segunda-feira, 5 de agosto de 2013

APELO AOS DESCENDENTES DOS COMBATENTES DA REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932



A SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC está encaminhando uma circular a todos aqueles que estão inscritos como associados da Instituição.
No entanto, os descendentes dos veteranos de 1932 que ainda não pertencem ao quadro associativo do MMDC estão convidados a pertencer a COFAM. Basta ligar para 3105 841 e fazer a sua inscrição. Aguardamos também a sua visita à nossa sede: RUA ANITA GARIBALDI, 25 - CENTRO SP. Será um compromisso importante para aqueles que consideram seus parentes que lutaram pelo IDEAL DE DIREITO, e deixaram para nós lições importantíssimas quanto ao AMOR PELA PÁTRIA e pelos princípios sadios de uma democracia que hoje se vê novamente ameaçada por maus brasileiros.

Senhores (as) Associados (as)

Tendo em vista que a essência desta Sociedade passa a ser a COFAM (Comissão dos Familiares dos Heróis de 32) face a crise que atinge, por imposição do tempo, os nossos veteranos, reduzidos a apenas 30 viventes, temos de tomar medidas urgentes.

Primeiramente, precisamos nos dedicar com seriedade às nossas obrigações não só para si, como muitos fazem, mas com o coração, a mente, o espírito, a criatividade em benefício dos sacrossantos ideais que os combatentes de 32 nos deixaram como legado e que precisam ser conservados e exaltados pelos seus descendentes.

Considero-me como filho de combatentes pertencente à COFAM. Aguardo manifestação de todos os associados (as) no sentido de organizarmos a listagem de todos aqueles que devam pertencer à Comissão.

Da COFAM deverá, com certeza, ser escolhido o futuro presidente desta Sociedade também o Comandante do Exército Constitucionalista será escolhido dentre os que pertencerem à COFAM.

Face a atual gestão em que fomos reempossados, haverá eleição para a Presidência da COFAM em data ainda a ser marcada.

Aceito sugestões no sentido de que esta Sociedade se planeje para o futuro.


CARISSIMO CEL VENTURA e irmãos presidentes de NC que nos copiam
Eu, BIAJONE, sou partidário que se mantenha a Sociedade VETERANOS DE 32/MMDC independente do termino da vida terrestre de nossos 30 últimos veteranos, porquanto que há de importar após o falecimento dos mesmos é a manutenção de suas memórias e feitos, dos ideais que embalaram a luta que empreenderam pela Constituição, Liberdade e Democracia.
Isto posto, entendo que se mudarmos o nome da Sociedade para COFAM, ou extiguirmos a primeira para que surja a segunda, creio que perderemos a tradição cinquentenária de lutas que esses mesmos veteranos em vida tanto empreenderam para conseguir e fazer valer o sacrificio que vivenciaram por São Paulo e pelo Brasil.
VIDA LONGA A SOCIEDADE! braços e peitos fortes para defendê-las não faltam. E comandantes do exército constitucionalista também não faltarão. Ainda que tenhamos nossas crises aqui e ali, equívocos de medalhas lá e acolá, egos inchados e atropelos dos mais variados, estamos todos juntos, crescendo e produzindo como talvez nunca se tenha feito antes em toda a história da sociedade nos seus últimos 10 ou 20 anos.
Preciso lembrá-los que a esmagadora maioria das associações de veteranos de 2° guerra mundial infelizmente já caducaram.
Eu também luto por elas há alguns anos e é com tristeza que vejo que nem mais as medalhas que essas associações oferecem estão atraindo quem quer que seja, quiçá para manter aceso o cachimbo da vitória. Essa é a realidade, sejamos francos. Nossa Sociedade não pode chegar a isso. Pelo contrário!
Temos de dar o exemplo, temos de levá-la adiante, mesmo e mais ainda após o falecimento de nossos últimos veteranos. Que exemplo estaremos dando a eles e principalmente as gerações posteriores de paulistas? Se fecharmos as portas como Sociedade teremos perdido o combate, temos de fazer diferente, pensar diferente e nos mantermos à frente! EIA CABOCLOS! SIGAMOS EM FRENTE!
A estratégia é uma só, continuar abrindo núcleos, realizando eventos, manter aceso o resgate da história, desburocratizar, abrir as portas para entusiastas, civis, militares, crianças, jovens e adolescentes, investir pesada e seguramente em meios gratuitos, publicações gratuitas, envolver todo mundo, encher cemitérios de placas, monumentos, obeliscos, ordens do dia, realizar passeios em locais historicos, etc  
Nós ainda temos o privilegio de ter três datas comemorativas sobre a RC32 ao ano. Veteranos de outras revoluções e guerras infelizmente não isso têm.
Estamos num momento de transformação institucional sem paralelos, mas que é prenúncio de um futuro que poderá ser brilhante. Descanso nas mãos de nosso presidente CEL VENTURA a tomada da medida mais acertada a essa tremenda e desafiante conjuntura.
Enorme abraço a todos e novamente, este é a minha opinião. Agradeço por ouvi-la e concito os nobres IAs Presidentes e Presidentas de NCs que se manifestem a respeito.
BIAJONE
Ago 5, 2013




MEUS AMIGOS, MINHAS AMIGAS
Agradeço as sugestões, mas não é idéia transformar a Sociedade em COFAM. Apenas friso que o fortalecimento da Sociedade virá justamente da agregação dos descendentes dos heróis de 32 que têm a abrigação moral de dignificar os feitos de seus antepassados.
A SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC extrapolou os limites da nossa Nação e se tornou conhecida, de acordo com as estatísticas, principalmente nos EUA (em segundo lugar depois do BRASIL), ALEMANHA (em terceiro) e outros países como RÚSSIA, ESPANHA, PORTUGAL e por aí vai.
A ideia é transformar a Sociedade numa FUNDAÇÃO, com ramificações em outros Estados, como já vem acontecendo.
Estudos já estão sendo realizados, mas nada será feito à revelia. Uma ASSEMBLÉIA GERAL a ser convocada no tempo certo irá discutir os destinos da Sociedade, possivelmente quando a idéia amadurecer.
Por isso é que estou coletando sugestões. Farei também reuniões de grupos
escolhidos para trocar idéias e encontrar o melhor caminho para o futuro da Sociedade. Enquanto isso continuaremos com esse trabalho profícuo de todos e com essa atividade criativa que é a mola propulsora que cria tanta coisa boa nos dias atuais. Os núcleos (quer sejam de correspondência ou de base), a COFAM, a CONFRARIA DO COLAR, a COMISSÃO DE EXPANSÃO E DESENVOLVIMENTO, A COMISSÃO DO RESGATE DA MEMÓRIA DO MOVIMENTO CONSTITUCIONALISTA, os diplomas, as placas, as palestras, os nossos encontros históricos (como o recente no 9 de Julho), enfim, tanta
coisa boa está sendo desenvolvida pela família constitucionalista, que
certamente nunca aconteceu na história desta Instituição.

NOVAS NOVIDADEDES DO NÚCLEO DE JAGUARIÚNA DA SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC



MEUS PARABÉNS À MARIA HELENA PELO SEU TRABALHO À TESTA DO NÚCLEO DE JAGUARIÚNA DA SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC 


Prezados amigos

Boas notícias em Jaguariúna para o resgate histórico da Epopéia de 32.

Atenciosamente

Maria Helena

 Maria Helena de Toledo Silveira Melo