sábado, 29 de fevereiro de 2020

RUI CHAPÉU, LENDA DA SINUCA BRASILEIRA, MORRE AOS 79 ANOS DE INFARTO EM SÃO PAULO

 
Rui Chapéu, lenda da sinuca brasileira, morre aos 79 anos, vítima de infarto em São PauloRui Chapéu, lenda da sinuca brasileira, morre aos 79 anos, vítima de infarto em São Paulo
Reprodução TV Globo

O baiano Rui Chapéu, lenda da sinuca brasileira, morreu na madrugada deste sábado, em São Paulo, aos 79 anos. Ele passou mal no apartamento de sua filha por volta de 1h e foi levado para o hospital, onde foi constatada a presença de água no pulmão. Mais tarde, aproximadamente às 4h, teve um infarto fulminante e faleceu. Ainda não há informações sobre o velório.
Nascido em Itabuna, Rui Chapéu nasceu em 21 de março 1940 e se chamava José Rui de Mattos Amorim. Ele ficou conhecido por suas participações no "Show do Esporte", programa de Luciano do Valle na "Rede Bandeirantes".
O sinuquista, célebre pelas boinas brancas, foi contratado pela emissora em 1984 e ajudou a desmistificar a imagem da sinuca como uma prática de malandros e desocupados. Suas participações em campeonatos eram transmitidos na TV aberta, e ele se tornou uma lenda.
Rui Chapéu começou a jogar sinuca ainda criança na Bahia. Em uma entrevista dada em 2014, disse que só começou a viver da prática em 1970, já em São Paulo. Antes disso, ele chegou a ser caminhoneiro e dono de mercearia.



G1 - 29 DE FEVEREIRO DE 2020 - SÁBADO

9
Homem de 32 anos voltou da Itália e mora em SP. Segundo ministério, não há circulação interna do vírus.
Eleição nos EUA
Resultado dá impulso à candidatura do ex-vice de Obama após início fraco nos três estados anteriores.
Loterias
Prêmio estimado é de R$ 3 milhões; rateio ainda não foi divulgado
Violência no RJ
Rebeca dos Santos foi atingida na cabeça quando ia para o trabalho.
Tragédia no Amapá
Mais de 40 pessoas foram resgatadas; buscas continuam.
Campeonato Paulista
SAN
00
PAL
Na estreia de Rony, jogo teve pênalti polêmico não marcado.
Campeonato carioca
CAB
14
FLA
Rubro-negro tropeçou no primeiro tempo, mas venceu na primeira rodada da Taça Rio
São Paulo
Percurso que deveria levar meia hora durou mais de cinco horas. Empresa 99 diz que baniu motorista.
Minas Gerais
Livro foi recuperado e casal responsável pelo furto foi ouvido e liberado.
Nova Petrópolis
Fotógrafo Roberto Scliar tinha 40 anos. Não havia indício de violência; corpo passará por necrópsia.
Anúncio histórico
Conflito no Oriente Médio já dura 18 anos.
Carnaval na Bahia
Vítima diz que foi ameaçada com arma e ainda ameaçada por outros foliões após denúncia; veja vídeo.
Cinema
Diretor Mohammad Rasoulof é crítico do regime em Teerã e proibido de deixar o país.
Roubos em SP
Foram 551 registros de roubos de celulares no mês, 127 só durante arrastão no dia 19.
Furna da Onça
Luiz Martins (PDT) e Marcus Vinicius Neskau (PTB) foram presos em novembro de 2019.
Do k-pop a Hollywood
BTS fez alerta aos fãs e até o mercado de luxo está preocupado.
Projeto no Congresso
Minas e Energia avalia que elas renderiam R$ 60 milhões por ano aos índios. Especialistas são contra.

ANTIGA FÁBRICA DA ANTÁRCTICA NA MOOCA TEM NOVO DONO.


Um dos maiores complexos fabris da capital paulista foi vendido e será completamente reformulado para atender as necessidades de seu novo proprietário. A antiga planta industrial da Antarctica Paulista, na Mooca, foi comprada em 2019 pela operadora de planos de saúde Prevent Senior cujo valor da aquisição não foi divulgado.

Vista parcial do antigo complexo industrial (clique para ampliar)
De acordo com Fernando Parillo, presidente do Grupo Prevent Senior, a empresa pretende investir cerca de 200 milhões de reais no espaço, transformando-o em um grande complexo de saúde e lazer destinado especialmente para a terceira idade, chamado de Cidade Prevent Senior.
O presidente da Prevent afirma que o local quando pronto terá o objetivo de ser uma espécie de “Disney da terceira idade“, com clube, piscina, teatro, cinema, shopping e hospital.
Apesar de ainda não ter sido estipulado um prazo para o inícios das obras e nem mesmo uma maquete ter sido apresentada, a notícia está esquentando o mercado imobiliário da região e promete valorizar ainda mais esta área da Mooca que por anos foi conhecida por ter seus antigos galpões fabris em situação de abandono e agora tem a oportunidade de um renascimento. Em 2019 a região já foi agraciada com a recuperação do antigo Moinho Santo Antônio, que passou a abrigar o novo campus do Centro Universitário FAM.