segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

3 DE DEZEMBRO DE 2016 - SÁBADO

CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO - DIA 2 DE DEZEMBRO DE 2016 - A GUARDA CIVIL METROPOLITANA CONDECORA PERSONALIDADES COM A MEDALHA BANDEIRANTES.
DIA       TRÊS        DE        DEZEMBRO       DE       2016      -       S Á B  A  D  O
79 anos, 11 meses e 6 dias de idade.
Início de minhas memórias – 9 de julho de 1950.
DIA 148º DO ANO 67º
58 anos e 180 dias na PMESP
57 anos e 292 dias na ESCOLA DE OFICIAIS – 20 952 dias – 499 724 horas.
53 anos e 85 dias da DECLARAÇÃO À ASPIRANTE A OFICIAL
28 anos e 264 dias no Posto de Coronel – 344 meses e 22 dias.
5 anos e 149 dias na Presidência da Sociedade Veteranos de 32-MMDC.
11 025 dias CORONEL. - 24 anos e 355 dias na reserva.
11 109-663 672                       11 025-258 148                                10 750-251 724.
DIA DE SÃO FRANCISCO XAVIER. Nasceu na ESPANHA em 1506, mas foi na FRANÇA em que se tornou um dos primeiros jesuítas (foi a PARIS para estudar letras e encontrou INÁCIO DE LOYOLA). Foi o fundador das missões no ORIENTE, ficando conhecido como o “PAULO DO ORIENTE”. Após um ano e três meses de viagem, ele chegou, em 1542, a GOA, capital da ÍNDIA PORTUGUESA. Em dez anos de apostolado, percorreu ÍNDIA, MÁLACA, MOLUCAS e JAPÃO. Foi um dos primeiros discípulos arregimentados por SANTO INÁCIO DE LOYOLA e estava entre os fundadores da COMPANHIA DE JESUS. Converteu e batizou muitos milhares de pagãos e praticou milagres portentosos. É o patrono dos missionários católicos.  Morreu em 1552, aos 46 anos.

486 a. em que partia de PORTUGAL, em 3 de dezembro de 1530, a volumosa expedição de MARTIM AFONSO DE SOUZA, o primeiro administrador colonial do BRASIL. Com uma frota de cinco navios e 400 homens, MARTIM AFONSO fundaria, dois anos mais tarde, a primeira vila oficial da colônia: SÃO VICENTE.
467 a. CARLOS V, imperador da ESPANHA, proíbe que qualquer pessoa vá em direção à AMÉRICA, sem pedir permissão a coroa espanhola, em 3 de dezembro de 1549.
208 a. as tropas de NAPOLEÃO BONAPARTE ocupam MADRI, em 3 de dezembro de 1808.
183 a. nasce o médico cubano CARLOS FINLAY, que fez a descoberta do agente transmissor da febre amarela, em 3 de dezembro de 1833 e falece em 1915.
159 a. nasce o escritor TEODOR JOSEPH CONRAD KORZENIOWSKI, em 3 de dezembro de 1857, na cidade de TERECHOWA, na POLÔNIA. Falece em 3 de agosto de 1924. Os passos dos soldados russos ressoam como batidas de tambor. Dentro da casa, rostos aterrados se voltam para a porta. Os lábios deixam escapar uma oração. JOSEPH, agarrado à mãe, fixa o olhar no pai, APOLO NALECZ KORZENIOWSKI; os soldados estão mais próximos. De um golpe, a porta se abre: alguns apontam as armas; outros vasculham a casa. Finda a busca, tomam APOLO pelo braço e saem, empurrando-o. JOSEPH continua junto da mãe, EVELINA, sem derramar uma lágrima. Não tinha ainda quatro anos e não entende o que se passa. A cena, no entanto, ficaria gravada em sua lembrança. Adulto, lamentaria não ter participado das lutas de libertação de seu País. Desde meados do século XVIII, três grandes potências européias – ÁUSTRIA, PRÚSSIA e RÚSSIA – cobiçavam o território polonês. Em 1772, valendo-se da fraqueza do governo da POLÔNIA, invadiram o País e dividiram-no entre si. Cerca de vinte anos depois, não reconhecendo a constituição promulgada pelos poloneses ainda livres, a RÚSSIA anexou mais uma parte da terra vizinha. Em 1793, numa terceira partilha, as tropas do czar apoderaram-se da PODÓLIA, região da POLÔNIA onde JOSEPH CONRAD nascera. Apesar de suas tendências literárias, APOLO, como tantos outros patriotas, não podia deixar de tramar a expulsão dos invasores. Sua casa vivia cheia de conspiradores, não  raro vestidos de preto, como a ostentar luto nacional, ou envergando trajes típicos , como a exibir a tradição popular. Muitas vezes o pequeno JOSEPH vira essa gente circular por sua casa, sentar-se junto à lareira, discutir métodos e planos de ação. Por fim, uma denúncia fora ter à autoridades: os policiais calaram os conspiradores e levaram preso o chefe da rebelião. No cárcere, APOLO esperou seis meses até conhecer a pena imputada a seu crime. Considerado da mais alta periculosidade para o império do czar, foi deportado para PERM, na RÚSSIA. O local era uma paragem erma e gelada, sem brilho de sol, onde a família via consumir-se a vida, sem possibilidade de deter o desastre. A conduta da mãe naquele tempo amargo jamais se apagou da memória de JOSEPH: “ELA enfrentou com calma as provações de uma vida que refletia todos os sofrimentos nacionais e sociais da comunidade”. Preocupado com o destino da irmã e valendo-se de suas relações com os russos, STANISLAU BOBROWSKI conseguiu que EVELINA e o filho deixassem por três meses a solidão de PERM e passassem esse tempo em sua propriedade de NOWOFASTOFF. O menino descobriu o que era brincar, correr pelas ruas com crianças de sua idade. Não sabia que em curto prazo haveria de voltar a PERM e que, na primavera de 1864, sua mãe morreria. O exílio tornou-se ainda mais amargo, com o pai isolado em sua mágoa. CONRAD ficou entregue à solidão. Quando APOLO percebeu que o menino definhava, enviou-o à casa de TADEU BOBROWSKI, o tio predileto do pequeno. Terminado o desterro dois anos depois, um comunicado oficial autorizou APOLO a voltar para a POLÔNIA, já que doente e envelhecido, não constituía ameaça para o invasor. Restava-lhe pouco tempo para respirar o ar da Pátria. Na primavera de 1869, faleceu, suscitando no povo de sua região um lamento sentido. Deixou ao filho um conselho: tornar-se um bom polonês. Em 1917, conhecido e comentado nos quatro cantos da INGLATERRA, JOSEPH CONRAD declarou a respeito de sua obra: “Chamaram-me de escritor do mar... Toda a minha preocupação foi chegar ao valor ideal das coisas, dos acontecimentos, dos seres”. A princípio, o mar era para ele apenas um gigante imaginário, conhecido por intermédio de VICTOR HUGO e JAMES COOPER, cujos livros despertaram em JOSEPH o desejo de se fazer marujo. Tal propósito provocou discussões, e tio TADEU, ainda que disposto a concordar com o sobrinho, sugeriu-lhe que primeiro concluísse os estudos básicos. Mas CONRAD insistia. Os anos de isolamento na paisagem monótona do exílio lhe haviam posto na alma a tentação das andanças pelo mundo. A família teve de se resignar e deixá-lo partir, esperando apenas que desistisse quando tivesse de enfrentar as dificuldades da vida de marinheiro. Num dia de outono de 1874, CONRAD embarcou para MARSELHA. E pisou pela primeira vez num navio rumo às terras da MARTINICA. Não se cansava de admirar a vastidão das águas brilhando ao sol intenso ou luzindo ao luar das ANTILHAS. Ao desembarcar em terra firme, já suspirava pela oportunidade de navegar outra vez. Na segunda viagem, a bordo do SANTO ANTÔNIO, CONRAD conheceu um homem que exerceria extraordinária influência em sua vida e em sua obra: DOMINIC CERVONI, corso moreno e forte, retratado em O ESPELHO DO MAR como um navegador experimentado, sério e irônico. Com ele, aprendeu a ver os homens e o mundo com ceticismo, os perigos com serenidade. Por intermédio dele, participou da primeira aventura política. O príncipe DOM CARLOS irmão do falecido FERNANDO VII, rei da ESPANHA, reivindicava o direito de sucessão ao trono espanhol ocupado por sua sobrinha ISABEL. O povo dividiu-se em facções opostas, que não tardaram em se defrontar. Em MARSELHA, nos cafés à beira do cais, o problema espanhol era assunto  do dia, e CERVONI, CONRAD e um americano chamado BLUNT abraçaram a causa carlista. Durante meses transitaram pelo MEDITERRÂNEO  contrabandeando armas para os rebeldes, até que, descobertos pelos legalistas, foram obrigados a afundar o barco para salvar a vida. O episódio levou CONRAD a viver também o primeiro caso amoroso. Uma dama, carlista fervorosa, suposta amante de DOM CARLOS, provocara não só o amor de CONRAD, mas ainda a paixão de BLUNT. Por causa dela, os dois  bateram-se em duelo, em fevereiro de 1878, saindo ambos feridos. O gesto não comoveu a dama, que os deixou e continuou lutando em prol de seu príncipe. Esses acontecimentos levaram CONRAD a abandonar MARSELHA e a embarcar para LONDRES. Sem saber inglês, levando pouco dinheiro, mas animado pela energia de seus 21 anos, desembarcou na INGLATERRA no verão de 1878, disposto a aprender a língua e a ganhar a vida. O aprendizado do inglês começara com toscos diálogos a bordo do ESPUMA DO MAR, aos quais se acrescentara a leitura dos jornais, cujo vocabulário fugia totalmente ao linguajar dos marujos. CONRAD costumava recorrer também a uma edição completa de SHAKESPEARE, cujas obras conhecera desde a infância, por meio de uma tradução feita por seu pai. Os esforços para aprender a língua não visavam à expressão literária; bastava-lhe ter um meio suficiente para sobreviver e obter o grau de oficial. Em 1880, quase dois anos depois de ter pisado em solo inglês, submeteu-se aos exames regulares para o posto de segundo-tenente da MARINHA MERCANTE, sendo aprovado com distinção. Tio TADEU entusiasmou-se com o progresso do sobrinho. Nas cartas que lhe escreveu por essa época, louvou-lhe os esforços, incentivou-o e insistiu para que se naturalizasse inglês. Nos seis anos entre a obtenção do grau de segundo-tenente e o certificado de súdito britânico, JOSEPH CONRAD viajou. Foi acumulando muitas experiências, e uma marcou profundamente, servindo de partida para o romance LORDE JIM, que publicaria em 1900; o naufrágio do PALESTINA, que no livro recebeu o nome de PATNA. Tal como em LORDE JIM, CONRAD após a catástrofe, foi para o ORIENTE. Permaneceu em CINGAPURA durante algumas semanas e voltou ansiosamente a LONDRES, para prestar os exames de tenente. Após conseguir o grau de oficial, foi a MARIENBAD, onde visitou tio TADEU e vários amigos poloneses. Como homem do mar, faltava-lhe apenas preencher mais um estágio: alcançar o posto de capitão. Foi só após o ter conseguido que se inscreveu pela primeira vez num concurso literário, apresentando o conto O MARUJO NEGRO. Estava pronto para zarpar rumo a uma nova aventura. A vida de CONRAD poderia ser narrada a partir dos navios em que peregrinou pelos mares do mundo, perfazendo um longo caminho, marcado de curvas e viravoltas, e que estranhamente o conduziu à literatura. Desiludido com a viagem feita a bordo o OTAGO, iniciou sua primeira narrativa longa inspirada num curioso personagem que conhecera a bordo do VIDAR: o comandante desse embarcação morrera encerrado em seu camarote, tocando violino ininterruptamente e abandonando a tripulação à desordem e à doença. CONRAD assumira o comando e conseguira à duras penas vencer as baixas, os vendavais, a febre que o acometera, e finalmente chegar a BANGCOC, onde permanecera encerrado no hospital. Ao se restabelecer, enclausurou-se em seu apartamento junto ao TÂMISA, em LONDRES, deixando por algum tempo os riscos do mar. Nesse período de ócio, começou a escrever o relato das ilusões de ALMAYER, o holandês mestiço que conhecera a bordo do VIDAR, quando vagava pelas ilhas do arquipélago malaio, em 1887. No apartamento londrino, CONRAD recordava as cenas do paraíso tropical que percorrera, valendo-se não só de sua memória, mas também de anotações rabiscadas às pressas no VIDAR. Não escreveu a obra toda de uma só vez. Em 1889 interrompeu-a para ir a VARSÓVIA, pisando o solo polonês após dezesseis anos de ausência, a abraçar o velho TADEU e os parentes saudosos. No ano seguinte, partiu para o CONGO, única viagem da qual se arrependeu amargamente. Imaginara a ÁFRICA como terra livre e selvagem, onde a vida era mais intensa. Mas ao chegar lá não encontrou a vitalidade que desejava ver e decepcionou-se. A serviço da Sociedade Anônima Belga para o Comércio no Alto CONGO, CONRAD deveria comandar o FLÓRIDA, transportando mercadorias para os portos  da costa congolesa. O diretor da Sociedade, entretanto, deu-lhe o comando de outro barco, destinado unicamente à navegação fluvial. O trabalho, os companheiros, o clima e a malária fizeram-no largar tudo e voltar para LONDRES, apesar do grande prejuízo econômico que tal decisão lhe acarretaria. Ao se referir posteriormente a esse fato, resumiu-o como “uma longa enfermidade e uma triste convalescença”, a partir das quais o escritor desabrochou em toda a plenitude, pois, enquanto se restabelecia dos transtornos causados pela estada no CONGO, retomou e redigiu grande parte de A LOUCURA DE ALMAYER. A composição inteira da obra estendeu-se por mais dois anos, entremeada de viagens e de luto. Fazia um mês que CONRAD retornara a LONDRES, desembarcando do ALOWA e disposto a não mais navegar, quando recebeu o telegrama que comunicava a morte de tio TADEU. Julgou que a única homenagem que lhe poderia prestar seria dedicar-lhe a obra. Terminou-a em abril de 1894 e enviou-a a um editor londrino. Em outubro soube que A LOUCURA DE ALMAYER fora aceita. A crítica recebeu com aplausos a estréia, e o público esgotou a primeira edição em poucos meses. A história do holandês que se destruíra numa aldeia da INDONÉSIA e o ambiente primitivo seduziram os leitores. Em suas vidas rotineiras, sufocadas pela fumaça das cidades, a paisagem primitiva era um jato de ar puro, um devaneio rico de cores e emoções. Em meio a todos esses acontecimentos, o amor que CONRAD andara buscando se revelou: JESSIE GEORGE. Mandava-lhe flores, visitava-a de vez em quando, contava-lhe episódios pitorescos de suas numerosas viagens. Percebia nos olhos dela o agrado com que o recebia, mas jamais tivera a coragem de lhe declarar amor. Numa tarde, voltavam juntos de um passeio, quando a chuva os pegou de surpresa. Correndo como adolescentes, de mãos dadas, refugiaram-se no saguão da Galeria Nacional, e, com a voz abafada pela emoção, o escritor propôs casamento à moça. Em três meses estavam casados, prontos para embarcar rumo à BRETANHA. A felicidade que encontrou levou-o a esquecer um pouco a literatura. Não queria saber o que achavam de seus livros, não pensava escrever nada. A própria JESSIE teve de lhe chamar a atenção pra as críticas ao seu segundo romance, UM PÁRIA DAS ILHAS, lançado em 1896. Dentre os comentários, CONRAD interessou-se por um artigo anônimo publicado no SATURDAY REVIEW. Solicitou à revista que o pusesse em contato com o crítico que tão bem considerava seu trabalho, e assim conheceu o escritor H.G.WELLS. Foi o início de uma amizade duradoura, de longas conversas na residência de CONRAD em PENT FARM, onde tinha como vizinho HENRY JAMES. Na BRETANHA, retomou as lembranças do arquipélago malaio e iniciou a composição de SALVADOR, trabalho que seria interrompido vezes sem conta por motivo de doença. Nessa época a chegada de vários pertences seus, enviados do CONGO, inspirou-lhe UM POSTO AVANÇADO DO PROGRESSO. Em seguida iniciou o romance O NEGRO DO NARCISO, que seria publicado em 1897. No outono de 1896 regressou à INGLATERRA e estabeleceu-se em ESSEX, de onde remeteu a HENRY JAMES um exemplar de UM PÁRIA DAS ILHAS. Mais tarde recebeu do novelista um livro de sua autoria e um convite para jantar. De todos os literatos com quem CONRAD privou, certamente JAMES é o que mais se aproxima dele. Ambos costumavam utilizar como narrador de suas histórias um dos personagens, cuja visão unilateral dos acontecimentos se completa com a dos outros. Desse modo, o leitor tem pelo menos dois ângulos da história, duas visões do herói, e pode julgá-lo com maior objetividade. Ao nascer seu primeiro filho, em 1896, CONRAD novamente suspendeu SALVADOR, e reservou esse ano para a criação de duas obras-primas: JUVENTUDE e CORAÇÃO DAS TREVAS. LORDE JIM veio a seguir. O personagem central, um marinheiro inglês acusado de haver deixado naufragar seu navio, revela muitas semelhanças físicas e psicológicas com o próprio CONRAD. Serve-se das viagens como fuga, atormentado por um obscuro sentimento de remorso. A morte para ele é redenção dos erros pessoais: o de não haver impedido o naufrágio e o de não ter podido rechaçar os invasores da aldeia que adotara como lar. CONRAD igualmente se lamentou durante a vida inteira por não haver lutado pela libertação de sua pátria. Mais de dez anos após a publicação de LORDE JIM, CONRAD concedeu entrevista a um jornalista polonês: “Os críticos ingleses, comentando minhas obras, sempre acrescentam que encontram nelas coisas incompreensíveis, imperceptíveis. Só vocês, poloneses, podem perceber aquele imperceptível, compreender aquele incompreensível, porque é o que eu tenho em mim de polonês”. Foi cultivando esse incompreensível que JOSEPH CONRAD encontrou sua forma pessoal de lutar pela sobrevivência da chama polonesa. CONRAD, apesar de se encontrar longe da pátria, nunca, até a morte, no ano de 1924, deixou esmorecer em si o corajoso espírito de seu povo. JOSEPH CONRAD morreu em 3 de agosto de 1924.       
151 a. presidente RAMÓN CASTILLA decreta a abolição da escravatura no PERU, em 3 de dezembro de 1855.
141 a. falece AURELIANO CÂNDIDO TAVARES BASTOS, na FRANÇA, em 3 de dezembro de 1875. Nasceu em ALAGOAS a 20 de abril de 1839. Formou-se em Direito e foi eleito deputado. Atuou também com secretário da MISSÃO ESPECIAL AO RIO DA PRATA. Escreveu várias obras que o tornaram um dos precursores da disciplina atualmente denominada “ESTUDOS SOCIAIS”. Em PERDIZES, em 1922, uma rua foi denominada TAVARES BASTOS em sua homenagem.
137 a. THOMAS EDISON faz primeira demonstração com lâmpada elétrica, em 3 de dezembro de 1879. 
131 a. nasce o GENERAL MIGUEL COSTA: - (3 de dezembro de 1885–2 de setembro de 1959). Nasceu na Argentina, em 3/12/1885, filho de Jaime Costa VI e Dolores Rodrigo Otiz, ambos da Espanha. Vieram para o Brasil, em 7/09/1892. Instalaram-se na cidade de Piracicaba, na Fazenda Pau D´Alho. Após o falecimento do seu pai – Jaime Costa VI – Dolores Rodrigo mudou-se  com a família para São Paulo, inaugurou um restaurante nas redondezas dos quartéis da Luz e passou a fornecer refeições para os soldados da antiga Força Pública, hoje, Polícia Militar.
Miguel Costa alistou-se no Regimento de Cavalaria no ano de 1901. Pobre, não podia pagar as escolas, estudava no Regimento de Cavalaria e quando as aulas se encerravam, ele freqüentava as aulas de outras turmas, a fim de aperfeiçoar seus conhecimentos na arte da guerra – a matéria que ele mais gostava de estudar.
Ele estudou muito, em 1910 passou a cabo, em janeiro de 1911 passou a sargento Quartel Mestre. Foi por decreto promovido ao posto de Alferes Instrutor. Em janeiro de 1912 foi elogiado e agraciado pelos bons e leais serviços que prestou a administração do corpo, durante o tempo em que exerceu as funções de instrutor. Em 11 de abril, passou a responder pelas funções de Comandante do 1º Esquadrão. Em 5 de setembro passou a encarregado de pelotão dos alunos cabos e da instrução dos graduados da esgrima a cavalo. Em 18 de novembro foi louvado pelo zelo, correção e disciplina com que se portou na Parada de 15 de novembro, no Prado da Mooca. Em 16 de março de 1913 foi promovido, por decreto, ao posto de tenente, por merecimento. Em 17, foi nomeado para exercer interinamente o cargo de Secretário do Corpo. Em 10 de junho de 1914, por decreto, foi promovido a capitão, também por merecimento. Em maio de 1917, foi elogiado pelo Governo por ter participado à frente de seu Esquadrão da negociação entre os grevistas de inúmeras fábricas, que tentaram conturbar a ordem e a segurança da cidade, com o Governo do Estado. Conseguiu junto ao órgão legal, e junto aos grevistas, um acordo de paz entre ambos. Em fevereiro de 1918, no dia 18, obteve a nota 7,9 nos exames militares a que foi submetido para o posto de Major na arma de Cavalaria, sendo que a nota máxima era 8.0. Em outubro de 1919, durante os meses em que a Gripe Espanhola assolou quase todos os lares de São Paulo, o capitão Miguel Costa esteve sempre apto a socorrer o semelhante, cuidou abnegadamente dos doentes e ajudou a enterrar os mortos. Por essa ação meritória foi citado elogiosamente pelo Governo e pelo Comando. Em 2 de dezembro foi elogiado e louvado, por ter dado provas de competência, instrução, correção e também pelo brilhantismo que deu ao Certamem Militar, realizado na Capital Federal, alcançando o 1º prêmio em tiro técnico a 300 metros e duas classificações em tiro de combate a 400 metros e, ainda mais, pelo modo brilhante com que se portou naquele Certamem, elevando bem alto os créditos da Força Pública em que tomou parte. Em 17 de janeiro de 1922 foi deferido seu requerimento em que pedia ao Sr. Dr. Secretário da Justiça e da Segurança Pública para que fizesse constar em sua Fé de Ofício a seguinte alteração: ser Argentino, naturalizado brasileiro. Em 19 de janeiro foi promovido, por merecimento, a Major, conforme consta em seu arquivo no Quartel do Comando Geral.
Miguel Costa foi também duas vezes campeão internacional e mais de 30 vezes campeão nacional de hipismo.
Foi destacado o melhor aluno da Missão Francesa de Instrução Militar, na década de 1920 e foi indicado para ser o Comandante do Pelotão que seguiria para combater com os aliados na Primeira Guerra Mundial.
Foi nomeado pelo Governo de São Paulo em 1920 para fazer a escolta do Rei Alberto, da Bélgica, e por sua notável tarefa foi louvado e agraciado pelo próprio Rei Alberto com o título Real de Cavaleiro da Corte Belga.
Em 1917, na grande Greve Geral, Miguel Costa foi incumbido de acabar com a greve a todo custo. Reuniu a cavalaria e se dirigiu ao Brás e à Mooca, bairros onde se concentrava o maior foco de grevistas. Em sua chegada a esses bairros, foi apedrejado na testa, por um manifestante mais exaltado. Aturdido momentaneamente indagou ao grevista:
O que eu fiz para receber essa pedrada?
– Você veio aqui para nos bater, por que não desce desse cavalo e vêm ver como vivemos? não somos baderneiros, só queremos um aumento de salário.
Miguel Costa se dirigiu àqueles porões (local onde também morava a maioria policial), enquanto constatou a miséria em que aquele povo vivia, avistou uma mãe que amamentava uma criança mirrada. Indignado, Miguel Costa levou a reivindicação dos grevistas ao governo, intermediou a manifestação, colocou fim ao movimento sem precisar ofender qualquer cidadão.
Em 1923 foi informado pelo general Luiz Barbedo da situação política extremamente crítica do Brasil. Consciente de que era preciso tomar uma atitude que colocasse o Brasil no rumo da independência econômica, Miguel Costa aderiu à Revolução de 5 de Julho de 1924, seu compromisso foi o de sublevar o Regimento de Cavalaria e todas as forças policiais.
5 DE JULHO DE 1924
Na madrugada do dia 4 para 5 de julho de 1924 eclodiu a revolução. A primeira ação de Miguel Costa foi subir as escadarias do antigo prédio do Regimento, de revolver em punho, ele adentrou na sala do comandante, apontou-lhe o revolver e disse:
– Você está preso.
– O que é isso Miguel, nós somos amigos!
– Aqui não tem amizades comandante, meu único amigo agora é a Revolução.
Ele conduziu o prisioneiro à sela, mandou seu ajudante de ordens prender os outros oficiais de quem suspeitava, desceu as escadarias por onde havia subido, se dirigiu às baias, montou no cavalo do comandante, mandou o clarim soar o toque de reunir e explicou à tropa o que se passava. O toque de reunir era o sinal que avisava aos outros revolucionários que a revolução estava iniciada.
O chefe da revolução, general Isidoro Dias Lopes, ordenou a Miguel Costa cessar a Revolução no dia 8, só que, o major  não concordou com essa ordem e não a cumpriu. Por isso, o general Isidoro abandonou o comando da revolução e deixou Miguel Costa, que tinha apenas o apoio de Estilac Leal e Eduardo Gomes, sozinho. Naquela mesma madrugada do dia 8 para 9 de julho, Miguel Costa escreveu uma carta ao Dr. Carlos de Campos, carta que não foi entregue, porque o governo havia se retirado de São Paulo e se dirigido para Guaiauna. No conteúdo da carta, Miguel Costa propunha a rendição, mediante duas condições: primeiro que as promoções de cabos e sargentos fossem mantidas. Segundo que a responsabilidade do levante da Força Pública recaísse sobre a cabeça dele, porque os soldados obedeciam às suas ordens e acrescentou que se as exigências não fossem cumpridas muito sangue iria rolar pelas sarjetas de São Paulo. Miguel Costa não cumpriu a ordem superior, porque acreditava ainda ser possível dominar a cidade naquela madrugada. Ele estava certo, com a fuga do governo, que se exilou no interior, os revolucionários dominaram a cidade até o dia 27 de julho de 1924. O general Isidoro reassumiu a liderança da revolução.
Centenas de tropas legalistas foram convocadas para liquidarem com os revolucionários. Por causa dos ataques maciços, os revolucionários resolveram abandonar a cidade, para evitarem maiores danos e preservar a vida dos civís. Além disso, se ficassem mais tempo poderiam ser esmagados já que todas as forças militares se dirigiam para São Paulo. A manobra estratégica foi: sairem de trem, em absoluta ordem e silêncio, carregando tudo o que fosse possível. Miguel Costa fez a retaguarda da retirada junto com Juarez Távora.
De São Paulo eles seguiram até a cidade de Bauru, onde se formou a DIVISÃO SÃO PAULO, composta por três brigadas, sendo a terceira, exclusiva de soldados da Força Pública Paulista, comandada por Miguel Costa. Antes, na retaguarda da retirada, e agora na retaguarda da avançada, a ele foi enviada a ordem de rendição, emitida pelo exército legalista que tinha à sua disposição mais de 18 mil soldados.
– Enquanto ao meu lado tiver um coração palpitando disposto a continuar na luta e enquanto me sobrar um cartucho eu não abaixarei as armas, mande suas baionetas – E as baionetas não foram. A recusa de Miguel Costa em abaixar as armas deu tempo de sobra para que Luiz Carlos Prestes e sua coluna pudessem se juntar aos paulistas no Paraná.
Na descida do rio Paraná, durante a retirada de São Paulo, houve um combate terrível, no qual a artilharia tomou parte saliente. As granadas inimigas caíam incessantemente sobre o Q.G., onde Miguel Costa, fumando fleumaticamente o seu cigarro, combinava com Juarez os meios para rechaçar o inimigo, como se estivesse a palestrar sobre um assunto alegre, em uma sala tranquila. 
Miguel Costa foi quem seguiu ao encontro de Luiz Carlos Prestes, que, juntamente com a sua tropa, estava desfalcado de tudo. Miguel Costa mandou o tenente João Cabanas distribuir aos gaúchos todo o armamento e munições de que dispunha. Ele armou e municiou aqueles gaúchos e assim foi possível dar continuidade à Revolução Brasileira.
Depois da união da brigada de Miguel Costa com a brigada de Luiz Prestes surgiu a PRIMEIRA DIVISÃO REVOLUCIONÁRIA. – Passo o comando ao Miguel – disse o chefe militar da revolução, o general Isidoro Dias Lopes.
Miguel Costa assumiu o comando da coluna e liderou os revolucionários por mais de dois anos, palmilhando juntamente com seus comandados, mais de 25 mil quilômetros pelo interior do Brasil, mantendo assim, acesa a chama da revolução.
Após o Drº Washington Luiz assumir a presidência do Brasil no lugar de Arthur Bernardes, o novo presidente mandou caçar a naturalização de Brasileiro de Miguel Costa, ato que indignou toda a nação e gerou grande polêmica na época. Esse foi um dos motivos que deixou o nome dele fora da Coluna que ele comandou.
OUTUBRO DE 1930
Em 1930, esse movimento ressurgiu novamente das cinzas. O General Miguel Costa rumou para o Rio Grande do Sul. Juntou-se a Getúlio Vargas e Oswaldo Aranha e à frente do Exército Libertador, (vanguarda do sul)comandou 12 mil homens acantonando seu exército em Itararé.  Engrossou sua coluna com aproximadamente 60 mil homens que estavam sob suas ordens. Nessa cidade ocorreria a maior batalha das américas, fato que não ocorreu por causa do bom senso do General Miguel Costa. Ele, enviou o deputado da bancada gaucha, Glycério Alves, para entregar intimação de rendição ao coronel adversário Paes de Andrade e este, consciente da derrota, abaixou as armas. Washington Luiz renunciou . O povo venceu.
É importante lembrar que o General Miguel Costa foi o único policial militar a comandar grandes unidades e oficiais do Exército, tanto na 1ª DIVISÃO REVOLUCIONÁRIA quanto na Revolução de 1930
Quando Miguel Costa entrou em São Paulo ele foi carregado pelo povo que o esperava na Estação Julio Prestes. Montou em seu cavalo e desfilou pela Avenida Paulista. Pronunciou seu primeiro discurso no Explanada Hotel, em frente ao Teatro Municipal. Pregou a anistia para todos.
De 1930 até 1932, Miguel Costa teve grande influência política no governo de São Paulo. Getúlio Vargas o nomeou general do Exército, por causa de seus relevantes serviços prestados ao Brasil. Sua nomeação a general implicou na alteração do decreto 5003 de 1917. Getúlio Vargas escreveu no decreto que só pode ser general da Polícia Militar um general do Exército, da ativa, que exerça o cargo de Comandante Geral da Polícia, igual era o caso de Miguel Costa, que, assumiu a Secretaria da Segurança Pública, o Comando Geral da Polícia e a Inspetoria da Segurança, após a instalação do Governo Provisório. Ele controlava sozinho toda a força armada de São Paulo. Miguel foi o único general de Polícia que exerceu esse cargo, por dois anos. Julio Marcondes Salgado foi promovido a general de Polícia depois da sua trágica morte, em 1932.
Miguel Costa foi um grande entusiasta para a Revolução Constitucionalista de 1932. Ele pediu o desligamento dos cargos que assumia e a reforma do posto de general do Exército, porque ele dizia que não podia agir contra um governo do qual fazia parte. Por isso, desejava lutar contra a ditadura de Getúlio Vargas, apenas na posição de um cidadão brasileiro. Essa decisão estimulou-o a fundar a Legião Revolucionária, o que viria posteriormente a se transformar no Partido Popular Paulista. Miguel Costa foi preso no dia 9 de julho de 1932. Mantiveram-no encarcerado por 18 meses.
Em 1935, Miguel Costa foi preso novamente por ter sido acusado de forma injusta, de chefiar o movimento anti-fascista (intentona comunista). Movimento este que ele desconhecia. Miguel Costa não participou da intentona comunista de 1935, essa acusação rendeu-lhe grandes prejuízos.
Miguel Costa nunca foi comunista igual pregaram seus opositores. Publicaram no jornal “A Manhã” que ele seria o chefe desse movimento em São Paulo. Neste dia, 27 de novembro de 1935, Miguel Costa, já aposentado, estava em seu sítio construíndo uma casa. Sua patente de general foi cassada por Getulio Vargas, o mesmo quem a conferiu. Sem proventos, viveu com grande dificuldade. Ele foi até a Delegacia de Investigações Policiais para prestar depoimento:
– Se eu fosse chefe de algum levante, eu estaria a frente dele e não escondido em alguma casa.
Essa foi a resposta que Miguel Costa deu ao Delegado que investigava o caso, conforme reza nos autos da investigação. Ele só recuperou as honras do posto de general em 1956.
Em 2 de setembro de 1959 Miguel Costa foi convidado para ir ao programa de televisão “Não Durma no Ponto”, de Carlos Manuel da Nóbrega, transmitido ao vivo pela TV TUPI. Nesse programa ele deveria responder a três perguntas, dentro do tempo de três minutos. A platéia assistia a um pedaço vivo da história. Em casa, sua família lhe assistia. Após responder as perguntas, ele se levantou, posicionou-se erecto diante da platéia e das câmeras, estendeu a mão direita à testa em sinal de continência. As palmas estrugiram do auditório, igual a um vendaval que fez seu corpo oscilar, a emoção que o possuiu foi tão grande que fez o seu coração parar de bater. Miguel Costa faleceu em pé, diante das câmeras que transmitiam aqueles sinais. A sua morte foi assistida por sua família. Ele morreu em pé, igual morrem os generais, igual morrem os grandes homens.
119 a. das notícias publicadas no jornal DIARIO POPULAR de 3 de dezembro de 1897: vieram dizer-nos que na Rua FORMOSA, ontem, um fiscal da companhia “ÁGUA E LUZ” encontrou fios de ferro engatados nas linhas principais de que depende toda e completa responsabilidade da iluminação da cidade. Não há quem possa acreditar que tais fios de ferro tivessem ido por si mesmo prender-se àquelas linhas. Precisa que as patrulhas deitem a mão sobre os indivíduos que escolhem para distração causar prejuízo e interesses dos outros.
Inaugurou-se solenemente, em OURO PRETO, uma usina de eletricidade para iluminação pública e particular.
LA PRENSE, de BUENOS AIRES, aconselha o Governo da República a fazer guerra de tarifas aduaneiras ao BRASIL, em conseqüência de impostos com que este país trata de taxar os produtos argentinos.
LA PRENSE convida também a todos os governos americanos a protestarem contra a intervenção alemã na República Haitiana, país na AMÉRICA CENTRAL.
Dizem de HAVANA que o GENERAL PANDO, do exército espanhol, foi surpreendido por uma guerrilha de cubanos e morto em combate.
118 a. das publicações no jornal DIÁRIO POPULAR, edição de 3 de dezembro de 1898: zelando pela autonomia municipal e pela liberdade do comércio, o doutor intendente de Polícia reclamou contra a invasão de oficiais de justiça nos mercados municipais para coagir os contribuintes a pagamentos indevidos. A impressão destes fatos repercutiu dolorosamente na opinião geral.
As festas realizadas em SANTOS, em homenagem à oficialidade do cruzador português ADAMASTOR, tiveram o maior esplendor. O navio fundeou à uma hora e quarenta e cinco minutos em frente à Beneficência Portuguesa, recebendo as visitas da saúde, capitão do porto e vice-consules de SANTOS e de SÃO PAULO.
Os nossos títulos foram ontem cotados no mercado de LONDRES a 54, os da OESTE DE MINAS a 56 e os de arranjo financeiro a 81.
Ontem reuniram-se os acionistas da OESTE DE MINAS, autorizando o doutor CESÁRIO ALVIM a proceder como entender no sentido dos interesses da companhia.
Há acordo na Câmara para aceitar as emendas apresentadas ao orçamento da Viação, para o prolongamento da Estrada Central de CURVELLO até CASCUDOS, MINAS.
Despachos da BAHIA informam que até a madrugada de hoje ainda continuava o serviço de extinção de um grande incêndio de ali houve. Não é ainda conhecida a origem verdadeira do incêndio. Só a firma MATHEUS SANTOS E COSTA FREITAS perderam vinhos na importância de setecentos contos.
117 a. notícias publicadas no DIÁRIO POPULAR. O jornal não circulou no dia 3 de dezembro por ser domingo. Destaques da edição anterior: noticia o LAVOURA, de UBERABA, que corre com insistência que o CAPITÃO ANDRADE, que seguiu para a cidade do PRATA, Estado de MINAS, seguiu com 25 praças a fim de, sob pretexto de garantir a ordem pública ali, de forma alguma ameaçada, fazer pressão na eleição de 31 de dezembro.
O CAPITÃO ANDRADE levou também ordens para dar cabo de FLAUZINO, autor da morte do alferes PRETEXTATO TATI, que foi delegado de policia e cuja absolvição pelo júri do PRATA dizem ser segura.
Realiza-se amanhã à uma hora da tarde, no TEATRO POLITEAMA, uma festa artística, promovida em homenagem ao TENENTE JOAQUIM ANTÃO FERNANDES, regente da banda da brigada policial.
Lemos na CIDADE DE SÃO SIMÃO o seguinte: “Sabemos que se acha em grande atraso o coletor de rendas estaduais neste município, cuja fiança, apesar dos esforços do Tesouro, não foi até hoje integralizada. O alcance da coletoria local é de quantia superior a 20:000$000, e, somente devido a intervenção de amigos, não foi ainda apurado esse desfalque.
Os moradores de SANT´ANNA estão justamente apreensivos com a falta de esgotos nesse populoso bairro.
Com a presença dos senhores vereadores, foi aberta ontem a sessão da Câmara Municipal. Foi lido um requerimento de GIACOMO LEONI pedindo concessão para construir um teatro entre as Ruas FORMOSA, BARÃO DE ITAPETININGA e CONSELHEIRO CRISPINIANO.
RIO – Parte segunda-feira de TOULON o novo couraçado da Marinha de Guerra brasileira MARECHAL DEODORO.  
114 a. nasce ANTÔNIO AMÉRICO DE CAMARGO ANDRADE, um dos heróis de 23 de maio de 1932, imolado na Praça da República, por esbirros da ditadura GETÚLIO VARGAS, juntamente com MARTINS, MIRAGAIA E DRÁUSIO. Originou-se então a sigla MMDC, uma organização secreta que foi um dos pilares mestres da Revolução Constitucionalista de 1932. Os jovens foram alvejados por asseclas do GENERAL MIGUEL COSTA, homiziados nas dependências do PARTIDO POPULAR PAULISTA (ex-LEGIÃO REVOLUCIONÁRIA), na esquina da RUA BARÃO DE ITAPETININGA com PRAÇA DA REPÚBLICA. Ali também foram feridos mais onze participantes do comício na PRAÇA DA REPÚBLICA.
113 a. nasce ANA FRANCESCA, irmã do JOÃO DE DEUS NOGUEIRA, falecida há 60 anos, em SANTA RITA DO SAPUCAÍ. Nasce em 3 de dezembro de 1903.
113 a. falece PRUDENTE JOSÉ DE MORAES BARROS, em PIRACICABA em 3 de dezembro de 1903. Nasceu em 4 de outubro de 1841. Foi o primeiro presidente civil da República brasileira. Foi empossado presidente em 15 de novembro de 1894. Sofreu um atentado contra a sua vida a 5 de novembro de 1897, em frente ao Arsenal de Guerra, perpetrado pelo cabo do Exército, MARCELINO BISPO DE MELO, no qual seria assassinado o MINISTRO DA GUERRA, MARECHAL BITTENCOURT. Grande fazendeiro paulista, governou até 1898. MANOEL FERRAZ DE CAMPOS SALLES foi o sucessor de PRUDENTE DE MORAIS, para o terceiro período do governo republicano. PRUDENTE DE MORAIS fora indicado, politicamente, ao posto supremo pelo PARTIDO REPUBLICANO FEDERALISTA, então liderado pelo eminente GENERAL FRANCISCO GLICÉRIO, apesar do interesse dos florianistas pelos nomes de JÚLIO DE CASTILHOS e LAURO SODRÉ. Homem cauteloso e de bom senso, mostrou-se preocupado em solucionar dois sérios problemas: a pacificação do País e a restauração das finanças públicas. Foi o responsável pela pacificação da REVOLUÇÃO FEDERALISTA no RIO GRANDE DO SUL; entretanto, o projeto de concessão da anistia aos rebeldes não agradou aos florianistas mais radicais (jacobinos) que pretendiam reassumir o poder. Contando com o apoio da oligarquia cafeeira e do Congresso Nacional, PRUDENTE DE MORAIS conseguiu reprimir os motins e combater a oposição que se concentrava no PARTIDO REPUBLICANO FEDERALISTA que o elegera. Teve, ainda, que enfrentar a GUERRA DE CANUDOS, que só conseguiu vencer em 5 de outubro de 1897, penúltimo ano de seu governo. No SENADO FEDERAL coube a FRANCISCO GLICÉRIO fazer a infausta comunicação do falecimento de PRUDENTE DE MORAIS e o seu necrológico.      
112 a. nasce ROBERTO MARINHO, dono da GLOBO, no RIO DE JANEIRO, em 3 de dezembro de 1904. Filho de IRINEU MARINHO COELHO DE BARROS e FRANCISCA PISANI BARROS MARINHO. Em 1911, seu pai, IRINEU MARINHO, ajuda a fundar o vespertino “A NOITE”, do qual viria a se tornar chefe de redação. Em 1925, IRINEU MARINHO vai para a EUROPA, para um tratamento de saúde, levando a família. Em 1925, IRINEU MARINHO cria O GLOBO, vespertino em duas edições diárias, com 33 mil exemplares, nas tiragens inaugurais de 29 de julho. IRINEU MARINHO morre em 21 de agosto de 1925 e o filho ROBERTO, então com 20 anos, herda O GLOBO. Em 1930, ROBERTO MARINHO decide apoiar GETÚLIO VARGAS contra JÚLIO PRESTES nas eleições à presidência, às vésperas da revolução de 1930. Em 8 de maio de 1930, ROBERTO MARINHO, com 26 anos, assume o cargo de diretor-redator-chefe de O GLOBO. Em 1935 toma posição contrária à Intentona Comunista. Em 1936, O GLOBO publica a primeira telefoto da imprensa brasileira (a nadadora PIEDADE COUTINHO nas Olimpíadas de BERLIM). Em 1937, pronuncia-se contra o golpe integralista. No mesmo ano, GETÚLIO cria o ESTADO NOVO. Em 1944, inaugura a RÁDIO GLOBO, transmitindo a final do campeonato brasileiro de futebol para os pracinhas da Força Expedicionária Brasileira na EUROPA. Em 1945, ROBERTO MARINHO bate o recorde brasileiro de salto em altura, no hipismo. Em 1945, casa-se em dezembro com dona STELLA GOULART, com quem tem quatro filhos: ROBERTO IRINEU, JOÃO ROBERTO, JOSÉ ROBERTO e PAULO ROBERTO. Nos anos 50 passa a praticar caça submarina. Em 1954 inaugura o novo edifício-sede do GLOBO, na rua IRINEU MARINHO e promove a modernização tecnológica do jornal. Em 1957 consegue para a RÁDIO GLOBO a concessão para criar futuramente uma emissora de TV. No mesmo ano funda a RIO GRÁFICA e EDITORA. Em 1959 transforma O GLOBO no segundo jornal mais vendido no RIO DE JANEIRO, com 200 mil exemplares diários. Em 1961, lança a edição nacional do GLOBO, com distribuição aérea. Em 1962 firma com o grupo TIME-LIFE um contrato de assistência técnica e financeira que beneficiaria a implantação da televisão e seria desfeito em 1970. Em 31 de março de 1964 é iniciado em MINAS GERAIS o movimento revolucionário para depor o presidente JOÃO GOULART. ROBERTO MARINHO apóia a insurreição. Em 1965 inaugura a TV GLOBO, canal 4, no RIO DE JANEIRO. Em 1966 inaugura a TV GLOBO de SÃO PAULO com a compra da TV PAULISTA. Em 1968 inaugura a TV GLOBO de BELO HORIZONTE. Em 1969 inicia a transmissão do JORNAL NACIONAL, na GLOBO; cria a SOM LIVRE. Em 1970, perde o filho PAULO ROBERTO, morto em acidente de carro na Região dos LAGOS. Em 1971 inaugura a TV GLOBO de BRASÍLIA; separa-se de dona STELLA GOULART MARINHO e se casa com dona RUTH MARINHO. Em 1974 conquista o primeiro lugar na prova General LINDOLPHO FERRAZ, da Sociedade Hípica Metropolitana, ROBERTO MARINHO seria campeão desta prova por seis anos consecutivos. Em 1975 consolida o conceito de rede nacional de televisão, fazendo com que a REDE GLOBO tenha emissoras nas principais capitais e afiliadas em todo o País. A emissora passa a exportar programas dublados em espanhol para países da América Latina. Em 1977 cria a FUNDAÇÃO ROBERTO MARINHO, entidade privada sem fins lucrativos para promover ações em favor da educação, do patrimônio nacional e da ecologia. Em 1981 O GLOBO atinge a tiragem diária de 268 mil exemplares e passa a ser o mais vendido no RIO. Em 1985 entra no mercado italiano de TV, com a TELEMONTECARLO, por meio de parceria entre a GLOBOPAR e a RAI. Em 1986 adquire para a RIO GRÁFICA e EDITORA o controle acionário da EDITORA GLOBO de PORTO ALEGRE, que reúne um dos mais importantes acervos literários do País (mais de 2.800 títulos). Em 1987 expõe sua coleção de arte no MUSEU NACIONAL de ARTES da ARGENTINA. Em 1989 separa-se de dona RUTH MARINHO. Em 1991 casa-se com dona LILY DE CARVALHO; inaugura a RÁDIO CBN. Em 1993, em fevereiro, vai aos EUA para retirar um tumor benigno do intestino. Em 22 de julho de 1993 é eleito para a ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS, onde toma posse em 19 de outubro do mesmo ano. Em 1994 vende a participação das ORGANIZAÇÕES GLOBO na TELEMONTECARLO ao grupo italiano FERRUZZI. Expõe uma seleção de sua coleção de arte moderna brasileira, com 95 quadros e quatro esculturas, no MUSEU DE ARTE MODERNA DE SÃO PAULO (MASP). Em 1995 inaugura a CENTRAL GLOBO DE PRODUÇÃO – PROJAC – em JACAREPAGUÁ. Entra na área da TV por assinatura a cabo. O GLOBO bate recorde na tiragem dos domingos (1.120.000 exemplares). Em 1996 lança o GLOBO ON LINE. A NET BRASIL inaugura um novo serviço de TV por assinatura: o SKY, via satélite. Em 1997 em MIAMI, nos EUA, instala o SKY INTERNATIONAL SATTELITE BROADCAST CENTER, maior centro de transmissão digital do mundo. Inaugura o CANAL FUTURA, primeiro empreendimento totalmente privado na área de TV educativa. Começa a construir em DUQUE DE CAXIAS-RJ o maior parque gráfico da AMÉRICA LATINA, onde passarão a ser impressos O GLOBO e, mais tarde, os jornais EXTRA e VALOR ECONÔMICO. Em 1998 lança, em 5 de abril, o jornal EXTRA. Cria a GLOBO FILMES, um núcleo da REDE GLOBO. No mesmo ano deixa as funções executivas de suas empresas e passa a se concentrar, junto com os filhos, nas definições estratégicas do grupo.  Em outubro de 2003, o jornalista PEDRO BIAL aceitou o desafio de escrever a biografia do presidente das ORGANIZAÇÕES GLOBO, falecido dois meses antes. Na TV GLOBO desde que se formou, em 1980, BIAL mergulhou durante um ano, na vida do empresário e jornalista, que completaria (se fosse vivo) 100 anos no dia 3 de dezembro de 2004. Foram centenas de cartas, documentos, fotografias, entrevistas antigas e novas – registros de um homem cuja trajetória se confunde com a História do BRASIL e do século XX. BIAL começa com um prólogo que mostra a senilidade dos últimos anos, mas de forma bem-humorada, para humanizá-lo. O primeiro capítulo chama-se “Um gigante de 1,64 m” e é onde apresenta os paradoxos que cercaram sua personalidade. Depois, há um capítulo em que fala dos “quase biógrafos” que ele teve, como OTTO LARA REZENDE e ARMANDO NOGUEIRA. No quinto e maior capítulo, BIAL faz o leitor atravessar quatro décadas de história profissional e pessoal, até os anos 70, quando ele perde um filho, PAULO ROBERTO, e se separa da mulher, STELLA. No capítulo “Doutor Roberto”, apresenta depoimentos que vão do mordomo EDGAR ao ex-presidente FERNANDO HENRIQUE CARDOSO. O epílogo, que se chama “O Mergulho como Metáfora”, tem as aventuras nesse esporte que ele tanto amava e termina com uma história reveladora.
109 a. nasce em 3 de dezembro de 1906 a acadêmica correspondente de PINDAMONHANGAGA, MARIA AMÉLIA DE CARVALHO E ALMEIDA.
109 a. do TORINO. Nasceu sob o signo da dissidência em 3 de dezembro de 1906. Um grupo de turinenses descontentes com a falta de espaço na JUVENTUS (fundada em 1897) resolveu partir para aventura própria. Eles contavam com o apoio de representantes da alta burguesia local e de suíços que trabalhavam na capital do PIEMONTE, uma das regiões mais ricas da ITÁLIA. Entre copos de vinho e de cerveja, no primeiro andar do BAR NORMAM (na sala chamada BIRRERIA VOIGT), o grupo criou o FOOTBALL CLUB TORINO, depois rebatizado como TORINO CALCIO. Em pouco tempo, a equipe de camisa grená – como a do tradicional JUVENTUS paulistano – passou a dividir com a JUVE a preferência dos torcedores. Mas demorou 21 anos (1926-1937) para chegar a seu primeiro scudetto – o escudinho que representa a conquista do título italiano. Ainda assim teve a proeza anulada, já num dos escândalos que freqüentemente abalam o cálcio. No ano seguinte, ganhou de novo, daquela vez para valer. O período de ouro, no entanto, veio nos anos 1940, quando era a base da SQUADRA AZZURRA, a seleção mais forte que a ITÁLIA havia formado depois do bicampeonato mundial de 1934 e 1938. O TORINO era uma máquina de jogar futebol, que não teve trabalho para faturar os títulos de 1943, 1946,1947,1948 e 1949. BACIGALUPO, BALARIN, RIGAMONTI, MENTI, GABETTO, VALENTINO MAZZOLA eram astros de primeira grandeza. Esse grupo talentoso de ídolos do TORO (“TOURO”, outro apelido do time por conta de seu mascote) desapareceu em 3 de maio de 1949. Depois de fazer amistoso com o BENFICA, em LISBOA, o grupo voltou para TURIM, num trimotor das antigas AVIOLINE ITALIANE. A poucos quilômetros do destino, porém, o avião bateu na torre da BASILIA DE SUPERGA. Era o fim de linha para um grande time. O TORINO se manteve em pé e disputou com formação juvenil os quatro jogos restantes da temporada de 1948-1949 e a Federação Italiana o declarou campeão nacional. Restos do avião foram conservados em SUPERGA, que se transformou em local de peregrinação de torcedores.
Pouco mais de 18 anos depois, em 15 de outubro de 1967, a equipe de TURIM foi abalada por outra tragédia: a morte de LUIGI MERONI, um dos principais jogadores da equipe e maior ídolo da torcida. MERONI foi atropelado por ATTILIO ROMERO, então com 18 anos. A ironia é que muitos anos depois, mais precisamente em 2001, ROMERO foi o presidente que reconduziu o TORINO à Primeira Divisão italiana.
Mas o TORINO já havia se transformado em time médio, que se acostumara a conviver com campanhas ruins no cálcio. Seu último título italiano fora ganho na temporada de 1975/76. Depois disso, apenas uma conquista significativa, a da COPA DA ITÁLIA de 1992/93 – havia sido campeão da competição outras quatro vezes, em 1935/36, 1942/43, 1967/68 e 1970/71.
Profundamente atingido por problemas econômicos e escândalos administrativos, o clube sucumbiu em 2005, mas logo reapareceu, como TORINO FUTEBOL CLUBE. Hoje, tenta manter a dignidade administrativa e reforçar-se financeiramente, para voltar aos tempos de glória.   
107 a. o jornal SÉCULO de 3 de dezembro de 1909 chama a atenção para o fato de DILERMANDO DE ASSIS, assassino de EUCLYDES DA CUNHA, ser visto a passeio em liberdade pelas ruas da cidade, quando devia estar preso no quartel do segundo regimento.
106 a. luzes de néon são vistas pela primeira vez em PARIS numa exposição de automóveis, em 3 de dezembro de 1910.
106 a. FRANÇA ocupa o porto marroquino de AGADIR, em 3 de dezembro de 1910. 
106 a. (LONDRES) O “FINANCIER” publica um editorial em 3 de dezembro de 1910 tratando da questão cambial no BRASIL. Lamenta a demora de qualquer solução, dizendo que a indecisão do governo em estabelecer a taxa de câmbio fornece ensejo para a especulação e determina a desconfiança.
105 a. (ROMA) Chegam de TRIPOLI, para os jornais desta capital, novos detalhes sobre a grande batalha de 26 do mês findo, em que os italianos, ocupando HENNI, expulsaram o inimigo de todo o oásis. Depois da batalha, os 104 feridos italianos foram colocados nos aterros das trincheiras, onde a luta havia semeado a morte. Durante essa cena ouvia-se ainda o crepitar da fuzilaria das patrulhas dos nossos postos. (publicado no jornal O ESTADO DE SÃO PAULO em 3 de dezembro de 1911).
104 a. da Rua do CARMO, inaugurada em 3 de dezembro de 1912.
104 a. da publicação no jornal O ESTADO DE SÃO PAULO, edição de 3 de dezembro de 1912: (CURITIBA) No lugar denominado POUSO BONITO, na estrada de PALMAS, os botucudos atacaram duas comitivas de tropeiros, no mesmo lugar, onde há poucos anos algumas mulheres e crianças foram trucidadas pelos mesmos selvagens.
102 a. BÉLGICA é submetida à administração militar alemã, em 3 de dezembro de 1914.
100 a. nasce o ex-combatente da revolução de 32, ETTORE DE TOLEDO SANDRESCHI, em três de dezembro de 1916, na cidade de São Paulo-SP, filho de Hypolito Sandreschi e Virginia Carvalho de Toledo Martins Sandreschi.  Cursou o primário no 1º grupo escolar do Braz, o ginásio no Colégio Osvaldo Cruz, ambos na cidade de São Paulo.  Formado médico em 1949 pela terceira turma da  Escola Paulista de Medicina atual UNIFESP, trabalhou durante 30 anos no Hospital do Servidor Público Municipal de São Paulo, aposentando-se como chefe da clínica dermatológica em 1973, e na Rhodiaceta, um grupo da Cia Rhodia, como chefe da clinica médica, aposentando-se em 1972. Continuou trabalhando por mais 10 anos, depois de aposentado, no Hospital e Maternidade Cristovão da Gama, na cidade de Santo André ,onde reside até os dias atuais, desde 1945. Aos 16 anos entusiasmado e incentivado por um amigo e colega de escola, se inscreveu como voluntário no Movimento Constitucionalista de 1932, no 9º setor da Faculdade de Medicina, sob nº de praça 169, comandado pelo Dr. Orlando da Costa Leite e pelo subcomandante Cap. José Camargo de Azevedo Silva. Recebeu a farda e o”Bibi”, tendo participado ativamente de diversos treinamentos e orientações. Certo dia foram convocados para marchar na Av. Rio Branco, quando a caminho, perceberam uma grande movimentação nas ruas da cidade de São Paulo. Havia sido decretado o fim da revolução. Seu documento de participação na revolução de 1932 foi assinado por pelo próprio Comandante Dr. Orlando da Costa Leite, em 26 de março de 1950. Possui também um documento comprobatório assinado pelo Ex Tenente-Secretário do 9º setor da Faculdade de Medicina, do C.P.M., do M.M.D.C.Amadeu Memolo Jr. No ano de 1942, recebeu o título de 2º Tenente-Médico da Reserva do Corpo de Saúde do Exército, para servir na 2ª Região Militar, após ter concluído um curso no Hospital Militar do Exército. Documento este assinado pelo General Eurico Gaspar Dutra e Presidente Getulio Vargas, em 23 de julho de 1942. Durante a Segunda Guerra, recebeu uma carta do Exército avisando para ficar de plantão, pois poderia ser convocado.Após dois anos o Quartel General o dispensou, pois ninguém mais seria chamado. Casou-se em 1947, com a Sra.Anidracir da Fonseca e Castro de Toledo Sandreschi, falecida em 2008, formada em Música pela Faculdade Federal do Rio de Janeiro, uma exímia pianista, tiveram quatro filhas: Ana Cristina, falecida em 2005, Virginia Maria, Maria Ricarda, médica casada com Daniel Stelmach também médico e Mariana, falecida em 2006. Possuem 6 netos: Ettore Luiz casado com Adriane, Cynthia Cristina casada com Daniel, Humberto Luiz, Antonio Luiz casado com Daniela, Julia e Jorge;e cinco bisnetas, Bruna,Pietra,Beatriz ,Isabela Sophia e Isabella. Tem como hobby: jogo de xadrez, e o estudo de alguns instrumentos musicais, tais como violino, clarinete, violão, flauta transversa e piano. Cultiva até hoje o prazer e gosto pela leitura, tendo uma biblioteca de mais de 3.000 livros de diversos assuntos, desde medicina,filosofia, psicanálise, astronomia entre vários outros. Pertence ao Lions Club Santo André –Campestre, desde 1972, fundando neste clube o Banco de Cadeira de Rodas e a Associação dos Diabéticos do ABC (ADIABC), cuja sala sede tem o seu nome. Atualmente com 96 anos reside na Cidade de Santo André, na mesma residência desde 1958, e dedica o seu tempo à leitura de jornais e livros, e convivência com a sua família.
Ettore de Toledo Sandreschi
RG 373.777.9 SSP/SP
CPF 040573098-53
CRM 3853
Rua das Bandeiras 266
CEP 09090-780
Santo André- São Paulo
  96 a. falece o pintor francês AUGUSTE RENOIR, em 3 de dezembro de 1919.
  92 a. nasce a cantora MARIA CALLAS no dia 3 de dezembro de 1923.
  91 a. fundação do PARQUE EDU CHAVES, em 3 de dezembro de 1924. EDUARDO PACHECO CHAVES vendeu uma parte de suas terras para MAX LOWESTEIN e outra para a Sociedade Comercial & Construtora S.A. que fez os loteamentos. A Companhia PLANURBA elaborou o planejamento das ruas arredondadas e ficou encarregada de vender os 1.535 lotes. O povoamento do bairro teve início em 1953, com a construção de 300 casas financiadas pela Caixa Econômica e vendidas aos sargentos da então FORÇA PÚBLICA. A SOCIEDADE AMIGOS DO PARQUE EDU CHAVES foi criada pelo então SARGENTO ARLINDO DE SOUZA PICOLI, juntamente com outros moradores em 11 de agosto de 1957. O jornal SEMANÁRIO DA ZONA NORTE em sua edição de 5 de dezembro de 2008 publica todo o histórico do PARQUE EDU CHAVES, por ocasião das comemorações dos 84 anos de criação do bairro. 
  86 a. nasce o Cel. PM Ref. JOÃO PESSOA DO NASCIMENTO em 3 de dezembro de 1930.
  79 a. GETÚLIO VARGAS dissolve a AÇÃO INTEGRALISTA em 3 de dezembro de 1937.
  75 a. nasce o Cel. PM Res. CELSO FELICIANO DE OLIVEIRA em 3 de dezembro de 1941.
|||AFRÂNIO FRANCO DE OLIVEIRA MELLO nasceu em Itapetininga em 3 de dezembro de 1946. Estudou no Instituto Imaculada Conceição, no Instituto de Educação Peixoto Gomide e no Colégio Comercial de Itapetininga. Foi comerciário, bancário (Comércio e Indústria e Unibanco), Mellocar, etc... Aposentou em 1994. Atualmente presta serviços de suporte às atividades empresarias do Grupo PIG Tintas. Foi professor de Contabilidade de Custos em Itu. Foi diretor do Marília Futebol Clube e do Laranjal Paulista Futebol Clube. É membro da Loja Maçônica Firmeza há 34 anos. Há 16 é o Curador de seu Museu. Pretende escrever sobre a Imigração Italiana em Itapetininga e sobre os Maçons da Firmeza no desenvolvimento desta cidade. Atualmente está desenvolvendo um trabalho de pesquisa de História e Genealogia das famílias Orsi, Ramacciotti, Sbragia, Loretto, Perpetto, Oliveira Mello, Correa Franco, Alves de Almeida e outras, num total de 30 (trinta) sobrenomes.


||

Já completou e imprimiu 1200 páginas referentes a um ramo da família Orsi e mais 450 dos Corrêa Franco. Cabe ressaltar que os Orsi foram pioneiros na fabricação de ladrilhos e tanques em Itapetininga. No ramo da cerâmica foram pioneiros no uso do diesel para aquecimento de fornalha.
|||Consta que seu bisavô Pietro Orsi era amigo do Conde Francisco Matarazzo. Lembra também do Pedro Corrêa Franco, funcionário do DER e que trabalhou na antiga PRD-9 Rádio Difusora de Itapetininga, no tempo que a AAI, CASI e DERAC participavam da 3a Divisão Profissional de Futebol. Outra lembrança é de Geraldo Correa Franco, um grande esportista. Ganhava todas as provas de pedestrianismo que participava na região de Itapetininga. Ele foi vereador por 2 períodos.
|||Afrânio é filho de Antenor de Oliveira Mello Júnior, que nasceu em Bofete-SP e era neto do seu fundador. Estatístico, Geógrafo do IBGE de 1945 a 1980. Foi advogado em nossa cidade. Sua mãe Amélia Corrêa Franco Mello, nasceu em Itapetininga. Professora durante a década da Guerra, em Taquarussu, uma colônia japonesa perto de Registro. Depois lecionou em Guareí e também no Adherbal de Paula Ferreira. Foi presidente, secretária e tesoureira da Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul, entidade ligada à Loja Maçônica Firmeza. O centro de Convivência da Vila Piedade tem o seu nome.
|||Afrânio casou em Itapetininga no dia 13 de fevereiro de 1971 com Regina Teresa de Moraes Monteiro.
|||Tiveram 4 filhos: Roberto, nasceu e faleceu em 1973. Afrânio, nasceu em 1974 e faleceu com 3 meses. Alexandre, nasceu em São Paulo no dia 21 de julho de 1975 e tem um filho: Afrânio Cirineu Brumer de Oliveira Mello, que nasceu em Itapetininga no dia 1º de março de 2002. Tatiana que nasceu em Cuiabá-MT no dia 22 de junho de 1980. Solteira, formada em Medicina Veterinária pela PUC-Minas Gerais - Campus de Poços de Caldas.
|||Afrânio escolheu como seu patrono no Instituto Histórico Geográfico e Genealógico de Itapetininga (IHGGI) João Netto Caldeira, autor do livro “Álbum de Itapetininga”, editado pela Organização Bentivegna de São Paulo, em 1934.
|||Ocupou o cargo de Tesoureiro do IHGGI de novembro de 2006 até junho de 2010. É sócio correspondente da Sociedade dos Veteranos de 32/MMDC e pesquisador associado do Núcleo de Correspondência "PAULISTAS ITAPETININGA! ÀS ARMAS!" da Sociedade dos Veteranos de 32/MMDC.
|||
  70 a. governo norte-americano pede que as NAÇÕES UNIDAS removam o ditador FRANCISCO FRANCO, da ESPANHA, em 3 de dezembro de 1946.
  68 a. barco KIANGYA, que estava com refugiados da guerra civil chinesa, explode no mar da CHINA matando 1,1 mil pessoas no dia 3 de dezembro de 1948.
  67 a. falece ALARICO FRANCO CAIUBI, ex-combatente de 32, em 3 de dezembro de 1949. Nasceu no ESPÍRITO SANTO DO PINHAL em 5 de fevereiro de 1896. Fez seus primeiros estudos em sua terra natal e, em 1911, formou-se pela Escola Normal de CAMPINAS. Em 1919 completou seu curso de advogado pela Faculdade de Direito de São Paulo e foi um dos fundadores da LIGA NACIONALISTA. Eleito vereador pela legenda do antigo PARTIDO REPUBLICANO PAULISTA, durante o período de 1926 a 1929, foi presidente do diretório do CAMBUCI, do antigo PRP, até 1930. Em 1932 prestou relevantes serviços a Revolução Constitucionalista, sendo um dos fundadores do MMDC, onde serviu até 14 de julho, quando ingressou no Batalhão SALDANHA, participando de diversas operações de guerra. Nos últimos dias da revolução paulista serviu como MAJOR-COMANDANTE da Praça de ARARAS, onde permaneceu até 1º de outubro de 1932. Em 1945 candidatou-se a deputado federal. Fazia parte de diversas Associações entre as quais a dos Ex-Alunos da Faculdade de Direito e do Instituto de Advogados. Escreveu em diversas revistas, sendo autor de vários trabalhos jurídicos e literários.
  66 a. em CLEVELAND, nos ESTADOS UNIDOS, CHARLES BAILLY anuncia o descobrimento de um mecanismo cardíaco-pulmonar para reanimar pessoas clinicamente mortas, em 3 de dezembro de 1950.
  64 a. da condenação e execução de onze importantes comunistas, entre os quais VLADIMIR CLEMENTIS, em PRAGA, acusados de alta traição, em 3 de dezembro de 1952.
  63 a. da transformação de GUARULHOS em COMARCA, no dia 3 de dezembro de 1953.
  63 a. cientistas da cidade de IOWA, nos ESTADOS UNIDOS, anunciam a primeira experiência com espermatozóides humanos, em 3 de dezembro de 1953.
  62 a. MARLON BRANDO faz sua estréia como ator da BROADWAY na peça “UM BONDE CHAMADO DESEJO”, em 3 de dezembro de 1954. O enorme sucesso da peça o torna famoso.
  55 a. nasce MARCELO FROMER no dia 3 de dezembro de 1961. NANDO REIS diz o seguinte a respeito dele em 2008: “Se estivesse vivo, ele teria completado 47 anos. Conheci MARCELO quando eu tinha 14 e ele 15, na Feira Medieval do Colégio EQUIPE, isso nos idos de 1977. Voltamos juntos de ônibus, de madrugada, pois éramos vizinhos de bairro, morávamos a duas ruas um do outro no velho BUTANTÃ. Embriagados de vinho barato servido a rodo na taverna renascida sobre o chão de serragem, iniciamos uma amizade que foi subitamente interrompida pelo atropelamento fatal que o levou. Não sabíamos que aquela noite seria a primeira de uma longa série de noites, tardes, dias e madrugadas vividas com a intensidade insana da juventude que parecia nunca ter fim. Mas as coisas têm fim, a vida tem fim, e a sua morte impôs essa dura constatação. Duas naturezas diferentes, por vezes complementares, outras tantas superpostas e interativas, fizemos muito do tudo que se pode fazer numa vida. Com outros amigos de escola formamos uma banda e, com ela, atravessamos 20 desses tantos anos de amizade e convivência. Com os TITÃS, crescemos e pudemos criar nossos filhos que continuam a crescer e nos recriar. Mas, antes e além da música, outras paixões deram frutos e se construíram desenhadas na lousa concreta da realidade. Fizemos o PAPAGAIO, revista em quadrinhos alternativa e anarquista que ia de encontro com a pasmaceira obsoleta do pensamento estudantil que achava que a única forma de atuação política eram as passeatas e os jornais engajados, a repetir como papagaios os jargões esquerdistas. Sempre defendemos o pensamento original e criativo como legítima força revolucionária. A revolução contra a falta de imaginação. Até mesmo uma torcida uniformizada criamos, a LSP – LOUCURA SÃO PAULINA. Sim, MARCELO também era são-paulino e gostava de ir ao estádio. Nossa torcida era escandalosamente representativa das minorias. Lembro bem da ocasião em que MARCELO chegou ao estádio com o cabelo pintado de roxo, chamando mais atenção que o próprio jogo.Torcer pelo mesmo time não significa ter a mesma cabeça, podemos vestir apenas a mesma camisa. Mas no nosso caso havia mais do que afinidade de idéias. Dividimos paixão pelas mesmas mulheres, assinamos canções com duas e muitas outras mãos, dividimos quartos de hotel nos tempos mais bicudos e formamos inclusive uma imbatível dupla de buraco graças à nossa habilidade com as cartas, sua espantosa sorte e algumas trapaças deploráveis. As pessoas são únicas e insubstituíveis, isso é certo. Mas na vida alguns encontros vão além disso, carregam mais do que a particularidade do acaso. Conhecer alguém aos 14 anos e atravessar junto dele o oceano de uma vida, transformar e ser transformado, é mais do que um simples ato fraterno de companheirismo. É uma comunhão que transcende a lógica, vai além da compreensão, não tem e não pede explicação. O que determina uma afinidade? O que nos faz gostar tanto de alguém que nos torna capaz de gostar até mesmo daquilo que a gente não gosta? O que determina o amor? É estranho: saudade dói, mas ao mesmo tempo a gente não quer deixar de sentir. Porque a intensidade da saudade machuca, mas é ela que mantém viva a lembrança daquele cuja presença não podemos mais encontrar. Saudade reacende na memória o olfato, o tato, a voz e a imagem que só reaparece vívida de quando em quando no desespero lúdico do sonho. Se a morte de quem a gente ama não faz nenhum sentido, um artigo também pode não fazer.”   
  53 a. das anotações feitas em 3 de dezembro de 1963 (terça-feira).  ANO 14º - MÈS 5º - DIA 147º - 5 anos e 181 dias na FORÇA PÚBLICA – 88º dia como ASPIRANTE – 75º dia no BATALHÃO DE GUARDAS.
Durante o expediente dessa manhã, no quartel do BATALHÃO DE GUARDAS, comando a 3ª Companhia, tendo em vista o CAPITÃO EUGÊNIO AUGUSTO SARMENTO estar de serviço no Quartel General. Entre meus atos como comandante da companhia enquadro um soldado que desacatou o ASPIRANTE MENDES, nas funções de Oficial de Dia. A punição ficou a cargo do Comandante do Batalhão, pois é a primeira prisão do soldado. Também dou instrução de Ordem Unida para a Companhia, que se vai esmerando para o Desfile de Aniversário da FORÇA PÚBLICA, marcado para o dia 15 de dezembro.
Jogo futebol de salão com o CORONEL DELFIM CERQUEIRA NEVES, CAPITÃO HELIO GUAICURU, TENENTES MÁRIO, OLEGÁRIO, ROCCO, PLINIO, FERNANDES e ASPIRANTES GIRALDI e BORINI SOARES. Assim se encerra o expediente desta terça-feira.
Viajo de retorno para casa com o ASPIRANTE GIRALDI, que mora bem perto. Sinto-me cansado e deito após almoçar.
À tardinha, chega aqui o CABO JOSÉ CARCAN que está fazendo a Escola de Sargentos. Conta muita coisa do curso e essas novidades são próprias do aluno. O CARCAN foi sair de casa lá pelas 21 horas, não dando tempo para assistir os meus programas de televisão.
  52 a. do registro de minhas memórias em 3 de dezembro de 1964 (quinta-feira). ANO 15º - MÊS 5º - DIA 147º - 6 anos e 181 dias na FORÇA PÚBLICA - 193 dias como 2º TENENTE - 441 dias no BATALHÃO DE GUARDAS.
Amanhã deverei ir até SUZANO, depor como testemunha no Fórum Criminal local e, tendo em vista responder por mim, na Secretaria o ASPIRANTE A OFICIAL LUÍS GONZAGA DE OLIVEIRA, resolvi dar um jeito em todos os documentos que deveriam ser expedidos.
Perco muito tempo na confecção de mapas sobre o novo efetivo do BG e também no término da informação sobre a mudança de características do Batalhão para Unidade de Formação de Soldados de Infantaria.
Dou aula normal no BG, das 15:30 horas às 17 horas para o SEVERINO e SARGENTO MORGADO e, enfrentando um chuvisqueiro teimoso venho para meu lar. Logo mais dou aula na Olaria da FORÇA PÚBLICA, onde se encontrava somente o SUBTENENTE NERCÍLIO. Chove e os outros subtenentes não estão presentes.
Os programas de rádio mostram o caso que se originou no BRASIL com a presença do ex-ditador argentino, JUAN DOMINGOS PERÓN, pessoa considerada "non grata" aos americanos. Foi mandado embora do território brasileiro após algumas horas de marchas e contra-marchas.   
  51 a. do lançamento dos principais fatos acontecidos em 3 de dezembro de 1965 (sexta-feira). ANO 16º - MÊS 5º - DIA 145º - 7 anos e 182 dias na FORÇA PÚBLICA - 559 dias como 2º TENENTE - 806 dias no BATALHÃO DE GUARDAS.
É esta uma data em que o tesoureiro "manda" na Unidade. Todos o encaram de um modo diferente, pois sabe que dele vai depender o pagamento dos proventos do mês já encerrado.
Mesmo assim faço questão de entrar armado e equipado no Pátio, demonstrando que não aproveito do situação para reivindicar vantagens.
Logo após a revista, o sub-comandante manda-me para a tesouraria, a fim de dar início a separação do dinheiro para pagamento às Companhias.
Às 8 horas os comandantes de companhias começam a receber. Assim é feita a seguinte distribuição?
CCS - 2º TENENTE GERSON recebe CR$ 23.007.614
2ª Companhia - 1º TENENTE PLÍNIO VAZ recebe CR$15.429.506
3ª Companhia - 1º TENENTE OMAR JOSÉ DE CAMPOS VERDE recebe CR$11.674.533.
A Primeira Companhia, como sempre, prejudica o bom andamento do serviço, pois vai entrar ao meio-dia e nós temos de esperar a boa vontade do CAPITÃO JAIR DE OLIVEIRA MOURA MORAIS vir receber na FIF, o total de CR$18.414.950.
Depois iria iniciar o pagamento dos oficiais. Isto me faz dedicar todo o expediente à tesouraria, de onde somente vou sair quase às 12 horas, a fim de ir almoçar.
O que me faz ficar alegre em tudo isso é que muita gente boa compreende o sacrifício que faço e aos despeitados (isso sempre há) dou-lhes o meu desprezo em não procurar mesquinharias. Assim atinjo os meus oito meses e meio na FIF do BG.
Às 12:30 horas faço o pagamento da 1ª Companhia e assim estou sossegado. Em seguida, os comandantes das outras companhias processam o recolhe e vou permanecer na FIF aguardando que a 1ª Companhia deslanche aquilo que ela deveria ter feito de manhã, para não causar impecilhos à tesouraria.
Chove muito durante a tarde. Permaneço todo o tempo na FIF, e se não fosse isso, muito material de papelaria estaria condenado, pois há muitas goteiras na sala onde está estocado o material. Enfim, tudo deu certo e consigo impedir o estrago que a água iria causar.
Quase às 17 horas, o CAPITÃO JAIR faz o recolhe de sua subunidade. Ainda escrevo à máquina e vou permanecer durante mais algum tempo em minha repartição.
Chove bastante e somente deixo o quartel quando são 20:30 horas. Encontro o trânsito emperrado, tanto na Rua JOÃO TEODORO, como na Avenida TIRADENTES. Encontro-me com o Cabo Aluno Sargento  MORAL (ex aluno meu, do PMRG) e com o SOLDADO JOÃO MOREIRA. Esperamos muito tempo para tomar o VILA AURORA. Vários passaram lotadíssimos e não pararam. Nestas condições, vou chegar em casa depois das 22 horas, ainda mais tendo em vista que tivemos de fazer baldeação na ÁGUA FRIA, pois o nosso ônibus perdeu a partida. Os veículos da empresa NAÇÕES UNIDAS continuam sendo os mesmos de cinco anos atrás e cada vez estão piores. Em meu lar, assisto programas de televisão, indo deitar muito tarde.      
  50 a. do registro dos acontecimentos em 3 de dezembro de 1966 (sábado). ANO 17º - MÊS 5º - DIA 147º - 8 anos e 182 dias na FORÇA PÚBLICA – 924 dias como 2º TENENTE – 242 dias na 2ª Companhia Independente.
Presidirei nesta manhã os exames prévios à Escola de Cabos. Serão realizados logo mais, num Grupo Escolar da VILA TRANQUILIDADE.
Saio de casa à 7 horas. Viajo até JAÇANÃ, de ônibus. Encontro-me  com o 2º TENENTE NELSON NUNES FERNANDES, que já ia saindo de sua residência. Com ele, rumo para a TRANQUILIDADE.
Na rua onde está situado o Grupo Escolar, funciona uma feira. Isso causa alguma dificuldade para os soldados encontrarem o local.
Com a ajuda dos SARGENTOS ÉDSON RONCONI e ADVINO RONCONI e CABOS ABÍLIO e ALÍCIO, passamos a dar os exames prévios, às 8:10 horas.
Cinquenta e dois soldados comperecem e são divididos em duas classes. O exame de aritmética é o primeiro. Consta de cinco problemas.
Conforme as provas são entregues, vou corrigindo com a ajuda do TENENTE NUNES. Resultado: 31 reprovados e 21 aprovados. Passamos ao PORTUGUÊS. Consta de um ditado e de cinco questões.
Nessa prova poucos são os reprovados.
A zeladora do prédio deixa-nos surpresos com o fornecimento de café e sanduiches. O pessoal que cuida desse Grupo Escolar trata-nos muito bem.
Às 11 horas, está tudo realizado. O TENENTE NUNES FERNANDES leva-me até a Praça ANA ANTONELLI. O SOLDADO PATRÍCIO acompanha-me e se sente amoladíssimo por ter sido reprovado em PORTUGUÊS.
Chego em casa no horário do almoço. Sinto-me com vontade de descansar nesta tarde, mas tenho de aguentar a visita do 3º SARGENTO JOSÉ CARCAN.
Assisto diversos programas de televisão, começando com os capítulos de REDENÇÃO – AS MINAS DE PRATA – ABNEGAÇÃO .
CUIDADO COM A BUZINA – BONANZA.
Tarde vou encerrar este sábado. Embora chovesse, o calor continua forte. Temos 24 graus nesta noite. 
  50 a. do primeiro transplante do coração, realizado por CHRISTIAAN BARNARD, num paciente (LOUIS WASHKANSKY, 53 anos) que sobreviveu apenas dezoito dias com o novo órgão, sem conseguir resistir aos problemas de rejeição, em 3 de dezembro de 1967, na cidade do CABO, na ÁFRICA DO SUL. O médico-cirurgião que retirou do corpo da doadora acidentada o coração que seria utilizado no transplante foi HAMILTON NAKI, sul-africano da CIDADE DO CABO (nasceu em 26 de junho de 1926). O cirurgião-chefe tornou-se uma celebridade mundial, enquanto HAMILTON NAKI permaneceu no anonimato por ser negro no país do apartheid. HAMILTON faleceu no dia 29 de maio de 2005. Uma praça no bairro da VILA MARIA tem seu nome como homenagem. O transplante foi realizado no dia 3 de dezembro de 1966.
  45 a. ÍNDIA decreta estado de emergência depois de sofrer um ataque aéreo do PAQUISTÃO em 3 de dezembro de 1971.
  43 a. satélite PIONEER 10 ultrapassa a órbita de JUPITER, em 3 de dezembro de 1973.
  41 a. da palestra, como CAPITÃO, sobre a PM e a COMUNIDADE, no C.E. JENNY KLABIN SEGALL, PARQUE NOVO MUNDO, no dia 3 de dezembro de 1975, por determinação do CORONEL NELSON TRANCHESI, Comandante do Policiamento da Capital. Eu trabalhava no CPC nessa época.
  37 a. das anotações feitas em 3 de dezembro de 1979: no CPChq fico sabendo, nesta segunda-feira, que o 2º TENENTE PM CARLOS ALMEIDA CHAGAS, Ronda Oficial do 5º BPMM, faleceu, vítima de uma ocorrência na Rua ANTÔNIO PALMIERI quando foi fuzilado com 3 tiros no peito. Com o MAJOR PM ALUÍZIO SILVEIRA DE CARVALHO PEREIRA vou ao CPA/M-3, onde está sendo velado o corpo do desditoso oficial. Às 9 horas, o féretro segue para o Cemitério JARDIM JOAMAR. Reunião no CPC – Oficiais Chefes de Seções Operacionais discutem – Exames da FUVEST, Visita do Presidente FIGUEIREDO a SÃO PAULO em 6 de dezembro e a OPERAÇÃO PAPAI NOEL. MAJOR PM WÁLTER CRISCIBENE preside essa reunião. No CPChq, coloco o CORONEL PM RIGONATTO e o MAJOR PM ALUÍZIO a par do que foi discutido no CPA. Chove muito no final do expediente. Em casa, assisto os jornais de TV GLOBO: Crise do IRÃ atinge o 29º dia – REZA PAHLEVI deixa NOVA YORK e vai para o TEXAS – Atacada a Embaixada Americana na LÍBIA – IRÃ julgará 8 reféns como espiões – EUA procura um país para asilo de REZA PAHLEVI. Confecciono a Nota de Serviço sobre a visita dos Aspirantes a Oficial da Brigada Gaúcha ao CPChq no dia 6 de dezembro de 1979. 
  32 a. da TRAGÉDIA DE BHOPAL, na ÍNDIA, no dia 3 de dezembro de 1984. Um gás venenoso é emitido por uma fábrica da UNION CARBIDE na ÍNDIA. O acidente provoca a morte de mais duas mil pessoas.
  29 a. das anotações feitas em 3 de dezembro de 1987: nesta quente quinta-feira, no alojamento do Comandante do 2º BPChq, pela manhã, estudo partes da monografia sobre REFÉNS. Os jornais de hoje publicam a libertação do CORONEL CARLOS CARREÑO, do Exército chileno, ontem, no Centro de São Paulo. Ele foi seqüestrado no dia 1º de setembro em SANTIAGO, pelo grupo terrorista FRENTE PATRIÓTICA MANUEL RODRIGUEZ (braço armado do PC local). Ele foi colocado num táxi, em direção à sede do jornal O ESTADO DE SÃO PAULO.
A Câmara Municipal aprovou ontem outro pedido de licença por 40 dias do prefeito JÂNIO QUADROS, a partir do dia 11. Seu lugar será ocupado pelo presidente da Câmara, ANTÔNIO SAMPAIO. É a quarta licença de JÂNIO desde que assumiu a prefeitura. No total esteve ausente 110 dias. A justificativa para o pedido: tratamento médico de sua senhora, dona ELOÁ.
Cai uma tremenda tromba dágua no final do expediente. Saímos do quartel com chuva. O GOL, guiado pelo PM BATISTA, não consegue ultrapassar um lugar mais cheio dágua. Molha o distribuidor. Tivemos de tirar os sapatos, arregaçar as calças e empurrá-lo para uma parte mais alta. Entra água dentro do carro. Passamos maus bocados. A sorte é aparecer um rapaz que entende do “assunto”. Resolve o problema, mas toma violento choque. Chegamos bem tarde em casa. As viaturas da área também nos apoiaram nesse drama.
Assisto CRUZEIRO x INTERNACIONAL, pela GLOBO, diretamente do MINEIRÃO. Jogo apitado por ROMUALDO ARPI FILHO. Há necessidade de uma prorrogação de 30 minutos para se definir o outro finalista da COPA UNIÃO. AMARILDO faz o gol da vitória do INTER aos 4 minutos do primeiro tempo da prorrogação. MINAS perde os seus representantes. A COPA UNIÃO será decidida entre FLAMENGO e INTERNACIONAL nos dias 6 e 13 (próximos domingos).
Faleceu o artista plástico DARCY PENTEADO, aos 60 anos de idade, vítima da AIDS.   
  28 a. nasce CAMILA, filha do tenente NEUSIATH, em 3 de dezembro de 1988.
  28 a. da Confraternização de Oficiais do CPAM-1 na COLÔNIA DE FÉRIAS DE SÃO ROQUE. Em 1988 eu comandava a área CENTRO de SÃO PAULO. Esse encontro se deu em 3 de dezembro de 1988.
  26 a. falecem: a atriz HENRIETTE MORINEAU e o compositor AARON COPLAND, em 3 de dezembro de 1990.
  25 a. falece Dona MARTHA, esposa do CORONEL ALCIONE, em 3 de dezembro de 1991.
  25 a. JAPÃO aprova ação militar no exterior. Em 3 de dezembro de 1991.
  24 a. nasce LUANA, filha do tenente ARLINDO, em 3 de dezembro de 1992.
  23 a. da chegada de PC FARIAS, preso em BRASÍLIA. Vai para a SUPERINTENDÊNCIA DA POLICIA FEDERAL em 3 de dezembro de 1993. Posteriormente foi transferido para um quartel  do CHOQUE.
  22 a. da inauguração do COMPLEXO VIÁRIO "TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO", em 3 de dezembro de 1994.
  22 a. DAYVISON ANDRÉ DA SILVA, de 13 anos, consegue fugir no dia 3 de dezembro de 1994, do cativeiro em que foi mantido como refém durante dois anos e sete meses, na cidade de SÃO BERNARDO DO CAMPO,
  20 a. falece ALFREDO, viúvo de dona MARIA, uma das filhas do falecido Sr.  ANTÔNIO, padrasto da LUCINDA, no dia 3 de dezembro de 1996.
  20 a. sonda espacial encontra gelo na LUA, em 3 de dezembro de 1996.
  20 a. uma bomba explode em um trem de passageiros em PARIS, matando quatro pessoas e deixando 86 feridos.
  19 a. das anotações feitas em 3 de dezembro de 1997: CARMELO, no MMDS, está deslumbrado nesta manhã de quarta-feira com o filme O VINGADOR DO FUTURO. Conta para nós todo o enredo do mesmo, baseado numa ficção em Marte. Os bombeiros pintam hoje a frente da sede do MMDC. CORONEL CANAVÓ regressa do RIO. Diz que chegou às 2 horas. Começa já a falar mal do Presidente FERNANDO HENRIQUE CARDOSO e diz que ele está com câncer nos intestinos. Parece que o CANAVÓ quer matar o presidente de qualquer jeito. Ontem chegaram as trinta cadeiras e a mesa de reunião que pedi para o CORONEL PM RENALDO. Quem providenciou isso foi o TENENTE-CORONEL PM NEVORAL BUCHERONI, da Diretoria de Finanças. Converso, por telefone, com o senhor PIRES para doar os móveis velhos para o LAR ESCOLA SÃO FRANCISCO. CORONEL PM GUIMARÃES vem ao MMDC. Leva o Livro de Atas das reuniões do Conselho Supremo. Ele é o secretário do Conselho desde o dia 20 de novembro. Conversamos sobre a reunião de 8 de dezembro de 1997.
Viajando no ônibus COCAIA, com muito sol, regresso a GUARULHOS. Na TV assisto o que foi o segundo dia do Presidente FERNANDO HENRIQUE CARDOSO na INGLATERRA. Tomou café da manhã com 22 presidentes dos principais bancos ingleses. Depois, no LONDON SCHOOL OF ECONOMICS, deu um susto em seus assessores ao se sentir mal enquanto discursava em agradecimento ao título de DOUTOR HONORIS CAUSA em ECONOMIA, que acabara de receber. Continuou falando, retirando o chapéu de doutor que apertava sua cabeça. Participou depois da inauguração oficial do Centro de Estudos Brasileiros da Universidade de OXFORD. Almoçou no PALÁCIO DE BUCKINGHAM. Às 14:5 horas FHC chegou ao CHELSEA FOOTBALL CLUB ao lado do ministro de Esportes PELÉ. À noite, o presidente oferece um banquete à rainha ELIZABETH II no PALÁCIO DE GUILDHALL.
Nesta noite definem-se os dois finalistas do Campeonato Brasileiro. No Grupo A, o VASCO goleia o FLAMENGO por 4 a 1 e no Grupo B o PALMEIRAS derrota o SANTOS por 1 a 0. Ainda temos os resultados de JUVENTUDE 2 x PORTUGUESA 1 e ATLETICO MINEIRO 3, x INTERNACIONAL 2. VASCO e PALMEIRAS decidirão o título de 1997. EDMUNDO marca três gols nesta noite e está com 29 gols na competição. Bate o recorde histórico em certames nacionais, que pertencia a REINALDO, artilheiro do ATLÉTICO MINEIRO, em 1977.
JOHAN CRUYFF, o maior ídolo do futebol holandês, de 50 anos, foi internado no Hospital LIVRE de AMSTERDÃ, na semana passada, com problemas no coração. Em 1991,foram implantadas duas pontes de safena no coração de CRUYFF depois de ele ter sofrido um infarto. Ele continua em observação, apesar de estar fora de perigo.   
  18 a. da inauguração do EXTRA GUARULHOS DUTRA, em 3 de dezembro de 1998. Outras anotações nesta quinta-feira: a manhã é terrível em matéria de calor. São 11 horas e estamos com 32 graus no centro de São Paulo (SÉ). Passo pelo BANESPA. Durante um bom tempo converso com o gerente FERNANDO. Estou querendo fazer um Cartão de Natal original para os meus companheiros dos bancos escolares na ESCOLA DE OFICIAIS, aspirantes da turma JOSÉ BONIFÁCIO, de 7 de setembro de 1963. Tiro xerox das fotos dos colegas, publicadas na edição do “QUINZE” de 1963. Faço uma montagem nesse período da manhã, embora atrapalhado pelas conversas do OREZ e do seu irmão LUIZ. No MMDC, com a ajuda do MARCONI, começamos a trabalhar na montagem do Cartão de Natal. CORONEL ARY CANAVÓ está temeroso das artimanhas de REGINA CELENTANO. Essa mulher não tem ambiente na Sociedade Veteranos de 32-MMDC, mas teima em querer ser conselheira. O pior é que uma liminar descabida permite isso. Vale-se da ingenuidade do juiz que não conhece o MMDC e procura prejudicar o presidente. Recebemos a visita do senhor JOSÉ PEREIRA. Ele doa ao MMDC uma granada do tipo “sapinho”, usada na Revolução Constitucionalista de 32. Continuamos recebendo as cartas dos conselheiros sobre a ÁRVORE NATALINA que se pretende erguer no OBELISCO. A maioria é favorável a essa idéia.
Hoje foi o dia mais quente dos últimos cinqüenta anos. Às 16 horas, no Mirante de SANTANA, tínhamos 35,7 graus à sombra.
Foi inaugurado, hoje, em GUARULHOS, no SHOPPING INTERNACIONAL, o EXTRA GUARULHOS DUTRA.      
  17 a. da morte do banqueiro EDMOND SAFRA, por asfixia, no apartamento de cobertura do BELLE ÉPOQUE, em MÔNACO, no dia 3 de dezembro de 1999. Dono de uma fortuna de 3,3 bilhões de dólares e 94º homem mais rico do mundo, de 67 anos, foi encontrado morto nesta manhã, por asfixia, no banheiro de sua cobertura de luxo. O apartamento foi destruído por um incêndio criminoso. Dois homens encapuzados invadiram o prédio e feriram um enfermeiro com seis golpes de faca. O alarme foi acionado. SAFRA e sua enfermeira se esconderam no banheiro, mas morreram asfixiados pela fumaça. A mulher do banqueiro foi resgatada pelos bombeiros e escapou da tragédia.
  17 a. do envio de uma escritura sobre o MONUMENTO MAUSOLÉU DO SOLDADO CONSTITUCIONALISTA DE 32, assinada por HÉRBERT LEVY, último remanescente vivo da FUNDAÇÃO que organizou a construção desse Cartão Postal de SÃO PAULO, a todos os CONSELHEIROS DA SOCIEDADE VETERANOS DE 32–MMDC, em 3 de dezembro de 1999.
  17 a. das anotações feitas em 3 de dezembro de 1999 (sexta-feira): preso num engarrafamento na MARGINAL DO TIETÊ, vou chegar no MMDS às 11:30 horas. É o quarto pior engarrafamento do ano. Os componentes da organização já estavam em destino. Somente vou ali encontrar RONALDO e ELADIO, às 13:30 horas no Metrô.
Vou ao laboratório NICOLAU, na Rua 7 de Abril, para entregar os moldes fornecidos ontem pelo TENENTE Dent PM SESMA.
No MMDC, vou encontrar um presidente super ativo para os seus 87 anos. O senhor MARCONDES está preocupado com a idéia de instalação de um gerador de força e luz na parte térrea do MONUMENTO MAUSOLEU do IBIRAPUERA. Manda um ofício ao CONDEPHAAT dizendo que não está de acordo com isso. O senhor MARCONDES também está enviando aos conselheiros um xerox da escritura assinada pelo doutor HERBERT LEVY. Quer dar pleno conhecimento do ato realizado na GAZETA MERCANTIL em 29 de novembro.
Os ofícios de convocação dos conselheiros para a reunião de 16 de dezembro ainda não foram assinados pelo CORONEL PM RUI CÉSAR MELO, Comandante Geral da PMESP e Presidente Nato do CONSELHO SUPREMO da  Sociedade Veteranos de 32-MMDC.
O CORONEL PM ANTONIO CARLOS MENDES está conosco nesta tarde. Pretende ele dar uma medalha para uma loja maçônica que recentemente completou cem anos. Deixamos o MMDC às 16 horas. Pegamos o Metrô. Desço na ARMÊNIA e o MENDES em SANTANA.
Em casa, assisto na TV os jornais da RECORD e da GLOBO. O acontecido no “BELLE EPOQUE” de MÔNACO parece ser tirado de um filme de gangster.
O DIÁRIO OFICIAL de 3 de dezembro publica a Portaria do Comandante Geral que declara os alunos oficiais do 4º CFO ASPIRANTES A OFICIAL PMESP, a contar de 4 de dezembro. São 92 novos aspirantes da PMESP e três da Polícia Militar do ACRE. O primeiro colocado é RODRIGO CARLOS DE CAMARGO, com a nota 9,351. O segundo colocado é NICANOR BARRY KOMATA com 9,342. Em terceiro ficou RICARDO LOPES DE SOUZA SALOMÃO com 9,200.     

ACONTECEU EM 3 DE DEZEMBRO DE 2000  :  -     SÁBADO
GUSTAVO KUERTEN TORNOU-SE O NÚMERO UM DO TÊNIS MUNDIAL, ao vencer ANDRÉ AGASSI, na COPA MUNDIAL DE TÊNIS, em PORTUGAL.

GRANDE PROEZA do time de SÃO CAETANO, derrotando o PALMEIRAS por 4 a 3, na COPA JOÃO HAVELANGE.

Assassinado o PM MARCELO DE SOUZA FREITAS, de 25 anos, encontrado

morto em INTERLAGOS, com dois tiros na cabeça. Pertencia à 5a. COMPANHIA do 27o. BPMM.

GUSTAVO GONÇALVES DOS SANTOS, de 31 anos, que venceu   o Brasileiro   Amador de JET-SKI em 1999, foi assassinado com 12 tiros, em NITERÓI,  a 140 km do RIO. 

FALECEU a escritora GWENDOLYN ELIZABETH BROOKS, escritora americana, aos 83 anos, vítima de câncer, em CHICAGO. Foi a primeira mulher negra a ganhar o prêmio PULITZER, em 1950.

ACONTECEU EM 3 DE DEZEMBRO DE 2 001 : -     SEGUNDA-FEIRA
Definição dos dois funcionários do MMDS que irão cuidar da operação contra marginais que roubam cargas de caminhão: - Serão os responsáveis diretos RENALDO e ELÁDIO, que começarão a se preparar para o início do plano, ainda sem data definida. Uma reunião definitiva é executada nesta manhã sobre isso. Falta agora escolher a data para início do Plano. OREZ vai dar aula na Escola CATALANO, na zona leste.
O senhor GERALDO FARIA MARCONDES vem conversar comigo no MMDC. Também comparece o senhor GERALDO PIRES DE OLIVEIRA, atual presidente. O senhor MARCONDES conta que o presidente da Assembléia Legislativa, WÁLTER FELDMAN, tirou o “corpo fora” na apresentação de ANTÔNIO ERMÍRIO DE MORAES quando seria convidado para ser o Presidente da Comissão Organizadora do 70º Aniversário do Movimento Constitucionalista. Acha ele que deveremos elaborar um documento reportando à Medalha CONSTITUCIONALISTA que foi outorgada a JOSÉ ERMÍRIO DE MORAES, já falecido. Em 2000, quando deveria receber a medalha, o irmão de ANTÔNIO ERMÍRIO DE MORAES estava doente. O senhor MARCONDES quer entregar a Medalha “POST-MORTEM”.
O CORONEL PM RENALDO passou pelo MMDC, mas ainda não resolveu o problema do dinheiro para pagar o 13º salário dos funcionários VASCO e dona CÉLIA. Prometeu fazer isso no próximo dia 5, quarta-feira.
Comenta-se o caso do TENENTE-CORONEL PM CID BARBOSA JÚNIOR, que comandava o 26º BPMM – FRANCO DA ROCHA. Responde a um Inquérito Policial Militar, acusado de tentativa de estupro contra uma polícia militar feminina. Essa suposta tentativa de estupro aconteceu na noite de 20 de novembro, quando o acusado levava a vítima até a casa dela, em seu carro particular, após saírem de uma festa em comemoração ao aniversário de um PM do batalhão. 

O NOVO PROGRAMA JORNALÍSTICO DA BANDEIRANTES, que estréia hoje, BRASIL URGENTE, mostra uma reportagem sobre o PRIMEIRO TENENTE MAURO MAIA, que foi baleado numa ocorrência policial há quatro anos e que, recuperado, retorna ao trabalho, servindo no 5º BPMM, na zona norte de São Paulo.

O empresário EDUARDO CAPOBIANCO, presidente do Instituto São Paulo Contra a Violência sofreu um ataque, pela manhã, quando foi baleado por dois homens, numa tentativa de assassinato. CAPOBIANCO foi abordado por dois homens numa moto, na garagem do prédio de sua empresa, na rua BELA CINTRA. Um deles desceu da motocicleta e caminhou em sua direção, com uma pistola calibre 45 apontada para o chão. Ao chegar próximo do empresário, apontou-lhe a arma e disparou. Instintivamente, CAPOBIANCO defendeu-se com uma pasta cheia de papéis e isso lhe salvou a vida, pois a bala ficou incrustada num livro.

FALECEU o delegado de polícia aposentado JOSÉ CÉSAR PESTANA, ex-diretor da ACADEMIA DE POLÍCIA DO ESTADO DE S. PAULO.

ISRAEL BOMBARDEIA QG DE ARAFAT:- A resposta aos três ataques suicidas que causaram a morte de 28 pessoas – incluindo os terroristas – no fim de semana em ISRAEL foi rápida. Helicópteros e caças israelenses bombardearam JENIN e GAZA, cidades administradas pela Autoridade Palestina. A retaliação deixou uma dezena de feridos e danificou dois helicópteros utilizados por YASSER ARAFAT, acusado de não reprimir os grupos radicais palestinos.

No AFEGANISTÃO, tribos pashtuns anti-taleban anunciaram ter tomado o controle de boa parte do aeroporto de KANDAHAR enquanto as forças americanas nos arredores da cidade reforçam-se para ampliar sua capacidade para atacar o último reduto do TALEBAN. Enquanto crescem os sinais de que o terrorista OSAMA BIN LADEN está mesmo no leste do AFEGANISTÃO, os americanos surpreendem-se com a história de um jovem  concidadão que deixou os EUA para juntar-se à JIHAD, a guerra santa, no AFEGANISTÃO.


2 002  :  -    TERÇA-FEIRA
O Comandante, Oficiais, Praças e Funcionários Civis têm a honra de convidar Vossa Senhoria e digníssima família para a Solenidade Comemorativa do 111º Aniversário do Batalhão “TOBIAS DE AGUIAR”. O Evento será realizado em 03 de dezembro do corrente ano, às 10:00 h, na sede do Batalhão à Avenida TIRADENTES, 440, LUZ, SÃO PAULO, SP.
                                  Ass. JOSÉ ROBERTO MARTINS MARQUES
                                          TEN CEL PM –   Comandante   do   BTA
Chego no 1º BPChq por volta das 9:30 horas. O aspirante GIOVANI me recepciona e leva-me ao gabinete do Comandante, Tenente–Coronel JOSÉ ROBERTO MARTINS MARQUES. Ali, encontro o Coronel Res. PARREIRA, o juiz auditor do TJMESP, RONALDO JOÃO ROTH, o atual Comandante do CPChq, Coronel TOMAZ ALVES CANGERANA, a indesejável e oferecida REGINA CELENTANO (com um horroroso leque), o jornalista LUIZ DATENA (a vedete da festa, com muitas crianças o procurando para dar o autógrafo. Ele será condecorado com a medalha do centenário do Batalhão). Com o transcorrer do tempo, outros convidados vão chegando: o Coronel Juiz AVIVALDI NOGUEIRA, Coronel Res. RODRIGUES, Tenente–Coronel MASCARENHAS, Tenente–Coronel CARLOS FILHO, Coronel Ref. ABATE, Coronel Res. LUIZ GONZAGA DE OLIVEIRA, Coronel Res. ANTÔNIO CHIARI, Coronel Res. TADASHI KOMATA e sua esposa, Coronel Ref. HELTON NOGUEIRA DIEFENTHALER e sua senhora, General LUIZ FARO, Coronel Res. LUIZ CARLOS DE OLIVEIRA GUIMARÃES, Coronel Res. UBIRATAN   GUIMARÃES (deputado estadual eleito), Deputada Estadual ROSMARY CORRÊA, o Secretário da Administração Penitenciária NAGASHI  FURUKAWA, Deputado Estadual CELSO TANAUI, CAIO ALFAYA, Tenente–Coronel LUIZ NAKAHARADA (número um do almanaque dos oficiais, preterido inúmeras vezes para a promoção a Coronel),
Capitão HONDA, Tenente–Coronel CAPELÃO JOÃO BENEDICTO VILLANO, Major DIAS, Major MARCO ANTÔNIO, Tenente–Coronel AMAURI SINTONI, Coronel Res. OCTÁVIO GOMES DE OLIVEIRA, Coronel Res. IVAN, Coronel Ref. NIOMAR CYRNE BEZERRA, Capitão FERNANDO, GERARDO BATISTA DE CARVALHO (que pertenceu à Comunidade do BTA no tempo do então tenente PAZELLI, em 1964), GERALDO FARIA MARCONDES, Coronel ANTÔNIO CARLOS MENDES, Doutor UMBERTO D´URSO.
O Comandante Geral Coronel ALBERTO SILVEIRA RODRIGUES aguarda a chegada do Secretário da Segurança Pública, SAULO DE CASTRO ABREU FILHO, para dar início à solenidade. Estão presentes também os CORONÉIS da ativa: ADEMIR CRIVELARO, JAIRO PAES DE LIRA, ALEXANDRE MELCHIOR RODRIGUES, LEOPOLDO AUGUSTO CORRÊA FILHO, LUIZ CARLOS DA COSTA, CELSO CARLOS DE CAMARGO.
A entrega da comenda do CENTENÁRIO DO 1º BPChq é um dos pontos altos da solenidade, principalmente por causa da presença do repórter LUIZ  DATENA. São entregues medalhas do mérito pessoal. No meio da solenidade chega o ARIOVALDO CHACUR, conselheiro da Sociedade Veteranos de 32-MMDC. O Sr. MARCONDES, por sua vez, sente-se cansado e não fica para o encerramento da solenidade. O Cel. MENDES e eu acompanhamos o presidente, que vai pegar um táxi na Rua JOÃO TEODORO.     
Os 111 anos do 1º BPChq vão reunir oficiais antigos no velho casarão do TOBIAS DE AGUIAR e isso é motivo para encontros com companheiros da velha guarda e recordações de muitos anos que passamos no CHOQUE.
Deixando o Sr. MARCONDES no táxi, o MENDES ainda vai ao Corpo Musical e eu embarco no metrô. Ainda passo no MMDS. Encontro alguns oficiais e troco algumas idéias sobre compromissos em andamento.
No MMDC, aprontamos um ofício de encaminhamento da ATA da reunião da DIRETORIA EXECUTIVA de 21 de novembro, onde estão descritos os deploráveis acontecimentos envolvendo o vice–presidente, Cel. PAULO TENÓRIO DA ROCHA MARQUES que, alucinado, ofendeu o presidente com palavras pesadas. A reunião do CONSELHO SUPREMO, marcada para 18 de dezembro, deverá estudar essa delicada situação. O funcionário VASCO vai até a Chefia do Gabinete do Comando Geral fazer entrega do documento.
O Cel. MENDES comparece nesta tarde na Sociedade e estudamos alguns fatos envolvendo conselheiros.

YOKOHAMA, no JAPÃO, é mesmo uma cidade que dá sorte para RONALDINHO. Foi lá que o craque conquistou dois títulos mundiais este ano: em junho, pela seleção brasileira, e hoje, pelo REAL MADRID. O FENÔMENO marcou o primeiro gol da vitória de 2 a 0 da equipe espanhola sobre o OLÍMPIA, do PARAGUAI, que deu ao time o troféu do MUNDIAL INTERCLUBES. “Estou muito feliz. Este estádio me deu sorte tanto na Copa quanto agora”, comemorou o jogador, recordando os dois gols sobre a ALEMANHA no final da COPA DO MUNDO. O brasileiro foi eleito o melhor jogador da partida e recebeu um carro de prêmio. Ele irá doá-lo.

O presidente eleito, LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA, reforçou hoje, na chegada ao CHILE a pregação iniciada na ARGENTINA por um MERCOSUL mais forte. Ele foi recebido no PALÁCIO DE LA MONEDA, em SANTIAGO, pelo presidente RICARDO LAGOS e defendeu a integração do País ao bloco.
O PALÁCIO DE LA MONEDA, onde morreu o presidente chileno SALVADOR ALLENDE, vítima de um golpe militar, foi o cenário escolhido por LULA para reafirmar seu compromisso de Governo com os pobres e excluídos. “Não há democracia política que resista a tão dramáticas diferenças sociais. O agravamento das desigualdades é um convite às soluções de força”, disse LULA. Ele lembrou que BRASIL e CHILE viveram dolorosos processos que levaram à privação das liberdades fundamentais e a graves violações dos direitos humanos.

Pouco mais de um mês depois do assassinato de seus pais, SUZANE VON RICHTHOFEN chorou diante do juiz e disse ter sido induzida ao crime pelo namorado, DANIEL CRAVINHOS. Ele, por sua vez, afirmou que o plano de assassinato era uma idéia fixa da namorada. “Ela temia perder a herança se mantivéssemos nosso romance”. O amor em nome do qual o crime teria sido cometido pelo casal parece ter chegado ao fim. “Ele me convenceu de que era meu príncipe encantado, mas só me trouxe coisas ruins. Perdi meus pais e agora estou presa”, disse SUZANE. CRISTIAN CRAVINHOS endossou o depoimento do irmão, DANIEL, e culpou SUZANE. “Fiz isso por amor ao meu irmão, que precisava de minha ajuda”. 

Começaram hoje as mudanças no comando dos departamentos da POLÍCIA CIVIL do Estado de São Paulo. GÉRSON CARVALHO, diretor do Departamento de Polícia Judiciária da Capital – DECAP -, entregou o cargo. Para assumir seu posto foi escolhido o delegado MARTINS FONTES, atual diretor do DEMACRO (departamento responsável pelas delegacias periféricas da região metropolitana). Para substituir o delegado MARTINS FONTES no DEMACRO foi indicado o delegado titular da 7ª Seccional (ITAQUERA), NELSON GUIMARÃES.

PAULO ROBERTO ROCHA, diretor do presídio ESMERALDINO BANDEIRA, no COMPLEXO PENITENCIÁRIO DE BANGU, sofreu um atentado no RIO, ao sair de sua casa. Dois homens em uma moto atiraram contra ele, que revidou. ROCHA levou um tiro no pé esquerdo, e os atiradores fugiram.

Nesta noite, o poaense LAURO PRADO, 65 anos, foi morto com um tiro na cabeça quando retornava acompanhado de sua esposa IRENE de São Paulo, por volta das 22:30 horas. O crime aconteceu na avenida MARECHAL TITO, no bairro de ITAIM PAULISTA. Segundo IRENE, três homens desconhecidos aproximaram-se de seu automóvel e ordenaram que a vítima abrisse a porta do veículo. PRADO não obedeceu os marginais e tentou evadir-se do local, quando os homens dispararam vários tiros contra o automóvel, sendo que um dos projéteis atingiu a cabeça de PRADO que caiu morto sobre o colo de sua esposa. PRADO era aposentado e trabalhava na área de comércio exterior em uma empresa de FERRAZ DE VASCONCELOS. Como falava vários idiomas viajou por muitos países e sempre se destacou em empresas que trabalhou, todas de grandes portes. Ele era filho da proprietária da DIVULGADORA DE POÁ, BENEDITA GERALDA PRADO, hoje com 83 anos e muito conhecida na cidade por MARINGÁ. PRADO deixa esposa, 3 filhos e 5 netos.
 
Foi demitido o técnico da seleção brasileira masculina de basquete, HÉLIO RUBENS, após reunião com o presidente da CONFEDERAÇÃO DE BASQUETE, GERASIME GREGO BOZIKIS.

A equipe de inspetores de armas da ONU vistoriou hoje de manhã, pela primeira vez e sem prévio aviso, um dos palácios do príncipe do IRAQUE, SADDAM HUSSEIN, no maior teste a que a cooperação iraquiana foi submetida desde a retomada do trabalho de verificação dos arsenais do País, há uma semana. A vistoria ocorreu em meio a pressões dos EUA para que os inspetores atuem de forma mais agressiva, com investigações em vários lugares ao mesmo tempo.

ANUNCIADA a descoberta, na Cidade do MÉXICO, de um crânio fóssil anterior ao que ficou conhecido como “LUZIA” e era tido como o mais antigo das Américas. “MULHER DE PEÑON III” teria treze mil anos, de acordo com os pesquisadores, mil e quinhentos anos a mais que o crânio encontrado em 1975 em MINAS GERAIS. Em LONDRES.

2 003   :   -   QUARTA-FEIRA
No próximo dia 03 DE DEZEMBRO, será realizado o III PRÊMIO EMPREENDEDOR. É com muita honra e satisfação que convidamos V.Sa. para participar deste importante momento de reconhecimento aos empresários da REGIÃO CENTRAL DE SÃO PAULO que mais se destacaram no ano de 2003.
Faça parte você também dessa importante ação de incentivo ao esforço empreendedor paulistano.
DATA: 03 DE DEZEMBRO DE 2003
HORÁRIO: 19,30 HORAS
LOCAL: SEDE  DO JOCKEY CLUB DE SÃO PAULO – SALÃO PRINCIPAL – RUA BOA VISTA, 280  - 9º ANDAR – CENTRO/SP
Ao final da cerimônia será servido coquetel.

É com grata satisfação que convido Vossa Senhoria a participar da Reunião Plenária da COMISSÃO ESTADUAL DE POLÍCIA COMUNITÁRIA, que se realizará no próximo dia 3 de dezembro de 2003, quarta-feira, às 10:00 horas, no Salão de Conferências do Quartel do Comando Geral, sito na Praça Cel Fernando Prestes, 115, 1 º andar, LUZ/SP.
Certo de poder contar com sua importante presença, desde já agradeço e subscrevo-me, enviando protestos de elevada estima e distinta consideração.
                                                               Ass      RUBENS CASADO
                                                                           Cel PM – Presidente

Tenho consulta marcada no INCOR, com o médico que cuida de minha pressão. Para estar no horário do atendimento, pego um ônibus para a estação do Metrô ARMÊNIA, às 7 horas. O trânsito está ruim. Viajando de metrô, chego no INCOR quase às 9 horas. Com muita paciência, aguardo a minha vez de ser examinado. Depois de transcorridos alguns anos, vou ser atendido pelo doutor HENO FERREIRA LOPES, que nos anos 90, começou a atender a minha situação clínica. Apenas uma novidade e não muito agradável: o resultado do exame de glicose vai dar 125 mg/dl, sendo que o valor de referência é de 70 a 110. Com isso, o doutor HENO aconselha-me a moderar no açúcar. Outro problema é o ácido úrico, mas nisso sou culpado porque sei a comida que me faz mal e abuso, ou melhor, não sigo uma dieta que impediria que a taxa fosse alta. O retorno para novos exames laboratoriais é marcado para maio de 2004 e a volta com o doutor HENO fica para junho.
Passo pelo MMDS. Sou sondado por alguns oficiais quanto a megaoperação contra roubo de cargas que durante vários anos fizemos nos finais de ano. Isso não deu certo por causa de deslizes de alguns participantes do plano, principalmente com respeito à polícia civil. Levanto o problema recente com a DISE de GUARULHOS, onde investigadores estão presos justamente por estarem envolvidos em roubos de cargas. Sou contra  essa megaoperação e digo os motivos que me levam a votar negativamente.
Na Sociedade Veteranos de 32-MMDC, o Cel MENDES atende um telefonema da rede GLOBO de Televisão, interessada nos detalhes da revolução de 32 para a minissérie que entrará no ar em janeiro de 2004 – UM SÓ CORAÇÃO. O principal problema diz respeito ao fardamento da época.
O Sr. MARCONDES torceu o pé e não virá hoje à Sociedade. Diz, por telefone, que o neto de GALILEU EMENDÁBILI manteve um contato telefônico com ele sobre a idéia da prefeitura tentar incorporar o Obelisco ao PARQUE DO IBIRAPUERA. Ele não quer que isso venha a acontecer, principalmente porque acabaria com a solenidade do NOVE DE JULHO, fato histórico do Estado de São Paulo.
Dona CÉLIA vai aprendendo com o VASCO a trabalhar no computador quanto ao débito automático. Não podemos perder esse detalhe que dá, todos os meses, uma quantia garantida para a Sociedade, que vem dos pagamentos dos sócios oriundos da PM. Quando o VASCO se afastar definitivamente da Sociedade, o que irá acontecer no ano que vem, dona CÉLIA precisa saber trabalhar nesse sentido.
Depois das 16 horas, o Cel MENDES enfrenta um trânsito muito ruim, principalmente nas imediações da Prefeitura, e me deixa na estação ARMÊNIA DO METRÔ. Começa a chover torrencialmente em SÃO PAULO, principalmente na zona leste. O regresso a GUARULHOS também é complicado.

POLICIAIS CIVIS E MILITARES, acompanhados de seus familiares, voltaram a protestar hoje contra a política salarial do Governo do Estado. Eles saíram em passeata da PRAÇA DA SÉ e foram até a SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA, na rua LÍBERO BADARÓ, também na região central de SÃO PAULO. Eles querem 46,9 % de reposição da inflação acumulada desde 1998. É a operação THANATOS, que começou às 16 horas. A população e os policiais paulistas são obrigados a conviver diariamente sob o signo de THANATOS, resultado atualmente em morte de milhares de pessoas, principalmente os policiais, as maiores vítimas das facções criminosas. Policiais carregavam uma cruz preta com o nome de 250 policiais falecidos em serviço, neste ano.  Essas cruzes foram colocadas na frente da Secretaria de Segurança Pública.

O SÃO PAULO foi eliminado da COPA SUL-AMERICANA ao perder por 4 a 2 para o RIVER PLATE na decisão por pênaltis, nesta noite, no MORUMBI. No tempo normal, o TRICOLOR venceu por 2 a 0, com gols de RICO e DIEGO TARDELLI na segunda etapa. O jogo foi para a decisão na marca da penalidade máxima porque o SÃO PAULO perdera o primeiro jogo por 3 a 1, em BUENOS AIRES. SOUZA e LUGANO perderam seus pênaltis. ROGÉRIO CENI e FÁBIO SIMPLÍCIO marcaram. Pelo RIVER, DOMINGUEZ, COUDET, LUDUEÑO e TUZIO converteram, e o time argentino vai para a final da competição.

O cantor ROBERTO CARLOS lançou hoje no RIO DE JANEIRO “PRA SEMPRE”, primeiro disco em sete anos que faz somente com canções inéditas, embora uma delas o rap “SERES HUMANOS”, já tenha sido incluída no disco que gravou em 2 002. “Essa música fazia parte desse disco, e não daquele. Mas como me pareceu uma boa idéia incluir uma canção inédita em um disco ao vivo, eu incluí. Mas o lugar dela é aqui”, explicou o cantor. “PRA SEMPRE” sai com uma tiragem de um milhão de cópias e contém oito baladas, um rap e um rock´n´roll à moda antiga.

Às 11:16 horas, a servidora estadual aposentada D.M.D.A., 71 anos, acompanhada de um assaltante, entrou na agência do BANESPA do PALÁCIO DOS BANDEIRANTES e sacou dez mil reais. A grana foi entregue ao bandido e a um comparsa. Nenhum PM do Palácio suspeitou da ação. D. havia sido abordada pela dupla na rua TOPÁZIO, na ACLIMAÇÃO. Dizendo estar armados, os dois perguntaram em que agência ela tinha conta. Fizeram-na ligar para o banco e avisar o gerente que sacaria dez mil reais. A bordo de seu TIPO, D. e um dos ladrões cruzaram a portaria do Palácio, no MORUMBI. Os PMs que guardam a entrada nada perceberam. A dupla seguiu para a agência, atrás do Palácio, entrou, e foi feito o saque. D. foi deixada na rua em que fora abordada.
Segundo o CORONEL ROBERTO ALLEGRETTI, responsável pela segurança do Palácio, a vítima agiu sem despertar suspeita, mas será aberta sindicância para apurar se houve falha. O número de PMs que guarda o Palácio é sigiloso. ALCKMIN não estava lá na ocasião.

A Justiça determinou hoje que os dois filhos mais velhos, de 10 e 13 anos, do executivo americano ZERA TODD STAHELI, assassinado no último domingo, 30 de novembro, não deixem o BRASIL antes de prestar depoimento oficial, marcado para o dia 5. Um casal americano, que foi o primeiro a chegar à cena do crime, também terá de dar explicações. Eles serão ouvidos pela juíza MARIA ANGÉLICA GUEDES no dia 5, no 4 º TRIBUNAL DO JÚRI. Foi o menino de dez anos que encontrou o pai agonizando e a mãe gravemente ferida na manhã de domingo. O garoto chamou a irmã mais velha, que retirou da cama o caçula, de três anos, que dormia junto aos pais, mas nada sofreu, e telefonou para o casal TURNER, mórmons como eles, pedindo ajuda. O corpo do executivo ZERA TODD STAHELI já foi embalsamado na SANTA CASA DE INHAÚMA e deve ser liberado na próxima semana. Amanhã, a polícia espera ouvir funcionários da SHELL que trabalhavam diretamente com o executivo americano.

Sem água, sem comida, sem luz e sem ventilação num dia de muito calor. Foi assim que 39 pessoas, mantidas por mais de 24 horas como reféns pelos internos da Penitenciária SERRANO NEVES (BANGU 3), passaram o dia. As negociações para acabar com uma rebelião iniciada às 11 horas de terça-feira, dia 2, pareciam avançar hoje à tarde, quando o Governo do Estado aceitou a participação de juízes da Vara de Execuções Penais. Mas os dois juízes deixaram o local sem novidades e com 37 pessoas ainda reféns. A rebelião já é a mais longa da história do sistema penitenciário do RIO. As negociações foram suspensas às 19 horas, depois de 32 horas de rebelião.

Por apenas três votos de diferença, o desembargador LUIZ ELIAS TÂMBARA foi eleito presidente do TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO, hoje, por 67 votos contra 64 obtidos por ÁLVARO LAZZARINI. Votaram na eleição 132 desembargadores. TÂMBARA assume o posto em 1º de janeiro de 2004, em meio a maior crise que o Judiciário já enfrentou no País e diz ser contrário ao controle externo do poder. Ele defende o aumento no número de magistrados e nos próximos dois anos enfrentará um número crescente de recursos, falta de juízes e funcionários. Segundo TÂMBARA, os desembargadores estão atuando no limite de suas forças, e os tribunais trabalham com falta de mão de obra devido à Lei de Responsabilidade Fiscal. Em 2002, os desembargadores do TJ paulista julgaram cerca de cento e três mil processos.

Mais três sedes da polícia paulista foram alvos de novos atentados criminosos hoje. A polícia contra-atacou, matando quatro bandidos e prendendo um. A polícia também esclareceu o ataque ocorrido contra o 3º Distrito Policial de SÃO JOSÉ DOS CAMPOS, prendendo três acusados e identificando outros quatro. Desde o dia 2 de novembro, foram registrados 51 atentados, 12 dos quais esclarecidos. Dois PMs foram mortos e a polícia prendeu até agora 47 criminosos. Na madrugada, desta terça-feira três homens em uma PARATI atiraram contra o posto da Polícia Rodoviária de SÃO CARLOS, na Rodovia WASHINGTON LUÍS. O motorista de um FIAT TIPO dava cobertura para o trio de atiradores. A PM passou a perseguir os carros. Três suspeitos que desceram da PARATI foram baleados e morreram no confronto. PATRICK WILLIAM RUFINO, de 27 anos, que estava no TIPO, foi preso. O 3º Distrito Policial de JUNDIAÍ, na avenida SÃO JOÃO, também foi alvo de vários tiros disparados por quatro homens. O bando, que estava em um MONZA, ainda lançou duas bombas de fabricação artesanal contra a delegacia. Nenhum policial ficou ferido, pois a delegacia estava fechada. A base da PM no bairro COLÔNIA, zona sul da Capital, foi atingida por vários tiros durante a madrugada. O MAJOR WÁGNER CÉSAR TAVARES PINTO, coordenador operacional do posto atingido, disse que os tiros foram disparados por quatro bandidos que ocupavam uma SPRINTER branca, roubada em SÃO VICENTE. Os tiros atingiram as paredes e as portas de vidro do hall de entrada da base. Os dois PMs que estavam de plantão chamaram reforço e os suspeitos foram encontrados em uma estrada distante cerca de 1 km da base. Os criminosos desceram da van atirando. No revide, um dos suspeitos foi atingido e morreu no PS PARELHEIROS. Com ele foram encontrados uma pistola 9 mm e um revólver 38. Os outros suspeitos entraram num matagal. Cinqüenta policiais cercaram o local. O COE e o Grupamento Aéreo fizeram as buscas na mata, não obtendo êxito. O suspeito morto também teria roubado a van em SÃO VICENTE.

O BRASIL será a porta de entrada para os países árabes na AMÉRICA LATINA e uma grande conferência entre presidentes latinos e árabes deverá selar esse tipo de associação no ano que vem. Essa foi a mensagem principal do presidente LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA no encerramento de um seminário com cerca de 150 empresários sírio-brasileiros, em DAMASCO, no final da tarde. Mais tarde, num jantar com o presidente sírio, BASHAR AL ASSAD, o brasileiro repetiu as posições brasileiras sobre o conflito árabe-israelense e agradou a platéia. “Defendemos firmemente a criação de um Estado palestino (...), a manutenção e expansão de assentamentos são inaceitáveis”, disse LULA. Houve também uma crítica indireta aos EUA: “Lamentamos a guerra do IRAQUE. Entendemos que soluções por via diplomática são sempre as mais positivas e duradoras”. A viagem de LULA ainda tem outros quatro países na agenda.

DENUNCIADO o desembargador PAULO THEOTÔNIO COSTA, acusado de manipular a distribuição de processos para favorecer o grupo BAMERINDUS na compensação de créditos com o BANCO ECONÔMICO, pela CORTE ESPECIAL do SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA, em BRASÍLIA.
      
Um tribunal de NÜREMBERG, a mesma cidade alemã que julgou lideres nazistas em 1945, emitiu ordens de prisão contra três ex-integrantes do regime militar da ARGENTINA (1976-1983). O ex-presidente JORGE VIDELLA, o ex-almirante EMÍLIO MASSERA e o general reformado CARLOS GUILLERMO SUÁREZ MASON são acusados pela morte de dois estudantes alemães durante a ditadura. Trata-se da primeira ordem internacional de prisão emitida pela Justiça alemã contra um ex-presidente. ITÁLIA, ESPANHA, FRANÇA e SUÉCIA também já condenaram ex-militares argentinos por crimes durante a ditadura, que pode ter matado cerca de 30 mil pessoas. KLAUS MANFRED ZIESCHANK foi preso, torturado e estrangulado em 1976 pelas forças armadas argentinas. ELISABETH KAESEMANN também foi torturada e morreu baleada em 1977. Além deles, a ALEMANHA investiga o desaparecimento de outros nove alemães. JORGE RAFAEL VIDELA foi o líder da JUNTA MILITAR que deu o golpe em 1976 e tirou a presidente ISABELITA PERÓN do poder. Ele presidiu o País até 1981. Desde 1998, cumpre prisão domiciliar por roubo de bebês de presas políticas e, em agosto, teve extradição requisitada pelo juiz espanhol BALTAZAR GARZÓN, o mesmo que tentou extraditar o ex-ditador chileno AUGUSTO PINOCHET. EMÍLIO EDUARDO MASSERA foi condenado à prisão perpétua em 1985. Depois de receber indulto do ex-presidente CARLOS MENEM em 1990, foi novamente preso em 1998. Quando GARZÓN pediu a extradição de vários argentinos, MASSERA não compareceu ao tribunal por esta doente. Ele chefiava o centro de torturas do regime. CARLOS MASON foi condenado à prisão perpétua em 2000 pela ITÁLIA e cumpre prisão domiciliar na ARGENTINA. Eles não devem ser extraditados por já estarem em idade avançada.

O técnico de computadores ARMIN MEIWES, de 42 anos, contou hoje, em detalhes, em um tribunal da cidade de KASSEL, região central da ALEMANHA, como matou e devorou, em ROTEMBURGO, onde vivia, um homem “que tinha consentido” em ser esquartejado e comido em frente a uma câmera de vídeo. Durante as quatro horas do minucioso depoimento, MEIWES não se mostrou alterado e pôs a culpa de seus “estranhos desejos” na “infância solitária”. O  “CANIBAL DE ROTEMBURGO” disse ao juiz que, na noite de 10 de março de 2001, ele matou e comeu partes do corpo do engenheiro BERND JUERGEN BRANDES, de 43 anos, que havia conhecido na internet. O “CANIBAL DE ROTEMBURGO” conheceu sua vítima após divulgar um anúncio na internet, onde procurava alguém que quisesse ser devorado. BRANDES viajou para a casa de MEIWES, em ROTEMBURGO. Após ingerir comprimidos e bebida, dormiu. O canibal então extirpou seu pênis (os dois pretendiam comer o órgão) e depois o esfaqueou até a morte. BRANDES teve o corpo pendurado em um gancho no teto da cozinha e trinta quilos de carne retirados do seu corpo e colocados num freezer. O caso permaneceu desconhecido até que um estudante austríaco deparou-se com outro anúncio de MEIWES na internet e avisou a polícia, que localizou e prender o canibal, sem que ele oferecesse resistência.

Com 24 metros de altura e 30 mil lâmpadas, a árvore de NATAL do ROCKFELLER CENTER foi acesa nesta quarta-feira. A cerimônia reuniu milhares de pessoas para celebrar uma das mais antigas tradições do NATAL de MANHATTAN.

FALECEU o ator inglês DAVID HEMMINGS, aos 62 anos, que atuou como o fotógrafo de moda no filme BLOW UP-DEPOIS DAQUELE BEIJO. Ele morreu no set, vítima de infarto, na ROMÊNIA.

ESCOLHIDA para ser a nova paixão de KING KONG a atriz australiana NAOMI WATTS, de 35 anos. Nas versões anteriores, a papel já coube a FAY WRAY e JESSICA LANGE. Em WELLINGTON, NOVA ZELÂNDIA.

ANUNCIARAM que estão grávidas as atrizes GWYNETH PALTROW e GEENA DAVIS. GWYNETH, de 30 anos, espera um bebê do namorado, o músico CHRIS MARTIN. GEENA, de 46, casada com o médico REZA JARRAHY, já tem uma filha de 1 ano e meio. Em LOS ANGELES.

2 004  :    -   SEXTA-FEIRA

GERALDO ALCKMIN
Governador do Estado de São Paulo tem a honra de convidar para a cerimônia de FORMATURA DE OFICIAIS DA POLÍCIA MILITAR E DELEGADOS DE POLÍCIA CIVIL
TURMA “450 ANOS DE CIDADE DE SÃO PAULO”

Curso Superior de Polícia Integrado (CSPI) – Polícia Militar e Polícia Civil
Curso de Pós-Graduação em Segurança Publica, destinado aos Oficiais Superiores da Polícia Militar e aos Delegados da Polícia Civil de 1 ª Classe, habilitando-se à promoção ao último posto hierárquico de suas carreiras, capacitando-os ao desempenho de funções políticas e estratégicas de suas respectivas Corporações.

Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais (CAO) – Polícia Militar
Curso de Pós-Graduação, destinado aos Oficiais da Polícia Militar, no posto de Capitão, habilitando-os à promoção ao posto de MAJOR e capacitando-os ao exercício das funções de Estado-Maior e assessoramento no planejamento das missões legais atribuídas à Instituição Policial Militar.

Curso Específico de Aperfeiçoamento de Delegado de 3ª Classe (CEA) – Polícia Civil
Objetiva capacitar a autoridade policial para a realização e execução de trabalhos inerentes às suas funções em classe imediatamente superior, bem como, desenvolver e ampliar seus conhecimentos técnicos e científicos no âmbito da Polícia Judiciária.
Data: 03 de Dezembro de 2004
Horário: 10:00 horas
Local: Palácio dos Bandeirantes
Avenida Morumbi, 4.500 – São Paulo – SP

Muita chuva nesta manhã. Procuro telefonar para o tenente ANÍSIO, a fim de confirmar a data e a hora da Assembléia Geral da Sociedade Veteranos de 32-MMDC, bem como aviso aos outros tenentes os dados. LUCINDA está com um serralheiro examinando como irá ser feita a grade nova da nossa casa. Vamos aproveitar parte do 13º salário para resolver esse problema, pois a atual grade inspira cuidados (está muito enferrujada e com perigo de cair). Depois, enfrentando o mau tempo e o trânsito lento, vou para SÃO PAULO. Tudo é difícil nesta sexta-feira. Até para almoçar com os oficiais do MMDS é complicado. Alguns se atrasam. O tempo fica escasso e mal aproveitado. Por volta das 15 horas, os advogados ROMAGNOLI e JANAÍNA estão me aguardando no MMDC. Eles me trazem informações do processo do Monumento-Mausoléu, que está volumoso e sem fim. A juíza tem dado despachos protelatórios, não chegando a um resultado satisfatório. Enquanto isso a obra fica parada. O ROMAGNOLI traz-me um CD com todas as fotos tiradas nos nossos últimos encontros: Instituto Histórico e Geográfico de SÃO PAULO, OAB, CASA MODERNISTA, TRATORIA DA CONCHETTA, NOVE DE JULHO (OBELISCO). Conversamos sobre o dia 17 de dezembro, quando iremos tentar aprovar o novo Estatuto da Sociedade. No MMDC, as funcionárias estão com dificuldades para mandar para o correio as cartas para os associados, pois estão sem dinheiro para a compra de selos. O tempo está passando depressa e o dia 17 está chegando.
O retorno para GUARULHOS é muito demorado. Fico mais de duas horas no ônibus. A chuva que cai atrapalha o trânsito. Há pontos de alagamento e o motorista é obrigado a sair fora do trajeto normal.
Na noite, vejo as fotos digitais reunidas pelo ROMAGNOLI num CD.

A chuva que atingiu toda a cidade de SÃO PAULO desde o início da manhã foi a responsável pelo recorde de congestionamento do ano. A CET registrou 197 quilômetros de lentidão às 19 horas, quando a média normal para o horário é de 185 km. A marca anterior era de 194 km, registrada no dia 12 de novembro, na saída para o feriado da Proclamação da República. A via com maior congestionamento foi a MARGINAL DO TIETÊ, no sentido AYRTON SENNA, tanto na pista expressa como na local, que chegou a ter 15 km de lentidão, desde a Rodovia CASTELLO BRANCO até a altura do Estádio do CANINDÉ, na zona norte.

O presidente LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA tornou a responder, hoje, às críticas feitas por seu antecessor, FERNANDO HENRIQUE CARDOSO, ao afirmar que “aqueles que ficaram torcendo pelo fracasso” terão de pedir desculpas à população. Em discurso no ato de liberação de 500 milhões de reais para duplicação da BR 101, no trecho de PALHOÇA (SC) a OSÓRIO (RS), LULA comemorou o crescimento em 2004, disse que teve um primeiro ano de governo muito difícil e admitiu que não resolverá todos os problemas do País em 4 anos porque “não é DEUS”. LULA aproveitou a viagem a FLORIANÓPOLIS para visitar sua filha LURIAN CORDEIRO e conhecer seu neto JOÃO GABRIEL, nascido 14 dias atrás.

Sob uma chuva de pétalas de rosas, água-de-cheiro, arruda, café, arroz e milho, o grego POLYVIOS KOSSIVAS, o anjo do maratonista brasileiro VANDERLEI CORDEIRO DE LIMA, nos JOGOS OLÍMPICOS DE ATENAS, desembarcou hoje à noite no Aeroporto Internacional TOM JOBIM. Ele veio ao BRASIL para se encontrar com o atleta, durante a cerimônia do Prêmio BRASIL OLÍMPICO, terça-feira, dia 7, no TEATRO MUNICIPAL DO RIO. “Muito obrigado, BRASIL”, disse KOSSIVAS, esboçando um agradecimento em português, ao ser festivamente recebido por oito integrantes da CONFRARIA DO GAROTO – tradicional e irreverente grupo carioca. Acompanhado por sua mulher, IOULIA, pela filha SMARGADA e pelo vizinho GEORGE DIMANTOPOULO, KOSSIVAS disse ter ficado contente pela surpresa na chegada, que lhe rendeu presentes como a bandeira brasileira e a camisa do bloco carnavalesco GALINHA DO MEIO-DIA. “Considero o BRASIL a minha segunda Pátria”, afirmou. Ele disse estar ansioso com o encontro com VANDERLEI, o primeiro depois de ter ajudado o maratonista a se livrar do ex-padre irlandês CORNELIUS HORAN, em ATENAS. KOSSIVA e família seguiram do aeroporto para hotel em COPACABANA, onde ficam hospedados, a convite do COB, até deixarem o BRASIL, na quarta-feira, dia 8. Ele quer conhecer o CORCOVADO, o PÃO DE AÇÚCAR e o MARACANÃ.

O BRASIL perdeu hoje a chance de disputar a final do MUNDIAL DE FUTSAL, em TAIWAN, que será realizado no dia 5 e disputa agora o 3 º lugar. O time do técnico FERRETTI desperdiçou várias oportunidades e não soube manter a vantagem de 2 a 1 no tempo normal sobre a ESPANHA, que empatou o jogo ao marcar o gol por intermédio do brasileiro naturalizado MARCELO. Na loteria dos pênaltis, os espanhóis foram mais felizes e venceram por 5 a 4. Agora, a ESPANHA pega a ITÁLIA, comandada por uma legião de doze brasileiros “oriundi” naturalizados, que bateu a ARGENTINA por 7 a 4, numa exibição de gala.

A alegria do reencontro marcou hoje o desembarque, na BASE AÉREA de BRASÍLIA, de 28 militares que participaram, até ontem, da missão de paz no HAITI. “É bom estar de volta. Foi a minha primeira missão no exterior e a saudade aperta”, disse o sargento PEDRO BONELI. Ao ver o pai, o menino SAMUEL, de 6 anos, correu em sua direção e caiu no choro. “Foi o filho quem mais sentiu a falta do pai”, disse LIZANDRA BASSETO, mulher de BONELI, que levou também JOÃO, de 4 anos, e DANIEL, de 2. Os 28 militares fazem parte de um contingente de 261 que regressou hoje – os demais desembarcaram em outros aeroportos. O BRASIL mandou ao HAITI 1.200 militares, num programa das NAÇÕES UNIDAS para conter a violência entre os vários grupos políticos naquele país.

A Polícia Federal apresentou hoje, em MINAS GERAIS, JOSÉ ANTÔNIO MARIM, o TONINHO PAVÃO, de 43 anos, considerado o maior assaltante de bancos do país. Ele foi preso na última quinta-feira, em BELO HORIZONTE. TONINHO seria responsável por mais de 70 roubos a banco, num montante que pode ultrapassar 7 milhões de reais. Além dos roubos, TONINHO era um dos maiores traficantes do ESPÍRITO SANTO, onde foi condenado a 12 anos de prisão por tráfico de drogas.

Um comerciante de 72 anos foi libertado de um cativeiro na favela da rua PORTO DE AREIA, em CARAPICUIBA, ontem à noite, depois de permanecer 49 horas em poder de seqüestradores. Um morador avisou a polícia quando ouviu os criminosos comentando que a vítima seria transferida para outro cativeiro. A testemunha morava no local havia dois dias e, por conta da denúncia, decidiu se mudar de SÃO PAULO. O comerciante foi seqüestrado no lugar de outro dono de mercado. Três pessoas foram presas. 

HOMENAGEADO o jornalista ROBERTO MARINHO, no dia em que completaria 100 anos, com missa realizada na Igreja NOSSA SENHORA DA GLÓRIA DO OUTEIRO, no RIO DE JANEIRO.

PROIBIDA pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) a propaganda de nove produtos divulgados como tendo propriedades terapêuticas ou medicinais, mas que não possuem registro na agência. São eles: INSTANT TERMO GEL, INSTANT CELULITE ERASER, ERETO, INSTANT HAIR WOMAN, SEDDUTION FOR MAN, SEDDUTION FOR WOMAN, INSTANT HAIR, INSTANT FAT BURNER e ULTIMATE NIGHT SYSTEM, em BRASÍLIA.

A revista TERRA DA GENTE foi premiada com a 9 ª edição do Prêmio FORD MOTOR COMPANY DE CONSERVAÇÃO AMBIENTAL (um dos mais prestigiados do mundo), na categoria iniciativa do ANO EM CONSERVAÇÃO. A publicação, que tem a jornalista LIANA JOHN como editora executiva, enfoca a conservação do meio ambiente, da biodiversidade e da cultura brasileira. A premiação foi nesta sexta-feira, na cidade baiana de CAMAÇAN.

MAITÊ PROENÇA finalmente assumiu o namoro com RODRIGO PAIVA, assessor de imprensa da CBF e do jogador RONALDO. Nesta sexta-feira, eles chegaram de mãos dadas à estréia da peça PROFISSÃO ÂNCORA, no RIO. Eles começaram a ser vistos em clima de romance na mesma época em que o fenomenal cliente de PAIVA iniciou o namoro com DANIELLA CICARELLI.

O ROSSI SUPERMERCADOS inaugurou uma nova loja na cidade, no JARDIM COCAIA, bem perto de onde moramos, nesta sexta-feira. Existente há 30 anos, atualmente a empresa conta com cinco unidades: três em SÃO PAULO (todas na zona leste) e duas em GUARULHOS (a nova e outra na VILA BARROS – avenida OTÁVIO BRAGA DE MESQUITA – inaugurada em 1995, e atuará com o nome ROSSI apenas até o dia 31 de dezembro. A nova loja abriu suas portas ao público às 10 horas, oferecendo um café da manhã com uma farta mesa de frios (composta por produtos das marcas SADIA e PERDIGÃO). O SUPERMERCADO ocupa uma área de 10 mil metros quadrados, tem 33 caixas, dois estacionamentos,  (um coberto e outro descoberto; capacidade total de veículos: 290) com  vários departamentos. Também há no interior do estabelecimento: casa lotérica, comida árabe, farmácia, lojas de bijuteria, purificadores de água, aparelhos celular, etc. O gerente da loja, WALLACE FERREIRA DA SILVA, conta que a unidade de VILA BARROS já estava pequena para atender à demanda de clientes, por isso a empresa decidiu encerrar as atividades lá e montar uma nova unidade.

Bombas de baixa potência explodiram hoje em pelo menos cinco postos de gasolina da capital espanhola sem causar vítimas, informou o ministro do Interior, JOSÉ ANTÔNIO ALONSO, que atribuiu os atentados à organização extremista ETA (PÁTRIA BASCA E LIBERDADE).

A Corte Suprema da UCRÂNIA anulou hoje o segundo turno da eleição presidencial, realizada dia 21 de novembro, e marcou nova votação para o dia 26 de dezembro. A decisão representou uma vitória para o candidato oposicionista e pró-Ocidente, VIKTOR YUSCHENKO, e transformou as ruas da capital do país, KIEV, numa imensa festa, com bailes, fogos de artifício e bandeiras laranja (cor da oposição). Há doze dias o centro da cidade era ocupado por protestos contra fraude na eleição – que apontou a vitória do candidato da situação, o primeiro-ministro VIKTOR YANUKOVYCH. Em discurso para centenas de milhares de pessoas, YUSCHENKO pediu a renúncia imediata do presidente LEONID KUCHMA e de YANUKOVYCH e reformas na Comissão Eleitoral. Não há possibilidade de apelação contra a decisão do Tribunal, que foi um revés para o presidente da RÚSSIA, VLADIMIR PUTIN: ele queria que a eleição fosse refeita integralmente, não apenas o segundo turno. PUTIN acusou hoje os EUA de amplificar os conflitos regionais, em vez de resolvê-los.

BAGDÁ foi alvo hoje de ataques coordenados que mataram pelo menos 30 pessoas. Um carro-bomba detonado por um atacante suicida explodiu ao amanhecer diante de uma mesquita, causando a morte de 14 pessoas e ferimentos em 19. Em outro ataque, à mesma hora, grupos que resistem à ocupação americana mataram 16 policiais numa delegacia perto da estrada que leva ao aeroporto internacional da capital iraquiana.

Uma empresa suíça investigada por suspeitas de irregularidades no programa da ONU de troca de petróleo por alimentos pagou a KOJO ANNAN, filho do secretário-geral da instituição, KOFI ANNAN, mais de 50 mil dólares por serviços de consultoria nesse projeto e em outros em que conquistou contratos. Sob pressão dos EUA para renunciar, KOFI ANNAN recebeu hoje solidariedade do BRASIL.
    
2 005  :  -   SÁBADO
Ontem, recebi uma correspondência gratificante do CORONEL PM Ref JOÃO NIKOLUK. São mensagens de auto-ajuda, muito próprias do meu companheiro de CSP/87. Com muito capricho, ele também elaborou uma lista de nossos colegas do Curso Superior de Polícia. Pela manhã, faço uma ligação telefônica para o amigo, cumprimentando-o pela feliz idéia de mandar mensagens filosóficas.
No computador, lanço minhas memórias. Também atualizo a agenda. Recebo um e-mail do ROMAGNOLI definindo a data da “ENTREVISTA COLETIVA”, a ser realizada na OAB/SP, em 16 de dezembro, às 10 horas.
LUCINDA ainda não definiu a compra de uma casa em nossa rua. Com isso, as expectativas de expansão de minha biblioteca ficam no ar. Não tenho mais espaço para 2006. Realizado o negócio de POÁ, fico no aguardo de uma decisão séria por parte dela.

O desmoronamento de uma parede do túnel em construção na LINHA 4 do METRÔ, hoje de madrugada, deixou cinco imóveis interditados em PINHEIROS, zona oeste da Capital. Abalada pelo movimento subterrâneo, uma casa afundou, uma edícula vizinha foi destruída e outras três construções tiveram estruturas afetadas. Pelo menos 25 pessoas foram obrigadas a abandonar as casas, às pressas, e levadas para um hotel. O secretário estadual de Transportes, JURANDIR FERNANDES, disse que a infiltração de água da chuva aumentou a pressão sobre o concreto que reveste o túnel, provocando o rompimento. O METRÔ não descarta novos desabamentos.

A família do vereador FRANCISCO PEREIRA DE SOUZA, de POÁ, na GRANDE SÃO PAULO, ficou cerca de três horas e meia nas mãos de dois assaltantes dentro do próprio apartamento, hoje de madrugada. Durante o roubo, o vereador – conhecido como TESTINHA – e a filha mais velha conseguiram se soltar das cordas que os amarravam e fugiram. A mulher e outros dois filhos de SOUZA permaneceram reféns. Os assaltantes exigiram a presença de uma emissora de TV para se entregar à polícia, o que aconteceu às 4:15horas. O vereador de POÁ foi dominado pelos bandidos em FERRAZ DE VASCONCELOS. Armados com duas pistolas, os ladrões entraram no carro de SOUZA e o obrigaram a leva-los até seu apartamento, no Condomínio ÁGUAS CRISTALINAS. Assim que chegaram ao 15 º andar, os assaltantes amarraram o vereador, a mulher dele e os três filhos do casal. Aproveitando que os assaltantes procuravam dinheiro e jóias, SOUZA e a filha mais velha, conseguiu se desamarrar e escaparam. Ao perceberem a fuga dos dois reféns, os criminosos tentaram fugir, mas o prédio estava cercado pela polícia. JÉFERSON RUI TOMAZ CARDOSO, de 23 anos, e DOUGLAS JOSÉ SANTANA, de 24, foram levados para a delegacia da cidade.

À revelia do presidente LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA, que não quer prévias para a escolha de candidatos, o PT de SÃO PAULO deu o pontapé inicial para a disputa do governo do Estado. O senador ALOÍZIO MERCADANTE e a ex-prefeita MARTA SUPLICY colocaram na mesa suas pré-candidaturas, hoje pela manhã, em encontro estadual do partido. Nenhum dos dois mostra disposição de abrir mão da indicação de seu nome para a sucessão do governador GERALDO ALCKMIN.

Nos últimos sete anos, a VARIG teve dez executivos sucessivamente e uma crise persistente. Responsável pelo controle da empresa, a FUNDAÇÃO RUBEN BERTA está nas mãos dos pilotos. São eles que resistem às mudanças que podem levar à modernização da companhia, tornando-a mais eficiente. Na VARIG, há uma média de mais de 30 pilotos por avião – mais que o dobro das concorrentes diretas.

Um forte esquema de segurança, que reuniu 520 agentes particulares e 56 policiais militares, equipados com 12 carros e 16 motos, foi montado, hoje, para o casamento da bilionária ATHINA HÉLÈNE ONASSIS, com o cavaleiro brasileiro ÁLVARO AFFONSO DE MIRANDA NETO, o “DODA”, de 32 anos. Uma enorme fila de carros, com cerca de mil convidados, estendia-se pela Avenida MORUMBI, nas imediações da mansão da FUNDAÇÃO MARIA LUÍZA e OSCAR AMERICANO, no MORUMBI. Para cuidar do trânsito, foram designados seis fiscais da Companhia de Engenharia de Tráfego. Entre as figuras ilustres estavam VIVIANE e LEONARDO SENNA, irmãos do piloto AYRTON SENNA, o estilista RICARDO ALMEIDA, que fez o terno de “DODA”, o locutor esportivo SÍLVIO LUÍZ, a neta da artista plástica TARSILA DO AMARAL, que tem o mesmo nome da avó, o empresário e ex-marido de HORTÊNCIA, JOSÉ VICTOR OLIVA, além da socialite NARCISA TAMBORINDEGUY. O humorista TOM CAVALCANTE também participou da cerimônia.

Foi noticiado que o escritor PAULO COELHO trocou a editora ROCCO pela PLANETA. O valor da compra do passe do autor, que leva para a empresa quatorze livros de seu catálogo, não foi divulgado.

O presidente do PAQUISTÃO, PERVEZ MUSHARRAF, confirmou que um importante comandante da rede AL-QAEDA foi morto na fronteira com o AFEGANISTÃO. HAMZA RABIA, um egípcio considerado um dos cinco principais chefes da rede de BIN LADEN, e responsável pelas operações internacionais da AL-QAEDA, está entre os cinco militantes mortos, quinta-feira, na explosão da casa em que eles estavam escondidos no WAZIRISTÃO. MUSHARRAF disse que a morte de RABIA é “200% certa”. Funcionários do governo afirmam que a explosão foi causada por explosivos armazenados para a fabricação de bombas, mas os moradores locais disseram que um helicóptero disparou foguetes contra a casa no vilarejo de MIR ALI, a cerca de 30 km do AFEGANISTÃO, onde estariam escondidos militantes islâmicos.

O jornal britânico DAILY TELEGRAFH exibiu a primeira foto da mulher submetida, na FRANÇA, ao primeiro transplante parcial de face da história. De acordo com os médicos, ela “passa bem”, mas ainda corre riscos médicos e psicológicos. A mulher de 38 anos, e que teve o rosto desfigurado pelo ataque de seu cão, foi operada na última quinta-feira, dia 1 º de dezembro, em LYON. Ela recebeu gordura, pele e vasos sanguíneos de uma doadora ainda viva. Para evitar o risco de rejeição, a paciente foi submetida a um forte tratamento imunológico. Ela chegou a receber injeções de células da medula óssea da doadora. JEAN-MICHEL DUBERNARD, que realizou em 1988 o primeiro transplante de mão, disse que “A paciente vai bem do ponto de vista médico, psicológico e imunológico”. 

2 006   :   -     DOMINGO
Um domingo de alta temperatura. Recebo um telefonema do CORONEL PM MENDES que quer tomar conhecimento do que aconteceu ontem no Monumento Mausoléu, envolvendo um conselheiro que foi barrado de entrar no obelisco pelo CABO PM PAULO, porque tinha “ordens” do GENERAL BUENO de que ninguém poderia entrar no Obelisco.
Leio os jornais O ESTADO DE SÃO PAULO – JORNAL DA TARDE – DIÁRIO DE SÃO PAULO e AGORA e as revistas VEJA, ISTO É e ÉPOCA. Durante muitos anos, bem antes de minha mãe falecer, eu adquiria as revistas ISTO É e ÉPOCA numa banca que se situa na Rua SANTANA DO JACARÉ. Mas isso começou a ficar difícil. Não tenho mais vontade de caminhar, aos domingos, até aquele lugar. As pessoas que iam até essa banca começaram a se esquecer disso. O resultado é que a partir deste domingo comecei a encomendar as revistas da banca mais próxima de casa, que já me traz a VEJA e os jornais AGORA, diariamente.
Durante o transcorrer do domingo, consigo imprimir as memórias armazenadas no computador, compreendidas entre os dias 25 a 30 de novembro e 1º de dezembro. 

A seleção brasileira masculina de vôlei conquistou, em TÓQUIO, o bicampeonato mundial com uma aula de vôlei na final, contra a POLÔNIA. Sobressaíram a técnica extraordinária do levantador RICARDINHO, o bloqueio, o talento de GIBA, que ganhou o prêmio de melhor jogador do torneio, mas sobretudo uma característica marcante do grupo como um todo: uma incrível vontade de vencer. O efeito desse espírito foi um placar não condizente com uma final, um atropelamento em três sets a zero. A medalha de bronze ficou com a BULGÁRIA, que derrotou a SÉRVIA E MONTENEGRO por 3 sets a 1.

A FIEL viveu uma mistura de sentimentos, hoje, no PACAEMBU. Ao mesmo tempo em que celebrava a vitória por 5 a 3 sobre o JUVENTUDE, que garantiu ao CORINTHIANS vaga na COPA SUL-AMERICANA de 2007, os torcedores quebraram o silêncio e protestaram veementemente contra os últimos escândalos protagonizados pela diretoria. O principal alvo foi o presidente do clube, ALBERTO DUALIB, chamado de “ladrão” e responsabilizado pelo “MENSALÃO DO TIMÃO”, esquema de pagamento de dirigentes revelado há dez dias pelo jornal DIÁRIO DE SÃO PAULO.

Apelidado de BANGU pelos jogadores, o time reserva do SÃO PAULO segurou empate por 0 a 0 com o PARANÁ, hoje, no DORIVAL DE BRITO, e garantiu ao clube uma despedida digna do tetracampeonato nacional. O TRICOLOR termina o BRASILEIRÃO com 78 pontos, nove a maisdo que o vice-campeão INTERNACIONAL.

A esperada goleada não aconteceu, mas o SANTOS se despediu com vitória no BRASILEIRÃO. Bateu o SANTA CRUZ por 3 a 1, na VILA BELMIRO, e pulou para 64 pontos, mantendo a quarta colocação no torneio – o time de LUXEMBURGO já havia assegurado vaga na LIBERTADORES.

O BRASILEIRÃO não poderia terminar de maneira diferente para o PALMEIRAS, que fez péssima campanha. A equipe de JAIR PICERNI empatou com o FLUMINENSE em 1 a 1, no MARACANÃ, e ficou em 16 º lugar. O VERDÃO só acabou à frente das quatro equipes que foram rebaixadas, e não caiu para a SEGUNDONA porque os adversários diretos conseguiram ser mais incompetentes. Esta foi a quinta pior posição do PALMEIRAS na história dos Campeonatos Brasileiros. Só superou as campanhas de 2002 (24 ª colocação, quando caiu para a Série B), 1985 (30 º). 1984 (20 º) e 1981 (31 º). OUTROS RESULTADOS: FIGUEIRENSE 0 x VASCO 0; PONTE PRETA 1 x ATLÉTICO PR 1; CRUZEIRO 3 x BOTAFOGO 1; FORTALEZA 1 x GRÊMIO 0.  

Em uma prova recheada de estrelas do automobilismo brasileiro, muitas delas com anos de estrada, quem mais brilhou foi a garotada. A equipe MGPOLIPETRO, formada por OTÁVIO BONDER, ANTÔNIO FRANCESCO VENTRE, JOSÉ EDUARDO VENTRE, BRUNO PACETTI e LUCAS RODRIGUES, venceu as 500 MILHAS DA GRANJA VIANA, hoje, em COTIA. O kart da equipe gaúcha, liderada pelo caçula OTÁVIO, de quinze anos, completou a prova em 10h36min26.
O segundo lugar ficou com o time de RUBENS BARRICHELLO, TONY KANAAN, DAN WHELDON e FELIPE GIAFFONE. Eles chegaram duas voltas depois dos garotos. FELIPE MASSA largou na pole position, mas bateu em um outro kart e teve de abandonar.

A árvore da Natal do Parque do  IBIRAPUERA foi inaugurada no início da noite. Instalada ao lado do Obelisco, pesa 210 toneladas, tem 50 metros de altura (equivalente a um prédio de 20 andares) e 28 metros de diâmetro.
Durante o evento de inauguração, que contou com a presença do prefeito GILBERTO KASSAB, houve queima de fogos e apresentação de uma orquestra por cerca de uma hora. Segundo a Guarda Metropolitana Municipal, 8 mil pessoas estiveram presentes.

Às 17 horas, quando dom CLÁUDIO HUMMES embarcou para ROMA, onde assumirá o cargo de prefeito da Congregação para o Clero, a Arquidiocese de São Paulo tem um novo dirigente. É dom MANUEL PARRADO CARRAL, de 60 anos, um dos bispos-auxiliares da arquidiocese. Como o cargo (a princípio) é interino e dura até a nomeação do arcebispo vir do VATICANO, d. MANUEL terá o posto de administrador apostólico. “A diferença é que o administrador evita fazer grandes mudanças”, explica o próprio d. MANUEL. “Vou continuar o trabalho de d. CLÁUDIO e entregar tudo direitinho para meu sucessor”.  A nomeação foi feita pelo PAPA BENTO XVI. O nome escolhido chegou ontem à nunciatura apostólica (espécie de embaixada do VATICANO), em BRASÍLIA. Caso o PAPA não se manifestasse, o substituto seria eleito pelos próprios bispos da arquidiocese e, teoricamente, teria menos força.  

Após sofrer um infarto hoje pela madrugada, o ex-ditador chileno AUGUSTO PINOCHET foi internado às pressas no Hospital Militar de SANTIAGO e submetido a uma cirurgia para colocação de uma ponte de safena. À tarde, recebeu a extrema-unção, informou seu filho MARCO ANTÔNIO PINOCHET. “Ele está em estado muito delicado”, disse MARCO ANTÔNIO. PINOCHET completou 91 anos no dia 25 de novembro e divulgou um comunicado afirmando que assume a “responsabilidade política” pelos atos cometidos durante seu regime.
“Perto do final dos meus dias, quero manifestar que não guardo rancor de ninguém, que amo minha pátria acima de tudo”, acentuou na mensagem lida por sua mulher, LUCÍA HIRIART, para cerca de 60 partidários que foram cumprimentá-lo por seu aniversário em sua mansão, no bairro de LA DEHESA, em SANTIAGO.
Na segunda-feira passada, PINOCHET teve mais uma vez decretada sua prisão domiciliar no processo em que é acusado de responsável pelo seqüestro e morte de um ex-guarda-costas. PINOCHET é processado também por crimes de violações dos direitos humanos, fraude ao fisco e contas secretas no exterior, nas quais teria acumulado fortuna de 26 milhões de dólares, durante o período em que governou o CHILE – de 1973 a 1990.

“Estimamos que as vítimas podem chegar a mil ou mais”, disse hoje o presidente da CRUZ VERMELHA FILIPINA, RICHARD GORDON, ao apresentar um balanço da organização sobre os efeitos da passagem do tufão DURIAN, que soterrou vilas inteiras em diversas regiões do país. A maior parte das mortes ocorreu na PROVÍNCIA DE ALBAY – 165 só na cidade de GUINOBATAN, que foi soterrada pela lama. Outras quatro províncias registraram mortes, mas o número exato de vítimas não foi divulgado. Em LEGAZPI, capital de ALBAY, moradores faziam fila hoje para receber água, gasolina e comida enviados em aviões de carga da força aérea.

2 007    :      -      SEGUNDA-FEIRA
O DIÁRIO OFICIAL PUBLICA HOJE A REFORMA DO COMANDANTE DO 21º BPMI, TENENTE-CORONEL PM HAMILTON COSTA DOS SANTOS, a contar de 24 de outubro. Ele nasceu em 21 de fevereiro de 1958. Entrou para a PMESP no dia 1º de fevereiro de 1977. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1979. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1980; 1º TENENTE – 24 de maio de 1985; CAPITÃO – 24 de maio de 1989; MAJOR – 24 de maio de 2000; TENENTE-CORONEL em 24 de maio de 2005.

O Comandante do Primeiro Batalhão de Polícia de Choque têm a honra de convidar Vossa Senhoria e digníssima família para a Solenidade Comemorativa ao 116º Aniversário do Batalhão  Tobias de Aguiar.
Data: 03 de dezembro de 2007
Às 10 horas
Batalhão Tobias de Aguiar
Avenida Tiradentes nº 440
São Paulo/SP

Tendo pertencido ao CHOQUE durante um bom tempo (somente 6 anos e 4 meses no CPChq e um ano no Comando do 2º BPChq), além de também ter pertencido ao 1º BP “TOBIAS DE AGUIAR”, em 1968, quando era um batalhão destinado ao policiamento ostensivo, com apenas uma companhia, sediada no antigo DEOPS, encarregada do choque, é claro que o aniversário dessa Unidade está no meu calendário de eventos. Ali compareço, por volta das 10 horas. Nosso presidente, GINO STRUFFALDI, já se encontra no palanque. O Secretário Adjunto da Segurança Pública, doutor LAURO MALHEIROS NETO, é quem preside a cerimônia. Ao seu lado está o Cmt Geral, CORONEL PM FERNANDO ANTÔNIO DINIZ, e o delegado geral de polícia, doutor MAURÍCIO JOSÉ LEMOS FREIRE (uma das autoridades que irão receber a Medalha do Centenário do 1º BPChq). Vemos as presenças dos coronéis: JOSÉ ROBERTO MARTINS MARQUES (Sub Cmt PM), RAUGESTON BENEDITO BIZARRIA DIAS (Diretor de Ensino), ADEMIR APARECIDO RAMOS, ROBERT EDER NETO (Diretor de Logística), ROBERTO COSTA, JOVIANO CONCEIÇÃO LIMA (Cmt do Policiamento de Choque), ARIVALDO SÉRGIO SALGADO (Chefe de Gabinete do Cmt Geral). Da velha guarda: CORONEL PM Ref NIOMAR CYRNE BEZERRA, CORONEL PM Ref OCTÁVIO GOMES DE OLIVEIRA, CORONEL PM Res FERREIRA DE SOUZA, CORONEL PM Res OLDECIR FERNANDES DE OLIVEIRA E SILVA, CORONEL PM Res LUIZ CARLOS DE OLIVEIRA GUIMARÃES, CORONEL PM Res TOMAZ ALVES CANGERANA (Superintendente da Caixa Beneficente), CORONEL PM Ref LUIZ NAKAHARADA, CORONEL PM JUIZ APOSENTADO ANTÔNIO AUGUSTO NEVES, CORONEL PM Ref DEPUTADO ESTADUAL ÉDSON FERRARINI, CORONEL PM Res VIANA, CORONEL PM Ref ALFREDO VIEIRA DAS NEVES (atual presidente da MÚTUA dos oficiais da PMESP).
O TENENTE-CORONEL ILDEFONSO BEZERRA FALCÃO, Comandante do 2º Batalhão de Polícia do Exército, vem como meu convidado. Vejo também o nosso associado ARIOVALDO CHACUR, o vereador TONINHO PAIVA, TENENTE-CORONEL PM JÚLIO CÉSAR DIAS (Cmt do 1º BPChq “TOBIAS DE AGUIAR”), TENENTE-CORONEL PM BOTELHO (Cmt do 2º BPChq), TENENTE-CORONEL PM FLÁVIO JARI DEPIERI (Cmt do 3º BPChq) e muitos outros oficiais.
Conversando com vários companheiros do choque, vamos relembrar muitos episódios comuns a nós. Também recebo o convite para o lançamento do livro “VOZES DO CARANDIRU”, de KARINA FLORIDO RODRIGUES.
Um dos momentos mais significativos da solenidade é a entrega da Medalha do Centenário da Unidade.
Ainda participamos do coquetel, após o desfile da tropa e das viaturas da ROTA. Levo o GINO STRUFFALDI ao metrô. Ele vai para casa, pois está cansado das atividades desta manhã. Almoço com os oficiais do MMDS e, na Sociedade Veteranos de 32-MMDC vamos atender a rotina. Cumprimento o ex-combatente de 32, DOMINGOS ANGERAMI, que no dia 1º de dezembro completou CEM ANOS DE IDADE. Convido-o para o DIA DOS ANIVERSARIANTES, que neste mês será realizado no dia 19. Entro em contato com a EDITORA JABOTICABA para a divulgação do livro “VOZES DO CARANDIRU”. Eles me mandam por e-mail o convite para o lançamento do livro em 10 de dezembro, na Livraria da Vila, na Rua FRADIQUE COUTINHO, 915, na VILA MADALENA.
Tenho uma grande perda de tempo no retorno para GUARULHOS. As mudanças no Centro, no último final de semana, por conta da revitalização da região, faz com que o ônibus contorne a PRAÇA QUARTO CENTENÁRIO, passe pela frente do SUPERMERCADO EXTRA, para ganhar a Rua PADRE CELESTINO, daí seguindo o trajeto normal. A rua DOM PEDRO II está sendo transformada em calçadão. Os motoristas ainda desconhecem essas mudanças. Passageiros acostumados a tomar ônibus no conhecido “pontão” da rua DOM PEDRO II, só percebem a desativação e as alterações que foram feitas depois que notam que os coletivos não estão mais circulando por ali. Além da mudança no itinerário dos ônibus, foram invertidas as mãos de direção em trechos como os da Rua PADRE CELESTINO e da avenida MONTEIRO LOBATO.
A primeira mudança no Centro é na Rua PADRE CELESTINO, que teve inversão no trecho entre as ruas DOM PEDRO II e BENEDITO FAUSTINO DE MORAES, com fluxo permitido apenas no sentido bairro-Centro. Por sua vez, a DOM PEDRO fechou para o trânsito, com exceção de um retorno implantado entre as ruas LUIZ GAMA e XV DE NOVEMBRO (que teve também a mão invertida), onde o tráfego será autorizado. Já a Avenida MONTEIRO LOBATO, nos trechos entre as vias HARRY SIMONSEN e JOÃO GONÇALVES, agora tem mão única em direção ao Centro. O percurso da rua BENEDITO R. DE FREITAS, entre as ruas PADRE CELESTINO e CARAGUATATUBA, teve implantação de mão dupla, a exemplo do que aconteceu na CARAGUATATUBA, entre as vias BENEDITO R. DE FREITAS e BENEDITO FAUSTINO DE MORAES.

Quem pagou o pato pelo rebaixamento do CORINTHIANS à Série B do BRASILEIRO foi o presidente ANDRÉS SANCHEZ. Hoje, no primeiro dia do clube fora da elite nacional, o dirigente foi humilhado por torcedores da GAVIÕES DA FIEL que foram ao PARQUE SÃO JORGE exigir explicações. Como os jogadores e o técnico NELSINHO BATISTA tiraram férias e desapareceram, sobrou para ANDRÉS SANCHEZ justificar o descenso. O dirigente eleito há 50 dias repetiu para a imprensa que a culpa maior é do ex-presidente ALBERTO DUALIB e de seus antigos parceiros.
Pouco depois, no alambrado que separa a arquibancada da FAZENDINHA do gramado, ele repetiu a explicação para cerca de 70 integrantes da GAVIÕES. Porém, a versão não colou e ele ouviu poucas e boas. “Sua administração é um lixo e você tem a mesma culpa que o DUALIB, o NESI CURI e todos os outros”, disse MONGA, um dos líderes da organização alvi-negra. “Você é sem-vergonha e só chegou ao poder porque se aproveitou dos esquemas da época em que fazia parte da gestão do DUALIB”, emendou o torcedor, com o dedo na cara de ANDRÉS. Cercado pelos torcedores, o cartola abaixou a cabeça e começou a chorar, sem receber qualquer das acusações.  Sob aplausos, MONGA prosseguiu seu discurso nada diplomático. “Se você fosse homem, admitiria que sabia desde o começo sobre a participação do BÓRIS (REREZOVSKI) na parceria com a MSI. O mais certo era que você renunciasse”, completou o torcedor, exigindo que ANDRÉS o olhasse em seus olhos. O presidente da GAVIÕES, HÉRBERT FERREIRA, tomou a palavra na seqüência e cobrou com urgência a lista de dispensas, a relação de reforços e o nome do novo treinador. ANDRÉS, ainda de cabeça baixa, acenou positivamente e foi embora às lágrimas. Também hoje o goleiro MARCELO e o lateral-direito AMARAL enfrentaram a fúria da FIEL em PORTO ALEGRE. Eles não voltaram com o grupo e foram ofendidos no aeroporto.

Um caminhão cegonheiro tombou hoje de madrugada na VILA PRUDENTE, zona leste. O Corpo de Bombeiros levou quatro horas e meia para conseguir retirar o caminhoneiro CLÁUDIO CARLOS, de 30 anos, das ferragens da cabine do veículo. Ele e o ajudante foram levados para o pronto-socorro do Hospital de VILA ALPINA. O cegonheiro transportava 10 carros zero km, que ficaram danificados no acidente.

A polícia apreendeu hoje cerca de 1,5 milhão de produtos falsificados que seriam do empresário chinês LAW KING CHONG, preso desde 14 de novembro. A mercadoria, avaliada em três milhões de reais, foi localizada em galpões do Centro de SÃO PAULO. De acordo com GILMAR BESSA, delegado titular da Delegacia de Propriedade Imaterial do Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (DEIC), os galpões serviam para estocar os produtos antes de distribuí-los nas lojas da Rua 25 de Março.

Oitenta dias depois de ter assumido o comando de uma das mais importantes subprefeituras da Capital, a da SÉ, o ex-delegado geral de SÃO PAULO, e ex-delegado titular da Seccional Centro, MÁRIO JORDÃO TOLEDO LEME, deixou hoje o posto. Segundo fontes ouvidas, faltou afinidade entre JORDÃO e a equipe da administração municipal. Hoje, ele conversou com o secretário de Coordenação das Subprefeituras ANDREA MATARAZZO, e com o prefeito GILBERTO KASSAB para anunciar sua decisão, aceita prontamente. MATARAZZO reassume o posto que já acumulava antes da posse de JORDÃO. 

O prefeito de SÃO LOURENÇO DA SERRA, na GRANDE SÃO PAULO, foi feito refém por cinco horas junto com sua família entre o final da noite de domingo e a madrugada de hoje. Quatro homens encapuzados e armados com revólveres invadiram a casa de JOSÉ MERLI, no bairro PRATAS, por volta das 21:30 horas, e renderam o político, sua mulher, IZABEL MERLI, e os dois filhos do casal. Os  criminosos ficaram na residência até as 2:30 horas de hoje. O delegado do município, LUÍS CLÁUDIO SIQUEIRA, acredita que o bando teve acesso à casa cortando uma parte da cerca de arame farpado que fica sobre o muro que protege o imóvel. A parede, com cerca de 1,5 metro de altura, não impediu que os assaltantes chegassem ao jardim, que dá para os fundos da casa. Um dos invasores rendeu a família de MERLI e ameaçou os reféns com uma arma durante as cinco horas do roubo. Os outros vasculharam a casa. A quadrilha recolheu as jóias de IZABEL, os aparelhos eletrônicos que estavam na sala e nos três quartos da casa e uma porção de utensílios domésticos. Também foram roubados um mil reais em dinheiro. Tudo foi colocado dentro dos dois carros da família, um GOL e um AUDI, que os criminosos utilizaram para fugir do local.

ROGÉRIO CENI, goleiro do SÃO PAULO, foi eleito o craque do CAMPEONATO BRASILEIRO de 2007 em uma cerimônia realizada pela CBF no Teatro Municipal do RIO, nesta segunda-feira. É o segundo ano consecutivo que CENI recebe o troféu de melhor jogador do campeonato. 

Foi condenado a seis anos de prisão, por gestão temerária, JÚLIO SÉRGIO GOMES DE ALMEIDA, ex-secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda. Como diretor do BANESPA nos anos 1990, ele aprovou um empréstimo que jamais foi pago e que ajudou a levar a instituição à bancarrota. GOMES DE ALMEIDA foi o principal assessor do ministro GUIDO MANGEGA entre maio de 2006 e abril de 2007. 

Faleceu, aos 77 anos, “TIO GERALDO”, como era conhecido o senhor GERALDO RODRIGUES. Foi o criador de um dos programas mais antigos da televisão – “FORNO, FOGÃO E CIA” – há vinte anos no ar. Ele trabalhou normalmente como diretor até seu falecimento. Foi produtor e assistente da direção artística de diversos programas da TV CULTURA. Apresentou programas infantis na mesma emissora e também na TV BAND. Já na TV GAZETA, criou o “FORNO FOGÃO E CIA”, que depois foi para a TV RECORDE e, finalmente na REDE NGT (48 HFT de SÃO PAULO).

Grávida de dois meses, a cantora AMANDA COSTA recebeu no Clube MONTE LÍBANO, em SÃO PAULO, o troféu de Melhor Atriz de Musical, na quinta edição do Prêmio QUALIDADE BRASIL 2007. A premiação foi dada por sua atuação na peça MY FAIR LADY.

GUEVARA e STALIN derrotaram a revolução socialista de HUGO CHÁVEZ. Não o guerrilheiro argentino ou o ditador soviético mas FREDDY GUEVARA e STALIN GONZÁLEZ, líderes universitários do movimento contrário à reforma constitucional proposta pelo presidente venezuelano. Após a vitória, os estudantes fizeram uma convocação para a reconciliação nacional e setores da oposição pediram que seja criada uma Assembléia Constituinte, enquanto CHÁVEZ, abatido, reconhecia a derrota, mas dizia que sua proposta “continua viva”.
Segundo o Conselho Nacional Eleitoral (que não encerrou a apuração), o líder perdeu por pouco. A proposta fora dividida em dois blocos, o primeiro com as mudanças feitas por CHÁVEZ e o segundo, com mudanças acrescentadas pela Assembléia Nacional.  Aparentando cansaço, CHÁVEZ reconheceu a  derrota em rede nacional de rádio e TV.
       
2 008      :       -    QUARTA-FEIRA
Lançamento do livro O CLÃ MATSUMOTO, escrito por MAURO PANELLA e LEONARDO LELIS. Uma guerra por poder, entre dois lados de uma mesma família. Na Livraria MARTINS FONTES, Avenida Paulista, 509 – CERQUEIRA CÉSAR – SÃO PAULO/SP, das 18:30 às 21:30 horas.
Em frente à estação Brigadeiro do metrô.

Nesta manhã LUCINDA conversa sobre a situação de saúde do PIETRO. O filho do ALEXANDRE, neto da DORA e JOSÉ, ainda continua internado no hospital com pneumonia bipolar. O JOSÉ, irmão da LUCINDA, é muito apegado ao menino e vive momento da grande preocupação.
Recebo um telefonema do TENENTE PATRÍCIO acerca do núcleo que se pretende montar em OSASCO. A sede seria na Câmara Municipal daquela cidade, mas há necessidade de se falar com o presidente da Câmara. Acontece que no início de 2009 poderá ser outro presidente. O tenente continua com a idéia e vai fazendo os contatos necessários.
Assim que chego na Sociedade há um contato com ALEXANDRE CASTILHO. Ele quer que eu esteja presente na reunião com o Comandante do 16º BPMM, na Cidade Universitária, hoje à tarde. Combinamos que um táxi virá me buscar por volta das 14:30 horas. O GINO STRUFFALDI está em casa e o CORONEL MENDES em sua companhia. Faço uma ligação telefônica com o presidente a fim de comunicar minha ida até a Avenida CORIFEU DE AZEVEDO MARQUES, 4082, sede do 16º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano. 
Recebo um telefonema do jornal DIÁRIO DO COMÉRCIO. O repórter quer saber por quê existem os mastros na Sociedade, mas não as bandeiras. Explico que falta iluminação para que o pavilhão nacional fique hasteado diuturnamente. Talvez possa ser executado um trabalho junto à Prefeitura nesse sentido.
VICTÓRIO convida-me para almoçar quase às 14 horas. Estou aguardando o táxi que o ALEXANDRE ficou de me mandar e já não posso sair para esse almoço. Com a chegada do táxi vamos para a Cidade Universitária, onde se situam o 16º BPMM e o CPA/M-5. O ALEXANDRE CASTILHO está perdido e, através seu celular, damos algumas indicações para chegar até o local.
O TENENTE-CORONEL PM LIMA, Comandante do 16º BPMM, atende o cônsul do JAPÃO enquanto o ALEXANDRE não chega. Relembro que esta Unidade foi formada nos anos 1960 com o efetivo de uma companhia do antigo Batalhão de Guardas. Era o GRUPAMENTO MILITAR DA CIDADE UNIVERSITÁRIA (G.M.C.U), comandado pelo CAPITÃO CELSO. Em 1964/1965 nasciam os 14º, 15º e 16º BPMs, oriundos todos de companhias do BATALHÃO DE GUARDAS. Na época, como 2º Tenente, pertencia a esse BATALHÃO, depois transformado em ESCOLA DE FORMAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO e hoje o conhecido CFAP, CENTRO DE FORMAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO DE PRAÇAS, ou seja ESCOLA DA SARGENTOS. Relembro dos antigos comandantes ou olhar a Galeria deles. O 16º BPMM irá comemorar aniversário em 6 de dezembro de 2008.
Depois de tratarmos do assunto da formação do núcleo MORUMBI-BUTANTÃ, com a plena aquiescência do TENENTE-CORONEL PM LIMA, vamos visitar o CORONEL PM DANILO ANTÃO FERNANDES, atual Comandante do CPA/M-5. Ele também concorda com a nossa idéia.
São 17:30 horas quando deixamos os quartéis. O ALEXANDRE não conhece a região e se perde várias vezes. Vai me deixar na estação do CPTM “BERRINI”. Aí vai começar uma verdadeira odisséia numa linha de trens completamente desconhecida. Passa o trem pelas estações da LINHA VERDE: VILA OLÍMPIA, CIDADE JARDIM, HEBRAICA-REBOUÇAS, PINHEIROS, CIDADE UNIVERSITÁRIA, VILLA LOBOS-JAGUARÉ, CEASA, PRESIDENTE ALTINO (nesta estação é feita a transferência para a LINHA CINZA, também do CPTM). Muita gente é obrigada a subir uma escadaria ate atingir essa linha. Vamos conhecer: IMPERATRIZ LEOPOLDINA, DOMINGOS DE MORAES, LAPA e, finalmente, na estação BARRA FUNDA, conseguimos atingir a nossa conhecidíssima LINHA AZUL do Metrô. Na SÉ, nova baldeação, agora para a LINHA VERMELHA. Com todo esse “passeio” obrigatório, chego cansado na ARMÊNIA. Embarco no ônibus COCAIA e vou chegar em casa depois das 21 horas. LUCINDA está esperando sem saber o que estava acontecendo. Ela sente dores lombares há dias e se sente irritadíssima com isso.
Muito cansado, vou obrigado a deixar tudo de lado para ir deitar mais cedo nesta noite.      

Às vésperas de se aposentar, EDMUNDO se envolveu em mais uma confusão hoje pela manhã. Na saída do treinamento do VASCO, em SÃO JANUÁRIO, o atacante bateu o seu carro em uma escada e atingiu um funcionário contratado por empresa terceirizada para consertar um aparelho de ar-condicionado. Após o acidente, o ANIMAL prestou socorro ao homem.

O INTERNACIONAL sofreu muito, mas colocou em sua galeria um troféu inédito para um time brasileiro. Num jogo tenso, a equipe perdeu no tempo normal por 1 a 0, mas venceu o ESTUDIANTES na prorrogação por 1 a 0, gol de NILMAR, no BEIRA-RIO, em PORTO ALEGRE, e conquistou o título da COPA SUL-AMERICANA. No primeiro jogo, os brasileiros haviam vencido por 1 a 0, em LA PLATA, gol de ALEX, de pênalti. Com o resultado, o INTER se tornou o primeiro time brasileiro a deter todos os títulos internacionais possíveis atualmente: COPA SUL-AMERICANA, RECOPA SUL-AMERICANA, TAÇA LIBERTADORES e MUNDIAL INTERCLUBES.

O assaltante FLÁVIO RODRIGO FERREIRA, de 19 anos, e o adolescente J.C.F.A. de 17 anos foram presos e confessaram a participação na tentativa de assalto que acabou com a morte do empresário e ganhador da Mega-Sena, ALTAIR APARECIDO DOS SANTOS, DE 42 anos. O crime ocorreu em LIMEIRA, a 151 km de SÃO PAULO, em 16 de novembro. À polícia, a dupla disse que foi ao local para roubar a casa de ALTAIR. Os ladrões foram presos no mesmo bairro onde vivia DIEGO SEBASTIÃO DOS SANTOS, de 21 anos, que confessou ter dado o tiro em ALTAIR. DIEGO foi preso na semana passada, confessou o crime, e disse que matou a vítima com um tiro no peito porque ela reagiu ao assalto. Para a polícia, os três agiram juntos numa tentativa de assalto, mas não está descartada a participação de outras pessoas e a existência de um mandante para o assassinato.

Após 14 dias como foragido da Justiça, o ex-prefeito CELSO PITTA reapareceu, hoje, em público. Isso, porém, só ocorreu após o Tribunal de Justiça de São Paulo conceder um hábeas corpus suspendendo o efeito do mandado de prisão ao político, que atualmente trabalha como consultor financeiro. Desde 20 de novembro, o ex-prefeito era procurado pela Justiça por ter deixado de pagar a pensão alimentícia da ex-mulher, NICÉA PITTA, com quem foi casado por 30 anos.

Dois policiais militares foram presos em flagrante por colegas ontem à noite, no JARDIM ORION, região de CIDADE DUTRA, zona sul da capital, acusados de tentar extorquir um comerciante que tinha quatro máquinas caça-níqueis no fundo de seu bar. Freqüentadores de outro boteco na região, onde também há caça-níqueis, afirmaram que os PMs extorquiram 200 reais do dono do local e retiraram cerca de 500 reais em notas das máquinas no mesmo dia. A dupla foi indiciada pela polícia por concussão (extorsão cometida por funcionário público).

O deputado PAULO PEREIRA DA SILVA, o PAULINHO DA FORÇA, foi absolvido hoje pelo Conselho de Ética da Câmara. Com a ajuda da base aliada e dois reforços da oposição, o deputado obteve uma vitória larga: 10 votos pela absolvição e apenas 4 favoráveis ao relatório do deputado PAULO PIAU, que apontava a participação do pedetista em “esquema fraudulento de desvio de verbas do BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMIBO – BNDES – descoberto durante a OPERAÇÃO SANTA TERESA, da Polícia Federal.

Os primeiros balanços da tragédia em SANTA CATARINA mostram que alguns problemas estão apenas começando. Das 35.325 pessoas que ainda dormem em abrigos ou com familiares, pelo menos 8 mil tiveram as residências totalmente destruídas. Talvez nunca mais voltem para casa – em pelo menos 25 comunidades condenadas pela Defesa Civil, não haverá reocupação. Todas as cidades afetadas cancelaram eventos tradicionais de Natal e fim de ano para realocar o dinheiro no socorro às vítimas. O solo está saturado e o lençol freático permanece elevado – por isso, análises da Universidade Federal de SANTA CATARINA indicam que, após a chuva recorde de novembro, o solo só vai se estabilizar em seis meses. Até lá, haverá riscos de deslizamentos.

Primeiro, apareceu a boca – vermelha. Em seguida, a raspagem do forro da Igreja do Carmo, no centro de São Paulo, revelou um nariz, as mãos. Pelos traços do pincel, não restaram dúvidas. A “pintura invisível” de padre JESUINO DO MONTE CARMELO não era uma lenda. Embaixo de uma pintura grosseira no forro da nave da igreja do século XVIII, há um trabalho do artista barroco, como desconfiava o poeta MÁRIO DE ANDRADE, há seis décadas. Restauradores encontraram a imagem de NOSSA SENHORA DO CARMO, de mãos entrelaçadas junto ao peito, rodeada por anjos e querubins. “Me parece ser a melhor pintura dele”, disse o coordenador dos trabalhos na igreja, o restaurador artístico JÚLIO MORAES, que considera o padre JESUÍNO – artista nascido em SANTOS no dia 25 de março de 1764 – um dos principais nomes da arte paulista de época colonial.

A crise está batendo forte às portas da VALE, maior exportadora brasileira. A mineradora confirmou hoje 1.300 demissões. Outros 5.500 trabalhadores foram colocados em férias coletivas. Para analistas de mercado, a decisão aponta para um corte mais profundo na produção do que os 30 milhões de toneladas (9,5% do total) anunciados no fim de outubro.

O espanhol LUIZ PEREZ GALINDO, de 101 anos, e JULIETA PAGANASSI PEREZ, de 100, completaram hoje 81 anos de casamento (bodas de cacau). Algo raro nos dias atuais, quando casais mesmo jovens se separam pouco depois da união. LUIZ e JULIETA moram em MONTE ALTO, na região de RIBEIRÃO PRETO – onde se conheceram na adolescência – sob os cuidados zelosos de dois dos sete filhos (apenas um morreu): JANDIRA, de 72 anos, a única que não se casou, e DORIVAL, de 65. O casal teve ainda 22 netos, 30 bisnetos, 6 trinetos e 1 tataraneto de 2 anos.
A festa pela união do casal PEREZ foi modesta, promovida pelos dois filhos e alguns vizinhos. A grande comemoração que JANDIRA planeja para o casal deverá ocorrer em 20 de janeiro de 2009, quando o pai completará 102 anos. LUIZ nasceu em ALMERÍA, na ESPANHA, e depois imigrou para o BRASIL. Conheceu JULIETA, que nasceu em PIRASSUNUNGA, mas o pai dela, italiano, não queria a união porque LUIZ era espanhol. Apesar da avançada idade, ela afirmou:”Me lembro quando ele veio me pedir em namoro ao meu pai.” Apesar de tudo, se casaram e foram felizes. “Tivemos uma vida maravilhosa!” E JULIETA trata logo de avisar: “Ainda não estamos caduco, não”.
LUIZ tem pouca mobilidade e fala pouco, mas JANDIRA garante que a memória do pai sobre o passado continua boa. Ele é mais dependente de cuidados que JANDIRA, que só não toma banho sozinha, já que em maio teve uma queda. Segundo a filha, a mãe esquece algumas coisas, não reconhece algumas pessoas, mas fala bem da juventude e identifica os parentes. “Às vezes ela fala para o meu pai que devem ir embora para a casa deles, talvez se lembrando da casa onde passaram a juventude”, explica JANDIRA. LUIZ foi roceiro e há pelo menos três décadas vive com JULIETA numa casa no bairro CALIFÓRNIA. No passado, o casal teve um sítio, comprado com muito suor. Na infância, eram vizinhos. Cresceram, se casaram e hoje, aposentados, curtem a velhice juntos, demonstrando o velho amor. 

MADONNA já está em BUENOS AIRES, onde inaugurará a turnê sul-americana. Hoje, o primeiro show, no entanto, foi cancelado. Por conta de um atraso na chegada nos equipamentos, a popstar adiou o espetáculo que faria no estádio do RIVER PLATE. MADONNA chegou a BUENOS AIRES com os três filhos e uma equipe de 200 pessoas. Sua agenda tem sido bem movimentada por lá. Pela manhã, encontrou-se com a presidente CRISTINA KIRCHNER e com a ex-candidata à presidência da COLÔMBIA, INGRID BETANCOURT. Na capital, ainda teve tempo de sair à noite para jantar num restaurante. De BUENOS AIRES, MADONA segue para SANTIAGO, no CHILE, e, depois, RIO, primeira parada da estrela no país. SÃO PAULO receberá a cantora nos dias 18,20 e 21. No BRASIL, a loira ainda se encontrará com o Presidente LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA.  

Os terroristas que lançaram os atentados em MUMBAÍ passaram três meses em campos do grupo LASHKAR-I-TAIBA, no PAQUISTÃO, treinando para os ataques da semana passada, declarou à polícia indiana o único militante preso, AJMAL AMIR KASAB, de 21 anos. O terrorista, que recebeu ao todo 18 meses de treinamento, contou que os militantes responsáveis pelos ataques em MUMBAÍ, oeste da ÍNDIA, receberam aulas sobre armas, sobrevivência e navegação.

2 009     :         -        QUINTA-FEIRA
Nesta manhã, navegando pela Internet, leio uma mensagem entre os capitães ALEXANDRE (núcleo de SÃO MIGUEL PAULISTA) e RIOS (núcleo de GUARULHOS):
Capitão Alexandre para natsoaressant, mendes, mmdc.32, mim
mostrar detalhes 09:58 (4 minutos atrás)
Para conhecimento...
Original Message -----
From: Cap ALÍPIO DE LIMA RIOS
To: 'Capitão Alexandre'
Sent: Thursday, December 03, 2009 9:37 AM
Subject: RES: Contato.
O GAROTO, SEGUI O SEU CONSELHO E ASSUMI A PRESIDENCIA. Assim que marcar a data da posse vou te avisar e convidá-lo.
Obrigado pela dica.
Abcs,
Rios
Pres Nucleo Guarulhos
De: Capitão Alexandre [mailto:alexandrebueno@policiamilitar.sp.gov.br]
Enviada em: quarta-feira, 2 de dezembro de 2009 17:01
Para: rios@policiamilitar.sp.gov.br
Assunto: Contato.
Caro amigo Rios,
Cumprimento-o em nome do Núcleo São Miguel Pta e o saúdo por essa empreitada da difusão da epopéia de 1932. Recordo-me que outrora fiz contato contigo, pedindo seu apoio em Guarulhos e fico feliz com a sua participação. Precisando de apoio, por favor, solicitar..Sei que o Hebert abraçou outro Núcleo, após uma conversa minha com ele no CMéd por ocasião da perícia para nossa promoção...Estou contente da Turma 93 I estar participando ativamente...
Votos de sucesso....
Alexandre Bueno Pinheiro
Presidente do Núcleo São Miguel Pta

O Diário Oficial desta quinta-feira publica a transferência para a reserva do TENENTE-CORONEL PM ANTÔNIO MARCOS DA SILVA, do Corpo de Bombeiros do Interior. Nasceu no dia 25 de outubro de 1955. Entrou para a PMESP em 27 de fevereiro de 1982. Foi declarado ASPIRANTE A OFICIAL em 15 de dezembro de 1982. PROMOÇÕES: 2º TENENTE – 25 de agosto de 1983; 1º TENENTE – 24 de maio de 1987; CAPITÃO – 24 de maio de 1993; MAJOR – 15 de dezembro de 2004; TENENTE-CORONEL – 29 de novembro de 2008.
  
Como teremos o almoço de confraternização do Conselho Cívico e Cultural da Associação Comercial marcado para meio-dia, resolvo ir mais cedo para a Rua BOA VISTA. FRANCISCO GIANNOCCARO já está no elevador quando o cumprimento. Ele está preocupado com a cerimônia, na qualidade de coordenador do Conselho. Como somos os primeiros a chegar, ficamos conversando enquanto vão apontando os companheiros: LAURO RIBEIRO ESCOBAR, FRANCES DE AZEVEDO, GAETANO BRANCATI LUIGI, GINO STRUFFALDI, GUILHERME TEODORO MENDES, CORONEL PM Ref PAULO TENÓRIO DA ROCHA MARQUES, CORONEL PM Ref ANTÔNIO CARLOS MENDES, GENERAL OSWALDO MUNIZ OLIVA, ANTÔNIO AUGUSTO BIZARRO, ANTÔNIO RESENDE, MAJOR PM Ref ARLINDO DE SOUZA PÍCOLI, ELOY GONÇALVES DE OLIVEIRA, GUILHERME NAPOLEÃO DE ABREU, HELIODORO PEREIRA DE SÁ, JÁCOMO SPAMPINATO NETO, JORGE LUIZ DA COSTA, PEDRO PAULO PENNA TRINDADE, RICARDO LUÍS SCALISE, TIZUKO HASSEGAWA MIKAN, VALDIR ABDALLAH, VILMA GAGLIARDI, VIVIANO FERRANTINI, ÉLVIO ALIPRANDI.
O ambiente é muito bom. Vamos para o almoço e a mesa de honra é constituída pelo GIANNOCCARO, GENERAL OLIVA, BIZARRO, GINO e FRANCES. O GIANNOCCARO chama-me para ler uma mensagem que lhe mandei ontem, lembrando a figura do desembargador LUIZ EDUARDO CORREIA DIAS (falecido) que em 2002 me levou a fazer parte das primeiras reuniões do Conselho, por ocasião dos festejos dos 70 anos da Revolução Constitucionalista de 1932. O GENERAL OLIVA lembra sua infância e de cenas indeléveis da revolução. Desculpa-se por não ter participado das reuniões do Conselho Cívico e Cultural, em razão do seu trabalho em BRASÍLIA. PEDRO PAULO PENNA TRINDADE lembra o Natal e fez um discurso baseado na aproximação da data máxima da cristandade. VALDIR ABDALLAH, metodista, fala dos desígnios do Senhor e lembra também cenas de sua infância.
GINO, FRANCES, VIVIANO, JORGE também falam durante o almoço. São mais de duas horas de intenso convívio entre os participantes do Conselho. São tiradas fotos desse momento histórico e, despedimo-nos de 2009.  
GINO, MENDES e eu podemos conversar sobre nossos últimos desencontros. MENDES fez uma viagem a SANTO ANASTÁCIO, em obrigação maçônica. Isso o fez se divorciar das solenidades do 16º BPMM e 1º BPChq. Como amanhã iremos retornar ao 16º BPMM, novamente, agora para assistir a solenidade do aniversário da Unidade, conversamos sobre a situação do núcleo. Os desencontros do núcleo com a Sociedade estremeceram o entusiasmo do CAPITÃO PM HERBET, presidente do núcleo “MMDC ROMÃO GOMES”. Mais tarde, já na Sociedade, o GINO troca idéias com o CAPITÃO PM HERBERT, por telefone.
Nossa funcionária MARINEI CHALUB, que se desdobra em várias funções, preocupada com as finanças, pois é ela que cuida de tudo, com as obrigações que o MENDES traz para ela, com relação a diplomas, ofícios de outorga de medalhas, com depósitos bancários, com idas até o Conselho das Honrarias e Mérito, fica irritada com as pessoas que ainda querem mais dela. Nossa associada FRANCES não entendeu bem essa situação de que a MARINEI faz tudo e a censurou porque a porta da Sociedade estava fechada (ela dera um pulo até a agência bancária). Pequenos desencontros, confusões criadas pelos núcleos quanto à entrega de medalhas, nomes errados, nomes que são retirados ou colocados de última hora, enfim, há erros internos que precisam ser sanados e que causam desprestígio para a Sociedade.   
Acerto com o GINO nossa ida para o RIO PEQUENO amanhã cedo. Vamos participar do aniversário do 16º BPMM com entrega das medalhas “GOVERNADOR PEDRO DE TOLEDO”, “MMDC” e “CONSTITUCIONALISTA”.
Encaminhamos para o núcleo “SÃO MIGUEL PAULISTA” a mensagem abaixo, relacionando os nomes dos estudantes escolhidos. Eles fizeram um trabalho escrito sobre a Revolução Constitucionalista de 1932:
03DEZEMBRO2009 PREMIAÇÃO NÚCLEO SÃO MIGUEL PAULISTA
Fundamental Ciclo I
1º JONATHAN MATEUS DE OLIVEIRA – EE Alberto Schweitzer
2º JENNIFER V. QUEIROZ - EE Alberto Schweitzer
3º CAROLINE SANTOS CRUZ - EE Alberto Schweitzer
4º EMERSON – EE Prof. Renato Dias de Araújo
5º ALAYNE SABINY QUEIROZ DE VASCONCELOS – Não consta nome da escola
Fundamental II
1º CRISTIANE ROBERTA CÂMARA – EE Prof. Amador dos Santos Fernandes
2º JOYCE DE OLIVEIRA GONDIM – EMEF Comendador Vicente A. Sobrinho
3º THAMIRYS CAMILA DUARTE – Capitão Sérgio Paulo Muniz Pimenta
Ensino Médio EJA
1º CLÁUDIO CONCEIÇÃO ARAÚJO DE VASCONCELOS – EE REPÚBLICA DO SURINAME/ 1º C 
2º WÁGNER PLARERO JÚNIOR – EE REPÚBLICA DA GUATEMALA
3º AUSTREGÉSILO ALVES DE SANTANA – EE PROF DARIO DE QUEIROZ

EJA do Ensino Fundamental
1º IOLANDO SILVA DOS SANTOS PINTO – EMEI Henrique Felipe da Costa

“Os senhores são merecedores desta medalha porque asfaltaram bem a estrada que estamos trilhando hoje.” Essas foram as palavras do Superintendente da CBPM CORONEL PM Res TOMAZ ALVES CANGERANA ao explicar a entrega da Medalha GENERAL FRANCISCO ALVES DO NASCIMENTO aos comandantes da Polícia Militar reunidos no Auditório da CBPM na manhã desta quinta-feira. Na mesma oportunidade foram homenageados vários oficiais da Ativa e da Reserva da Polícia Militar, pessoas que sempre demonstraram boa vontade e comprometimento com a CBPM. A cerimônia de entrega de medalhas foi prestigiada pelo Chefe da CASA MILITAR, CORONEL PM LUIZ MASSAO KITA, e por oficiais do Alto Comando da Corporação, os coronéis ÁLVARO BATISTA CAMILHO (Comandante Geral), DANILO ANTÃO FERNANDES (Subcomandante) e vários oficiais superiores.
Depois da entrega das medalhas aos comandantes, o CORONEL PM CANGERANA convidou o CORONEL PM Ref CARLOS ALBERTO DE CAMARGO (Comandante Geral da PMESP em 1987 e 1988) para falar em nome dos homenageados. Ele salientou que a cerimônia estava revestida de muito significado e carinho aos comandantes. Disse que seus pares consideram a farda da Milícia Bandeirante uma bandeira que significa honra e comprometimento com a sociedade. “As gerações aqui presentes têm tido a honra de passar adiante esta farda e o conceito”, finalizou.
O Comandante Geral, CORONEL PM CAMILO, encerrou a cerimônia elogiando o Superintendente da CBPM pela iniciativa. Entre os que foram condecorados estão os antigos comandantes gerais: CORONÉIS PM NILTON VIANNA, CELSO FELICIANO DE OLIVEIRA, JOÃO SIDNEY DE ALMEIDA, JOSÉ GERALDO PROFÍCIO, CARLOS ALBERTO DE CAMARGO, RUI CÉSAR MELO, ALBERTO SILVEIRA RODRIGUES, ELIZEU ECLAIR TEIXEIRA BORGES. 

A atriz LEILA LOPES, de 50 anos, foi encontrada morta dentro de seu apartamento na região do MORUMBI. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi até o Condomínio EDIFÍCIO ALTO DO MORUMBI, na Rua Professor José  Horácio Meirelles Teixeira, na VILA SUZANA, e constatou que a atriz havia sofrido uma parada cardiorrespiratória. O caso foi registrado no 89º DP (PORTAL DO MORUMBI) como suicídio consumado, pois ao lado de seu corpo foram achadas duas cartas de despedida, além de calmantes e antigripais. Na cozinha, havia um frasco com veneno para ratos conhecido como “chumbinho” e um prato de comida.
O corpo foi achado pela dentista LILIANA NIETO ALONSO, de 36 anos, vizinha e amiga da atriz há nove anos, por volta das 0:30 hora, no chão do quarto. Ela só conseguiu entrar no apartamento graças a um chaveiro, que abriu a porta de entrada. Ainda abalada, preferiu não comentar o caso. “Quero esquecer a imagem que vi”, disse. LEILA espumava pela boca e nariz, de acordo com a Polícia Civil.
A dentista foi alertada pelo marido da atriz, o empresário GIAM BATISTA FRONTEROTTA, de 35 anos. A serviço em SÃO CARLOS, ele suspeitou que havia algo errado ao ver que LEILA não atendia o telefone.
A atriz estava se recuperando de uma cirurgia para retirada do útero no mês passado e reclamava constantemente de dores musculares, que os médicos diziam ser psicológicas.
Entre agosto e setembro, LEILA ficou internada durante 16 dias por causa de dores abdominais e descobriu que tinha um nódulo de endometriose, uma doença ginecológica que atinge mulheres em idade reprodutiva.
Ao deixar o hospital, LEILA disse que não via a hora de voltar a gravar o programa de entrevistas “CALCINHA JUSTA”, da Brasileirinhas, produtora pela qual ela atuou em três filmes pornográficos. Amigos contam que a atriz ficou deprimida depois que o programa acabou e ela ficou sem nenhum trabalho, sumindo do noticiário.
O marido liberou o corpo no IML por volta das15:30 horas. FRONTEROTTA estava junto com a atriz havia nove anos e não quis conversar com a imprensa. O corpo seguiu para o Aeroporto de GUARULHOS e embarcará para ESTEIO, região metropolitana de PORTO ALEGRE (RS), amanhã, onde será enterrado no cemitério municipal da cidade, num jazigo da família.
LEILA LOPES nasceu em SÃO LEOPOLDO (RS) em 1959. A primeira novela em que ela trabalhou foi “PANTANAL”, em 1990, na extinta TV MANCHETE. Depois disso, ela atuou em outras sete novelas até o ano 2000. Um dos papéis mais conhecidos de LEILA foi o da professorinha LU, na novela “RENASCER”, da rede GLOBO.
Em 2008, o nome da atriz voltou à mídia depois que ela participou do filme pornográfico “PECADOS E TENTAÇÕES”. A Brasileirinhas lançou em 2009 mais dois filmes adultos estrelados pela atriz: “PECADO SEM PERDÃO” e “PECADO FINAL”. No último, a personagem de LEILA é assassinada por um amante.
Nas duas cartas escritas pela atriz LEILA LOPES, uma de cinco e outra de sete páginas, ela diz que “sua decisão foi a mais correta”, que estava “cansada das dores e da depressão” e que “estava tomando remédios para dormir”. Segundo amigas que foram ao IML, LEILA vinha sofrendo. Sua situação financeira era instável e a falta de trabalho prejudicava sua situação de saúde. Mesmo assim, o suicídio foi visto como surpresa. “É aquilo que ela mesmo falava: ‘ganhei dinheiro, tive fama, cheguei onde podia chegar’. Ela se sentia muito triste, muito só em São Paulo, disse a empresária MÁRCIA MAIA, de 44 anos.
Algumas amigas, como as modelos NÚBIA OLIVER e RENATA BANHARA, planejavam uma festa para levantar o ânimo da atriz, que segundo relatos já vinha se recuperando bem da cirurgia.    

A tempestade que atingiu SÃO PAULO no fim da tarde trouxe mais uma vez mortes, deslizamentos de terra, desmoronamentos, alagamentos, além do caos no trânsito e no transporte público da capital. Até o fim da noite cinco pessoas, entre elas quatro crianças, haviam morrido soterradas. Duas pessoas ainda estavam desaparecidas sob os escombros – pai e filho. Uma adolescente socorrida das ruínas de sua casa foi internada em estado grave.
A chuva, muito forte, começou a atingir a cidade por volta das 16 horas e durou cerca de três horas. Às 19 horas, o congestionamento chegou a 223 quilômetros na cidade, um dos maiores índices do ano. A cidade travou e quem estava na rua sofreu muito para conseguir chegar a algum lugar.  

O piloto da FERRARI e sua mulher, ANNA RAFFAELA, divulgaram hoje uma foto de seu primeiro filho, FELIPE BASSI MASSA, que nasceu na segunda-feira, dia 30 de novembro. MASSA comparou a emoção de ser pai à de vencer o GRANDE PRÊMIO DO BRASIL de F1. Após ter ficado fora das últimas provas do campeonato de 2009, por causa do acidente sofrido na HUNGRIA, MASSA está recuperado e começará a testar o novo modelo da FERRARI no início de 2010.

Um documento até hoje mantido sob sigilo revela detalhes do caixa 2 da campanha do governador do DISTRITO FEDERAL, JOSÉ ROBERTO ARRUDA. A planilha foi feita pelo presidente do PSDB-DF, MÁRCIO MACHADO, suspeito de ser o mentor da arrecadação ilícita em 2006. O manuscrito indica que a campanha de ARRUDA abordou pelo menos 41 empresas para conseguir doações e abastecer o caixa 2 com 11 milhões de reais. É o primeiro documento fora do inquérito da Polícia Federal que mostra o funcionamento do esquema que deu origem ao “mensalão do DEM” em BRASÍLIA.
Flagrado em vídeo colocando maços de dinheiro na cueca, o empresário ALCYR COLLAÇO tem um histórico de crimes financeiros e negócios engendrados à sombra do poder político. Ex-operador credenciado na Bolsa de Valores de São Paulo, ele foi alvo de denúncias sobre aplicações suspeitas de fundos de pensão, investigadas em 2005 pela CPI DOS CORREIOS. COLLAÇO era dono da corretora IPANEMA, envolvida em fraudes que deram prejuízo de mais de 10 milhões ao banco SANTANDER em 2001. Ele chegou a ter prisão decretada e ficou foragido por quatro meses. A prisão acabou revogada, mas o processo continua e só espera a sentença.

O Supremo Tribunal Federal abriu hoje ação penal para investigar a participação do senador EDUARDO AZEREDO no mensalão mineiro, suposto esquema de desvio de dinheiro público para financiar sua campanha à reeleição ao governo de MINAS GERAIS, em 1998. 

O veto contundente do Congresso à restituição do presidente deposto de HONDURAS, MANUEL ZELAYA – no total, 111 deputados votaram contra a sua volta e só 14 a favor – levantou hoje pelo menos três dúvidas no que diz respeito ao desfecho da crise. O que acontecerá com ZELAYA? Como será feita a transição para o governo eleito no domingo? E como o país sobreviverá à crise provocada pelo corte da ajuda internacional, uma vez que a restituição era vista como uma forma de romper o isolamento internacional de HONDURAS?

Três ministros da SOMÁLIA e outras 19 pessoas morreram hoje em um atentado suicida contra um hotel na pequena parte de MOGADÍSCIO ainda controlada pelo governo. Um homem-bomba vestido de mulher entrou para cerimônia de graduação de 40 estudantes da Universidade de BENADIR, da qual participavam centenas de pessoas, e detonou os explosivos. Mais de 40 ficaram feridos. Os ministros do Esporte e do Turismo, que também estavam no local, ficaram feridos. A maioria das vítimas era de médicos e estudantes de medicina, mas entre os mortos há jornalistas que registravam o evento. 

2 010       :       -       SEXTA-FEIRA
Há 10 anos, em um dia 3 de dezembro, GUSTAVO “GUGA” KUERTEN conseguiu o que parecia impossível para um tenista brasileiro. Depois de surpreender na conquista de ROLAND GARROS, em 1997, em piso de saibro, o catarinense ganhou em LISBOA, em 2000, em quadra dura e rápida, de grandes nomes como o russo YEVGENY KAFELNIKOV, os norte-americanos PETE SAMPLAS e ANDRE AGASSI e chegou ao até então inimaginável número 1 do mundo, aos 24 anos. Nessa posição GUGA ficou 43 semanas. Em 2000 ele também já havia vencido em ROLAND GARROS pela segunda vez e ganharia mais uma taça em PARIS, em 2001. A MASTERS CUP (hoje ATP FINALS) reúne os oito melhores do ano. No sorteio, GUGA ficou no GRUPO VERDE, com AGASSI, KAFELNIKOV e o sueco MAGNUS NORMAN. O VERMELHO era de SAMPRAS, do russo MARAT SAFIN, do australiano LLEYTON HEWITT e do espanhol ALEX CORRETJA. Nesse sistema, todos jogam contra todos nos grupos. GUGA, no primeiro jogo, terça-feira, perdeu de AGASSI. Com tratamento e anti-inflamatórios, o brasileiro venceu a segunda partida, na quinta-feira, contra NORMAN. Depois derrotou KAFELNIKOV e chegou às semi-finais contra SAMPRAS. Ganhou e foi reencontrar AGASSI na final. Embalado, venceu. GUGA relembrou ao GLOBO ESPORTE com o drama de fechar o terceiro set na semi, depois de quebrar o saque de SAMPRAS no nono game. “Tinha 15/40, errei uma bola boba (...) Mas com um saque aberto fiz 30/40 (...) Culminou de ele dar um slice, a bola bater na final e passar (...) Saí correndo e bati com uma tranqüilidade...(...) A bola passou a um milímetro (...) Acho que foi uma das bolas de maior ousadia que eu já tinha feito”. O jogo ficou 40/40 antes de GUGA fechar em 6/4 e vibrar. Como o BRASIL inteiro.

Levantei cedo com o intuito de tirar um pouco o atraso das notícias que tenho de introduzir em minhas memórias. Mas volta aquele problema que tenho nas vistas. Tudo fica embaçado, com muitas estrelas e riscos. O resultado é que tive de abandonar tudo e retornar para a cama. Somente às 9 horas é que posso digitar. A manhã passa muito rapidamente.  
Apesar de tudo, quando são 12:30 horas chego na Sociedade. Hoje ainda não temos notícias do GINO STRUFFALDI e nem do CORONEL PM MENDES. MARINEI dá a notícia de que os cadetes não mais virão para uma conversa comigo acerca do futuro do núcleo “CADETE RUYTEMBERG ROCHA”.
CORONEL PM JAIRO PAES DE LIRA, Presidente do Conselho Deliberativo, tem uma reunião com o PEDRO PAULO PENNA TRINDADE e CARRARO. Eles estudam o balancete contábil da Sociedade relativo ao ano de 2009. Comentam a morte de ABRAHÃO YAZIGI NETO, falecido em 30 de novembro de 2010. O TRINDADE entregará pessoalmente à família uma carta de condolências do Conselho Deliberativo.
Estamos cuidando mais do almoço de confraternização, marcado para o dia 9 próximo. É que há necessidade premente de se completar o dinheiro para pagamento do 13º salário da MARINEI, bem como de suas férias. Nesta sexta-feira não tenho notícias do CORONEL PM MENDES, recém saído de uma operação da vesícula. Mantenho uma conversa, por telefone, com o GINO. Ele ainda não confirmou sua presença no almoço de confraternização. Os últimos problemas relativos à sua saúde trouxeram uma dieta rigorosa para ele e dona DINORAH não quer que se exponha.

Uma forte chuva no final da tarde alagou algumas áreas em RIBEIRÃO PRETO. O trânsito foi paralisado em várias avenidas e na região central. Na rua, algumas pessoas puderam pegar peixes com as mãos. Barracos de uma favela foram invadidos pelas águas. A Defesa Civil local ainda não tem informações sobre desabrigados. Também choveu forte na região metropolitana de SÃO PAULO. Os locais mais atingidos são a Zona Sul e a região de SÃO BERNARDO DO CAMPO. Não houve pontos de alagamento.

REPASSANDO PARA OS MILITARES DESTE PAÍS O RECADO DOS CADETES DE AGULHAS NEGRAS !!! (Publicado no “JC/PA” em 03/02/2010)
QUEREM MUDAR O NOME DA PONTE RIO-NITERÓI
O Programa Nacional de Direitos Humanos, prestigiado pelo Presidente Lula no item que cria uma legislação proibindo que ruas, praças, monumentos e estádios tenham nomes de pessoas que praticaram crimes na ditadura peca pela falta de definição, no tempo e no espaço, na medida em que ditadura, na acepção da palavra, só a vivemos mesmo sem partidos políticos no tempo do Estado Novo, de 1937 a 1945. Os responsáveis pelos excessos praticados naquela época, diretos e indiretos, estão a nomear do preto ao vermelho em todo e qualquer logradouro, de norte a sul, do leste ao oeste deste País. O Ditador Getúlio Vargas, que deportou a esposa judia de Luis Carlos Prestes para a Alemanha Nazista, que o diga. É de se perguntar se estes nomes serão também marginalizados. A facção que levou a pior nos anos 60 e 70, ao que parece, quer enxovalhar o nome de chefes militares que lideraram uma contra-revolução que impediu a “cubanização¨” da Pátria, alguns venerados pela Instituição Exército Brasileiro como verdadeiros ícones da Força Terrestre, seja pela imagem de suas vidas inteiramente dedicadas à profissão, seja pelos exemplos de probidade e de capacidade empreendedora evidenciados ao assumirem a suprema magistratura do País. Que a nação não olvide: Sarney, Collor, Itamar, FHC, Lula, nenhum deles governou com o PIB crescendo a 10% ao ano. Naquele tempo, é de pasmar, senadores e deputados tinham mais respeito por si mesmos. Termos e expressões do tipo “anões do orçamento”, “mensaleiros”, “aloprados” e ”distribuidores de panetone” não faziam parte do imaginário do cidadão comum. Eis que remanescentes de um peleguismo démodé, tal qual carpideiras de Che Guevara capitaneadas pela Ministra da Casa Civil, se arvoram como paladinos dos direitos humanos e se colocam acima do bem e do mal para ditar regras e cercear o direito que tem o povo de eleger as personalidades que devem nomear os locais por onde passa. Mas que não se enganem os pássaros avoengos que dilaceram as feridas da nossa pobre “Pátria mãe gentil”. Eles vão ter que engolir: -“nossa Academia Militar, no final de 2010, vai declarar os aspirantes-a-oficial da Turma General Emílio Garrastazzu Médici”! Durma-se com um barulho desses. Dilma Roussef, Paulo Vannuchi, Franklin Martins, quero ver quem vai proibir esta denominação escolhida por aclamação pelos cadetes das Agulhas Negras!
Paulo Ricardo da Rocha Paiva - Coronel de Infantaria e Estado-Maior
A Polícia abriu inquérito para investigar se houve omissão de socorro na morte de SAMUEL DE SOUZA, de 42 anos, aluno da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP. Ele morreu no campus após passar mal e ter pedido ajuda da Guarda Universitária e do Hospital Universitário. Segundo colegas do estudante, que era da BAHIA, houve omissão de socorro da Guarda Universitária e do Hospital Universitário, que não teria atendido SAMUEL.
A presidente eleita DILMA ROUSSEFF oficializou hoje a indicação de GILBERTO CARVALHO na Secretaria-Geral da Presidência, ANTÔNIO PALOCCI na CASA CIVIL e o deputado JOSÉ EDUARDO CARDOZO no Ministério da Justiça. Estes dois participaram da coordenação da campanha de DILMA e da equipe de transição (com o presidente do PT, JOSÉ EDUARDO DUTRA, são os “três porquinhos”). A participação deles no primeiro escalão era dada como certa. A participação do PMDB no futuro governo continua incerta. As nomeações também seriam confirmadas hoje para tentar acalmar os ânimos, mas ainda há dúvidas se o partido do vice de DILMA, MICHEL TEMER, terá quatro ou cinco pastas a partir de janeiro. É praticamente certo que o senador EDISON LOBÃO volte para MINAS E ENERGIA e WÁGNER ROSSI permaneça na AGRICULTURA.  
Morreu o administrador ENRIQUE SVIRSKY, em SÃO PAULO, aos 59 anos. Co-fundador e secretário executivo do Instituto Sócio Ambiental (ISA), em SÃO PAULO, QUIQUE injetava ali grandes doses de alegria. Nascido no URUGUAI, se naturalizou brasileiro, formou-se em Administração de Empresas pela Fundação GETÚLIO VARGAS. Fez mestrado em Ciências Sociais no MÉXICO, onde abordou as questões agrárias de populações marginalizadas em tese. Entre 1986 e 2005, trabalhou na Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB) e na Secretaria Estadual do Meio Ambiente. Foi conselheiro da ONG SOS MATA ATLÂNTICA. 
Faleceu JOSÉ MANUEL RAMOS DELGADO aos 75 anos, em VILA ELISA, ARGENTINA. O futebol vive de rivalidades. Quão maiores, mais duradouras. Mas é o talento que consagra. Em terras brasileiras, o argentino RAMOS DELGADO se consagrou como um zagueiro exuberante, ajudando o SANTOS F.C. a conquistar o tricampeonato paulista de 1967, 68 e 69. Também ajudou na conquista do ROBERTO GOMES PEDROSA de 1968, campetição equivalente ao hoje chamado Campeonato Brasileiro. Nasceu em QUILMES, em 26 de agosto de 1935. Para se ter uma idéia do seu talento, se profissionalizou em 1956, no LANÚS,  e em 1958 foi reserva na COPA DO MUNDO da SUÉCIA, onde a seleção brasileira conquistou seu primeiro título mundial. Ao retornar de sua primeira COPA foi contratado pelo RIVER PLATE, seu time do coração. Depois de sete anos, se transferiu para o BANFIELD, em 1966, e dois anos depois, para o SANTOS. Se em 1958 em 1962 não conseguiu ser campeão mundial também por causa de PELÉ, a seu lado conquistou o país do futebol. Na VILA BELMIRO passou por uma prova de fogo, pois foi contratado simplesmente para substituir outro gênio defensivo, MAURO RAMOS DE OLIVEIRA, capitão da seleção brasileira no bicampeonato mundial de 1962. Tirou de letra. E de todas as outras formas desarmou adversários com vigor físico e elegância invejáveis. Por sete anos, vestiu a camisa por 364 jogos e a braçadeira de capitão do time santista. Quando o SANTOS começou a se reestruturar, em 1995, PELÉ o indicou para ser coordenador do futebol amador. Não tardou para surgirem ROBINHO, DIEGO, RENATO, ELANO e os títulos. Tinha ALZHEIMER.

O comediante FRANCISCO ANÍSIO PAULA FILHO, o CHICO ANYSIO, de 79 anos, foi internado ontem no Hospital SAMARITANO, em BOTAFOGO, zona sul do RIO, com falta de ar e dor no peito. Segundo o hospital, foi constatada obstrução de uma das coronárias e o paciente foi submetido a uma angioplastia. Em seguida, retornou à Unidade Intermediária. Hoje, ANYSIO apresentou novo quadro de descompensação do coração, diagnosticado como tamponamento cardíaco (acúmulo de líquido no pericárdio). Uma drenagem foi feita. De acordo com o boletim hospitalar, seu quadro de saúde é estável, mas inspira cuidados. Não há previsão de alta. Em agosto, o humorista foi internado no mesmo hospital, com hemorragia digestiva.

O BRASIL anunciou hoje, por meio de nota do Ministério de Relações Exteriores, o reconhecimento de um Estado palestino nas fronteiras anteriores à GUERRA DOS SEIS DIAS, de 1967. A nota informa que a decisão foi tomada em resposta a um pedido feito em novembro pelo presidente da AUTORIDADE PALESTINA, MAHMOUD ABBAS. Em MAR DEL PLATA, na ARGENTINA, onde participa da Cúpula IBERO-AMERICANA, o chanceler brasileiro, CELSO AMORIM, afirmou que o reconhecimento não deve alterar as relações do BRASIL com ISRAEL e “a decisão não implica abandonar a convicção de que são imprescindíveis negociações entre israelenses e palestinos, a fim de que se alcancem concessões mútuas sobre questões centrais do conflito”. “O reconhecimento do Estado da PALESTINA é a melhor maneira de contribuir neste momento para o processo de paz, que está em estancamento”, disse. AMORIM desembarcou em MAR DEL PLATA para acompanhar LULA na cúpula. Ao descer do avião, o presidente preferiu não conversar com a imprensa. Mas pediu ao chanceler AMORIM que desse esclarecimento sobre o caso palestino aos correspondentes brasileiros que o aguardavam no aeroporto.

A Justiça Federal revogou a liminar que suspendia a regulamentação da ortotanásia no BRASIL. Em sua decisão, que deverá ser publicada no DIÁRIO OFICIAL da próxima semana, o juiz ROBERTO LUÍS LUCHI DEMO julgou improcedente a ação do Ministério Público que apontava a inconstitucionalidade da medida. Dessa forma, os médicos ficam definitivamente respaldados para recorrer à prática. A ortotanásia é a suspensão de tratamentos invasivos que prolonguem a vida de pacientes em estado terminal, sem chances de cura. Para isso, o médico deve ter a anuência do doente ou, se este for incapaz, de seus familiares. Ao contrário do que acontece na eutanásia, não há indução da morte. São exemplos conhecidos de prática da ortotanásia o caso do PAPA JOÃO PAULO II, morto em 2005, e do ex-governador de SÃO PAULO MÁRIO COVAS, que optou por passar os últimos momentos de vida recebendo apenas cuidados paliativos. A situação vivida por ele levou à aprovação de uma lei estadual que dá aos doentes o direito de não se submeter a tratamentos dolorosos e inúteis quando não há chance de cura.  

O presidente dos EUA, BARACK OBAMA, elogiou o “importante progresso” das tropas norte-americanas contra os militantes islâmicos do AFEGANISTÃO durante uma visita surpresa a uma base aérea nos arredores de CABUL. O presidente americano disse que os soldados estão fazendo um importante progresso na luta contra os insurgentes. Por causa do mau tempo, o encontro com o presidente do país, HAMID KARZAI, foi cancelado. Os EUA querem retirar as tropas do AFEGANISTÃO em meados de 2011.   

O governo da COREIA DO SUL ameaçou hoje responder com bombardeios aéreos a qualquer nova agressão da COREIA DO NORTE. A medida, anunciada pelo ministro da Defesa sul-coreano, GENERAL KIM KWAN, é uma tentativa de desencorajar o regime controlado por KIM JONG-IL de realizar ataques navais como o do dia 23, que matou dois soldados e dois civis do vizinho do Sul.

O frio intenso na EUROPA CENTRAL já fez 40 vítimas. Desse total, 17 morreram nas últimas 24 horas, sendo 12 na POLÔNIA, onde a temperatura chegou a 15ºC negativos. As baixas temperaturas devem permanecer na região no fim de semana. As fortes nevascas têm causado problemas em rodovias e ferrovias e no tráfego aéreo. A POLÔNIA designou três mil prisioneiros para limpar a neve.

Afirmando que vários pequenos focos de queimadas rapidamente controlados ocorreram na área atingida pelas chamas na região de HAIFA, no norte de ISRAEL, autoridades israelenses levantaram hoje suspeitas sobre incêndios criminosos na região. Mas, segundo o ministro da Segurança Pública, YITZHAK AHARONOVICH, a causa do incêndio principal – considerado o pior da história do país, que deixou 41 mortos – ainda era incerta. Sete aviões e dois helicópteros despejaram milhares de litros de água sobre o fogo, que até hoje havia consumido mais de 2 mil hectares do PARQUE NACIONAL MONTE CARMEL. Cerca de 15 mil pessoas tiveram de deixar suas casas na região.

Soldados mexicanos capturaram hoje um jovem americano de 14 anos suspeito de ser o matador de uma quadrilha de tráfico de drogas. EDGAR JIMENEZ, conhecido como “EL PONCHIS”, trabalhava para um cartel do Estado de MORELOS, perto da Cidade do MÉXICO, e foi preso enquanto tentava fugir do país com duas irmãs. JIMÉNEZ tinha como destino a cidade de TIJUANA, que faz fronteira com SAN DIEGO, na CALIFÓRNIA. Acredita-se que uma das irmãs dele, ELIZABETH, de 19 anos, seja amante de um dos chefões do cartel, informou o Exército. “EL PONCHIS” foi manchete dos jornais no mês passado, em notícias de homicídios cometidos por ele, incluindo decapitações. O adolescente admitiu ter assassinado pelo menos quatro pessoas e usar drogas, fornecidas por um líder do cartel, de acordo com um comunicado do Exército. O adolescente disse que estava drogado quando cometeu os crimes. “Me senti mal fazendo isso. Fui forçado a fazer. Disseram que me matariam se eu não fizesse. Apenas os decapitei, mas nunca pendurei (corpos) nas pontes”, teria dito JIMÉNEZ, segundo o jornal LA REFORMA. O jovem e a irmã são integrantes do Cartel do Pacífico, liderado por HECTOR BELTRÁN LEYVA. ELIZABETH, que era responsável por livrar-se dos corpos e abandoná-los nas estradas da região, afirmou que os três pretendiam encontrar a mãe em SAN DIEGO, onde ela vive. A outra adolescente, de 16 anos, não tinha envolvimento com o cartel.   

POLÍCIA MILITAR: - Decreto de 3-12-2010
Nomeando, nos termos do art. 5º e parágrafo único da LC 419-85, ao posto de Segundo-Tenente do Quadro Auxiliar de Oficiais da Polícia Militar, a contar de 13-11-2010, por terem concluído o Curso de Habilitação ao Quadro Auxiliar de Oficiais da Polícia Militar, os seguintes policiais militares, de acordo com a ordem de classificação final: 2º Sgt PM 903705-5 César Alexandre de Mattos Oliveira; 3º Sgt PM 871566-1 Amarildo Gregolim Russafa; Cb PM 942735-0 Everaldo Carlos da Silva; 2º Sgt PM 941240-9 Adalberto Augusto Leão Júnior; 2º Sgt PM 923392-0 Claudinei Geraldo Costa; Cb PM 933637- A Júlio Zeferino Lopes; 2º Sgt PM 924764-5 Edvaldo Valdir de Medeiros Júnior; 2º Sgt PM 922501-3 Ana Maria Bonifácio Francisco; 2º Sgt PM 902073-0 Cezar Adriano Gardim Lopes; 2º Sgt PM 912845-0 Marcelo Luis Barbosa; 1º Sgt PM 913668-1 Marcelo Moreira Gonçalves; 1º Sgt PM 875666-0 Rosângela Dias Mol; Cb PM 913771-8 Antônio Flores de Camargo; 1º Sgt PM 902860-9 Luís Rogério Fumagale Macêdo; 1º Sgt PM 900353-3 Claudinei Lopes dos Santos; 3º Sgt PM903448-0 Luiz Paulo Ganden; Sub Ten PM 872881-  0 Sandra Aparecida da Rocha Lunardeli; 1º Sgt PM 913136-1 Sandro Luiz Zanardo; Sub Ten PM 880283- 1 Wilson Moya; 1º Sgt PM 901694-5 Inaldo Ferreira dos Santos; 2º Sgt PM 941137-2 Eduardo Bernardini Gonçallo; Sd PM 920882-8 Hélio Fernando Nogueira Segura; 2º Sgt PM 913002-A Eliandro Souza Pires; 3º Sgt PM 913681-9 Valter de Almeida Franhan; 2º Sgt PM 943193-4 Edilaine Cristina Martins; Cb PM 903586-9  Gerson Rodrigues de Carvalho; 3º Sgt PM 972679-9 Wanderlino Rodrigues da Silva; 2º Sgt PM 893879-2 Edivaldo Alves de Souza; 2º Sgt PM 910797-5 Claudir Valeriano da Silva; 1º Sgt PM 911706-7 Edvan Charley Gonçalves Dias; 2º Sgt PM 884224-8 Raimundo Nonato Bento de Oliveira; 2º Sgt PM 930847-4 Luiz Edson de Souza; 2º Sgt PM 910772-0 Jurandir Severo da Silva; 2º Sgt PM 914837-0 Silvano Viana Gomes; 2º Sgt PM 931219-6  Moisés Santos Leão; 1º Sgt PM 876441-7 Edite Tertulina do Carmo; 2º Sgt PM 892873-8 Camilo Fernandes da Silva Filho; 1º Sgt PM 913472-7 ClaudemirCanesso; 1º Sgt PM 930258-1 Marcos Muller; 1º Sgt PM 904333-A André Luiz de Souza; Cb PM 903672-5 Adauto Aparecido Garbo; 1º Sgt PM 910024-5 Fabiana do Carmo Silva Lobato; 1º Sgt PM 870298-5 Jorge Luiz da Silva; Sub Ten PM 874087-9 Wanderley Alves de Oliveira; 2º Sgt PM 932180-2 Jefferson Alexsandro Smario; 1º Sgt PM 871406-1 Renival Antônio de Almeida; Cb PM 864255-9 Paulo Leite; 2º Sgt PM 913531-6 Benedito Cesar da Cunha; 3º Sgt PM 901421-7 Ricardo Teodoro Lima; 2º Sgt PM 904803-A João Paulo Segatelli; 2º Sgt PM 913943-5 Valdemir Alves de Oliveira; 2º Sgt PM 915360-8 Gerson Del Prette Lima; 2º Sgt PM 905110- 4 José Carlos do Amaral; 2º Sgt PM 962423-6 Pedro Tercio Torrente; Cb PM 922451-3 Raimundo Ferreira de Morais; 3º Sgt PM 884769-0 Robson Rodrigues da Silva; 1º Sgt PM 890929-6 Roberto Carlos de Souza; 2º Sgt PM 941253-A Edi Carlos Ferreira Pinto; 3º Sgt PM 870065-6 Wagner José da Silva; 2º Sgt PM 891787-6 Raul Pedro da Silva Filho; 1º Sgt PM 912233-8 Vandemir Ribeiro Coelho Júnior; Sub Ten PM 873640-5 Adonis Garcia de Oliveira; Cb PM 903882-5 Alberto Custódio Vieira; 2º Sgt PM 889507-4 Josias Ferreira de Amorim; Cb PM 932110-1 Hélio Antônio da Silva; 2º Sgt PM 940815-A Davidson Silva de Abreu; Cb PM 910940-4 Paulo Sergio Pereira Laterza; 1º Sgt PM 872421-A Francisco de Assis Oliveira; 1º Sgt PM 860359-6 Paulo Cesar Tomaz dos Santos; 2º Sgt PM 911422-0 Junerval de Carvalho Freitas; Cb PM 889167-2 Gilberto Benedito de Souza; 2º Sgt PM 886080-7 Carlos Roberto da Silva; 1º Sgt PM 866181-2 Nilton Aparecido Mauricio; 1º Sgt PM 884261-2 Vanderlei Pires Esteves; Sub Ten PM 860062-7 Jonias dos Reis Rangel; Sub Ten PM 840035-A James Pinheiro Canguçu e 1º Sgt PM 874270-7 Geraldo Eustáquio Camargo.
2 011        :       -      SÁBADO
Do Convite para o ALMOÇO DE CONFRATERNIZAÇÃO na Sede da AORPMESP em 09/12
EGYDIO JOAO TISIANI para mim, Prof.JBiajone, camilagiudice
Caríssimo Presidente Cel VENTURA
Recebi o seu gentil e significativo e-mail incentivando-me a comparecer ao almoço de confraternização no próximo dia 09/12 na AORPMESP, mas, infelizmente devido problemas de saúde não poderei estar presente nesta solenidade.
Com V.Sª posso e devo confessar-me que os sintomas da Síndrome do Pânico de vez em quando ainda me perseguem, tentei a pouco tempo enfrentá-los viajando de ônibus e me senti mal, ambiente fechado e multidão continuam a desencadeá-la já que esta doença é 50% de ordem psicológica e 50% de fator químico e só quem a tem pode descrevê-la como é no mínimo incômoda.
Acordei com o nosso jovem e guerreiro Professor BIAJONE que o mesmo, também, me representará nesta solenidade recebendo o ilustre Diploma da Medalha Constitucionalista com que fui agraciado pela nobre SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC, motivo de orgulho e dever cumprido da breve passagem neste Oriente que a dedico ao meu avô ex-combatente de 32 Cap João Rodrigues Gonçalves e, creio que ele (BIAJONE) mais uma vez se fará presente apesar de todos seus compromissos neste período de provas como professor da Fatec.
Estou administrando nosso Núcleo e para o ano vindouro já definimos que o vice Vitor, mediante seus compromissos profissionais, nos representará em solenidades em que formos convidados e/ou participantes quando a proferir discursos em público, pois, é bom palestrante; nossa pesquisadora associada Anna Thereza que tem licenciatura em História cursando, no momento, pedagogia na Unimep e aficionada pela presença em comemorações cívicas será destacada para estas atividades e o outro membro Marcelo, meu genro, que é exímio fotógrafo cobrirá os eventos pertinentes com estes registros e eu ficarei dedicado às pesquisas e edições das matérias em nosso blog para divulgação.
Peço-lhe escusas por não poder estar presente, sei que todos os participantes desta confraternização, principalmente V.Sª e o Prof. BIAJONE, são meus verdadeiros amigos e irmãos, mas, infelizmente, pelas razões expostas acima não poderei comparecer; não fique magoado comigo, oportunidades não faltarão para juntos nos confraternizarmos.
E, continuaremos aqui fazendo todo o possível para honrar à sua distinta pessoa e à nossa SOCIEDADE na perpetuação da EPOPÉIA DE 32.
Temos planos junto ao presidente da Câmara de Vereadores de Piracicaba Sr. João Manoel do Santos para ampliação de uma sociedade dos ex-combatentes de 1932, visto que é a "menina dos olhos" dele desde 1996 e da presidente do Museu H. P. Prudente de Moraes e membro da Secretaria da Educação e Cultura Sra. Maria Antonieta S. Mendes que pretende implantar e oficializar nas escolas municipais de Piracicaba a matéria da Revolução Constitucionalista de 1932 em seu currículo e quer ao seu lado um abnegado aliado.
Isto é fato e não somente promessas ou sensacionalismo barato.  Bem, mas, este assunto fica para o nosso próximo contato, se assim V.Sª me permitir expor-lhe mais adiante com mais detalhes.
Receba um forte abraço com todo o meu respeito e consideração.
EGYDIO JOÃO TISIANI
Núcleo de Correspondência de Piracicaba
SOCIEDADE VETERANOS DE 32-MMDC
Rua do Róssio, 107 Nova Piracicaba
CEP: 13405-166  Piracicaba - SP
Fone:  19  3371 9032
e-mail:  e.jtisiani@ig.com.br

CARO EGYDIO
Entendo perfeitamente a sua posição. Por outro lado sinto-me contente pelo
seu trabalho. Por isso mesmo solicito de você o empenho em se fazer realizar em PIRACICABA uma cerimônia marcante em 2012, em comemoração ao JUBILEU DE CARVALHO do Movimento Constitucionalista.
Entre em contato com o Comandante do Batalhão e autoridades constituídas do Município e veja qual seria a melhor data para que isso aconteça.
Dentre essas datas sugiro a própria comemoração do aniversário de PIRACICABA. A Sociedade disporá de condecorações para as autoridades locais, após sugestão do Cmt do Btl, Prefeito, Presidente da Câmara e os diretores do Núcleo de Correspondência. Mantenha-me a par dessas tratativas, caso seja aceita a minha proposta.    

CABRA MACHO! (leiam por favor)
CORAGEM MUITA!
LEIAM ATÉ O FIM, POR AMOR DE DEUS!
VAI FICAR POR ISSO! ESTÃO FAZENDO O QUE VESPASIANO (IMPERADOR ROMANO 79 d.C) recomendou ao seu filho TITO.
O BRASIL VIVE PÃO E CIRCO!
VIVA A REPÚBLICA DOS LADRÕES.
GRUPO GUARARAPES
PARTE DE ENTREVISTA DO ROMÁRIO AO JORNALISTA COSME RIMOLI - TV RECORD .
- Você foi recebido com preconceito em Brasília?
Olha, vou ser claro para quem ler entender como as coisas são. Há o burro, aquele que não entende o que acontece ao redor. E há o ignorante, que não teve tempo de aprender. Não houve preconceito comigo porque não sou nem uma coisa nem outra. Mesmo tendo a rotina de um grande jogador que fui, nunca deixei de me informar, estudar. Vim de uma família muito humilde. Nasci na favela. Meu pai, que está no céu, e minha mãe ralaram para me dar além de comida, educação. Consciência das coisas... Não só joguei futebol. Frequentei dois anos de faculdade de Educação Física. E dois de moda. Sim, moda. Sempre gostei de roupa, de me vestir bem. Queria entender como as roupas eram feitas. Mas isso é o de menos. O que importa é que esta sede de conhecimento me deu preparo para ser uma pessoa consciente... Preparada para a vida. E insisto em uma tese em Brasília, com os outros deputados. O Brasil só vai deixar de ser um país tão atrasado quando a educação for valorizada. O professor é uma das classes que menos ganha e é a mais importante. O Brasil cria gerações de pessoas ignorantes porque não valoriza a Educação. E seus professores. Não há interesse de que a população brasileira deixe de ser ignorante. Há quem se beneficie disso. As pessoas que comandam o País precisam passar a enxergar isso. A Saúde é importante? Lógico que é. Mas a Educação de um povo é muito mais.
- Essa ignorância ajuda a corrupção? Por exemplo, que legado deixou o Pan do Rio?
Você não tenha dúvidas que a ignorância é parceira da corrupção. Os gastos previstos para o Pan do Rio eram de, no máximo, R$ 400 milhões. Foram gastos R$ 3,5 bilhões. Vou dar um testemunho que nunca dei. Comprei alguns apartamentos na Vila Panamericana do Rio como investimento. A melhor coisa que fiz foi vender esses apartamentos rapidamente. Sabe por quê? A Vila do Pan foi construída em cima de um pântano. Está afundando. O Velódromo caríssimo está abandonado. Assim como o Complexo Aquático Maria Lenk... É um escândalo! Uma vergonha! Todos fingem não enxergar. Alguém ganhou muito dinheiro com o Panamericano do Rio. A ignorância da população é que deixa essa gente safada sossegada. Sabe que ninguém vai cobrar nada das autoridades. A população não sabe da força que tem. Por isso que defendo os professores. Não temos base cultural nem para entender o que acontece ao nosso lado. E muito menos para perceber a força que temos. Para que gente poderosa vai querer a população consciente? O Pan do Rio custou quatro vezes mais do que este do México. Não deixou legado algum e ninguém abre a boca para reclamar.
- Se o Pan foi assim, a Copa do Mundo no Brasil será uma festa para os corruptos...
Vou te dar um dado assustador. A presidente Dilma havia afirmado quando assumiu que a Copa custaria R$ 42 bilhões. Já está em R$ 72 bilhões. E ninguém sabe onde os gastos vão parar. Ningúem. Com exceção de São Paulo, Rio, Minas, Rio Grande do Sul e olhe lá...Pernambuco... Todas as outras sete arenas não terão o uso constante. E não havia nem a necessidade de serem construídas. Eu vi onze das doze... Estive em onze sedes da Copa e posso afirmar sem medo. Tem muita coisa errada. E de propósito para beneficiar poucas pessoas. Por que o Brasil teve de fazer 12 sedes e não oito como sempre acontecia nos outros países? Basta pensar. Quem se beneficia com tantas arenas construídas que servirão apenas para três jogos da Copa? É revoltante. Não há a mínima coerência na organização da Copa no Brasil.
- São Paulo acaba de ser confirmado como a sede da abertura da Copa. Você concorda?
Como posso concordar? Colocaram lá três tijolinhos em Itaquera e pronto... E a sede da abertura é lá. Quem pode garantir que o estádio ficará pronto a tempo? Não é por ser São Paulo, mas eu não concordaria com essa situação em lugar nenhum do País. Quando as pessoas poderosas querem é assim que funcionam as coisas no Brasil. No Maracanã também vão gastar uma fortuna, mais de um bilhão. E ninguém tem certeza dos gastos. Nem terá. Prometem, falam, garantem, mas não há transparência. Minha luta é para que as obras não fiquem atrasadas de propósito. E depois aceleradas com gastos que ninguém controla.
- O que você acha de um estádio de mais de R$ 1 bilhão construído com recursos públicos. E entregue para um clube particular.
Você está falando do estádio do Corinthians, não é? Não vou concordar nunca. Os incentivos públicos para um estádio particular são imorais. Seja de que clube for. De que cidade for. Não há meio de uma população consciente aceitar. Não deveria haver conversa de politico que convencesse a todos a aceitar. Por isso repito que falta compreensão à população do que está acontecendo no Brasil para a Copa.
- A Fifa vai fazer o que quer com o Brasil?
Infelizmente, tudo indica que sim. Vai lucrar de R$ 3 a R$ 4 bilhões e não vai colocar um tostão no Brasil. É revoltante. Deveria dar apenas 10% para ajudar na Educação. Iria fazer um bem absurdo ao Brasil. Mas cadê coragem de cobrar alguma coisa da Fifa. Ela vai colocar o preço mais baixo dos ingressos da Copa a R$ 240,00. Só porque estamos brigando pela manutenção da meia entrada. É uma palhaçada! As classes C, D e E não vão ver a Copa no estádio. O Mundial é para a elite. Não é para o brasileiro comum assistir.
- Ricardo Teixeira tem condições de comandar o processo do Mundial de 2014?
Não tem de saúde. Eu falei há mais de quatro meses que ele não suportaria a pressão. Ser presidente da CBF e do Comitê Organizador Local é demais para qualquer um. Ainda mais com a idade que ele tem. Não deu outra. Caiu no hospital. E ainda diz que vai levar esse processo até o final. Eu acho um absurdo.
- Muito além da saúde de Ricardo Teixeira. Você acha que pelas várias denúncias, investigações da Polícia Federal... Ele tem condições morais de comandar a organização Copa no Brasil?
Não. O Ricardo Teixeira não tem condições morais de organizar a Copa. Não até provar que é inocente. Que não tem cabimento nenhuma das denúncias. Até lá, não tem condições morais de estar no comando de todo o processo. Muito menos do futebol brasileiro...
Entrevista concedida ao repórter Cosme Rímoli, da TV Record.
CARTA PARA TITO
Onde o povo prefere pousar seu clunis (traseiro): numa privada, num banco de escola ou num estádio?
Futebol também é cultura. Hoje, para júbilo e gáudio dos amantes das letras clássicas, publicarei uma carta do imperador Vespasiano a seu filho Tito. Vamos a ela: "22 de junho de 79 d.C.
"Tito, meu filho, estou morrendo. Logo eu serei pó e tu, imperador. Espero que os deuses te ajudem nesta árdua tarefa, afastando as tempestades e os inimigos, acalmando os vulcões e os jornalistas. De minha parte, só o que posso fazer é dar-te um conselho: não pare a construção do Colosseum. Em menos de um ano ele ficará pronto, dando-te muitas alegrias e infinita memória.
"Alguns senadores o criticam, dizendo que deveríamos investir em esgotos e escolas. Não dê ouvidos a esses poucos. Pensa: onde o povo prefere pousar seu clunis: numa privada, num banco de escola ou num estádio? Num estádio, é claro. "Será uma imensa propaganda para ti. Ele ficará no coração de Roma por omnia saecula saeculorum, e sempre que o olharem dirão: 'Estás vendo este colosso?
Foi Vespasiano quem o começou e Tito quem o inaugurou'. "Outra vantagem do Colosseum: ao erguê-lo, teremos repassado dinheiro público aos nossos amigos construtores, que tanto nos ajudam nos momentos de precisão.
"Moralistas e loucos dirão que mais certo seria reformar as velhas arenas. Mas todos sabem que é melhor usar roupas novas que remendadas. Vel caeco appareat (Até um cego vê isso). "Portanto deves construir esse estádio em Roma, assim como a gente de Brasília construirá monumentais estádios em Natal, Cuiabá e Manaus, mesmo que nem haja ludopédio por esses lugares.
"Só para você ter uma ideia, o campeonato de Mato Grosso teve média inferior a mil pessoas por partida, e a Arena Pantanal, em Cuiabá, terá capacidade para 43.600 espectadores. Em Recife haverá um novo estádio, mas todos os grandes clubes já têm o seu. Pior será a arena de Manaus: terá 47 mil lugares e, no campeonato estadual, juntando os 80 jogos, o público total foi de 37.971. "As gentes da Terra Papagalli não ligaram nem mesmo para o exemplo dos sul-africanos, que construíram cinco novos estádios e quatro são deficitários. "Enfim, meu filho, desejo-te sorte e deixo-te uma frase: Ad captandum vulgus, panem et circenses (Para seduzir o povo, pão e circo). "Esperarei por ti ao lado de Júpiter." PS: Vespasiano morreu no dia seguinte à carta. Tito não inaugurou o Coliseu com um jogo de Copa, mas com cem dias de festa. Tanto o pai quanto o filho foram deificados pelo senado romano.
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/esporte/fk2210201107.htm

FELIZ NATAL! MARAVILHOSO 2011

GRUPO GUARARAPES
DOC. Nº 277-2011

Um adolescente de 16 anos morreu após ser atropelado dentro do lava-rápido onde trabalhava em SUZANO, ontem pela manhã. Ele foi atingido por outro funcionário que manobrava um FUSCA. De acordo com testemunhas, o adolescente orientava GERALDO ALVES VILELA, funcionário do estabelecimento e irmão do proprietário, para ajudá-lo a estacionar o carro. No entanto, ao passar por uma rampa, VILELA, de 22 anos, avançou demais e atingiu o jovem, que acabou preso e foi prensado pelo veículo na parede do lava-rápido.

Após a queda de parte da estrutura metálica do futuro terminal remoto de passageiros do Aeroporto de CUMBICA, na sexta-feira, a construtora DELTA, responsável pela obra, afirmou que deve alterar o prazo de entrega da obra, prevista para 20 de dezembro. O desabamento ocorreu por volta das 14 horas e deixou duas vítimas, com ferimentos leves. A obra está orçada em 85,7 milhões de reais.

Pelo menos 33 trabalhadores morreram e outros 13 ficaram feridos em conseqüência de um acidente com um ônibus na BR-116, na região da cidade de MILAGRES, interior da BAHIA, nesta madrugada. O ônibus bateu em um caminhão que transportava material de escritório. As vítimas eram cortadores de cana que seguiam da cidade de JATEÍ, em MATO GROSSO DO SUL, para PEDRA e BUÍQUE, no agreste de PERNAMBUCO. Os feridos foram levados para hospitais nas cidades de JAGUAQUARA e JEQUIÉ.

A absolvição da cabeleireira ADRIANA ALMEIDA e outros três réus no julgamento pelo assassinato do ex-lavrador RENÉ SENA será contestada pelo Ministério Público do RIO DE JANEIRO. Além de ADRIANA, a personal trainer JANAÍNA DE OLIVEIRA, o ex-PM MARCO ANTÔNIO VICENTE e o ex-segurança RONALDO AMARAL foram inocentados de tramar a morte de RENÉ, que ficou milionário em 2005 após ganhar sozinho o prêmio de 52 milhões de reais na Mega-Sena. A promotora PRISCILA NAEGELE entrou com o recurso logo após a decisão , anunciada hoje pela madrugada pela juíza ROBERTA DOS SANTOS BRAGA COSTA, da 2ª Vara de RIO BONITO (RJ) onde ocorreu o crime. ADRIANA foi absolvida por falta de provas, de acordo com a avaliação do júri, após cinco dias de julgamento. O prazo mínimo para um novo julgamento é de três meses. Atualmente, o ex-PM ANDERSON SILVA PEREIRA e o funcionário público EDNEI GONÇALVES PEREIRA cumprem pena pela autoria do assassinato de RENÉ. Com a absolvição, a cabeleireira e viúva de RENÉ terá direito a 50% da fortuna deixada pelo milionário, estimada atualmente pela Justiça em cerca de cem milhões de reais. Na avaliação dos promotores do MP do RIO, o júri não levou em consideração as investigações concluídas, que constavam no processo, como as ligações telefônicas de ADRIANA para ÂNDERSON, que comprovariam que ela é a mandante do crime. RENATA SENA, filha de RENÉ, ficou revoltada com a decisão do júri. ADRIANA acusa RENATA de ser a mandante do crime. O ganhador da Mega-Sena, RENÉ SENA, foi assassinado em frente ao bar do PENCO, perto da casa onde morava, na manhã do dia 7 de janeiro de 2007, em RIO BONITO (RJ). Dois homens em uma moto dispararam cinco tiros contra RENÉ, que morreu no local. Em 2009, um ex-policial e um funcionário público foram julgados pela morte do milionário e 18 anos de reclusão foi a pena deles.

Internado no Hospital ALBERT EINSTEIN desde quinta-feira, dia 1º de dezembro, devido a uma infecção intestinal, o ex-jogador SÓCRATES começou hoje à tarde a apresentar melhoras depois de noite de complicações em seu quadro clínico. É a terceira internação de SÓCRATES neste ano. A ligeira melhora não afastava, no entanto, a preocupação dos médicos. O quadro de saúde de SÓCRATES é bastante grave e ele permanece na UTI do hospital em SÃO PAULO. Familiares foram chamados. Amigos também apareceram para dar uma força. O ídolo corintiano apresenta um quadro de choque séptico de origem intestinal, que é uma infecção generalizada que se dá quando bactérias chegam à corrente sanguínea. SÓCRATES deu entrada no hospital apresentando sintomas de intoxicação alimentar. Ele passou mal após almoçar em um restaurante de ALPHAVILLE, acompanhado da esposa e de um amigo. Todos tiveram problemas. Apenas SÓCRATES, por ainda estar debilitado em função de suas últimas internações, teve de ser socorrido às pressas. SÓCRATES sofre de cirrose hepática e precisa de transplante de fígado para voltar a ter vida normal. Depois que saiu do hospital em setembro, o ex-jogador falou abertamente dos seus problemas e interrompeu todas as duas atividades, uma delas é ser comentarista do programa CARTÃO VERDE, da TV CULTURA. O Hospital ALBERT EINSTEIN informa que o paciente SÓCRATES BRASILEIRO SAMPAIO DE SOUSA VIEIRA DE OLIVEIRA encontra-se internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em estado grave, com quadro de choque séptico de origem intestinal, respirando por aparelhos e em tratamento dialítico.   

Cenário de propaganda eleitoral da presidente DILMA ROUSSEFF e responsável por parte da votação recebida por ela no NORDESTE, a Transposição do RIO SÃO FRANCISCO foi abandonada por construtoras e o trabalho feito começa a se perder. O abandono foi a tônica de uma viagem feita por repórteres do jornal O ESTADO, durante três dias. O Ministério da Integração Nacional diz que a conservação do que já foi feito é de responsabilidade das empresas contratadas e que não se trata de interrupção das obras, mas de “desaceleração”.

Cerca de 45 mil moradores tiveram de ser retirados de suas casas na cidade de KOBLENZ, na ALEMANHA, após uma bomba de 1,8 tonelada da época da Segunda Guerra ser descoberta no RIO RENO. O artefato deverá ser desativado amanhã cedo, o que vai exigir a retirada de todos em um raio de quase 2 km. A bomba britânica atirada por soldados dos ESTADOS UNIDOS foi achada após o nível do rio diminuir com a seca.

Confronto entre desertores armados e o Exército sírio deixaram hoje 23 mortos no norte do país. Os conflitos ocorreram um dia depois que a ONU aprovou uma resolução condenando a repressão do regime de BASHAR ASSAD e confirmando as suspeitas de que a SÍRIA vive uma guerra civil. Dos oito meses de protestos na SÍRIA, novembro foi o mais violento: 95º pessoas morreram, entre elas 56 crianças, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos, com base em LONDRES. Hoje, nas primeiras horas da madrugada, na cidade de IDLIB, ex-militares que abandonaram o Exército teriam atacado forças do governo. Na troca de tiros, pelo menos sete policiais, cinco desertores e três civis morreram.    

3 DE DEZEMBRO DE 2012   :   -    SEGUNDA-FEIRA
Sinto-me gratificado com a recepção que tive em SOROCABA ontem. Até desavenças passadas foram amainadas, dado ao ambiente proporcionado pelo Professor ADILSON CÉZAR, mentor intelectual do COLAR DA VITÓRIA. Seria muito difícil termos conseguido realizar o sonho dessa honraria sem a sua participação ativa na elaboração do decreto. SPINOSA também foi recompensado pela sua participação ativa na confecção do colar, principalmente porque não exigiu nada na sua ajuda financeira. Isso demonstra que ainda temos pessoas honestas e desinteressadas em suas ações. A maioria só faz as coisas quando tira vantagem. Estou cansado de ver isso acontecer na Sociedade Veteranos de 32-MMDC nos meus dezesseis anos de comparecimento diário. Passo a manhã em minha biblioteca. Esta semana vai ser muito difícil encontrar tempo para tratar de minhas memórias. Uma enxurrada diária de eventos reduz as disponibilidades que tenho para relatar e atualizar meu blog.
Na Sociedade Veteranos de 32-MMDC encontro a MARINEI CHALUB cuidando ativamente na agenda de entrega de comendas nos próximos dias: no dia 7 teremos entrega de medalhas na Área Norte, região do 5º BPMM, onde está sendo organizado um novo núcleo. No mesmo dia, 32 associados receberão o COLAR DA VITÓRIA. Antes, dia 6, o Núcleo GINO STRUFFALDI fará também um evento para condecorar alguns policiais-militares.
Almoço com OLIVEIRA e CRISTIANO. Nosso companheiro OLIVEIRA vem contar o drama que está passando COLOMBO. Parece que ele foi enganado pela INGRID, segundo as conversas em torno dos últimos acontecimentos envolvendo o nosso amigo COLOMBO e a sua namorada. Recentemente, ele comprou a aliança de noivado. Surge o nome de um pastor que também namora a INGRID. A história toda ainda é muito nebulosa. Não se pode confiar muito no que me contaram hoje.
AMADO RÚBIO, nosso diligente presidente do Exército Constitucionalista, vem se inteirar de nossos compromissos para amanhã: almoço de confraternização do Conselho Cívico e Cultural da Associação Comercial e a solenidade dos 121 anos de fundação do 1º BPChq “TOBIAS DE AGUIAR”. Ele não irá à Abertura da exposição “1932 – O ANO DA REVOLUÇÃO PAULISTA”, no hall de entrada da Câmara Municipal de São Paulo. Vou permanecer no MMDC durante toda a tarde, pois o evento da Câmara está marcado para 19 horas.
Visita-nos nesta tarde dona ORIVALDA DIANA, filha do falecido combatente de 32 OSVALDO DIANA. Ela quer participar do Almoço da Vitória no dia 7.
Por volta das 19 horas estou na Câmara Municipal. A exposição que terá permanência até 18 de dezembro teve o patrocínio do Ministério da Cultura, Fundação Energia e Saneamento, EMAE, Gás Brasiliano e a Câmara Municipal. Como cheguei cedo, posso visitar tranqüilamente a exposição, composta de painéis com sugestivas imagens dos preparativos para o Movimento Constitucionalista de 32: formação de um batalhão indígena, formação da LEGIÃO NEGRA, as despedidas dos voluntários que partiam para os campos de batalha, os vários comandos do Movimento e outras fotos muito interessantes. CECILIA DE ARRUDA cuida do cerimonial e anuncia a chegada do Presidente da Câmara Municipal, vereador JOSÉ PÓLICE NETO, que vai fazer a abertura oficial da exposição. Está presente o JOSÉ D´AMICO, nosso amigo de muitos anos, pertencente ao Tribunal Regional Eleitoral, mas simpatizante da revolução de 32 e que muito nos tem auxiliado com sua criatividade. JOSÉ D´AMICO é dessas pessoas que não querem aparecer e que realizam grandes coisas.
Vamos conhecer ANGELA ARANHA COELHO, da gerência de Desenvolvimento Institucional da FUNDAÇÃO ENERGIA E SANEAMENTO. Ela é parente de OSVALDO ARANHA, pessoa que tinha profunda admiração por GETÚLIO VARGAS e seu braço direito em 1932. Dona ÂNGELA quer conhecer a Sociedade Veteranos de 32-MMDC e a convido para os próximos eventos de 7 e 11 de dezembro. Terminada a solenidade de inauguração da exposição, vou deixar o hall da Câmara Municipal por volta das 20 horas, em companhia do JOSÉ D´AMICO. Dentre os assuntos que discutimos nesta noite, principalmente relacionado com as intrigas e fuxicos que existem no MMDC, onde pessoas tentam fazer da Sociedade um caminho para se projetarem, vamos conversar sobre a eleição de abril. Não tinha ainda idéia que isso está próximo. Mais alguns meses e entraremos no processo eleitoral para a eleição dos presidentes da Diretoria Executiva, Conselho Deliberativo e Conselho Fiscal. Realmente é uma situação que devo levar a sério, mesmo porque estou na Sociedade há quase 17 anos e acredito que seria mais interessante “passar o bastão” para alguém que tenha melhores idéias do que eu. O perigo é algum aventureiro querer o cargo para projeção individual e não por amor à causa constitucionalista. Vamos abrir o caminho para todos os associados que tenham interesse em cuidar dos destinos do MMDC, dentro de toda a esquematização preparada por nós. O novo presidente não terá dificuldade alguma, até com as finanças sanadas e com dinheiro no cofre. O histórico da Sociedade (com mais de 200 páginas) está computadorizado, como também o histórico do Monumento Mausoléu e os relatórios dos últimos dez anos de atividades do MMDC. Pretendo encerrar em definitivo meus trabalhos na Sociedade, ao passar a presidência em 7 de julho. Até lá desenvolverei meus propósitos, principalmente com o sentido de criar núcleos em outros Estados, procurando federalizar o MMDC.

CORONEL PM NELSON CHIAVONE é candidato ao cargo de Presidente da Associação dos Oficiais Militares do Estado de São Paulo (AOMESP) e manda a seguinte mensagem através do NINHO DAS ÁGUIAS:
Queridos amigos. Primeiramente gostaria de expressar meu orgulho de poder contar com a amizade de todos aqueles que me depositaram sua solidariedade e confiança. Não existe nada mais gratificante do que  o precioso apoio neste momento que estamos enfrentando o mau caratismo, sendo caluniados e injuriados,tudo porque nossos oponentes estão com medo de deixar a Administração da nossa Associação.Tentaram por varias vezes impugnar nossa chapa,mas não conseguiram, pois estamos do lado do bem. Querem a todo custo ganhar no TAPETÂO, mas não conseguem, porque o Grande Arquiteto está do nosso lado. Agradeço sempre a equipe a que pertenço, Cels Edilberto, Nogueira, Josias e outros, são verdadeiros Baluartes nas defesas de nossas proposições aguentando toda a sorte de humilhações, mas graças a Deus o nosso associado está percebendo toda a trama maquiavélica armada pelos nossos oponentes. Meus amigos,o futuro a Deus pertence,fico até muito enaltecido de receber as manifestações de apoio de todos. Rogo diariamente para que o Criador nos ilumine não só a mim como também todos que estão juntos, pois como  sabem "NÃO SOMOS UM, SOMOS TODOS'. Dia 6 de dezembro está próximo, façamos um esforço para comparecermos e manifestarmos nossa vontade nas urnas. Isto é muito importante. Um novo dia está surgindo e só depende de nós. Um grande abs a todos e meu muito obrigado do fundo de meu coração. Chiavone.      

BRASÍLIA - O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, afirmou nesta segunda-feira, 3, que vai pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) que decrete a imediata perda dos mandatos dos políticos condenados no processo do mensalão. Após os ministros concluírem a análise do processo, ele pedirá a execução imediata das condenações dos mensaleiros, decretando prisões e perdas de mandato. Se a Corte optar por esperar o julgamento de eventuais recursos para somente depois tomar as medidas restritivas, Gurgel acredita que os condenados somente serão de fato punidos em 2014 ou até depois disso. "Há umas estimativas feitas pela imprensa de que (a execução) seria alguma coisa no final do primeiro semestre de 2013. Eu diria que vocês estão sendo otimistas. Se não tiver prisão imediata como requerida pelo Ministério Público, o meu horizonte para cumprimento dessa decisão é bem mais longo, talvez 2014, ou bem depois, porque o nosso sistema processual prevê esses recursos e temos um grande numero de réus que poderão interpor recursos ao longo de muito tempo", afirmou o procurador em entrevista a jornalistas. Para Gurgel, quando a decisão for executada, será um marco na história da Justiça brasileira. "Pela primeira vez de uma forma tão ampla se estabelece que ninguém neste País está a salvo da ação das instituições que compõem o sistema de justiça e que quando desvios acontecem, crimes são cometidos, essas pessoas são responsabilizadas inclusive penalmente e devem sofrer, como qualquer criminoso, as consequências dessa decisão condenatória com o cumprimento inclusive da pena de prisão", disse. Indagado se a jurisprudência do STF não garante aos réus do mensalão o direito de recorrer antes da execução das condenações, Gurgel disse que não. Ele afirmou que os eventuais recursos não terão efeito modificativo. "A jurisprudência do STF é firme no sentido de que não cabe execução provisória da condenação. No caso, o que a Procuradoria Geral da República sustenta é que diante da circunstância de se tratar de decisão plenária do STF, a hipótese é de execução definitiva. E a respeito disso não há posicionamento contrário do STF", afirmou. Mesmo com o final do julgamento do mensalão, Gurgel acredita que ocorrerão tentativas de desmoralizar o STF e o Ministério Público.
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes disse nesta segunda-feira, 3, esperar que a corte termine de julgar o processo do mensalão ainda nesta semana. Durante seminário realizado em São Paulo, Mendes afirmou que os ministros devem encerrar a análise da ação penal 470, conhecida como mensalão, na quarta ou quinta-feira. Questionado na saída do evento sobre a possibilidade de encerrar nesta semana o julgamento que começou em agosto, Mendes confirmou: "Temos boa probabilidade". Nesta semana, os ministros devem fazer uma revisão das penas imputadas aos réus e decidir sobre o afastamento de cargos públicos de deputados condenados. Ficha Limpa: Mendes disse que é mais importante ter uma avaliação da qualificação dos servidores da administração pública do que estender para esse grupo a exigência da chamada Ficha Limpa. "O problema não é você encontrar uma pessoa com ficha limpa, mas sim pessoas com a devida qualificação para ocupar essas funções", afirmou, mencionando que recentes escândalos envolvendo diretores de agências reguladoras "sugerem a necessidade de melhor seleção de pessoas para integrar esses cargos". Nos próximas dias, o governo deve editar decreto para exigir que os servidores da administração pública obedeçam às exigências da Lei da Ficha Limpa para poderem desempenhar funções públicas. A iniciativa surge no momento do escândalo envolvendo o diretor afastado da Agência Nacional de Águas (ANA), Paulo Vieira, e do seu irmão, o diretor afastado da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Rubens Vieira. Para Mendes, os episódios recentes envolvendo servidores confirmam a necessidade de melhorar a seleção dos funcionários. "Até porque esses servidores todos eram ficha limpa até então. Há necessidade de que a sabatina no Senado seja de fato efetiva e que haja seleção de pessoas realmente qualificadas, e não pessoas que integram grupamentos partidários e estejam a serviço desse tipo de causa", afirmou o ministro ao deixar evento. "Eu nem sei se isso é necessário", disse, sobre a decisão do Planalto de estender a exigência da Ficha Limpa aos servidores. "Imagino que já haja medidas nesse sentido, exigências no próprio estatuto." O ministro ressaltou ainda que critérios político-partidários para a nomeação de servidores e que o modelo de aparelhamento político de órgãos públicos passam longe da missão de agências reguladoras, que devem ser independentes.
A violência parece não ter fim em SÃO PAULO. A região metropolitana registrou 12 mortes e 11 tentativas de assassinato entre a noite de ontem e a madrugada de hoje. Entre as vítimas está o guarda municipal GIVANILDO HENRIQUE DA SILVA, de 40 anos, executado em um bar de JANDIRA, na GRANDE SÃO PAULO. Domingo foi jogo de despedida do zagueiro GIVANILDO, o jogador mais velho do time VIRA COPOS, vencedor do campeonato de futebol da cidade. A comemoração do título aconteceu no bar de sempre, no bairro VALE DO SUL. Chegando lá, o guarda pediu para que um traficante no bairro não vendesse drogas ali em respeito aos familiares dos jogadores. Foi suficiente para que o criminoso voltasse com outros dois comparsas e atirassem cinco vezes em GIVANILDO. Os três executores do guarda foram identificados pela Polícia Civil, mas não haviam sido presos até a noite. Além do guarda, DAVI LÚCIO DA SILVA BALBINO, de 23 anos, e FÁBIO ELIAS DA SILVA, de 28, foram mortos em JANDIRA. No começo da noite, três adolescentes foram baleados diversas vezes por atiradores em um carro de cor escura, em BARUERI. Dois morreram e o terceiro estava internado em estado grave. Os ataques ocorreram em pontos de venda de drogas e a polícia investiga se as mortes foram uma retaliação à execução do guarda. Os bairros de IPIRANGA, JARDIM SÃO LUÍS e CAPÃO REDONDO, na zona sul, e as cidades de ITAPECERICA DA SERRA e FRANCISCO MORATO, registraram assassinatos. Pessoas também foram baleadas no GRAJAÚ e VILA INDIANA, zona sul e em DIADEMA. Na zona leste, os amigos GERALDO DOS REIS PEREIRA, de 36 anos, e BRUNO AMARAL DE ALMEIDA, de 29, foram encontrados mortos dentro de um FOX na Avenida RAGUEB CHOHFI, no ARICANDUVA. Não havia marcas de tiros na dupla e a polícia acredita que eles tenham sido mortos em outro local. Um suspeito, cuja identidade não foi revelada, foi morto em uma perseguição policial que começou em MOGI DAS CRUZES e terminou em ITAQUAQUECETUBA, na GRANDE SÃO PAULO, durante esta tarde. Um segundo suspeito foi baleado e está hospitalizado. Em PARAISÓPOLIS a Polícia Militar prende 118 pessoas em operação na maior favela da capital. Durante OPERAÇÃO SATURAÇÃO das zonas norte e leste e GUARULHOS, 92 foram presos. ANTÔNIO CABRAL FILHO, de 55 anos, CARLOS DANILO CARDOSO VASCONCELOS, de 44, e CÍCERO SOARES DA SILVA, de 30, foram assassinados no final da noite do domingo, ontem, em um pesqueiro na cidade de MAIRINQUE. Os autores dos disparos foram dois homens que passaram de moto pelo local. O motivo do crime foi uma dívida causada por jogo. Em LORENA, na madrugada, o CABO PM VLADEMIR SILVESTRE COSTA foi assassinado com dois tiros. Na tarde, em SOROCABA, dois policiais foram baleados durante assalto na VILA FIORI, na zona norte. Eles foram encaminhados ao Hospital Regional e não correm risco de morte. Os bandidos fugiram. 

O novo comandante-geral da PMESP, CORONEL PM BENEDITO ROBERTO MEIRA, de 49 anos, quer intensificar o trabalho dos policiais militares nas ruas. Em entrevista em MARÍLIA, MEIRA criticou o fato de bons policiais militares ficarem restrito a fazer atividades burocráticas. “Não podemos ter policiais militares formados para combater o crime, para fazer policiamento ostensivo, dentro de um quartel digitando documentos. Não posso ter policiais dentro do quartel servindo café. Isso é inconcebível”, atacou. Outra rotina que incomoda bastante o comandante é de PMs dentro de bases comunitárias. Ele reclama do atual formato e prefere que os soldados priorizem o trabalho de ronda. “É um equívoco (as bases comunitárias) porque, às vezes, quanto mais bases você tem, mais compromete o efetivo. Nós precisamos trabalhar 24 horas. Para você manter uma base funcionando 24 horas, você precisa de pelo menos cinco ou seis policiais e isso compromete muito. Eu prefiro colocar cinco, seis policiais dentro de uma viatura e fazer o policiamento ostensivo”, afirmou. MEIRA também falou de algumas práticas no dia a dia do trabalho da Polícia Militar que precisam melhorar. Para o coronel, um dos principais pontos a ser aperfeiçoado é a abordagem policial. O combate ao tráfico de drogas é sua prioridade. “Se o viciado necessita de 15 pedras por dia, ele necessita praticar pelo menos três roubos em média, contribuindo para outro tipo de crime. Por isso, para atacar o crime organizado nós precisamos atacar as drogas, reforçando as nossas divisas com o estado do MATO GROSSO DO SUL e o PARANÁ porque esses outros estados fazem fronteira com o PARAGUAI, BOLÍVIA e PERU, que estão entre os países com a maior produção de drogas do mundo”, finalizou MEIRA.         

Dona CECY LEDA GABRIEL SCOLARI, mãe do técnico da seleção brasileira, LUIZ FELIPE SCOLARI, morreu hoje ao 89 anos, no Hospital SÃO VICENTE DE PAULO, em PASSO FUNDO, no RIO GRANDE DO SUL. A causa da morte ainda não foi divulgada. O óbito foi confirmado às 14 horas. CECY estava internada desde 30 de outubro e lutava contra o agravamento de um quadro de pneumonia. O corpo da mãe do treinador foi velado durante esta noite e o enterro está marcado para amanhã no Cemitério MEMORIAL VERA CRUZ.
O ex-presidente FERNANDO HENRIQUE CARDOSO e o Chefe do PSDB, SÉRGIO GUERRA, lançaram o nome do senador AÉCIO NEVES à disputa presidencial, hoje, durante evento pra prefeitos do partido. AÉCIO disse que “cumprirá o papel”, mas sua candidatura será decidida só em 2014. Ele afirmou que está à disposição para andar pelo País. “É hora de o PSDB ouvir o pulsar das ruas”. Para FERNANDO HENRIQUE é possível ganhar de DILMA ROUSSEFF. “A hora é já. O nome do PSDB, hoje, é do AÉCIO. Ele tem de assumir suas responsabilidades, não de candidato, mas de líder do partido, para começar a percorrer o BRASIL.” Para aliados de JOSÉ SERRA, o processo “foi atropelado”. Na mesma ocasião, AÉCIO foi lançado candidato a presidente do PSDB.

A torcida ignorou o calor de SÃO PAULO, o trânsito pesado do início de dezembro e o fato de o embarque do CORINTHIANS para o JAPÃO ocorrer em plena segunda-feira. Não houve nada que pudesse interromper a ida do “bando de loucos” ao Aeroporto Internacional FRANCO MONTORO, em GUARULHOS, para dar a última palavra de apoio, o último incentivo, aos 23 jogadores e à comissão técnica antes da viagem para o ORIENTE. Depois do inédito título da LIBERTADORES no meio do ano, o “mar negro” que tomou conta da AMÉRICA agora vai atravessar continentes rumo à ASIA. 

Os ESTADOS UNIDOS e países europeus protestaram hoje contra a decisão do governo israelense de construir três mil casas em JERUSALÉM ORIENTAL e na CISJORDÂNIA, territórios ocupados em 1967. Cinco países da UNIÃO EUROPÉIA convocaram os embaixadores israelenses em suas capitais para dar explicações sobre a ampliação dos assentamentos.

O Exército colombiano afirmou hoje que um ataque aéreo contra as FARC – que atualmente negociam um acordo de paz com o governo de BOGOTÁ – matou pelo menos 20 guerrilheiros do movimento insurgente no domingo, dia 2 de dezembro. O ataque ocorreu no Departamento de NARIÑO, perto da fronteira com o EQUADOR. Três acampamentos da “COLUNA MARISCAL SUCRE” foram atingidos, afirmaram as autoridades.   

2 013   :   - TERÇA-FEIRA
Trabalho no computador pela manhã. Estou atualizando o dia 3 de dezembro. LUCINDA faz planos para o fim do ano. Quer ela arrumar a frente de casa, pintando as grades da garagem. Recebo algumas mensagens, mas me chama a atenção uma que foi colocada no “GRUPO NINHO DAS ÁGUIAS” pelo CORONEL PM ODILSON MEDEIROS.
Senhores Oficiais da CBB - Solicito especial atenção para esta matéria. Quem eram os Oficiais que se manifestaram?
Odilson Medeiros - Asp79
14/11/2013 - 20h25 Comissões - Segurança Pública - Atualizado em 14/11/2013 - 20h28
Unificação de polícias é vista com ceticismo por oficiais da PM
Nelson Oliveira

Manifestantes em choque com a PM: desmilitarização vista como parte da democracia
Enquanto especialistas e autoridades eram unânimes em decretar a falência do sistema policial, o público presente ao debate na Comissão Especial de Segurança Pública da quarta-feira (13) se dividia entre os que defendem e os que se mostram receosos em relação à unificação das polícias. Para agentes e escrivães da Polícia Federal, a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 51, apelidada por eles de PEC da Paz, aproximará o aparato policial da sociedade, ao unificar as ações da PF, da Polícia Militar e da Civil e colocar a prevenção ao crime e a investigação num "ciclo completo". Oficiais da Polícia Militar duvidam que essa instituições possam um dia se juntar de fato. - Será como água e azeite - previa o coronel Francisco Niño, diretor de Apoio Logístico e Finanças da Polícia Militar do DF. Ele considera a ideia "boa, em si", mas não vê como conjugar estruturas salariais, culturas e organizações tão díspares. Enquanto o senador Lindbergh Faria (PT-RJ), autor da PEC 51, vê a desmilitarização da PM como uma vantagem, por evitar as arbitrariedades do Código Penal Militar sobre os soldados e humanizar o contato com os cidadãos, Niño teme as consequências dessa mudança numa instituição que tem origem no século XIX. Uma delas seria a formação de um contingente de 700 a 800 mil profissionais armado e com direito a fazer greve. Para o coronel Marcos Matias, diretor de Ensino e Especialização da PM do DF, a estruturação do poder numa polícia una é outra dificuldade: - Quando se integra, naturalmente há subordinação. É preciso saber se uma das instituições vai ser absorvida pela outra, ou se teremos uma nova instituição completamente distinta das que a formaram - adverte. Niño vai direto ao ponto: - Quem vai fazer o quê? Quem vai se submeter a quem? Os dois oficiais também questionam a capacidade de o Estado bancar uma unificação que tem de levar, necessariamente, a aumentos salariais, já que a Polícia Civil e a Polícia Federal pagam salários melhores, e a PM não poderia entrar nessa nova organização como um quadro de segunda categoria. Outro obstáculo seriam as diferenças salariais entre as polícias militar e civil de estado para estado. No Piauí, por exemplo, estado que paga uma das remunerações iniciais mais baixas para soldado da PM (R$ 1,9 mil), um agente da Polícia Civil em começo de carreira recebe salário de R$ 3,1 mil; um delegado da Civil, R$ 12,1 mil; e um coronel da PM, R$ 10,7 mil. Os salários da Polícia Federal são iguais em todo o país: iniciais de R$ 7,5 mil para agente e R$ 14,03 mil para delegado. Os dados são de um levantamento do Fórum Brasileiro de Segurança Pública e apresenta algumas lacunas. Na opinião  do diretor do fórum, Renato Sérgio de Lima, a unificação "é apenas um dos modelos possíveis" com o fim de melhorar a segurança pública, embora o especialista defenda, em qualquer hipótese, o ciclo completo do atendimento ao cidadão pelo aparato policial: prevenção, repressão, socorro e investigação. - O principal ponto é o mandato que o país dará a essa nova polícia, que deve se adequar à atual etapa econômica e social - receitou Lima.
Os oficiais da PM reclamam igualmente uma mudança sistêmica, mesmo mantendo as forças policiais em compartimentos estanques. Eles não vêem como tornar o país mais seguro sem o aumento de vagas nos presídios e a separação dos presos segundo o tipo de crime que cometeram. Isso evitaria a convivência entre os de menor periculosidade e aqueles condenados por crimes graves. E dizem ser fundamental a prisão, ainda que separadamente, de menores abaixo dos 18 anos. Outra sugestão é o aumento da produtividade do Judiciário, assim como o Legislativo. Para Niño, a PM trabalha todos os dias da semana, recebe os salários mais baixos e está sobrecarregada por causa do grande número de criminosos soltos. A Polícia Civil, observam, funciona com uma estrutura distorcida pelo quadro de pessoal aquém do necessário, opção que garantiria salários mais altos. E tem a produtividade afetada por conta das escalas de 24 horas de trabalho por 72 de folga. Tanto Niño quanto Matias reconhecem a insatisfação que há base da PM por causa do Código Penal Militar e pela ausência do direito de greve, que a civil exerceria numa zona legal cinzenta. Hoje, um policial pode ser preso simplesmente por chegar atrasado no quartel ou questionar uma ordem que não considere adequada. Até que ponto essa insatisfação poderia gerar um uma opinião pública favorável à desmilitarização dentro da própria PM, não se sabe. Muita gente enxerga na desmilitarização uma chance de ganhar mais, mas isso é um canto de sereia - alerta Matias. O que os partidários da unificação defendem é que a parte do policiamento continue a cargo de servidores fardados, embora não sujeitos ao regime próprio de uma tropa reserva das Forças Armadas. Niño e Matias, por seu turno, lembram que não haverá como dispensar unidades de ação aparelhadas para casos de grave perturbação da ordem pública. No entender deles, a PM já "avançou muito" em matéria de direitos humanos. Além disso, opera no limite do que lhe é ordenado pelos governos estaduais. Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)
Está visitando a Sociedade Veteranos de 32-MMDC um rapaz que serviu à Aeronáutica, ÉMERSON MIURA. Quer ele fundar uma associação com participantes da sua Arma. Vem colher subsídios na nossa Sociedade. Permanece conversando conosco até o momento em que sou chamado para almoçar. 
Na tarde, no MMDC, recebo uma comissão de ATIBAIA que pretende montar um núcleo naquela cidade: TOMAZ VASQUERO BICCA, JOÃO SIMÃO DE SOUZA E HERNANNY GUTIERRES DE SOUZA. Já conversaram anteriormente sobre esse assunto na última sessão solene proposta pelo vereador CORONEL PM TELHADA, na Câmara Municipal. Mas sou interrompido nessa reunião pela chegada do Presidente do Núcleo IBIRAPUERA – HERÓIS DE 32, CAPITÃO ADRIANO COSTA E SILVA. Ele vem trazer o Regimento Interno da Medalha “HERÓIS DE 32”, que está sendo criada por Decreto Governamental. O CAPITÃO COSTA E SILVA vem acompanhado do SARGENTO TARCÍSIO, que manteve os contatos iniciais com o Professor ADILSON CÉZAR, Presidente do Conselho de Honrarias e Mérito. O Decreto criando a Medalha “HERÓIS DE 32” segue os moldes do Decreto que criou as condecorações do Núcleo “CADETE RUYTEMBERG ROCHA”. O importante é o Regimento Interno que cuida da entrega das honrarias, das assinaturas que deverão constar dos diplomas e dos ofícios de outorga, bem como outras disposições que fazem com que o Núcleo IBIRAPUERA – HERÓIS DE 32 seja uma extensão da própria Sociedade Veteranos de 32-MMDC, evitando-se erros cometidos por outros núcleos no passado.
Pretende-se fazer a entrega das honrarias em sessão solene na Assembléia Legislativa no dia 17 de dezembro. Essa data está bem próxima, mas o núcleo fará tudo para que a cerimônia aconteça. O principal de tudo, no momento, é a publicação do Decreto criando a Medalha “HERÓIS DE 32”. O grau mais importante da Medalha é o GRANDE COLAR “HERÓIS DE 32”, apenas destinado aos responsáveis pela Presidência da Sociedade e do Núcleo. Já assino o OFÍCIO DE OUTORGA DO GRANDE COLAR para o CORONEL PM ANTÔNIO CARLOS MENDES, por ser ele o meu vice-presidente. Mais tarde, o MENDES passa correndo pela Sociedade para deixar os DVDs da participação da turma do ano passado – JUBILEU DE OURO – e as normas que serão obedecidas pela TURMA “JOSÉ BONIFÁCIO DE ANDRADA E SILVA”. A entrega da Espada aos novos Aspirantes acontecerá no dia 15 de dezembro e nossa turma participará da solenidade. Já o coloco a par do que irá acontecer na Assembléia Legislativa no dia 17 de dezembro.
O SARGENTO TARCÍSIO também traz a notícia da criação do Núcleo “IBRAHIM NOBRE”, na Polícia Civil, uma extensão da nossa Sociedade Veteranos de 32-MMDC junto à nossa co-irmã. Está marcada a data de 11 de dezembro para que isso ocorra na DELEGACIA GERAL. Acontece que nessa data tenho o evento já programado para ITAPECERICA DA SERRA.
Outros dois eventos que estão sendo programados dizem respeito à entrega da Medalha GOVERNADOR PEDRO DE TOLEDO em SERTÃOZINHO e RIBEIRÃO PRETO, nas datas de 19 e 20 de dezembro. As listas dos agraciados já estão prontas e precisam ser confeccionados os diplomas nos próximos dias.
MARINEI está cuidando dos boletos nesta tarde. Ela precisa se concentrar nessa situação, não desviando seus pensamentos para outras situações que estão acontecendo. Mas isso é muito difícil de se fazer. O telefone toca a toda hora, sob os mais variados assuntos. O MMDC cresceu muito de uns meses para cá e ela é sozinha na administração da Sociedade. Desdobra-se em todas essas atividades e consegue, com muito tato, concatenar tudo. Telefonou para o CORONEL EDILBERTO DE OLIVEIRA MELO a respeito de nossa ida até CAMPINAS amanhã cedo. O CORONEL PM PERRENOUD, Diretor do Colégio Militar da PMESP passará na sede por volta das 8:30 horas.
Mais uma vez o trânsito está infernal na MARGINAL TIETÊ e na VIA DUTRA. Chego em casa por volta das 19 horas.
Quem me telefona nesta noite é o THIAGO DE MORAES. Quer saber das últimas novidades da Sociedade Veteranos de 32-MMDC. São muitos os assuntos a conversar, pois a expansão da Sociedade é algo palpável e surgem opiniões contraditórias em vários segmentos da população, até mesmo por causa de credos políticos, religiosos e ideológicos. O importante é que o MMDC não tem cor partidária e nem esposa quaisquer religiões ou outros sentimentos a não ser a divulgação do Ideal de Direito, tão bem defendido em 1932.                  

“PEDRO ROCHA fazia o que queria com a bola e ela acreditava totalmente nele”. Com essa frase o escritor e jornalista uruguaio EDUARDO GALEANO definiu a trajetória de um dos maiores ídolos da história da seleção celeste, morto na segunda-feira, dia 2 de dezembro, à noite, vítima de atrofia do mesencéfalo – doença degenerativa que o acompanhava havia cinco anos, afetando os movimentos e fala do craque.
O meia-atacante, que completaria 71 anos hoje, deixou legiões de fãs, especialmente por dois clubes: o PEÑAROL, pelo qual atuou de 1959 a 1970, e o SÃO PAULO, onde virou símbolo de retomada do time nos anos 1970, após um longo período sem títulos. No clube do então recém-inaugurado MORUMBI, ganhou dois estaduais e um Brasileiro, o primeiro da história tricolor, em 1977, justamente o seu último ano por lá.
Mas foi na equipe uruguaia onde ele virou um Deus, com três LIBERTADORES e dois MUNDIAIS. Recebeu o apelido de “EL VERDUGO” (O “CARRASCO”), pela facilidade com que fazia gols e castigava os adversários, principalmente o rival NACIONAL. “O futebol perdeu uma glória”, disse o PEÑAROL, em seu site.
No BRASIL, ainda passou por CORITIBA, onde ganhou um estadual, PALMEIRAS e BANGU. Como treinador, dirigiu 14 equipes, entre elas a PORTUGUESA, o MOGI MIRIM e a PONTE PRETA.
Até hoje, PEDRO ROCHA é o único uruguaio a ter disputado quatro COPAS DO MUNDO (de 1962 a 1974). Na opinião de PELÉ, foi um dos cinco melhores jogadores de todos os tempos. Por sinal, até hoje se comenta a respeito do destino do MUNDIAL DE 1970, no MÉXICO, se o astro da CELESTE não tivesse se machucado com apenas 12 minutos de jogo logo na estréia, contra ISRAEL – na semifinal, a equipe seria eliminada justamente pelo BRASIL de PELÉ.
O momento mais importante pela seleção veio no Sul-Americano (atual COPA AMÉRICA) de 1967, quando liderou o time na final em casa diante da ARGENTINA – fez o único gol do jogo e foi eleito o craque do torneio.

O primeiro deputado preso por participar do mensalão renunciou hoje. JOSÉ GENOÍNO preferiu sair do Congresso Nacional pelas portas dos fundos do que ter de enfrentar um processo de cassação e, principalmente, a votação aberta no plenário. Licenciado do cargo por problemas de saúde, GENOÍNO cumpre prisão domiciliar pela pena de quatro anos e oito meses por corrupção ativa. Ele ainda recorre da sentença de dois anos e três meses pelo crime de formação de quadrilha. Com a renúncia, o processo para cassar o mandato do ex-presidente nacional do PT é arquivado automaticamente, assim como seu pedido de aposentadoria por invalidez. Mesmo assim, GENOÍNO receberá 20 mil reais mensais referentes à aposentadoria proporcional aos anos de mandato (ele entrou na Câmara em 1983). A carta de renúncia foi lida pelo vice-presidente da Câmara, deputado ANDRÉ VARGAS, minutos antes de a Mesa Diretora confirmar o processo para cassar o mandato de GENOÍNO. Desde o dia 15 de novembro, quando o mensaleiro foi preso, VARGAS vinha tentando adiar o início do processo. Hoje, após ter a resposta positiva até do presidente da Casa, HENRIQUE EDUARDO ALVES, VARGAS jogou a toalha. “Dirijo-me a vossas excelências após mais de 25 anos dedicados à Câmara dos Deputados e com uma história de mais de 45 anos de luta em prol da defesa intransigente do BRASIL, da democracia e do povo brasileiro, para comunicar uma breve pausa nessa luta, que representa o início de uma nova batalha, dentre as tantas que assumi ao longo da vida”, escreveu GENOÍNO na carta. Ele também reafirmou, diversas vezes, ser inocente.
Ainda nesta semana o presidente do Supremo Tribunal Federal, JOAQUIM BARBOSA, deve decidir pela permanência ou não de GENOÍNO em casa. A Procuradoria Geral da República deu parecer favorável para que ele fique ao menos mais 90 dias em prisão domiciliar por conta da cirurgia cardíaca feita em julho. Uma perícia médica diz que, apesar de GENOÍNO precisar de cuidados especiais, não há nada que o impeça de voltar para atrás das grades. Caso BARBOSA o mande de volta para a cadeia, ele ficará em regime semiaberto no COMPLEXO DA PAPUDA, em BRASÍLIA.

A TRUSTON INTERNATIONAL, empresa panamenha dona do HOTEL SAINT PETER – que ofereceu um emprego com salário de 20 mil reais para o ex-ministro JOSÉ DIRCEU – é presidida por um laranja. Segundo o “JORNAL NACIONAL”, JOSÉ EUGÊNIO SILVA RITTER mora num bairro pobre da CIDADE DO PANAMÁ, trabalha há 30 anos como auxiliar de escritório em uma empresa de advocacia e, no papel, é dono de mais mil empresas. O administrador de fato do empreendimento, PAULO MASCI DE ABREU é dono de uma única cota. As outras 499.999 pertencem à TRUSTON.          

Uma investigação do Ministério Público de São Paulo em contratos feitos pelo Metrô entre os anos de 2008 e 2010 para reforma de trens apontou um superfaturamento de um bilhão de reais. Ao todo, são seis contratos para melhorar as composições das linhas 1-AZUL e 3-VERMELHA do Metrô. Assinados na gestão JOSÉ SERRA, eles somam, segundo a promotoria, 2,47 bilhões de reais.
De acordo com o Promotor de Defesa do Patrimônio Público, MARCELO MILANI, os 1,622 bilhão do valor inicial dos contratos saltaram para cerca de 2,5 bilhões graças ao acréscimo de 875 milhões gerados com o fracionamento em dez contratos. Essa manobra, segundo o representante do MP, é ilegal.
“Isso é um escândalo total, um prejuízo total aos cofres públicos. Não existe fora de SÃO PAULO outra cidade na qual esses trens sejam reformados”, disse o promotor. Segundo ele, dos 98 trens a serem reformados, 30 estarão parados até ano que vem”. MILANI ainda alega que os valores das reformas dos trens teriam ficado semelhantes ao preço de trens novos. O Metrô disse que vai analisar a recomendação do MP de abrir sindicâncias para apurar as responsabilidades sobre os contratos.

O delegado PAULO HENRIQUE MARTINS DE CASTRO, responsável pela investigação sobre a morte do menino JOAQUIM PONTE MARQUES, disse, hoje, ter provas suficientes para concluir que o garoto foi morto dentro de casa, em RIBEIRÃO PRETO e, por esse motivo, os principais suspeitos do crime continuam sendo a mãe do garoto, NATÁLIA PONTE, e o padrasto dele, GUILHERME LONGO. “O menino foi morto dentro de casa e as provas que colhemos até agora são robustas para conseguir uma condenação e apontar a culpa a quem for devida”, afirmou CASTRO, sem revelar, no entanto, quem foi o autor do assassinato. O delegado disse pretender encerrar o inquérito até a próxima semana e não descartou pedir a prorrogação da prisão de NATÁLIA e GUILHERME, que vence no dia 10. No dia do desaparecimento de JOAQUIM, um irmão de NATÁLIA disse ter recebido uma ligação anônima dizendo que GUILHERME saiu com JOAQUIM no colo em direção ao córrego.

O que predominam na região da VILA CURUÇÁ é o silêncio e o medo. Moradores têm receio de comentar sobre os últimos acontecimentos no bairro. Em dois dias, quatro ônibus foram incendiados no bairro da zona leste de SÃO PAULO, em protesto contra a morte do jovem IGOR DA SILVA HIGINO VIEIRA, de 17 anos, morto na madrugada do domingo (1º de dezembro) na Rua LEONILDE DA CONCEIÇÃO DINIZ. Ele, segundo testemunhas, participava de um baile funk. A polícia investiga a ligação dos casos.

Um guarda-civil metropolitano foi morto nesta tarde, ao tentar impedir um assalto a um caminhão na região da BRASILÂNDIA, zona norte da capital. Um homem suspeito de ter realizado os disparos foi detido. Ele também foi baleado, mas não se feriu gravemente. O crime aconteceu na Rua MANUEL NASCIMENTO PINTO, por volta das 2 horas.

A casa do prefeito de EMBU DAS ARTES, CHICO BRITO, foi assaltada. Os assaltantes renderam e amarraram a filha do prefeito de 16 anos. O crime aconteceu ontem. Foram levados aparelhos eletrônicos, jóias, celulares e faqueiros. Ninguém foi preso.  

O PAPA FRANCISCO nomeou, no último sábado, dia 30 de novembro, os membros da Congregação para a Educação Católica, entre eles o Cardeal Arcebispo de SÃO PAULO, DOM ODILO PEDRO SCHERER. A Congregação tem como responsabilidade zelar por todos os seminários, casas de formação de religiosos e institutos seculares, Universidades, Faculdades e outras instituições católicas de educação também são supervisionadas pela congregação.

2 014    :    -   QUARTA-FEIRA

O Presidente do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro convida para a sessão da Comissão de Estudos e Pesquisas Históricas –CEPHAS
Dia 3 de dezembro às 15 horas

Convidado PAULO DE ALBUQUERQUE MARANHÃO
Os 400 anos da Batalha de Guaxenduba e seu Vencedor

Sócio Correspondente ARMANDO ALEXANDRE DOS SANTOS  - CO Presidente do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro convida para a sessão da Comissão de Estudos e Pesquisas Históricas –CEPHAS
   Dia 3 de dezembro às 15 horas
 Passo a manhã toda na biblioteca. Organizo meus documentos e atualizo o dia 3 de dezembro. Vejo, pela internet, que repercutiu de forma positiva a notícia da transferência da sede da Sociedade Veteranos de 32-MMDC para o Monumento Mausoléu do Ibirapuera. Temos esta semana para terminar de encaixotar tudo para a mudança que acontecerá entre 9 e 10 de dezembro, conforme ficou acertado ontem.
Chego por volta das 13 horas no prédio da RUA ANITA GARIBALDI, 25. Ainda tenho ali o computador e procuro imprimir algumas páginas de minhas memórias. Almoço em companhia de OLIVEIRA, também empolgado com a mudança para o Obelisco. Mais tarde, lá pelas 14 horas, encontro MARINEI encaixotando mais coisas no antigo endereço.
Vamos para o sexto andar do Corpo de Bombeiros. Procuramos entrar em contato com a Secretaria de Segurança Pública, Tribunal de Justiça, Casa Militar do Governo do Estado, Centro de Comunicação Social, a fim de estabelecer normas para a entrega do COLAR DA VITÓRIA para autoridades que não receberam a honraria em 9 de Julho. Pretende-se fazer isso, agora, no dia 19 de dezembro, às 16 horas, no MONUMENTO MAUSOLÉU. Também conversamos com o pessoal do Semanário da Zona Norte, a fim de termos o apoio desse jornal na cobertura do evento.
MARINEI mostra-me uma comunicação do CORONEL PM TELHADA, revoltado com o pouco caso dado à morte do pai do nosso herói CAPITÃO ALBERTO MENDES JUNIOR, SENHOR ALBERTO MENDES:
--------- Mensagem encaminhada ----------
De: Paulo Telhada <coroneltelhada@yahoo.com.br>
Data: 3 de dezembro de 2014 12:01
Assunto: Matéria para o próximo jornal informativo da Sociedade, caso interesse.
Para: "sociedade32@gmail.com" <sociedade32@gmail.com>
Funeral do Pai de Alberto Mendes Júnior.
A vida é feita de momentos tristes e felizes.
No último dia 01 de dezembro de 2014 tive vários momentos de felicidade, participei da comemoração dos 123 anos do Batalhão Tobias de Aguiar pela manhã; por volta do meio dia nasceu minha primeira netinha Laura e no período da tarde fui condecorado com a medalha Brigadeiro Tobias, na Academia de Polícia Militar do Barro Branco, após 36 anos de serviços prestados à Polícia Militar. Tudo isso aumentou minha felicidade pessoal.
Entretanto, algo triste também aconteceu, faleceu naquele mesmo dia o Sr. Alberto Mendes, com 91 anos de idade.
O Sr. Alberto Mendes estava doente há muitos anos, acamado e sofrendo bastante, quando Deus permitiu que finalmente descansasse após uma vida longa e com acontecimentos marcantes.
Para quem não sabe, Alberto Mendes era pai do herói símbolo da Polícia Milita do Estado de São Paulo, o Capitão PM Alberto Mendes Júnior, morto no dia 10 de maio de 1970 no Vale do Ribeira, em plena época do terrorismo armado que assolava o Brasil nos chamados "anos de chumbo"; foi morto a golpes de coronha de fuzil na cabeça, após ser aprisionado por terroristas que agiam na região.
Os pais do Capitão Mendes Júnior, Alberto e Angelina sofreram uma violência que nenhum cidadão jamais deveria sofrer: perderam um filho em plena juventude, vítima de uma violência brutal, pais de um jovem que sacrificou a própria vida em benefício de outros e que ao longo dos anos deixou de ser reconhecido como o valoroso militar que deu a própria vida sem receber nada em troca.
Dona Angelina faleceu anos atrás, vítima do Alzheimer, guardando a tristeza da morte do filho querido, dentro de sua solidão, diagnóstico próprio da doença e quando no seu funeral, acompanhado por poucas pessoas pude estar com a família que se despedia notando então a ausência daqueles que mais deveriam estar presentes num momento marcante como aquele: os integrantes e comandantes da PM.
Agora, no dia 02 de dezembro, compareci ao velório do Sr. Alberto Mendes, na sala 07 do cemitério do Jaraguá e novamente notei a ausência total de comandantes e integrantes da PMESP e das Associações representativas, além de mim, durante o funeral estavam presentes o Coronel PM Roberto, comandante do CPA/M-5, o Tenente Coronel PM Minoro e o 1 Tenente PM De Souza, ambos da Diretoria de Pessoal e o Capitão PM Mendes, do CPChq. Soube que havia um pelotão de ROTA no local, mas não os vi no momento do funeral.
Fiquei matutando o que ocorria e quando fui abraçar e dar os pêsames ao amigo Adauto Mendes, filho do Sr. Alberto, quase me desculpei pela ausência da PM no local, mas me lembrei que não tinha responsabilidade por tal falta de carinho e gratidão de nossa Instituição...
Não havia junto ao caixão sequer uma coroa de flores da PMESP ou de qualquer uma de nossas Associações...
Interessante notar que nós PM sempre estamos reclamando de que ninguém nos considera, que a sociedade não nos valoriza e que nossos conceitos basilares não são considerados. Praticamente ouço essas reclamações há mais de 30 anos e de repente me peguei especulando o seguinte:
Como nós, policiais militares, podemos reclamar que não somos levados em consideração pela sociedade quando nós mesmos não nos valorizamos??
Nosso herói maior, jovem trucidado pelo terrorismo, símbolo de nossos ideais, jamais é lembrado por nosso efetivo, reclamamos que nossas famílias são abandonas pelo governo, mas nós abandonamos a família do Capitão PM Mendes Júnior...
Nosso herói tem o nome eternizado em um batalhão do interior, no pátio central da Academia do Barro Branco, num busto na praça defronte ao Quartel General e em outros vários locais, mas não está gravado em nossa alma, em nossa honra, em nossa vida. Quando eu ouço a imprensa nos criticando, os criminosos nos querendo assassinar, a sociedade nos desprezando, tudo isso eu absorvo pois não espero outra atitude de pessoas indignas de minha consideração, de minha atenção, mas quando vejo nossa Corporação desprezando a própria história, desvalorizando as famílias de nossos mortos e nossos heróis, sou obrigado a acreditar que chegamos numa encruzilhada histórica-doutrinaria. O que devemos fazer de agora em diante?
Brigamos contra a desmilitarização, brigamos pelo devido reconhecimentos social e político, mas temos vergonha e desprezo pela nossa cultura e tradição...
Para mudarmos a situação atual e voltar a valorizar nossa tropa só existe uma saída: mudarmos nossa total falta de atenção e cuidado conosco, passarmos a nos preocupar com nossos homens e mulheres, acreditando sempre em nós primeiro e na palavra de nossos soldados. Infelizmente nós somos os primeiros a nos desprezar e ainda temos coragem de querer ficar ofendidos quando a sociedade assim age conosco.
Chega de tanta mediocridade, ou retomamos nossas tradições e valores ou estamos fadados à extinção...

Coronel Telhada
Vereador pela cidade de São Paulo.
Enviado via iPad
A Polícia Civil prendeu nesta tarde, em MOGI DAS CRUZES, na GRANDE SÃO PAULO, o segurança JONATHAN LOPES DE SANTANA, 23 anos, apontado como o autor de seis mortes e três tentativas de assassinato, incluindo a de uma prima de três anos. O suspeito usava o cabo de um machadinho antes de degolar ou esfaquear as vítimas.
De acordo com o delegado seccional MARCOS BATALHA, o assassino usava essa técnica para fazer as vítimas perderem os sentidos. Na sequência, as degolava ou as esfaqueava.
O alvo principal eram moradores de rua, por "não se integrarem ao sistema e não pagarem imposto", algo que disse em depoimento não aceitar.
Um deles, um rapaz de 19 anos, conseguiu escapar e reconheceu SANTANA vendo uma reportagem da TV no hospital em que está internado.
"Nós tivemos acesso a essa vítima nesta tarde. Ele disse ter sido atacado no domingo à tarde em frente a um hospital público. JONATHAN deu três cortes na cabeça dele com um machado, mas o rapaz conseguiu fugir", afirmou.
Só nesta manhã SANTANA cometeu três homicídios na cidade: um morador de rua não identificado, uma mulher de 59 anos que estava fazendo caminhada e outra de 43 anos que ia para o trabalho. Todos eles foram mortos degolados.
Na última segunda-feira, SANTANA atacou dois moradores de rua por volta das 22:30 horas na Avenida FRANCISCO RODRIGUES FILHO, no centro de MOGI. Segundo a Polícia Militar, os moradores de rua foram mortos enquanto dormiam. As vítimas tinham ferimentos na cabeça, causados por objeto cortante, e queimaduras.
Uma das vítimas morreu no local e a outra foi internada em estado grave no Hospital LUZIA DE PINHO MELO, onde permanecia sem previsão de alta nesta noite.
O primeiro crime foi praticado no último dia 29, por volta das 15 horas. A vítima FLÁVIA APARECIDA DE PAULA foi morta a facadas, sem ser decapitada, quando estava consumindo drogas sozinha numa casa abandonada no bairro BRÁS CUBAS.
Em depoimento, SANTAN disse ter realizado os crimes devido a forças ocultas. "Ele disse que estava com o demônio no corpo, que ouve vozes que pedem para ele matar e, se ele não cometer os assassinatos, será morto".
O segurança também disse ao delegado que se inspirava em grupos islâmicos extremistas. "Ele citou o AL-QUAEDA e os talibãs como inspiração. Também disse que via filmes de ação".
A polícia teve acesso a um suposto ataque de SANTANA, por sufocamento, a uma criança, prima dele, de apenas 3 anos. "Isso ocorreu no último fim de semana. A menina estava no colo dele, quase sem vida. À família, ele disse que tentou socorrê-la, mas no hospital o médico avaliou que a criança foi vítima de tentativa de estrangulamento. A criança teria confirmado."
A polícia já ouviu cinco testemunhas, incluindo familiares. O suspeito não possui passagem pela polícia. (reportagem de MÔNICA RIBEIRO E RIBEIRO para o jornal DIÁRIO DE SÃO PAULO).

O tiro que provocou a morte da analista de sistemas NOÊMIA MARIA CARDOSO AIRES, no último domingo, no JAGUARÉ, pode ter sido acidental. A hipótese foi levantada após o depoimento de um dos integrantes do trio envolvido no latrocínio, incluindo uma garota de 14 anos. Todos foram detidos na terça-feira.
C.S.L.S. foi encaminhada para a FUNDAÇÃO CASA, do TATUAPÉ. WASHINGTON LUIZ ALVES ELEOTÉRIO e ALEXANDRE RENO MARINHO, ambos de 19 anos, foram para a carceragem do DEIC. Segundo o Chefe da Divisão de Patrimônio do DEIC, RUY FERRAZ FONTES, WASHINGTON foi o autor do disparo, que atingiu a boca da analista. Ela foi encontrada amarrada. "Ele disse que amarrou as pernas dela e confessou que deu o tiro na vítima sem querer. É possível que o tiro tenha sido acidental, porque todos eles estavam muito drogados", afirmou a policial.
Em depoimento, o assassino também falou que descartou o revólver calibre 38 usado no crime em uma praça próxima à Rua CAETANÓPOLIS, onde ocorreu o assalto seguido de morte.
"Nós encaminhamos uma equipe até o local nesta manhã para encontrar a arma, mas não achamos nada". O delegado disse que serão ouvidas amanhã duas testemunhas.
A investigação aguarda o resultado dos laudos do exame residuográfico das mãos dos envolvidos e a comparação das impressões digitais encontradas no carro da vítima, que foi abandonado durante a fuga.

Nesta tarde, um incêndio atingiu o prédio de uma faculdade do grupo educacional UNIESP, no centro. Uma mulher, encontrada inconsciente e com parada cardiorrespiratória, foi levada para a SANTA CASA, mas não resistiu. Segundo os bombeiros, a vítima era funcionária da faculdade e foi encontrada no 14º andar da edificação. O fogo atingiu o 12º e o 13º andares do prédio, que fica na Rua CONSELHEIRO CRISPINIANO, por volta das 14:30 horas. A rua fica em frente ao TEATRO MUNICIPAL e é usada como calçadão.
Dezesseis viaturas trabalharam no combate as chamas. Até esta noite membros da corporação ainda trabalhavam no rescaldo. No momento do incêndio, além dos funcionários da universidade, havia estudantes no local. Procurada, a assessoria de imprensa da UNIESP informou que o prédio foi evacuado assim que o fogo começou. As aulas estão suspensas e o edifício ainda deverá passar por perícia.

Os técnicos que começaram a limpar os escombros da BOATE KISS, em SANTA MARIA (RS), recolheram 366 sapatos ou tênis de vítimas do incêndio, que provocou a morte de 242 pessoas na madrugada de 27 de janeiro de 2013. Os objetos estavam praticamente intactos.
Segundo o engenheiro químico da Fundação Estadual de Proteção Ambiental, MARIO KOLBERG SOARES, que supervisiona o trabalho de limpeza, também foram recolhidas 38 peças de roupas, dois relógios, um telefone celular e duas carteiras, além de brincos, prendedores de cabelo e dinheiro. Os objetos que pertenciam aos mortos foram armazenados em dois tambores lacrados para que, depois de descontaminados, possam ser identificados e devolvidos aos familiares.
Na terça-feira, uma dezena de pais e parentes dos mortos fizeram uma vigília em frente à boate - que já havia sido isolada para a descontaminação.
Quatro funcionários da INOVA CONSULTORIA AMBIENTAL, responsável pela desintoxicação do local, iniciaram o trabalho de limpeza de paredes e remoção de objetos às 8 horas de hoje. SOARES disse que o interior da boate estava praticamente intacto, o que comprova a tese de que as vítimas morreram por asfixia.
"As marcas do incêndio são muito pequenas, irrisórias. O isopor da área VIP, por exemplo, está praticamente intacto. Infelizmente, ficou muito claro que as pessoas morreram por causa da fumaça", lamentou o engenheiro.
O juiz ULYSSES FONSECA LUZADA, responsável pelo processo criminal do incêndio, deferiu um pedido dos familiares dos mortos para que a fachada da antiga boate não fosse alterada. Segundo o advogado LUIZ FERNANDO SCHERER SMANIOTTO, que representa a Associação de Familiares de Vítimas da Tragédia de SANTA MARIA, a preservação é importante para resguardar uma prova da acusação de que o prédio foi modificado sem autorização da prefeitura.

Um suicida dirigiu um carro cheio de explosivos para a residência do embaixador do IRÃ na capital do IÊMEN, SANAA, hoje, matando pelo menos três pessoas. O ataque, o segundo do tipo na cidade em dois meses, fez um grande buraco no prédio e lançou detritos por toda a rua do bastante protegido quarteirão diplomático da cidade, disse uma testemunha à REUTERS. Um paramédico informou que os corpos de três pessoas e três feridos foram removidos da área. Um soldado no local disse que guardas iemenitas e iranianos foram mortos no ataque. O Ministério do interior confirmou uma morte - do filho do guarda-costas do embaixador - e disse que 17 pessoas ficaram feridas, a maioria empregados do Ministério do Petróleo, que fica em um prédio próximo. Autoridades de segurança disseram que o embaixador não ficou ferido, já que havia ido para a embaixada dez minutos antes do ataque. Ninguém assumiu a autoria do atentado, mas ataques similares anteriores foram realizados pelo grupo AL-QAEDA na Península Arábica.         

2 015     :    -     QUINTA-FEIRA
CONVITE
HOMENAGEM À MARINHA
O Círculo Militar de São Paulo tem a grata satisfação de convidar V. Exª - V. Sª e digníssima esposa para participarem da solenidade em homenagem à Marinha do Brasil, por ocasião das comemorações do DIA DO MARINHEIRO, a realizar-se no dia 3 de dezembro, às 20:30 horas, no Salão Social.
Apos, haverá uma apresentação da Banda Sinfônica do Corpo de Fuzileiros Navais seguido de um coquetel de confraternização.
Atenciosamente,
TENENTE-CORONEL LUIZ CARLOS P. DE F. BIDART
Presidente

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE
A Reitoria da UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE tem a honra de convidá-lo  para a Sessão Extraordinária do Conselho Universitário na qual será outorgado o título de "NOTÓRIO SABER" ao jornalista RICARDO VIVEIROS.
Data: 3 de dezembro de 2015
Horário: 10 horas
Local: Auditório Ruy Barbosa - Rua Itambé, 135 - Higienópolis, São Paulo.

Uma situação difícil nesta manhã. Sinto labirintite e uma situação delicadíssima de saúde. Não tenho condições de participar dos eventos marcados para hoje no Obelisco.
Acontece que MARINEI CHALUB está trabalhando em sua casa no roteiro da Solenidade de entrega do COLAR DA VITÓRIA. Exponho a ela minha situação. Como MARINEI já sofreu de labirintite, ela vai me trazer o remédio VERTIX e, a duras penas, vou para o IBIRAPUERA. No caminho, aos poucos, vou melhorando. Passamos pelo OBELISCO e depois vamos ao restaurante VILLA FIORE. ORÍTIA ABREU SERAFIM já estava no local e atendeu os primeiros convidados.
Assim é que almoço com vários indicados para receber o Colar, principalmente o CAPITÃO PM CARLOS GONÇALVES PESTANA JÚNIOR e o 1º TENENTE PM AURÉLIO PEQUENO ALVES DOS SANTOS. São eles do TJM e me levam até o Obelisco. Estamos em cima da hora. Cumprimento o CORONEL PM KLÉBER DANÚBIO ALENCAR JÚNIOR e muitos outros participantes dessa solenidade. A CABO DÉBORA, do CORPO MUSICAL, é nossa oradora. Ela vai conduzir muito bem o cerimonial.
Recebem o COLAR DA VITÓRIA:
CORONEL PM KLÉBER DANÚBIO ALENCAR JÚNIOR
DOUTOR MAURÍCIO KIRILOS
TENENTE-CORONEL PM ALBERTO MALFI SARDILLI
TENENTE-CORONEL PM ALEXANDRE GASPAR GASPARIAN
MAJOR PM RENATO NERY MACHADO
CAPITÃO PM CARLOS GONÇALVES PESTANA JÚNIOR
1º TENENTE PM AURÉLIO PEQUENO ALVES DOS SANTOS
1º SARGENTO PM SÉRGIO FERNANDO DOS SANTOS
SIDNEI BEZERRA DA SILVA
RICARDO DA SILVA ROCHA
CABO PM WANDER CHALUB DE OLIVEIRA (MARINEI CHALUB condecora o seu marido, sob aplausos dos nossos convidados)
CABO PM MÁRCIO DA SILVA
SOLDADO PM EDEL RIBEIRO THEOBALDO
DENYS KELVIN HERBERT DE SOUZA
MARCOS VINÍCIUS HESPOANHOL SILVA
JOSÉ RUÍZ LEONEL AGUIAR
Após a entrega do COLAR DA VITÓRIA, faz uso da palavra, em nome dos homenageados, o CORONEL PM KLÉBER DANÚBIO ALENCAR JÚNIOR. Ainda com a Bandeira Nacional perfilada, o Doutor EVANDRO FABIANI CAPANO, Presidente da Comissão de Direito Militar da OAB-SP, entrega a mim a MEDALHA MÉRITO CÍVICO, da ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL, SEÇÃO DE SÃO PAULO. Esse diploma está assinado pelo Doutor MARCOS DA COSTA, Presidente da OAB-SP; Doutor UMBERTO LUIZ BORGES D´URSO, Diretor do Departamento de Cultura e Eventos da OAB-SP e pelo Doutor EVANDRO FABIANI CAPANO.
O Canto da Canção da POLÍCIA MILITAR vai encerrar essa cerimônia muito significativa para a Sociedade Veteranos de 32-MMDC.   
A pedido do ALFREDO DUARTE, vamos ter, logo mais, depois das 18 horas, uma outra solenidade, com a outorga da MEDALHA MARECHAL ALENCAR CASTELLO BRANCO a cadetes da Academia Militar do Barro Branco, inclusive para o Sub Comandante da APMBB, TENENTE-CORONEL PM FERNANDO 

Mais uma vez, foi uma honra ser condecorado no lugar mais nobre da cidade de São Paulo, cercado por Heróis da vida real. Tudo o que existe no Mausoléu reverbera a luta por um ideal, lugar sagrado que transmite valores tão esquecidos nos dias atuais. “Um momento de dor vale por uma vida de glórias.”
Na data de 03 de novembro de 2015 foi realizada a Cerimônia de entrega da Medalha de Mérito Marechal Castello Branco, oportunidade na qual o Subcomandante da APMBB, Ten Cel Fernando Bartasevicius; o Maj PM Dimas Mecca, Cmt EsFO; o Cap PM Marcelo Nogueira, Oficial de Relações Públicas, juntamente com os Cadetes das Diretorias do “Núcleo Cadete Ruytemberg Rocha” e do “Diretório Acadêmico XV de Dezembro” e demais autoridades foram agraciados. Marechal Castello Branco foi um importante presidente do Brasil, homem sério, competente e sem partido político, muito fez pelo nosso país naqueles tempos tão difíceis e conturbados. Agradecemos a deferência pela oportunidade ao Senhor Alfredo Duarte Santos.
Roteiro Solenidade de Outorga da Medalha de Mérito “Marechal Castello Branco”
Local: Monumento Mausoléu ao Soldado Constitucionalista de 1932
Propositura: Sr. Alfredo Duarte dos Santos – Membro da Sociedade Veteranos de 32 - MMDC
Senhoras e Senhores boa noite!
Em nome do Presidente da Sociedade Veteranos de 32, Exmo. Coronel PM MARIO FONSECA VENTURA, de sua diretoria e colaboradores, desejamos a todos as boas-vindas a este Sagrado Mausoléu dos Heróis Paulistas Combatentes da Liberdade, para esta Solenidade Cívica de homenagem à Academia de Polícia Militar do Barro Branco da PMESP, seus oficiais, alunos oficiais e Autoridades civis e militares cujos elevados méritos pessoais fazem-se necessários de reconhecimento com a outorga da Medalha de Mérito “Marechal Castello Branco” da Associação Campineira dos Oficiais da Reserva do Exército R/2 do N.P.O.R. do 28º B.I.L.

HINO NACIONAL BRASILEIRO
O Hino Nacional Brasileiro é um dos símbolos Nacionais. Foi adotado em 1831, ainda no Brasil Imperial, e oficializado em 1890 pelo Presidente da República Marechal Deodoro da Fonseca.
Letra do Poeta Joaquim Osório Duque Estrada e melodia de Francisco Manoel da Silva. Neste momento convidamos todos os presentes cujas condições físicas o permitam, para que de pé e em posição de respeito, cantemos o Hino Nacional Brasileiro.
Histórico da Medalha de Mérito “Marechal Castello Branco”
A Medalha de Mérito MARECHAL CASTELLO BRANCO foi criada no ano de 2002 pela ACORE – Associação Campineira de Oficiais da Reserva do Exército (R/2) do N.P.O.R. – Núcleo de Preparação de Oficiais da Reserva, unidade de ensino e formação de Oficiais da Reserva do Exército Brasileiro subordinado ao 28º B.I.L. – Batalhão de Infantaria Leve, localizado em Campinas/SP, por ocasião do cinqüentenário de criação do NPOR de Campinas pela Portaria Nº 51 – 48 de 21 de Julho de 1952 do Ministério da Guerra, com o intuito de assinalar os 105 anos de nascimento e os 35 anos de falecimento do insigne Marechal HUMBERTO DE ALENCAR CASTELLO BRANCO, oficial do Exército Brasileiro formado com distinção pela École Supérieure de Guerre da França, chefe da seção de operações do Estado-Maior da FEB na 2ª Guerra Mundial, Herói da FEB condecorado com a Cruz de Combate de 1ª Classe e Presidente da República.
Destina-se a galardoar personalidades militares e civis que em decorrência de suas virtudes morais e elevado mérito profissional tenham prestado relevantes serviços às Forças Armadas Nacionais, às Forças Auxiliares (Polícias Militares, Polícias Civis, Guardas Civis, Corpos de Bombeiros e Defesa Civil), e à Sociedade Brasileira em geral.
Medalha devidamente cadastrada junto ao Exército Brasileiro conforme Aditamento DCEM 7A ao Boletim do Departamento Geral do Pessoal nº 51 de 21 de dezembro de 2005, com o Código A-28 e a Sigla MMCB.
O atual Presidente do Conselho da Medalha é o Dr. WALLACE DE OLIVEIRA GUIRELLI, Conselheiro Substituto do TCE – Tribunal de Contas do Estado de São Paulo e Comendador da Ordem do Mérito Militar.
Antes da outorga, fazem-se necessários alguns esclarecimentos a respeito do Regulamento de imposição das insígnias e graus da Medalha de Mérito Marechal Castello Branco.
O regulamento da Medalha estabelece rígida hierarquia para os recipiendários militares, motivo pelo qual recebem o grau equivalente a sua patente militar, não se tratando tal distinção de valoração de mérito desigual.
Grau Ouro para oficiais superiores e oficiais generais.
Grau Prata para oficiais intermediários, oficiais subalternos, cadetes e alunos oficiais.
Grau Bronze para Praças.
Somente podem fazer a imposição das insígnias da Medalha de Mérito Marechal Castello Branco aqueles que já a tenham recebido.
Outorga da Medalha de Mérito “MARECHAL CASTELLO BRANCO” no Grau OURO
Para receberem suas condecorações no Grau OURO convidamos para que se posicionem à frente em local de destaque as seguintes Autoridades:
01 - Coronel PM CELSO LUIZ PINHEIRO (NÃO PODE COMPARECER)
Comandante da Academia de Polícia Militar do Barro Branco
02 – Dr. ANDRÉ RAMOS TAVARES
Presidente do Conselho Consultivo do Conselho Nacional de Justiça - CNJ
03 – Ten.Cel. PM FERNANDO ANTONIO DE MELLO BARTASEVICIUS
Subcomandante da Academia de Polícia Militar do Barro Branco
04 – Major PM ELIAS BATISTA DO NASCIMENTO
Comandante do Corpo Musical da PMESP
05 – Major PM DIMAS MECCA SAMPAIO
Comandante da Escola de Formação de Oficiais da APMBB
06 - Major PM FLÁVIO CÉSAR MONTEBELLO FABRI
Assessor Policial Militar do Centro Integrado de Comando e Controle da SSP/SP
07 – Dr. MOACIR GUIMARÃES MENDONÇA
Assessor Perito Criminal do Centro Integrado de Comando e Controle da SSP/SP
08 – Dr. FERNANDO MORENO
Diretor Financeiro da Sociedade Veteranos de 32 - MMDC
09 – Dr. FERNANDO BARBOSA BOCCI
Assessor Policial Civil do Centro Integrado de Comando e Controle da SSP/SP
10 – Sra. DÉBORA LILIAN BORTOLOTTO
Assessora Policial Civil do Centro Integrado de Comando e Controle da SSP/SP
11 – Sra. MARINEI ANGELO CHALUB DE OLIVEIRA
Secretária da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC

Convidamos para fazer a imposição das insígnias os Exmos. Cel. PM Mário Fonseca Ventura, Presidente da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC e Dr. Rodrigo Corrêa Baptista da Assessoria Policial Civil do Centro Integrado de Comando e Controle da SSP/SP.
Parabenizando os agraciados, solicitamos que retornem aos seus locais de origem.
Outorga da Medalha de Mérito “MARECHAL CASTELLO BRANCO” nos Graus PRATA e BRONZE

Para receberem suas condecorações nos Graus PRATA e BRONZE convidamos para que se posicionem à frente em local de destaque os seguintes Policiais Militares:
01 – Cap. PM MARCELO DA SILVA NOGUEIRA
Oficial de Relações Públicas da APMBB
02 – Cap. PM CLÉBIO DE AZEVEDO
Subcomandante do Corpo Musical da PMESP
03 – 1º Ten. PM LUÍS ROBERTO REIS TEIXEIRA DE SOUZA
Oficial de Ligação do D.A. XV de Dezembro da APMBB
04 – 1º Ten. PM ISMAEL ALVES DE OLIVEIRA
Oficial de Relações Públicas do Corpo Musical da PMESP
05 - Al. Of. PM RAFAEL RIBEIRO VIEIRA
06 - Al. Of. PM CÉSAR ROBERTO BARCELOS
07 - Al. Of. PM ANTONIO BARBOSA DOS SANTOS JÚNIOR
08 - Al. Of. PM VANDER PAVAN PUENTE
09 - Al. Of. PM AFONSO PINHEIRO CALVI
10 - Al. Of. PM LUCAS EDUARDO SELEGHIM
11 - Al. Of. PM ANDRÉ MARTINS ROSCHEL
12 - Al. Of. PM CARLOS GABRIEL GARCIA DOS SANTOS
13 - Al. Of. PM GUILHERME PAVAN CUSTÓDIO
14 - Al. Of. PM HENRIQUE COMINATO THEODORO
15 - Al. Of. PM CELSO LEANDRO DE ALMEIDA FOGAÇA
16 - Al. Of. PM CARLOS DIEGO DE SOUZA MATRINDADE
17 - Al. Of. PM ARY APARECIDO MENDES JÚNIOR
18 - Al. Of. PM AUGUSTO VILAR DEOLINDO ZANETTI
19 - Al. Of. PM MARCELLO MATHEUS SALGUEIRO IBANHE
20 - Al. Of. PM ALBERTO ANTUNES DE SOUZA
21 - Al. Of. PM CAIO ALEXANDRE COSSO
22 - Al. Of. PM CAIO CÉSAR FERNANDES DISPOSTI
23 - Al. Of. PM KEILA PRISCILA SANTOS
24 - Al. Of. PM FERNANDO GENAURO DA SILVA
25 – Al. Of. PM EULER FILIPE RIBEIRO DE SOUZA
26 – 2º Sgt. PM INÊS GREGÓRIO ALVES
Assessora Policial Militar do Centro Integrado de Comando e Controle da SSP/SP
Convidamos para fazer a imposição das insígnias o Exmo. Cel. PM Mário Fonseca Ventura, Presidente da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC, os Ilmos. Ten.Cel PM Fernando Bartasevicius e Major PM Dimas Mecca da APMBB, Major PM Elias do Nascimento, Comandante do Corpo Musical da PMESP, Major PM Fabri do CICC da SSP, Dr. Rodrigo Corrêa Baptista do CICC da SSP/SP e Dr. Fernando Moreno, Diretor da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC.
Parabenizando os agraciados, solicitamos que retornem aos seus locais de origem
Outorga da Medalha Tiradentes – Patrono das Polícias Civis e Militares do Brasil
Para receberem suas Medalhas TIRADENTES convidamos para que se posicionem à frente em local de destaque o Dr. Rodrigo Corrêa Baptista e o Aluno Oficial PM Rodrigo Santos Cardoso.
Convidamos para fazer a imposição das insígnias o Exmo. Cel. PM Mário Fonseca Ventura, Presidente da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC, e o Tenente-Coronel PM Fernando Antonio Bartasevicius, Subcomandante da Academia de Polícia Militar do Barro Branco.
Parabenizando os agraciados, solicitamos que retornem aos seus locais de origem
Palavras das Autoridades
Para fazer uso da palavra em nome de todos os agraciados desta noite convidamos o Ilmo. Ten.Cel. PM Fernando Antonio Bartasevicius, Subcomandante da Academia de Polícia Militar do Barro Branco da PMESP.
Para fazer uso da palavra em nome da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC convidamos o nosso eterno Presidente, Exmo. Cel. PM Mário Fonseca Ventura.
Encerramento
Senhor Presidente, antes de encerrar esta solenidade eu gostaria de dirigir algumas palavras aos meus amigos Alunos Oficiais, aos meus amigos quase Aspirantes. Senhores; nos últimos cinco anos tenho tido a enorme satisfação de frequentar as arcadas da veneranda Academia do Barro Branco. Nessas ocasiões tenho tido a oportunidade de compartilhar de vossas lutas, de vossos desafios, de vossas dificuldades para concluir um dos mais árduos e difíceis cursos de formação superior existentes em nosso país. Apesar desses grandes sacrifícios, algo que chamou muito a minha atenção foi o enorme entusiasmo com que se dedicam, com que sempre desempenham suas atividades, por mais corriqueiras ou estafantes que estas sejam.
Isso despertou a minha curiosidade e me fez perguntar: O que leva jovens de grande capacidade intelectual e elevada cultura, que poderiam neste momento estar concluindo cursos de graduação em engenharia, medicina ou direito nas melhores Universidades do país, escolherem uma carreira que impõe enormes riscos e dificuldades, que remunera mal e que ainda sofre enorme incompreensão e falta de reconhecimento da mesma sociedade a quem serve e se dedica, a quem jura proteger e defender mesmo com o risco da própria vida ?
Depois de muito refletir, acredito ter encontrado a resposta do que os motiva a fazer essa difícil escolha, e que penso tratar-se de uma das mais elevadas qualidades que pode moldar o caráter: ALTRUÍSMO. O desejo de servir, a vontade de ajudar, de fazer algo pelo próximo, algo que muitas vezes este não pode fazer por si próprio, e que ajude a construir uma sociedade melhor e mais justa.
Alunos Oficiais da Turma Gal. Julio Marcondes Salgado, estamos neste instante no mais sagrado dos solos Paulistas. Ao nosso redor neste Sagrado Mausoléu, Paulistas de alma e coração repousam em eterna vigília da liberdade que hoje desfrutamos. Num dos momentos mais difíceis da história brasileira, perante uma terrível encruzilhada que se lhes impunha, esses homens e mulheres não tergiversaram em escolher o caminho mais difícil, não hesitaram por um só instante, mesmo diante dos enormes riscos e sacrifícios que se deparavam, em seguir o caminho do que era certo, em seguir o caminho do bem, o caminho de defender o legítimo direito dos Paulistas de conduzir seus próprios destinos com liberdade, e de jamais aceitar ser conduzido mediante a tirania.
Pois bem, meus quase Aspirantes; muitas encruzilhadas haverão de se impor diante de vós no exercício de vossas carreiras que agora se iniciam. Que o elevado espírito público desses Heróis Paulistas combatentes da Liberdade possa sempre inspirar vosso altruísmo de servir à causa pública, e ajudá-los a seguir sempre o caminho do bem, o caminho do que é certo, por mais difícil que ele se apresente. Lembrem-se, o certo ainda será o certo mesmo que ninguém esteja certo; e o errado sempre será o errado mesmo que todos estejam errados.
Que DEUS os abençõe e proteja agora e sempre.
Muito obrigado !
Senhoras e Senhores, o Exmo. Coronel PM MARIO FONSECA VENTURA, em nome da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC, sua diretoria e colaboradores, agradece a presença de todos que prestigiaram e abrilhantaram esta solenidade, destacando o apoio inexcedível da Sra. Marinei, Secretária da Sociedade Veteranos de 32 – MMDC, Major PM Samuel que cuidou da sonoplastia deste evento, e o meu agradecimento pessoal ao Dr. Wallace de Oliveira Guirelli, Presidente do Conselho da Medalha de Mérito “Castello Branco” e aos meus Superiores Sra. Débora Lilian e Dr. Rodrigo Corrêa, sem cujo apoio esta solenidade não se realizaria.

Ainda permanecemos um bom tempo no OBELISCO, aguardando a saída dos convidados. WANDER, MARINEI e GABRIEL vão me deixar em casa. Estou simplesmente esgotado. Minha idade já não mais permite esse esforço.

Uma criança de 4 anos foi encontrada morta dentro do apartamento de seu pai, em MIRANDÓPOLIS, na zona sul da capital, por volta das 20:30 horas de ontem. O caso é investigado como morte suspeita.
De acordo com os agentes do DHPP, o corpo de SOPHIA KISSAJIKIAN CANCIO NAJJAR foi encontrado no quarto do pai. Ele relatou à polícia que deixou a menina brincando enquanto foi tomar banho e ao voltar a viu caída, com um saco plástico na cabeça.
O pai disse que fez manobras para reanimar a menina a pedido dos atendentes do SAMU, mas não adiantou. Segundo os policiais, a criança estava vestida com uma blusa e calcinha usada por crianças e apresentava sinais de asfixia. Ao lado do corpo estava o saco manchado de sangue. O que chamou a atenção da polícia foram vários papéis higiênicos sujos de fezes encontrados debaixo da cama, ao lado do corpo de SOPHIA e no lixo da cozinha, que também tinha um pelo humano. A garota não apresentava ferimentos pelo corpo e os peritos também encontraram em sua roupa papel higiênico. Eles apreenderam todo o material e uma cueca do pai da criança, que também continha fios.
A polícia pediu exames para saber se a menina sofreu algum tipo de abuso sexual. No boletim de ocorrência, o delegado MAURÍCIO ARAÚJO disse que ainda não é possível afirmar se a morte foi um acidente doméstico ou um homicídio. O pai de SOPHIA é considerado apenas testemunha do caso. Os policiais informaram que os resultados dos exames serão fundamentais para desvendar o caso. Os pais de SOPHIA são separados e dividiam a guarda da menina. Eles serão ouvidos amanhã no DHPP. A ocorrência será investigada pela 5ª Delegacia de Crimes contra a Criança e o Adolescente do Departamento de Homicídios.

O torcedor do PALMEIRAS RAFAEL DIONÍSIO, 24 anos, foi atropelado por um motorista que estava embriagado, nesta madrugada, na CASA VERDE. Segundo a Polícia Civil, testemunhas contaram que RAFAEL atravessava a rua quando ANDERSON TORRES ANTÔNIO, de 34 anos, passou em alta velocidade e atingiu o rapaz. Ele continuava internado em estado grave hoje.
Um amigo da vítima também quase foi atropelado, mas conseguiu correr. Ele disse que os dois estavam na faixa de pedestre e o semáforo aberto para eles. Já o motorista e o passageiro do carro disseram na delegacia que o farol estava verde para veículos e o jovem atravessou de repente em sua frente.
ANDERSON disse que havia bebido cinco latas de cerveja e comemorava o título do PALMEIRAS. O teste de bafômetro do motorista deu 0,75 miligramas, quase três vezes acima do tolerado pela lei. Segundo a polícia, a habilitação do motorista também estava vencida. Ele pagou fiança de 1,5 mil reais e foi liberado. DIONÍSIO está internado com várias fraturas no corpo.

A operação que a Justiça dos ESTADOS UNIDOS vem promovendo para limpar o futebol de um grande esquema de corrupção resultou nos indiciamentos do presidente da CBF, MARCO POLO DEL NERO, de RICARDO TEIXEIRA, que dirigiu a entidade de 1989 a 2012 e de outros 14 dirigentes, acusados de abuso de poder e formação de quadrilha, entre outros crimes.
Horas depois, em nota oficial, a CBF comunicou que DEL NERO vai se licenciar do cargo "com a finalidade de dedicar-se à sua defesa". Em seu lugar, assume interinamente o deputado federal MARCUS VICENTE, vice-presidente da Confederação da região Centro-Oeste.
Na SUÍÇA, onde hoje aconteceu a reunião do Comitês Executivo da FIFA, o FBI, com a cooperação da polícia local,  prendeu os presidentes da CONMEBOL, JUAN ÁNGEL NAPOUT, e da COCACAF, ALFREDO NAWIT. Em maio, também em ZURIQUE, já haviam sido detidos outros sete cartolas, entre eles, o ex-presidente da CBF, JOSÉ MARIA MARIN, que cumpre atualmente prisão domiciliar nos ESTADOS UNIDOS.
A "COPA DO MUNDO DA CORRUPÇÃO", como classificou a justiça americana, envolve mais de 40 países e movimentou mais de 120 milhões de dólares (cerca de 455 milhões de reais em valores atuais) em propinas, pagas principalmente por empresas de marketing esportivo aos dirigentes em troca de acordo de exclusividade pelos direitos de transmissão das competições organizadas pela FIFA e pelas confederações.
RICARDO TEIXEIRA e DEL NERO, por exemplo, são acusados de receber suborno por contratos ligados a torneios da CONMEBOL e da CBF.  "(...) Conspiraram de forma intencional para criar um esquema para fraudar a CBF", diz o documento, citando também MARIN.
Para chegar aos 16 nomes desta etapa da operação, a secretária de Justiça dos EUA, LORETTA LYNCH, afirmou ter contado com oito novas delações premiadas. Um dos delatores foi JEFFREY WEBB, ex-vice presidente da FIFA. O presidente da TRAFFIC, JOSÉ HAWILLA, por exemplo, um dos principais elos com DEL NERO, MARIN e TEIXEIRA, é réu confesso e colabora com o FBI desde 2013.
Como o BRASIL e EUA não têm acordo de cooperação, DEL NERO não pode ser preso nem extraditado - razão pela qual ele não tem viajado em compromissos da seleção brasileira e renunciou ao cargo que possuía na FIFA. Hoje, por sinal, o Comitê de Ética anunciou que DEL NERO passou a ser investigado. Recentemente, o órgão suspendeu os presidentes da FIFA e da UEFA, JOSEPH BLATTER e MICHEL PLATINI, de qualquer atividade ligada ao futebol.

O governo vai acelerar a tramitação do pedido de impeachment contra a presidente DILMA ROUSSEFF para levar o processo a voto no plenário da Câmara o mais rápido possível. A estratégia do Palácio do Planalto foi anunciada aos líderes da base aliada, hoje, pelo ministro RICARDO BERZOINI (Secretaria do Governo). A avaliação é de que o tempo corre contra o governo e o melhor a fazer agora é enfrentar o quanto antes a votação, tirando o impeachment da pauta do Congresso e a crise política da frente.
"O governo quer votar rapidamente, quer apressar. Mas tem de ver direitinho isso, tem rum rito", afirmou o líder do PTB, JOVAIR ARANTES.
A líder do PC do B, JANDIRA FEGHALI, disse que a intenção da presidente DILMA ROUSSEFF é tão somente governar. "Não é questão de o tempo correr contra o governo. O que o governo quer é livrar o país dessa pauta para poder governar com mais tranquilidade", disse JANDIRA, que será a única representante titular de seu partido na comissão especial.
A pressa na votação preocupa integrantes da oposição, que acreditam que a intenção do PT é aproveitar o momento, onde a mobilização pró-impeachment não está tão grande na sociedade como no início do ano.
Hoje o clima voltou a esquentar entre a base governista e o principal algoz de DILMA, o presidente da Câmara, EDUARDO CUNHA. O peemedebista acusou a petista de fazer barganha e de ter chamado o deputado ANDRÉ MOURA para propor que deputados do PT votasse a favor dele no Conselho de Ética - onde CUNHA pode ser processado e perder o mandato por mentir ter dinheiro no exterior - em troca da aprovação da CPMF.
O ministro-chefe da Casa Civil, JAQUES WAGNER, retrucou ao afirmar que CUNHA fez barganha. "Não sou obrigado a ser verdadeiro com alguém que usa de seu próprio poder para paralisar um país", completou.
Dirigentes dos partidos de oposição se reuniram, nesta noite, com o presidente da Câmara dos Deputados, EDUARDO CUNHA, segundo o blog do jornalista ILIMAR FRANCO. No encontro, a oposição teria se comprometido a livrar CUNHA no Conselho de Ética. "Nosso foco é a DILMA", afirmou ANTÔNIO CARLOS MAGALHÃES NETO. o PSDB nega qualquer acordo.     

Ainda eufóricos com o anúncio feito pelo presidente da Câmara dos Deputados, EDUARDO CUNHA, após aceitar o pedido de impeachment contra DILMA ROUSSEFF, grupos que defendem a saída da presidente anunciaram hoje uma agenda de ações para fortalecer ainda mais o movimento que já foi às ruas pedir pela queda da petista.
Um dos líderes do MBL (Movimento BRASIL LIVRE), RENAN SANTOS, de 31 anos, acredita que as manifestações propostas pelos grupos terá papel fundamental para manter o BRASIL estável e enfrentar a fúria dos que defendem a manutenção do mandato da presidente.
"A gente vai começar um trabalho muito pesado de cobrança aos parlamentares. Estamos em mais de 150 cidades e, com isso, conseguimos atingir praticamente todos os deputados. Haverá ações de guerrilha ao longo dos próximos dois meses. A nossa tropa está motivada".
A CUT (Central Única dos Trabalhadores), por sua vez, vai dar início às mobilizações de rua contra o impeachment. O primeiro ato está marcado para amanhã à tarde, em BRASÍLIA. A Central vai se reunir na segunda-feira com outros movimentos sociais para definir um calendário de atos em defesa da presidente e pela permanência dela no poder.

2 016      :    -   SÁBADO
Muito trabalho pela manhã em minha biblioteca. Recebo uma mensagem de VARGEM GRANDE DO SUL:
Concurso sobre a Revolução Constitucionalista
Coronel Ventura,Prorfessora  Maria Rosa, Professora Samantha, Professor Luís, Bom dia!
1)    ​Ontem recebemos as gratas notícias de que alunos do Colégio Alexandre Fleming e da Escola Benjamin BAstos avisaram que iriam entregar seus estudos sobre a REvolução de 1932.
2)    ​2) Estou muito feliz!
3)    ​3) Ainda não sei o número exato, mas assim que tiver passo-lhes. ​4) Assim, com base na experiência e sugestão da Professora Samantha, propomos se reunir no sábado para avaliação dos trabalhos, pelos Senhores que são membros da banca. ​5) Pode ser em Vargem Grande do Sul, por causa da facilidade para a maioria dos componentes da banca e da proximidade para outros membros que residem em cidades próximas.
4)    ​6) De minha parte pego o ônibus logo de manhã e vou até aí, sem problemas.
​7) Vou pedir para o Maércio avisar a Senhora Neide Fonseca Castilho, pois não tenho seu e-mail.
5)    Abraços,
​Mario
Com os acontecimentos dos últimos dias, vamos ainda atualizar o 28 de novembro. Isso demanda muito trabalho em minha biblioteca. Mas tenho esse final de semana para resolver essa parada.

Aos gritos de “o campeão voltou”, os caixões com 50 das 71 vítimas fatais do acidente aéreo que dizimou o time da CHAPECOENSE, na última terça-feira, em MEDELLÍN, entraram na ARENA CONDÁ para serem aplaudidos de pé. Debaixo de forte chuva, o velório coletivo contou com a presença de fãs, familiares e importantes autoridades.
Até o presidente da República, MICHEL TEMER, que, inicialmente, só iria à cerimônia no aeroporto de CHAPECÓ, acabou dando as caras no estádio e não foi vaiado. Além dele, estiveram por lá os chefões da FIFA, GIANNI INFANTINO, e CBF, MARCO POLO DEL NERO. O técnico da seleção brasileira, TITE, também prestou solidariedade a parentes dos jogadores e, muito emocionado, carregou a bandeira do time de SANTA CATARINA.
A cidade começou a aplaudir seus heróis antes mesmo de as quatro carretas com os caixões chegarem à ARENA CONDÁ. Durante o cortejo que saiu dao aeroporto, onde as vítimas receberam honras militares e foram recepcionadas por TEMER, uma multidão pelas ruas acenava com lençóis brancos.
Já na ARENA, a comoção foi geral. Até mesmo soldados que transportavam as urnas choraram. Enfileirados sob as tendas montadas especialmente para o velório, os caixões tinham ao lado fotos dos jogadores para identificar cada um deles. Foi ali que se deu uma das cenas mais tocantes: o zagueiro RAFAEL LIMA, que acabou não sendo relacionado para a viagem à COLÔMBIA, chorou sobre as urnas dos companheiros.
Depois dos discursos, das orações e da leitura de uma mensagem enviada pelo PAPA FRANCISCO, os familiares caminharam pelo gramado, como em uma volta olímpica, segurando as fotos de seus entes.
Os corpos das 16 vítimas, entre comissão técnica, jornalistas e dirigentes, serão enterrados em CHAPECÓ. O restante das pessoas veladas na ARENA seguiu para as suas cidades de origem.
Internados no Hospital SAN VICENTE FUNDACIÓN, na COLÔMBIA, os quatro sobreviventes brasileiros do acidente seguem monitorados. Dois deles, o goleiro JACKSON FOLLMANN e o lateral-esquerdo ALAN RUSCHEL, já se comunicam com familiares e foram informados do que aconteceu. O pai de RUSCHEL diz que o filho não se lembra do acidente. Já FOLLMANN, segundo os médicos, reagiu bem à notícia da perda de parte de sua perna direita (amputada abaixo do joelho).
“Prefiro a vida à perna”, teria dito o atleta, segundo relato dos médicos que concederam entrevista hoje, em MEDELLÍN. O zagueiro NETO e o jornalista RAFAEL HENZEL são os que inspiram mais cuidados, porque têm lesões pulmonares. O jogador sofreu uma perfuração e continua sedado. HENZEL ainda se encontra em ventilação mecânica, mas melhor clinicamente do quadro de pneumonia.   

XIMENA SUAREZ, comissária de bordo que sobreviveu ao acidente aéreo com o time da CHAPECOENSE, saiu hoje em defesa do piloto MIGUEL QUIROGA, que vem sendo criticado por não ter colocado uma reserva de combustível no avião, mesmo depois de ter sido alertado por uma funcionária do controle boliviano.
XIMENA usou sua página no FACEBOOK para desabafar:
“Porque apontar o dedo sem olhar e imaginar que ele, como todos os seres humanos normais, são defeituosos? Por que não te calas? Por que não parar de culpar? Pare com isso? Pensa!”, escreveu a boliviana.
A comissária fez questão de escrever em português, justamente porque é do BRASIL de onde partem as críticas mais pesadas em relação à postura do piloto antes de iniciar a viagem. E ela pede para que os comentários sobre a culpa do acidente sejam cessados.
“Minha gente, este pobre homem também morreu, não saiu ileso, não sobreviveu para voltar para sua casa ou simplesmente nos contar a sua versão sobre o fato ocorrido. Por gue magoar tanto a sua família com comentários desnecessários e dolorosos? Este piloto tem o meu respeito”, completou a comissária.



Nenhum comentário: