesa e confiou no talento do arqueiro NAVAS para segurar o zero no placar.
Mesmo com mais posse de bola (62%), a HOLANDA teve dificuldade para se impor. Na primeira chance, VAN PERSIE arriscou, mas NAVAS fez grande defesa. SNEIJDER pegou o rebote, mas o goleirão voltou a brilhar. DEPAY, pela esquerda, e SNEIJDER, em cobrança de falta, quase marcaram. Mas NAVAS, sempre ele, estava lá para segurar.
Favorita, a HOLANDA só voltou a assustar nos últimos dez minutos da etapa final. E perdeu chances incríveis. Em ótimo cruzamento de SNEIJDER, VAN PERSIE errou o chute. O camisa 9 ainda cobrou uma falta na entrada da grande área que NAVAS não deixou passar.
Já nos acréscimos, tumulto na área costa-riquenha. NAVAS saiu para defender chute de VAN PERSIE. No rebote, BLIND cruzou. A bola passou por DE VRIJ e KUYT e foi o camisa 9 quem bateu. No sufoco, TEJEDA salvou em cima da linha – a bola ainda bateu no travessão antes de sair.
Na prorrogação, UREÑA bateu forte e CILLESSEN defendeu. No último minuto, a HOLANDA quase resolveu tudo no chute de SNEIJDER, que outra vez parou no travessão. Mas a vaga veio mesmo nas penalidades.

Após sofrer uma parada cardiorrespiratória o ex-jogador argentino ALFREDO DI STEFANO foi internado hoje em um hospital em MADRI. De acordo com a imprensa espanhola, o estado de saúde dele é muito grave. Considerado um dos melhores jogadores da história, DI STEFANO é presidente de honra do REAL MADRID e completou 88 anos na última sexta-feira.

A tcheca PETRA KVITOVA não tomou conhecimento da canadense EUGENIE BOUCHARD na final de WIMBLEDON. Sem dificuldades, KVITOVA precisou de apenas 55 minutos para vencer o jogo, por 2 sets a zero. Com o resultado, KVITOVA ganhou oito posições no ranking mundial e assumiu a quarta colocação. Amanhã, na final masculina, o sérvio NOVAK DJOKOVIC enfrentará o suíço ROGER FEDERER.

FELIPE MASSA ficou revoltado com a estratégia da WILLIAMS no treino de classificação para o GP DA INGLATERRA de F-1. A equipe inglesa esperou muito para mandar os carros para a pista e começou a chover quando o brasileiro entrou. Assim, ele não passou do Q1 (primeira parte da sessão de classificação) e vai largar apenas em 15º, amanhã, às 9 horas (de BRASÍLIA). A Pole Position da INGLATERRA ficou com NICO ROSBERG. O alemão da MERCEDES fez a volta mais rápida quando o cronômetro já estava zerado e deixou o compatriota SEBASTIAN VETTEL, da RED BULL, em segundo lugar. Apesar da frustração pelo treino de classificação, o GP DA INGLATERRA ficará na história de MASSA. O brasileiro completará amanhã a marca de 200 corridas como piloto de FÓRMULA 1.
A classificação em SILVERSTONE também foi péssima para a FERRARI. O espanhol FERNANDO ALONSO sairá em 17º e o finlandês KIMI RAIKKONEN em décimo-oitavo.

Um casal foi morto durante um assalto à residência deles na noite de ontem, na Estrada da LAGOA MONTE SERRAT, em ITAPEVI, na GRANDE SÃO PAULO, por volta das 21:30 horas. O caseiro foi avisado por vizinhos e tentou intervir, mas foi ameaçado por um criminoso e trancado em uma dispensa. O funcionário conseguiu se libertar e ficou escondido na casa de um amigo até não ouvir mais movimentação estranha na casa. Os dois voltaram até a residência e encontraram o empresário FRANCISCO MIGUEL SILVA, de 66 anos, e sua esposa, GILDETE CARVALHO DE MELO, de  anos, baleados no chão. FRANCISCO ainda estava vivo, mas não resistiu até a chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU. O veículo das vítimas foi usado na fuga, mas já foi localizado pela polícia. Porém, até esta noite ninguém havia sido preso.

O professor EDSON FERREIRA, de 43 anos, foi encontrado morto a facadas na noite de ontem em sua casa, em TABOÃO DA SERRA, na GRANDE SÃO PAULO. O marido de sua sobrinha estranhou o fato de a casa estar trancada e pulou o muro. Ao ver o corpo de ÉDSON, chamou a Polícia Militar. Segundo a sobrinha, a vítima namorava um homem desconhecido, que seria ligado ao crime organizado. O sangue de ÉDSON já estava coagulado, o que indica que a morte aconteceu havia alguns dias. A PM encontrou a casa revirada, como se o suspeito estivesse procurando alguma coisa. Há seis meses ÉDSON havia sido agredido e ameaçado por um ex-namorado. 

DIA  5 DE JULHO DE 2015:    -    DOMINGO
 Muito trabalho neste domingo em minha biblioteca. Procuro colocar em dia minhas memórias, os eventos da semana que vem estão exigindo desdobramentos, face telefonemas que recebo durante o dia. na segunda-feira, dia 6, teremos muita coisa para fazer.
Telefono para o desembargador ROBERTO ANTÔNIO VALLIM BELLOCCHI  para confirmar sua presença no dia 7, no Obelisco, a fim de receber o COLAR DA VITÓRIA pelo seu grande apoio que já deu à Sociedade Veteranos de 32-MMDC, principalmente quando ocupou o cargo de Presidente do Tribunal de Justiça.        
Procuro telefonar para o CORONEL PM ALBINO CARLOS PAZELLI, que ontem aniversariou. Não consigo. Apenas deixo recado.
Pelo Whatts App, o SUBTENENTE GEORGE TRAJANO recebeu uma mensagem enviada pelo MAJOR PM PAULO CÉSAR, da equipe do VEREADOR NELO RODOLFO. O Senhor CELSO MEIRA recebeu a Medalha DRÁUSIO no dia 28 de junho e quer proporcionar a entrega da medalha para algumas pessoas que não receberam naquela oportunidade: JOÃO FAVARI, MARCELO GARCIA e pai, os dois irmãos CANTO e um outro amigo do CELSO. Acontece que a data seria na quarta-feira, dia 8, quando irei para CAPÃO BONITO. Vou aguardar nova comunicação.

Apesar da sensação térmica de 9 graus no MORUMBI, o clima continua quente no SÃO PAULO. Hoje, em casa, o TRICOLOR não conseguiu sair do empate por 0 a 0 com o FLUMINENSE e completou uma sequência de quatro partidas sem vitória no BRASILEIRÃO.
Para quem não vence o GOIÁS no SERRA DOURADA desde 2001, em Campeonatos Brasileiros, pensar que o CORINTHIANS saiu do estádio, hoje, com 0 a 0 pode até soar como um resultado satisfatório. Até poderia. Mas, pelas circunstâncias da partida, dá para dizer que o time de TITE não conquistou um ponto, mas, sim, perdeu dois.
O Campeonato Brasileiro tem um novo líder. O ATLÉTICO MINEIRO não tomou conhecimento do INTERNACIONAL hoje, em pleno BEIRA-RIO, e venceu o rival, por 3 a 1. Com o resultado, chegou à ponta do nacional com 23 pontos, ao lado de GRÊMIO e do SPORT - leva vantagem nos critérios de desempate.
Outro mandante que foi surpreendido hoje foi o FLAMENGO. A equipe carioca saiu na frente do FIGUEIRENSE, com um gol de ALAN PATRICK, mas depois sofreu a virada, por 2 a 1, com tentos de RICARDINHO e FABINHO. O RUBRO-NEGRO se mantêm com dez pontos, na 15ª colocação, enquanto catarinenses chegaram ao 11º lugar, com 15.
Ainda hoje, o SPORT viu a liderança escapar ao empatar por 2 a 2 com o AVAÍ, na RESSACADA. Com o resultado, o time pernambucano caiu para a 3ª posição, com 23. Apesar de ter a mesma pontuação de ATLÉTICO MINEIRO e GRÊMIO leva desvantagem no primeiro critério de desempate, o número de vitórias.
O árbitro levantou o braço e sinalizou para GEUVÂNIO entrar em campo, após receber atendimento médico. O atacante não só obedeceu, como roubou a bola do adversário e saiu em disparada para o gol. Então, o juiz paralisou o jogo, negou que tenha autorizado a volta, mostrou o segundo cartão amarelo e expulsou o santista, aos 28 minutos do primeiro tempo. Parece loucura, mas aconteceu hoje na derrota do SANTOS por 3 a 1 para o GRÊMIO, na VILA. "Foi um lance crucial, que matou a nossa equipe", resumiu o técnico MARCELO FERNANDES. E foi mesmo. Com o resultado, o PEIXE entrou na zona de rebaixamento do BRASILEIRO pela primeira vez neste ano.
O PALMEIRAS engatou a terceira marcha no Campeonato Brasileiro. Após levar a melhor sobre SÃO PAULO e CHAPECOENSE, o ALVIVERDE derrotou a PONTE PRETA por 2 a 0, hoje, na ARENA PANTANAL. Acelerado, o clube do PALESTRA ITÁLIA ultrapassou três adversários na tabela de classificação e terminou a rodada na sétima colocação, apenas três pontos atrás do FLUMINENSE, último time na zona de classificação da COPA LIBERTADORES.

FELIPE MASSA teve a chance de vencer na Fórmula ! depois de sete anos. Liderou o GP DE SILVERSTONE por 20 voltas, mas a WILLIAMS errou duas vezes na hora de chamá-lo para os boxes. O inglês LEWIS HAMILTON assumiu a ponta e venceu diante de seus compatriotas. O brasileiro chegou em quarto. Visivelmente decepcionado por deixar a ponta escapar, o paulista lamentou a estratégia da equipe, que comprometeu a possibilidade de vitória e também o tirou do pódio. O segundo a chegar foi NICO ROSBERG, com SEBASTIAN VETTEL em terceiro.

Um homem morreu e outro ficou ferido após invadirem uma casa na MOOCA, zona leste, e serem baleados em um suposto confronto com policiais civis do GOE. De acordo com a polícia, três homens entraram na residência e foram flagrados pelos agentes no local. Os policiais passavam pela rua e estranharam o fato do portão da garagem estar entreaberto. Ao olharem para dentro do imóvel, os agentes perceberam que uma janela estava arrombada. Assim que entraram na casa houve o confronto, segundo a policia. A casa é de orientais que estavam viajando.

Muito aplaudido na convenção do PSDB, o ex-presidente FERNANDO HENRIQUE CARDOSO criticou o atual governo, disse que o Planalto está paralisado e garantiu ter a receita para "passar o país a limpo". "Uma saída que só pode ser com respeito à Constituição. Que se puna os culpados. Precisamos assistir esse BRASIL com a cara que sempre teve, de decência, de humildade". Sem citar a palavra impeachment, FHC disse não saber o que vai ocorrer no futuro, "mas estamos prontos para assumir". Eleito duas vezes presidente, em 1994 e 1998, admitiu ter perdido a popularidade, mas respondeu: "O que eu nunca perdi foi minha credibilidade". 

Em clima de divisão interna, o senador mineiro AÉCIO NEVES foi reeleito presidente do PSDB, hoje, em BRASÍLIA, durante convenção do partido. Em seu discurso, o parlamentar apostou que a presidente DILMA ROUSSEFF não concluirá seu mandato. O tucano disse que os atuais escândalos de corrupção mostram que há um "vale tudo" para se manter no poder e voltou a afirmar que perdeu as eleições presidenciais para "uma organização criminosa". Preocupado com a disputa pela candidatura à Presidência da República em 2018 - o governador paulista GERALDO ALCKMIN também figura como nome para a legenda - AÉCIO aproveitou para fazer um apelo pela unidade dos tucanos, hipótese cada vez mais improvável, e insistiu na tese da saída da presidente antes de 2018. "Uma das heranças da presidente DILMA nós já conhecemos: meia década perdida. Ao final de seu governo, que não sei quando ocorrerá, talvez mais breve do que alguns imaginem, os brasileiros estão mais pobres", disse AÉCIO. Derrotado nas últimas eleições, o tucano é cobrado por uma parte do PSDB para ser mais firme no propósito de lutar por um impeachment de DILMA.      

O PAPA FRANCISCO começou hoje, em QUITO, a viagem de nove dias a três países da AMÉRICA LATINA - EQUADOR, BOLÍVIA e PARAGUAI - marcados pela desigualdade, a pobreza e a pesada herança de regimes autoritários. Até o dia 13, o primeiro papa jesuita latino-americano cumpre a viagem mais longa desde que foi eleito, em março de 2013 - neste mesmo ano, ele esteve no BRASIL para a jornada MUNDIAL DA JUVENTUDE. FRANCISCO fará 22 discursos e percorrerá 24 mil quilômetros. A participação da Igreja Católica no debate democrático, o respeito pela identidade cultural, a proteção do ambiente e das famílias são temas que o pontífice abordará.

Quatro grandes crises na periferia da Europa ameaçam Quatro grandes crises na periferia da Europa ameaçam envolver a União Europeia, o que poderia reverter décadas do ambicioso projeto de unificação continental que começou após a Segunda Guerra Mundial. Unidade, solidariedade e posição internacional da UE estão em jogo devido à crise da dívida grega, o papel da Rússia na Ucrânia, o Reino Unido procurando mudar suas relações com o bloco e da migração no Mediterrâneo. Pesquisador compara as crises com os 4 cavaleiros do apocalipse.
Se a União não é capaz de lidar adequadamente com qualquer um desses problemas poderia exacerbar o outro, ampliando as potenciais armadilhas do "projeto europeu".
A falência da Grécia, apelidado de 'Grexit', o que poderia deixar o país fora do euro é a mais imediata para a noção de desafio a longo prazo da"união mais integrada" dos Estados e povos europeus.
"As consequências a longo prazo de um 'Grexit' afetará o projeto europeu completamente. Criaria um precedente que poderia minar a própria razão de ser da UE", escreveu Janis Emmanouilidis Fabian Zuleeg e um centro de análise de Estudos Políticos Europeus.
Embora a Grécia representa apenas 2 por cento do PIB e da população do bloco, falir o país depois de dois salvamentos em que os seus parceiros europeus emprestaram 200.000 milhões é um grande golpe para o prestígio da UE.
Mesmo antes do anúncio do referendo público que o país grego celebra neste domingo, o clima estava tenso em Bruxelas, com os gregos culpando os alemães, a maioria dos outros apontando para os gregos, os economistas keynesianos culpando a obsessão com a austeridade e as autoridades da União enfatizando o sucesso dos resgates que tenham sido realizadas em outros estados do bloco.
Como o seu destino ainda não está claro, Atenas revelou que os fundadores do euro eram ingênuos quando eles disseram que a adesão à moeda única era inquebrável.
Agora, seus parceiros podem tentar conter o problema após a partida da Grécia, quando o estrago está feito e mover-se com velocidade para manter juntos os outros membros, talvez, alterando algumas das deficiências de concepção inicial da união monetária, embora seja a oposição alemã provavelmente para tentar evitar andar em uma emissão de obrigações conjuntas.
A próxima vez que uma recessão ou um aumento no retorno sobre títulos do governo abalar a zona do euro, os mercados lembrarão o precedente da Grécia.
O colapso econômico da Grécia causaria mais sofrimento e perda de milhares de milhões de euros que isso significaria para os contribuintes europeus exacerbar as outras três crises que a Europa enfrenta e desestabilizar as frágeis nações do  Balcãs do sul.
Com tensões já elevadas no Mediterrâneo Oriental devido a guerra civil na Síria, o conflito israelo-palestino eterno, a divisão de Chipre continua por resolver as disputas sobre campos de gás no mar, a Grécia rasgada poderia transformar a Rússia para apoiá-los. Em troca, os gregos poderiam vetar a próxima barragem de sanções da UE contra Moscou, ou mesmo oferecer instalações navais que, uma vez são utilizados nos Estados Unidos.
Atenas tem dificuldade para lidar com a avalanche de refugiados que fogem do conflito que chegam da Síria e do Iraque para as ilhas do mar Egeu, procurando o caminho mais seguro através da Europa para os países mais prósperos, como a Suécia ou a Alemanha.
A incapacidade para resolver a crise grega, depois de cinco anos de discussão poderia tornar a UE parecer fraco aos olhos do presidente russo, Vladimir Putin, e do presidente chinês, Xi Jinping ou qualquer outra pessoa que está olhando para expandir seu poder.
As autoridades de Bruxelas estão cientes de que a crise da Zona Euro tem causado o retorno à esfera doméstica da tomada de decisão em algumas áreas e minou o "soft power" do modelo europeu, com base numa governança supranacional. Ele enfraqueceu a mão da UE sobre questões relacionadas com o comércio mundial e as alterações climáticas.
E o pior ainda pode estar por vir.
A demanda para o Reino Unido para renegociar os termos da sua adesão à União, e sua decisão de submetê-lo a um referendo em 2017 resultado incerto aumenta o risco de que o bloco pode perder sua segunda maior economia, o seu principal centro financeiro e seu maior trunfo militar.
Embora as pesquisas mostram apoiantes a permanecerem na UE tem uma vantagem de cerca de 10 pontos, e algum alívio pelas declarações do primeiro-ministro David Cameron, que disse que não teve em conta quaisquer exigências impossíveis sobre os seus pedidos, Há um monte de nervosismo em Bruxelas.
No caso de um colapso econômico na Grécia, independentemente de continuar ou não no euro, com a agitação nas ruas e desastre politicamente, poderia reforçar a visão daqueles no Reino Unido que pensam que a sua economia é "acorrentada a um cadáver. "
Dada a inimizade da Rússia com os britânicos, que eles vêem como o aliado mais próximo dos Estados Unidos, Putin certamente tem o maior prazer que o Reino Unido abandone o bloco.
A saída enfraquece aqueles que apoiam uma forte resposta ao comportamento da Rússia na Ucrânia e na Geórgia e deixar o bloco continental sem o primeiro parceiro de confiança dos EUA na região, mas que pertencem à OTAN.
Isso poderia reforçar a posição de Putin em conversações com a chanceler alemã, Angela Merkel, que levou a diplomacia europeia em sua tentativa de retornar ao controle Ucrânia de todo o seu território.
Rem Korteweg, do Centro para a Reforma Europeia, em comparação de crises intercalados com os quatro cavaleiros do apocalipse que aparecem no Novo Testamento: arautos do "dia do juízo" para representar a conquista, guerra, fome e morte.
"Os líderes da UE terão dificuldades de domar esses quatro cavaleiros", disse o pensador holandês em um julgamento. "Se você não consegue encontrar uma resposta europeia, esses quatro cavaleiros continuam a promover o caos, instabilidade e recriminação mútua no seio da UE."
da UE."
2 016      :       -      TERÇA-FEIRA
Por volta das 4 horas da manhã, ocorreu um roubo a uma empresa de transporte de valores, que mobilizou grande efetivo policial. A equipe do CABO TARCÍSIO WILKER GOMES, do 3º Batalhão de Polícia Militar Rodoviário, na cidade de RIBEIRÃO PRETO, ao adentrar no entroncamento entre a SP-328  SP-330 (anel viário existente no km 321) foi recebida a tiros. Ele, CABO PM WILKER, foi atingido por um disparo de arma de fogo, sendo imediatamente socorrido ao Hospital das Clínicas de RIBEIRÃO PRETO, mas não resistiu aos ferimentos, entrando em óbito. De acordo com a ordem de serviço do SubCmt da PMESP, o  COPOM Capital e os COPOM Regionais deverão cientificar aos Políciais Militares de serviço, para que às 17 horas, horário do sepultamento do CABO PM WILKER, prestem a devida homenagem ao nosso herói, com um minuto de sirene, desembarcados de suas viaturas e prestando continência, em sinal de respeito.

No horário de 8:45 horas, MARINEI CHALUB vem me buscar para irmos ao PARQUE DO IBIRAPUERA. Ali, com os responsáveis pelo parque, reúnem-se oficiais da PMESP para as discussões finais acerca da PARADA CÍVICO-MILITAR DO 9 DE JULHO. Entre eles o MAJOR PM NOBRE, CAPITÃO PM COLTRE, CAPITÃO PM ROSEMEIRE, CAPITÃO PM PACHECO. Também está presente uma senhora que cuida do cerimonial do Palácio do Governo. São discutidas minúcias por parte de todos os integrantes da equipe que prepara a solenidade da DATA MAGNA de SÃO PAULO.
Doutor SIDNEI LOBO PEDROSO está presente. Ele aproveita a reunião para acertar detalhes do JÚRI SIMULADO, como por exemplo a presença de carros antigos na PRAÇA DA SÉ. Ficamos sabendo que pelo SENISE não se conseguiu o que pretendíamos: colocação de vinte carros antigos defronte o TRIBUNAL DE JUSTIÇA no dia 8 de julho.
Outra notícia desagradável é a não realização de uma palestra que eu iria pronunciar na OAB de GUARULHOS. MARINEI comunica-me essa situação e eu vejo frustrada a idéia de comemorar os 62 anos da SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC na cidade de GUARULHOS. Ainda bem que não comunicamos essa situação aos nossos associados, justamente esperando o convite que deveria vir da OAB, Seção de GUARULHOS.
MARINEI está atarefadíssima com problemas relacionados ao 9 de julho. Ela me deixa no centro da cidade e vai para o MUSEU MILITAR.
Almoço na AOMESP e também vou para a sala de uso da Sociedade Veteranos de 32-MMDC. Ali, no Museu Militar, era ideia trabalharmos com certa tranquilidade. Mas isso não está acontecendo. Hoje, por exemplo, muita gente comparece na Sociedade para discutir pontos relacionados com o 8 de julho e também com a DATA MAGNA DA CIDADE DE SÃO PAULO.
Por volta das 16 horas, rumamos para o TRIBUNAL DE CONTAS, a fim de instalarmos o 52º Núcleo da SOCIEDADE. Somos recepcionados pelo MAGALHÃES e sua esposa. Todos os participantes do mais novo núcleo do MMDC estão presentes. Conversamos com o Presidente, doutor DIMAS RAMALHO e, no horário das 17 horas, inicia-se a solenidade alusiva à implantação do NÚCLEO MMDC-TRIBUNAL DE CONTAS “TENENTE HORÁCIO RAMALHO”.
MMDC instala núcleo no Tribunal de Contas do Estado de São Paulo.
Núcleo estímulará prática do civismo e o exercício da cidadania, promovendo pesquisas de fatos relativos à memória e/ou feitos dos participantes da Revolução de 1932. MARCO PINTO CAMPANHA O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) instituiu um Núcleo de Correspondência da Sociedade Veteranos de 32/ MMDC, constituído com o objetivo de desenvolver, otimizar e ampliar a ação da entidade que representa e difunde as ações e fatos ligados aos veteranos da Revolução Constitucionalista de 1932 (RC32). No TCE paulista, o Núcleo do MMDC receberá a denominação de ‘Tenente Horácio Ramalho’, em referência à atuação do pai do Conselheiro-Presidente Dimas Eduardo Ramalho, que teve atuação quando da realização do movimento constitucionalista. Durante a solenidade, realizada às 17h00, no auditório nobre, foram nomeadas a Presidência de Honra, a Diretoria Executiva e Conselho Deliberativo. Compuseram a mesa solene o Presidente do TCE, Dimas Eduardo Ramalho; o Presidente da Sociedade de Veteranos de 32, Ce.PM Mário Fonseca Ventura; o Vice-Presidente da Sociedade de Veteranos de 32, Cel. PM Antonio Carlos Mendes; o Presidente nomeado para a Diretoria Executiva do Núcleo do TCE, Antonio Carlos Luz Magalhães e o Procurador-Geral do TCE, Celso Matuck Feres Junior. O Presidente Dimas Eduardo Ramalho, ao ser empossado Presidente de Honra do 52º Núcleo de Correspondência da Sociedade Veteranos de 32/ MMDC do TCESP, enalteceu a iniciativa do órgão, recordou ensinamentos e vivências passadas pelo seu pai e falou sobre os importantes fatos históricos que marcaram o período. Após a leitura da ata de instalação no núcleo, o Presidente foi agraciado com a outorga da Medalha MMDC – honraria concedida a pessoas físicas ou jurídicas, que por seus méritos e serviços relevantes prestados a São Paulo e ao culto da Revolução Constitucionalista de 1932, que tenham se tornado pessoas dignas Composição do Núcleo de Correspondência da Sociedade Veteranos de 32/MMDC ‘Tenente Horácio Ramalho’ - Presidente de Honra Dimas Eduardo Ramalho - Presidente (TCESP) - Presidente da Diretoria Executiva Antonio Carlos Luz Magalhães (TCESP) - 1º Vice-Presidente da Diretoria Executiva Maurício Kirilos - (MMDC); - 2º Vice-Presidente da Diretoria Executiva Celso Augusto Matuck Feres Junior - (MPC); - 1º Secretário Denizard Rabaneda Lopes - (TCESP) - 2º Secretário Com. Carlos Teixeira Mendes - (MMDC) - Presidente do Conselho Deliberativo Cláudio Carvalho de Mello- (TCESP) - Vice-Presidente do Conselho Deliberativo Ten. Cel. PM Anderson Oliveira Lima - (MMDC) - Presidente da Comissão de Outorgas Silvia Regina G. Luz Magalhães - (TCESP) - Vice-Presidente da Comissão de Outorgas Marcelo Pereira - (TCESP) - Diretor Administrativo Gilmar Belluzzo Bolognani- (TCESP) - Diretor de Relações Institucionais Wallace Oliveira Guirelli- (Aposentado TCESP) - Diretor de Informática e Mídias Sociais Rodney José Idankas - (TCESP) - Diretora Assistente de Informática e Mídias Sociais Márcia Cristina Vieira de Souza - (TCESP) - Diretor de Relações Públicas 2º Sgt. Tarcisio Candido de Aguiar - (MMDC) - Diretor de Cerimonial Hugo Daniel Rothschild - (TCESP).  

MARINEI CHALUB vem me dar uma notícia desagradável. Ela está recebendo uma notícia vinda da Assembléia Legislativa. Não foram aceitos os indicados pela Sociedade Veteranos de 32-MMDC para serem condecorados com a MEDALHA DA CONSTITUIÇÃO. Entre esses nomes está o do GRÃO-MESTRE ADJUNTO DO GRANDE ORIENTE DE SÃO PAULO e o de um veterano de ITAPETININGA, já falecido, que receberia “post-mortem”. Esse comunicado é lacônico e sem justificativa plausível. Mas o momento não é para tomar conhecimento de coisas tristes. Apenas fica o registro de um fato que não deveria ter acontecido.
Permanecemos durante algum tempo no TRIBUNAL DE CONTAS, conversando com os membros do novo núcleo. MARINEI deixa-me em casa quando já passam das 20 horas.
ATA Nº 001
REUNIÃO DE INSTALAÇÃO DO NÚCLEO MMDC - TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO “TENENTE HORÁCIO RAMALHO”, aos cinco dias do mês de julho do ano de 2016, na sede do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, Avenida Rangel Pestana nº 315, Sé, São Paulo – Capital, para criação e nomeação das Presidências de Honra e Executiva do respectivo núcleo.
Estiveram presentes na reunião: Dr. Dimas Eduardo Ramalho – Presidente do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, filho do homenageado que neste ato tem seu nome perpetuado neste Núcleo, Cel PM Mario Fonseca Ventura – Presidente da Sociedade Veteranos de 32, Dr. Celso Augusto Matuck Feres Junior - Procurador do Ministério Público de Contas do Estado de SP, Dr. Maurício Kirilos – Vice-Presidente Executivo do Núcleo MMDC da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, Comendador Roberto Carlos Teixeira Mendes – Vice-Presidente do Conselho Deliberativo do Núcleo Heróis de 32, Tenente Coronel PM Anderson Lima de Oliveira – Presidente do Conselho de Outorga do Núcleo Heróis de 32, Tenente Coronel PM Ricardo José Borrelli - Comandante do 3º BPM/M; Dr. Cláudio Carvalho de Mello, Dra. Silvia Regina Giometti Luz Magalhães, Dr. Gilmar Belluzzo Bolognani, Dr. Denizard Rabaneda Lopes, Dr. Rodney José Idankas, Srª. Márcia Cristina Vieira de Souza, Dr. Antonio Carlos Luz Magalhães e Sr. Hugo Daniel Rothschild – todos funcionários do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo; Dr. Marcelo Augusto Tibúrcio – Administrador de Empresas, especialista e colecionador da Revolução de 32 e Senhor Milton Luiz Festa Basile – Empresário.


 Empresas, especialista e colecionador sas, especialista e colecionador da Revolução de 32 e Senhor Milton Luiz Festa Basile – Empresário.

 [continuação da Ata nº 001 do Núcleo MMDC – Tribunal de Contas do Estado de São Paulo “Tenente Horácio Ramalho”.....................................Fl. 02]
 
O Sr. Presidente da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC, Cel PM Mario Fonseca Ventura (RG 2.499.336, CPF 116.250.408-06), casado, residente a Av. Benvindo Tolentino Neto, 435 – Guarulhos/ SP, no uso de sua competência na presidência da Sociedade, cria, “ad referendum” desta Egrégia Corte de Contas Paulista, o Núcleo MMDC - TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO “TENENTE HORÁCIO RAMALHO”, da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC e nomeia como Presidente de Honra, o Dr. Dimas Eduardo Ramalho, Conselheiro Presidente do Tribunal de Contas do Estado de  São Paulo.

Decidiu-se que o título de Presidente de Honra é reservado ao Presidente do Tribunal de Contas do Estado em exercício e que após esse período tornar-se-á Presidente de Honra Emérito.
O Sr. Presidente da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC, Cel Mario Fonseca Ventura, nomeia também, com aquiescência do Exmo Sr. Presidente do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, como Presidente da Diretoria Executiva o Dr. Antonio Carlos Luz Magalhães, funcionário deste Egrégio Tribunal. Sugere, ainda, ao Exmo Sr. Presidente Conselheiro Dimas Eduardo Ramalho, que seja avaliada a possibilidade de expedição de ato do Tribunal de Contas oficializando a criação do Núcleo.
Agradecendo a participação de todos às ____:____h o Senhor Presidente da Sociedade Veteranos de 32, Cel PM Mário Fonseca Ventura, com autorização do Exmo Sr. Presidente Dr. Dimas Eduardo Ramalho, encerrou a reunião cuja Ata vai subscrita por mim________________________, Denizard Rabaneda Lopes.


_________________________________________
Dra. Silvia Regina Giometti Luz Magalhães
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo

 

________________________________
Dr. Gilmar Belluzzo Bolognani
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo

 









Doutor Denizard Rabaneda Lopes
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo
Doutor Rodney José Idankas
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo
Senhora Márcia Cristina Vieira de Souza
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo
Senhor Hugo Daniel Rothschild
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo
Doutor Marcelo Augusto Tibúrcio
Administrador de Empresas – Especialista e Colecionador de 32
Senhor Milton Luiz Festa Basile
Empresário.

ATA Nº 002
REUNIÃO DE CONSTITUIÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA E CONSELHO DELIBERATIVO DO NÚCLEO MMDC - TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO “TENENTE HORÁCIO RAMALHO”, aos cinco dias do mês de julho do ano de 2016, na sede do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, Avenida Rangel Pestana nº 315, Sé, São Paulo – Capital, para a nomeação da Diretoria Executiva e Conselho Deliberativo do núcleo.
Estiveram presentes na reunião: Dr. Dimas Eduardo Ramalho – Presidente do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo e Presidente de Honra do Núcleo MMDC - TCESP “Tenente Horácio Ramalho”, Cel PM Mario Fonseca Ventura – Presidente da Sociedade Veteranos de 32, Dr. Antonio Carlos Luz Magalhães – Presidente da Diretoria Executiva do citado Núcleo, Dr. Maurício Kirilos – Vice-Presidente Executivo do Núcleo MMDC da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, Dr. Celso Augusto Matuck Feres Junior - Procurador do Ministério Público de Contas do Estado de SP, Comendador Roberto Carlos Teixeira Mendes – Vice-Presidente do Conselho Deliberativo do Núcleo Heróis de 32, Tenente Coronel PM Anderson Lima de Oliveira – Presidente do Conselho de Outorga do Núcleo Heróis de 32, Tenente Coronel PM Ricardo José Borrelli - Comandante do 3º BPM/M; 2º Sgt Tarcisio Candido de Aguiar – Diretor Relações Públicas do Núcleo Heróis de 32, Dr. Cláudio Carvalho de Mello, Dra. Silvia Regina Giometti Luz Magalhães, Dr. Gilmar Belluzzo Bolognani, Dr. Denizard Rabaneda Lopes, Dr. Rodney José Idankas, Srª. Márcia Cristina Vieira de Souza e Sr. Hugo Daniel Rothschild – todos funcionários do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo; Dr. Marcelo Augusto Tibúrcio – Administrador de Empresas, especialista e colecionador da Revolução de 32 e Sr. Milton Luiz Festa Basile - Empresário.
 [continuação da Ata nº 002 do Núcleo MMDC – Tribunal de Contas do Estado de São Paulo “Tenente Horácio Ramalho”.....................................Fl. 02]

O Presidente da Diretoria Executiva no uso de sua competência nomeia, neste ato, a Diretoria Executiva e Conselho Deliberativo na seguinte conformidade:


a) 1º Vice-Presidente da Diretoria Executiva -(MMDC):
Dr. Maurício Kirilos;

b) 2º Vice-Presidente da Diretoria Executiva -(MPC):
Dr. Celso Augusto Matuck Feres Junior;

c) 1º Secretário -(TCESP):
Dr. Denizard Rabaneda Lopes;

d) 2º Secretário -(MMDC):
Comendador Roberto Carlos Teixeira Mendes;

e) Presidente do Conselho Deliberativo -(TCESP):
Dr. Cláudio Carvalho de Mello;

f) Vice-Presidente do Conselho Deliberativo -(MMDC):
Ten Cel PM Anderson Lima de Oliveira;

g) Presidente da Comissão de Outorgas -(MMDC):
Dra. Silvia Regina Giometti Luz Magalhães;

h) Vice-Presidente da Comissão de Outorgas -(TCESP):
Dr. Marcelo Pereira;

i) Diretor Administrativo - (TCESP):
Dr. Gilmar Belluzzo Bolognani;

j) Diretor Cultural e de Relações Institucionais - (MMDC):
Ten Cel PM Ricardo José Borrelli;

k) Diretor de Informática e Mídias Sociais -(TCESP):
Dr. Rodney José Idankas;

l) Diretora Assistente de Informática e Mídias Sociais -(TCESP):
Srª. Márcia Cristina Vieira de Souza;

m) Diretor de Relações Públicas - (MMDC):
2º Sgt. Tarcisio Candido de Aguiar e

n) Diretor de Cerimonial -(TCESP):
Sr. Hugo Daniel Rothschild.
o)
 [continuação da Ata nº 002 do Núcleo MMDC – Tribunal de Contas do Estado de São Paulo “Tenente Horácio Ramalho”.....................................Fl. 03]

Assessores Culturais
Dr. Marcelo Augusto Tibúrcio;
Dr. Ricardo Della Rosa;
Sr. Alfredo Duarte dos Santos e
Sr. Milton Luiz Festa Basile.

Agradecendo a participação de todos e nada mais havendo a tratar, às____:____h o Presidente de Honra do Núcleo MMDC - TCESP “Tenente Horácio Ramalho” juntamente com Senhor Presidente da Sociedade Veteranos de 32 - MMDC, Cel PM Mário Fonseca Ventura, encerraram a reunião cuja Ata vai subscrita por mim________________________, Denizard Rabaneda Lopes – 1º Secretário.

_______________________________
Dr. Dimas Eduardo Ramalho
O vigilante DORGIVAL FRANCISCO DE SOUZA, de 59 anos, seguia de bicicleta para o trabalho quando foi atropelado e morreu. O impacto foi tão forte que SOUZA teve um braço arrancado. O motorista fugiu sem prestar socorro.
As imagens foram feitas por uma câmera de segurança, pouco tempo depois do acidente. O veículo aparece com a lateral bastante danificada.
Em outro vídeo, das câmeras da concessionária que administra o sistema, o mesmo tipo de carro aparece trafegando em alta velocidade pelo acostamento da via, cerca de 1 km antes de onde ocorreu o atropelamento.
Não é possível identificar as placas do veículo, mas, segundo o SPTV, trata-se de um GM VECTRA, com teto solar.
O corpo de DORGIVAL foi enterrado hoje no Cemitério Municipal de DIADEMA. O ciclista, que era vigilante em uma transportadora, estava indo para o trabalho quando foi atingido no acostamento da via. SOUZA morreu na hora.
Ao SPTV, a mãe, MARIA JOSÉ, disse que DORGIVAL guardava dinheiro para a aposentadoria e que iria viajar. “Falou pra mim a semana passada que ia se aposentar em novembro, que quando ele aposentasse ia construir a casa dele e ia tirar um ano só pra passear na casa dos irmãos”, disse.

A comissão especial do impeachment no Senado foi avisada de que a presidente afastada DILMA não comparecerá à sessão de amanhã, para a qual está marcado seu interrogatório. Com a ausência, caberá ao advogado, o ex-ministro JOSÉ EDUARDO CARDOZO, ler uma manifestação em nome dela sobre o processo. Não há previsão de que seja aberto espaço para perguntas dos senadores ao advogado.
A “RÁDIO FOLHA DE PERNAMBUCO”, cujos principais trechos ela publicou no TWITTER, a petista confirmou que quem irá fazer sua defesa na comissão é CARDOZO, e que ela ainda avalia se irá ao plenário do Senado, onde será feito o julgamento final do impeachment no fim de agosto. “A minha defesa amanhã será feita por escrito e lida pelo meu advogado. Estamos avaliando a minha ida ao plenário do Senado, em outro momento”.

O líder do governo na Câmara, ANDRÉ MOURA, anunciou hoje que a Casa irá interromper os trabalhos na segunda quinzena de Julho, apesar de ainda estarem pendentes as votações de projetos importantes e de interesse do Executivo e do país. De acordo com MOURA, a proposta feita pelo governo de trabalhar neste período encontrou resistência em diferentes bancadas da base aliada, e o presidente interino, WALDIR MARANHÃO, bateu o martelo e decidiu que o recesso branco acontecerá. MARANHÃO, segundo MOURA, avisou ainda que ficou para agosto a votação do processo de cassação do deputado EDUARDO CUNHA no plenário da Casa.

A Justiça Federal de SÃO PAULO determinou o bloqueio de até 102,6 milhões de reais das contas do ex-tesoureiro do PT JOÃO VACCARI NETO e do ex-ministro PAULO BERNARDO em decorrência da OPERAÇÃO CUSTO BRASIL. O partido também teve a conta bloqueada, mas conseguiu reverter a decisão por ela se tratar de onde recebe os recursos partidários.
De acordo com o juiz PAULO BUENO DE AZEVEDO, o partido foi um dos principais beneficiários do dinheiro desviado de empréstimos consignados de servidores federais.
Além dos dois petistas, BUENO mandou bloquear os mesmos valores da empresa CONSIST e da CSA NET que tiveram participação central no esquema.
O ex-tesoureiro do PT PAULO FERREIRA, que teve nova prisão decretada na segunda-feira na 31ª Fase da OPERAÇÃO LAVA JATO, teve bloqueados 755,9 mil – valor que ele teria recebido no esquema. BUENO bloqueou ainda 120 mil reais da EDITORA 247, que edita o site “BRASIL 247”, referente aos valores repassados ao site.
Os pedidos de bloqueios foram encaminhados ao BANCO CENTRAL em 23 de junho, dia da deflagração da OPERAÇÃO CUSTO BRASIL. O BC encaminha a decisão do juiz a todas as instituições bancárias para que localizem as contas dos investigados e congele os valores.
A CUSTO BRASIL, um desdobramento da 18ª fase da LAVA JATO, apura o pagamento de propina em contratos de prestação de serviços de informática com a empresa CONSIST, na ordem de cem milhões de reais, entre os anos de 2010 e 2015.
Segundo a Polícia Federal, há indícios de que o Ministério do Planejamento, durante a gestão de PAULO BERNARDO, direcionou a contratação da CONSIST para a gestão do crédito consignado na folha de pagamento de funcionários públicos federais com bancos privados, interessados na concessão de crédito consignado.
O advogado LUIZ FLÁVIO BORGES D´URSO, que defende VACCARI, afirmou que os bens do seu cliente já estavam bloqueados desde o ano passado por causa de outras ações nas quais ele é investigado. A defesa de PAULO BERNARDO informou que pedirá a “revogação do bloqueio.” O partido disse que não “cometeu ilegalidade em suas contas”.

2 017    :      -     QUARTA-FEIRA
Ainda sofro com as dores de garganta. Isso causa um certo desânimo e somente vou sair de casa depois das 13 horas. Ainda estou sem o computador, onde, segundo o meu neto PAULO CÉSAR, deverá ser entregue hoje à tarde. Com isso, minhas memórias estão bem atrasadas, desde 27 de junho.
NO MUSEU MILITAR, MARINEI e GABRIEL cuidam agora dos diplomas alusivos à MOEDA DO 85º ANIVERSÁRIO DA REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA. Mas é muito complicado trabalhar nesta tarde. Comparece muita gente na acanhada sala de trabalhos do MMDC. Entre eles está o professor RODRIGO GUTENBERG, que traz consigo o Diretor Executivo do Instituto EPÝ, ROBERTO TONIN. Ele apresenta um ofício referente à participação na cerimônia de encerramento dos 85 anos da revolução constitucionalista que será realizada no Túnel Ferroviário da Serra da Mantiqueira, NO município de CRUZEIRO, nos dias 16 e 17 de setembro. Os objetivos são a divulgação da Recriação Histórica da Defesa do Túnel da Mantiqueira; a divulgação do Filme SP-32, com CÁSSIO MARTIN e a divulgação e lançamento da Revista PAULISTÂNIA.
Comparece também o CORONEL PM VALENTIN. Estuda a realização de um evento em fins de julho e fala da revitalização do Núcleo de BARUERI, que nasceu com o então MAJOR PM BAIA. O NÚCLEO “ROTA DOS BANDEIRANTES” chegou a realizar cerimônias importantíssimas na Assembleia Legislativa e também no Tribunal de Justiça Militar. Por ciúmes do comandante, o então MAJOR PM BAIA foi removido de BARUERI para SÃO BERNARDO DO CAMPO. Atualmente ele é CORONEL PM Reserva.
Passa pela Sociedade o ALFREDO DUARTE. Traz quatro diplomas da MEDALHA “HERÓIS DE 32” para serem assinados.
Tudo isso faz com que MARINEI e GABRIEL tenham enormes dificuldades para trabalhar nesta tarde. Além das visitas, tenho de atender os repórteres dos jornais O ESTADO DE SÃO PAULO, FOLHA DE SÃO PAULO e DIÁRIO OFICIAL.
O expediente é muito conturbado. Somente podemos deixar o MUSEU depois das 14:30 horas. MARINEI transporta-me até GUARULHOS e faz planos para trabalhar nos eventos de 7 de julho, quando a Sociedade comemorará seus 63 anos de criação. Ela também precisa acertar as urnas dos heróis que serão imortalizados na solenidade dos 85 anos da Revolução Constitucionalista.
Em casa, está de retorno o computador. O atraso é muito grande com relação às minhas memórias. Trabalho durante uma boa parte da noite, indo deitar muito tarde. Continuo sofrendo com a garganta, mas não dá tempo de cuidar desse mal.

As suspeitas de longa data se confirmaram hoje. Policiais civis e militares foram parar na cadeia suspeitos de dar cobertura a bingos clandestinos na capital e em outras dez cidades do Estado.
A operação, batizada de JERICÓ, foi deflagrada pelo GAECO (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado do Ministério Público) em conjunto com a Secretaria de Segurança Pública.
Vinte e duas pessoas são acusadas de participar de um grupo que mantinha uma rede de casas de jogos ilegais. Entre os detidos estão oito policiais militares e quatro civis.
As prisões são temporárias e vão durar, a princípio, cinco dias. Para espanto dos investigadores, um dos policiais civis presos trabalhava na Corregedoria da Instituição.
Segundo o Secretário de Segurança Pública, MÁGINO ALVES, os agentes envolvidos “trabalhavam” na proteção das casas, além de dar informações sobre investigações em andamento.
“Tudo indica que eles recebiam uma retribuição financeira fixa para exercer esse acobertamento da atividade criminosa”, disse o secretário.
Foram recolhidas 652 máquinas de jogos de azar nas 11 cidades onde a operação foi realizada. Todos vão responder por formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.
Conforme o titular da pasta, as máquinas apreendidas serão destruídas para não haver risco de elas, ou algum componente delas, desaparecerem dos fóruns ou quartéis.
Comerciantes que mantêm caça-níqueis em seus estabelecimentos também cometem crime, disse MÁGINO. “O comerciante que tem caça-níqueis em seu barzinho ou padaria corre o risco de ser investigado também por associação criminosa. Ele é uma ponta dessa organização e o combate a esse tipo de infração vai se intensificar cada vez mais”.
Conforme o subprocurador-geral de Justiça de SÃO PAULO, MARIO LUIZ SARRUBO, as prisões de hoje são “só uma primeira etapa”, da operação.
“É um esquema grandioso que está sendo desbaratado pelas corregedorias das polícias Civil e Militar e pelo Ministério Público. Há varias organizações trabalhando. Evidentemente, as investigações ainda estão em sigilo. Já temos algo muito adiantado”, disse.
Sobre o policial da Corregedoria preso, SARRUBO disse que “Isso também é uma prova de que o sistema funciona e vai funcionar, alcançar o policial corrupto esteja ele em qualquer lugar em que for”.


O SARGENTO PM CARLOS ROBERTO foi morto, hoje pela manhã, em frente a uma escola no ARICANDUVA, zona leste. Ele seguia com sua HONDA XRE para o trabalho quando dois bandidos se aproximaram em outra moto e anunciaram um assalto. Durante a ação eles perceberam que se tratava de um policial militar e atiraram.        

Nenhum comentário: