terça-feira, 18 de setembro de 2018

DEPUTADO FEDERAL JAIR BOLSONARO É CONDECORADO COM O COLAR DE VITÓRIA, DA SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC


Ensaio Herivelto Martins (Completo) Blog Receita de Samba / receitadesam...

HERIVELTO MARTINS MORREU EM 17 DE SETEMBRO DE 1992. Herivelto Martins 100 Anos - Repórter Rio (31/01/2012)

Assassinato de Zequinha e Lamarca em 17 de setembro de 1971.






  47 a. assassinato do terrorista CARLOS LAMARCA, em 17 de setembro de 1971, com cinco tiros por uma patrulha militar em IPUPIARA, no interior da BAHIA. Sua última organização, o MR-8, levou-o para o sertão da BAHIA, onde pretendia instalar um núcleo de guerrilha. Foi morto por uma tropa do Exército em OLIVEIRA DOS BREJINHOS (BA), com o também militante JOSÉ CAMPOS BARRETO, o ZEQUINHA, quando descansavam sob a sombra de uma árvore. O comandante da operação foi o então MAJOR NEWTON CERQUEIRA, hoje general reformado, ex-secretário de Segurança Pública do RIO. Ele desertou do Exército em 24 de janeiro de 1969, levando armas e munição do 4º Regimento de Infantaria de Quitaúna, em OSASCO. Integrou-se então à VANGUARDA POPULAR REVOLUCIONÁRIA – VPR – uma das organizações comunistas que defendia e praticava a luta armada contra a ditadura militar. Participou de ações armadas que resultaram em três mortes. Uma delas foi o assassinato do guarda-civil ORLANDO PINTO SARAIVA, quando seu grupo assaltou simultaneamente dois bancos na rua PIRATININGA, na MÓOCA, em 9 de maio de 1969.  Naquela época eu era tenente e comandava um  Destacamento da 1ª Companhia do 11º BPM, na Rua do HIPÓDROMO. Recebi ordem de me dirigir ao local, o que fiz juntamente com o tenente DAVID VARGAS. O grupo de LAMARCA já tinha se evadido, deixando morto o guarda-civil. Diz GERALDO AUGUSTO DE SIQUEIRA, geógrafo: “Eu era militante da Ação Popular e fiquei sabendo na morte do LAMARCA no dia seguinte, enquanto cobria um ponto de encontro no PARQUE DA ÁGUA BRANCA, em SÃO PAULO. Vi a notícia em uma banca de jornal, com a foto dele e a manchete de que o ‘terrorista procurado’ havia sido pego. Foi como um soco no estômago. Sempre tive, assim como os outros militantes, a esperança de que ele conseguisse escapar, como ROBIN HOOD sempre conseguia. Senti medo por mim mesmo, temi ser um dos próximos presos. Antes, a esperança era que ele conseguisse ir para o exterior, começar uma outra vida. Infelizmente, não foi o que aconteceu”.

Últimas notícia de hoje : Flávio Bolsonaro diz que seu pai é orientado p...