sexta-feira, 23 de maio de 2014

HÁ ALGO DIFERENTE - GENERAL TORRES DE MELO

HÁ ALGO DIFERENTE. Doc. nº 35 – 2014



TORRES DE MELO <gtmelo@guararapesgrupo.com.br>




HÁ ALGO DIFERENTE. Doc. nº 35 – 2014
www.fortalweb.com.br/grupoguararapes

Há algo diferente no céu do Brasil. Novos ventos nos chegam. Há notícias
que criam esperanças. A queda nas pesquisas de nossa Presidente é algo que
anima a democracia brasileira.

Chegaram ao Poder vendendo esperança, honestidade, seriedade, indicando ao
povo que a elite que estava no PODER era corrupta e atacavam os governos
dos militares, mas não diziam o que eles realizaram e não falavam o que
eles fizeram.

Jacob Gorender diz, muito bem, no seu livro COMBATE NAS TREVAS, NO CAPÍTULO
– a violência dos oprimidos: Organizações de esquerda praticaram atos aqui
expostos sem subterfúgios: atentados a bomba e arma de fogo, assaltos a
bancos, seqüestros de diplomatas e de aviões.matança de vigilantes,
policiais e elementos das Forças Armadas, justiçamento de inimigos
guerrilhas urbana e rural.

Agora, utilizando-se o pensamento de Abraham Lincoln, entende–se a queda
nas pesquisas. A VERDADE está vindo à tona e por isso estão saindo do
“armário” e o povo compreendeu A VERDADE DO GRANDE ESTADISTA:  “Você pode
enganar uma pessoa por muito tempo; algumas por algum tempo; mas não
consegue enganar todas por todo o tempo.”  â€•Abraham Lincoln.

Enganaram , mentiram, esconderam a verdade e estamos assistindo o pipocar
de escândalos toda semana. Uma vergonha nacional. Só o escândalo da
PETROBRÁS já é um fator para que se possa pensar em outra alternativa de
governo. O do lava jato é outra desgraça e o sofrimento do paulistano bem
mostra a infelicidade que criaram para o povo

O Brasil merece que o amigo PENSE NELE. “Não acredite em conversa para boi
dormir”.
 Não esqueçam as palavras de CÍCERO defendendo ROMA de um de seus bandidos.
“Até quando, Catilina, abusarás da nossa paciência? Por quanto tempo a tua
loucura há de zombar de nós? A que extremos se há de precipitar a tua
desenfreada audácia? Nem a guarda do Palatino, nem a ronda noturna da
cidade, nem o temor do povo, nem a afluência de todos os homens de bem, nem
este local tão bem protegido para a reunião do Senado, nem a expressão do
voto destas pessoas, nada disto conseguiu perturbar-te?”

PENSE! SEU VOTO É SUA ARMA! DERROTEMOS OS BANDIDOS DA COISA PÚBLICA.

A VERDADE É A MÃE DA LIBERDADE

GRUPO  GUARARAPES
23 de maio de 2014