quarta-feira, 7 de novembro de 2018

NOVO SOL DA ESPERANÇA - GENERAL TORRES DE MELO - CRÉDITOS À COMUNIDADE BARRO BRANCO

NOVO SOL DA ESPERANÇA
1 postagem de 1 autor
 
Atribuir
FRANCISCO TORRES DE MELO
6 de nov (19 horas atrás)
                NOVO SOL DE ESPERANÇA
01 DE OUT SW 2018
Nova luz no horizonte. A LIBERDADE conquistada em 1964 foi mantida. Nosso GRUPO, criado em 14 de outubro de 1991, viu suas ideias serem abraçadas pelo povo brasileiro em 28 de outubro de 2018.
Foram 27 anos de luta contra uma esquerda que ao ter o PODER EM SUAS MÃOS roubou o povo brasileiro, deu vivas a corrupção e viu seu chefe preso por ser ladrão de seu País.
Quando aluno da ECEMEX (1960) fiz a seguinte pergunta ao meu mestre de economia: Como o senhor nos analisa o sistema de crédito no nosso País? A resposta foi  direta e chocante: Toda nossa economia vai de ladeira abaixo por ter o crédito não no interesse da Nação E SIM DE FALSOS AMIGOS QUE A ROUBAM. Chegamos a crise atual porque roubaram demais, dando crédito aos grandes ladrões. Alguns presos e outros soltos por ministros do STF.
Numa conferência para a criação da SUDENE PARA SALVAR O NORDESTE, perguntei: o novo órgão é para criar emprego? O mundo quase veio abaixo. Onde está a SUDENE?
Dia 28 de outubro de 2018 e o povo foi votar. 1900 horas, escuro, o sol brilhou de esperança. O céu brasileiro foi iluminado por milhares de estrelas e ao dormir o brasileiro ria como poucas vezes riu.
É AGUARDAR. TER FÉ.
GRUPO GUARARAPES
COORDENADOR GEN.
TORRES DEMELO 

SUGESTÃO AO GOVERNADOR ELEITO DE SÃO PAULO - UM GENERAL PM NO COMANDO GERAL DA CORPORAÇÃO.



Em 29 de abril de 1931, o General de Brigada honorário do Exército, MIGUEL COSTA, passou a comandar a FORÇA PÚBLICA (era MAJOR e foi promovido a General de Brigada pelo Governo Provisório de Getúlio Vargas).
Em 1932, o Comandante Geral da FORÇA PÚBLICA, Coronel JÚLIO MARCONDES SALGADO, foi promovido pelo Governo de São Paulo, a General de Brigada por ocasião de seu falecimento a 23 de julho daquele ano.
Em 13 de novembro de 1960, o General de Brigada do Exército Brasileiro, ALTAIR FRANCO FERREIRA,  foi nomeado por decreto estadual Comandante Geral da FORÇA PÚBLICA DE SÃO PAULO.
Por decreto estadual, de 1º de fevereiro de 1963, foi nomeado para comandar a Corporação o General de Divisão do Exército Brasileiro, JOÃO FRANCO PONTES.
Mais recentemente, também por decreto estadual, comandou a FORÇA PÚBLICA DO ESTADO DE SÃO PAULO o General de Brigada do EB, ARNALDO BASTOS DE CARVALHO BRAGA, de novembro de 1977 até 24 de fevereiro de 1983.

Minha SUGESTÃO ao Governo Eleito de S Paulo, JOÃO DORIA, é no sentido de, para comandar mais de cem mil homens da POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO, SEJA NOMEADO UM GENERAL oriundo dos próprios quadros da Corporação. 
Como fazer isso? Precisam mudar as leis? Que tratativas sejam feitas nesse sentido.
Em épocas anteriores, com efetivos bem menores, outros generais comandaram a Corporação, POR QUÊ não estabelecer condições legais para que essa situação seja concretizada?